Base de dados : LILACS
Pesquisa : D01.268.556.484 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 101 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 11 ir para página                         

  1 / 101 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-895109
Autor: Tuzuki, Bárbara Louise L; Delunardo, Frederico Augusto C; Ribeiro, Luciana N; Melo, Caroliny P. de; Gomes, Levy Carvalho; Chippari-Gomes, Adriana Regina.
Título: Effects of manganese on fat snook Centropomus parallelus (Carangaria: Centropomidae) exposed to different temperatures
Fonte: Neotrop. ichthyol;15(4):e170054, 2017. graf.
Idioma: en.
Projeto: FAPES.
Resumo: This study evaluates the effects of exposure to manganese (Mn2+) for 96 hours at two different temperatures (24 and 27°C) on juveniles of Centropomus parallelus through the activities of glutathione S-transferase (GST) and catalase (CAT), micronuclei test (MN) and comet assay. The GST activity did not show any significant difference between the groups exposed to Mn2+ and the respective control groups; in contrast, a major increase in the CAT activity was observed at 27°C in the group exposed to Mn2+ compared to the control group. The genotoxic analyses showed that in all animals exposed to Mn2+, the number of red cells with micronuclei increased significantly compared to the respective control groups. There was also a significant increase in the incidence of DNA damage in the groups exposed to Mn2+. At a temperature of 24ºC, animals exposed to Mn2+ had more DNA damage than those at 27°C. It is likely that the increase in temperature can also induce oxidative stress. Thus, we conclude that manganese is toxic to the fat snook juveniles, causing genotoxic damage, and when associated with an increase in temperature, manganese can also provoke an increase in oxidative stress.(AU)

Este estudo avaliou os efeitos da exposição ao manganês (Mn2+), após 96 horas, a duas temperaturas (24 e 27°C) em juvenis de Centropomus parallelus por meio de análises bioquímicas (atividade das enzimas glutationa S-transferase (GST) e catalase (CAT)) e genotóxicas (teste do micronúcleo e ensaio cometa). A atividade da GST não mostrou diferença significativa entre os grupos expostos ao Mn2+ e os seus respectivos grupos controle, enquanto que um aumento significativo na atividade da CAT foi observado a 27°C no grupo exposto ao Mn2+, quando comparado ao grupo controle. As análises genotóxicas mostraram que os animais expostos ao Mn2+ tiveram aumento significativo na quantidade de células com micronúcleo em relação aos seus grupos de controles. Houve também aumento significativo na incidência de danos ao DNA nos grupos expostos a esse contaminante. Na temperatura de 24°C, os animais expostos ao Mn2+ tiveram maior quantidade de danos no DNA em relação a 27°C. É provável que o aumento da temperatura também possa induzir o estresse oxidativo. Assim, concluímos que o manganês é tóxico para os juvenis de robalo, causando dano genotóxico, e quando associado a um aumento da temperatura, também pode provocar um aumento no estresse oxidativo.(AU)
Descritores: Perciformes/anormalidades
Genotoxicidade/análise
Manganês/efeitos adversos
-Biomarcadores/análise
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  2 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-837636
Autor: Sara Farías, Silvia; Menéndez, Ana María; Pontiggia, Rodrigo Martín; Servant, Roberto Enrique; Cortez, Iris; Pita Martín de Portela, María Luz.
Título: Validación de la determinación de manganeso, molibdeno y zinc por plasma de acoplamiento inductivo / Validation of the determination of manganese, molibdenum and zinc using inductively coupled plasma / Validação da determinação de manganês, molibdênio e zinco por plasma de acoplamento indutivo
Fonte: Acta bioquím. clín. latinoam;50(4):635-642, dic. 2016. graf, mapas, tab.
Idioma: es.
Projeto: Universidad de Belgrano. Carrera de Farmacia de la Facultad de Ciencias Exactas y Naturales.
Resumo: Se describe la validación de un método para la determinación de manganeso, molibdeno y zinc, a niveles traza, en soluciones acuosas, mediante espectroscopia de emisión-plasma inductivo de argón. Se optimizó y validó la cuantificación de manganeso, molibdeno y zinc en solución acuosa ácida usando un espectrómetro de emisión atómica de plasma inductivo. Se determinaron: selectividad/especificidad, linealidad, repetibilidad y precisión intermedia utilizando materiales de referencia, y sesgo contrastando contra material de referencia certificado de matriz. Las longitudes de onda (nm) seleccionadas fueron: Zn 213.857, Mn 257.610 y Mo 202.031, las cuales permitieron discriminar interferencias espectrales. Se probó la linealidad de las funciones respuesta mediante evaluaciones estadísticas ad hoc. La precisión intermedia varió entre 5 y 11% y el sesgo no superó el 12%. Los límites de cuantificación (μg/L) fueron: Mn: 5; Zn: 10 y Mo: 10. Las incertidumbres asociadas a las determinaciones oscilaron entre 10 y 16%. La validación del método propuesto demostró que es selectivo, proporciona incertidumbres adecuadas y es de utilidad para cuantificar de manera rápida y certera los metales traza estudiados en matrices que puedan ser llevadas a solución acuosa, previa digestión en medio ácido.

A method to accurately determine and quantify manganese, molybdenum and zinc using Optical Emission Spectroscopy-Inductively Coupled Plasma by optical emission spectrometer was optimized and validated. Selectivity/ specificity, linearity, repeatability, intermediate precision and bias using reference materials and certified matrix reference material, respectively, were determined. Selected wavelengths (nm) Zn 213.857; Mn 257.610 and Mo 202.031 made it possible to discriminate spectral interferences. Linearity was proved by ad hoc statistical evaluations. Intermediate precision ranged between 5 and 11% and bias was never greater than 12%. Quantification limits (mg/L) were: Mn: 5; Zn: 10 y Mo: 10. Uncertainties associated to analytical determinations ranged between 10% and 16%. The validation of the proposed method demonstrated that it is selective, it provides adequate uncertainties and it is useful to quantify quickly and accurately the studied trace metals in matrices that can be taken intoaqueous solution with prior digestion in acid medium.

Descreve-se a validação de um método para a determinação de manganês, molibdênio e zinco a níveis-traço, em soluções aquosas, por Espectrometria de emissão por plasma acoplado indutivamente de argônio. Foi maximizada e validada a quantificação de manganês, molibdênio e zinco em solução aquosa ácida, utilizando um espectrômetro de emissão atômica por plasma acoplado indutivamente. Foram determinados: seletividade/especificidade, linearidade, repetibilidade e precisão intermediária usando materiais de referência, e viés contrastando contra material de referência certificado de matriz. Os comprimentos de onda (nm) selecionados foram: Zn 213.857; Mn 257.610 e Mo 202.031, os quais permitiram discriminar interferências espectrais. A linearidade das funções resposta foi provada por avaliações estatísticas ad hoc. A precisão intermediária variou entre 5 e 11% e o viés não ultrapassou 12%. Os limites de quantificação (μg/L) foram: Mn: 5; Zn: 10 e Mo: 10. As incertezas associadas com as determinações variaram entre 10 e 16%. A validação do método proposto demonstrou que é seletivo, proporciona incertezas adequadas e é útil para quantificar com rapidez e precisão os metais-traço estudados em matrizes que podem ser levadas a solução aquosa, prévia digestão em meio ácido.
Descritores: Zinco/análise
Manganês/análise
Molibdênio/análise
-Métodos de Análise
Parâmetros
Tipo de Publ: Estudos de Validação
Responsável: AR1.2 - Instituto de Investigaciónes Epidemiológicas


  3 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-967138
Autor: Santos, Gustavo Alves; Korndorfer, Gaspar Henrique; Pereira, Hamilton Seron; Paye, Wooiklee.
Título: Addition of micronutrients to npk formulation and initial development of maize plants / Adição de micronutrientes a formulado npk e o desenvolvimento incial de plantas de milho
Fonte: Biosci. j. (Online);34(4):927-936, july/aug. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Micronutrients are essential nutrients for plant growth and development; however, the micronutrient content in soil is often insufficient to ensure maximum productivity, which creates the need for their application through fertilizers. This study compared the availability of zinc, boron, manganese and copper to the soil, their absorption, accumulation and effect in developing maize plants, supplied as granules mixed with NPK granules or as powder, coating NPK granules. The experiment was conducted in a greenhouse, in a randomized block design with four replications, using a soil classified as Oxisol and maize hybrid AG1051. The formulation for fertilizers used was 4-30-10 (N- P2O5 -K2O) with 0.3% zinc, 0.1% boron, 0.2% manganese and 0.2% copper applied at doses of 0, 150, 300, 600, 1200 and 2400 kg ha-1, furthermore, doses of 4-30-10 without micronutrients were applied to ensure variation only for micronutrient doses. Coating NPK granules with micronutrients was better than the mixture for soil Zn content, zinc concentration and accumulation in the shoot and dry mass production. Both fertilizers presented similar behavior for soil B content, B concentration and accumulation in shoots. However, for the greatest dose, B results were better for the mixture of granules. The addition of Mn and Cu to NPK formulation resulted in no response in the soil, although the mixture resulted in greater concentration of Mn in the shoot and coating granules showed greater accumulation of Cu.

Os micronutrientes são essenciais às plantas porém seus teores no solo podem não ser suficientes para altas produtividades, o que gera necessidade de aplicação via fertilizantes. Objetivou-se comparar a disponibilização de zinco, boro, manganês e cobre para o solo, sua absorção, acúmulo e efeito no desenvolvimento de plantas de milho, quando aplicados granulados e em mistura com grânulos NPK ou na forma de pó, revestindo grânulos de NPK. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, com delineamento de blocos casualizados, com quatro repetições, com amostras de solo classificado como Latossolo Vermelho distrófico típico e híbrido de milho AG1051. Os fertilizantes utilizados foram de formulação 4-30-10 (N-P2O5-K2O) com 0,3 % de zinco, 0,1 % de boro, 0,2 % de manganês e 0,2 % de cobre aplicados nas doses de 0, 150, 300, 600, 1200 e 2400 kg ha-1. Doses complementares de 4-30-10 sem micronutrientes foram aplicadas para que todos os tratamentos recebessem as mesmas doses de nitrogênio, fósforo e potássio, variando somente as doses dos micronutrientes. O revestimento dos grânulos de NPK com micronutrientes é superior à mistura quando se compara o teor de zinco no solo, a concentração e o acúmulo de zinco na parte aérea e a produção de massa seca das plantas de milho. A mistura de micronutrientes granulados com grânulos de NPK apresenta comportamento semelhante para os teores de boro no solo, sua concentração e acúmulo na parte aérea. A adição de manganês e cobre ao formulado NPK não resultou em resposta no solo, embora a forma de mistura tenha resultado em maior concentração de manganês na parte aérea, e o revestimento de grânulos tenha mostrado maior acúmulo de cobre pelas plantas de milho.
Descritores: Micronutrientes
Zea mays
Fertilizantes
-Zinco
Boro
Cobre
Manganês
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  4 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-966904
Autor: Carvalho, Marta Cristina Silva; Borges, Alisson Carraro; Pereira, Magno dos Santos; Heleno, Fernanda Fernandes; Faroni, Lêda Rita Dantonino; Campos, Luiza Cintra.
Título: Degradation kinetics of organic matter in dairy industry wastewater by flotation/ozonation processes / Cinética de degradação da matéria orgânica nas águas residuárias da indústria de laticínios pelos processos de flotação/ozonização
Fonte: Biosci. j. (Online);34(3):587-594, mai/jun. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: This study evaluated the adjustment of four kinetic models and their respective parameters on data of dairy wastewater treatment by the physico-chemical process of flotation and ozonation. The experiment was implemented during the year 2014, with all the tests in triplicate. The treatments were carried out at different pH levels (3.6, 7.0 and 10.4), and flotation/ozonation was catalyzed by manganese (Mn2+) in neutral level (pH 7.0). Best removal efficiencies for chemical oxygen demand (COD) were obtained in acidic medium, with removals greater than 75% after 20 min of treatment. There was no significant difference with regards to addition of Mn2+ on COD removal by the physicochemical process. The kinetic models that best fit to the experimental data, for all treatments, were the asymptotic (residual) model and that of Chan and Chu. Treatment in acidic medium showed the highest values of the kinetic parameters for the adjusted model, obtaining a k coefficient equal to 0.2394 min-1 for the asymptotic model and kinetic coefficient 1/ of 0.4816 min-1 for the Chan and Chu model, both presenting a determination coefficient greater than 99%.

Neste estudo, avaliou-se o ajuste de quatro modelos cinéticos (modelo de escoamento pistonado, mistura completa, assintótico ou residual e de Chan e Chu e seus respectivos parâmetros, na degradação da matéria orgânica presente no efluente de laticínios pelo processo físico-químico de flotação e ozonização. O experimento foi implementado durante o ano de 2014, com todos os testes em triplicata, os s tratamentos foram realizados sob diferentes pHs (3,6; 7,0 e 10,4), além da flotação/ozonização catalisada pelo manganês (Mn2+) em meio neutro. Observando que em meio ácido ocorreram as melhores eficiências de remoção da demanda química de oxigênio (DQO), tendo sido obtida uma remoção superior a 75% em 20 min de tratamento. Não houve diferença significativa em relação à adição de Mn2+ ao processo físico-químico. Os modelos que mais se ajustaram aos dados experimentais, para todos os tratamentos realizados, foram o modelo assintótico e o de Chan e Chu. O tratamento em meio ácido foi o que apresentou os maiores valores dos parâmetros cinéticos para os modelos ajustados, obtendo-se para o modelo assintótico, coeficiente k igual a 0,2394 min-1, e para o modelo de Chan e Chu, coeficiente cinético 1/ de 0,4816 min-1, apresentando para ambos os modelos um coeficiente de determinação superior a 99%.
Descritores: Cinética
Flotação
Ozonização
Matéria Orgânica
Águas Residuais
-Degradação de Resíduos Químicos
Indústria de Laticínios
Análise da Demanda Biológica de Oxigênio
Manganês
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  5 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: lil-2046
Autor: Vega G, Sylvia.
Título: Toxicología III: aspectos específicos de la toxicología de algunos contaminantes / Toxicology III: specific aspects of the toxicology of some contaminants.
Fonte: s.l; Centro Panamericano de Ecología Humana y Salud; 1985. 198 p. ilus, tab.
Idioma: es.
Descritores: Poluentes Ambientais/toxicidade
Poluição Ambiental
-Praguicidas/toxicidade
Cádmio/toxicidade
Cromo/toxicidade
Chumbo/toxicidade
Mercúrio/toxicidade
Arsênico/toxicidade
Manganês/toxicidade
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/1407.90


  6 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-973611
Autor: Silva, D. C. V. R; Queiroz, L. G; Sager, E. A; Cardoso-Silva, S; Kofuji, P. Y. M; Paiva, T. C. B. P; Pompêo, M. L. M.
Título: Evaluación toxicológica y de metales (Cu, Pb, Ni, Zn y Cd) en el sedimento del reservorio Paiva Castro en Mairiporã-SP, Brasil / Toxicological and metal evaluation (Cu, Pb, Ni, Zn and Cd) in the sediment of Paiva Castro reservoir, in Mairiporã-SP, Brasil
Fonte: Acta toxicol. argent;26(1):1-11, mayo 2018. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: El hombre ha cambiado el ambiente para sostener la demanda global de recursos naturales como el agua. La gestión de los cuerpos hídricos tiene que ser constante, con el propósito preventivo y correctivo, dependiendo del estado de antropización de cada sistema. El objetivo de este artículo fue analizar la toxicidad del sedimento y los metales Mn, Zn, Pb, Ni, Cd y Cu, en el reservorio Paiva Castro, que abastece la Region Metropolitana de São Paulo. Se realizaron 2 muestreos (Mayo 2011, estación seca y Enero de 2012, estación húmeda) y se analizaron 5 puntos próximos a la captación de agua por la Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo. Se realizaron ensayos de toxicidad aguda y crónica en sedimento, a través de ensayos biológicos con el cladócero Daphnia similis y el insecto Chironomus xanthus. El tratamiento de datos se realizó con el test de Fisher (mortalidad). El nivel de asociación entre las variables en sedimento y en los test ecotoxicológicos fueron evaluados por test no-paramétricos, a través del coeficiente de correlación de Spearman's. Los resultados del presente trabajo señalaron bajas concentracones de metales en el sedimento del área de estudio y ausencia de toxicidad en los organismos ensayados. Se puede concluir que área estudiada del reservorio Paiva Castro se encuentra poco impactada por los metales, sin efectos directos sobre la calidad de vida los organismos bentónicos: D. similis y C. xanthus.

Man had changed the natural environment in an attempt trying to supply the global demand for resources. The management of the hydric bodies has to be constant, with preventive and corrective purpose, depending on the eutrophization state of each one. The objective of this article was to analyze the sediment toxicity and the metals Mn, Zn, Pb, Ni, Cd and Cu, in the Paiva Castro reservoir, that supply the Metropolitan Region of São Paulo. It was made 2 collections (May 2011, dry season and January 2012, wet season). It was analyzed 5 points next to the water captation station by the Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo. The sediment was analyzed as for acute and chronic toxicity through bioassays with the cladocerans Daphnia similis and the insect Chironomus xanthus. Data treatment was done with Fisher Exact Test (mortality). The association level between the variables in sediment and ecotoxicological tests was available in non-parametric tests, through the Spearman's correlation coefficient. Oriented on the results presented in this work, pointing low concentrations of heavy metals in the sediments presented in the collect local, and the absence of toxicity, we can say that at this reservoir, at least in the collect area, it's low impacted, not implicating in direct interferences in the quality of life of benthonic organisms.
Descritores: Zinco/toxicidade
Cádmio/toxicidade
Reservatórios/prevenção & controle
Sedimentos/análise
Cobre/toxicidade
Chumbo/toxicidade
Manganês/toxicidade
Níquel/toxicidade
-Brasil
Metais Pesados/toxicidade
Toxicidade Aguda/análise
Toxicidade Aguda/métodos
Toxicidade Crônica/análise
Toxicidade Crônica/métodos
Responsável: AR658.1 - Biblioteca Central "Leopoldo Marechal"


  7 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-964097
Autor: Merotto Junior, Aldo; Wagner, Juliano; Meneguzzi, Cátia.
Título: Efeitos do herbicida glifosato e da aplicação foliar de micronutrientes em soja transgênica / Effects of glyphosate and foliar application of micronutrients in transgenic soybean
Fonte: Biosci. j. (Online);31(2):499-508, mar./abr. 2015.
Idioma: pt.
Resumo: A característica quelante do glifosato pode ocasionar a imobilização de nutrientes como Fe e Mn em soja transgênica resistente a este herbicida. No entanto, a intensidade deste efeito e o resultado de formas de mitigação deste processo são pouco conhecidos. O objetivo deste estudo foi identificar os efeitos do herbicida glifosato em interação com a fertilização foliar em cultivares de soja transgênica que apresentam a ocorrência de sintomatologia de amarelecimento relacionada à fitointoxicação deste herbicida. O primeiro experimento foi utilizado para a identificação de cultivares que mais apresentavam o sintoma de amarelecimento como consequência da aplicação do herbicida glifosato. O segundo experimento foi realizado a campo, onde os tratamentos constaram das cultivares CD 206RR e Fundacep 59RR, do herbicida glifosato aplicado nas doses de 0, 900 e 1440 g ha-1 e. a., e da presença ou ausência de adubação foliar na dose de 1,5 L ha-1. O efeito do herbicida glifosato e da utilização de adubo foliar não alterou o teor dos micronutrientes Fe e Mn e os parâmetros de fluorescência da clorofila nas cultivares de soja CD 206RR e Fundacep 59RR. O herbicida ghifosate diminui o rendimento de grãos da cultivar Fundacep 59 RR. A fertilização foliar não foi eficiente como forma de aumentar o rendimento de grãos de soja.

The chelant characteristic of glyphosate may result in the immobilization of micronutrients such as Fe and Mn in transgenic soybean resistant to this herbicide. However, the intensity of this effect and the results of mitigation practices are not fully understood. The objective of the study was to identify the effects of the herbicide glyphosate in interaction with the foliar application of micronutrients in two cultivars of transgenic soybean that demonstrated the occurrence of injury of this herbicide named yellow flashig. A preliminary experiment identified the larger intensity of yellow flashing in the cultivars CD 206RR and Fundacep 59 RR among seven cultivars evaluated. A field experiment was carried out where the treatments were the soybean cultivars described above, glyphosate at rates of 0,900 and 1440 g ha-1 e.a. and the presence or absence of the foliar fertilization of micronutrients at 1,5 L ha-1. The herbicide glyphosate and the foliar application of micronutrients did not change the concentration of Fe and Mn and the chlorophyll fluorescence in the cultivars CD 206RR e Fundacep 59RR. The herbicide glyphosate decrease the grain yield of the cultivar Fundacep 59RR and did not affect the cultvar CD 206RR. The foliar fertilization of micronutrients did not increase the soybean grain yield in the evaluated cultivars.
Descritores: Feijão de Soja
Clorofila
Alimentos Geneticamente Modificados
Herbicidas
Ferro
Manganês
-Micronutrientes
Fluorescência
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  8 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-963911
Autor: Carvalho, Everson Reis; Oliveira, João Almir; Costa Neto, Jaime; Silva, Cibele Aparecida Teixeira da; Ferreira, Valquíria de Fátima.
Título: Doses e épocas de aplicação de manganês via foliar no cultivo de soja convencional e em derivada transgênica RR / Rates and stages of foliar Mn application in the conventional soybean crop and its genetically modified RR descendants
Fonte: Biosci. j. (Online);31(2):352-361, mar./abr. 2015.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo com este trabalho foi avaliar o efeito da aplicação foliar de manganês sobre as características agronômicas de cultivares de soja convencionais e em suas derivadas transgênicas RR (Roundup Ready®, evento GTS 40-3-2). O ensaio foi conduzido na Universidade Federal de Lavras (UFLA), Lavras, MG, em blocos casualizados, com três repetições e esquema fatorial 4 x 4 x 2, sendo quatro cultivares de soja, duas convencionais e suas derivadas RR (BRS Celeste e BRS Baliza RR; BRSGO Jataí e BRS Silvânia RR), quatro doses de Mn via foliar (0; 200; 400 e 600 g Mn ha-1) e dois estádios de aplicação (R1 ou R3). Foram avaliadas as características agronômicas: índice de acamamento; número de legumes por planta; peso de mil sementes e produtividade de sementes. A transgenia RR em soja não proporciona maior resposta à aplicação de Mn, sendo esta possivelmente condicionada ao genótipo. Há aumento na produtividade de sementes de soja das cultivares Celeste e Baliza RR em função da aplicação foliar de Mn, em solo com teor de Mn abaixo do nível crítico e produtividades máximas obtidas com 150 g Mn ha-1. A aplicação foliar de Mn realizada em R1 resulta em maior produtividade de sementes em relação à R3.

The aim of this study was to evaluate the influence of foliar Mn application in the agronomic characteristics of conventional cultivars soybean and its derived RR (Roundup Ready®, event GTS 40-3-2). The experiment was carried out at the Federal University of Lavras, MG state, using a randomized block design with three replications and a 4 x 4 x 2 factorial structure, with four soybean cultivars, two conventional and its derived RR (BRS Celeste and BRS Baliza RR; BRSGO Jataí and BRS Silvânia RR), four rates of foliar Mn (0; 200; 400 and 600 g Mn ha-1) and two stages of application (R1 or R3). It was evaluated the agronomic traits: lodging index, number of pods per plant, thousand seed weight and seeds yield. The response to the application of Mn might be conditioned to the genotype rather than to the RR genetic modification, with increase in seed yield of Baliza RR and Celeste with of foliar Mn application, in soil with Mn content below a critical level and maximum yields obtained with 150 g Mn ha-1. The foliar application of Mn in R1 results in a higher seed yield in relation to R3.
Descritores: Sementes
Feijão de Soja
Cultivos Agrícolas
Eficiência
Manganês
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  9 / 101 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-947540
Autor: Lana, Regina Maria Quintão; Rezende, Rafael Vilela; Lana, Angela Maria Quintão; Silva, Adriane de Andrade; Vitorino, Leticia Barbaresco; Gomides, Juliana Nascimento.
Título: Ferro e manganês no perfil do solo em Saccharum officinalis fertilizada com resíduos orgânicos / Iron and manganese in soil profile in Saccharum officinalis WITH fertilized organic manure
Fonte: Biosci. j. (Online);30(3 Supplement):131-139, 2014. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O presente trabalho objetivou avaliar a dinâmica dos micronutrientes ferro e manganês no solo, advindos de adubação com dejetos orgânicos e adubação mineral em cana-de-açúcar. O experimento foi conduzido no município de Uberlândia-MG, na área experimental da Cia. Mineira de Açúcar e Álcool do Triângulo Mineiro Ltda. O experimento foi montado em esquema de blocos casualisados, com fatorial de parcelas subdivididas no espaço em 5x2x6 (tipo de adubo, gesso agrícola e profundidade). A variedade de cana-de-açúcar plantada foi a RB 867515 de ciclo médio/tardia. Os tratamentos, aplicados no fundo do sulco de plantio, foram às fontes de adubos cama de frango, cama de peru, esterco bovino, adubo compostado e fertilizante mineral, todos combinados com e sem gesso agrícola. Realizaram-se a amostragem de solo para análise de ferro e manganês, retiradas na linha de plantio nas profundidades 0-15, 15-30, 30-45, 45-60, 60-75 e 75-90 cm. A interação esterco bovino sem aplicação de gesso agrícola resultou em maior teor de ferro disponível e manganês disponível, sendo os demais resíduos orgânicos os teores foram maiores com a interação de gesso. A aplicação de gesso agrícola provocou pouca alteração nos teores dos micronutrientes ao longo do perfil do solo. Os teores dos micronutrientes no solo estiveram abaixo do nível crítico conforme as classes de interpretação de disponibilidade de micronutrientes, portanto ao se aplicar os resíduos orgânicos, estes não causarão fitotoxidez à cultura da cana-de-açúcar.

This study aimed to evaluate the dynamics of the micronutrients iron and manganese in the soil, resulting from fertilization with organic manure and mineral fertilization on cane sugar. The experiment was conducted in Uberlândia-MG, in the experimental area of the Mining Company of Sugar and Alcohol of Minas Gerais Ltda. The experiment was arranged in a complete randomized blocks with factorial split-plot in space 5x2x6 (type of fertilizer, gypsum and depth). The variety of sugar cane was planted 867,515 RB medium cycle / late. The treatments, applied at the bottom of the furrow, were the sources of fertilizers poultry litter, bedding turkey, cattle manure, compost and mineral fertilizer, all combined with and without agricultural gypsum. There were soil samples for analysis of iron and manganese, taken along the lines of planting depths 0-15, 15-30, 30-45, 45-60, 60-75, 75-90 cm. The interaction manure without application of agricultural gypsum had the highest content of iron and manganese. There was an increase in the levels of iron in the agricultural gypsum treatments with mineral fertilizer, turkey litter and composted manure. The agricultural gypsum didn't increase the levels of manganese in the soil. There was an increase of manganese with the use of poultry litter and cattle manure in the absence of gypsum. There was no mobilization along the profile of the iron manganese applications of agricultural gypsum.
Descritores: Solo
Lixo
Saccharum
Ferro
Manganês
-Micronutrientes
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  10 / 101 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-969571
Autor: Silva, Alexsandro Macedo.
Título: O perfil metabolômico de aminoácidos como biomarcador de consumo alimentar, estado nutricional e alterações metabólicas / The metabolomic profile of amino acids as biomarkers of food consumption, nutritional state and metabolic alterations.
Fonte: São Paulo; s.n; 2018. 111 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Nutrição para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução - A metabolômica permite determinar padrões de variação dos metabólitos entre indivíduos doentes e não doentes, com ou sem ingestão de um determinado alimento ou dieta. Compreender a relação entre metabólitos e doenças metabólicas pode ajudar a combater obesidade e doenças crônicas. Objetivo - Investigar a associação entre o perfil metabolômico de aminoácidos, a ingestão dietética e o estado nutricional em adultos participantes do Inquérito de Saúde no município de São Paulo, Brasil. Métodos - Foram avaliados dados de 168 indivíduos. A análise metabolômica para identificação de 21 aminoácidos foi realizada nas amostras de plasma, utilizando kit AbsoluteIDQTMp180 da Biocrates Life Science AG (Innsbruck, Austria). O consumo alimentar foi estimado por meio da aplicação do questionário de frequência alimentar. Os grupos de aminoácidos e de alimentos foram submetidos à análise fatorial por componente principal. A variável Metabolicamente Saudável foi construída considerando-se as Diretrizes da Sociedade Brasileira de Cardiologia para o diagnóstico e tratamento da síndrome metabólica. A regressão linear múltipla foi aplicada para avaliar as associações, tendo como variáveis de ajustes: etnia, idade, renda familiar, sexo, dieta, atividade física. A comparação entre grupos foi feita por MANOVA e a confirmação da diferença significativa pelo teste de Bonferroni. Resultados - A porcentagem de indivíduos com obesidade foi de 24%, sendo que a média de IMC correspondeu a 26 kg/m2. A população estudada apresentou média de idade de 50 anos, sendo a maioria de etnia branca (56%) e do sexo masculino (52%), com pouca adesão à atividade física (21%). Os parâmetros bioquímicos estavam, em média, abaixo das concentrações estabelecidas como normais, exceto a insulina, cuja média foi de 20,8 ?UI/mL. Todavia, ao estratificar pelo estado nutricional e metabolicamente saudável, os parâmetros bioquímicos se mostraram diferentes, tais como a glicemia, triglicerídeos e colesterol total. A ingestão dietética foi igual entre os grupos estudados. O perfil de aminoácido revelou potencial de diferenciar os estados nutricional e metabólico, destacando os aminoácidos de cadeia ramificada (Leu, Ile, Val). Foram identificados dois padrões de aminoácidos relacionados a beta oxidação e aos aminoácidos glicogênicos. O primeiro teve relação positiva para os indivíduos com obesidade e metabolicamente não saudável. O segundo, apresentou relação inversa para ambos os estados. O consumo de manganês pela população foi de 2,5 mg/dia, sendo infusão de mate a principal fonte (28mg Mn/porção). Os indivíduos obesos ingeriram menor quantidade de manganês, que apresentou relação inversa ao estado nutricional e ao padrão de aminoácidos relacionado ao metabolismo não saudável. Identificaram-se três padrões alimentares: perfil saudável, tradicional e moderno. A associação com o estado nutricional e metabolicamente saudável foi positiva para o padrão saudável. Conclusão - Os aminoácidos de cadeia ramificada se revelaram biomarcadores para identificar o estado nutricional e metabólico de indivíduos adultos. Os indivíduos que tiveram baixo consumo de manganês apresentaram maior adesão ao perfil metabolômico de aminoácidos relacionados com beta oxidação

Introduction - The metabolomics allows to determine patterns of variation of the metabolites between people with or without illness, considering or not the food consumption. Understanding the relationship between metabolites and metabolic disorders, it is possible to deal with obesity and chronic diseases. Objective - To investigate the association between the metabolic profile of amino acids and dietary intake and nutritional status in adults from the household survey conducted in the city of São Paulo, Brazil. Method - The 21 amino acids were identified by metabolomic analysis, using Absolute IDQTMp 180 kit from Biocrates Life Science AG (Innsbruck, Austria). Food intake was estimated using the food frequency questionnaire. The amino acid and food groups were submitted to factorial analysis by main component. The Metabolically Healthy variable was constructed considering the Guidelines of the Brazilian Society of Cardiology for the diagnosis and treatment of the metabolic syndrome. Multiple linear regression was applied to evaluate the associations, adjusted by the variables: ethnicity, age, family income, sex, diet, physical activity. The comparison between groups was made by MANOVA, and the confirmation of the significant difference, by the Bonferroni test. Results - The percentage of people with obesity was 24%, although the mean BMI corresponded to 26 kg/m2. The population studied presented a mean age of 50 years, most of them white (56%) and male (52%), with little adherence to physical activity (21%). The biochemical parameters were, on average, below the established normal concentrations, except for insulin (20,8 ?UI/mL). However, when stratified by nutritional status and metabolically healthy, the biochemical parameters were statistically different. The dietary intake was the same among the groups studied. The amino acid profile revealed potential to differentiate the nutritional and metabolic states, highlighting the branched chain amino acids. Two amino acid patterns related to beta-oxidation and glycogenic amino acids had been identified. The former had a positive relationship for obese and metabolically unhealthy people. The second presented an inverse relation for both states. The manganese consumption by the population was 2.5 mg / day, and the mate infusion was the main source (28mg Mn/serving). Obese subjects consumed less manganese, which had an inverse relationship to nutritional status and to the amino acid pattern related to unhealthy metabolism. Three dietary patterns were identified: healthy, traditional and modern profiles. The association with nutritional and metabolically healthy status was positive for the healthy pattern. Conclusion - The branched-chain amino acids had been revealed to be biomarkers to identify the nutritional and metabolic status of adult individuals. The individuals that had low manganese consumption showed greater adhesion to the metabolic profile of amino acids related to beta-oxidation, and could be used as biomarker for the ingestion of this micronutrient
Descritores: Estado Nutricional
Ingestão de Alimentos
Metabolômica
Aminoácidos/sangue
Manganês
Obesidade
-Consumo de Alimentos
Metabolismo
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1; DR1468



página 1 de 11 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde