Base de dados : LILACS
Pesquisa : D01.268.380.150 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 119 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 12 ir para página                         

  1 / 119 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-1124903
Autor: Roa, Ignacio; del Sol, Mariano.
Título: Monosodium glutamate alters the function and morphology of the parotid gland in Sprague Dawley rats / Glutamato monosódico altera la función y morfología de la glándula parótida en ratas Sprague Dawley
Fonte: Int. j. morphol;38(4):1112-1119, Aug. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: CONICYT-PCHA.
Resumo: Monosodium glutamate (MSG) is a flavor enhancer widely used in the food industry, with obesogenic properties, in addition to causing alterations in the oral cavity. The aim of the study was to observe the morphofunctional changes in the parotid gland after the administration of MSG in rats. 18 newborn male Sprague Dawley rats were used, divided into three groups (Control group; MSG1 group: 4 mg/g weight of monosodium glutamate, 5 doses, kept for 8 weeks, and MSG2 group: 4 mg/g weight of MSG, 5 doses, kept for 16 weeks). The body mass index (BMI) was calculated, and the salivary flow, pH, a-amylase activity, Na, Cl, K and Ca were analyzed by quantitative analysis. After euthanasia by ketamine/xylazine overdose, parotid volume was analyzed and stereology was performed. MSG administration caused an increase in BMI and a decrease in parotid volume as well as a reduction in salivary flow and pH and an increase in a-amylase activity, also increasing the salivary sodium and chlorine levels. Alterations in the normal stereological parameters of the gland were observed. Exposure to MSG caused morphofunctional alterations at parotid gland.

El glutamato monosódico (MSG), es un potenciador del sabor ampliamente utilizado en la industria alimentaria. Diversos estudios han propuesto la relación entre éste y el desarrollo de obesidad, además de provocar alteraciones en la cavidad oral. El objetivo del estudio fue observar los cambios morfofuncionales a nivel de la glándula parótida, posterior a la administración de MSG en ratas. Se utilizaron 18 ratas neonatas Sprague Dawley machos, divididas en tres grupos según su tiempo de exposición y dosis a MSG (Grupo Control, Grupo MSG1: 4 mg/g peso de glutamato monosódico, 5 dosis, mantenidas 8 semanas, Grupo MSG2: 4 mg/g peso de MSG, 5 dosis, mantenidas 16 semanas. Fue calculado el índice de masa corporal (BMI), además de ser analizado el flujo salival, pH, actividad de α-amilasa, y Na, Cl, K y Ca mediante análisis semicuantitativo. Luego de la eutanasia por sobredosis de ketamina/xilasina, las glándulas parótidas fueron extraídas y analizado su volumen y fueron procesadas para histología, y estudio estereológico. La administración de MSG causó aumento en BMI y disminución del volumen parotídeo, además de disminución del flujo y pH salival, así como aumento en actividad de la a-amilasa, aumentando además los niveles de sodio y cloro salival. Fueron observadas alteraciones a nivel de los parámetros estereológicos normales de la glándula. La exposición a MSG causó alteraciones morfofuncionales a nivel parotídeo, observándose una disminución del volumen de la glándula, acompañado de alteraciones en el adenómero y conductos estriados de la glándula, implicados en la producción, secreción y modificación de la saliva, la cual se vio alterada, en el flujo, pH, y en sus componentes.
Descritores: Glândula Parótida/efeitos dos fármacos
Glutamato de Sódio/administração & dosagem
Aromatizantes/administração & dosagem
-Saliva/química
Sódio/análise
Glutamato de Sódio/farmacologia
Fatores de Tempo
Índice de Massa Corporal
Cloro/análise
Análise de Variância
Ratos Wistar
alfa-Amilases/análise
Aromatizantes/farmacologia
Concentração de Íons de Hidrogênio
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  2 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-873540
Autor: Ludwig, Angélica; Hoffmeister, Marcele Koch; Irala, Luis Eduardo Duarte; Salles, Alexandre Azevedo; Limongi, Orlando; Soares, Renata Grazziotin.
Título: Análise da concentração de cloro ativo e pH em amostras de hipoclorito de sódio 1 % / Analysis of active chlorine and pH concentration in samples of sodium hypochlorite 1 %
Fonte: RSBO (Impr.);4(1):29-36, maio 2007. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Foram analisados o teor de cloro ativo e o pH em amostras da solução de hipoclorito de sódio a 1%, provenientes de 3 diferentes frascos onde estavam armazenadas (frasco Pet 1, Pet 2 e Pet 3). Uma amostra de cada frasco foi colhida imediatamente no momento da abertura das embalagens (tempo 0:T), e as outras três (uma de cada frasco) foram deixadas expostas a luz e temperatura ambiente por aproximadamente 3 horas e posteriormente levadas para análise (tempo 1:T1). Conclui-se que em todas as amostras houve diminuição do teor de cloro ativo de T0 para T1. Apenas nas amostras provenientes do primeiro frasco (Pet 1) o pH baixou de 12,00 para 11,50(de T0 para T1). A porcentagem de teor de cloro ativo não condizia com o descrito no rótulo nas amostras provenientes dos três frascos Pet
Descritores: Cloro
Hipoclorito de Sódio
Responsável: BR39.2 - Biblioteca Professora Maria Dilma de Oliveira Gonçalves


  3 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-421791
Autor: Castillo, Lorena.
Título: La importancia de la decontaminacion y limpieza antes de la esterilizacion del instrumental quirurgico / The importance of cleaning before the sterilization of surgical instruments
Fonte: Notas enferm. (Córdoba);3(3):19-21, 2003.
Idioma: es.
Descritores: Cloro
Contaminação de Equipamentos
Descontaminação/métodos
Desinfecção
Equipamentos Cirúrgicos
Esterilização
Óxido de Etileno
Responsável: AR475.1 - Biblioteca de la Escuela de Enfermería


  4 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-176310
Autor: Franchi, Luis Miguel.
Título: Fibrosis quística / Cystic fibrosis
Fonte: Rev. méd. hered;5(2):91-6, jun. 1994. ilus, tab.
Idioma: es.
Descritores: Fibrose Cística/diagnóstico
Fibrose Cística/fisiopatologia
Fibrose Cística/terapia
-Suor/metabolismo
Broncodilatadores/administração & dosagem
Broncodilatadores/uso terapêutico
Cloro/metabolismo
Amilorida/uso terapêutico
Doenças das Glândulas Sudoríparas/diagnóstico
Doenças das Glândulas Sudoríparas/etiologia
Fibrose Cística/genética
Obstrução das Vias Respiratórias/etiologia
Obstrução das Vias Respiratórias/patologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  5 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1097217
Autor: Andrade, Frank Pereira de; Pereira, Camila de Bessa.
Título: Use of chlorine solutions as disinfectant agents in health units to contain the spread of COVID-19 / Uso de soluções de cloro ativo como agente desinfetante em unidades de saúde para conter a propagação do COVID-19
Fonte: J. Health Biol. Sci. (Online);8(1), 01/01/2020.
Idioma: en.
Resumo: Objective: This study aimed to gather information available in different disinfection protocols for establishments that provide care to suspected or confirmed patients with COVID-19, to contain the spread of the virus, besides proposing different ways of preparing the bleach solution for the most varied purposes within a Health Unit. Methods: It was realized bibliographic research about disinfection protocols to contain COVID-19, as well as disinfectant agents used to inactivate the virus. Results: Many hospitals and basic health units perform disinfection in many hospitals based on disinfection protocols that are not suitable due to the insufficient amount of daily cleaning recommended, as well as the use of ineffective agents or in inadequate concentrations. Among the most used disinfectant agents chlorine solutions have been described as the most efficient and most applicable, thus, we recommend the use of solutions containing chlorine in its composition, such as commercial bleach, as well as highlight its finalities, correct way of use and application at environments that take care of patients with disease COVID-19 or suspected. Conclusion: the use of solutions containing chlorine in its composition, such as commercial bleach, is a viable alternative for disinfecting hospitals and health basic units, due to its efficiency against the coronavirus, low cost, accessibility, and greater applicability when detected by other widespread disinfectant agents.(AU)

Objetivo: Este trabalho teve como objetivo reunir informações disponíveis em diferentes protocolos de desinfecção para estabelecimentos que prestam atendimento a pacientes suspeitos ou confirmados com COVID-19, para conter a disseminação do vírus, além de propor diferentes formas de preparo da solução de água sanitária para as mais variadas finalidades dentro de uma Unidade de saúde. Métodos: foi realizada uma pesquisa bibliográfica sobre protocolos de desinfecção para conter o COVID-19, bem como os agentes desinfetantes empregados para inativar o vírus. Resultados: Muitos hospitais e unidades básicas de saúde realizam a desinfecção baseada em protocolos que não são adequados devida a quantidade insuficiente de limpeza diária recomendada, bem como o uso de agentes ineficazes ou em concentrações inadequadas. Dentre os agentes desinfetantes mais utilizados, soluções de cloro ativo têm sido descritas como as mais eficientes e aplicáveis, portanto, recomendamos o uso de soluções contendo cloro ativo em sua composição, como água sanitária, bem como enfatizamos suas finalidades, correta forma de uso e apliações em ambientes que prestam cuidados a pacientes suspeitos ou confirmados com COVID-19. Conclusão: o uso de soluções contendo cloro ativo em sua composição, como água sanitária, é uma alternativa viável para desinfecção de hospitais e unidades básicas de saúde devido a sua eficácia contra o coronavírus, baixo custo, fácil acesso, e maior aplicabilidade quando comparados com outros agentes desinfetantes.(AU)
Descritores: Cloro/administração & dosagem
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Desinfetantes/administração & dosagem
Subprodutos da Desinfecção/métodos
Serviço Hospitalar de Limpeza/normas
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-844285
Autor: Matos, Adriano Medina; Oliveira, Rodrigo Ribeiro de; Lippi, Mauro Martins; Takatani, Rodrigo Ryoji; Oliveira Filho, Wilson de.
Título: Uso da ventilação não invasiva em síndrome do desconforto respiratório agudo grave por inalação acidental de cloro: um relato de caso / Use of noninvasive ventilation in severe acute respiratory distress syndrome due to accidental chlorine inhalation: a case report
Fonte: Rev. bras. ter. intensiva;29(1):105-110, jan.-mar. 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO A síndrome do desconforto respiratório agudo é caracterizada por lesão pulmonar inflamatória difusa, classificada em leve, moderada e grave. Clinicamente observam-se hipoxemia, opacidades bilaterais na imagem pulmonar e diminuição da complacência pulmonar. A sepse está entre as causas mais prevalentes (30 - 50%). Dentre as causas diretas de síndrome do desconforto respiratório agudo, a inalação de cloro é uma causa incomum, gerando, na maior parte dos casos, irritação de mucosas e vias aéreas. Apresentamos um caso de síndrome do desconforto respiratório agudo grave após inalação acidental de cloro em piscina, sendo utilizada ventilação não invasiva como tratamento com boa resposta neste caso. Classificamos como síndrome do desconforto respiratório agudo grave baseado na relação pressão parcial de oxigênio/fração inspirada de oxigênio < 100, embora a classificação de Berlin seja limitada em considerar pacientes com hipoxemia grave manejados exclusivamente com ventilação não invasiva. A taxa de falha da ventilação não invasiva nos casos de síndrome do desconforto respiratório agudo está em torno de 52%, estando associada à maior mortalidade. As possíveis complicações do uso da ventilação mecânica não invasiva com pressão positiva na síndrome do desconforto respiratório agudo seriam o atraso para a intubação orotraqueal sendo a mesma realizada em uma condição clínica pior e um alto nível de pressões de suporte, somados a esforços inspiratórios profundos, gerando elevados volumes correntes e pressões transpulmonares excessivas, que contribuem para injúria pulmonar associada à ventilação. Apesar disto, alguns estudos mostraram diminuição nas taxas de intubação orotraqueal em pacientes com síndrome do desconforto respiratório Agudo com baixos escores de gravidade, estabilidade hemodinâmica e ausência de outras disfunções orgânicas.

ABSTRACT Acute respiratory distress syndrome is characterized by diffuse inflammatory lung injury and is classified as mild, moderate, and severe. Clinically, hypoxemia, bilateral opacities in lung images, and decreased pulmonary compliance are observed. Sepsis is one of the most prevalent causes of this condition (30 - 50%). Among the direct causes of acute respiratory distress syndrome, chlorine inhalation is an uncommon cause, generating mucosal and airway irritation in most cases. We present a case of severe acute respiratory distress syndrome after accidental inhalation of chlorine in a swimming pool, with noninvasive ventilation used as a treatment with good response in this case. We classified severe acute respiratory distress syndrome based on an oxygen partial pressure/oxygen inspired fraction ratio <100, although the Berlin classification is limited in considering patients with severe hypoxemia managed exclusively with noninvasive ventilation. The failure rate of noninvasive ventilation in cases of acute respiratory distress syndrome is approximately 52% and is associated with higher mortality. The possible complications of using noninvasive positive-pressure mechanical ventilation in cases of acute respiratory distress syndrome include delays in orotracheal intubation, which is performed in cases of poor clinical condition and with high support pressure levels, and deep inspiratory efforts, generating high tidal volumes and excessive transpulmonary pressures, which contribute to ventilation-related lung injury. Despite these complications, some studies have shown a decrease in the rates of orotracheal intubation in patients with acute respiratory distress syndrome with low severity scores, hemodynamic stability, and the absence of other organ dysfunctions.
Descritores: Síndrome do Desconforto Respiratório do Adulto/terapia
Cloro/envenenamento
Respiração com Pressão Positiva/métodos
Ventilação não Invasiva/métodos
-Oxigênio
Pressão Parcial
Síndrome do Desconforto Respiratório do Adulto/induzido quimicamente
Índice de Gravidade de Doença
Volume de Ventilação Pulmonar
Resultado do Tratamento
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964885
Autor: Wutzki, Carlos Rafael; Jaccoud Filho, David de Souza; Vrisman, Cláudio Maurício; Juliatti, Fernando Cezar; Nascimento, Aguinaldo José do.
Título: Alternative products to control Sclerotinia sclerotiorum in soybean / Produtos alternativos no controle de Sclerotinia sclerotiorum na cultura da soja
Fonte: Biosci. j. (Online);31(5):1423-1431, sept./oct. 2015.
Idioma: en.
Resumo: The aim of this study was to evaluate different alternative products, foliar sprayed either alone or in combination with fungicide fluazinam, to control white mold in soybean at three locations: Arapoti, Mauá-da-Serra, and Pinhão, in Paraná state, southern Brazil. The following chemical products were used: sodium dichloroisocyanurate, benzalkonium chloride, pyroligneous extract, sodium hypochlorite, cobalt + molybdenum, sucrose, sodium bicarbonate and acibenzolar-S-methyl. Incidence, severity, yield, and number of sclerotia produced were analyzed. The majority of the variables did not follow the normal distribution of the data according to the Kolmogorov-Smirnov test; therefore, the use of non-parametric analysis was necessary. The analysis of all the treatments individually revealed no significant effects so it was decided to separate the analysis into the following groups of treatments: 'control', treatments using alternative products ('alternatives'), treatment only with fungicide ('fungicide') and treatments with alternative products and fungicide ('alternatives + fungicide'). In Arapoti, no significant differences for any variables were observed. In Mauá-da-Serra, the 'fungicide' and 'alternatives + fungicide' had the lowest incidence and number of sclerotia, with higher yield when compared to 'control' and 'alternatives'. No differences were observed for severity. In Pinhão, the 'fungicide' and 'alternatives + fungicide' were superior for incidence, number of sclerotia produced, and yield when compared to the 'control' and 'alternatives'. The 'alternatives + fungicide' showed significantly lower severity when compared to the control, 'alternatives' and 'fungicide' in Pinhão experiment. In conclusion, the alternative products applied in combination with fluazinam resulted in lower severity of white mold in soybean in the experiment conducted in Pinhão, and the application of fluazinam alone or in combination with alternative products, was efficient to control white mold in soybean in locations with high disease incidence.

O objetivo deste estudo foi avaliar diferentes produtos alternativos pulverizados via foliar, isoladamente ou em combinação com o fungicida fluazinam para o controle do mofo branco na cultura da soja, em três locais: Arapoti, PR, Mauá-da-Serra, PR e Pinhão, PR, Brasil. Os produtos utilizadas foram: dicloroisocianurato de sódio, cloreto de benzalcônio, extrato pirolenhoso, hipoclorito de sódio, cobalto + molibdenio, sacarose, bicarbonato de sódio e acibenzolar-S-metil. As variáveis analisadas foram incidência, severidade, rendimento e o número de escleródios produzidos. A maioria das variáveis não segue a distribuição normal dos dados conforme o teste Kolmogorov-Smirnov, assim sendo, o uso de testes não-paramétricos se fez necessário. A análise de todos os tratamentos individualmente não revelou efeitos significativos, onde optou-se por separar a análise em grupos de tratamentos, onde a testemunha foi denominada "controle"; os tratamentos com os produtos alternativos como "alternativos", o tratamento com o fungicida isolado como "fungicida" e os tratamentos com produtos alternativos e fungicida foi denominado "alternativos + fungicidas". Em Arapoti, não foram observadas diferenças estatisticamente significantes em nenhuma das variáveis analisadas. Em Mauá-da-Serra, os grupos 'fungicida' e 'alternativos + fungicida', apresentaram a menor incidência e número de escleródios, com maior rendimento quando comparados aos grupos 'controle' e 'alternativos'. Não foram observadas diferenças na severidade. Em Pinhão, os grupos 'fungicida' e 'alternativos + fungicida' foram estatisticamente superiores para incidência, número de escleródios produzidos e rendimento, quando comparados aos grupos 'controle' e 'alternativos'. O grupo 'alternativo + fungicida' apresentou severidade significativamente menor quando comparado aos grupos 'controle', 'alternativos' e 'fungicida' no experimento conduzido em Pinhão. Como conclusões, observou-se que os produtos alternativos aplicados em associação com o fungicida fluazinam proporcionaram menor severidade do mofo branco na cultura da soja no experimento conduzido em Pinhão, PR, e a aplicação do fungicida fluazinam isolado ou em associação com os produtos alternativos foi eficiente no controle do mofo branco na cultura da soja nos locais com alta incidência da doença.
Descritores: Ascomicetos
Soja
Cloro
Estatísticas não Paramétricas
Fungos
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  8 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1701
Autor: Silva, Wanerline de Lima; Medeiros, Rafael Augusto Batista de; Pires, Edleide Maria Freitas.
Título: Eficiência do cloro para sanitização de hortaliças / Chlorine efficiency for vegetable sanitation
Fonte: Hig. aliment;30(256/257):132-136, maio/junho 2016. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Esta pesquisa visou avaliar a eficiência do cloro na sanitização de vegetais folhosos usados em saladas cruas. Foram utilizadas 24 amostras de folhosos diversos, sendo 12 coletadas após lavagem em água corrente e 12 após a sanitização com solução de cloro na concentração de 200 ppm por imersão durante 15 minutos. As amostras foram transferidas para o laboratório e imediatamente submetidas à análise de Coliformes totais, por meio da técnica de Tubos múltiplos, a fim de determinar o Número Mais Provável de Coliformes totais por grama de amostra (NMP/g), conforme metodologia estabelecida por AOAC. Os resultados obtidos em todas as amostras demonstraram redução da concentração de Colifomes após os folhosos serem submetidos à sanitização com cloro, havendo situações nas quais o NMP de Coliformes foi reduzido a um limite superior à detecção do método. Diante dos resultados pode-se concluir que o cloro apresenta eficiência para sanitização de folhosos.

This research has the purpose to evaluate the efficiency of chlorine in the leafy vegetables used in raw salads. There were used 24 samples of several leafy, 12 samples collected after washed in running water an 12 after sanitizing with chlorine solution at 200ppm concentration by immersion during 15 minutes. The samples were transferred for the lab and promptly submitted to coliforms analysis by the multiple tubs technique, with the purpose to find out the most probable number of total coliforms by gram of sample (NMP/g) accordingly established methodology by AOAC. The results obtained in all the samples showed a reduction in the concentration of coliforms after leafs were submitted to sanitizing in chlorine, there were situation in which the NMP of coliforms was reduced to a superior limit to the method detection. With the results its possible to concluded that chorine show sanitizing efficiency for leafs.
Descritores: Verduras/microbiologia
Contaminação de Alimentos/prevenção & controle
Cloro/administração & dosagem
Desinfecção/métodos
Alimentos Crus
-Amostras de Alimentos
Técnicas Microbiológicas
Coliformes
Método de Tubulação Múltiplo
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  9 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-884014
Autor: Dias, Maiara Fonseca; Condé, Patrícia Rodrigues; Vaneli, Neumara Ribeiro; Martins, Maurilio Lopes.
Título: Influência da cloração da água utilizada na higienização de tanques de expansão na qualidade do leite cru refrigerado / Influence of the chlorination of the water used in the hygiene of expansion tanks in the quality of refrigerated raw milk
Fonte: Hig. aliment;32(276/277):108-112, fev. 27, 2018.
Idioma: pt.
Resumo: [{"text": "Este trabalho objetivou avaliar a\r\ninfluência da cloração da água utilizada\r\nna higienização de tanques de\r\nexpansão na contagem de Escherichia\r\ncoli e Pseudomonas sp. do leite\r\ncru refrigerado. Amostras de leite cru\r\ne de água de18 tanques de expansão\r\nforam avaliadas por um ano, sendo\r\nque em 9 tanques não havia sistema\r\nde cloração da água implantado no\r\ndecorrer de 12 meses e nos outros\r\n9, por 6 meses não houve cloração\r\nda água e nos 6 meses seguintes o\r\nsistema foi implantado. Para determinação\r\nde E. coli no leite cru e na\r\nágua utilizou-se a técnica do Número\r\nMais Provável (NMP) e para\r\na contagem de Pseudomonas sp.\r\nutilizou-se Ágar Para Isolamento de\r\nPseudomonas (PIA). Constataram-\r\n-se valores médios de 1,5NMP/mL e\r\n1,6NMP/mLde E. coli no leite e na\r\nágua, respectivamente, nas amostras\r\nprovenientes dos 9 tanques em que a\r\nágua utilizada não foiclorada por 12\r\nmeses. As amostras de leite e água\r\nprocedentes dos 9 tanques que receberam\r\nágua clorada durante a limpeza\r\npor 6 meses apresentaram em média\r\n1,8NMP/mL e < 1,1 NMP/mL de\r\nE.coli, respectivamente. A contagem\r\nmédia de Pseudomonas sp. nas amostras\r\nde água procedentes dos 9 tanques\r\nem que a água utilizada no processo\r\nde limpeza não recebeu cloração por\r\n6 meses e que posteriormente passou\r\na ser clorada foi 1,1x103UFC/mL e\r\n1,2x102UFC/mL, respectivamente.\r\nPor outro lado,amédia das contagens\r\nde Pseudomonas sp. foi de 9,8x104\r\nUFC/mL e 5,1x105 UFC/mL nas\r\namostras de leite procedentes dos tanques\r\nem que a água utilizada no processo\r\nde limpeza não recebeu cloração\r\npor 6 meses e que posteriormente\r\npassou a ser clorada, respectivamente,\r\no que indica que esta bactéria acessa o\r\nleite cru a partir de diferentes fontes\r\nde contaminação, além da água. Assim,\r\na cloração foi eficiente apenas\r\nna redução da contagem de E. coli e\r\nPseudomonas sp. na água.(AU)", "_i": "pt"}]
Descritores: Amostras de Água
Cloro/análise
Desinfecção da Água/métodos
Leite/microbiologia
Armazenamento de Alimentos
-Pseudomonas/isolamento & purificação
Indústria de Laticínios
Escherichia coli/isolamento & purificação
Controle da Contaminação da Água
Limites: Humanos
Responsável: BR908


  10 / 119 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-876166
Autor: Santos, Rebecca Lavarini dos; Palma, Joana Marchesini; Santana, Ângela Patrícia.
Título: Avaliação da qualidade higienicossanitária de carcaças de bovinos oriundos de abatedouros frigoríficos do Distrito Federal e entorno / Evaluation of the hygiene and sanitary quality of carcasses of cattle from slaughterhouses of the Federal District and reversal
Fonte: Hig. aliment;31(272/273):80-83, 30/10/2017.
Idioma: pt.
Resumo: O trabalho realizado teve como objetivo avaliar a qualidade higienicossanitária de carcaças bovinas, oriundas de abatedouros-frigoríficos sob Inspeção Distrital (Dipova) e Federal (SIF), localizados na região do Distrito Federal e Entorno. Foram realizadas análises microbiológicas para Contagem de micro-organismos Mesófilos aeróbios estritos e facultativos, identificação do Número mais Provável de Coliformes a 45°C e Contagem de Staphylococcus aureus em 05 (cinco) diferentes pontos de 07 (sete) meias carcaças, nas quais as coletas foram realizadas antes e depois da lavagem com água clorada, perfazendo assim um total de 70 análises. Os valores médios dos resultados observados, antes da lavagem com água clorada, para Contagem de micro-organismos Mesófilos aeróbios estritos e facultativos, foram de 9,7 UFC/cm²; para Número Mais provável de Coliformes a 45ºC, de 29 germes/cm² e para Staphylococcus coagulase positivo, de 1 UFC/cm². Os valores observados nas meias carcaças, após a lavagem com água clorada na Contagem de micro- -organismos Mesófilos aeróbios estritos e facultativos foram de 1,5 UFC/ cm²; para a análise de Número Mais Provável de Coliformes a 45ºC, foi de 8,2 germes/cm² e não houve crescimento de Staphylococcus coagulase positiva. Neste trabalho verificou-se a presença de Coliformes a 45ºC e a Contagem de micro-organismos Mesófilos aeróbios estritos e facultativos antes e após a lavagem das meias carcaças e a presença de Staphylococcus coagulase positiva apenas antes das lavagem das mesmas. A lavagem das meias carcaças com água clorada diminuiu o grau de contaminação.(AU)
Descritores: Inspeção de Alimentos
Carne/análise
Carne/microbiologia
Saneamento de Matadouros
-Cloro
Desinfecção/métodos
Contaminação de Alimentos/prevenção & controle
Inocuidade dos Alimentos
Limites: Animais
Bovinos
Responsável: BR908



página 1 de 12 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde