Base de dados : LILACS
Pesquisa : D08.811.277.450.430.400.060.500 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 4 [refinar]
Mostrando: 1 .. 4   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 4 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Chauffaille, Maria de Lourdes L. F
Texto completo
Texto completo
Id: lil-434891
Autor: Nascimento, Marilia C; Yamamoto, Mioko; Rodrigues, Maria Madalena; Franco, Luciana F; Kimura, Elisa Y. S; Vasconcelos, Yuri; Oliveira, José S. R; Figueiredo, Vera L. P; Chauffaille, Maria de Lourdes L. F.
Título: CLL: chromosomal abnormalities (FISH) and their relation with clinical stage, CD38 and ZAP-70 / Leucemia linfocítica crônica: anormalidades cromossômicas e a sua relação com o estágio clínico CD38 e o ZAP-70
Fonte: Rev. bras. hematol. hemoter;28(1):5-10, jan.-mar. 2006. tab.
Idioma: en; pt.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: Chronic lymphocytic leukemia is the most prevalent type of leukemia in the West. It is characterized by an extremely variable clinical course. The aim of the study was to detect the most frequent chromosomal abnormalities in patients with CLL using FISH, and assess them regarding age, gender, clinical stage and CD38 and ZAP-70 expressions. We found 51.7 percent of the patients with chromosome abnormalities. The most frequent one was del 13q14 in 34.5 percent of cases. It was associated to other alterations in 17.2 percent. 17p13 deletions were found in 17.2 percent and trisomy 12 in 13.8 percent (in isolation in 6.9 percent and associated to del 13q14, in 6.9 percent of the cases). An 11q22 deletion was found in one case associated to a 13q14 deletion. To better evaluate the relationship between chromosome aberrations and other prognostic factors in CLL, two cytogenetics groups were considered: favorable (13q deletion in isolation and no alteration) and unfavorable outcomes (trisomy 12, 17p13 deletion, 11q22 deletion and two simultaneous alterations).The unfavorable alterations were more frequently seen among young individuals (<60y). There were more females (70 percent) than males in this group (p=0.04). In relation to the Binet's staging system, patients with unfavorable cytogenetic alterations, tended to be B and C stages, while in the favorable group prevailed patients in stage A. Additionally, patients with poor prognostic cytogenetics tended to express CD38 and ZAP-70 proteins.

A leucemia linfocítica crônica (LLC) é o tipo de leucemia mais prevalente no Ocidente e é caracterizada por curso clínico extremamente variável. O objetivo deste estudo foi detectar as anomalias cromossômicas mais freqüentes em pacientes com LLC, empregando a técnica FISH, e correlacioná-las com idade, sexo, estádio clínico, expressão de CD 38 e ZAP-70. Foram encontradas alterações cromossômicas em 51,7 por cento dos pacientes. A mais freqüente foi a del 13q14, observada em 34,5 por cento dos casos e que esteve associada a outras anomalias em 17,2 por cento. Deleção 17p13 foi encontrada em 17,2 por cento e trissomia 12 em 13,8 por cento (isolada em 6,9 por cento e associada à del 13q14 em 6,9 por cento). Deleção 11q22 foi observada em um caso em concomitância à del 13q14. Para melhor avaliar a relação entre alteração cromossômica e outros fatores prognósticos em LLC, dois grupos citogenéticos foram considerados: favorável (deleção 13q isolada e ausência de alterações) e desfavorável (trissomia 12, deleção 17p13, deleção 11q22 e duas anomalias simultâneas). As alterações desfavoráveis foram mais freqüentemente observadas em indivíduos jovens (<60 anos) e em mulheres (70 por cento)(p=0,04). Em relação ao sistema de estadiamento de Binet, houve tendência dos pacientes com alterações cromossômicas desfavoráveis apresenteram-se nos estágios B e C enquanto no grupo favorável prevaleceram aqueles com estágio A. Em adição, pacientes com achados citogenéticos de prognóstico desfavorável tiveram tendência a expressar proteínas CD 38 e ZAP-70.
Descritores: Leucemia Linfocítica Crônica de Células B
-Aberrações Cromossômicas
Estágio Clínico
Hibridização in Situ Fluorescente
Citogenética
ADP-Ribosil Ciclase 1
Proteína-Tirosina Quinase ZAP-70
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  2 / 4 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-601004
Autor: Lino, Vânia Abadia Soares; Santos, Silvana Maria Eloi; Bittencourt, Henrique Neves da Silva; Silva, Maria Luiza; Spizziri, Tiago; Bretas, Raquel; Neves, Suzane Pretti Figueiredo.
Título: Quantification of CD8+CD38+ T lymphocytes by flow cytometry does not represent a good biomarker to monitor the reactivation of cytomegalovirus infection after allogeneic hematopoietic stem cell transplantation
Fonte: Rev. bras. hematol. hemoter;33(4):268-273, 2011. ilus, tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: BACKGROUND: Infection/reactivation of cytomegalovirus is a major cause of morbidity and mortality in immunocompromised transplant patients. It has already been observed in kidney and liver transplantation patients that cytomegalovirus disease is accompanied by significant increases in circulating CD8+CD38+ T lymphocytes. There are no reports that study CD8+CD38+ T lymphocytes to monitor/diagnose cytomegalovirus disease in hematopoietic stem cell transplantation patients. OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate some cellular activation markers on circulating mononuclear cells (CD38 and HLA-DR) in patients submitted to hematopoietic stem cell transplantation and to establish any correlation with cytomegalovirus disease as diagnosed by antigenemia. METHODS: Blood samples of 15 transplant patients were analyzed by flow cytometry using anti-CD3, anti-CD4, anti-CD8, anti-CD38, CD16, CD56 and anti-HLA-DR monoclonal antibodies and the results were evaluated in respect to cytomegalovirus antigenemia measured by indirect immunofluorescence. Minitab for Windows was used for statistical analysis and a p-value < 0.05 was considered significant. RESULTS: Patients with positive antigenemia did not show any significant increase in the percentages of cells expressing the CD38 or HLADR activation markers when compared to patients with negative antigenemia. On the contrary, all patients showed high percentages of these cells independent of the presence of cytomegalovirus disease. CONCLUSIONS: This study suggests that the investigation of these lymphocyte sub-populations in patients submitted to hematopoietic stem cell transplantation does not seem to contribute to the early identification of cytomegalovirus disease.
Descritores: Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas
Citomegalovirus
Citometria de Fluxo
-ADP-Ribosil Ciclase 1
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  3 / 4 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-600998
Autor: Martins Filho, Olindo Assis.
Título: Special features of quantification of CD8+CD38+ T-cells by flow cytometry does not represent a good biomarker to monitor the reactivation of cytomegalovirus infection after allogeneic hematopoietic stem cell transplantation
Fonte: Rev. bras. hematol. hemoter;33(4):253-254, 2011.
Idioma: en.
Descritores: Linfócitos T
Antígenos CD8
Infecções por Citomegalovirus
Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas
ADP-Ribosil Ciclase 1
Aloenxertos
Citometria de Fluxo
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  4 / 4 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-945920
Autor: Pessoa, Silvana Duarte; Succi, Regina Célia de Menezes; Moraes-Pinto, Maria Isabel de.
Título: Persistência da imunidade vacinai contra o vírus da hepatite B e resposta à revacinação em adolescentes infectados pelo HIV por transmissão vertical em uso de terapia antirretroviral potente / Persistence of vaccine immunity against the hepatitis B virus and response to evaccination in vertically HlV-infected adolescents on highly active antiretroviral therapy
Fonte: Rev. Pan-Amazônica Saúde (Online);1(3):141-142, 2010.
Idioma: pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: Crianças infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) apresentam alterações, tanto na imunidade humoral como na imunidade celular, que podem levam a uma resposta imunológica ineficaz a determinados antígenos vacinais específicos e/ou a uma redução precoce dos níveis de anticorpos considerados protetores após a imunização. Esta baixa proteção imunológica contra antígenos vacinais deve-se a um defeito no processamento de antígenos, uma falha na geração de memória imunológica e/ou à perda quantitativa e funcional e células T e B de memória. Por outro lado, a introdução da terapia antirretroviral potente (HAART) leva a uma supressão da replicação viral e à restauração parcial da função imunológica, incluindo a resposta imune a antígenos vacinais. Estudos recentes têm demonstrado que apenas uma pequena porcentagem de crianças infectadas verticalmente pelo HIV em uso de HAART mantém níveis de anticorpos protetores após a imunização primária contra o vírus da hepatite B (VHB). Entretanto, os fatores associados à persistência de anticorpos protetores após a vacinação primária e de resposta à revacinação são pouco esclarecidos. OBJETIVO: Avaliar a persistência dos níveis de anticorpos protetores contra o VHB em adolescentes infectados verticalmente pelo HIV em uso de HAART e resposta à revacinação. MATERIAIS E MÉTODOS: O presente estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP/EPM) e realizado no Ambulatório Pediátrico de Aids da própria instituição. No período de janeiro de 2006 a agosto de 2007, 40 adolescentes infectados verticalmente pelo HIV (grupo HIV) foram recrutados em um estudo prospectivo, longitudinal, controlado e intervencionista. Vinte e três adolescentes saudáveis HIV-negativos foram selecionados para constituir o grupo controle...
Descritores: HIV
ADP-Ribosil Ciclase 1
Vacinas contra Hepatite B/imunologia
-Dissertação Acadêmica
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Criança
Adolescente
Responsável: BR275.1 - Biblioteca



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde