Base de dados : LILACS
Pesquisa : D02.886.590.263 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 225 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 23 ir para página                         

  1 / 225 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1246996
Autor: Avelleira, Joao Carlos Regazzi.
Título: Tratamento da hanseniase / ?
Fonte: In: Rio de Janeiro (Estado). Secretaria da Saude. Curupaiti em Revista. Rio de Janeiro, s.n, 2002. p.24-27, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O controle da hanseniase e considerado uma das prioridades da OMS, por ser uma endemia com potencial incapacitante importante. Os autores fazem uma revisao do tratamento da hanseniase desde a utilizacao do oleo de chaulmugra em 1854, passando pela introducao da sulfona em 1941, ao aparecimento da resistencia secundaria e primaria a sulfona, razao da associacao de outras drogas no tratamento da doenca. O esquema dividia os pacientes em multibacilares e paucibacilares, usando regimes com tres drogas (Rifampicina, Clofazimina e Dapsona) para as formas multibacilares e duas drogas (Rifampicina e Sulfona) para os paucibacilares. Foram realizadas mudancas na duracao do tratamento, e novas drogas como as quinolonas, claritromicina e minociclina mostraram eficacia contra o M. leprae possam ser utilizadas em esquemas alternativos.
Descritores: Clofazimina/uso terapêutico
Dapsona/uso terapêutico
Hanseníase/prevenção & controle
Rifampina/uso terapêutico
Terapêutica
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Revisão
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "01114/d.a"}]


  2 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1242941
Autor: Barranco, Vincent P.
Título: Dapsone - other indications.
Fonte: Tulsa; s.n; 1982. 02 p.
Idioma: en.
Descritores: Dapsona/imunologia
Dapsona/síntese química
Dapsona/uso terapêutico
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "Br191.1", "_a": "01317/s"}]


  3 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1241790
Autor: Organizaçao Mundial da Saude.
Título: Lepra: aprender com os exitos / Leprosy to learn with the successes.
Fonte: s.l; OMS; 2001. 36 p. ilus, graf.
Idioma: pt.
Descritores: Cura em Homeopatia
Dapsona/análise
Dapsona/farmacologia
Dapsona/uso terapêutico
Hanseníase/diagnóstico
Hanseníase/reabilitação
Hanseníase/terapia
Saúde Pública/educação
Saúde Pública/instrumentação
Saúde Pública/tendências
-Organização Mundial da Saúde/organização & administração
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Estudo de Avaliação
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.19", "_b": "O14L"}]


  4 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1241517
Autor: Benzecry, Annie Levy; Oliveira, Maria Leide Wan Del Rey de; Fernandes, Nurimar Conceicao.
Título: Hospitalizacao de pacientes de hanseniase: participacao de casos curados pelo esquema PQT/OMS / ?.
Fonte: s.l; s.n; 2004. ", "_f": "89", "_l": "95 p. ilus, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Fundamentos: A hanseniase permanece como uma importante causa de internacao em hospitais universitarios, seja pelas intercorrencias clinicas e cirurgicas, ou ainda devido aos estados reacionais. Objetivos: Avaliar e discutir as principais caracteristicas das internacoes motivadas por hanseniase. Material e metodos: Estudo retrospectivo pela coleta de dados em registros de admissão e alta e levantamento de prontuarios de pacientes internados na enfermaria de dermatologia do Hospital Universitario Clementino Fraga Filho (HUCFF/UFRJ), no periodo de 1999 a 2002. Resultados: De um total de 1.023 pacientes internados na enfermaria de dermatologia do HUCFF, entre 1999 e 2002, 8,8% foram casos de hanseniase. A media de idade foi de 36 anos e o sexo masculino prevaleceu com 58% das internacoes. Observou-se que a reacao hansenica foi a principal causa de internacao, sendo 63% de pacientes pos-alta. No que diz respeito a procedencia, a Baixada Fluminense participa com 53% da demanda. Conclusoes: Os casos de hanseniase considerados "curados" pelo esquema PQT/OMS permaneceram com importante causa de hospitalizacao mesmo apos a alta, sendo a reacao hansenica a principal responsavel.
Descritores: Dapsona
Hanseníase/cirurgia
Hanseníase/diagnóstico
Hanseníase/terapia
Hanseníase/tratamento farmacológico
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Artigo Clássico
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "01824/s"}]


  5 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1240957
Autor: Goulart, Isabela Maria Bernades; Arbex, Guilherme Leonel; Carneiro, Marcus Hubaide; Rodrigues, Mariana Scalia; Gadia, Rafael.
Título: Efeitos adversos da poliquimioterapia em pacientes com hanseníase: um levantamento de cinco anos em um Centro de Saúde da Universidade Federal de Uberlândia / Adverse effects of multidrug therapy in leprosy patients: a five-year survey at a Health Center of the Federal University of Uberlandia.
Fonte: s.l; s.n; set.-out. 2002. 8 p. tab.
Idioma: pt.
Resumo: The introduction of multidrug therapy (WHO/MDT)-composed by the drugs dapsone, clofazimine and rifampicin has enabled the cure of Hansen's disease, however, the adverse effects of these drugs were not given priority by the health team. Aiming to determine MDT's adverse effects' magnitude and relate them to the non-adhesion of patients to the treatment, a study of 187 charts of patients treated with MDT from January of 1995 to May 2000, was carried out at a Health Center of the Federal University of Uberlandia. Side effects were recorded in 71 patients' charts. Among the 113 side effects found, 80 (70.7 per cent) were related to dapsone, 7 (6.2 per cent) were caused by rifampicin and 26 (20.5 per cent) were attributed to clofazimine. These effects induced 28 (14.9 per cent), patients to change the therapeutic scheme, representing 39.4 per cent from the 71 patients with adverse effects. Throughout this study, the importance is discussed of considering MDT's adverse effects when training the health team to heighten the patient's adhesion to the treatment and thereby collaborating to eliminate Hansen's disease as a public health problem.
Descritores: Clofazimina/administração & dosagem
Clofazimina/efeitos adversos
Cooperação do Paciente/estatística & dados numéricos
Dapsona/administração & dosagem
Dapsona/efeitos adversos
Estudos Retrospectivos
Hansenostáticos/administração & dosagem
Hansenostáticos/efeitos adversos
Hanseníase/tratamento farmacológico
Pacientes Desistentes do Tratamento/estatística & dados numéricos
Quimioterapia Combinada
Rifampina/administração & dosagem
Rifampina/efeitos adversos
Limites: Feminino
Masculino
Pré-Escolar
Criança
Adulto
Humanos
Lactente
Recém-Nascido
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Resumo em Inglês
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "09017/s"}]


  6 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Queiroz, Regina Helena Costa
Id: biblio-1238586
Autor: Queiroz, Regina Helena Costa.
Título: Avaliação das alterações bioquímicas e hematológicas em pacientes hansenianos na terapia com dapsona / ?.
Fonte: São Paulo; s.n; 1995. iv,125 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas para obtenção do grau de Doctor.
Resumo: A dapsona (4,4'diaminodifenilsulfona), fármaco de escolha no tratamento da hanseníase, frequentemente induz anemia hemolítica e metemoglobinemia. com o objetivo de se estabelecer a correlação entre a dose de 100mg por dia e concentração plasmática versus alterações bioquímicas e hematológicas; 45 pacientes hansenianos sujeitos a terapia a longo prazo por dapsona, foram avaliados quanto aos possíveis efeitos adversos, objeto da presente investigação. Os pacientes foram divididos em 3 grupos de acordo com o esquema terapêutico preconizado, ou seja: dapsona em monoterapia (Grupo DDS), dapsona em associação com rifampicina e clofazimina (Grupo PQT) e pacientes em anatividade clínica e baciloscopia em alta terapêutica (Grupo Controle). Os resultados obtidos mostraram que mesmo sendo observado o regime de dosagem e o intervalo terapêutico recomendado pela litaratura, a manifestação dos efeitos adversos, principalmente a nível hematológico foram caracterizados e evidenciados através de determinação dos seguintes parâmetros: hemograma, reticulócitos, corpos de Heinz, fragilidade osmótica e metemoglobinemia. Em relação à avaliação hepática, pancreática e renal determinada através da quantificação dos parâmetros bioquímicos, tais como: transaminases, fosfotase alcalina, gama-glutamilglutâmica, bilirrubinas, amilase, creatitina, uréia e potássio à semelhança da literatura, se mostraram raros e ocasionais, sem significado clínico. Por outro lado, a observação quanto ao polimorfismo de acetilação, os resultados conseguidos permitiram evidenciar uma maior potenciação das alterações a nível hematológico, nos 47 por cento dos pacientes ditos, acetiladores lentos. Os dados observados no presente trabalho permitiram evidenciar que os efeitos adversos da dapsona, na terapia a longo prazo, são dose dependentes e que o controle terapêutico aliado à avaliação laboratorial de forma periódica, propicia um tratamento à hanseníase com máxima eficácia clínica aliada ao mínimo de efeitos adversos.
Descritores: Dapsona/administração & dosagem
Dapsona/uso terapêutico
Hanseníase/imunologia
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_b": "Q32a"}]


  7 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1238397
Autor: Blatt, Jucelene Marchi.
Título: Considerações acerca dos estados reacionais do portador de hanseníase no Município de Itajaí / Considerations on reactional states of Itajai's hansen's carriers.
Fonte: s.l; s.n; 2001. 10 p. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Anticorpos Antibacterianos
Avaliação de Processos e Resultados em Cuidados de Saúde
Criança
Dapsona/imunologia
Hanseníase/tratamento farmacológico
Mycobacterium leprae/imunologia
Programas Médicos Regionais
Registros Médicos
Relação Dose-Resposta Imunológica
Resultado do Tratamento
Rifampina/imunologia
Talidomida/imunologia
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "08312/s"}]


  8 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1237504
Autor: Anon.
Título: Aspectos operativos de loa programas de control de la lepra / ?.
Fonte: s.l; s.n; 1982. 2 p. tab.
Idioma: es.
Descritores: Clofazimina
Dapsona/uso terapêutico
Hanseníase/prevenção & controle
Rifampina/uso terapêutico
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "07491/s"}]


  9 / 225 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1237190
Autor: Lardo, Marta M; Diaz, Norma B; Artaza, Jorge Romero; Carbia, Claudio D; Nazer, Raquel; Valdez, Raul.
Título: Vitamina e como agente protector de hemolisis en pacientes de lepra tratados con dapsona / ?.
Fonte: Buenos Aires; s.n; 1997. 5 p. tab, graf.
Idioma: es.
Descritores: Dapsona/efeitos adversos
Hansenostáticos/efeitos adversos
Hanseníase/tratamento farmacológico
Hemólise
Vitamina E/uso terapêutico
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "07049/s"}]


  10 / 225 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1236692
Autor: Malfara, Wilson Roberto.
Título: Efeito de antagonistas de receptores H2 na metemoglobinemia induzida pela dapsona em ratos / ?.
Fonte: Ribeirao Preto; s.n; 2000. 114 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de Sao Paulo. Faculdade de Ciencias Farmaceuticas de Ribeirao Preto para obtenção do grau de Master.
Resumo: Dapsona, farmaco bacteriostatico utilizado no tratamento da hanseniase, vem sendo associado a intercorrencias clinicas, principalmente devido a sua hemotoxicidade. A N-hidroxilacao, uma das principais vias de biotransformacao da dapsona vem sendo associada constantemente a quadros de metemoglobinemia decorrentes do uso da dapsona. Com objetivo de se verificar a inibicao reversivel desta via de bioativacao toxicologica, sem alterar os caminhos de detoxificacao do farmaco, a aceltilacao citosolica, a cimetidina, ranitidina e famotidina foram administradas concomitantemente a dapsona em ratos machos Wistar, com peso variando entre 200 e 250g divididos em 30 grupos (n=6), em estudo de doses unicas e multiplas. Apos as administracoes, os ratos foram submetidos a coleta de sangue
Descritores: Anemia Hemolítica/terapia
Análise Estatística
Cimetidina/administração & dosagem
Cromatografia Líquida/métodos
Dapsona/farmacocinética
Hanseníase
Metemoglobinemia
Toxicologia
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.102", "_b": "M294e"}]



página 1 de 23 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde