Base de dados : LILACS
Pesquisa : C25.723.380 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 30 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 30 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Texto completo
Id: lil-584505
Autor: González Martínez, Farith; Carmona Arango, Luis; Díaz Caballero, Antonio.
Título: Percepción de ingesta de flúor a través del cepillado dental en niños colombianos / Perception of fluoride ingestion by dental brushing in Colombian children
Fonte: Rev. cuba. estomatol;47(3):266-275, jul.-sep. 2010.
Idioma: es.
Resumo: Objetivo: describir la percepción de los padres sobre la ingesta de flúor a través del cepillado dental en los niños residentes en la ciudad de Cartagena de Indias, Colombia. Métodos: el universo del estudio lo constituyeron todos los padres residentes en la ciudad de Cartagena de Indias, con hijos en edades entre uno y cinco años. La muestra estuvo integrada por 420 individuos. Se utilizó un cuestionario estructurado, diligenciado por los participantes, con el cual se midieron tópicos relacionados con el uso de las cremas dentales a través del cepillado. Además se tuvieron en cuenta la edad, el género y el estrato socioeconómico. Los datos fueron analizados a través de pruebas de frecuencia; se asumieron intervalos de confianza al 95 por ciento. Para encontrar significación estadística se utilizó la prueba de X². Resultados: el 88,0 por ciento de los padres encuestados refiere usar el cepillado con crema dental. La edad promedio de cepillado es de 2,3 años (DE= 1,6). El 46 por ciento se cepilla dos veces al día; el tipo de crema dental más usada es la de adultos. La mayoría de los encuestados afirma que los niños han ingerido la pasta durante el cepillado. Con respecto al análisis bivariado, se encontraron diferencias entre el cepillado con crema dental y la edad (p= 0,0001), y con el estrato (p= 0,04). Además, el tipo de crema dental con la edad, (p= 0,0001) y la cantidad de pasta utilizada con la edad (p= 0,0001) y el estrato (p= 0,01). Conclusión: se perciben hábitos poco favorables, asociados al cepillado con pasta dental, los cuales pueden ser responsables de la ingestión de cantidades de flúor consideradas nocivas para la salud(AU)

Objective: To describe the parents perception on the fluoride ingestion with the use of dental brushing in the children residents in the city of Cartagena de Indias. Methods: Study universe included al parents residents in the city above mentioned whose children were aged 1-5. Sample included 420 subjects. A structural questionnaire was used headed by the participants allowing measurement of clichés related to the use of toothpastes ans brushes. Also, the gender and the socioeconomic status were took into account. Data were analyzed by frequency tests with 95 percent CI. For statistical significance we used the X2. Results: The 88 percent of parents polled refers on the use of toothpaste brushing. Mean age of brushing is of 2.3 years (SD= 1.6). The 46 percent use toothbrush twice a day, the more used toothpaste is that of adult persons. Most of polled confirms that children has ingested the toothpaste during brushing. Regarding the bivariant analysis there were differences between he brushing with toothpaste and the age (p= 0.0001) and with stratus (p= 0.04). Also, the type of toothpaste with age (p= 0.0001) and the quantity of toothpaste used according to age (p= 0.0001) and the stratum (p= 0.01). Conclusions: On note not much favourable associated with toothpaste brushing, which may account for ingestion of significant amounts of fluoride harmful for health(AU)
Descritores: Escovação Dentária/métodos
Cremes Dentais/administração & dosagem
Intoxicação por Flúor/etiologia
-Inquéritos de Saúde Bucal/métodos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  2 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Buzalaf, Marilia Afonso Rabelo
Texto completo
Id: biblio-958511
Autor: Rigo, Lilian; Cericato, Graziela Oro; Sabadin, Clarice Sagin; Solda, Caroline; Mário, Débora Nunes; Buzalaf, Marília Afonso Rabelo.
Título: Unhas das mãos como biomarcador para fluorose dentária / Fingernails as a biomarker for dental fluorosis
Fonte: Rev. bras. crescimento desenvolv. hum;28(1):82-88, Jan.-Mar. 2018. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Biomarkers indicate levels of a particular chemical agent in the environment studied, which may be useful for monitoring health status, and nails may be major indicators of fluoride. OBJECTIVE: To evaluate fluoride concentration in the fingernails of children as a biomarker for fluoride exposure. METHODS: Twenty students were selected, aged 4-5 years old. Their nails were cut at 15 and 45 days (two collections), and the fluoride concentration in the nails was analyzed with the ion-specific electrode (Orion 9409) after rapid diffusion with HDMS. RESULTS: The total fluoride mean of the samples was 3.68 μg F/g (sd 1.44), ranging from 1.39 μg F/g to 7.81 μg F/g. Eleven children (55%) brush their teeth three times a day, but only three children (15%) swallow toothpaste. CONCLUSION: There is a high prevalence of fluoride exposure in the fingernails of the children studied, presenting risk of developing dental fluorosis in permanent teeth.

INTRODUÇÃO: Os biomarcadores indicam níveis de determinado agente químico no meio estudado, os quais podem ser úteis ao monitoramento do estado de saúde, podendo as unhas serem importantes indicadores de flúor. OBJETIVO: Avaliar a concentração de flúor nas unhas das mãos de crianças como biomarcador de exposição ao flúo.r MÉTODO: Foram selecionadas 20 escolares, com idade entre 4 e 5 anos. As unhas foram cortadas aos 15 e 45 dias (duas coletas) e a concentração de flúor nas unhas foi analisada com o eletrodo íon específica (Orion 9409), após difusão facilitada por HDMS RESULTADOS: A média total de flúor das amostras foi de 3,68 µg F/g (dp 1,44), variando de 1,39 µg F/g a 7,81 µg F/g. Onze crianças (55%) escovam os dentes três vezes por dia, porém, somente três crianças (15%), engolem dentifrício. CONCLUSÃO: Há uma alta prevalência de exposição ao flúor nas unhas das mãos das crianças investigada com risco de desenvolver fluorose dentária nos dentes permanentes.
Descritores: Biomarcadores
Exposição a Produtos Químicos
Intoxicação por Flúor
Flúor
Fluorose Dentária
Unhas
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  3 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Moimaz, Suzely Adas Saliba
Texto completo
Id: biblio-897691
Autor: Garbin, Cléa Adas Saliba; Santos, Luis Felipe Pupim dos; Garbin, Artênio José Isper; Moimaz, Suzely Adas Saliba; Saliba, Orlando.
Título: Fluoretação da água de abastecimento público: abordagem bioética, legal e política / Fluoridation of public water supply: bioethical, legal and political approach / La fluoración del agua de abastecimiento público: abordaje bioético, legal y político
Fonte: Rev. bioét. (Impr.);25(2):328-337, maio-ago. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo tem como objetivo analisar aspectos bioéticos e questões legais e políticas da fluoretação de águas de abastecimento público, criando discussões baseadas em estudos consagrados e em novas pesquisas, a fim de contribuir para abordagem imparcial do tema. Trata-se de revisão bibliográfica realizada após levantamento de literatura especializada sobre "fluoretação", "bioética" e "intoxicação por flúor". Foram selecionados estudos que possibilitaram discussão plural, relevantes para o debate do tema. A fluoretação das águas de abastecimento público é importante medida de saúde pública para prevenir a cárie dentária, tendo sua eficácia comprovada em vários estudos. Sua obrigatoriedade prevista por lei federal gera dilemas bioéticos, pois exclui a possibilidade de escolha individual de consumir ou não água fluoretada. Não parece haver saída para esse dilema moral, mesmo se a medida fosse livre de qualquer risco, pois ainda assim violaria o princípio da autonomia.

Abstract This article aims to analyze the bioethical aspects and legal and political issues of water fluoridation, creating a discussion based on established studies and new research, in order to contribute to an ethical and impartial perspective on the subject. A bibliographic review study was performed, based on a survey of specialized literature on "fluoridation", "bioethics" and "fluoride poisoning". Water fluoridation is an important public health measure for the prevention of dental caries, and its efficacy has been demonstrated in several studies. As it is mandatory under Brazilian law, bioethical dilemmas arise due to the absence of individual choice on whether to consume or not consume fluoridated water. There appears to be no solution to this moral dilemma, as even if the measure were free from any risk, its compulsory application would still violate the principle of autonomy.

Resumen El objetivo de este artículo es analizar los aspectos bioéticos y asuntos legales y políticos de la fluoración del agua de abastecimiento público, al crear discusiones en base a estudios consagrados y a nuevas investigaciones, con el fin de contribuir con un enfoque imparcial del tema. Se trata de la revisión bibliográfica realizada después de estudiar la literatura especializada sobre la "fluoración", "bioética" e " intoxicación por flúor". Se seleccionaron los estudios que permitieron la discusión plural, lo cual fue relevante para el debate del tema. La fluoración de agua de abastecimiento público es una medida de salud pública importante para prevenir la caries dental y su efectividad se comprobó en varios estudios. Su obligatoriedad prevista por la Ley Federal genera dilemas bioéticos, ya que elimina la posibilidad de la elección individual de consumir o no el agua fluorada. No parece haber una salida para este dilema moral, incluso si la medida estuviese libre de cualquier riesgo, ya que aun así estaría violando el principio de autonomía.
Descritores: Abastecimento de Água
Bioética
Fluoretação
Intoxicação por Flúor
-Cárie Dentária/prevenção & controle
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  4 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870120
Autor: Chiba, Fernando Yamamoto.
Título: Avaliação da via inibitória do sinal insulínico em ratos tratados cronicamente com fluoreto de sódio / Evaluation of the insulin signal inhibitory pathway in rats chronically treated with sodium fluoride.
Fonte: Araçatuba; s.n; 2013. 108 p. tab, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Nos últimos anos, tem havido uma redução acentuada nos índices de cárie dentária em diversas regiões do mundo, fato que tem sido atribuído ao uso de produtos fluoretados, como o dentifrício. Simultaneamente, nota-se a ocorrência do aumento da prevalência de fluorose dentária. O NaF ocasiona inibição da glicólise, diminuição da secreção de insulina e hiperglicemia. Muitas destas respostas sugerem que o NaF pode ocasionar resistência à insulina. Sabendo-se que o fluoreto pode alterar o metabolismo de carboidratos, tornou-se fundamental caracterizar o efeito do NaF sobre: 1) o grau de fosforilação em serina do IRS-1, em tecidos responsivos à insulina; 2) concentração plasmática de colesterol, triglicérides e TNF-α. Para tanto, foram utilizados ratos Wistar (1 mês de idade) castrados. Após 30 dias da castração, os animais foram divididos aleatoriamente em dois grupos: 1) grupo controle (CN), o qual foi submetido ao tratamento sem NaF, mas com uma solução de NaCl (9,54 mg/kg p.c.) que contém a mesma quantidade de sódio em relação à do grupo fluoreto de sódio; 2) grupo NaF (FN) que foi submetido ao tratamento com NaF (4,0 mg de flúor/kg p.c.) na água de beber e na ração durante 42 dias. Após 6 semanas, foi realizada a avaliação da concentração plasmática de TNF-α e a quantificação do grau de fosforilação em serina de IRS-1, após estímulo insulínico, em tecido muscular gastrocnêmio (G), tecido hepático (TH) e em tecido adiposo branco periepididimal (TAB). Também foi realizada a avaliação da concentração plasmática de colesterol e triglicérides. O tratamento crônico com NaF promoveu: 1) aumento significativo, após estímulo insulínico, no grau de fosforilação em serina do substrato do receptor de insulina (IRS-1) no tecido adiposo branco; 2) nenhuma alteração, após estímulo insulínico, no grau de fosforilação em serina do substrato do receptor de insulina (IRS-1) nos tecidos muscular e hepático; 3) aumento na concentração plasmática de TNF-α, triglicérides, colesterol...

Over the last years, there has been a significant reduction in the incidence of dental caries in several regions of the world. This has been attributed to the use of fluoridated products, such as toothpaste. Simultaneously, there has been an increase in the prevalence of dental fluorosis. NaF causes glycolysis inhibition, decrease on insulin secretion and hyperglycemia. These responses suggest that NaF can cause insulin resistance. Knowing that F can interfere with carbohydrate metabolism, we felt it was important and fundamental to undertake a study to examine the chronic effect of NaF on: 1) IRS-1 serine phosphorylation in insulin responsive tissues; 2) plasmatic concentration of cholesterol, triglycerides and TNF alpha. For this study, castrated Wistar male rats (1 month of age) were used. Thirty days after castration, the animals were randomly divided in two groups: 1) control group (CN) which was subjected to treatment without NaF, but with a solution of NaCl (9.54 mg / kg bw) which contains the same amount of sodium in relation to the group NaF; 2) group NaF (FN) that was submitted to treatment with NaF administered in the drinking water and F contained in food pellets (F total inferred: 4.0 mg F / Kg bw / day in the form of NaF) during 42 days. After 6 weeks, the evaluation of plasmatic concentration of TNF-α and quantification of IRS-1 serine phosphorylation status after insulin stimulus in muscle, liver and white adipose tissue were performed. The plasmatic concentration of cholesterol and triglycerides also were evaluated. The chronic treatment with NaF promoted: 1) increase in the IRS-1 serine phosphorylation status after insulin stimulus in the white adipose tissue; 2) no alteration in the IRS-1 serine phosphorylation status after insulin stimulus in the liver and muscle; 3) increase in the plasmatic concentration of TNF-α, triglycerides, total cholesterol and VLDL-cholesterol; 4) no alteration in the plasmatic concentration of HDL cholesterol..
Descritores: Diabetes Mellitus
Intoxicação por Flúor
Flúor
Insulina
Proteínas Substratos do Receptor de Insulina
-Ratos Wistar
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  5 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-866914
Autor: Chiba, Fernando Yamamoto.
Título: Avaliação da via inibitória do sinal insulínico em ratos tratados cronicamente com fluoreto de sódio / Evaluation of the insulin signal inhibitory pathway in rats chronically treated with sodium fluoride.
Fonte: Araçatuba; s.n; 2013. 108 p. tab, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Nos últimos anos, tem havido uma redução acentuada nos índices de cárie dentária em diversas regiões do mundo, fato que tem sido atribuído ao uso de produtos fluoretados, como o dentifrício. Simultaneamente, nota-se a ocorrência do aumento da prevalência de fluorose dentária. O NaF ocasiona inibição da glicólise, diminuição da secreção de insulina e hiperglicemia. Muitas destas respostas sugerem que o NaF pode ocasionar resistência à insulina. Sabendo-se que o fluoreto pode alterar o metabolismo de carboidratos, tornou-se fundamental caracterizar o efeito do NaF sobre: 1) o grau de fosforilação em serina do IRS-1, em tecidos responsivos à insulina; 2) concentração plasmática de colesterol, triglicérides e TNF-α. Para tanto, foram utilizados ratos Wistar (1 mês de idade) castrados. Após 30 dias da castração, os animais foram divididos aleatoriamente em dois grupos: 1) grupo controle (CN), o qual foi submetido ao tratamento sem NaF, mas com uma solução de NaCl (9,54 mg/kg p.c.) que contém a mesma quantidade de sódio em relação à do grupo fluoreto de sódio; 2) grupo NaF (FN) que foi submetido ao tratamento com NaF (4,0 mg de flúor/kg p.c.) na água de beber e na ração durante 42 dias. Após 6 semanas, foi realizada a avaliação da concentração plasmática de TNF-α e a quantificação do grau de fosforilação em serina de IRS-1, após estímulo insulínico, em tecido muscular gastrocnêmio (G), tecido hepático (TH) e em tecido adiposo branco periepididimal (TAB). Também foi realizada a avaliação da concentração plasmática de colesterol e triglicérides. O tratamento crônico com NaF promoveu: 1) aumento significativo, após estímulo insulínico, no grau de fosforilação em serina do substrato do receptor de insulina (IRS-1) no tecido adiposo branco; 2) nenhuma alteração, após estímulo insulínico, no grau de fosforilação em serina do substrato do receptor de insulina (IRS-1) nos tecidos muscular e hepático; 3) aumento na concentração plasmática de TNF-α, triglicérides, colesterol...

Over the last years, there has been a significant reduction in the incidence of dental caries in several regions of the world. This has been attributed to the use of fluoridated products, such as toothpaste. Simultaneously, there has been an increase in the prevalence of dental fluorosis. NaF causes glycolysis inhibition, decrease on insulin secretion and hyperglycemia. These responses suggest that NaF can cause insulin resistance. Knowing that F can interfere with carbohydrate metabolism, we felt it was important and fundamental to undertake a study to examine the chronic effect of NaF on: 1) IRS-1 serine phosphorylation in insulin responsive tissues; 2) plasmatic concentration of cholesterol, triglycerides and TNF alpha. For this study, castrated Wistar male rats (1 month of age) were used. Thirty days after castration, the animals were randomly divided in two groups: 1) control group (CN) which was subjected to treatment without NaF, but with a solution of NaCl (9.54 mg / kg bw) which contains the same amount of sodium in relation to the group NaF; 2) group NaF (FN) that was submitted to treatment with NaF administered in the drinking water and F contained in food pellets (F total inferred: 4.0 mg F / Kg bw / day in the form of NaF) during 42 days. After 6 weeks, the evaluation of plasmatic concentration of TNF-α and quantification of IRS-1 serine phosphorylation status after insulin stimulus in muscle, liver and white adipose tissue were performed. The plasmatic concentration of cholesterol and triglycerides also were evaluated. The chronic treatment with NaF promoted: 1) increase in the IRS-1 serine phosphorylation status after insulin stimulus in the white adipose tissue; 2) no alteration in the IRS-1 serine phosphorylation status after insulin stimulus in the liver and muscle; 3) increase in the plasmatic concentration of TNF-α, triglycerides, total cholesterol and VLDL-cholesterol; 4) no alteration in the plasmatic concentration of HDL cholesterol..
Descritores: Diabetes Mellitus
Intoxicação por Flúor
Flúor
Insulina
Proteínas Substratos do Receptor de Insulina
-Ratos Wistar
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  6 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-606656
Autor: Nogueira, Vivian Assunção; Peixoto, Tiago Cunha; França, Ticiana Nascimento; Caldas, Saulo Andrade; Peixoto, Paulo Vargas.
Título: Intoxicação por monofluoroacetato em animais / Monofluoroacetate poisoning in animals
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;31(10):823-838, out. 2011. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O monofluoroacetato (MF) ou ácido monofluoroacético é utilizado na Austrália e Nova Zelândia no controle populacional de mamíferos nativos ou exóticos. O uso desse composto é proibido no Brasil, devido ao risco de intoxicação de seres humanos e de animais, uma vez que a substância permanece estável por décadas. No Brasil casos recentes de intoxicação criminosa ou acidental têm sido registrados. MF foi identificado em diversas plantas tóxicas, cuja ingestão determina "morte súbita"; de bovinos na África do Sul, Austrália e no Brasil. O modo de ação dessa substância baseia-se na formação do fluorocitrato, seu metabólito ativo, que bloqueia competitivamente a aconitase e o ciclo de Krebs, o que reduz produção de ATP. As espécies animais têm sido classificadas nas quatro Categorias em função do efeito provocado por MF: (I) no coração, (II) no sistema nervoso central (III) sobre o coração e sistema nervoso central ou (IV) com sintomatologia atípica. Neste trabalho, apresenta-se uma revisão crítica atualizada sobre essa substância. O diagnóstico da intoxicação por MF é realizado pelo histórico de ingestão do tóxico, pelos achados clínicos e confirmado por exame toxicológico. Uma forma peculiar de degeneração hidrópico-vacuolar das células epiteliais dos túbulos uriníferos contorcidos distais tem sido considerada como característica dessa intoxicação em algumas espécies. O tratamento da intoxicação por MF é um desafio, pois ainda não se conhece um agente capaz de reverte-la de maneira eficaz; o desfecho geralmente é fatal.

Monofluoroacetate (MF) or monofluoroacetic acid is used in Australia and New Zealand for control of native or exotic mammals. The compounds are prohibited in Brazil, as they remain stable for decades and as risk for poisoning of animals and men exists. Cases of criminal and accidental poisonings have been reported in the country. MF was identified in several poisonous plants, the ingestion of which causes "sudden death"; in cattle in South Africa, Australia and Brazil. The poisoning leads in the Krebs cycle to the formation of fluorocitrate, its active metabolite, what competitively blocks aconitase in the cycle, with decrease in the production of ATP. Animal species have been classified into four categories regarding the effects caused by MF: (I) on heart, (II) heart and central nervous system, (III) central nertvous system or (IV) with atypical symptoms. In this paper, we present an updated critical review on MF poisoning. The diagnosis is made through the history of ingestion of the poison, by clinical findings and confirmation through toxicological examination. Vacuolarhydropic degeneration of the epithelial cells of the distal convoluted kidney tubules has been considered as characteristic of the poisoning in animal species. The treatment of MF poisoning is a challenge, since there is still not known any agent that effectively can reverse the poisoning, which generally is fatal.
Descritores: Intoxicação por Flúor/veterinária
Morte Súbita/veterinária
Patologia Veterinária
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  7 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-573781
Autor: Peixoto, Tiago C; Nogueira, Vivian A; Coelho, Cleide D; Veiga, Cristiano C. P; Peixoto, Paulo V; Brito, Marilene F.
Título: Avaliações clínico-patológicas e laboratoriais da intoxicação experimental por monofluoroacetato de sódio em ovinos / Clinic-pathological and laboratory aspects of experimental poisoning by sodium monofluoroacetate in sheep
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;30(12):1021-1030, dez. 2010. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi verificar se a administração de doses únicas e de frações diárias da dose letal de monofluoroacetato de sódio (MF) a ovinos induzem a clássica degeneração hidrópico-vacuolar (DHV) dos túbulos uriníferos contornados distais observada no rim de bovinos intoxicados por plantas brasileiras que causam "morte súbita" (PBCMS). MF foi administrado, por via oral, em doses únicas de 0,5 e 1,0mg/kg, cada dose para dois ovinos, e em doses subletais repetidas diariamente de 0,1mg/kg/dia, por quatro dias, e 0,2mg/kg/dia por seis dias, cada dose para um ovino. Todos os ovinos que receberam MF morreram, exceto um que recebeu 0,5mg/kg e não mostrou sintomas. A evolução da intoxicação variou de 3min a 33h5min. Clinicamente os animais apresentaram taquicardia, respiração abdominal, tremores musculares, ligeira perda de equilíbrio, por vezes cambaleavam, deitavam e apoiavam a cabeça no flanco. Na fase final, os ovinos caíam em decúbito lateral, esticavam os membros, faziam movimentos de pedalagem, apresentavam opistótono e morriam. O exame ecocardiográfico evidenciou dilatação cardíaca e redução da fração de encurtamento sistólico. A análise dos níveis séricos de uréia e creatinina revelou moderada a acentuada azotemia. MF provocou "morte súbita" em todos os ovinos que mostraram sintomas. À necropsia verificaram-se aurículas e veias jugulares, cavas, ázigos e pulmonares moderadamente ingurgitadas e, em alguns animais, edema pulmonar. O exame histopatológico revelou, em todos os ovinos, leve a acentuada DHV das células epiteliais dos túbulos contornados distais, associada à picnose nuclear. Adicionalmente, verificaram-se discreta vacuolização e, por vezes, necrose de coagulação de hepatócitos. Não encontramos referências a esse tipo peculiar de lesão, exceto das descrições sobre lesões renais associadas à ingestão de PBCMS e de recentes estudos em bovinos intoxicados com MF. Este trabalho demonstra, em ovinos, que tanto doses letais únicas quanto subdoses diárias de MF induzem a DHV dos túbulos uriníferos contornados distais associada à picnose nuclear.

The objective of this study was to verify if the ingestion of single doses of sodium monofluoroacetate (MF) and daily fractions of 1/2.5 and 1/5 of the lethal dose causes the same lesion as the one observed in the kidney of cattle poisoned by Brazilian sudden death causing plants (BSDCP). MF was administered orally in single doses of 0.5 and 1.0mg/kg to four sheep, and repeated daily doses of 0.1 and 0.2mg/kg to two others. Death occurred in five of six animals. The course of poisoning lasted from 3min to 33h5min. Clinically the animals presented palpitation, abdominal breathing, slight balance loss with sometimes swaying gait, they laid down and placed the head on their flank. In the "dramatic phase", all the sheep fell into lateral decubitus, stretched out the legs, made peddling movements, presented opistotonus, and died. The electrocardiographical examination showed heart dilatation and reduction of the systolic shortening fraction. Laboratory hematological exams revealed increased urea and creatinine. MF caused the clinical and pathological symptoms of "sudden death". At postmortem examination, heart auricles and jugular, cava, azygos and pulmonary veins of all animals were moderately engorged, and in some sheep, pulmonary edema was observed. Histopathology revealed hydropic-vacuolar degeneration (HVD) of the epithelial cells of the distal convoluted kidney tubules associated with nuclear picnosis in all the sheep. Vacuolation and less often necrosis of liver cells was seen in some cases. No references to that peculiar type of lesion could be found in the literature, except the description of kidney lesions in animals associated with the ingestion of BSDCP, and recent studies of MF poisoning in cattle. The present study demonstrated in sheep that single lethal doses or repeated doses of fractions of the lethal dose of MF causes HVD of the distal convoluted kidney tubules, associated with nuclear picnosis.
Descritores: Intoxicação por Flúor/mortalidade
Intoxicação por Flúor/patologia
Intoxicação por Flúor/veterinária
Túbulos Renais Distais
Túbulos Renais Distais/patologia
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-544222
Autor: Pithon, Matheus Melo; Santos, Rogério Lacerda dos; Fernandes, Alline Birra Nolasco; Oberosler, Edna Lúcia Couto; Vaitsman, Delmo Santiago.
Título: Liberação de flúor de alginatos ortodônticos: estudo in vitro / Fluoride release of orthodontics alginate: study in vitro
Fonte: Ortho Sci., Orthod. sci. pract;2(6):567-570, 2009. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O propósito do presente trabalho foi avaliar a liberação de flúor de alginatos de uso ortodôntico. Foram avaliadas quatro marcas de alginatos divididos em cinco grupos: Jeltrate, Jeltrate Chromatic Ortho, Cavex Orthotrace e Orthoprint. Os alginatos foram manipulados seguindo as orientações dos fabricantes. Após isso, seguiu-se a confecção dos corpos de prova utilizando moldes de silicone nas dimensões de 4 mm de diâmetro e 4mm de altura. Após geleificação, os corpos de prova foram removidos dos moldes e inseridos em recipiente com 10 ml de água milliQ, por 2 min. A liberação de flúor foi medida, através de eletrodo íon seletivo conectado a um analisador de íons. O Jeltrate foi o material que menos liberou flúor e o Orthoprint o que mais liberou, esses grupos foram estatisticamente diferentes dos demais (P<0.05). Todos os moldes de alginatos liberaram flúor durante o ato de moldagem. O alginato da marca Orthoprint liberou uma quantidade muito alta de flúor.
Descritores: Materiais para Moldagem Odontológica
Materiais Dentários
Intoxicação por Flúor
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação


  9 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-532700
Autor: Alves, Nilton César; Orenha, Eliel Soares; Dias, Myrna Carvalho; Pelli, Marília Pachione Sampaio; Reche, Norma Sueli Gonçalves.
Título: Concentração de Flúor na água: legislação e risco de fluorose em escolares de Marília, SP / Fluorine concentration in drinkin water: legislation and fluorosis risk in scholl children from Marília, SP
Fonte: Rev. paul. odontol;30(3):7-10, out.-dez. 2008. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução - Como parte do método de controle e avaliação do programa de prevenção e promoção de saúde bucal realizada pela UNIMAR nas Escolas Municipais de Ensino infantil (EMEI) de Marília, SP, foi proposto a averiguação do teor de flúor na água, comparando os resultados com os parâmetros estabelecidos pela legislação e avaliar se estas concentrações poderiam resultar em risco de fluorose aos escolares. Material e métodos - Foram coletados amostras de água em escolas da rede pública em dois períodos distintos. O método utilizado foi o eletrodo específico Orion 94-09 e o eletrodo de referência Orion 90-01, previamente calibrados com soluções padrões de flúor. Resultados - As concentrações de flúor encontradas na primeira análise demostraram uma variação de 0,28 a 0,83ppm, cujo valor médio é de 0,44ppm e, na segunda análise os valores variaram de 0,68 a 0,77ppm para água coletada no cavalete, cujo valor médio foi de 0,72ppm...
Descritores: Intoxicação por Flúor
Flúor
Fluorose Dentária
Educação em Saúde Bucal
Limites: Criança
Responsável: BR310.1 - Biblioteca Professor Guilherme Simões Gomes


  10 / 30 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Moimaz, Suzely Adas Saliba
Id: lil-532691
Autor: Martins, Ronald Jefferson; Garbin, Cléa Adas Saliba; Garbin, Artênio José Ísper; Moimaz, Suzely Adas Saliba.
Título: Alerta aos consumidores, a concentração de flúor descrita no rótulo das águas minerais protege contra as cáries? / Alerts the consumers, done the fluoride concentration describe in the label of the mineral water protects against the caries?
Fonte: Rev. paul. odontol;28(2):20-22, abr.-jun. 2006. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução - Objetivou-se neste trabalho verificar, baseada nas informações contidas nos rótulos das embalagens, a concentração de flúor das águas minerais comercializadas na cidade de Araçatuba, SP e região. Material e métodos - Analisaram-se as informações referentes ao flúor contidas nos rótulos das embalagens de águas minerais comercializadas na cidade de Araçatuba, SP e região. Resultados - Verificou-se que das 59 marcas comercializadas, 44 indicavam no rótulo conter flúor na sua composição, contudo 38 informavam concentrações insuficientes para obter seu efeito cariostático...
Descritores: Ingestão de Líquidos
Intoxicação por Flúor
Flúor
Responsável: BR310.1 - Biblioteca Professor Guilherme Simões Gomes



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde