Base de dados : LILACS
Pesquisa : D08.811.913.696.630.025 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 2 [refinar]
Mostrando: 1 .. 2   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 2 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-611383
Autor: Renault, Ilana Zalcberg; Scholl, Vanesa; Hassan, Rocio; Capelleti, Paola; Lima, Marcos de; Cortes, Jorge.
Título: The significance of major and stable molecular responses in chronic myeloid leukemia in the tyrosine kinase inhibitor era
Fonte: Rev. bras. hematol. hemoter;33(6):455-460, Dec. 2011. ilus, tab.
Idioma: en.
Projeto: CNPq; . FAPERJ.
Resumo: Tyrosine kinase inhibitors have changed the management and outcomes of chronic myeloid leukemia patients. Quantitative polymerase chain reaction is used to monitor molecular responses to tyrosine kinase inhibitors. Molecular monitoring represents the most sensitive tool to judge chronic myeloid leukemia disease course and allows early detection of relapse. Evidence of achieving molecular response is important for several reasons: 1. early molecular response is associated with major molecular response rates at 18-24 months; 2. patients achieving major molecular response are less likely to lose their complete cytogenetic response; 3. a durable, stable major molecular response is associated with increased progression-free survival. However, standardization of molecular techniques is still challenging.
Descritores: Acetato Quinase
Citogenética
Leucemia Mielogênica Crônica BCR-ABL Positiva
Monitoramento
Mutação
Reação em Cadeia da Polimerase
Tirosina
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  2 / 2 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Mondini, Lenise
Texto completo
Id: lil-452086
Autor: Mondini, Lenise; Cano, Eduardo N; Fagundes, Ulysses; Lima, Evandro E. Souza; Rodrigues, Douglas; Baruzzi, Roberto G.
Título: Condições de nutrição em crianças Kamaiurá: povo indígena do Alto Xingu, Brasil Central / Nutrition status in Kamaiurá Indian children - Alto Xingu, Central Brazil
Fonte: Rev. bras. epidemiol;10(1):39-47, mar. 2007. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: UNESCO; . Universidade Federal de São Paulo.
Resumo: Este estudo teve por objetivo avaliar o estado nutricional, incluindo a prevalência de anemia, de crianças Kamaiurá, povo indígena do Alto Xingu, Brasil Central. Foram estudadas 112 crianças menores de dez anos de idade em 2000/2001. O perfil do crescimento infantil foi descrito segundo a distribuição dos índices altura/idade e peso/altura expressos em escore-z da população de referência do National Center of Health Statistics - NCHS. Os diagnósticos de déficit de altura e da relação peso/altura e o diagnóstico de obesidade corresponderam, respectivamente, aos valores abaixo de -2 escores-z de altura/idade e peso/altura e aos valores acima de 2 escores-z de peso/altura. O diagnóstico de anemia foi determinado a partir de concentrações de hemoglobina sérica inferiores a 11 g/dl para crianças entre seis meses e cinco anos de idade e inferiores a 11,5 g/dl para as crianças com idade entre cinco e dez anos incompletos, conforme recomendação da OMS. Aproximadamente um terço das crianças apresentou déficit de crescimento, enquanto déficit de peso/altura e obesidade não foram diagnosticados entre elas. A anemia esteve presente em mais da metade das crianças índias estudadas, 15 por cento delas apresentando anemia grave. Há necessidade de implementação de ações que visem a melhoria das condições socioambientais, de saúde e nutrição desse povo indígena.

In order to evaluate nutritional and anemic status, 112 Indian children (Kamaiurá), aged from 0 to 119.9 months, from the Alto Xingu region of central Brazil were studied in 2000/2001. The international growth reference - NCHS was used to evaluate height and weight, according to the child's age and gender. Growth deficit (stunting) and low weight status (wasting) were determined when height-for-age and weight-for-height indices were below _2 z scores, respectively, and obesity status when the weight-for-height index was above 2 z scores. Stunting was observed in 1/3 of the children and neither wasting nor obesity were observed. The anemic status was diagnosed by hemoglobin values below 11 g/dl for children from 6 to 59 months of age, and below 11.5 g/dl, for children from 60 to 119.9 months. About 50 percent of the Indian children were anemic and 15 percent were affected by severe anemia. There is a particular need to ensure efforts to implement environment, health and nutrition programs addressed to Kamaiurá children.
Descritores: Anemia/epidemiologia
Índios Sul-Americanos
Insuficiência de Crescimento/epidemiologia
Estado Nutricional
-Acetato Quinase
Brasil
Limites: Seres Humanos
Criança
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde