Base de dados : LILACS
Pesquisa : D01.268.271.100.950 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 24 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 24 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1160829
Autor: Cabrini, Romulo L.
Título: Industria nuclear y medio ambiente / Nuclear industry and environment
Fonte: Bol. Acad. Nac. Med. B.Aires;(supl):149-55, jul. 1992.
Idioma: es.
Conferência: Apresentado em: Simposio Ambiente y Salud para el siglo XXI, 10, Buenos Aires, 14-16 abr. 1993.
Descritores: Absorção Cutânea
Efeitos da Radiação
Meio Ambiente
Radiação Ionizante
Radioisótopos
Urânio
Limites: Humanos
Responsável: AR1.1 - Biblioteca Rafael Herrera Vegas


  2 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1146520
Autor: Patil, Aditya Dilipkumar; Patil, Charusheela Dilipkumar; Patil, Dilipkumar Kondiba.
Título: Evaluation of antihyperglycemic potential of homeopathic medicines Insulinum, Pancreatinum and Uranium nitricum in Streptozotocin Induced diabetic rats
Fonte: Int. j. high dilution res;19(3):2-17, 2020.
Idioma: en.
Resumo: IntroductionDiabetes Mellitusis an emerging endocrine and metabolic disorder which has affected millions of people globally. Homeopathic system of medicine uses ultra-molecular doses for treatment of Diabetes Mellitus. Homeopathic medicines are prepared from plant, mineral, sarcodes,nosodes and animal parts. Insulinum 6 CH, Pancreatinum 6CH and Uranium nitricum 6 CHareused in homeopathy for treatment of Diabetes Mellitus. However,no preclinical studies have been investigated for the anti-diabetic effect and its safety.MethodsHomeopathic medicines Insulinum 6CH, Pancreatinum 6CHandUranium nitricum6CH(1012)dilution factor were used to examine antihyperglycemic effects in streptozotocin induced diabetic rats. After 28 daysoftreatment,bodyweight, Hematology, Biochemistry (serum glucose, urea, creatinine, SGPT, SGOT, ALP, Triglyceride and HDL-cholesterol), Oral Glucose Tolerance Test, HbA1C with histopathologyof (Liver, Kidney, Pancreas) weremeasured.ResultsAfter Streptozotocin induction, the animals have shown significant increase in the fasting blood glucose level (p<0.01) as compared to normal control animals. Treatment with homeopathic medicine Insulinum 6CH, Pancreatinum 6CHandUranium nitricum6CHpotency showed significant decrease in levels of Glucose (p<0.05), OGTT, Total protein (P<0.001), ALP (P<0.05), Cholesterol (P<0.001), SGPT (P<0.001), SGOT (p<0.01), Urea, HbA1C as compared to diabetic animal.ConclusionsIn the present study homeopathic medicine Insulinum 6CH, Pancreatinum 6CH andUranium nitricum6CHpotency exhibitantihyperglycemic effects in streptozotocin induced diabetic rats.(AU)
Descritores: Insulinum/uso terapêutico
Pancreatinum/uso terapêutico
Sarcódios
Urânio/uso terapêutico
Estreptozocina
Diabetes Mellitus/terapia
Homeopatia
Hipoglicemiantes
Responsável: BR926.1 - Biblioteca Artur de Almeida Rezende Filho


  3 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1102499
Autor: Paula, Bruno Lucas Saliba de.
Título: A mineração de urânio em questão: análise da comunicação pública das Indústrias Nucleares do Brasil (INB) em Caetité, Bahia / Questioning uranium mining: an analysis of the public communication stated by Indústrias Nucleares do Brasil (INB) in Caetité, Bahia / La minería de uranio en cuestión: un análisis de la comunicación pública transmitida por la INB (Indústrias Nucleares do Brasil) en Caetité, Bahia
Fonte: RECIIS (Online);14(2):329-341, abr.-jun. 2020.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste artigo é discutir, através de análise de conteúdo, as estratégias de comunicação pública adotadas pelas Indústrias Nucleares do Brasil no 'Espaço INB', um centro de informações localizado na cidade baiana de Caetité, onde a empresa realiza a mineração e o beneficiamento de urânio. Desde que foram iniciadas, essas atividades levantaram inúmeras suspeitas de danos ambientais e problemas de saúde pública. Diante disso, buscamos compreender como a INB se posiciona diante dessas suspeitas e se relaciona com as populações atingidas por suas atividades. De acordo com nosso argumento, ao adotar uma postura que denominamos tecnoentusiasta e tecnocrática, a empresa dificulta um debate público aberto e descentralizado sobre as controvérsias em torno da mineração de urânio

This article aims to use the content analysis to discuss the public communication stated by the 'Espaço INB', an information center managed by Indústrias Nucleares do Brasil located in the city of Caetité ­ BA, where the company mines and processes uranium. Since INB started its activities in Caetité, several suspicions of environmental damage and public health problems emerged. Thus, we analyze how INB responds to these suspicions and relates to the populations affected by its activities. We argue that INB adopts an attitude that we call techno-enthusiastic and technocratic, hindering an open public and decentralized debate about the controversies surrounding uranium mining.

El objetivo de este artículo es discutir, a través del análisis de contenido, la comunicación pública transmitida por el 'Espaço INB', un centro de información administrado por Indústrias Nucleares do Brasil ubicado en la ciudad de Caetité/Bahia, donde la empresa hace la mínería y el procesamiento del uranio. Desde que comenzaron, estas actividades han generado numerosas sospechas de daños ambientales y problemas de salud pública. Por eso, analizamos como el INB contesta estas sospechas y se relaciona con las poblaciones afectadas por sus actividades. Argumentamos que el INB adopta una actitud que llamamos tecno-entusiasta y tecnocrática, lo que dificulta un debate público abierto y descentralizado sobre las controversias respecto a la minería de uranio.
Descritores: Saúde do Trabalhador
Urânio
Ciência, Tecnologia e Sociedade
Mineração
Energia Nuclear
-Saúde Ambiental
Liberação Nociva de Radioativos
Riscos Ambientais
Pesquisa Qualitativa
Comunicação e Divulgação Científica
Comunicação Ambiental
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  4 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-126880
Autor: Gordon, Ana Maria Pinho Leite; Jacomino, Vanusa Maria Feliciano.
Título: Estimativa da dose de radiaçäo nos indivíduos do público em virtude da eventual liberaçäo de urânio em águas subterrânea / Estimative of radiation dose in general public due to eventual uranium liberation in underground waters.
Fonte: Säo Paulo; s.n; dez. 1989. 29 p. tab, ilus. (Publicaçäo IPEN, 283).
Idioma: pt.
Resumo: Algumas instalaçöes do IPEN-CNEN/SP geram efluentes líquidos contendo urânio. A Divisäo de Monitoraçäo Ambiental desta Instituiçäo analisa estes efluentes pelos métodos de fluorimetria ou espectrofotometria que, após autorizaçäo para descarga, säo eliminados no meio ambiente. No ano de 1988 foi eliminada uma atividade total 3,66 x 10**9 Bq de urânio num volume total de aproximadamente 30 m3. No presente trabalho foi feita a estimativa da dose equivalente efetiva nos indivíduos do público partindo-se de uma hipótese consertiva em que foi suposto que todo o efluente líquido contendo urânio gerado pelas instalaçöes do IPEN-CNEN/SP, após autorizaçäo para descarga, säo liberados diretamente no solo e daí para o lençol freático. O cálculo da dose foi feito utilizando-se um modelo genérico que descreve o transporte dos radionuclídeos em águas subterrâneas. Foi suposto que a via possível de contaminaçäo é a ingestäo de água por meio de poços hipotéticos existentes ao redor do IPEN. Foram usados valores restritivos dos parâmetros que caracterizam o aquífero local, tais como: dispersividade longitudinal e vertical, porosidade efetiva do solo, condutividade hidráulica, etc., de forma a se superestimar o resultado final da dose equivalente efetiva. O valor encontrado foi de 5,3 x 10**-10mSv/ano, menor que o limite de dose para indivíduos do público estipulado pelas Normas de Proteçäo Radiológica. A partir deste modelo determinou-se também o limite derivado de descarga, cujo valor encontrado foi 3,6 x 10**13 Bq/ano
Descritores: Urânio
Águas Residuárias/análise
Doses de Radiação
-Água Doce/análise
Monitoramento de Radiação
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/1443.00


  5 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Amaral, Ademir
Texto completo
Id: lil-233846
Autor: Amaral, Ademir; Galle, P; Cossonnet, C; Franck, D; Pihet, P; Stephan, O; Carrier, M.
Título: Análise de radioelementos, a níveis de traços, utilizando espectrometria de massa de íons secundários / Analysis of radioelements by levels of traits using mass spectrometry of secundary ions
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.516-516, graf.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: A espectrometria de massa de íons secundários (SIMS) permite a detecção rápida de elementos estáveis ou radioativos, bem como o cálculo de seu percentual isotópico. Ademais, essa técnica possibilita a localização de radioisótipos, à níveis de traços, em amostras biológicas. Neste trabalho procurou-se estudar a utilização dessa metodologia na detecção de urânio natural à baixa concentração. Estudos sobre a preparação de amostras e limites de detecção foram também realizados.
Descritores: Elementos Radioativos/análise
Urânio/metabolismo
Liberação Nociva de Radioativos
Espectrometria de Massa de Íon Secundário/métodos
-Filme para Raios X/estatística & dados numéricos
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.38


  6 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-233816
Autor: Cardoso, Joaquim Carlos S; Moraes, José Carlos T. B.
Título: Deposiçäo interna de urânio inalado, considerando-se um homem referência brasileiro / Internal deposition of ihnaled uranium considering a brasilian reference man
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.456-456, tab, graf.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: É apresentada uma avaliação da deposição interna de urânio inalado, considerando-se os parâmetros morfológicos e fisiológicos fornecidos na literatura para uma amostra da população brasileira, e uma comparação destes resultados com aqueles obtidos com os parâmetros da ICRP 66.
Descritores: Inalação/fisiologia
Urânio
-Espirometria/instrumentação
Brasil
Limites: Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.08


  7 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-782436
Autor: Silva, Renan Finamore Gomes da.
Título: Riscos, saúde e alternativas de produção de conhecimentos para a justiça ambiental: o caso da mineração de urânio em Caetité, BA / Risks, health and knowledge production alternatives for environmental justice: the case of uranium mining in Caetité, BA.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2015. 208 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: No município de Caetité, sertão baiano, situa-se a única mina de urânio em atividade no Brasil, operada desde 2000 pelas Indústrias Nucleares do Brasil (INB). Esta empresa tem sua atuação bastante questionada por comunidades locais e movimentos sociais da região, os quais alegam que a mesma omite informações sobre os riscos e impactos ambientais e à saúde relacionados ao empreendimento.Suspeitas de contaminação ambiental são reforçadas pelos acidentes ocorridos,sobretudo pelos episódios de vazamento de material radioativo para o ambiente. Portanto, verifica-se, em Caetité, um cenário de desinformação e incertezas quanto aos riscos e impactos potencialmente atribuídos as atividades de mineração e beneficiamento de urânio na região, que atingem, basicamente, trabalhadores da mina e comunidades rurais vizinhas. As abordagens técnico-científicas clássicas de investigação e produção de conhecimentos mostram-se limitadas para lidar com situações que envolvem riscos complexos, sobretudo em contextos de conflito e injustiças ambientais, como ocorre com a operação da mina de urânio em Caetité. Assim, diante do quadro apresentado, esta tese busca realizar uma reflexão crítica sobre a importância de estratégias alternativas de produção de conhecimentos, as quais valorizem e incorporem o saber situado dos sujeitos atingidos, a fim de possibilitar uma melhor compreensão, mais contextualizada, de riscos tecnológicos complexos e suas implicações para o ambiente e a saúde. Para tanto, são tomadas como referência experiências participativas e integradas de produção de conhecimentos acerca dos riscos e impactos verificados junto às atividades de mineração e beneficiamento de urânio em Caetité...

In the municipality of Caetité, semi-arid region of Bahia, it is located the only active uranium mine in Brazil, which is operated by the Brazilian Nuclear Industries (INB) since 2000. This company has its operations very questioned by local communities and social movements. They claim that INB omits information about environmental and health risks and impacts related to the mine's operation. Suspicions of environmental contamination are reinforced by accidents, mainly by past episodes of radioactive material leakages into the environment. So, in Caetité, it turns out ascenario of misinformation and uncertainty regarding the risks and impacts potentiallydue to the uranium mining and milling activities, which affect basically mineworkersand nearby rural communities. Classical technical and scientific approaches ofresearch and knowledge production appear limited to deal with situations that involvecomplex risks, especially in contexts of conflict and environmental injustices, just likethe case of Caetité's uranium mine operation. Thus, considering this setting, thisdissertation aims to make a critical reflection on the importance of alternativeknowledge production strategies, which value and incorporate the situatedknowledge of affected people in order to enable a better and contextualizedunderstanding of complex technological risks and its environmental and healthimplications. Therefore, it is taken as reference participatory and integratedknowledge production experiences about the risks and impacts related to uraniummining and milling in Caetité...
Descritores: Meio Ambiente
Riscos Ambientais
Conhecimento
Mineração
Justiça Social
Urânio/efeitos da radiação
-Contaminação Radioativa/efeitos adversos
Gestão Ambiental
Poluição Ambiental
Vigilância em Saúde do Trabalhador
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  8 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-560360
Autor: Fonseca, Antonio Sergio Almeida.
Título: Exposição crônica à radiação ionizante: realidade ou fantasia: a construção de um protocolo para avaliação / Chronic exposure to ionizing radiation: reality or fantasy: the construction of a protocol for assessing.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2009. xiii,152 p. ilus, mapas, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: A necessidade de monitorar populações expostas à radiação ionizante tem apresentado demanda crescente no Brasil. O presente trabalho tem por objetivo construir um instrumento de estudo que permita realizar a avaliação deste impacto. A metodologia usada foi o da construção do protocolo a partir da revisão sistemática da literatura com o descritor “radiação ionizante” nas bases de dados Medline e Lilacs, no período de 1998-2008, com filtros específicos. O universo foi de 57 artigos que foram avaliados pelo desenho epidemiológico, população alvo, país de publicação e relação com a radiação ionizante. Os resultados mostraram que 84,2% das publicações apresentam relação positiva com a radiação ionizante. A partir dos resultados conclui-se que os estudos epidemiológicos caso-controle, transversais e de coorte são fundamentais nessa avaliação. As populações expostas ambientalmente ou ocupacionalmente são indicadas para estudos, principalmente a população adulta. Câncer e aberrações cromossomiais são marcadores apropriados para essa avaliação e, por fim, esses resultados apontam para a construção do protocolo que contemple o diagnóstico do sistema de saúde local, avaliação da percepção de risco da população, monitoramento da concentração de urânio ambiental, avaliação dos padrões de morbi-mortalidade, biomarcadores de efeitos em populações com exposição aumentada e avaliação dos indivíduos com biomarcadores alterados.

There is a growing demand to monitor populations exposed to ionizing radiation in Brazil. This work aims to create a research tool to enable the impact assessment. The adopted methodology was the systematic research in the Medline and Lilacs database within the period from 1998 to 2008 for the “ionizing radiation” descriptor using specific filters. There were a total of 57 used articles that have been evaluated by the epidemiological characteristics, population, country of publication and relation to ionizing radiation. The results showed that 84.2% of the publications have positive relationship with the ionizing radiation. From the results it is concluded that epidemiological studies, case-control, cross-sectional and cohort are fundamental in the evaluation. Populations exposed occupationally or environmentally are suitable for studies, especially the adult population. Chromosome aberrations and cancer are appropriate markers for this assessment and, finally, the results point to the creation of a protocol that addresses the diagnosis of local health system, assessment of population's risk perception, monitoring of the environmental uranion concentration, evaluation of the morbi-mortality patterns, effect biomarkers in populations with increased exposure and evaluation of individuals with altered biomarkers.
Descritores: Exposição Ambiental
Meio Ambiente
EVALUATION
Neoplasias/induzido quimicamente
Urânio/toxicidade
-Anormalidades Congênitas
Saúde Ambiental
Vigilância da População
Radiação Ionizante
Contaminação Radioativa
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; R539.722, F676e


  9 / 24 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-527586
Autor: Melo, Letícia Rodrigues.
Título: Avaliação da incidência e mortalidade por câncer na população residente em região com anomalia geológica na ocorrência de urânio: estudo de caso: Monte Alegre, PA / Mortality and cancer incidence among residents in an area with a geological occurrence of uranium: the municipality of Monte Alegre, PA, Brazil.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2009. vii,59 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O município de Monte Alegre, PA apresenta níveis aumentados de radiação natural devido à presença de ocorrências uraníferas na região. Os objetivos dessa dissertação foram: realizar uma análise da evolução da mortalidade na população residente de Monte Alegre e compará-la com aquela observada nos municípios controles (Alenquer e Prainha); e determinar a ocorrência de neoplasia maligna no município de Monte Alegre a partir da avaliação do excesso de risco de mortalidade e das estimativas da incidência. A dissertação foi dividida em dois artigos, cada um atendendo a um dos objetivos. No primeiro foi avaliada a tendência temporal da mortalidade por todas as causas, causas mal definidas e neoplasias entre 1981 e 2005. Os dados utilizados foram os disponíveis no Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM). No segundo foram estimadas as Razões Padronizadas de Mortalidade (SMR), as razões de risco através da razão das SMRs de Monte Alegre e municípios controles e razões de chances de mortalidade por câncer (CMOR) para o município de Monte Alegre e controles no período de 1981 a 2005, utilizando a população do estado do Pará como referência. Para estimar a incidência de câncer foram realizadas três diferentes abordagens: a partir dos dados obtidos nos centros de diagnósticos para câncer que atendem a população da área de estudo; através dos dados de Autorização de Internação Hospitalar; e dados primários obtidos no inquérito populacional realizado na região em 2007/2008. Ao longo do período, observou-se um decréscimo da taxa padronizada de mortalidade geral em Monte Alegre por todas as causas assim como por causas mal definidas para ambos os sexos. Embora a tendência da mortalidade por neoplasias em Monte Alegre se apresente estável, a qualidade da base de dados de mortalidade não permite análises conclusivas da real situação deste grupo de causa de morte nos municípios analisados. Os valores de SMR para mortalidade por todas as causas, encontrados para Monte Alegre, foram similares aos dos municípios controles, apresentando redução estatisticamente significativa: SMRMA= 72,9, IC 95 por cento 70,5-75,3 e SMRMC=75,2, IC 95 por cento 76,2-77,3, respectivamente. Não se observou excesso de mortes por câncer em Monte Alegre e nos municípios controles, e a análise da mortalidade segundo sexo não revelou um excesso de risco estatisticamente significativo nas diferentes localizações tumorais. As diferentes abordagens para estimar a incidência de câncer em Monte Alegre apesar da precária qualidade dos dados não mostraram padrão distinto dos municípios controles. A inexistência de um registro de câncer de base populacional, no município de Monte Alegre, constitui-se em uma limitação importante para se conhecer a real incidência de câncer. No momento, pode-se afirmar que não há evidência científica que assegure um aumento das ocorrências de óbitos por neoplasias no município, sendo precipitado e especulativo concluir que a utilização das rochas de urânio estaria ocasionando um aumento na mortalidade por câncer na população de Monte Alegre.
Descritores: Mortalidade
Neoplasias/mortalidade
Exposição à Radiação
Urânio/efeitos da radiação
-Brasil
Incidência
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; R616.994, M528a


  10 / 24 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-455885
Autor: Marques, Adilson Lima; Geraldo, Luiz Paulo; Santos, Wlademir dos.
Título: Níveis de radioatividade natural decorrente do radônio no complexo rochoso da Serra de São Vicente, SP / Levels of natural radon-radioactivity in the São Vicente, SP, rock massif
Fonte: Radiol. bras;39(3):215-218, maio-jun. 2006. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Realizar monitoração passiva e integrada do radônio em várias amostras de águas, solos e locais fechados do complexo rochoso da Serra de São Vicente, SP, com o intuito de avaliar a distribuição de ocorrência deste gás radioativo naquele local. MATERIAIS E MÉTODOS: A técnica utilizada consistiu em expor detectores plásticos policarbonatos (SSNTD) do tipo Makrofol E, na geometria de copo fechado, ao radônio emanado das amostras de águas coletadas dos solos e ao acumulado em ambientes internos (residências e cavidades nas rochas) existentes no complexo rochoso de São Vicente. RESULTADOS: Os valores obtidos para os teores de radônio variaram entre 8,1 e 36 Bq/l para as fontes de água natural, entre 68 e 610 Bq/m³ nas residências, entre 0,41 e 3,46 kBq/m³nos solos e entre 0,72 e 5,85 kBq/m³ nas cavidades do Maciço de São Vicente. CONCLUSÃO: Para algumas residências e na maioria das fontes de água estudadas, os teores de radônio encontrados neste trabalho estiveram acima dos limites máximos propostos por organismos internacionais. Recomenda-se, portanto, que ações de intervenção sejam implementadas para a dissipação do radônio, tanto nessas residências como durante a coleta das águas para fins de consumo.

OBJECTIVE: The objective of this study was to perform a passive and time-integrated radon monitoring in several soil and water samples and indoor environments of the São Vicente, SP, rock massif with the purpose of evaluating the presence and distribution of that radioactive gas in this region. MATERIALS AND METHODS: The technique employed consisted of exposing Makrofol E-type polycarbonate plastic detectors (SSNTD), using the closed cup method, to radon emanated from ground water samples and to the gas accumulated inside indoor environments (dwellings) and inside rock cavities existing in the São Vicente rock massif. RESULTS: The radon concentration values obtained ranged from 8.1 to 36 Bq/l in natural ground waters; between 68 and 610 Bq/m³ in dwellings; from 0.41 to 3.46 kBq/m³ in soils and from 0.72 to 5.85 kBq/m³ inside rock cavities of the São Vicente rock massif. CONCLUSION: In some dwellings and in most of ground water samples, the radon concentration values found in this study have exceeded the maximum levels proposed by international agencies. Thus, intervention actions are recommended for radon dissipation in dwellings and during consumption water collection.
Descritores: Água/análise
Meio Ambiente
Radônio
Urânio
-Poluentes Radioativos do Ar
Radioatividade
Poluentes Radioativos do Solo
Poluição da Água
Responsável: BR734.1 - Biblioteca Central Cesar Lattes - BCCL



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde