Base de dados : LILACS
Pesquisa : D12.125.142.815 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 18 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 2 ir para página        

  1 / 18 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-846928
Autor: Cheffer, Arquimedes.
Título: Identificação de resíduos de treonina e tirosina importantes na regulação da atividade do receptor P2X4 humano através de mutagênese sítio-dirigida / Identification of threonine and tyrosine residues important for human P2X4 receptor activity by site-directed mutagenesis.
Fonte: São Paulo; s.n; 2013. 87 p. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Instituto de Química para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O receptor P2X4 (canal iônico controlado por adenosina-5'-trifosfato-ATP) está amplamente distribuído no sistema nervoso central e, após sua ativação, pode regular os níveis de cálcio intracelulares via permeação direta e por ativação de canais de cálcio voltagem-dependentes. Tem sido proposto que a atividade do receptor pode ser importante na plasticidade sináptica. Tendo em vista a importância do receptor P2X4, sobretudo na fisiologia do sistema nervoso central, é útil caracterizá-lo farmacologicamente e entender os mecanismos moleculares que regulam sua atividade. Examinamos o papel que resíduos específicos N- e C-terminais desempenham na atividade do receptor P2X4 humano, combinando técnicas de biologia molecular, bioquímica e patch-clamp em células de rim de embrião humano (células HEK-293T). Células HEK-293T expressando o receptor P2X4 wild-type apresentaram correntes iônicas, cujas amplitudes dependeram da concentração de ATP, fornecendo um valor de EC50 de 1,37 ± 0,21 µM. Os receptores mutantes E14A e D16A exibiram respostas ao ATP equiparáveis àquelas do receptor selvagem, ao passo que os mutantes Y15A e T17A não foram funcionais, apesar de serem expressos na membrana plasmática das células. A inibição de tirosina fosfatases por pervanadato diminuiu fortemente correntes induzidas por ATP. Subsequente análise de citometria de fluxo na presença de um anticorpo contra resíduos de fosfotirosina indicaram que, entre as células que expressam o receptor P2X4, a percentagem de células fosfo-tirosina-positivas é a mesma para os mutantes Y372A (86 ± 10%) e Y378A (79 ± 6.9%), mas substancialmente menor para os mutantes Y15A (35 ± 12%), Y367A (48 ± 6.4%) e Y372F (31 ± 1.7%), quando comparados com células que expressam o receptor wild-type (76 ± 5.6%). Resultados semelhantes foram obtidos quando quantificamos a expressão relativa de proteínas fosforiladas em resíduos de tirosina e expressamos através dos valores de intensidade de fluorescência média. Ensaios de western-blot revelaram que mesmo o mutante T17A é fosforilado em resíduos de treonina, sugerindo que o receptor P2X4 contém outros sítios de fosforilação. Entretanto, nenhum sinal de fosfotirosina foi detectado no receptor wild-type e nos mutantes, em que resíduos de tirosina foram substituídos por alanina ou fenilalanina. Não parece ser o resíduo Y15 o alvo de tal fosforilação, cabendo a ele um papel estrutural mais importante. Nossos dados também sugerem que a fosforilação em resíduos de tirosina de proteínas intermediárias regula a atividade do receptor P2X4

The human P2X4 receptor (ATP-gated ion channel) is widely distributed in the CNS and, after activation, participates in regulation of levels of intracellular calcium through direct permeation and activation of voltage-dependent calcium channels with well-defined functions including synaptic plasticity. Given the importance of the P2X4 receptor, especially in CNS physiology, we investigated the role that specific N- and C-termini residues play in human P2X4 receptor activity, by combining techniques of molecular biology, biochemistry and patch-clamping in human embryonic kidney cells (HEK-293T cells). HEK-293T cells expressing the wild-type P2X4 receptor showed ionic currents whose amplitudes depended on the ATP concentration, providing an EC50 value of 1.37 ± 0.21 mM. E14A and D16A receptor mutants exhibited responses to ATP comparable to those ones of wild-type receptor, whereas Y15A and T17A mutants were not functional, despite being expressed in the plasma membrane of cells. The inhibition of tyrosine phosphatases by pervanadate decreased strongly ATP-induced currents. Subsequent flow cytometry analysis in the presence of an antibody against phosphotyrosine residues indicated that, among the cells that express the P2X4 receptor, the percentage of phosphotyrosine-positive cells was the same for Y372A (86 ± 10%) and Y378A (79 ± 6.9%) mutants, however, substantially lower for Y15A (35 ± 12%), Y367A (48 ± 6.4%) and Y372F (31 ± 1.7%) mutants when compared with cells expressing the wild-type receptor (76 ± 5.6%). Similar results were obtained by quantifying the relative expression of phosphotyrosine proteins. Western blot assays revealed that even the T17A mutant was phosphorylated at threonine residues, suggesting that the human P2X4 receptor also contains further phosphorylation sites. However, no phosphotyrosine-antibody signal was detected in the wild-type receptor and mutants in which tyrosine residues were replaced by alanine or phenylalanine. The residue Y15 is supposedly not the target of such phosphorylation, despite its important structural role. However, the present work indicates that tyrosine phosphorylation of intermediate signaling proteins regulates P2X4 receptor activity
Descritores: Receptores Purinérgicos P2X4/genética
Treonina/análise
Tirosina/análise
-Western Blotting/instrumentação
Sistema Nervoso Central/fisiologia
Citometria de Fluxo/métodos
Técnicas de Patch-Clamp/métodos
Fosforilação
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas
BR40.1; T574.19245, C515i. 30100020566


  2 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-836702
Autor: Faria, G. Q; Bonafé, C. M; Souza, K. A. R; Silva, M. A; Costa, L. S; Lima, H. J. D; Campos, F. G; Silva, R. B; Silva, A. A; Tarocô, G; Rocha, G. M. F; Miranda, J. A.
Título: Estimação de valores genéticos para codornas europeias em função dos níveis da relação treonina: lisina da dieta: do nascimento aos 21 dias de idade / Estimation of breeding values for European quails in function of threonine: lysine ratios of diet: from birth to 21 days of age
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;69(1):214-224, jan.-fev. 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O presente trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a sensibilidade dos valores genéticos dos pesos corporais e as características de carcaças de codornas europeias às mudanças do gradiente ambiental (níveis da relação treonina com a lisina das dietas), do nascimento aos 21 dias de idade, por meio de modelos de regressão aleatória com diferentes classes de variância residual. Os dados utilizados neste estudo são provenientes de 915 codornas de corte da linhagem LF1 e 839 da linhagem LF2, pertencentes ao Programa de Melhoramento Genético da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri. Foram avaliados os pesos corporais e os rendimentos da carcaça das aves. As sensibilidades dos valores genéticos às mudanças nos níveis da relação treonina:lisina (interação genótipo x ambiente) foram obtidas por modelos de regressão aleatória (utilizando normas de reação) por meio do programa Wombat, que utiliza o princípio da máxima verossimilhança restrita (REML). O modelo de regressão aleatória que considerou duas classes de variância residual foi o mais indicado para a maioria das análises realizadas. Verificaram-se alterações na classificação dos valores genéticos para as duas linhagens de codornas de corte estudadas. Esse comportamento indica sensibilidade de valores genéticos aditivos às mudanças nutricionais, o que caracteriza a existência de interação genótipo x ambiente. A predição dos valores genéticos deve ser feita com o mesmo nível da relação treonina:lisina da dieta com a qual as codornas serão alimentadas no sistema de produção.(AU)

This research was carried out to evaluate the sensitivity of breeding values of body weight and carcass traits in two lines of European quails (LF1 and LF2) to changes in the environment gradient (levels of threonine: lysine ratio of diets) from hatch to 21 days of age in two lines LF1 and LF2 using Random Regression Models with different classes of residual variance. Records are from 915 quails of line LF1 and 839 of line LF2 belonging to the Breeding Improvement Program of Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri. Live body weight and weights and yields of carcass, breast, and thigh and drumstick were measured. The sensitivities of breeding values to changes in threonine: lysine ratios (genotype x environment interaction) of diets were obtained by random regression models (reaction model) using the WOMBAT program using the Restricted Maximum Likelihood principle. Model considering two classes of residual variance showed the best goodness of fit. The Reaction Norms analyses indicated changes in the ranking of breeding values for both lines suggesting quails selected in one level of threonine: lysine ratio will not express all their genetic potential if fed different threonine: lysine ratio diets. This behavior indicates sensitivity of breeding values to changes in the nutrition characterizing the genotype by environment interaction. The prediction of breeding values must be performed using the same level of threonine: lysine ratio in diet the quails will be fed in the production system.(AU)
Descritores: Coturnix/genética
Coturnix/crescimento & desenvolvimento
Dieta/veterinária
Heterogeneidade Genética
Lisina/análise
Treonina/análise
-Fenômenos Genéticos/genética
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  3 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-792485
Autor: Reis, J. S; Dionello, N. J. L; Nunes, A. P; Lopes, D. C. N; Gotuzzo, A. G; Tyska, D. U; Rutz, F.
Título: Morfometria intestinal em codornas de corte alimentadas com treonina digestível / Intestinal morphometry in meat quails fed with digestible threonine
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;68(4):983-990, jul.-ago. 2016. tab.
Idioma: pt.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar a morfometria intestinal por meio da inclusão de níveis de treonina digestível na dieta de codornas para corte em crescimento. O delineamento experimental adotado foi o inteiramente ao acaso, em esquema fatorial: quatro níveis nutricionais e três segmentos do intestino com dez repetições. Foram coletadas amostras dos três segmentos do intestino delgado. As variáveis estudadas foram área e altura das vilosidades intestinais, profundidade de cripta e relação vilo e cripta. No estudo da altura da vilosidade, foi obtida interação significativa para todas as idades estudadas. A profundidade da cripta em codornas de corte aos 21 dias de idade mostrou-se significativa para as variáveis inclusão de treonina na dieta e para a porção do intestino estudada. Na profundidade da cripta aos 42 dias, ficou evidenciada uma interação significativa entre níveis de inclusão de treonina na dieta e porção do intestino delgado. No estudo da relação altura de vilosidade e profundidade de cripta em codornas aos 21 dias de idade, foram encontrados resultados significativos para a interação tratamento e porção do intestino. Aos 21 e aos 42 dias de idade, a suplementação de 1,04 e 0,78%, respectivamente, de treonina digestível na dieta promove melhores resultados para morfometria intestinal.(AU)

The aim of the study was to evaluate intestinal morphology data by including different levels of threonine in the diet of meat quails in the growing phase. The experimental design was completely randomized in a factorial arrangement: four nutritional levels and three intestinal segments with ten repetitions. Samples were collected to obtain morphometry data (villi and crypt) of the three segments of the small intestine (duodenum, jejunum, and ileum). In the study of the intestinal villus height a highly significant interaction was obtained for all ages studied. A crypt depth was evidenced at 42 days with a significant interaction between levels of inclusion of threonine in the diet and small intestine. In the study of the relationship villus height and depth crypt quails at 21 days of age, the results were significant for the interaction treatment (T) and part of the intestine. At 21 and 42 days of age, supplementation of 1.04 and 0.78% respectively of threonine in the diet promotes better outcomes for intestinal morphology.(AU)
Descritores: Fenômenos Fisiológicos da Nutrição Animal
Coturnix/fisiologia
Intestinos/anatomia & histologia
Treonina
-Aminoácidos Essenciais
Aves Domésticas
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-768162
Autor: Caetano, V. C; Faria, D. E; Caniatto, A. R. M; Faria Filho, D. E; Nakagi, V. S.
Título: Desempenho e rendimento de carcaça em frangos de corte de um a 46 dias alimentados com dietas contendo diferentes níveis de valina e reduzido teor proteico / Performance and carcass yield of broilers from 1 to 46 days fed diets containing different levels of valine and reduced protein content
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;67(6):1721-1728, nov.-dez. 2015. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este estudo teve como objetivo avaliar as relações de valina:lisina digestíveis em dietas com teor reduzido de proteína bruta (PB) e os efeitos dessa redução sobre desempenho e rendimento de carcaça em frangos de corte. Foram utilizados 1200 pintos machos seguindo modelo inteiramente ao acaso, com seis tratamentos de seis repetições (exceto controle, com 10 repetições), compostos por 30 aves cada. O tratamento controle (T1) foi formulado conforme os níveis de proteína bruta e aminoácidos (AAs) recomendados por Rostagno et al . (2011), e os demais tratamentos (T2 a T6) tiveram seus níveis de PB reduzidos (4% em relação ao controle) e variaram em função da relação valina:lisina digestíveis, com cinco níveis equidistantes em intervalos de 0,07:1, variando de 0,63:1 e 0,91:1 (dietas até 21 dias) e de 0,64:1 e 0,92:1 (dietas após 21 dias). As seguintes características de desempenho foram avaliadas: ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, viabilidade criatória e índice de eficiência produtiva. Aos 46 dias de idade, seis animais por repetição foram abatidos para determinação de rendimento de carcaça e de cortes comerciais. As diferentes relações valina:lisina digestíveis não influenciaram o desempenho dos animais (P>0,05) para nenhuma característica avaliada. A redução proteica piorou a conversão alimentar dos animais (P≤0,05) até os 21 dias. Os resultados sugerem que os níveis de valina utilizados não afetam o desempenho dos animais, apenas o rendimento de peito e que, portanto, a redução proteica não é recomendada durante as três primeiras semanas de criação.

This study aimed to evaluate valine:lysine ratios in diets with reduced content of crude protein and the effects of this reduction on the performance of broiler chickens. 1200 male chicks were used following a complete randomized design with six replicates of six treatments (except control, with 10 replicates), each one with 30 chicks. The control treatment (T1) was formulated following levels of crude protein (CP) and the amino acids (AAs) recommended by Rostagno et al. (2011), and the other treatments (T2 to T6) had reduced levels of CP (4 % compared to control) and varied in proportion valine:lysine, with 5 levels at equidistant intervals 0.07:1 ranging from 0.63:1 to 0.91:1 (up to 21 days) and from 0.64:1 to 0.92:1 (after 21 days). The performance characteristics measured were: weight gain, feed intake, feed conversion, viability and productive efficiency index. At 46 days six animals per replicate were slaughtered for evaluation of carcass and commercial cuts. The different valine:lysine ratios did not affect animal performance (P>0.05). Reducing protein impaired feed conversion (P≤.05) up to 21 days. The results suggest that levels of valine used did not affect the broilers' performance, however, breast meat yield and reduced protein are not recommended during the first three weeks.
Descritores: Aminoácidos/administração & dosagem
Dieta/veterinária
Proteínas na Dieta/administração & dosagem
Proteínas na Dieta/análise
Valina/administração & dosagem
-Encefalina Metionina/administração & dosagem
Lisina/administração & dosagem
Treonina/administração & dosagem
Triptofano/administração & dosagem
Limites: Animais
Masculino
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  5 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-673128
Autor: Ton, A P S; Furlan, A C; Martins, E N; Batista, E; Pasquetti, T J; Scherer, C; Quadros, T C O; Nonaka, M P.
Título: Exigência de treonina digestível para codornas de corte no período de 15 a 35 dias de idade / Digestible threonine requirements for quail meat from 15 to 35 days of age
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;65(2):505-512, abr. 2013. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Estimou-se a exigência de treonina digestível (ThrD) para codornas de corte (Coturnix coturnix sp.) em fase de crescimento no período de 15 a 35 dias de idade. Foram utilizadas 1020 codornas com 15 dias de idade, não sexadas, distribuídas em um delineamento experimental inteiramente ao acaso, com seis porcentagens de adição de treonina digestível - 0,93; 1,00; 1,07; 1,14; 1,21 e 1,28% na dieta - , cinco repetições e 34 codornas por unidade experimental. Não houve efeito sobre o desempenho, o rendimento e a composição química da carcaça e sobre o balanço de nitrogênio com o aumento da porcentagem de treonina digestível na dieta. Houve aumento linear no consumo de treonina e no custo da ração por quilograma de peso vivo ganho com o aumento da porcentagem de treonina digestível. Concluiu-se que o melhor nível de treonina digestível avaliado foi suficiente para atender as exigências de codornas de corte, no período de 15 a 35 dias de idade.

The digestible threonine (DThr) requirements for meat quails (Coturnix coturnix sp) during growing phase from 15 to 35 days of age were estimated, using 1,020 quails with 15 days of age, of both sexes, distributed in a completely randomized design, with six levels of digestible threonine - 0.93; 1.00; 1.07; 1.14; 1.21 and 1.28% in diet, five replications and 34 quails per experimental unit. There was no effect on performance variables, carcass yield and chemical composition and nitrogen balance with the studied increase in digestible threonine levels. There was a linear increase in threonine intake andfeed cost per kilogram of body weight gain with increasing levels of digestible threonine. It was concluded that the best level of threonine evaluated was sufficient to meet the requirements of meat quails, in the period from 15 to 35.
Descritores: Aminoácidos/análise
Composição Corporal/fisiologia
Nitrogênio/análise
Treonina/análise
-Coturnix/classificação
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  6 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Cardoso, Gilberto Perez
Id: lil-658677
Autor: Cardoso, Gilberto Perez.
Título: Alterações músculo-tegumentares e aminoácidos plasmáticos no hipertireoidismo (contribuição à interpretação fisiopatológica) / Changes muscle tissue and plasma amino acids in hyperthyroidism (contribution to the interpretation pathophysiological.
Fonte: Niterói; s.n; 1993. 46 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal Fluminense para obtenção do grau de Professor Titular.
Resumo: Vários autores assinalam que o excesso de hormônio tireoidiano estimularia a proteólise muscular e, ao mesmo tempo, a captação esplênica de aminoácidos, determinando variações em suas concentrações plasmáticas...Alterações tegumentares na tireotoxicose, avaliadas pela presença de unhas de Plummer, correlacionaram-se signigicativamente com a redução de concentração plasmática de cistina (p,0,05)
Descritores: Aminoácidos
Doença de Graves
Hipertireoidismo
Tegumento Comum
Fenômenos Fisiológicos do Tegumento Comum
Músculos
Saúde Pública
Pele
Tireotoxicose
-Alanina
Cistina
Ácido Glutâmico
Glutamina
Treonina
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM
BR408.1; T616.443, C268, 1993


  7 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-513054
Autor: Paiano, D; Moreira, I; Silvestrin, N; Carvalho, P. L. O; Perdigão, L. S.
Título: Relações treonina: lisina digestíveis para suínos na fase inicial, alimentados com rações de baixa proteína, calculadas de acordo com o conceito de energia líquida / Digestible threonine: lysine ratios for starting pigs fed low protein diets, considering net energy concept
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;61(1):211-218, fev. 2009. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Foram realizados dois experimentos com o objetivo de estudar, no primeiro, o efeito de diferentes relações treonina:lisina digestíveis (TL) sobre a utilização do nitrogênio (N) em suínos na fase inicial, dos 15 aos 30kg de peso, e, no segundo, o efeito dessas relações sobre o desempenho dos animais. No primeiro experimento, foi avaliado o balanço de nitrogênio, utilizando-se 20 suínos machos castrados, híbridos comerciais de média a alta deposição de tecido magro, com peso inicial de 23,0±4,1kg. Os suínos foram distribuídos em um delineamento experimental inteiramente ao acaso. As rações continham baixo nível de proteína (17,3 por cento), e as relações TL foram: 0,574; 0,624; 0,673; 0,722 e 0,772. A proteína bruta total excretada (PBTE), a proteína bruta retida (PBR) e a utilização líquida da proteína (ULP) apresentaram efeito quadrático, e os melhores valores nas relações foram 0,648; 0,648 e 0,649, respectivamente. A melhor relação TL foi 0,649 (média da PBR e ULP). No segundo experimento, foi avaliado o efeito dessa relação sobre o desempenho dos suínos na fase inicial. Foram utilizados 60 animais (30 machos castrados e 30 fêmeas) com peso inicial de 15,5±1,5kg, de características semelhantes ao primeiro experimento, distribuídos em um delineamento experimental inteiramente ao acaso, em esquema fatorial 5x2 (cinco relações TL e dois sexos, com dois animais por baia). Foram utilizadas seis baias por tratamento, com três de machos e três de fêmeas cada. Não houve efeito da relação TL sobre o consumo diário de ração e o ganho diário de peso, e houve efeito quadrático, com ponto de mínimo, sobre a conversão alimentar com a relação TL de 0,691. Os resultados indicam que a relação TL de 0,649 maximiza a retenção de nitrogênio e a relação TL de 0,691 permite melhor conversão alimentar para leitões dos 15 aos 30kg de peso.

Two experiments were carried out to evaluate the effect of digestible threonine:lysine ratio (TL) on nitrogen (N) use and on growth performance of starting pigs (15-30kg). Experiment I evaluated nitrogen balance using twenty high-lean commercial crossbred barrows, with initial weight of 23.0±4.1kg. Pigs were allotted in a randomized design. Diets were formulated with low crude protein levels (17.3 percent) and TL ratios were: 0.574; 0.624; 0.673; 0.722; and 0.772. Excreted crude protein (CPEX), crude protein retention (CPR), and net protein utilization (NPU) showed quadratic effect and the best TL ratio values were achieved at 0.648, 0.648, and 0.649, respectively. The best TL ratio was 0.649 (CPR and NPU means). Experiment II was carried out to examine the same TL ratio effects on the performance of pigs. Sixty pigs (30 barrows and 30 gilts), averaging 15.5±1.5kg, used in experiment II, were allotted in a randomized design, following a factorial scheme (5x2), being five TL ratios (same as in experiment I) and two genders. Six pens per treatment (three barrows and three gilts) were used. There was no effect of TL ratio on daily feed intake and on average weight gain. However, the feed:gain ratio showed a quadratic effect and the best TL ratio was achieved at 0.691. The results pointed out that the 0.649 TL ratio maximized nitrogen retention and the 0.694 TL ratio allowed a better feed conversion for starting pigs averaging 15 to 30kg of b.w.
Descritores: Ração Animal
Dieta com Restrição de Proteínas
Lisina/efeitos adversos
Proteínas
Suínos
Treonina/efeitos adversos
Limites: Animais
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-489832
Autor: Rossoni, M. C; Donzele, J. L; Oliveira, R. F. M; Silva, F. C. O; Abreu, M. L. T; Kill, J. L; Fereira, A. S; Gattás, G.
Título: Níveis de treonina digestível para suínos machos castrados, de alto potencial genético para deposição de carne, na fase de terminação / Digestible threonine levels for high genetic potential lean deposition finishing barrows
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;60(4):884-889, ago. 2008. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Avaliou-se o efeito de níveis de treonina digestível em rações sobre o desempenho e características de cacaça de suínos machos castrados, selecionados geneticamente, para deposição de carne na carcaça, na fase de terminação. Foram utilizados 70 animais, com peso inicial de 59,00+1,25kg, distribuídos em delineamento experimental de blocos ao acaso, com cinco tratamentos, sete repetições e dois animais por unidade experimental, sendo que na distribuição dos animais, foi adotado como critério o peso inicial. Os tratamentos foram níveis de treonina na ração (0,480; 0,504; 0,528; 0,554 e 0,572 por cento de treonina digestível). Não houve efeito (P>0,05) dos tratamentos sobre o ganho de peso, consumo de ração e conversão alimentar. Os níveis de treonina digestível não influenciaram (P>0,05) a porcentagem de carne e a espessura de toucinho na carcaça. Conclui-se que o nível de 0,480 por cento de treonina digestível, correspondente a relação de treonina digestível:lisina digestível de 60 por cento, atendeu as exigências de suínos machos castrados de alto potencial para deposição de carne na carcaça dos 60 aos 95kg.

An experiment was carried out to determine the effects of digestible threonine levels in ration on the performance and carcass traits of hogs genetically selected for lean deposition at finishing. Seventy barrows averaging an initial weight of 59.00+1.25kg were distributed in a randomized experimental block design with five treatments and seven replicates, being two animals per experimental unit. Initial weight was adopted as a criterion for animal distribution in the treatments, which were the levels of digestible treonine in the diet (0.480; 0.504; 0.528; 0.554; and 0.572 percent). No effect (P>0.05) was observed among the treatments on daily weight gain, daily feed intake, and feed conversion. Digestible threonine levels did not influence (P>0.05) lean and backfat thickness percentage. It can be concluded that the level of 0.480 percent of digestible treonine, corresponding to the rate digestible treonine:lysine 60 percent, supplied the requirments of high potential lean deposition barows from 60 to 95kg.
Descritores: Ração Animal/análise
Ração Animal/efeitos adversos
Suínos
Treonina/efeitos adversos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  9 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-425791
Autor: Mattiazzi, A; Mundiña-Weilenmann, C; Vittone, L; Said, M; Kranias, E. G.
Título: The importance of the Thr17 residue of phospholamban as a phosphorylation site under physiological and pathological conditions
Fonte: Braz. j. med. biol. res = Rev. bras. pesqui. méd. biol;39(5):563-572, May 2006. ilus, graf.
Idioma: en.
Conferência: Apresentado em: Annual Meeting of the Federação de Sociedades de Biologia Experimental,20, Águas de Lindóia, Aug. 24-27, 2004.
Projeto: FONCYT; . CONICET; . Fogarty International Research Award Grant.
Resumo: The sarcoplasmic reticulum (SR) Ca2+-ATPase (SERCA2a) is under the control of an SR protein named phospholamban (PLN). Dephosphorylated PLN inhibits SERCA2a, whereas phosphorylation of PLN at either the Ser16 site by PKA or the Thr17 site by CaMKII reverses this inhibition, thus increasing SERCA2a activity and the rate of Ca2+ uptake by the SR. This leads to an increase in the velocity of relaxation, SR Ca2+ load and myocardial contractility. In the intact heart, ß-adrenoceptor stimulation results in phosphorylation of PLN at both Ser16 and Thr17 residues. Phosphorylation of the Thr17 residue requires both stimulation of the CaMKII signaling pathways and inhibition of PP1, the major phosphatase that dephosphorylates PLN. These two prerequisites appear to be fulfilled by ß-adrenoceptor stimulation, which as a result of PKA activation, triggers the activation of CaMKII by increasing intracellular Ca2+, and inhibits PP1. Several pathological situations such as ischemia-reperfusion injury or hypercapnic acidosis provide the required conditions for the phosphorylation of the Thr17 residue of PLN, independently of the increase in PKA activity, i.e., increased intracellular Ca2+ and acidosis-induced phosphatase inhibition. Our results indicated that PLN was phosphorylated at Thr17 at the onset of reflow and immediately after hypercapnia was established, and that this phosphorylation contributes to the mechanical recovery after both the ischemic and acidic insults. Studies on transgenic mice with Thr17 mutated to Ala (PLN-T17A) are consistent with these results. Thus, phosphorylation of the Thr17 residue of PLN probably participates in a protective mechanism that favors Ca2+ handling and limits intracellular Ca2+ overload in pathological situations.
Descritores: Acidose/metabolismo
Proteínas de Ligação ao Cálcio/metabolismo
Miocárdio Atordoado/metabolismo
ATPases Transportadoras de Cálcio do Retículo Sarcoplasmático/metabolismo
Treonina/metabolismo
-Acidose/fisiopatologia
Proteínas de Ligação ao Cálcio/fisiologia
Contração Miocárdica/fisiologia
Miocárdio Atordoado/fisiopatologia
Fosforilação
Treonina/fisiologia
Limites: Animais
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 18 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Billerbeck, Ana Elisa Correia
Arnhold, Ivo Jorge Prado
Mendonça, Berenice Bilharinho de
Texto completo
Id: lil-418492
Autor: Berger, Karina; Billerbeck, Ana Elisa Correia; Costa, Elaine Maria Frade; Carvalho, Luciani Silveira; Arnhold, Ivo Jorge Prado; Mendonca, Berenice Bilharinho.
Título: Frequency of the allelic variant (Trp8Arg/Ile15Thr) of the luteinizing hormone gene in a Brazilian cohort of healthy subjects and in patients with hypogonadotropic hypogonadism
Fonte: Clinics;60(6):461-464, Dec. 2005. tab.
Idioma: en.
Resumo: OBJETIVO: Avaliar a freqüência da variante alélica (Trp8Arg/Ile15Thr) do gene da subunidade b do hormônio luteinizante em um grupo de brasileiros saudáveis e em pacientes portadores de hipogonadismo hipogonadotrófico.CASUÍSTICA E MÉTODOS: Duzentos e dois adultos (115 mulheres) com função sexual preservada e 48 pacientes (24 mulheres) portadoras de hipogonadismo hipogonadotrófico foram submetidos a estudo molecular utilizando técnicas de reação em cadeia da polimerase seguida por digestão enzimática com as enzimas de restrição Nco I (para detecção da mutação pontual Trp8Arg) e Fok I (para detecção da mutação pontual Ile15Thr). Os níveis basais de hormônio luteinizante e FSH, testosterona ou estradiol foram dosados em 37 indivíduos normais (21 mulheres) e 27 pacientes portadores de hipogonadismo hipogonadotrófico (13 mulheres) pelo método imunofluorométrico (hLH-Spec and hFSH-Spec, AutoDELFIA, Wallac Oy, Turku, Finland).RESULTADOS: A variante alélica (Arg8/Thr15) do gene da subunidade b do LH apresentou freqüência similar nos indivíduos saudáveis (14.4%) e nos pacientes portadores de hipogonadismo hipogonadotrófico (16.6%). Não houve interferência da variante alélica do gene da subunidade b do LH nos níveis de LH dos indivíduos normais e dos pacientes portadores de hipogonadismo hipogonadotrófico.CONCLUSÃO: Este estudo indica que a variante alélicaArg8/Thr15 do gene da subunidade b do LH é um polimorfismo comum na população brasileira (14.4%). A freqüência similar dessa variante em indivíduos saudáveis e em portadores de hipogonadismo hipogonadotrófico exclui o papel da variante na etiologia do hipogonadismo hipogonadotrófico.
Descritores: Frequência do Gene/genética
Hipogonadismo/genética
Hormônio Luteinizante Subunidade beta/genética
-Arginina Vasopressina/genética
Brasil
Distribuição de Qui-Quadrado
Estudos de Coortes
Fertilidade/genética
Hormônio Luteinizante Subunidade beta/sangue
Treonina/genética
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 2 ir para página        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde