Base de dados : LILACS
Pesquisa : D01.362.810 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 42 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 5 ir para página              

  1 / 42 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-845871
Autor: Chaves, Luciano Eustáquio; Nascimento, Luiz Fernando Costa; Rizol, Paloma Maria Silva Rocha.
Título: Fuzzy model to estimate the number of hospitalizations for asthma and pneumonia under the effects of air pollution / Modelo fuzzy para estimar o número de internações por asma e pneumonia sob os efeitos da poluição do ar
Fonte: Rev. saúde pública = J. public health;51:55, 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVE Predict the number of hospitalizations for asthma and pneumonia associated with exposure to air pollutants in the city of São José dos Campos, São Paulo State. METHODS This is a computational model using fuzzy logic based on Mamdani’s inference method. For the fuzzification of the input variables of particulate matter, ozone, sulfur dioxide and apparent temperature, we considered two relevancy functions for each variable with the linguistic approach: good and bad. For the output variable number of hospitalizations for asthma and pneumonia, we considered five relevancy functions: very low, low, medium, high and very high. DATASUS was our source for the number of hospitalizations in the year 2007 and the result provided by the model was correlated with the actual data of hospitalization with lag from zero to two days. The accuracy of the model was estimated by the ROC curve for each pollutant and in those lags. RESULTS In the year of 2007, 1,710 hospitalizations by pneumonia and asthma were recorded in São José dos Campos, State of São Paulo, with a daily average of 4.9 hospitalizations (SD = 2.9). The model output data showed positive and significant correlation (r = 0.38) with the actual data; the accuracies evaluated for the model were higher for sulfur dioxide in lag 0 and 2 and for particulate matter in lag 1. CONCLUSIONS Fuzzy modeling proved accurate for the pollutant exposure effects and hospitalization for pneumonia and asthma approach.

RESUMO OBJETIVO Prever o número de internações por asma e pneumonia associadas à exposição a poluentes do ar no município em São José dos Campos, estado de São Paulo. MÉTODOS Trata-se de um modelo computacional que utiliza a lógica fuzzy baseado na técnica de inferência de Mamdani. Para a fuzzificação das variáveis de entrada material particulado, ozônio, dióxido de enxofre e temperatura aparente foram consideradas duas funções de pertinência para cada variável com abordagem linguísticas: bom e ruim. Para a variável de saída número internações por asma e pneumonia, foram consideradas cinco funções de pertinências: muito baixo, baixo, médio, alto e muito alto. O número de internações no ano de 2007 foi obtido do Datasus e o resultado fornecido pelo modelo foi correlacionado com os dados reais de internação com defasagem (lag) de zero a dois dias. A acurácia do modelo foi estimada pela curva ROC para cada poluente e nestas defasagens. RESULTADOS No ano de 2007 foram registradas 1.710 internações por pneumonia e asma em São José dos Campos, SP, com média diária de 4,9 internações (dp = 2,9). Os dados de saída do modelo mostraram correlação positiva e significativa (r = 0,38) com os dados reais; as acurácias avaliadas para o modelo foram maiores para o dióxido de enxofre nos lag 0 e 2 e para o material particulado no lag 1. CONCLUSÕES Modelagem fuzzy se mostrou acurada para a abordagem de efeitos da exposição aos poluentes e internação por pneumonia e asma.
Descritores: Poluição do Ar/efeitos adversos
Asma/etiologia
Previsões/métodos
Lógica Fuzzy
Hospitalização/estatística & dados numéricos
Pneumonia/etiologia
-Poluentes Atmosféricos/efeitos adversos
Asma/terapia
Brasil
Simulação por Computador
Hospitalização/tendências
Ozônio/efeitos adversos
Material Particulado/efeitos adversos
Pneumonia/terapia
Valor Preditivo dos Testes
Reprodutibilidade dos Testes
Medição de Risco/métodos
Curva ROC
Dióxido de Enxofre/efeitos adversos
Fatores de Tempo
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-831433
Autor: Priftis, Kostas N; Zachariadi-Xypolita, Asimina.
Título: Evalúan las variaciones producidas durante 27 años en la hospitalización de niños asmáticos / Hospitalizations for childhood asthma in athens, greece from 1978 to 2005
Fonte: Salud(i)ciencia (Impresa) = Salud(i)ciencia (En linea);16(1):1361-1365, abr. 2008. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Antecedentes: Las tendencias en las tasas de ingresos por asma entre los niños han mostrado distintos patrones en diferentes países en las últimas décadas. Nosotros llevamos a cabo este estudio para determinar las tendencias temporales en los ingresos y reingresos por asma de niños en el área metropolitana de Atenas, Grecia, durante el período de 1978 a 2005. Materiales, métodos y resultados: Se obtuvieron datos de registros hospitalarios de los tres principales hospitales de niños de Atenas de 1978 a 2005. Se incluyeron niños que ingresaron con diagnóstico de asma, bronquitis asmática o bronquitis con sibilancias. Se observó un aumento paralelo y continuo en las tasas de ingresos y reingresos por asma en el área de Atenas durante toda la década de 1980 seguido por una estabilización durante los últimos años de los '90 y un regreso impresionante a las tasas de comienzos de la década de 1980 durante el período 2001-2005. Existe una variabilidad estacional constante, y se presentan una relativa humedad y presión atmosférica como las variables meteorológicas más importantes,y el dióxido de azufre, el humo negro y el monóxido de carbono son los principales contaminantes ambientales implicados en los ingresos por asma entre los niños pequeños. Conclusión: Los ingresos y reingresos por asma entre los niños de Atenas mostraron una elevación brusca durante la década de 1980, una estabilización hacia fines de la década de 1990 y una disminución hasta las tasas de comienzos de la década de 1980 durante el último período.

Background: Trends in rates of asthma admissions amongchildren have shown a variety of patterns in differentcountries in the last decades. We undertook the presentstudy to determine the time trends in asthma admissionsand readmissions of children in metropolitan Athens area,Greece, during the 1978-2005 period. Material, methodsand results: Data were obtained from hospital registriesof the three main children's hospitals in Athens from 1978to 2005. Children admitted with the diagnoses of asthma,asthmatic bronchitis or wheezy bronchitis were included.A continuous parallel increase in asthma admission andreadmission rates in the greater Athens area throughoutthe 1980s followed by stabilization during the late 1990sand an impressive comeback to the rates of early eightiesduring the 2001-2005 period was observed. A constantseasonal variability does exist, with relative humidity andatmospheric pressure appearing to be the most importantmeteorological variables, and sulphur dioxide, blacksmoke and carbon monoxide the main ambient airpollutants implicated in asthma admissions amongyounger children. Conclusion: Asthma admissions amongchildren and readmissions in Athens showed a sharp riseduring the 1980s, stabilization during the late 1990s anda decrease to the rates of the early eighties during thelast period.
Descritores: Asma
Criança
Admissão do Paciente
-Bronquite
Monóxido de Carbono
Poluição Ambiental
Estações do Ano
Dióxido de Enxofre
Limites: Seres Humanos
Responsável: AR144.1 - CIBCHACO - Centro de Información Biomedica del Chaco


  3 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-775120
Autor: Šuranská, Hana; Vránová, Dana; Omelková, Jiřina.
Título: Isolation, identification and characterization of regional indigenous Saccharomyces cerevisiae strains
Fonte: Braz. j. microbiol;47(1):181-190, Jan.-Mar. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: MŠMT ČR.
Resumo: Abstract In the present work we isolated and identified various indigenous Saccharomyces cerevisiae strains and screened them for the selected oenological properties. These S. cerevisiae strains were isolated from berries and spontaneously fermented musts. The grape berries (Sauvignon blanc and Pinot noir) were grown under the integrated and organic mode of farming in the South Moravia (Czech Republic) wine region. Modern genotyping techniques such as PCR-fingerprinting and interdelta PCR typing were employed to differentiate among indigenous S. cerevisiae strains. This combination of the methods provides a rapid and relatively simple approach for identification of yeast of S. cerevisiae at strain level. In total, 120 isolates were identified and grouped by molecular approaches and 45 of the representative strains were tested for selected important oenological properties including ethanol, sulfur dioxide and osmotic stress tolerance, intensity of flocculation and desirable enzymatic activities. Their ability to produce and utilize acetic/malic acid was examined as well; in addition, H2S production as an undesirable property was screened. The oenological characteristics of indigenous isolates were compared to a commercially available S. cerevisiae BS6 strain, which is commonly used as the starter culture. Finally, some indigenous strains coming from organically treated grape berries were chosen for their promising oenological properties and these strains will be used as the starter culture, because application of a selected indigenous S. cerevisiae strain can enhance the regional character of the wines.
Descritores: Saccharomyces cerevisiae/classificação
Saccharomyces cerevisiae/isolamento & purificação
Vitis/microbiologia
-Ácido Acético/metabolismo
Aderência Bacteriana
República Tcheca
Impressões Digitais de DNA
Tolerância a Medicamentos
Etanol/toxicidade
Sulfeto de Hidrogênio/metabolismo
Tipagem Molecular
Técnicas de Tipagem Micológica
Malatos/metabolismo
Pressão Osmótica
Reação em Cadeia da Polimerase
Estresse Fisiológico
Saccharomyces cerevisiae/genética
Saccharomyces cerevisiae/fisiologia
Dióxido de Enxofre/toxicidade
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-767132
Autor: Tuan, Tassia Soldi; Venâncio, Taís Siqueira; Nascimento, Luiz Fernando Costa.
Título: Air pollutants and hospitalization due to pneumonia among children. An ecological time series study / Poluentes atmosféricos e internações por pneumonia em crianças. Estudo ecológico de série temporal
Fonte: Säo Paulo med. j;133(5):408-413, Sept.-Oct. 2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT CONTEXT AND OBJECTIVE: Exposure to air pollutants is one of the factors responsible for hospitalizations due to pneumonia among children. This has considerable financial cost, along with social cost. A study to identify the role of this exposure in relation to hospital admissions due to pneumonia among children up to 10 years of age was conducted. DESIGN AND SETTING: Ecological time series study using data from São José dos Campos, Brazil. METHODS: Daily data on hospitalizations due to pneumonia and on the pollutants CO, O3, PM10 and SO2, temperature and humidity in São José dos Campos, in 2012, were analyzed. A generalized additive model of Poisson's regression was used. Relative risks for hospitalizations due to pneumonia, according to lags of 0-5 days, were estimated. The population-attributable fraction, number of avoidable hospitalizations and cost savings from avoidable hospitalizations were calculated. RESULTS: There were 539 admissions. Exposure to CO and O3 was seen to be associated with hospitalizations, with risks of 1.10 and 1.15 on the third day after exposure to increased CO concentration of 200 ppb and ozone concentration of 20 µg/m3. Exposure to the pollutants of particulate matter and sulfur dioxide were not shown to be associated with hospitalizations. Decreases in CO and ozone concentrations could lead to 49 fewer hospitalizations and cost reductions of R$ 39,000.00. CONCLUSION: Exposure to certain air pollutants produces harmful effects on children's health, even in a medium-sized city. Public policies to reduce emissions of these pollutants need to be implemented.

RESUMO CONTEXTO E OBJETIVOS: A exposição a poluentes do ar é um dos fatores responsáveis pelas internações por pneumonias em crianças. Esse desfecho tem custo financeiro considerável, além do custo social. Estudo para identificar o papel dessa exposição nas internações em crianças com até 10 anos de idade foi desenvolvido. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Estudo ecológico de séries temporais com dados de São José dos Campos, Brasil. MÉTODOS: Dados diários de internações por pneumonia, dos poluentes CO, O3, PM10, SO2 além de temperatura e umidade de São José dos Campos, em 2012, foram analisados. Utilizou-se modelo aditivo generalizado da regressão de Poisson e foram estimados os riscos relativos para internações por pneumonia segundo defasagens de 0 a 5 dias. Foram calculadas a fração atribuível populacional, as internações evitáveis e a economia nos custos das internações evitáveis. RESULTADOS: Foram 539 internações. Exposição ao CO e O3 se mostraram associadas às internações, com riscos de 1,10 e 1,15 no terceiro dia após a exposição decorrentes de aumento nas concentrações do CO em 200 ppb e nas concentrações de ozônio em 20 µg/m3. Exposições aos poluentes material particulado e dióxido de enxofre não se mostraram associados às internações. Diminuição nas concentrações de CO e O3 poderiam reduzir em 49 internações e de R$ 39 mil nos custos. CONCLUSÃO: Mesmo em uma cidade de médio porte, exposição a determinados poluentes do ar causa efeito danoso à saúde da criança, sendo necessária a implantação de políticas públicas para redução da emissão desses poluentes.
Descritores: Poluentes Atmosféricos/efeitos adversos
Exposição por Inalação/efeitos adversos
Admissão do Paciente/estatística & dados numéricos
Pneumonia/etiologia
-Poluentes Atmosféricos/análise
Brasil
Monóxido de Carbono/efeitos adversos
Monóxido de Carbono/análise
Umidade
Ozônio/efeitos adversos
Ozônio/análise
Material Particulado/efeitos adversos
Material Particulado/análise
Admissão do Paciente/economia
Pneumonia/economia
Valores de Referência
Medição de Risco
Fatores de Risco
Estações do Ano
Dióxido de Enxofre/efeitos adversos
Dióxido de Enxofre/análise
Fatores de Tempo
Limites: Criança
Pré-Escolar
Feminino
Seres Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-731248
Autor: Vieira, Maria Isabel Botelho; Bordin, Tiago; Agnol, Bruno Dall'; Zanchin, Fabiane; Motta, Adriana Costa Da; Noro, Mirela.
Título: Re-emergence of Chorioptes bovis (Acari: Psoroptidae) in cattle in the state of Rio Grande do Sul, Brazil / Reemergência de Chorioptes bovis (Acari: Psoroptidae) em bovinos no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;23(4):530-533, Oct-Dec/2014. graf.
Idioma: en.
Resumo: Here we describe an outbreak of chorioptic mange in cattle, 56 years after its first identification in Brazil. Between the months of June and July 2011, dermatitis characterized by alopecia and crusted and thickened skin at the insertion of the tail and in the ischiorectal fossa was recognized in 40 (35.7%) out of 112 Holstein cows on a farm in the northeastern mesoregion of the state of Rio Grande do Sul, Brazil. After diagnosing mange caused by Chorioptes bovis, the cows were weighed and treated with 0.5% ivermectin, as a pour-on single dose, and were separated into two groups: cows in early lactation and those in late lactation. The survival rate of C. bovis and the healing rate in the two groups of infested cows were monitored every seven days through skin scrapings. After 28 days of evaluation, the cure rate through treatment was greater among cows in early lactation (p <0.0001). The survival rate of C. bovis was higher in cows in late lactation.

O objetivo deste estudo foi descrever um surto de sarna corióptica em bovinos, 56 anos após a sua primeira identificação no Brasil. Entre os meses de junho a julho de 2011, a dermatite caracterizada por alopecia, com crosta e espessamento da pele na inserção da cauda e na fossa isquiorretal, foi observada em 40 (35,7%) de 112 vacas holandesas de uma propriedade rural pertencente à Mesorregião do Nordeste do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Após o diagnóstico da sarna causada por Chorioptes bovis, as vacas foram pesadas, tratadas com 0,5% de ivermectina pour on em dose única e separadas em dois grupos: vacas no início da lactação e no final da lactação. A taxa de sobrevivência de C. bovis e a taxa de cura dos dois grupos de vacas infestadas foram monitoradas a cada sete dias por meio de raspas de pele. Após 28 dias do estudo, a taxa de cura com o tratamento foi maior em vacas no início da lactação (p <0,0001). A taxa de sobrevivência de C. bovis foi maior em vacas no final da lactação.
Descritores: Poluentes Atmosféricos/toxicidade
Células da Medula Óssea/efeitos dos fármacos
Micronúcleos com Defeito Cromossômico/efeitos dos fármacos
Dióxido de Enxofre/toxicidade
-Antibióticos Antineoplásicos/farmacologia
Antineoplásicos Alquilantes/farmacologia
Ciclofosfamida/farmacologia
Relação Dose-Resposta a Droga
Dimetil Sulfóxido/farmacologia
Eritrócitos/efeitos dos fármacos
Mitomicina/farmacologia
Sulfitos/toxicidade
Limites: Animais
Feminino
Masculino
Camundongos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Takemoto, Emy
Texto completo
Id: lil-729395
Autor: Nagato, Letícia Araújo Farah; Takemoto, Emy; Della Torre, Jussara Carvalho Moura; Lichtig, Jaim.
Título: Verificação do método Monier-Williams otimizado na determinação de dióxido de enxofre em sucos de frutas, água de coco e cogumelo em conserva / Verification of the optimized Monier-Williams method for determining sulfur dioxide in fruit juices, coconut water and mushroom in conserve
Fonte: Rev. Inst. Adolfo Lutz;72(1):28-40, 2013. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Neste estudo foram avaliados os parâmetros analíticos de validação, tais como limite de quantificação(LQ), faixa de trabalho, linearidade, sensibilidade, seletividade, precisão e exatidão do método oficialMonier-Williams otimizado na determinação de dióxido de enxofre (SO2). Três amostras de suco de caju,seis de suco de maracujá, cinco de suco de uva, duas de água de coco e seis de cogumelo em conservaforam adquiridas no comércio. O estudo de recuperação foi realizado em 10 concentrações do padrãode sulfito de sódio na faixa de 5 a 2.675 mg/L e, também, adicionando-se soluções de sulfito de sódio àsamostras. A metodologia mostrou-se eficiente, tendo constatado linearidade na faixa de trabalho de SO2(7 a 2.675 mg/L), com equação da reta y = 1,0647x – 13,8697 (r2=0,9979), recuperação de 87 a 109 %, LQde 7 mg/L com DPR de 7 %. Os resultados de recuperação média nas amostras variaram de 81 a 115%.Os teores de SO2 encontrados nas amostras de sucos e água de coco estavam de acordo com a legislaçãobrasileira. Três marcas de cogumelo em conserva revelaram teores acima do limite máximo estabelecidode 50 mg/kg.
Descritores: Agaricales
Destilação/métodos
EVALUATION
Alimentos em Conserva
Alimentos de Coco
Sucos
Sulfitos
Dióxido de Enxofre
Tipo de Publ: Estudos de Validação
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação


  7 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-726384
Autor: Amancio, Camila Trolez; Nascimento, Luiz Fernando.
Título: Environmental pollution and deaths due to stroke in a city with low levels of air pollution: ecological time series study / Poluição ambiental e óbitos devido a acidente vásculo-encefálico em uma cidade com baixos níveis de poluentes: estudo ecológico de séries temporais
Fonte: Säo Paulo med. j;132(6):353-358, Nov-Dec/2014. graf.
Idioma: en.
Resumo: CONTEXT AND OBJECTIVE: Little has been discussed about the increased risk of stroke after exposure to air pollutants, particularly in Brazil. The mechanisms through which air pollution can influence occurrences of vascular events such as stroke are still poorly understood. The aim of this study was to estimate the association between exposure to some air pollutants and risk of death due to stroke. DESIGN AND SETTING: Ecological time series study with data from São José dos Campos, Brazil. METHODS: Data on deaths due to stroke among individuals of all ages living in São José dos Campos and on particulate matter, sulfur dioxide and ozone were used. Statistical analysis was performed using a generalized additive model of Poisson regression with the Statistica software, in unipollutant and multipollutant models. The percentage increase in the risk of increased interquartile difference was calculated. RESULTS: There were 1,032 deaths due to stroke, ranging from 0 to 5 per day. The statistical significance of the exposure to particulate matter was ascertained in the unipollutant model and the importance of particulate matter and sulfur dioxide, in the multipollutant model. The increases in risk were 10% and 7%, for particulate matter and sulfur dioxide, respectively. CONCLUSION: It was possible to identify exposure to air pollutants as a risk factor for death due to stroke, even in a city with low levels of air pollution. .

CONTEXTO E OBJETIVO: Pouco se tem discutido sobre o aumento do risco de acidente vascular cerebral após exposição a poluentes do ar, principalmente no Brasil. Os mecanismos pelos quais a poluição pode influenciar a ocorrência de eventos vasculares, tais como acidente vascular cerebral, ainda são pouco compreendidos. O objetivo deste estudo foi estimar a associação entre exposição a alguns poluentes do ar e risco de morte por acidente vascular cerebral. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Estudo ecológico de séries temporais com dados de São José dos Campos, Brasil. MÉTODOS: Dados sobre mortes por acidente vascular cerebral em indivíduos de todas as idades que vivem em São José dos Campos e sobre material particulado, dióxido de enxofre e ozônio foram utilizados. A análise estatística utilizou modelo aditivo generalizado de regressão de Poisson com o software Statistica, em modelos "unipollutant" e "multipollutant". Foi calculado o percentual de aumento no risco para o aumento da diferença interquartil. RESULTADOS: Houve 1.032 mortes por acidente vascular cerebral, que variou de 0 a 5 por dia. A significância estatística da exposição ao material particulado em modelo "unipoluente" e a importância do material particulado e dióxido de enxofre no modelo "multipoluente" foram verificadas. O aumento do risco foi de 10% e 7%, respectivamente para material particulado e dióxido de enxofre. CONCLUSÃO: Foi possível identificar exposição a poluentes do ar como um fator de risco para morte por acidente vascular cerebral, mesmo em uma cidade com baixos níveis de poluição do ar. .
Descritores: Poluição do Ar/efeitos adversos
Poluição Ambiental/efeitos adversos
Acidente Vascular Cerebral/etiologia
-Poluentes Atmosféricos/efeitos adversos
Poluentes Atmosféricos/análise
Brasil/epidemiologia
Causas de Morte
Cidades
Poluição Ambiental/análise
Ozônio/análise
Material Particulado/análise
Fatores de Risco
Acidente Vascular Cerebral/mortalidade
Dióxido de Enxofre/análise
Fatores de Tempo
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-723906
Autor: Nascimento, L.F.C.; Rizol, P.M.S.R.; Peneluppi, A.P..
Título: Estimating the average length of hospitalization due to pneumonia: a fuzzy approach
Fonte: Braz. j. med. biol. res = Rev. bras. pesqui. méd. biol;47(11):977-981, 11/2014. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FAPESP.
Resumo: Exposure to air pollutants is associated with hospitalizations due to pneumonia in children. We hypothesized the length of hospitalization due to pneumonia may be dependent on air pollutant concentrations. Therefore, we built a computational model using fuzzy logic tools to predict the mean time of hospitalization due to pneumonia in children living in São José dos Campos, SP, Brazil. The model was built with four inputs related to pollutant concentrations and effective temperature, and the output was related to the mean length of hospitalization. Each input had two membership functions and the output had four membership functions, generating 16 rules. The model was validated against real data, and a receiver operating characteristic (ROC) curve was constructed to evaluate model performance. The values predicted by the model were significantly correlated with real data. Sulfur dioxide and particulate matter significantly predicted the mean length of hospitalization in lags 0, 1, and 2. This model can contribute to the care provided to children with pneumonia.
Descritores: Poluentes Atmosféricos/toxicidade
Lógica Fuzzy
Tempo de Internação
Pneumonia/etiologia
-Brasil
Temperatura Baixa
Simulação por Computador
Umidade
Ozônio/toxicidade
Material Particulado/toxicidade
Pneumonia/epidemiologia
Curva ROC
Dióxido de Enxofre/toxicidade
Limites: Seres Humanos
Lactente
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Estudos de Validação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 42 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-687141
Autor: García G., Mario; Ramírez S., Hermes; Ulloa G., Héctor; García G., Omar; Meulenert P., Ángel; Alcalá G., Jaime.
Título: Concentración de contaminantes SO2, NO2 y correlación con H+, SO4-2 y NO3- durante la temporada de lluvias en la Zona Metropolitana de Guadalajara, Jalisco, México / Concentration of pollutants SO2, NO2 and correlation with H+, SO4-2 and NO3- during wet season in the Metropolitan Zone of Guadalajara, Jalisco, Mexico
Fonte: Rev. chil. enferm. respir;29(2):81-88, abr. 2013. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: In the last 30 years, the Metropolitan Zone of Guadalajara (ZMG) has experienced a quick urban and industrial growth, situation which results in high rates of pollution and poor air quality harmful to the health of the population. The main purpose of this work was to analyze the SO2 and NO2 in the air, as well as ions H+, SO 4-2 and NO3- during the wet season of 2005. Results of the network of monitoring stations showed significant acidity in north-northwest and southeast of the study area. The maximum concentrations of SO 4-2 occurred in southeast and south, while the maximum NO3- was found in the south. Maximum levels of SO2 and NO2 occurred in the dry season, but it decreased in wet season. The higher frequency about acidity produced by NO2 is caused by mobile sources as the primary indicator.

En los últimos 30 años, la Zona Metropolitana de Guadalajara (ZMG) ha experimentado un acelerado crecimiento urbano-industrial, realidad traducida en contaminantes nocivos para la salud de la población. El objetivo de este trabajo fue analizar la concentración de dióxido de azufre (SO 2) y de nitrógeno (NO2) en el aire, así como, los iones hidrógeno (H+), sulfatos (SO 4-2) y nitratos (NO3-) durante la temporada de lluvias del año 2005. Mediante una red de estaciones de monitoreo, se obtuvieron resultados que revelaron acidez significativa al norte-noroeste y sureste. Las concentraciones máximas de SO4-2 ocurrieron al sureste y sur, mientras que, las de NO3- se localizaron al sur. Los niveles máximos de SO2 y NO2 sucedieron en el período seco, disminuyendo en el húmedo. Se observó mayor frecuencia de acidez por NO2 siendo el indicador principal las fuentes móviles.
Descritores: Poluição do Ar
Dióxido de Enxofre/análise
Dióxido de Nitrogênio/análise
Chuva Ácida/análise
-Concentração de Íons de Hidrogênio
México
Saúde Pública
Área Urbana
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  10 / 42 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-684643
Autor: Nascimento, Luiz Fernando Costa; Francisco, Juliana Batrov.
Título: Particulate matter and hospital admission due to arterial hypertension in a medium-sized Brazilian city / Material particulado e internação hospitalar por hipertensão arterial em uma cidade brasileira de porte médio / Material particulado e internamiento hospitalario por hipertensión arterial en una ciudad brasileña de porte medio
Fonte: Cad. saúde pública = Rep. public health;29(8):1565-1571, Ago. 2013. ilus, tab.
Idioma: en.
Projeto: FAPESP; . FAPESP.
Resumo: This study aims to assess the effects air pollution on hospitalization due to hypertension. An ecological study was conducted using data regarding hospitalizations due to hypertension in São José dos Campos, State of São Paulo, Brazil between January 1, 2007 and December 31, 2010. The pollutants analyzed by this study were particulate matter, sulfur dioxide and ozone. A significant association between exposure to particulate matter and hospitalization due to hypertension was identified using Poisson regression with lags of up to four days. Relative risk of hospital admission ranged between 1,009 and 1,019. A 10μg/m³ increase in concentration of particulate matter was associated with a 13% increase in risk of hospitalization.

Alguns dos efeitos da poluição ambiental na saúde humana são conhecidos, destacando aqueles no sistema cardiovascular. Este trabalho tem por objetivo estimar esses efeitos nas internações por hipertensão arterial. Foi um estudo ecológico realizado com dados de internações da cidade de São José dos Campos, São Paulo, Brasil, relativos aos diagnósticos de hipertensão arterial, entre 1o de janeiro de 2007 e 31 de dezembro de 2010. Os poluentes estudados foram material particulado, dióxido de enxofre e ozônio. Utilizando-se de modelo linear generalizado da regressão de Poisson e defasagens de até quatro dias, foi possível identificar associação significativa entre a exposição ao material particulado e a internação por hipertensão, com os riscos variando entre 1.009 e 1.019; aumento de 10μg/m³ desse poluente aumenta o risco de internação em até 13%. Assim, foi possível identificar o material particulado, no modelo multipoluente, como associado à internação por hipertensão arterial numa cidade de porte médio, como São José dos Campos.

Algunos de los efectos de la contaminación ambiental en la salud humana son conocidos, destacando aquellos en nuestro sistema cardiovascular. Este trabajo tiene por objetivo estimar esos efectos en los internamientos por hipertensión arterial. Se trató de un estudio ecológico, realizado con datos de internamientos de la ciudad de São José dos Campos, São Paulo, Brasil, relativos a los diagnósticos de hipertensión arterial, entre el 1o de enero de 2007 y el 31 de diciembre de 2010. Los contaminantes estudiados fueron material particulado, dióxido de azufre y ozono. Se utilizó un modelo lineal generalizado de regresión de Poisson y desfases de hasta cuatro días; fue posible identificar una asociación significativa entre la exposición al material particulado y el internamiento por hipertensión con los riesgos, variando entre 1.009 y 1.019; el aumento de 10µg/m3 de ese contaminante aumenta el riesgo de internamiento en hasta un 13%. Así, fue posible identificar el material particulado, en el modelo multicontaminante, como asociado al internamiento por hipertensión arterial en una ciudad de porte medio, como São José dos Campos.
Descritores: Poluentes Atmosféricos/toxicidade
Exposição Ambiental/efeitos adversos
Hipertensão/etiologia
Ozônio/toxicidade
Material Particulado/toxicidade
Dióxido de Enxofre/toxicidade
-Poluentes Atmosféricos/análise
Brasil/epidemiologia
Exposição Ambiental/análise
Hospitalização/estatística & dados numéricos
Hipertensão/epidemiologia
Ozônio/análise
Material Particulado/análise
Dióxido de Enxofre/análise
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 5 ir para página              
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde