Base de dados : LILACS
Pesquisa : D05.750.078.562.388 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 119 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 12 ir para página                         

  1 / 119 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1052008
Autor: Pedrosa, Gustavo F; Lana, Maria Carolina B; Ferreira, Guilherme S. A; Pedrosa, Ricardo Ferreira; Santos, Marcos H. R. dos; Diniz, Rodrigo César R.
Título: Comparação do número máximo de repetições em séries múltiplas entre indivíduos com diferentes tempos de experiência no treinamento de força / Comparison of the maximum number of repetitions in multiple series between individuals with different times of experience in resistance training
Fonte: Rev. bras. ciênc. mov;27(4):139-146, jul.-set. 2019. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O treinamento de força (TF) proporciona adaptações centrais e morfológicas que influenciam no processo de produção de força. Em função destas adaptações é esperado que ocorram diferenças no desempenho de força entre homens com diferentes tempos de experiência no TF quanto testados em séries múltiplas. Assim, este estudo teve como objetivo comparar o número máximo de repetições (NMR) realizadas em 3 séries entre indivíduos com diferentes tempos de experiência no TF. Para isso, vinte e dois homens foram divididos em dois grupos de acordo com o tempo de experiência no TF. O Grupo Muito Experiente (GME) foi representado por homens com mais de 5 anos no TF. O Grupo Pouco Experiente (GPE) foi composto por homens com 1 a 6 meses de experiência no TF. Os grupos foram submetidos à realização do maior número de repetições em três séries a 80% de 1RM no exercício supino reto. Além disso, a duração média da repetição (DMR) foi registrada e comparada em cada série intra e inter grupos. Para as comparações foram utilizadas duas ANOVAs com única variável (NMR ou DMR) e dois fatores (fator 1 = experiência, fator 2 = série). Na análise do NMR foi detectada uma interação entre os fatores, sendo que o número máximo de repetições realizado pelo GME foi maior do que o GPE apenas na primeira série (p = 0,017). Quanto à DMR, não foram encontradas diferenças entre os grupos (p = 0,80) e séries (p= 0,06). Conclui-se que o tempo de experiência no TF interferiu na realização do número máximo de repetições apenas na primeira série... (AU)

Strength training (TF) provides central and morphological adaptations that influence the process of force production. Due to these adaptations, it is expected that differences in force performance occurred between men with different times of experience in the TF when tested in multiple series. Thus, this study had as objective to compare the maximum number of repetitions (NMR) performed in 3 sets between individuals with different times of experience in the TF. For this, twenty-two men were split into two groups according to the time of experience in the TF. The Very Experienced Group (GME) was represented by men older with at least 5 years in TF. The Little Experienced Group (GPE) was composed of men with 1 to 6 months of experience in TF. The groups were submitted to perform the highest number of repetitions in three sets at 80% of 1RM in the bench press exercise. In addition, mean repetition duration (DMR) was recorded and compared in each set and group. For the comparison, two ANOVAs with a single variable (NMR or DMR) and two factors (factor 1 = experience, factor 2 = set) were used. In the NMR analysis, an interaction between the factors was detected, and the NMR performed by the GME was higher than the GPE only at the first set (p = 0.017). Regarding DMR, no differences were found between groups (p = 0.80) and sets (p = 0,06). It is concluded that the time of experience in the TF interfered in the Performance of the maximum number of repetitions only at the first set...(AU)
Descritores: Fosfocreatina
Força Muscular
FREEMARTINISMABBREVIATIONS AS TOPIC
Glicogênio
Hipertrofia
-Educação Física e Treinamento
Exercício Físico
Limites: Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  2 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1015617
Autor: Torres-Gómez, Francisco Javier; Fernández-Machín, Pilar; Cantalejo-Rodríguez, Carolina.
Título: Acantoma de células claras abdominal. Lesión infrecuente en localización atípica / Abdominal clear cell acantoma. Uncommon lesion in atypical location
Fonte: ARS med. (Santiago, En línea);41(1):23-27, 2016. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Introducción. El acantoma de células claras es una lesión tumoral benigna relativamente infrecuente que muestra unas características histológicas que permiten su diagnóstico. Método. Presentamos el caso de un acantoma de células claras abdominal, localización infrecuente, en un paciente de 72 años. Resultado. El diagnóstico fue establecido tras el pertinente estudio histológico pues la clínica inespecífica y la localización atípica impedían la realización de un correcto juicio clínico. Conclusiones. Pretendemos con la presentación del presente caso poner de manifiesto la histología tan peculiar de esta lesión al tiempo que, a través de una amplia revisión bibliográfica, mostramos distintas localizaciones y presentaciones atípicas de dicha entidad.(AU)

Introduction. Clear cell acanthoma is a relatively rare benign tumoral lesion showing histological features that allow diagnosis. Method. We report the case of abdominal clear cell acanthoma, unusual location in a patient of 72 years. Results. The diagnosis was established after the relevant histological study as nonspecific clinical and atypical location prevented the realization of a proper clinical trial. Conclusions. We intend with the presentation of this case highlight the peculiar histology of this lesion while, through an extensive literature review, we show different locations and atypical presentations of this entity.(AU)
Descritores: Acantoma
-Ferimentos e Lesões
Glicogênio
Limites: Humanos
Feminino
Idoso
Tipo de Publ: Estudo Clínico
Responsável: CL10.1 - Biblioteca Biomédica


  3 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-916635
Autor: Siqueira, André Buzutti de; Godoy, Heloisa Pinto de; Moraes, Alessandra Cristina de; Prata, Luiz Francisco.
Título: Avaliação do índice de rigor mortis e da evolução do pH da musculatura de tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) durante estocagem em gelo sob refrigeração / Evaluation of rigor mortis index and pH evolution of Nile tilapia musculature (Oreochromis niloticus) during refrigerated ice storage
Fonte: Hig. aliment;32(282/283):85-90, jul.-ago. 2018. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A avaliação do rigor mortis em peixes representa elevada importância para a cadeia produtiva, visto que a rápida instalação deste é um indicativo de estresse, tendo influência na qualidade do produto final. Considerando isso, este trabalho teve por objetivo avaliar o estabelecimento do pleno rigor mortis e o comportamento do pH de tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus), abatidas por secção da medula e estocadas em gelo sob refrigeração (0ºC± 3ºC) em dois períodos distintos (seca e chuva). As amostras foram coletadas em pesque-pagues situados no Estado de São Paulo, correspondendo a 60 amostras. Verificou-se que não houve diferença significativa (p>0,05) entre os períodos analisados para o estabelecimento do pleno rigor mortis e do pH da musculatura dorsal da espécie analisada. Apesar de sutis diferenças para as amostras dos diferentes períodos, tanto nos valores da angulação mensurada, quanto do pH, verificou-se que, em ambos os casos, o tempo de estabelecimento do pleno rigor mortis (100%) foi de aproximadamente cinco horas e, sem a definição do pH final do músculo nesse tempo. Para tanto, independente do período o tempo de instalação do rigor mortis, o abate pelo método de secção medular, foi considerado uma boa opção para o abate de tilápias, porém são necessários trabalhos complementares.

The evaluation of rigor-mortis in fishes has high importance to the productive chain, once the fast installation of it is a stress indicative, influencing the quality of the final product. Therefore, this paper aims to evaluate the constitution of full rigor mortis and pH behavior of Nile tilapia (Oreochromis niloticus), slaughtered by medullar detachment and stored in ice under refrigeration (0ºC ± 3ºC) in two distinct periods (dry and rainy). The samples were collected in fee-fishing ponds located in the State of São Paulo, corresponding to 60 samples. It was verified that there wasn't any significant difference (p> 0.05) between the analyzed periods for the constitution of full rigor mortis and the dorsal musculature pH of the analyzed samples. Despite of the differences for the samples of the different periods were subtle in both the measured and the pH values, it was observed that in both cases the full rigor-mortis constitution time (100%) was approximately five hours, without defining the muscle final pH at that time. Therefore, regardless of the time of installation of rigor-mortis, the slaughter by the medullar detachment method was considered a good alternative for tilapia slaughtering, but complementary research is necessary.
Descritores: Rigor Mortis
Estresse Fisiológico
Tilápia
Gestão da Qualidade
Produtos Pesqueiros
Glicogênio
-Ciclídeos
Alimentos Resfriados
Armazenamento de Alimentos
Peixes
Concentração de Íons de Hidrogênio
Limites: Animais
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  4 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-957980
Autor: Uchenna, Uzukwu Emmanuel; Shori, Amal Bakr; Salihin Baba, Ahmad.
Título: Inclusión de semillas de aguacate (Persea americana) en la dieta para mejorar el metabolismo de carbohidratos y lípidos en ratas / Inclusion of avocado (Persea americana) seeds in the diet to improve carbohydrate and lipid metabolism in rats
Fonte: Rev. argent. endocrinol. metab;54(3):140-148, set. 2017. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: The effects of avocado seeds (A) inclusion (2%, 4% and 8%) in diets on cholesterol and carbohydrate metabolism in normal rats Sprague Dawley (SD) fed on basal diet (BD) or high sucrose diet (HSD) and spontaneous hypertensive rats (SHR) fed on BD were studied. The inclusion of avocado seeds in the diet influences the feeding and growth performance in rats. The inclusion of A lowered (p < 0.05) cholesterol at 2% and 4% doses and glucose at 2% in serum of SD rats fed on BD, whereas only serum cholesterol level was reduced at all the three doses in SHR. Increased liver glycogen (p < 0.05) was noted in SD rats fed on BD with 8% A. All avocado seeds doses increased (p < 0.05) liver glycogen storage in SHR fed on BD and SD rats fed on HSD. Avocado seeds can lower blood glucose and cholesterol and enhance liver glycogen storage in rats.

Los efectos de la inclusión de semillas de aguacate (A) (2%, 4% y 8%) en dietas sobre el metabolismo del colesterol y carbohidratos en ratas normales Sprague Dawley (SD) alimentados con dieta basal (BD) o dieta con alto contenido en sacarosa (HSD) se estudiaron las ratas hipertensas (SHR) alimentadas con BD. La inclusión de las semillas de aguacate en la dieta influye en la alimentación y el crecimiento en ratas. La inclusión de A disminuyó (p < 0,05) el colesterol a dosis del 2 y el 4% y glucosa al 2% en suero de ratas SD alimentadas con BD, mientras que solo el nivel de colesterol sérico se redujo en todas las 3 dosis en SHR. Se observó un aumento del glucógeno hepático (p < 0,05) en ratas SD alimentadas con BD con un 8% de A. Todas las dosis de semillas de aguacate aumentaron (p< 0,05) el almacenamiento de glucógeno hepático en SHR alimentado con BD y SD alimentadas con HSD. Las semillas de aguacate pueden reducir la glucosa y el colesterol en la sangre, y aumentar el almacenamiento de glucógeno hepático en ratas.
Descritores: Persea/metabolismo
Metabolismo dos Carboidratos
Metabolismo dos Lipídeos
-Glucose/antagonistas & inibidores
Glicogênio/biossíntese
Anticolesterolemiantes/sangue
Limites: Animais
Ratos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Estudo de Validação
Responsável: AR1.2 - Instituto de Investigaciónes Epidemiológicas


  5 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-946716
Autor: Carlos, Carolina Sales; Oliveira, Vitor Falcão de; Saraiva, Ludmilla Grossi Furtado; Dornelas, Patrícia Grossi; Corrêa, José Assis Carvalho; Costa, Assaiah Moreira Marrazzo da; Santos, Carolina Oliveira; Moreira, Daniela de Paiva; Rocha, Joandey Caixeta; Boaventura, Lucas Santos; Barros, Mariana Cata Preta de; Bandeira, Pedro Igor Buna; Rezende, Pedro Henrique Menezes de; Vaz Filho, Wallace dos Santos; Calábria, Luciana Karen.
Título: Glicogenoses: uma revisão geral / Glycogenoses: an overeview
Fonte: Biosci. j. (Online);30(5):1598-1605, sept./oct. 2014.
Idioma: pt.
Resumo: Compreender o metabolismo dos diferentes tipos de glicogênio no organismo humano torna-se de suma importância, pois além da sua relevância no fornecimento energético e no controle da glicemia, o glicogênio pode estar relacionado com diversos tipos de doenças que comprometem a saúde do ser humano, especialmente pela deficiência em enzimas de vias anabólicas e catabólicas. Em um contexto de avanços no desenvolvimento de pesquisas relacionadas às áreas da saúde, uma série de estudos busca entender fisiologicamente os caminhos do glicogênio em situações de exercício, repouso, jejum, dentre outras, além de analisar os mais variados transtornos decorrentes da deficiência no metabolismo desse polissacarídeo. Um exemplo são as glicogenoses, doenças hereditárias, em sua maioria de caráter recessivo, relacionadas com o armazenamento de glicogênio. Dentre alguns dos treze tipos de glicogenoses podemos citar a glicogenose tipo 0, uma doença rara que se desenvolve na infância e implica na produção defeituosa da enzima glicogênio sintase; e a glicogenose tipo I, também conhecida como Doença de Von Gierke, que se caracteriza pela deficiência no complexo enzimático glicose-6-fosfatase, responsável pela catalisação da hidrólise de glicose-6-fosfato na metabolização do glicogênio. Apesar de todas essas doenças serem caracterizadas por glicogenoses, elas possuem diferenças quanto ao órgão afetado, à gravidade de suas manifestações, o perfil etário que cada uma atinge e no efeito enzimático. Por isso, a necessidade de estudos que correlacionam as principais causas e sintomas, e visam proporcionar uma visão global dessas desordens de hereditariedade.

The comprehension of the metabolism of different types of glycogen in the human organism becomes extremely important since, other than its relevance in providing energy and controlling glycemia, glycogen can be related to many types of diseases that compromise the human health, especially when it comes to the deficiency in enzyme anabolic and catabolic pathways. In the context of advances in the development of researches related of health area, many studies inquire a physiological understanding of the glycogen pathways exercising, resting, fasting and other conditions, as well as analyzing the most varied disorders arising from hereditary deficiencies in the carbohydrate metabolism, in polysaccharide specially. The glycogenoses are hereditary disorders, which present mainly recessive feature, related with the glycogen storage. Among the thirteen types of glycogenoses, type 0 is a rare disease that develops in early stages of life and implies in the production of defective glycogen synthase enzyme; and type I is characterized by the deficiency of the glucose-6-phosphatase enzyme complex, responsible for catalyzing the hydrolysis of glucose-6- phosphate in glycogen metabolism. Although all these diseases are characterized as being glycogenoses, they possess differences as to the organ affected, the gravity of their manifestations, the age it begins to manifest, and in which way it affects enzymatic properties. Therefore, there is a necessity of studies that correlates the main causes and symptoms, and aim to provide a global vision of these hereditary disorders.
Descritores: Doença de Depósito de Glicogênio
Doença de Depósito de Glicogênio Tipo I
Glicogênio
Doenças Genéticas Inatas
Responsável: BR396.4


  6 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-948461
Autor: Tolussi, Carlos E; Gomes, Aline D; Ribeiro, Cristiéle da S; Caneppele, Danilo; Moreira, Renata G; Honji, Renato M.
Título: Mobilization of energetic substrates in the endangered catfish Steindachneridion parahybae (Siluriformes: Pimelodidae): changes in annual reproductive cycle in captivity
Fonte: Neotrop. ichthyol;16(2):[e170120], jun. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: This study aimed at analyzing the energetic substrate (ES) in the main storage tissues of Steindachneridion parahybae, throughout the reproductive cycle in captivity. Differently from wild, in captivity, feeding is not interrupted during the reproductive period, the females do not spawn spontaneously, and they are sedentary. Adult females were sampled monthly and based on their histology and gonadosomatic index (GSI), ovaries were classified into: previtellogenic (PRV), vitellogenic (VTG), and regression (REG) stages. Ovaries at the VTG stage showed higher protein and lipids levels than at the PRV stage with a positive correlation between these substrates and the GSI. Muscle was the main source of proteins transferred to the ovaries, according to the negative correlation between these organs. Lipids remained unchanged in the liver, which is an important supplier in vitellogenesis, a pattern that probably occurs due to the continuous feeding. Muscular glycogen levels were higher at the VTG and REG than at the PRV stages. Plasma triglycerides were also higher during REG, while glucose levels were more elevated during the VTG stage. These results suggest that with constant food supply, the pattern of deposition of ES in S. parahybae is different from that described for other wild potamodromous species.(AU)

O objetivo deste estudo foi analisar a composição do substrato energético (SE) nos principais tecidos de armazenamento de Steindachneridion parahybae, durante todo o ciclo reprodutivo em cativeiro. Diferentemente do ambiente natural, em cativeiro, a alimentação desses animais não é interrompida durante o período reprodutivo, as fêmeas não desovam espontaneamente, e são sedentárias. Fêmeas adultas foram amostradas mensalmente e baseada na histologia e no índice gonadossomático (IGS), os ovários foram classificados: estádios pré-vitelogênico (PRV), vitelogênico (VTG) e regressão (REG). Os ovários no estádio VTG apresentaram uma maior concentração de lipídeos e proteínas em relação ao estágio PRV. Esses substratos correlacionaram-se positivamente com o IGS. O músculo foi a principal fonte de proteína transferida aos ovários, como foi confirmado pela análise de correlação negativa entre esses órgãos. Os lipídeos mantiveram-se inalterados no fígado, considerado um importante órgão fornecedor de lipídeos para a vitelogênese, padrão que possivelmente ocorreu devido à contínua alimentação. A concentração do glicogênio muscular foi mais elevada durante os estágios VTG e REG em relação ao PRV. A concentração de triglicerídeos plasmática apresentou maiores valores no estádio REG enquanto a concentração de glicose no plasma foi maior durante os estádios VTG. Esses resultados sugerem que com alimentação constante, as fêmeas de S. parahybae apresentam um distinto padrão de mobilização dos substratos energéticos em relação ao que já foi descrito para outras espécies potamódromas de ambiente natural.(AU)

This study aimed at analyzing the energetic substrate (ES) in the main storage tissues of Steindachneridion parahybae, throughout the reproductive cycle in captivity. Differently from wild, in captivity, feeding is not interrupted during the reproductive period, the females do not spawn spontaneously, and they are sedentary. Adult females were sampled monthly and based on their histology and gonadosomatic index (GSI), ovaries were classified into: previtellogenic (PRV), vitellogenic (VTG), and regression (REG) stages. Ovaries at the VTG stage showed higher protein and lipids levels than at the PRV stage with a positive correlation between these substrates and the GSI. Muscle was the main source of proteins transferred to the ovaries, according to the negative correlation between these organs. Lipids remained unchanged in the liver, which is an important supplier in vitellogenesis, a pattern that probably occurs due to the continuous feeding. Muscular glycogen levels were higher at the VTG and REG than at the PRV stages. Plasma triglycerides were also higher during REG, while glucose levels were more elevated during the VTG stage. These results suggest that with constant food supply, the pattern of deposition of ES in S. parahybae is different from that described for other wild potamodromous species.(AU)
Descritores: Peixes-Gato/metabolismo
Substratos/análise
Ração Animal/análise
-Glicogênio
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  7 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-879089
Autor: Abreu, Marcos Fábio de; Cristofoletti, Daiane; Silva, Bruno Ferreira Gonçalves e; Silva, Carlos Alberto da.
Título: Imobilização de músculos esqueléticos de ratos desnutridos / Skeletal muscle immobilization in malnourished rats
Fonte: Fisioter. Bras;17(3):f: 227-I: 235, maio.-jun. 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: Muitos estudos são realizados no intuito de aprimorar metodologias de tratamento fisioterapêutico, no entanto não se considera o estado nutricional do paciente, mesmo sabendo que a desnutrição, principalmente a proteico calórica, causa danos irreversíveis ao organismo. A imobilização é uma prática terapêutica utilizada rotineiramente por diversos profissionais frente a lesões músculo esqueléticas. Objetivo: Analisar o efeito da imobilização (7 dias) em ratos normais (dieta normoproteica, 45 dias) e desnutridos (dieta hipoproteica, 45 dias). Material e métodos: Os animais foram imobilizados com órtese de acrílico mantendo o tornozelo na posição de 90º. Para o período de remobilização, consideraram-se 7 dias após a retirada da órtese. Foi realizada a avaliação do conteúdo de glicogênio e a razão proteína total/DNA segundo kit de aplicação laboratorial e os dados foram comparados através de Anova Two Way e pós-teste de Tukey, p < 0,05. Resultados: Foram observadas pequenas reservas glicogênicas tanto no grupo imobilizado quanto no grupo desnutrido antes e após a imobilização. Cabe ressaltar que na remobilização do grupo controle houve recuperação parcial das reservas, fato que não ocorreu no grupo desnutrido. Conclusão: A desnutrição causa um déficit no sistema músculo esquelético sendo acentuado na imobilização, possivelmente por haver também comprometimento nos processos de regeneração. (AU)

Introduction: Many studies are performed in order to improve methods of physical therapy treatment, but do not consider the nutritional status of the patient, knowing that malnutrition, especially protein caloric, causes irreversible damage to the body. Immobilization is a therapeutic practice routinely used by many professionals to treat musculoskeletal disorders. Objective: The aim of this study was to analyze the effect of immobilization (7 days) in normal (normal diet, 45 days) and malnourished (low-protein diet, 45 days) rats. Methods: The animals were immobilized with acrylic splint maintaining the ankle at 90°. As remobilization period was considered 7 days after removal of the stent. We conducted the evaluation of glycogen content and the ratio total protein/DNA according to laboratory kit and laboratory data were compared using Two Way Anova and Tukey post-test, p < 0.05. Results: Results showed small glycogen reserves in both the fixed and in the malnourished group before and after immobilization. In the remobilization in the control group, there was a partial recovery of reserves, which did not occur in the malnourished group. Conclusion: Malnutrition causes a deficit in the musculoskeletal system which is accentuated during immobilization and may be compromised in the process of regeneration. (AU)
Descritores: Imobilização
Desnutrição
Músculo Esquelético
Atrofia Muscular
-Glicogênio
Metabolismo
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR1561.1 - Biblioteca Virtual AMMG


  8 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-829315
Autor: Costa, Suely F; Nogueira, José C; Zangeronimo, Márcio G; Soares, Bruno A; Chaves, Amália S; Melo, Leandra Q. de.
Título: Morfologia e histoquímica das glândulas sexuais acessórias de Metachirus nudicaudatus, Didelphidae-Marsupialia / Morphology and histochemistry of accessory sex glands of Metachirus nudicaudatus, Didelphidae-Marsupialia
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;36(9):881-892, set. 2016. tab, ilus.
Idioma: pt.
Projeto: FAPEMIG; . Capes; . CNPq.
Resumo: São descritas a morfologia e a distribuição de glicogênio e mucossubstâncias na próstata e nas glândulas bulbouretrais de Metachirus nudicaudatus (Geoffroy, 1803), única espécie do gênero. A próstata é envolvida pelas túnicas adventícia e muscular, e o estroma é formado pelo conjuntivo da mucosa uretral. O parênquima é constituído pelos túbulos secretores, disseminados na mucosa uretral, e que diferem histológica e histoquimicamente nos segmentos cranial, médio e caudal. Essas diferenças morfo-histoquímicas também são observadas nas partes externa, média e interna de cada túbulo. De um modo geral, os três segmentos prostáticos secretam mucossubstâncias neutras, porém o segmento caudal produz também glicogênio. Os três pares de glândulas bulbouretrais (laterais, intermédias e mediais) do Metachirus são envolvidas por uma cápsula conjuntiva e músculo estriado esquelético. O maior par é a bulbouretral lateral que é constituída por longos túbulos secretores de mucossubstâncias neutras. As bulbouretrais intermédias são formadas por túbulos ramificados, que produzem mucossubstâncias neutras, ácidas carboxiladas e ácidas sulfatadas. Os túbulo-ácinos ramificados das bulbouretrais mediais secretam mucossubstâncias neutras. O Metachirus não possui glândulas ampulares, vesículas seminais nem glândulas de coagulação.(AU)

This paper describes the morphology and distribution of glycogen and mucous substances in the prostate and the bulbourethral glands of Metachirus nudicaudatus (Geoffroy, 1803), the only species of the genus. The prostate is surrounded by the tunica adventitia, and muscle and stroma is formed by connective urethral mucosa. The glandular parenchyma consists of secretory tubules, scattered throughout the connective tissue of the urethral mucosa which differs histologically and histochemically in cranial, middle, and caudal segments of the prostate. These morpho-histochemical differences are also observed in the outer, middle and inner parts of the tubular epithelium of each prostatic segment. In general, prostatic segments secrete neutral mucous substances, and the caudal segment also produces glycogen. The three pairs of bulbourethral glands (lateral, intermediate and medial) are surrounded by a capsule of dense connective tissue and skeletal striated muscle. The glandular parenchyma is formed by tubules or branched tubuloacinar, covered by simple epithelium which is characteristic for each pair of glands. The lateral bulbourethral glands and the medial bulbourethral glands produce neutral mucous substances and the secretion of the intermediate bulbourethral glands consists of neutral mucous substances, carboxylated acids, and sulfated acids. The M. nudicaudatus does not have ampullary glands, seminal vesicles or coagulating glands.(AU)
Descritores: Glândulas Bulbouretrais/anatomia & histologia
Glândulas Bulbouretrais/fisiologia
Glicogênio/análise
Gambás/anatomia & histologia
Próstata/anatomia & histologia
Próstata/fisiologia
-Pesos e Medidas Corporais/veterinária
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 119 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Cassali, G. D
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-827904
Autor: Campos, C. B; Gamba, C. O; Damasceno, K. A; Lavalle, G. E; Cassali, G. D.
Título: Glycogen-rich clear cell carcinoma of the feline mammary gland: case report / Carcinoma de células claras rico em glicogênio da glândula mamária felina: relato de caso
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;68(5):1117-1120, set.-out. 2016. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: The aim of this report is to describe the first histopathological, immunohistochemical, and clinical characteristics of a feline glycogen-rich clear cell carcinoma (GRCCC). A Persian queen was admitted with mammary gland tumors and underwent radical unilateral mastectomy. Overall survival was considered 33 days and death was due to clinical evolution of the disease. Microscopic evaluation demonstrated epithelial cells arranged in a predominantly solid pattern, tumor cells presented an ample, granular, and foamy clear cytoplasm, and moderate cellular pleomorfism. The presence of cytoplasmatic glycogen was confirmed through diastase digestion followed by PAS staining. Histopathological and histochemical findings lead to the diagnosis of GRCCC with regional metastases.(AU)

O objetivo deste relato de caso é descrever as características clínicas, histopatológicas e imuno-histoquímicas do primeiro carcinoma mamário de células claras rico em glicogênio em felino. Uma gata persa foi atendida com tumores na glândula mamária e foi submetida à mastectomia radical unilateral. A sobrevida livre de doença foi considerada 33 dias, e o óbito foi devido à evolução da doença. A avaliação microscópica demonstrou células epiteliais arranjadas em um padrão predominantemente sólido, as células tumorais apresentaram um citoplasma claro, amplo, granular e espumoso e pleomorfismo celular moderado. A presença do glicogênio citoplasmático foi confirmada pela digestão pela diástase, seguida da coloração de PAS. Achados histopatológicos e histoquímicos levaram ao diagnóstico de carcinoma de células claras rico em glicogênio felino com metástase regional.(AU)
Descritores: Adenocarcinoma de Células Claras/veterinária
Glicogênio/análise
Neoplasias Mamárias Animais/patologia
-Amilases/análise
Limites: Animais
Gatos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 119 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-689857
Autor: Barros, MS.; Morais, DB.; Araujo, MR.; Carvalho, TF.; Matta, SLP.; Pinheiro, EC.; Freitas, MB..
Título: Seasonal variation of energy reserves and reproduction in neotropical free-tailed bats Molossus molossus (Chiroptera: Molossidae) / Variação sazonal das reservas energéticas e a reprodução do morcego neotropical de cauda livre Molossus molossus (Chiroptera: Molossidae)
Fonte: Braz. j. biol;73(3):629-635, ago. 2013. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Seasonal variation is a key factor regulating energy metabolism and reproduction in several mammals, including bats. This study aimed to track seasonal changes in the energy reserves of the insectivorous bat Molossus molossus associated with its reproductive cycle. Adult males were collected during the four neotropical annual seasons in Viçosa - MG, Brazil. Blood and tissues were collected for metabolic analysis and testes were removed for histology and morphometry. Our results show that liver and breast muscle glycogen concentrations were significantly lower in winter. The adiposity index was significantly higher in the fall compared to winter and spring. Seminiferous tubules were greater in diameter in animals captured in fall and winter, indicating a higher investment in spermatic production during these seasons. The percentage of Leydig cells was higher in summer compared to fall and winter. We suggest that M. molossus presents a type of seasonal reproduction with two peaks of testicular activity: one in fall, with higher sperm production (spermatogenesis), and another in summer, with higher hormone production (steroidogenesis). The metabolic pattern may be associated with reproductive events, especially due to the highest fat storage observed in the fall, which coincides with the further development of the seminiferous tubules.

A variação sazonal é um fator chave na regulação do metabolismo energético e da reprodução em vários mamíferos, incluindo os morcegos. O objetivo deste estudo foi avaliar as reservas energéticas do morcego insetívoro Molossus molossus ao longo das estações anuais associadas ao seu ciclo reprodutivo. Foram coletados machos adultos durante as quatro estações anuais na cidade de Viçosa - MG, Brasil. Para as análises metabólicas foram coletados tecidos e sangue, e os testículos foram removidos para análises histológicas e morfométricas. Os resultados mostram que as concentrações de glicogênio no fígado e músculo peitoral foram significativamente menores no inverno. O índice adiposo foi significativamente maior no outono em relação ao inverno e primavera. Os túbulos seminíferos apresentaram maiores diâmetros nos animais coletados no outono e inverno, indicando um maior investimento na produção espermática durante estas estações. A porcentagem de células de Leydig foi maior no verão em comparação com outono e inverno. Sugere-se que M. molossus apresenta um tipo de reprodução sazonal com dois picos de atividade testicular: uma no outono, com maior produção de espermatozóides (espermatogênese), e outra no verão, com maior produção de hormônio (esteroidogênese). O padrão metabólico pode estar associado a eventos reprodutivos, especialmente devido ao maior armazenamento de gordura observado no outono, que coincide com o desenvolvimento dos túbulos seminíferos.
Descritores: Quirópteros/metabolismo
Metabolismo Energético/fisiologia
Estações do Ano
Túbulos Seminíferos/crescimento & desenvolvimento
-Adiposidade/fisiologia
Quirópteros/classificação
Quirópteros/fisiologia
Glicogênio/análise
Lipídeos/análise
Túbulos Seminíferos/citologia
Espermatogênese/fisiologia
Limites: Animais
Masculino
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 12 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde