Base de dados : LILACS
Pesquisa : D09.301.915.194 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 7 [refinar]
Mostrando: 1 .. 7   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 7 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-605847
Autor: Pedron, F. A; Radünz Neto, J; Silva, L. P; Bergamin, G. T; Maschio, D; Martinelli, S. G; DellaFlora, M. A; Corrêia, V.
Título: Crescimento de juvenis de jundiá (Rhamdia quelen) com diferentes proporções de amilose: amilopectina na dieta / Growth of jundiá juveniles (Rhamdia quelen) with different proportions of amylose:amylopectin in diet
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;63(5):1200-1207, out. 2011. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Crescimento e características de carcaça do jundiá (Rhamdia quelen) foram avaliados após 60 dias de alimentação com diferentes proporções de amilose:amilopectina na dieta. Foram criados 240 peixes (peso inicial de 34,3±4,3g) em sistema de recirculação de água constituído de 12 unidades experimentais de 280L. Foram testadas três dietas com as proporções amilose:amilopectina de: T417 = com 26 por cento de amilose, T416 = com 16 por cento de amilose e TMOCHI = com 0 por cento de amilose. Os peixes foram alimentados duas vezes por dia, às 8h e 30min e às 16 horas. A cada 15 dias, foram feitas biometrias para ajuste da quantidade de alimento ofertado. A proporção amilose:amilopectina no amido das dietas não influenciou o crescimento, os rendimentos de carcaça e a composição corporal dos peixes. Conclui-se que o jundiá tem potencial para utilizar fontes de amido compostas por até 26 por cento de amilose sem alterar a digestibilidade dos nutrientes e a deposição de gordura.

The growth and carcass traits of jundiá (Rhamdia quelen) after 60 days being fed with different amylose:amylopectin ratio in diet were evaluated. Two hundred and forty fish (initial weight of 34.3±4.3g) were raised in water re-use system with 12 units of 280L. Three diets were tested with amylose:amylopectin ratios: T417 = 26 percent amylose, T416 = 16 percent amylose and TMOCHI = 0 percent amylose. The fish were fed twice a day at 8:30 and 16:00h. Every 15 days the amount of food offered was ajusted. The amylose:amylopectin ratio in the starch of the diet did not affect growth, carcass and body composition of fish. This demonstrates that the jundiá has the potential to use starchy sources consisting of up to 26 percent amylose without altering the digestibility of nutrients and fat deposition.
Descritores: Amilopectina/administração & dosagem
Amilose/administração & dosagem
Peixes/crescimento & desenvolvimento
Ração Animal
-Dieta/veterinária
Pesqueiros
Recirculação da Água
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  2 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-514057
Autor: Denardin, Cristiane Casagrande; Silva, Leila Picolli da.
Título: Estrutura dos grânulos de amido e sua relação com propriedades físico-químicas: [revisão] / Starch granules structure and its regards with physicochemical properties: [review]
Fonte: Ciênc. rural;39(3):945-954, maio-jun. 2009. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Devido aos escassos trabalhos brasileiros sobre a estrutura dos grânulos de amido, o objetivo desta revisão foi demonstrar os avanços atuais na elucidação da arquitetura e da estrutura química desse polímero. Muitas pesquisas sobre a avaliação da relação existente entre a estrutura molecular do amido e seu comportamento em algumas propriedades físico-químicas sugerem que diversas características estruturais, tais como teor de amilose, distribuição de comprimento das cadeias de amilopectina e grau de cristalinidade no grânulo, estejam intimamente relacionadas a eventos associados à gelatinização e retrogradação, como inchamento do grânulo, lixiviação de amilose e/ou amilopectina, perda da estrutura radial (birrefringência), supra-molecular (cristalinidade) e molecular e recristalização. O foco principal desta revisão foi a compilação de estudos a fim de obter melhor entendimento da estrutura e das características dos componentes do amido e sua relação com propriedades físico-químicas, principalmente no que diz respeito à gelatinização e retrogradação, as quais apresentam grande importância nutricional e tecnológica.

Due to poor Brazilians work on the structure of starch granules, the purpose of this review was to demonstrate the advances in current understanding of architecture and chemical structure of this polymer. Many studies evaluating the relationship between the molecular structure of starch and its behavior in some physicochemical properties, suggest that several structural features, such as amylose content, amylopectin chain length distribution and the degree of crystallinity in the granule, are closely related to the events associated with gelatinization and retrogradation as starch granule swelling, amylose and/or amylopectin leaching, loss of radial structure (birefringence), supra-molecular (crystallinity) and molecular order, and recrystallization. The main focus of this review was to make a compiler of studies in order to gain better understanding of the granule structure and characteristics of starch components and physicochemical properties (gelatinization and retrogradation) that could play a significant role in improving the quality of different food products.
Descritores: Amilopectina
Amilose
Amido/química
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR409.1 - Biblioteca


  3 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-494820
Autor: Peroni, Fernanda Helena Gonçalves.
Título: Estrutura do grânulo de amido de banana e sua relação com as enzimas que atuam no metabolismo amido-sacarose / Structure of the banana starch granule and its relation with the enzymes that attack in the metabolism starch-sucrose.
Fonte: São Paulo; s.n; 27 set. 2007. 152 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A banana é considerada um bom modelo para o estudo da transformação amido-sacarose, já que acumula um alto teor de amido durante o desenvolvimento que é rapidamente degradado durante o amadurecimento. Várias enzimas e provavelmente mais de uma via metabólica estão envolvidas neste processo. Com isso, o objetivo deste trabalho foi estudar as características estruturais dos grânulos, bem como, a atuação das enzimas envolvidas em sua degradação. Os grânulos de amidos foram isolados de bananas controle (não tratadas) e submetidas a diferentes tratamentos: etileno, 1-MCP, frutos mantidos a 13'graus'C e frutos tratados com etileno e mantidos a 13'graus'C. Os resultados obtidos mostraram alta atividade de enzimas 'alfa' e 'beta'-amilases ligadas ao grânulo tanto por ensaios in vitro como por géis de eletroforese contendo amilopectina como substrato...
Descritores: Amilopectina
Enzimas/metabolismo
Química de Alimentos
Musa
alfa-Amilases/metabolismo
beta-Amilase/metabolismo
-Eletroforese/métodos
Microscopia Eletrônica de Varredura/métodos
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas
BR40.1; T641.1, P453e


  4 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Rego, Fernando Luiz Trindade
Texto completo
Id: lil-481925
Autor: Rego, Fernando Luiz Trindade; Cardoso, Ricardo Luís; Matsuura, Fernando César Akira Urbano; Fernandes, Gilênio Borges.
Título: Contribuição à adaptação de uma técnica, para uso em campo, de determinação da amilose em raízes de mandioca - Parte I / Contribution to an adaptation of a technique of amilose determination in cassava roots to be used in the field work - Part I
Fonte: Rev. ciênc. méd. biol;3(1):35-43, jan.-jun. 2004. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este estudo teve como objetivo padronizar e adaptar um método de determinação da amilose baseado no princípio da colorimetria, em bancada laboratorial, e, posteriormente, elaborar escalas de cores que possibilitassem as determinações qualitativa/semiquantitativa no campo, para seleção, após a colheita, de raízes de mandioca por teores de amilose/amilopectina. Os experimentos foram conduzidos no Laboratório de Ciência e Tecnologia de Alimentos da EMBRAPA Mandioca e Fruticultura, utilizando como referencial o método preconizado pela INTERNATIONAL ORGANIZATION FOR STANDARDIZATION. Foi elaborada uma curva padrão de amilose/amilopectina com dezenove pontos e uma posterior Escala de Cor correspondente, baseada nos valores da escala Pantone®. Duas outras escalas de cores foram elaboradas a partir da Escala de Cor da curva padrão, sendo uma por faixa de teores baixos, médios e altos e uma outra pelos valores médios dessas faixas de concentração de amilose. As análises espectrofotométrica e sensorial foram realizadas em seis variedades de mandioca do Banco Ativo de Germoplasma da EMBRAPA Mandioca e Fruticultura.
Descritores: Amilopectina/análise
Amilose/análise
Colorimetria/métodos
Manihot
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR337.1 - Biblioteca


  5 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-352394
Autor: Guimarães, Erick Vaz; Carvalho, Laís de; Barbosa, Helene Santos.
Título: An alternative technique to reveal polysaccharides in Toxoplasma gondii tissue cysts
Fonte: Mem. Inst. Oswaldo Cruz;98(7):915-917, Oct. 2003. ilus.
Idioma: en.
Resumo: Ultrathin sections of tissue cysts isolated from the brain of Toxoplasma gondii infected mice were submitted to two different methodologies derived from the periodic acid - Schiff's reagent (PAS) technique. The use of osmium tetroxide vapor as a developing agent of the aldehyde oxidation to reveal polysaccharides with periodic acid resulted in positive reaction in amylopectin granules in bradyzoites, as well as in the wall and matrix of the cysts, with excellent increment of the ultrastructural morphology. This technique can be used for study of T. gondii-host cell intracellular cycle, the differentiation tachyzoite-bradyzoite, and also for the formation of cysts into the host cells.
Descritores: Amilopectina
Encéfalo
Cistos
Toxoplasma
Toxoplasmose Animal
-Cistos
Histocitoquímica
Microscopia Eletrônica
Tetróxido de Ósmio
Toxoplasma
Toxoplasmose Animal
Limites: Animais
Camundongos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-238883
Autor: Souza, Elisângela Lucio de; Hoffmann, Erika H. E; Castilho, Vanessa M; Lima, Viviane A. de; Bellini, Márcia Z; Cruz, Vinicius D Arcadia; Cruz, Rubens.
Título: Produçäo e caracterizaçäo de alfa-amilase produzida por Rhizopus sp / Production and characterization of alfa-amilase from Rhizopus sp
Fonte: Arq. biol. tecnol;39(4):831-9, dez.1996. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: A strain of Rhizopus sp. screened among more than 800 filamentous fungi showed great ability to produce a thermostable alfa-amylase by solid state fermentation. The best production was obtained with a bran moisture content of 40 per cent when the enzyme activity reached 60 EU/g. of medium. During the purification procedures, a column of DEAE- Sephadex A-50 separeted the enzyme in two fractions and the larger (85 per cent of the total activity) showed optimum pH in a range from 4.0 to 5.6. Optimum temperature was found at 60-65§ C and in this range no loss of activity was observed after 60 min. of treatment in pH 5,0. Its Km and Vm are, respectively, of 5.0 mg/ml of starch and 10,01 uMol of reducing sugar/min./mg. of protein. Its molecular weight was calculated in 64.000 by gel filtration in Sephadex G-200. The dextrinization power of the enzyme was observed preferentialy on substrates compound by chain with higher ramifications, traht is: amylopectin > starch> amylose. Other aspects of the enzyme pattern action are also discussed
Descritores: alfa-Amilases
Amilopectina
Amilose
Indução Enzimática
Tecnologia de Alimentos
Rhizopus
Amido
Responsável: BR16.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde


  7 / 7 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-235226
Autor: Jardim, Denise Calil P.
Título: Mobilidade molecular de um sistema: amido, glicerol e água / Molecular mobility of a system: starch, glycerol and water.
Fonte: São Paulo; s.n; 1998. 140 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Cristalinidade, atividade de água, textura, estado físico, temperatura de transição vítrea, isotermas de sorção e parâmetros de relaxação nuclear, foram usados para o estudo das interações entre os componentes e a mobilidade molecular dos seguintes sistemas: amido ceroso de milho (basicamente amilopectina) natural, glicerol e água; amido ceroso de milho amorfo e água; e, amido ceroso de milho amorfo, glicerol e água. Os resultados indicam que misturando-se amido ceroso de milho cristalino, glicerol e água ocorre uma interação entre os componentes. Há um movimento das moléculas pequenas da solução para a matriz sólida do sistema e vice-versa. A atividade de água da mistura diminui enquanto a mobilidade aumenta...
Descritores: Qualidade dos Alimentos
Tecnologia de Alimentos
Glicerol/análise
Fenômenos Químicos
Amido/análise
Água/análise
Zea mays
-Amilopectina
Umidade
Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas
BR40.1; 641



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde