Base de dados : LILACS
Pesquisa : D03.633.100.759.590.616 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 7 [refinar]
Mostrando: 1 .. 7   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 7 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-623594
Autor: Marr, J. Joseph; Berens, Randolph L.
Título: Hypoxanthine and inosine analogues as chemotherapeutic agents in chagas' disease
Fonte: Mem. Inst. Oswaldo Cruz;83(supl.1):301-307, Nov. 1988.
Idioma: en.
Conferência: Apresentado em: Annual Meeting on Basic Research in Chagas's disease, 15, Apresentado em: Meeting of the Brazilian Society of Protozoology4, Caxambu, 7-10 Nov. 1988.
Descritores: Doença de Chagas/tratamento farmacológico
Inosina/análogos & derivados
Inosina/uso terapêutico
-Pirazóis/uso terapêutico
Tripanossomicidas
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-733235
Autor: Sá, Miriam Ribeiro Calheiros de; Thomazinho, Paula de Almeida; Santos, Fabiano Luiz; Cavalcanti, Nicolette Celani; Ribeiro, Carla Trevisan Martins; Negreiros, Maria Fernanda Vieira; Vinhaes, Marcia Regina.
Título: Assistência fisioterapêutica na atenção primária à saúde infantil: uma revisão das experiências / Physical therapy in pediatric primary care: a review of experiences
Fonte: Rev. panam. salud pública = Pan am. j. public health;36(5):324-330, nov. 2014. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Revisar as experiências de atenção fisioterapêutica dirigidas à população pediátrica descritas na literatura e analisar a produção de conhecimento sobre fisioterapia no contexto da atenção primária à saúde infantil (APSI). MÉTODOS: Foi realizada uma revisão sistemática conforme PRISMA, com busca nas seguintes bases de dados: MEDLINE, LILACS, SciELO, PubMed, Scopus, Cochrane; banco de teses da CAPES; e System for Information on Grey Literature in Europe (SIGLE). Foram utilizados os descritores "atenção primária à saúde", "fisioterapia", "lactente ou criança" e seus correspondentes na língua inglesa e espanhola, sem restrição de ano de publicação. RESULTADOS: Analisamos 13 artigos de seis países, reunidos em três eixos temáticos: dilemas profissionais (três artigos), competências e habilidades específicas para a APSI (sete artigos) e relatos de prática (quatro artigos). Os dilemas profissionais mencionados foram a ampliação do papel do fisioterapeuta para incluir ambientes comunitários, compartilhando a tomada de decisão com as famílias, e o trabalho em colaboração com outros serviços de saúde para identificar as necessidades da criança. As competências e habilidades citadas foram a identificação de sintomas clínicos e socioculturais para além das condições musculoesqueléticas, o diagnóstico fisioterapêutico precoce, a prevenção contra o uso excessivo de medicamentos e a capacidade de trabalhar em equipe. Os relatos de prática discorreram sobre estimulação em crianças com quadros neurológicos, tratamento respiratório e grupos com mães de crianças com esses acometimentos. CONCLUSÕES: O baixo número de estudos sugere desconhecimento quanto ao modo como a fisioterapia se insere na APSI e, provavelmente, quanto às habilidades profissionais necessárias nesse ambiente. Assim, são necessários mais estudos para fornecer dados sobre a área e um esforço de qualificação continuada por parte dos fisioterapeutas.

OBJECTIVE: To review pediatric physical therapy experiences described in the literature and to analyze the production of knowledge on physical therapy in the context of pediatric primary health care (PPHC). METHODS: A systematic review was conducted according to the PRISMA criteria. The following databases were searched: MEDLINE, LILACS, SciELO, PubMed, Scopus and Cochrane; Brazilian Ministry of Health's CAPES doctoral dissertations database; and System for Information on Grey Literature in Europe (SIGLE). The following search terms were used: ["primary health care" and ("physical therapy" or "physiotherapy") and ("child" or "infant")] and equivalent terms in Portuguese and Spanish, with no restriction on publication year. RESULTS: Thirteen articles from six countries were analyzed and grouped into three main themes: professional dilemmas (three articles), specific competencies and skills required in a PPHC setting (seven articles), and practice reports (four articles). Professional dilemmas involved expanding the role of physical therapists to encompass community environments and sharing the decision-making process with the family, as well as collaborative work with other health services to identify the needs of children. The competencies and skills mentioned in the literature related to the identification of clinical and sociocultural symptoms that go beyond musculoskeletal conditions, the establishment of early physical therapy diagnoses, prevention of overmedication, and the ability to work as team players. Practice reports addressed stimulation in children with neurological diseases, respiratory treatment, and establishing groups with mothers of children with these conditions. CONCLUSIONS: The small number of studies identified in this review suggests that there is little knowledge regarding the roles of physical therapists in PPHC and possibly regarding the professional abilities required in this setting. Therefore, further studies are required to provide data on the field, along with a continuing education effort on the part of physical therapists.
Descritores: Adenosina/análogos & derivados
Compostos de Epóxi/química
Inosina/química
Mutagênicos/química
-Adenosina/química
Cromatografia Líquida de Alta Pressão
Adutos de DNA/química
Inosina/análogos & derivados
Cinética
Espectroscopia de Ressonância Magnética
Espectrometria de Massas de Bombardeamento Rápido de Átomos
Espectrofotometria Ultravioleta
Tipo de Publ: Research Support, U.S. Gov't, Non-P.H.S.
Research Support, U.S. Gov't, P.H.S.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-571283
Autor: Silva, Tânia Maria Correia.
Título: A resposta imuno-inflamatória na leishmaniose tegumentar humana / The immune-inflammatory response in human cutaneous leishmaniasis.
Fonte: Salvador; s.n; 1999. 111 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal da Bahia. Faculdade de Medicina para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Na LTA é reconhecido um espectro de manifestações clínico-munológicas que varia da forma cutânea localizada (LCL) e mucocutânea (LCM), à difusa (LCD). A forma de apresentação clínica é influenciada pela resposta do hospedeiro. A maioria dos pacientes infectados com L. braziliensis desenvolve LCL, uma resposta imuno é montada contra o parasito. Poucos pacientes infectados por L. braziliensis apresentam LCM que é vista como o p!Jlo hiperresponsivo da doença. Raramente, se observa a forma anérgica, LCD, que no Brasil é causada por L. amazonensis. O objetivo deste trabalho foi caracterizar in situ o perfil fenotípico das células do infiltrado inflamatório mononuclear e as citocinas, TNF-a, TGF-B, IFN-y e a enzima iNOS, na tentativa de estabelecer correlações com os váriados aspectos morfológicos da L TA. Foram estudados 43 pacientes, 35 com LCL, 5 com LCM e 3 com LCD. As biópsias de pele e mucosa foram submetidas a estudo histológico e imunohistoquímico pela técnica de imunoperoxidase indireta. As três formas clínicas da L TA mostraram diferenças na composição celular do infiltrado inflamatório. Na LCL os macrófagos foram mais numerosos que T CD4+ e T CD8+, sendo os T CD8+ menos numerosos. Linfócitos T CD8+ foram mais numerosos nas lesões com tempo de evolução maior que 10 semanas ou naquelas que mostraram necrose em granulomas. Na LCM observou se uma equivalência numérica entre estes três fenótipos. Na LCD macrófagos representaram 89% das células do infiltrado inflamatório. Os linfócitos TCD4+ e T CD8+ foram numericamente iguais ou equivalentes. IFN-y foi observado em raras células na LCL e LCM e esteve ausente na LCD. TNF-a foi observado em células mononucleares em torno de vasos, circundando áreas de necrose e apoptose e em células epitelióides de granuloma. TNF-a associado a membrana foi observado em células mononuleares em torno de vasos...
Descritores: Citocinas
Inosina/sangue
Leishmania braziliensis/parasitologia
Leishmania mexicana/parasitologia
Leishmaniose/patologia
Limites: Humanos
Responsável: BR344.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas Eurydice Pires de SantAnna
BR344.1 Biblioteca de Ciências Biomédicas Eurydice Sant'Anna


  4 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-565625
Autor: Micheli, Alfredo de; Pastelín, Gustavo; Chávez Dominguez, Rafael; Iturralde Torres, Pedro; A. Medrano, Gustavo.
Título: Antiarrhythmic and arrhythmogenic action of inosine in experimental ventricular tachyarrhythmias / Efectos antiarrítmicos y arritmogénicos de la inosina en taquiarritmias ventriculares experimentales
Fonte: Arch. cardiol. Méx;79(3):175-181, jul.-sept. 2009. ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: To study the possible action of inosine on experimental ventricular tachyarrhythmias. MATERIAL AND METHODS: We used 92 mongrel dogs weighing 13 kg-17 kg, anesthetized with 30 mg/kg sodium pentobarbital applied intravenously. Myocardial lesions were induced by injecting 1 ml-1.5 ml of 70% phenol in the free wall of the left ventricle. In 36 dogs, the ventricular arrhythmia (VT) was induced 30 min later with aconitine crystals inserted into the periphery of the damaged area; in 16, VT was due only to myocardial damage and in the other 13 VT was spontaneously originated. Twenty-nine animals constituted the control group; no inosine was administered to them. The possible effects of inosine were studied in 63 animals. Leads II, aVR or aVL, right and Left unipolar intraventricular leads and that on the wall of the superior vena cava were recorded under control conditions, once the myocardial damage had been induced, during the ventricular tachycardia, and following the injection of inosine. Of the 63 inosine-treated animals; in 34, VT was due to aconitine; in 16, it was produced only by the myocardial damage and, in 13, VT was presented spontaneously. RESULTS: Sinus rhythm was not reestablished in the animals of the control group. Inosine reestablished the sinus rhythm in 26 of 34 dogs (76%) that received phenol and aconitine, in 13 of the 16 (81%) presenting only the myocardial damage, and in 6 of the 13 (46%) with spontaneous ventricular tachycardia. In some experiments, inosine induced supraventricular tachycardias, ventricular-atrial blocks, and ventricular pre-excitation phenomena. CONCLUSIONS: In this experimental series, inosine showed antiarrhythmic and arrhythmogenic effects, similar to those of adenosine from which it derives.
Descritores: Inosina
Taquicardia Ventricular
Limites: Animais
Cães
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-254874
Autor: Cervini, Andrea Bettina.
Título: Tratamiento de las alopecias en la infancia / Treatment of alopecias in children
Fonte: Arch. argent. dermatol;48(4):193-205, jul.-ago. 1998. ilus.
Idioma: es.
Descritores: Alopecia em Áreas/tratamento farmacológico
Alopecia em Áreas/terapia
Alopecia/diagnóstico
Antralina/uso terapêutico
Minoxidil/uso terapêutico
-Corticosteroides/uso terapêutico
Alérgenos/uso terapêutico
Alopecia/tratamento farmacológico
Ciclosporina/uso terapêutico
Inosina/uso terapêutico
Líquen Plano/complicações
Lúpus Eritematoso Cutâneo/complicações
Guias de Prática Clínica como Assunto
Couro Cabeludo/efeitos dos fármacos
Tricotilomania/terapia
Limites: Humanos
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: AR144.1 - CIBCHACO - Centro de Información Biomedica del Chaco


  6 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-246769
Autor: Douglas, Carlos Roberto.
Título: Fisiologia do fluxo sanguíneo das estruturas orais / Blood flow physiology of the oral structures
Fonte: In: Douglas, Carlos Roberto. Patofisiologia oral: fisiologia normal e patológica aplicada a odontologia e fonoaudiologia. Säo Paulo, Pancast, 1998. p.461-76, ilus, tab, graf. (BR)
Idioma: pt.
Símbolo: BR.
Descritores: Circulação Sanguínea/fisiologia
Mucosa Bucal/irrigação sanguínea
-Adenosina
Endotelina-1
Endotélio Vascular/fisiologia
Epoprostenol
Gengiva/irrigação sanguínea
Histamina
Hipoxantina
Inosina
Cininas
Polpa Dentária/irrigação sanguínea
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta
BR28.1; D6, D745p, v.1


  7 / 7 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-219889
Autor: Ortiz, Valdemar; Couto, William A.
Título: Efeitos do alopurinol sobre as alteraçöes morfológicas produzidas pela isquemia testicular temporária em ratos / Reperfusion injury with allopurinol after short term testicular ischemia in rats
Fonte: J. bras. urol;23(1):5-8, jan.-mar. 1997. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo do presente estudo foi avaliar, em ratos, se o alopurinol é capaz de proteger o testículo contra os efeitos da isquemia com duraçäo de uma hora, seguida de reperfusäo. Dezoito ratos adultos, Wistar-EPM1, com peso variando entre 300 e 340g, foram divididos em três grupos: controle (G1), isquemia (G2) e isquemia com alopurinol (G3) com seis animais cada. Após anestesia com pentobarbital sódico intraperitoneal (30mg/Kg), o testículo esquerdo era exteriorizado e mantido imerso em soluçäo salina (0,9 por cento) à temperatura ambiente durante uma hora. Nos grupos G2 e G3 o pedículo era clampeado durante o experimento (1h). No grupo G3 cada animal recebeu 50 mg/Kg de alopurinol V.O. nos dois dias anteriores e duas horas antes da isquemia. Após 60 dias os animais foram anestesiados, sacrificados e os testículos removidos, pesados e preparados para exame histopatológico (HE). As lâminas foram analisadas de acordo com a classificaçäo de Cosentino. Observou-se diminuiçäo significante do peso do testículo esquerdo nos grupos G2 e G3 (p<0,05) e o escore histopatológico mostrou grau importante de sofrimento testicular esquerdo nos grupos G2 e G3 (p<0,05). Concluiu-se que o alopurinol näo foi capaz de proteger o testículo do rato contra os efeitos do fenômeno de isquemia/reperfusäo
Descritores: Alopurinol/farmacologia
Alopurinol/uso terapêutico
Hipnóticos e Sedativos/uso terapêutico
Inosina/uso terapêutico
Isquemia/tratamento farmacológico
Isquemia/patologia
Pentobarbital/uso terapêutico
Testículo/irrigação sanguínea
Testículo/patologia
Traumatismo por Reperfusão/patologia
-Antimetabólitos/uso terapêutico
Catalase/uso terapêutico
Desferroxamina/uso terapêutico
Hiperóxia/metabolismo
Hipoxantina/farmacocinética
Nifedipino/uso terapêutico
Ratos Wistar
Superóxido Dismutase/uso terapêutico
Traumatismo por Reperfusão/metabolismo
Traumatismo por Reperfusão/tratamento farmacológico
Vasodilatadores/uso terapêutico
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR13.1 - NDC - Núcleo de Documentação



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde