Base de dados : LILACS
Pesquisa : D03.633.100.733.631.400 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 382 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 39 ir para página                         

  1 / 382 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-766911
Autor: Barco Tavares, Beatriz; Neves Finochio Sabino, Ana Maria; Lima, Juliana Cristina; Tozzo Garcia, Claudia.
Título: Knowledge of supplemental folic acid during pregnancy / Conocimiento de la suplementación de ácido fólico en la gestación / Conhecimento da suplementação de ácido fólico na gestação
Fonte: Invest. educ. enferm;33(3):456-464, Dec. 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: Objective.To identify the use of folic acid during pregnancy, as well as the new mothers´ knowledge about folic acid. Methodology. Quantitative, descriptive exploratory, and prospective study. A total of 198 mothers were interviewed in the pediatric outpatient service of Hospital de Base Sao José do Rio Preto, Brazil. They have taken their children for neonatal screening and formally consented to participating in the study. The research project was approved by the Research Ethics Committee (350,287). A specific instrument was used for data collection. The data were entered into an appropriate spreadsheet and later statistically analyzed. Pearson´s chi-squared test, p <0.15, was used. Results. On average, the interviewed mothers were 25 years old and received less than two minimum wages. Most had prenatal in the first quartile and a mean of seven appointments, starting the use of folic acid from the 7th to the 9th week of gestational age. However, when asked about the importance of folic acid and its action, almost the majority was not able to answer. Conclusion. Although daily acid supplementation is recommended in prenatal care, this study found that consumption is inadequate, contributing to the increased risk of fetal malformation. Healthcare professionals, especially nurses, should develop educational activities for women about the use of folic acid in the pre-gestation period and in the first pregnancy trimester.

Objetivo. IdIdentificar el conocimiento y el uso durante el embarazo del ácido fólico. Metodología.Cuantitativo, exploratorio descriptivo y prospectivo. Se entrevistaron un total de 198 madres en el servicio de consulta externa de pediatría del Hospital de Base de Sao José do Rio Preto, Brasil quienes se habían llevado a sus hijos para el cribado neonatal y aceptado participar del estudio por consentimiento formal. El proyecto de investigación fue aprobado por el Comité Ético de Investigación (350.287). Se utilizó un instrumento específico para la recolección de datos. Asimismo, una hoja de cálculo para la transcripción de datos; después, se analizaron estadísticamente. Prueba Person's Chi-cuadrado se utilizó p <0,15. Resultados. Las puérperas entrevistadas tuvieron una media de 25 años, el 61.5% ganaba menos de dos salarios mínimos. El 96.5% realizó control prenatal; el 18.2% de las gestantes inició control tardíamente, entre el segundo y tercer trimestre de embarazo. El 81.3% de las mujeres consumió ácido fólico en la gestación; cuatro de cada cinco en los tres primeros meses de embarazo. Cuando se preguntó sobre la importancia del ácido fólico y de su acción, la mayoría de las mujeres no supo responder. Conclusión. Aunque la suplementación diaria con ácidofólico sea recomendada en el control prenatal, se verificó en este estudio que su consumo es inadecuado, lo que contribuye al aumento del riesgo de malformación fetal. El profesional del área de la salud y, especialmente, el enfermero deben desarrollar actividades educativas para las mujeres en cuanto al uso de ácido fólico en el período pregestacionacional y durante el primer trimestre del embarazo.

Objetivo.Identificar o uso do ácido fólico durante a gestação e o conhecimento de puérperas sobre o ácido fólico. Metodologia. Estudo quantitativo, descritivo exploratório e prospectivo. Entrevistou 198 puérperas, no ambulatório da pediatria do Hospital de Base, São José do Rio Preto, Brasil, que trouxerem seus filhos para triagem neonatal e aceitaram por escrito participar da pesquisa. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo comitê de ética em pesquisa (350.287). A coleta de dados foi realizada com um instrumento específico. Os dados foram transcritos para uma planilha e analisados estatisticamente. Utilizou o teste de Qui-Quadrado de Person, p<0,15. Resultados. Em média, as puérperas entrevistadas possuem 25 anos e ganham menos de dois salários mínimos. A maioria realizou o pré-natal, no primeiro trimestre e tiveram uma media de sete consultas, com o início do uso de ácido fólico na idade gestacional de sete a nove semanas. Contudo quando questionadas sobre a importância do ácido fólico e sua ação, quase que a maioria significativa não soube responder. Conclusão. Embora a suplementação com ácido fólico diária seja recomendado no pré-natal, verificou-se que seu consumo foi inadequado, contribuindo para o aumento do risco de malformação fetal. O profissional da área da saúde, especialmente os enfermeiros, devem desenvolver atividades educativas para as mulheres quanto ao uso de ácido fólico de durante o período pré-gestacional e primeiro trimestre da gravidez.
Descritores: Saúde Pública
Conhecimento
Tubo Neural
Ácido Fólico
Tocologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO103.1 - Biblioteca


  2 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870262
Autor: Ferrari, Ariana.
Título: Associação do folato e vitaminas envolvidas no ciclo docarbono-1 com polimorfismos no gene metilenotetrahidrofolatoredutase (MTHFR) e metilação global do DNA em pacientes com câncercolorretal / Association of folate and vitamins involved in the one-carbon cycle with polymorphisms in the methylenetetrahydrofolate reductase (MTHFR) gene and global DNA methylation in patients with colorectal cancer.
Fonte: São Paulo; s.n; 2015. 109 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação Antônio Prudente para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução: Folato, vitamina B2, vitamina B6, vitamina B12, colina e betaína são nutrientes envolvidos no ciclo do carbono-1 que podem alterar os níveis de metilação do DNA e influenciar na gênese e/ou progressão tumoral. Objetivo: Avaliar a associação de folato e vitaminas envolvidas no ciclo do carbono-1 com polimorfismos no gene MTHFR e metilação global do DNA em pacientes com câncer colorretal. Material e Métodos: 189 pacientes casos novos com adenocarcinoma colorretal responderem a um questionário de avaliação clínica e um Questionário de Frequência Alimentar (QFA) validado para pacientes com câncer de cólon e reto. Foram coletadas amostras de sangue para a avaliação dos polimorfismos no gene MTHFR da metilação global do DNA no sangue e no tumor. Resultados: Os valores de folato sérico foram correlacionados positivamente com o equivalente dietético de folato total (DFE total) (rho= 0,51 e p= 0.03) e com a metilação global do DNA (rho= 0,20 e p= 0.03). Indivíduos com idade igual ou superior a 61 anos (p= 0.01), em estadiamento clínico-patológico III e IV (p= 0.01) e com genótipos homozigotos mutados + heterozigotos para o gene MTHFR A1298C apresentaram maiores níveis de metilação global do DNA (p= 0.04). A associação entre a ingestão dietética de folato, folato sérico e estadiamento do tumor foram preditoras da metilação global do DNA no sangue dos pacientes. Conclusão: Os níveis de folato sérico e dietético, além do estadiamento clínico-patológico podem influenciar no status de metilação do DNA.

Introduction: Folate, vitamin B2, vitamin B6, vitamin B12, choline and betaine are nutrients involved in the one-carbon cycle that can alter the levels of DNA methylation and influence the genesis and/or tumor progression. Objective: Evaluate the association of folate and vitamins involved in the one-carbon cycle and MTHFR polymorphisms in global DNA methylation in patients with colorectal cancer gene. Material and Methods: 189 new cases with colorectal adenocarcinoma answering a clinical evaluation questionnaire and the Food Frequency Questionnaire (FFQ) validated for patients with colon and rectal cancer. Blood samples were collected for evaluation of MTHFR gene polymorphisms in the global DNA methylation in blood and in tumor. Results: The values for serum folate were positively correlated with the equivalent total dietary folate (total DFE) (rho = 0.51, p = 0:03) and the global DNA methylation (rho = 0.20, p = 0:03). Individuals aged over 61 years (p = 0.01) in staging clinicopathological III and IV (P = 0.01) and with + heterozygous mutated homozygous genotypes for the MTHFR A1298C gene had higher levels of global DNA methylation (p = 0:04). The association between dietary intake of folate, serum folate, and tumor stage were predictive of global DNA methylation in patients' blood. Conclusion: The levels of serum and dietary folate, the clinical-pathological staging can influence the status of DNA methylation.
Descritores: Neoplasias Colorretais
Riboflavina
VITAMINA B ABETALIPOPROTEINEMIA
VITAMINA B ABDOMEN, ACUTE
Ácido Fólico
Ácidos Pteroilpoliglutâmicos
-Ingestão de Alimentos
Inquéritos e Questionários
Metionina
Recomendações Nutricionais
Limites: Humanos
Responsável: BR30.1 - Biblioteca
BR30.1


  3 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1177172
Autor: Thame, Gizele.
Título: Repercussões do folato medicamentoso sobre a concentração do folato intra-eritrocitário e vitamina B12 sérica em gestantes, no contexto da avaliação do consumo alimentar / Folate supplementation effects on the level of red cell folate and serum vitamin B12 among pregnant women, and their dietary habits evaluation.
Fonte: São Paulo; s.n; 2004. 96 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Objetivo. Avaliação dos níveis de folato intra-eritrocitário e vitamina B12 sérica em gestantes, antes e após administração medicamentosa de ácido fólico; e análise da dieta usual destas gestantes, quanto ao atendimento da demanda de folato no período gestacional. Métodos. Vinte e sete gestantes foram analisadas através de questionário de freqüência alimentar (QFA), quanto à ingestão dietética de folato e vitamina B12. Foram colhidas amostras de sangue venoso para dosagens laboratoriais. As medidas do folato, da vitamina B12 e do hematócrito, foram tomadas em três momentos. A comparação para a verificação da existência de diferença entre os três momentos foi realizada através de testes não paramétricos em função das medidas não apresentarem uma distribuição normal e ao número de casos que passaram pelos três momentos de coleta. A comparação entre os três momentos foi feita através do teste de Friedman. Resultados. O folato intra-eritrocitário e o hematócrito apresentaram diferenças estatisticamente significantes entre os 3 momentos distintos. Já a vitamina B12 não mostrou diferença estatisticamente significante. Das 27 gestantes que realizaram a primeira coleta, somente 21 realizaram as duas primeiras coletas sanguíneas e destas, 11 (52,4%) apresentaram-se inadequadas em folato intra-eritrocitário na primeira coleta sanguínea sendo que 7 delas (63,6%) apresentaram concentrações adequadas na segunda coleta. As que tinham concentrações sanguíneas adequadas de folato intra-eritrocitário na primeira coleta permaneceram com taxas adequadas na segunda e terceira coletas. Das quatro gestantes com taxas inadequadas na segunda coleta, somente três realizaram a terceira coleta e delas, duas (66,7% ) 11 passaram às concentrações adequadas na terceira coleta, ou seja, após 60 dias de uso do medicamento. Das 10 gestantes com taxas inadequadas na primeira coleta, 9 (90,0%) apresentaram concentrações adequadas na terceira coleta. Conclusões. Para a diminuição da prevalência dos DTNs a conduta de receitar ácido fólico para as gestantes não é suficiente, visto que o tubo neural fecha-se nos primeiros 26 a 28 dias pós-concepção e neste período, no grupo analisado neste estudo, mais da metade apresentou deficiência em folato no exame laboratorial e todas elas, ou seja, 100% das gestantes apresentaram consumo insuficiente desse nutriente na dieta usual. Esse resultado indica uma tendência de carência de folato na população para gestação e, com vistas a uma ação em Saúde Pública, a intervenção medicamentosa deve ser iniciada previamente à gestação. Estudos pré-gestacionais são necessários para viabilizar uma mudança nesse perfil.

Objective. Evaluation of the red cell folate and serum vitamin B12 levels among pregnant women, before and after oral administration of folic acid, and their dietary habit analysis, regarding the attendance of the folate needs in the pregnancy period. Methods. The regular diet of 27 women was evaluated through filling a questionnaire about their frequency food ingestion relative to folate and vitamin B12. The women venous blood were analyzed for the accomplishment of laboratory determinations. The folate and vitamin B12, and hematological levels were assayed at three times. These three moments were compared using non-parametric tests, because the number of samples at the three moments and their no normal distribution profile. The comparison of the three moments was been using the Friedman test. Results. The red cell folate and hematological levels presented significant statistical differences between each three moments. The vitamin B12 level did not show significant statistical difference. From twenty seven women at the initial measure, only twenty one had participated at the second measure, and them, eleven (52,4%) presented low red cell folate concentration, and these eleven women, seven of them (63,6%) presented suitable results at the second measure. All of them with adequate results at the initial measure remained in the same situation at the three moments. The four pregnant women with low levels at the second measure, only three had reach the third measure. Two of them presented suitable results at the third measure, after sixty days of folate oral administration. Nine women (90,0%), from ten pregnant women with initial low folate concentration, present suitable folate levels at the third measure. Conclusions. For the reduction of the prevalence of the NTDs, the procedure of prescribing folic acid to the pregnant women is not enough, considering that the neural tube closes in the first 26 to 28 days after the conception and during this period, in the group analyzed by this study, more than half of it presented folate deficiency in the laboratorial tests and all of them, what means 100% of the pregnant women had presented insufficient consumption of this nutrient in their usual diet. This result indicates a trend of lack of folate among the pregnant population that advises to a Public Health action and an intervention with medicines must be initiated previously to the gestation. Pre-pregnancy studies are necessary to make a change in this profile possible.
Descritores: Cuidado Pré-Natal
Suplementos Nutricionais
Nutrição Materna
Ácido Fólico
Defeitos do Tubo Neural
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  4 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Barreto, Sandhi Maria
Lotufo, Paulo Andrade
Texto completo
Id: biblio-1142367
Autor: SANTOS, Itamar de Souza; SUEMOTO, Claudia Kimie; VALLADÃO-JUNIOR, José Benedito Ramos; LIU, Simin; BARRETO, Sandhi Maria; FEDELI, Ligia Maria Giongo; LOTUFO, Paulo Andrade; BENSENOR, Isabela Martins.
Título: Serum folate levels and cognitive performance in the ELSA-Brasil baseline assessment / Níveis séricos de folato e desempenho cognitivo na avaliação de linha de base do ELSA-Brasil
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;78(11):672-680, Nov. 2020. tab.
Idioma: en.
Projeto: Brazilian Ministry of Health (Department of Science and Technology) and the Brazilian Ministry of Science and Technology (Financiadora de Estudos e Projetos and National Council for Scientific and Technological Development - CNPq); . São Paulo Research Foundation (FAPESP).
Resumo: ABSTRACT Background: Most studies that analyze the association between serum folate levels and cognitive function either restrict their assessments to specific clinical scenarios or do not include middle-aged individuals, to whom strategies for preventing cognitive impairment may be more feasible. Objective: To examine the association between serum folate levels and cognitive function in the Brazilian Longitudinal Study of Adult Health (ELSA-Brasil) baseline assessment. Methods: Data from 4,571 ELSA-Brasil participants who live in the state of São Paulo, aged 35-74 years, were analyzed. The word list learning, delayed recall, word recognition, verbal fluency, and Trail Making Test Part B consisted in the cognitive tests. For each test, age, sex, and education-specific standardized scores and a global cognitive score were calculated. Crude and adjusted linear regression models were used to examine the associations of serum folate levels with cognitive test scores. Results: In multivariable-adjusted models, serum folate was not associated with global cognitive score (β=-0.043; 95% confidence interval [95%CI] -0.135 to 0.050 for lowest vs. highest quintile group), nor with any cognitive test performance. We did not find associations between serum folate and global cognitive scores in subgroups stratified by age, sex, or use of vitamin supplements either. Conclusions: We did not find significant associations between serum folate and cognitive performance in this large sample, which is characterized by a context of food fortification policies and a consequent low frequency of folate deficiency. Positive results from previous studies may not apply to the increasingly common contexts in which food fortification is implemented, or to younger individuals.

RESUMO Introdução: A maioria dos estudos que analisam a associação entre os níveis séricos de folato e a função cognitiva restringem suas avaliações a cenários clínicos específicos ou não incluem indivíduos de meia idade, nos quais estratégias preventivas para a função cognitiva podem ser mais viáveis. Objetivo: Examinar a associação entre os níveis séricos de folato e a função cognitiva na avaliação inicial do Estudo Longitudinal da Saúde do Adulto (ELSA-Brasil). Métodos: Foram analisados dados de 4.571 participantes do ELSA-Brasil em São Paulo, com idades entre 35 e 74 anos. Os testes cognitivos foram aprendizagem, recordatório tardio e reconhecimento de lista de palavras; fluência verbal e teste de trilhas parte B. Calculamos, para cada teste e globalmente, escores padronizados para idade, sexo e educação. Foram utilizados modelos de regressão linear para examinar as associações dos níveis séricos de folato com o desempenho nos testes cognitivos. Resultados: Em modelos ajustados para múltiplas variáveis, o folato sérico não esteve associado ao escore cognitivo global (β=-0,043; intervalo de confiança de 95%: [IC95%] -0,135 a 0,050 para 1º vs. 5º quintil), ou desempenho em qualquer teste cognitivo. Também não encontramos associações entre folato sérico e escores cognitivos globais em subgrupos estratificados por idade, sexo ou uso de suplementos vitamínicos. Conclusões: Não encontramos associações significativas entre folato sérico e desempenho cognitivo nesta grande amostra, caracterizada por um cenário sob políticas de fortificação alimentar e consequente baixa frequência de deficiência de folato. Resultados positivos de estudos anteriores podem não se aplicar às situações cada vez mais comuns em que a fortificação de alimentos é implementada, ou a indivíduos mais jovens.
Descritores: Cognição
Disfunção Cognitiva
-Brasil
Estudos Transversais
Estudos Longitudinais
Ácido Fólico
Limites: Humanos
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-989402
Autor: Subasi, Sevgi; Altintas, Ozgul; Mercan, Selda; Cizmecioglu, Filiz; Toprak, Muge; Emre, Esra.
Título: Evaluation of nutritional status in children with amblyopia / Avaliação do estado nutricional de crianças com ambliopia
Fonte: Arq. bras. oftalmol;82(2):141-148, Mar.-Apr. 2019. tab.
Idioma: en.
Projeto: Kocaeli University Scientific Research Projects Coordination Unit.
Resumo: ABSTRACT Purpose: We aimed to compare the body mass index and vitamin and mineral status of children with and without amblyopia. Methods: Amblyopic children aged between 5 and 18 years (n=46) and age-matched control children (n=32) were evaluated in terms of anthropometric parameters, including height, weight, body mass index and demographic features. Serum vitamin B12 and folate were measured using an Advia Centaur XP (Siemens, Ireland) biochemistry analyzer. We evaluated the inorganic mineral elements from hair samples with inductively coupled plasma-mass spectrometry using a Thermo XSeries 2 analyzer (Thermo Fisher Scientific, Bremen, Germany). Results: No significant difference was found between the two groups in terms of height, weight, and body mass index or serum B12 and folate concentrations (p>0.05). Children with severe amblyopia had lower vitamin B12 and folate and higher body mass index. The levels of phosphorus (p=0.012), selenium (p=0.002), molybdenum (p<0.001), iodine (p=0.002), chromium (p=0.022), boron (p<0.001), and beryllium (p=0.005) were all significantly lower in the amblyopia group compared to the control group. All of these minerals, except phosphorus, were also significantly lower in those with severe amblyopia compared to those with milder amblyopia and controls (p<0.05). Conclusion: Amblyopic children are significantly deficient in some inorganic elements. Inorganic elements, vitamin B12, and folate may play an important role in the visual development of amblyopic children.

RESUMO Objetivo: Nosso objetivo foi comparar o índice de massa corporal e o nível de vitaminas e minerais de crianças com e sem ambliopia. Métodos: Crianças amblióticas com idades entre 5 e 18 anos (n=46) e crianças controle pareadas por idade (n=32) foram avaliadas quanto a parâmetros antropométricos, incluindo altura, peso, índice de massa corporal e características demográficas. A vitamina B12 e o folato séricos foram medidos utilizando um analisador bioquímico Advia Centaur XP (Siemens, Irlanda). Avaliamos os elementos minerais inorgânicos de amostras de cabelo com espectrometria de massa de plasma indutivamente acoplado usando um analisador Thermo XSeries 2 (Thermo Fisher Scientific, Bremen, Alemanha). Resultados: Não houve diferença significativa entre os dois grupos em relação à altura, peso e índice de massa corporal ou concentrações séricas de B12 e folato (p>0,05). Crianças com ambliopia severa tinham menor vitamina B12 e folato e maior índice de massa corporal. Os níveis de fósforo (p=0,012), selênio (p=0,002), molibdênio (p<0,001), iodo (p=0,002), cromo (p=0,022), boro (p<0,001) e berílio (p=0,005) foram todos significativamente menores no grupo com ambliopia em comparação com o grupo controle. Todos esses minerais, exceto o fósforo, também foram significativamente menores naqueles com ambliopia em comparação com aqueles com ambliopia leve e grupo controle (p<0,05). Conclusão: As crianças amblíopes são significativamente deficientes em alguns elementos inorgânicos. Elementos inorgânicos, vitamina B12 e folato podem desempenhar um papel importante no desenvolvimento visual de crianças com ambliopia.
Descritores: Vitamina B 12/sangue
Ambliopia/fisiopatologia
Ambliopia/sangue
Estado Nutricional/fisiologia
Ácido Fólico/sangue
Cabelo/química
-Valores de Referência
Oligoelementos/análise
Índice de Massa Corporal
Estudos de Casos e Controles
Antropometria
Estudos Prospectivos
Análise de Variância
Estatísticas não Paramétricas
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-845403
Autor: Rodríguez Ramos, Eglys; Pérez Ortiz, Letier; Hernández Roman, Greysi; Castillo Santos, Aylin Isabel  .
Título: Cirugía precoz en la prevención de la sepsis del recién nacido con mielomeningocele / Precocious surgery in preventing the sepsis of newborn with meningomyelocele
Fonte: Rev. medica electron;39(2):322-329, mar.-abr. 2017.
Idioma: es.
Resumo: El mielomeningocele es una malformación congénita por defecto del cierre del tubo neural, se produce en las primeras semanas de crecimiento intrauterino. Consiste en una masa quística que incluye tejido nervioso y meninges, acompañadas de una fusión incompleta de los arcos vertebrales. Produce severos daños neurales y puede asociarse a otras malformaciones. Su reparación, en las primeras horas de vida, es necesaria para evitar complicaciones que pueden comprometer la vida del niño o causar mayor discapacidad. Se reportó un caso de un recién nacido con diagnóstico de mielomeningocele fisurado, a nivel lumbar. Se intervino quirúrgicamente en las primeras 6 h de vida; se disecó el saco dural y se separaron las raíces, logrando el cierre completo de la duramadre. Se reparó la piel con afrontamiento de los bordes y adecuada cicatrización de la herida. Fue aplicada antibioticoterapia profiláctica con cefalosporina de tercera generación. El infante egresó a los 10 días de operado sin complicaciones neuroquirúgicas asociadas (AU).

Meningomyelocele is a congenital malformation by defect of neural tube closing, produced in the first weeks of intrauterine grow. It is a cystic mass that includes nervous tissues and meninges, together with an incomplete fusion of the vertebral arches. It produces severe neural damages and could be associated to other malformations. It is necessary to repair it during the first hours after birth to avoid complications that could compromise the child’s life or cause more disability. The case of a new-born child diagnosed with fissured meningomyelocele at the lumbar level is presented. He was operated in the first six hours after birth; the dural sac was dissected and the roots separated, reaching the complete dura mater closure. The skin was repaired with edges affronting and adequate wound healing. Prophylactic antibiotic therapy with third generation cephalosporin was applied. The child was discharged 10 days alter the surgery without associated neurosurgical complications (AU).
Descritores: Recém-Nascido/fisiologia
Meningomielocele/cirurgia
Meningomielocele/complicações
Meningomielocele/diagnóstico
Meningomielocele/epidemiologia
Malformações Vasculares do Sistema Nervoso Central/cirurgia
Malformações Vasculares do Sistema Nervoso Central/mortalidade
Malformações Vasculares do Sistema Nervoso Central/terapia
Tubo Neural/anormalidades
-Medula Espinal/anormalidades
Ácido Fólico/genética
Limites: Humanos
Masculino
Recém-Nascido
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: CU424.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas


  7 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1004090
Autor: Livramento, Débora do Vale Pereira do; Backes, Marli Terezinha Stein; Damiani, Pattrícia da Rosa; Castillo, Laura Denise Reboa; Backes, Dirce Stein; Simão, Alexandrino Martinho Sangunga.
Título: Percepções de gestantes acerca do cuidado pré-natal na atenção primária à saúde / Percepciones de gestantes acerca del cuidado prenatal en la atención primaria a la salud / Perceptions of pregnant women about prenatal care in primary health care
Fonte: Rev. gaúch. enferm;40:e20180211, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo OBJETIVO Compreender as percepções das gestantes acerca do cuidado recebido durante o pré-natal, no âmbito da atenção primária à saúde. MÉTODO Estudo qualitativo, baseado na Grounded Theory. A coleta de dados foi realizada de agosto a dezembro de 2016, através de entrevista semiestruturada com 12 gestantes que realizaram acompanhamento pré-natal na atenção primária do município de Florianópolis/SC/Brasil. A coleta e análise dos dados foram realizadas concomitantemente. Na análise de dados utilizou-se a codificação aberta e axial. RESULTADOS Foram elaboradas três categorias, sendo elas: O cuidado antes e durante a gestação. Participação em grupos de gestantes e, Cuidado de qualidade durante a gestação. CONCLUSÃO As percepções das gestantes acerca do cuidado recebido durante o pré-natal estão relacionadas à atenção dispensada, ao acolhimento humanizado, consideração da subjetividade da gestante e amparo nos momentos difíceis que tornam este período satisfatório.

Resumen OBJETIVO Comprender las percepciones de las gestantes acerca del cuidado recibido durante el prenatal, en el ámbito de la atención primaria a la salud. MÉTODO Estudio cualitativo, basado en la Grounded Theory. La recolección de datos fue realizada de agosto a diciembre de 2016, a través de entrevista semiestructurada con 12 gestantes en la atención primaria a la salud del municipio de Florianópolis/SC/Brasil. La recolección y análisis de los datos se realizaron concomitantemente. En el análisis de datos se utilizó la codificación abierta y axial. RESULTADOS Fueron elaboradas tres categorías, siendo ellas: El cuidado antes y durante la gestación, Participación en grupos de gestantes y, Cuidado de calidad durante la gestación. CONCLUSIÓN Las percepciones de las gestantes acerca del cuidado recibido durante el prenatal están relacionadas la atención dispensada, acogida humanizada, consideración de la subjetividad de la gestante y amparo en los momentos difíciles que hacen este período satisfactorio.

Abstract OBJECTIVE To understand the perceptions of pregnant women about the care received during prenatal care, in the field of primary health care. METHOD Qualitative study, based on Grounded Theory. Data collection was performed from August to December 2016, through a semi-structured interview with 12 pregnant women who received prenatal care in the city of Florianópolis/SC/Brazil. Data collection and analysis were performed concomitantly. Data analysis was performed using open and axial coding. RESULTS Three categories were elaborated: Care before and during gestation, Participation in groups of pregnant women, and Quality care during pregnancy. CONCLUSION The perceptions of the pregnant women about the care received during the prenatal care is related to the care given, humanized reception, consideration of the pregnant woman's subjectivity and support in the difficult moments that make this period satisfactory.
Descritores: Cuidado Pré-Natal/normas
Atenção Primária à Saúde/normas
Qualidade da Assistência à Saúde
-Cuidado Pré-Natal/psicologia
Complexo Vitamínico B/administração & dosagem
Brasil
Compostos Ferrosos/administração & dosagem
Pesquisa Qualitativa
Gestantes/psicologia
Gravidez não Planejada
Ácido Fólico/administração & dosagem
Ácido Fólico/análogos & derivados
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Balarin, Marly Aparecida Spadotto
Lima, Marco Fábio Prata
Texto completo
Id: biblio-1038497
Autor: Santos, Tayssia Beatriz dos; Paula, Helena Korres de; Balarin, Marly Aparecida Spadotto; Silva-Grecco, Roseane Lopes; Lima, Marco Fábio Prata; Resende, Elisabete Aparecida Mantovani Rodrigues de; Gomes, Mariana Kefalas Oliveira; Cintra, Mariangela Torreglosa Ruiz.
Título: Can the genetic polymorphisms of the folate metabolism have an influence in the polycystic ovary syndrome?
Fonte: Arch. endocrinol. metab. (Online);63(5):501-508, Sept.-Oct. 2019. tab.
Idioma: en.
Projeto: Fapemig.
Resumo: ABSTRACT Objective To investigate the association of the genetic variants of the folate metabolism genes (MTHFR C677T; MTHFR A1298C; MTR A2756G; MTRR A66G and RFC-1 A80G) with the development of polycystic ovary syndrome (PCOS). Subjects and methods This study included 203 women (99 women with PCOS and 104 controls). The genotyping was performed by PCR-RFLP. Chi-squared test and multiple logistic regression were used in the statistical analysis. Haplotype analysis was conducted using the SNPstat program. The results were presented in odds ratio (OR) and confidence interval of 95% (CI-95%), with a significance level of 5% (p ≤ 0.05). Results The genotypic distribution of the RFC-1 A80G polymorphism showed significant difference between the two groups, showing that the heterozygous genotype (AG genotype) was most frequent in controls. The polymorphic homozygous (GG genotype) of MTRR A66G polymorphism were most frequent in controls. The T-C haplotype MTHFR C677T and A1298C polymorphisms were more frequent in the control group (OR = 0.19; CI 95% — 0.04 to 0.93 e p = 0.042). The multivariate analysis evidenced that family history of PCOS was more frequent in the PCOS group (OR = 3.29; CI 95% — 1.48 to 7.31; p = 0.003). Conclusion In our casuistry, the polymorphic homozygous of MTRR A66G polymorphism gene and heterozygous of RFC-1 A80G polymorphism gene, the haplotype T-C C677T and A1298C polymorphisms of MTHFR gene, can be associated with protective factors for the disease.
Descritores: Síndrome do Ovário Policístico/genética
Polimorfismo Genético/genética
Ácido Fólico/genética
-Síndrome do Ovário Policístico/metabolismo
Polimorfismo de Fragmento de Restrição
Estudos de Casos e Controles
Fatores de Risco
Predisposição Genética para Doença
Polimorfismo de Nucleotídeo Único
Ácido Fólico/metabolismo
Genótipo
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-661232
Autor: Magno, Maria Augusta Correa Barroso; Rocha, Natália Pessoa.
Título: Saúde da gestante e do feto: ingestão de micronutrientes essenciais versus utilização de substâncias prejudiciais - um estudo em Belo Horizonte (MG) / Pregnant and fetus' health: intake of essential micronutrients versus use of harmful substances: a study in Belo Horizonte (MG)
Fonte: HU rev;37(4):441-448, dez. 2011.
Idioma: pt.
Descritores: Gravidez
Nutrição Pré-Natal
-Tabaco
Micronutrientes
Etanol
Uso de Medicamentos
Nutrição Materna
Feto
Ácido Fólico
Ferro
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  10 / 382 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1041312
Autor: Demir, Enver Ahmet; Bilgic, Yasemin.
Título: Chia seed ( Salvia hispanica L. ) supplementation may contribute to raising the levels of vitamin B12: an option for the vegan diet / Suplementação de semente de chia ( Salvia hispanica L. ) pode contribuir para elevar os níveis de vitamina B12: uma opção para a dieta vegana
Fonte: Rev. Nutr. (Online);32:e180249, 2019. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective The chia seed, an ancient pseudocereal, is rich in omega-3 fatty acids and polyphenols, and has been suggested to possess several health benefits. Although it has gained popularity among nutritionists, little is known about the systemic effects of chia and their interactions. Hence, hepatorenal indicators and plasma vitamin concentrations in chia-supplemented aluminum-exposed rats were investigated. Methods Wistar albino rats were either fed on a chia-rich- or standard-diet for 21 days and exposed to aluminum. Liver function tests (Alanine Aminotransferase, Aspartate Aminotransferase, Alkaline Phosphatase, Lactate Dehydrogenase), kidney function tests (Urea Nitrogen, Creatinine), and vitamin B12 and folic acid measurements were performed by using an automated analyzer. Results Aluminum exposure had no influence on renal function, as did chia supplementation. However, liver function was disturbed with the exposure to Aluminum and chia was of no use against it. Surprisingly, it was found that the animals fed on a chia-rich diet displayed higher concentrations of vitamin B12 which was not the case for folic acid. Conclusion It was deduced that a chia-rich diet has no effect on the renal function and is not able to reverse aluminum-induced hepatotoxicity; however, it may be of benefit against vitamin B12 insufficiency and thus, it may offer a novel treatment option which is particularly important in the vegan diet.

RESUMO Objetivo A semente de chia, um antigo pseudocereal, é rica em ácidos graxos ômega-3 e polifenóis e tem sido sugerida como tendo vários benefícios para a saúde. Embora tenha ganhado popularidade entre os nutricionistas, na verdade, pouco se sabe sobre os efeitos e interações sistêmicas da chia. Assim, investigamos os indicadores hepatorrenais e as concentrações plasmáticas de vitamina em ratos expostos ao alumínio suplementados com chia. Métodos Ratos albinos Wistar foram alimentados com dieta rica em chia ou padrão por 21 dias e expostos ao alumínio. Testes de função hepática (Alanina Aminotransferase, Aspartato Aminotransferase, Fosfatase Alcalina, Lactato Desidrogenase), testes de função renal (ácido úrico, Creatinina) e medições de vitamina B12 e ácido fólico realizada usando um analisador automático. Resultados A exposição ao alumínio não influenciou a função renal, assim como a suplementação de chia. No entanto, a função hepática foi perturbada com a exposição e a chia foi inútil contra ela. Surpreendentemente, descobrimos que os animais que se alimentavam de uma dieta rica em chia apresentavam concentrações mais elevadas de vitamina B12, o que não era o caso do ácido fólico. Conclusão Deduzimos que a dieta rica em chia não tem efeito sobre a função renal e não é capaz de reverter a hepatotoxicidade induzida pelo alumínio; no entanto, pode ser benéfico contra a insuficiência de vitamina B12 e, portanto, pode oferecer uma nova opção de tratamento que é particularmente importante na dieta vegana.
Descritores: Salvia
-Dieta Vegetariana
Alimentos Fortificados
Ratos Wistar
Alumínio
Ácido Fólico
Testes de Função Renal
Testes de Função Hepática
Limites: Animais
Ratos
Tipo de Publ: Ensaio Clínico
Responsável: BR13.3 - Biblioteca das Faculdades de Odontologia e Nutrição



página 1 de 39 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde