Base de dados : LILACS
Pesquisa : D08.811.913.696.620.682 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 59 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 6 ir para página                

  1 / 59 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1051406
Autor: Mattera, Maria Sara de Lima Coutinho.
Título: Avaliação do mecanismo epigenético por metilação do DNA e da expressão de GLUT4 em tecido muscular esquelético de ratos adultos, proles de ratas com doença periodontal / Evaluation of the epigenetic mechanism by DNA methylation and GLUT4 expression in skeletal muscle tissue of adult rats, prole of rats with periodontal disease.
Fonte: Araçatuba; s.n; 2019. 83 p. graf, tab, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho". Faculdade de Odontologia de Araçatuba para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Atualmente, está bem estabelecido que o ambiente fetal está ligado à saúde materna, e estímulos ou agressões anormais durante a vida intra-uterina podem resultar em mudanças na fisiologia e metabolismo da prole, aumentando o risco de doenças na vida adulta. Tal fenômeno é conhecido como programação fetal. Alterações na metilação do DNA e expressão gênica são consideradas mecanismos moleculares responsáveis por esta programação. Estudos anteriores demonstraram que a doença periodontal (DP) materna promove resistência insulínica, aumento nas concentrações plasmáticas de citocinas, redução do conteúdo de GLUT4 e do seu índice de translocação para membrana plasmática em sua prole adulta. E citocinas, como por exemplo, o TNF-α, têm sido relacionadas com a redução da expressão de GLUT4 por meio da ativação do fator de transcrição nuclear κappa B (NF-κB). Além disso, esta citocina pode estimular algumas serinas quinases, incluindo IκB quinase (IKK), c-Jun amino-terminal kinase (JNK) e quinases reguladas por sinais extracelulares (ERKs) que estão envolvidas na resistência insulínica. Tais achados evidenciam a necessidade de realizar mais estudos para verificar os mecanismos envolvidos nestas alterações. Portanto, os objetivos do presente estudo foram avaliar em ratos adultos, proles de ratas com DP: 1) massa corpórea ao longo de 75 dias de idade; 2) glicemia e insulinemia; 3) expressão do RNAm da proteína transportadora de glicose GLUT4 e do IRS1 em muscular esquelético gastrocnêmio (MG); 4) o grau de metilação do DNA na região promotora do gene do GLUT4 em MG; 5) fosforilação das proteínas JNK, IKKα/ß, ERK 1/2, NF-κBp65 e NF-κBp50 e seus conteúdos totais em MG; 6) conteúdo total de TNF-α em MG. As ratas foram divididas em dois grupos: 1) com doença periodontal (DP), no qual esta doença foi induzida por meio de ligadura com fio de seda ao redor do 1º molar inferior; 2) ratas controle (CN). Após 7 dias da colocação da ligadura, as ratas de ambos os grupos foram colocadas para acasalamento, verificou-se diariamente, por esfregaço vaginal, o dia da copulação. As ratas prenhas foram separadas em caixas individuais. Quando os filhotes machos destas ratas completaram 75 dias, realizaram-se os experimentos: 1) glicemia e insulinemia; 2) expressão do RNAm do GLUT4 e do IRS1 em MG; 3) o grau de metilação do DNA na região promotora do gene do GLUT4 em MG; 4) fosforilação das proteínas JNK, IKKα/ß, ERK 1/2, NF-κBp65 e NF-κBp50 e seus conteúdos totais em MG; 5) conteúdo total de TNF-α em MG. Os resultados demonstraram que a doença periodontal materna promove na sua prole adulta baixo peso ao nascimento (BPN), resistência insulínica, aumento do conteúdo total de TNF-α em MG, aumento do grau de fosforilação de IKKα/ß, ERK 1/2, NF-κBp65 (grau de fosforilação e conteúdo) e NF-κBp50 em MG, diminuição na expressão gênica da proteína transportadora de glicose GLUT4 e aumento na expressão gênica do IRS1; porém não promove nessa prole alteração no grau de metilação do DNA na região promotora do gene do GLUT4, e no grau de fosforilação da proteína JNK em MG. Portanto, este estudo é de fundamental importância para o entendimento de alguns dos mecanismos envolvidos na relação entre a doença periodontal materna e resistência à insulina na prole adulta. Além disso, mostra que a saúde bucal materna ideal pode ajudar a prevenir doenças futuras na prole adulta(AU)

It is well established that the fetal environment is linked to maternal health, and abnormal stimuli or aggressions during intrauterine life can result in changes in the physiology and metabolism of offspring, increasing the risk of disease in adult life, this phenomenon is known as fetal programming. Changes in DNA methylation and gene expression are considered molecular mechanisms responsible for this programming. Previous studies have demonstrated that maternal periodontal disease (PD) promotes insulin resistance, increased plasma concentrations of cytokines, reduced GLUT4 content and its plasma membrane translocation index in its adult offspring. And cytokines, such as TNF-α, have been linked to reduced GLUT4 expression through the activation of nuclear transcription factor kappa B (NF-κB). In addition, this cytokine can stimulate some serine kinases including IκB kinase (IKK), c-Jun amino-terminal kinase (JNK) and extracellular signal­regulated kinases (ERKs) that are involved in insulin resistance. These findings evidenced the need for further studies to verify the mechanisms involved in these changes. Therefore, the objectives of the present study were to evaluate in adult rats, offspring of rats with PD: 1) birth weight and during the 75 days of age; 2) glycemia and insulinemia; 3) GLUT4 and IRS1 mRNA expression in skeletal muscle gastrocnemius (MG); 4) the degree of DNA methylation in the promoter region of the GLUT4 gene in MG; 5) phosphorylation of JNK, IKKα/ß, ERK 1/2, NF-κBp65 and NF-κBp50 proteins and their total contents in MG; 6) TNF-α content in MG. Female Wistar rats were distributed into a control group and an experimental periodontal disease group, in which the disease is induced by ligation with silk thread around the 1st molar. Seven days after ligature placement, animals from both groups mated and daily vaginal smears were taken to verify the presence of sperm. Pregnant rats were kept in individual cages. The body weights of the offspring were measured once weekly from birth until 75 days of age. When male offspring of these rats completed 75 days, the experiments were performed: 1) glycemia and insulinemia; 2) GLUT4 and IRS1 mRNA expression in skeletal muscle gastrocnemius (MG); 3) the degree of DNA methylation in the promoter region of the GLUT4 gene in MG; 4) phosphorylation of JNK, IKKα/ß, ERK 1/2, NF-κBp65 and NF-κBp50 proteins and their total contents in MG; 5) TNF-α content in MG. The results demonstrated that maternal periodontal disease promotes in its adult offspring low birth weight (LBW), insulin resistance, increased TNF-α content in MG, increased IKKα/ß, ERK 1/2, NF-κBp65 (phosphorylation status and content) and NF-κBp50 phosphorylation status in the MG, decrease in gene expression of GLUT4 and increase in IRS1 gene expression; but does not promote in this progeny change in the degree of DNA methylation in the promoter region of the GLUT4 gene, and JNK phosphorylation status in MG. Therefore, this study is of fundamental importance for the understanding of some of the mechanisms involved in the relationship between maternal periodontal disease and insulin resistance in adult offspring. In addition, it shows that ideal maternal oral health can help prevent future illnesses in adult offspring(AU)
Descritores: Doenças Periodontais
Proteínas Quinases
Resistência à Insulina
Fator de Necrose Tumoral alfa
Transportador de Glucose Tipo 4
-Saúde Bucal
Ratos Wistar
Epigenômica
Inflamação
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR186.1 - Biblioteca Honório Monteiro
BR186.1


  2 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1008327
Autor: Souza, Vanice Mendes de; Caldeira, Luciana Albuquerque; Rocha Júnior, Vicente Ribeiro; Antunes, Ana Paula da Silva; Ruas, José Reinaldo Mendes; Santana, Pedro Felipe; Costa, Natanael Mendes; Borges, Lucas Daniel Alcântara.
Título: Efeito de níveis crescentes de ureia na alimentação de vacas sobre o rendimento, composição, perfil de ácidos graxos e sensorial do queijo minas frescal / Effect of increasing levels of urea in cows feed on yield, composition, fatty acid profile and sensory of minas fresh cheese
Fonte: Rev. bras. ciênc. vet;22(2):107-113, abr.-jun.2015. il..
Idioma: pt.
Resumo: O estudo teve como objetivo avaliar a qualidade do queijo minas frescal processado com leite de vacas alimentadas com dietas com níveis crescentes de ureia (0; 33%; 66% e 100%, que corresponderam a 0, 0,92, 1,84 e 2,77% de PB na forma de NNP) em substituição ao farelo de soja. Foram utilizadas oito vacas F1 Holandês x Zebu, primíparas, com aproximadamente 150 dias de lactação ao início do experimento e produção média de 10kg de leite corrigido para 3,5 % de gordura dia -1 , em dois quadrados latinos 4 x 4, 4 animais, 4 dietas e 4 períodos experimentais. As amostras de leite de cada vaca, da ordenha da manhã e da tarde, foram coletadas e analisadas quanto à composição físico-química. No terceiro dia de coleta, o leite obtido de cada tratamento foi processado para fabricação do queijo minas frescal. Os produtos foram analisados quanto às suas características físico-químicas, textura, rendimento, perfil de ácidos graxos, e aceitação sensorial. Não houve efeito da adição dos níveis crescentes de ureia em substituição ao farelo de soja na dieta das vacas para todos os parâmetros que indicam a qualidade dos queijos analisados. Dessa forma, conclui-se que a substituição total da ureia pelo farelo de soja na dieta com o intuito de reduzir custo de alimentação não altera a qualidade na produção do queijo minas frescal.

The study aimed to evaluate the quality of the minas fresh cheese processed with milk cows fed diets with increasing levels of urea (0, 33%, 66% and 100%, corresponding to 0, 0.92, 1.84 and 2.77% crude protein in the form of NPN) replacing soybean meal. Eight cows F1 Holstein x Zebu, gilts, with approximately 150 days of lactation to the beginning of the experiment and average production of 10 kg of milk corrected to 3.5% fat day-1, in two Latin squares 4 x 4, 4 animals, 4 diets and 4 experimental periods. Samples of milk from each cow, the milking morning and afternoon, were collected and analyzed for physical and chemical composition. On the third day of collection, the milk obtained from each treatment was processed for the production of minas fresh cheese. Products were analyzed as to their physical and chemical characteristics, texture, yield, fatty acid profile, and sensory acceptance. There was no effect of the addition of increasing levels of urea in substitution of soybean meal in the diet of cows to all the parameters that indicate the quality of cheeses analyzed. Thus, it is concluded that the total replacement of soybean meal by urea in order to reduce power cost does not change the quality in the production of minas fresh cheese.
Descritores: Ureia
Queijo
-Proteínas Quinases
Soja
Gorduras
Responsável: BR409.1 - Biblioteca


  3 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-940944
Autor: Hunter, Tony(edt); Sefton, Bartholomew M(edt).
Título: Protein Phosphorylation: analysis of protein phosphorylation, protein kinase inhibitors, and protein phosphatases.
Fonte: San Diego; Academic Press; 1991. 547 p.
Idioma: en.
Descritores: Proteínas Quinases
Proteínas Quinases/análise
Proteínas Quinases/uso terapêutico
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 572.6, H945m, 1991. 000305


  4 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-938465
Autor: Andrade, Luiza Freire de.
Título: Proteínas quinase eucarióticas (ePKs) de Schistosoma: identificação, anotação funcional e seleção de potenciais alvos terapêuticos.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2012. 143 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação Oswaldo Cruz. Centro de Pesquisas René Rachou para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Apesar do praziquantel ser uma droga eficiente para o tratamento da esquistossomose, a prevalência da doença não mostrou redução significativa nos últimos anos e, até o momento, não existe uma alternativa eficaz para o tratamento dessa doença. Dessa forma, optamos por utilizar as poderosas ferramentas genômicas para identificar potenciais alvos para o desenvolvimento de um medicamento alternativo. Já que proteínas quinase eucarióticas (ePKs) são consideradas alvos para o desenvolvimento de drogas do ponto de vista médico e químico, e um número crescente de inibidores ePKs foram desenvolvidos e aprovados para o tratamento de diferentes doenças humanas, estas se tornaram o foco de estudo desse trabalho. As ePKs de S. mansoni, S. japonicum e S. haematobium foram identificadas nos proteomas preditos e classificadas em seus devidos grupos, famílias e subfamílias a partir de abordagens filogenéticas. Utilizando as informações dos ortólogos identificados, foi possível selecionar um grupo de ePKs com função predita essencial nesse parasito. A anotação funcional mostrou ainda que grande parte das ePKs selecionadas são ativadoras/efetoras da via de sinalização MAPK. Dessa forma, proteínas chave da via MAPK (SmRas, SmERK1, SmERK2, SmJNK e SmCaMK2), foram as escolhidas para validação experimental. Após redução significativa no nível de transcrito dos genes selecionados, nenhuma alteração fenotípica visível foi relatada em cultura de esquistossomulos.

Contudo, o efeito da diminuição transcricional dos genes no desenvolvimento dos vermes diante do sistema imune do hospedeiro foi avaliado. Evidenciamos que proteínas MAPK JNK quando silenciada causa efeitos devastadores no tegumento de vermes adultos de S. mansoni que leva a morte dos mesmos. E, ePKs da subfamília ERK1 estão relacionadas com a produção de ovos, já que fêmeas com baixos níveis de transcritos SmERK1 e SmERK2 apresentam ovários pouco desenvolvidos e produção de ovos significativamente baixa. Além disso, foi comprovado que o fator de transcrição c-fos está diferencialmente expresso em parasitos silenciados para as proteínas MAPK SmJNK, SmCaMK2 e SmERK1/2. Dessa forma concluímos que o dado genômico, acoplado a ferramentas computacionais preditoras e abordagem experimental, compõem uma metodologia poderosa para o estudo dessa espécie. As proteínas MAPK, SmERK e SmJNK, são alvos de interesse para o desenvolvimento de drogas para tratamento da esquistossomose já que um inibidor contra essas proteínas provavelmente irá interromper o ciclo de vida de Schistosoma e impedir o progresso da doença
Descritores: Proteínas Quinases/análise
Schistosoma/genética
Esquistossomose/tratamento farmacológico
Limites: Animais
Cobaias
Camundongos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 616.963, A553p, 2012. PDF


  5 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-938303
Autor: Andrade, Luiza Freire de.
Título: Caracterização de proteínas MAPKs e MKPs no Genoma de Schistosoma mansoni: uma abordagem in silico e experimental.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2008. 139 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Pouco se sabe a respeito dos mecanismos de transdução de sinal no parasito Schistosoma mansoni. A identificação e caracterização dos mecanismos e das moléculas envolvidas em vias de transdução de sinal são essenciais para se entender a biologia do parasito e interações hospedeiro-parasito. As proteínas MAPK (Mitogen-activated protein kinases) desempenham um importante papel na transdução de sinais extracelulares, controlando vários mecanismos celulares essências. As MKPs são o principal grupo de proteína fosfatases que controlam a magnitude e a duração da ativação das proteínas MAPK. Até o presente momento, nenhuma proteína da família das MAPKs ou proteínas MKPs havia sido detalhadamente caracterizada no parasito S. mansoni. Foi realizada uma análise in silico. abragente da versão 3.1 do genoma de S. mansoni utilizando diferentes abordagens de bioinformática, incluindo buscas por similaridade de seqüências realizadas com o algoritmo blast ou com modelos ocultos de Markov (HMM) especificamente elaborados e construídos para identificação de MAPKs e MKPs. Complementarmente foi realizada a anotação manual dos genes que apresentaram hits positivos para proteínas MAPK e MKP utilizando o programa Artemis para integrar as anotações.

Com base nesses resultados quatro proteínas foram selecionadas para posterior validação experimental: uma proteína ERK (SmMAPK1), uma proteína JNK (SmMAPK2) e duas proteínas fosfatase de dupla especificidade (SmMKP1e SmMKP2). Análises in silico revelaram ainda que os aminoácidos importantes para a funcionalidade das proteínas estão conservados. Nas MAPKs os resíduos dos domínios CD e ED, essenciais para o reconhecimento dos ativadores, substratos e desativadores, estão conservados. Nas fosfatases, o sítio de ligação as MAPKs está presente e apresenta os aminoácidos essenciais para a interação entre as proteínas. O cDNA de SmMAPK1, SmMAPK2, SmMKP1 e SmMKP2 está presente em todas as fases de desenvolvimento do parasito. E, em SmMKP1 observamos grande quantidade de transcrito em miracídio e também a presença de ortólogos a SmMKP1 em diversas espécies do gênero Schistosoma. As proteínas foram expressas em fusão a GST utilizando vetor de expressão pGEX. O teste de solubilidade mostrou que SmMAPK1, SmMKP1 e SmMKP2 estão presente na fase insolúvel, provavelmente em corpos de inclusão. Esse trabalho enfatiza a importância de se integrar projetos de sequenciamento do genoma, predição de proteínas, anotação manual dos genes e validação experimental para a identificação de proteínas alvo para o desenvolvimento de novas drogas
Descritores: Biologia Computacional/tendências
Proteínas Quinases/análise
Schistosoma mansoni/genética
Esquistossomose mansoni/genética
Limites: Humanos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 616.963, A553c, 2008. 012807


  6 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-797885
Autor: Abreu, P; Vitzel, K F; Monteiro, I C C R; Lima, T I; Queiroz, A N; Leal-Cardoso, J H; Hirabara, S M; Ceccatto, V M.
Título: Effects of endurance training on reduction of plasma glucose during high intensity constant and incremental speed tests in Wistar rats
Fonte: Braz. j. med. biol. res = Rev. bras. pesqui. méd. biol;49(11):e5226, 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: The aim of this research was to investigate the effects of endurance training on reduction of plasma glucose during high intensity constant and incremental speed tests in Wistar rats. We hypothesized that plasma glucose might be decreased in the exercised group during heavy (more intense) exercise. Twenty-four 10-week-old male Wistar rats were randomly assigned to sedentary and exercised groups. The prescription of endurance exercise training intensity was determined as 60% of the maximum intensity reached at the incremental speed test. The animals were trained by running on a motorized treadmill, five days/week for a total period of 67 weeks. Plasma glucose during the constant speed test in the exercised group at 20 m/min was reduced at the 14th, 21st and 28th min compared to the sedentary group, as well at 25 m/min at the 21st and 28th min. Plasma glucose during the incremental speed test was decreased in the exercised group at the moment of exhaustion (48th min) compared to the sedentary group (27th min). Endurance training positively modulates the mitochondrial activity and capacity of substrate oxidation in muscle and liver. Thus, in contrast to other studies on high load of exercise, the effects of endurance training on the decrease of plasma glucose during constant and incremental speed tests was significantly higher in exercised than in sedentary rats and associated with improved muscle and hepatic oxidative capacity, constituting an important non-pharmacological intervention tool for the prevention of insulin resistance, including type 2 diabetes mellitus.
Descritores: Glicemia/metabolismo
Fígado/metabolismo
Músculo Esquelético/metabolismo
Condicionamento Físico Animal
Resistência Física/fisiologia
-Acetil-CoA Carboxilase/metabolismo
Citocromos c/metabolismo
Teste de Esforço
Coativador 1-alfa do Receptor gama Ativado por Proliferador de Peroxissomo/metabolismo
Proteínas Quinases/metabolismo
Ratos Wistar
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-769619
Autor: Chaves, Alexandre Silva; Rodrigues, Michele Fernandes; Mattos, Ana Márcia Menezes; Teixeira, Henrique Couto.
Título: Challenging Mycobacterium tuberculosi s dormancy mechanisms and their immunodiagnostic potential
Fonte: Braz. j. infect. dis;19(6):636-642, Nov.-Dec. 2015.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Mycobacterium tuberculosis is the etiologic agent of tuberculosis, one of the world's greatest cause of morbidity and mortality due to infectious disease. Many evolutionary mechanisms have contributed to its high level of adaptation as a host pathogen. Prior to become dormant, a group of about 50 genes related to metabolic changes are transcribed by the DosR regulon, one of the most complex and important systems of host-pathogen interaction. This genetic mechanism allows the mycobacteria to persist during long time periods, establishing the so-called latent infection. Even in the presence of a competent immune response, the host cannot eliminate the pathogen, only managing to keep it surrounded by an unfavorable microenvironment for its growth. However, conditions such as immunosuppression may reestablish optimal conditions for bacterial growth, culminating in the onset of active disease. The interactions between the pathogen and its host are still not completely elucidated. Nonetheless, many studies are being carried out in order to clarify this complex relationship, thus creating new possibilities for patient approach and laboratory screening.
Descritores: Antígenos de Bactérias/imunologia
Proteínas de Bactérias/imunologia
Interações Hospedeiro-Patógeno/imunologia
Tuberculose Latente/microbiologia
Mycobacterium tuberculosis/fisiologia
Proteínas Quinases/imunologia
-Antígenos de Bactérias/genética
Proteínas de Bactérias/genética
Evasão da Resposta Imune
Testes Imunológicos
Tuberculose Latente/diagnóstico
Mycobacterium tuberculosis/imunologia
Proteínas Quinases/genética
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-760608
Autor: Hunter, Tony(edt); Sefton, Bartholomew M(edt).
Título: Protein Phosphorylation: analysis of protein phosphorylation, protein kinase inhibitors, and protein phosphatases.
Fonte: San Diego; Academic Press; 1991. 547 p.
Idioma: en.
Descritores: Proteínas Quinases/análise
Proteínas Quinases
Proteínas Quinases/uso terapêutico
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR


  9 / 59 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-748272
Autor: Lima, Tainah P.; Farinatti, Paulo T.V.; Rubini, Ercole C.; Silva, Elirez B.; Monteiro, Walace D..
Título: Hemodynamic responses during and after multiple sets of stretching exercises performed with and without the Valsalva maneuver
Fonte: Clinics;70(5):333-338, 05/2015. graf.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: This study investigated the acute hemodynamic responses to multiple sets of passive stretching exercises performed with and without the Valsalva maneuver. METHODS: Fifteen healthy men aged 21 to 29 years with poor flexibility performed stretching protocols comprising 10 sets of maximal passive unilateral hip flexion, sustained for 30 seconds with equal intervals between sets. Protocols without and with the Valsalva maneuver were applied in a random counterbalanced order, separated by 48-hour intervals. Hemodynamic responses were measured by photoplethysmography pre-exercise, during the stretching sets, and post-exercise. RESULTS: The effects of stretching sets on systolic and diastolic blood pressure were cumulative until the fourth set in protocols performed with and without the Valsalva maneuver. The heart rate and rate pressure product increased in both protocols, but no additive effect was observed due to the number of sets. Hemodynamic responses were always higher when stretching was performed with the Valsalva maneuver, causing an additional elevation in the rate pressure product. CONCLUSIONS: Multiple sets of unilateral hip flexion stretching significantly increased blood pressure, heart rate, and rate pressure product values. A cumulative effect of the number of sets occurred only for systolic and diastolic blood pressure, at least in the initial sets of the stretching protocols. The performance of the Valsalva maneuver intensified all hemodynamic responses, which resulted in significant increases in cardiac work during stretching exercises. .
Descritores: Protocolos de Quimioterapia Combinada Antineoplásica/uso terapêutico
Benzodioxóis/farmacologia
Neoplasias do Colo/tratamento farmacológico
Isoquinolinas/farmacologia
Inibidores de Proteínas Quinases/farmacologia
Tiofenos/farmacologia
Inibidores da Topoisomerase I/farmacologia
Ureia/análogos & derivados
-CHECKPOINT KINASE TEMEFOS
Replicação do DNA/efeitos dos fármacos
Sinergismo Farmacológico
HTABORTION, INCOMPLETE CELLS
Proteínas Quinases/metabolismo
Proteínas Serina-Treonina Quinases/metabolismo
Ureia/farmacologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Research Support, N.I.H., Intramural
Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 59 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-746502
Autor: Folchini, Caroline; Kowacs, Pedro André.
Título: Neurotrophic factors and tension-type headache: another brick in the wall? / Fatores neurotróficos na cefaleia do tipo tensional: mais um tijolo na parede?
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;73(5):377-380, 05/2015. tab, graf.
Idioma: en.
Descritores: Fatores de Crescimento Neural/fisiologia
Cefaleia do Tipo Tensional
-Proteínas Quinases/fisiologia
Cefaleia do Tipo Tensional/etiologia
Cefaleia do Tipo Tensional/fisiopatologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 6 ir para página                
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde