Base de dados : LILACS
Pesquisa : D12.644.848 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 67 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 7 ir para página                  

  1 / 67 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Tárzia, Olinda
Id: lil-255953
Autor: Tarzia, Olinda.
Título: Bioquímica da saliva / Saliva biochemistry.
Fonte: Bauru; FOB-USP; 1986. 71 p. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Saliva/química
Bioquímica/métodos
Proteínas e Peptídeos Salivares/fisiologia
-Halitose/etiologia
Halitose/terapia
Glândula Parótida/anatomia & histologia
Glândula Parótida/fisiologia
Glândula Sublingual/anatomia & histologia
Glândula Sublingual/fisiologia
Glândulas Salivares/anatomia & histologia
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta
BR28.1; D16, T179b; BR191.1; QV105, T179b


  2 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-900291
Autor: Aitken-Saavedra, Juan Pablo; Olid, Cristobal; Escobar, Alejandro; Parry, Yoshua; Duarte da Silva, Karine; Morales-Bozo, Irene.
Título: Características salivales y estado sistémico de sujetos con xerostomía / Salivary characteristics and systemic status of subjects with xerostomia
Fonte: Rev. clín. periodoncia implantol. rehabil. oral (Impr.);10(2):118-120, ago. 2017. tab, graf.
Idioma: es.
Projeto: FONIS.
Resumo: RESUMEN: Xerostomía o sensación de boca es una afección que afecta severamente la calidad de vida de quienes la padecen. Si bien se relaciona con la reducción del flujo salival (hiposalivación), existe evidencia contradictoria y se sugiere evaluar características cualitativas salivales y estado sistémico de los afectados para comprender su etiología y mejorar terapias asociadas. El objetivo de este estudio fue comparar pH y concentración de proteínas en saliva y estado sistémico entre sujetos xerostómicos con y sin hiposialia. Se midió pH, concentración de proteínas salivales y se consignaron antecedentes sistémicos y uso de fármacos en 27 individuos xerostómicos, que fueron divididos en hiposiálicos y no hiposiálicos. Se compararon las variables mencionadas usando test no paramétrico de Mann-Whitney y test Chi-Cuadrado. Se aceptaron diferencias estadísticamente significativas con error alfa igual o menor a 5 %. Sujetos xerostómicos con hiposialia presentaron mayor prevalencia de Artritis Reumatoide y Síndrome de Sjögren en comparación con xerostómicos sin hiposialia. No se encontraron diferencias estadísticamente significativas en relación a pH, concentración de proteínas y uso de medicamentos, variables que no influirían en el padecimiento de xerostomía, independiente de la existencia de hiposialia. Sujetos con xerostomía e hiposialia presentan mayor frecuencia de Artritis Reumatoide y Síndrome de Sjögren.

ABSTRACT: Xerostomia or mouth feeling is a condition that severely affects the quality of life of thosewho suffer from it. Although it is related to the reduction of salivary flow (hyposalivation),there is contradictory evidence and it is suggested to evaluate qualitative salivarycharacteristics and systemic state of those affected in order to understand its etiology and improve associated terapies. The objective of this study was to compare saliva, pH and protein concentration and systemic status among xerostomic subjects with and without hyposialia. Were measured PH and protein concentration and were recorded systemic antecedents and drug use in 27 xerostomic individuals, who were divided into hyposalic and nonhyposalic individuals. The mentioned variables were compared using non-parametric Mann-Whitney test and Chi-Square test. Statistically significant differences were accepted with alpha error equal to or less than 0.05%. Xerostomic subjects with hyposialia presented higher prevalence of Rheumatoid Arthritis and Sjögren's Syndrome compared to xerostomics without hyposialia. No statistically significant differences were found in relation to pH, protein concentration and drug use, variables that would not influence xerostomia, independent of hyposialia. Subjects with xerostomia with hyposialia present a higher frequency of Rheumatoid Arthritis and Sjögren's Syndrome.
Descritores: Xerostomia/fisiopatologia
-Saliva/química
Proteínas e Peptídeos Salivares/análise
Salivação/fisiologia
Taxa Secretória
Síndrome de Sjogren/fisiopatologia
Distribuição de Qui-Quadrado
Estudos Transversais
Estatísticas não Paramétricas
Concentração de Íons de Hidrogênio
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Responsável: CL58.1 - Biblioteca


  3 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Vargas, Pablo Agustin
Texto completo
Id: biblio-839533
Autor: ALVES, Daniel Berretta Moreira; BINGLE, Lynne; BINGLE, Colin David; LOURENÇO, Silvia Vanessa; SILVA, Andréia Aparecida; PEREIRA, Débora Lima; VARGAS, Pablo Agustin.
Título: BPI-fold (BPIF) containing/plunc protein expression in human fetal major and minor salivary glands
Fonte: Braz. oral res. (Online);31:e6, 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: National Council for Scientific and Technological Development; . National Council for Scientific and Technological Development.
Resumo: Abstract The aim of this study was to determine expression, not previously described, of PLUNC (palate, lung, and nasal epithelium clone) (BPI-fold containing) proteins in major and minor salivary glands from very early fetal tissue to the end of the second trimester and thus gain further insight into the function of these proteins. Early fetal heads, and major and minor salivary glands were collected retrospectively and glands were classified according to morphodifferentiation stage. Expression of BPI-fold containing proteins was localized through immunohistochemistry. BPIFA2, the major BPI-fold containing protein in adult salivary glands, was detected only in the laryngeal pharynx; the lack of staining in salivary glands suggested salivary expression is either very late in development or is only in adult tissues. Early expression of BPIFA1 was seen in the trachea and nasal cavity with salivary gland expression only seen in late morphodifferentiation stages. BPIFB1 was seen in early neural tissue and at later stages in submandibular and sublingual glands. BPIFA1 is significantly expressed in early fetal oral tissue but BPIFB1 has extremely limited expression and the major salivary BPIF protein (BPIFA2) is not produced in fetal development. Further studies, with more sensitive techniques, will confirm the expression pattern and enable a better understanding of embryonic BPIF protein function.
Descritores: Fosfoproteínas/análise
Glândulas Salivares/química
Proteínas e Peptídeos Salivares/análise
Autoantígenos/análise
Glicoproteínas/análise
Proteínas/análise
Feto/química
-Palato/embriologia
Palato/química
Glândulas Salivares/embriologia
Fatores de Tempo
Língua/embriologia
Língua/química
Imuno-Histoquímica
Estudos Retrospectivos
Idade Gestacional
Desenvolvimento Fetal
Epitélio/química
Cabeça/embriologia
Pescoço/embriologia
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1021069
Autor: Lepesqueur, Laura Soares Souto.
Título: Efeitos da fibrose cística sobre o microbioma bucal e o proteoma salivar / Effects of cystic fibrosis on oral microbiome and salivary proteome.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2019. 201 p. il., tab., graf..
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista (Unesp), Instituto de Ciência e Tecnologia de São José dos Campos para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A Fibrose Cística (FC) é uma doença genética de elevada prevalência global e que causa função anormal das glândulas exócrinas. As alterações nas funções das glândulas salivares podem impactar a saúde bucal que por sua vez podem influenciar a saúde geral. A boca pode representar um reservatório microbiano de potenciais patógenos e colonizadores das vias aéreas, causando infecções crônicas pulmonares. O objetivo deste estudo foi avaliar os impactos da FC na cavidade bucal, saliva e microbioma bucal. Foram incluídos no estudo 50 pacientes com diagnóstico de FC com idades de 3 a 20 anos, divididos em 2 grupos de acordo com o grau de severidade da doença determinado pelo escore de Shwachman-Kulczycki: G1 (baixa severidade) e G2 (alta severidade). Foi também incluído grupo controle pareado ao grupo de estudo quanto ao gênero e idade (G3, n=50). A presença de lesões de cárie foi avaliada. O impacto da FC sobre a saúde bucal foi avaliado por questionário preenchido pelos pais ou responsáveis. Amostra de saliva estimulada foi coletada de todos os pacientes. O microbioma bucal foi avaliado por Human Oral Microbe Identification using Next Generation Sequencing (HOMINGS) e metodologias de cultivo, para análise da microbiota potencialmente oportunista e cariogênica. Realizouse ainda a análise proteômica da saliva e quantificação de imunoglobulinas salivares. Os resultados foram analisados e, de acordo com a distribuição dos dados e avaliação desejada, foram aplicados os testes estatísticos apropriados, sendo adotado o nível de significância de 5%. O questionário aplicado apontou que os pais consideraram que a saúde bucal não impacta negativamente a saúde geral dos seus filhos em todos os grupos estudados Os grupos de pacientes com FC apresentaram menores índices de Ceo-d, CPO-D, taxa de fluxo salivar e pH inicial em relação ao grupo controle. As contagens de estafilococos e leveduras foram significativamente mais elevadas nos grupos FC. Todos os isolados fúngicos foram suscetíveis aos antifúngicos testados. Alta incidência de resistência foi observada dentre as cepas bacterianas. Os níveis de IgA foram mais altos nos grupos com FC em relação ao controle. Pseudomonas aeruginosa foi detectada apenas nos grupos com FC. A análise proteômica identificou 7 potenciais biomarcadores para a fibrose cística. Conclui-se que o monitoramento do microbioma oral de pacientes com fibrose cística pode ser uma ferramenta importante na prevenção da colonização pulmonar por potenciais patógenos. O estudo de biomarcadores salivares pode contribuir para o desenvolvimento de novos métodos de diagnóstico alternativos ao teste do suor para a fibrose cística(AU)

Cystic Fibrosis (CF) is a genetic disease with high global prevalence that causes abnormal function of the exocrine glands. The functional alterations of salivary glands and saliva can impact the oral health and influence general health. Oral cavity may represent a microbial reservoir of potential pathogens that can colonize the airways and cause chronic pulmonary infections. The aim of this study is to evaluate the impact of cystic fibrosis on the oral cavity, saliva and oral microbiome. Fifty CF patients aged from 3 to 20 years were divided into two groups according to the disease severity determined by the Shwachman-Kulczycki score: G1 (low severity) and G2 (high severity). Also, age and gender paired control group was included in the study (G3, n = 50). The occurrence of caries was evaluated. The impact of CF on oral health was evaluated by a questionnaire filled by parents or responsible person. Stimulated whole saliva (WS) samples were collected from all patients. The oral microbiome was analyzed by Human Oral Microbe Identification using Next Generation Sequencing (HOMINGS) and by microbiological culture methodologies to evaluate the potential opportunistic and cariogenic microbiota. The proteomic analysis of saliva and quantification of salivary immunoglobulins were carried out. Statistical analysis was performed according to the normality of the data at a significance level of 5%. The applied questionnaire pointed out that oral health did not impact systemic health negatively, according to the parents in all groups. The groups of patients with CF had lower rates of dmft, DMFT, salivary flow rate and initial pH in comparison to the control group. The counts of staphylococcal and yeast from CF groups were significant higher than the controls. All fungal isolates were susceptible to the antifungal agents. Higher incidence of bacterial resistance was observed. The IgA levels were higher in both CF groups than in the control group. Pseudomonas aeruginosa were detected only in the CF groups. The proteomic analysis identified 7 potential biomarkers for cystic fibrosis. The effects of CF in saliva and oral microbiome must be considered to establishment of therapeutic and preventives multidisciplinary protocols aiming overall health and quality of life of these patients. In conclusion, monitoring the oral microbiome of CF patients may be an important tool in the prevention of pulmonary colonization by potential pathogens. The study of salivary biomarkers may contribute to the development of new diagnostics methods alternative to sweat test for CF(AU)
Descritores: Saliva
-Proteínas e Peptídeos Salivares/efeitos adversos
Fibrose Cística/classificação
Cárie Dentária/complicações
Microbiota/imunologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; 1172. 2357


  5 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-991066
Autor: Adas Saliba, Tânia; Bernardes Machado, Ana Carolina; Adas Saliba Moimaz, Suzely; Adas Saliba, Nemre.
Título: Concentrações de cortisol salivar de idosos institucionalizados e não institucionalizados / Concentraciones de cortisol salival de ancianos institucionalizados y no institucionalizados / Salivary cortisol concentrations in institutionalized and non-institutionalized elderly people
Fonte: Rev. cuba. estomatol;55(3):1-12, jul.-set. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: devido às limitações inerentes do processo de envelhecimento, a institucionalização é uma realidade, podendo gerar impacto na saúde física e psicológica do individuo sênior. Objetivo: determinar as concentrações de cortisol salivar de idosos institucionalizados e não institucionalizados e verificar as condições de saúde bucal e dependência física. Métodos: estudo transversal, descritivo e analítico, com amostra composta por 80 indivíduos, sendo 45 institucionalizados e 35 não institucionalizados. Realizou-se exame clínico bucal para avaliação de uso e necessidade de prótese dentária nos arcos superior e inferior. Também foi realizada coleta salivar, para análise da concentração de cortisol, marcador biológico do nível de estresse. Resultados: a maioria dos idosos apresentou-se desdentado total, sendo 84,44 porcento no grupo institucionalizado e 71,43 porcento no grupo não institucionalizado. Os idosos institucionalizados apresentaram menor índice de uso de próteses, quando comparados ao grupo de idosos não institucionalizados (p= 0,0013). A análise das concentrações de cortisol salivar demonstrou diferenças significantes entre os grupos, com taxas mais elevadas no grupo institucionalizado (p= 0,0397). Maiores concentrações de cortisol salivar foram encontradas em indivíduos que possuíam necessidades protéticas, com diferença estatisticamente significante (p= 0,0454). Conclusão: os idosos institucionalizados apresentaram elevadas concentrações de cortisol salivar, maior necessidade de uso de próteses e apresentaram-se mais dependentes, quando comparados com o grupo não institucionalizado(AU)

Introducción: debido a las limitaciones inherentes del proceso de envejecimiento, la institucionalización es una realidad, lo que puede generar impacto en la salud física y psicológica del adulto mayor. Objetivo: determinar las concentraciones de cortisol salival de ancianos institucionalizados y no institucionalizados, y verificar variables como salud bucal y dependencia física. Métodos: estudio transversal, descriptivo y analítico, en el cual la muestra estuvo compuesta por 80 individuos, de estos 45 eran institucionalizados y 35 no institucionalizados. Se realizó examen clínico bucal para evaluar el uso y necesidad de prótesis en los arcos superior e inferior. También se realizó recolecta salivar, para análisis de la concentración de cortisol, marcador biológico del nivel de estrés. Resultados: la mayoría de los ancianos se presentaron desdentados totales, para el 84,44 por ciento en el grupo institucionalizado y 71,43 por ciento en el grupo no institucionalizado. Los ancianos institucionalizados presentaron menor índice de uso de prótesis, en comparación con el grupo de ancianos no institucionalizados (p= 0,0013). El análisis de las concentraciones de cortisol salival demostró diferencias significativas entre los grupos, con tasas más elevadas en el grupo institucionalizado (p= 0,0397). Mayores concentraciones de cortisol salivar fueron encontradas en individuos que poseían necesidades protésicas, con diferencia estadísticamente significante (p= 0,0454). Conclusiones: ancianos institucionalizados presentan elevadas concentraciones de cortisol salival, mayor necesidad de uso de prótesis y se presentan más dependientes, al ser comparados con el grupo no institucionalizado(AU)

Introduction: due to the limitations inherent to the process of aging, institutionalization is a reality which may have an impact on the physical and psychological health status of elderly people. Objectives: determine salivary cortisol concentrations in institutionalized and non-institutionalized elderly people, and verify variables such as oral health and physical dependence. Methods: a descriptive analytical cross-sectional study was conducted of a sample of 80 individuals, of whom 45 were institutionalized and 35 non-institutionalized. Oral clinical examination was performed to evaluate the use of and need for dental prostheses in the upper and lower arches. Saliva was collected to determine the concentration of cortisol, a biological marker of stress levels. Results: most of the sample were totally edentulous elderly people: 84.44 percent in the institutionalized group and 71.43 percent in the non-institutionalized group. A lower rate of prosthesis use was found in the institutionalized sample than in the non-institutionalized sample (p= 0.0013). Analysis of salivary cortisol concentrations revealed significant differences between the groups, with higher values in the institutionalized group (p= 0.0397). Higher salivary cortisol concentrations were found among individuals with prosthetic needs, the difference being statistically significant (p= 0.0454). Conclusions: institutionalized elderly people had higher salivary cortisol concentrations, greater prosthetic needs, and were more care dependent than the non-institutionalized group(AU)
Descritores: Proteínas e Peptídeos Salivares/análise
Hidrocortisona/análise
Inquéritos de Saúde Bucal/estatística & dados numéricos
Identificação da Prótese Dentária/estatística & dados numéricos
Saúde do Idoso Institucionalizado
-Epidemiologia Descritiva
Estudos Transversais
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  6 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-973124
Autor: Juárez, Rolando Pablo; Cuzziol, Fernando Ramiro.
Título: La saliva en pacientes edéntulos completos / Saliva in totally edentulous patients
Fonte: Rev. Ateneo Argent. Odontol;57(2):55-60, nov. 2017.
Idioma: es.
Resumo: La saliva es un fluido biológico importante en la fisiología de la cavidad bucal. El propósito de estarevisión fue considerar las relaciones entre el edentulismo completo y el perfil fisiológico de la saliva. El flujo salival, el pH y la capacidad tampón tienen relación con el número de dientes perdidos, presencia de prótesis dentales y métodos de determinación del flujo (saliva no estimulada o estimulada). Las fracciones de proteínas en muestras de saliva total muestran diferencias entre individuos dentados y pacientes edéntulos. Este conocimiento permitirá a los clínicos, comprender mejor el impacto del edentulismo sobre las propiedades de la saliva y planificar el tratamiento en consecuencia.

Saliva is an important biological fluid in oralphysiology. The purpose of this review wasto consider relationships among complete edentulism and saliva physiological profile. Salivaryflow rate, pH and buffer capacity has a relationwith the number of missing teeth, presence ofdental prostheses and methods of determining flow rate (unstimulated or stimulated saliva). Protein fractions in whole salivary samplesshow differences between dentate individuals and edentulous patients. This knowledge willenable clinicians to better understand the impactof edentulism on salivary properties and plan treatment accordingly.
Descritores: Saliva/fisiologia
Boca Edêntula/fisiopatologia
Proteínas e Peptídeos Salivares/fisiologia
-Salivação/fisiologia
Perda de Dente/complicações
Prótese Dentária
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: AR29.1 - Biblioteca


  7 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-882447
Autor: Silva, Tarsila Guimarães Vieira da.
Título: O papel da concentração salivar e sérica da proteína SLPI (inibidor de protease secretada por leucócitos) na progressão do carcinoma epidermoide da cavidade bucal / The Role of Tumor Expression and Salivary and Serum Concentration of Protein SLPI (Protein Inhibitor Secreted by Leukocytes) in Progression of Squamous Cell Carcinoma of the Oral Cavity.
Fonte: São Paulo; s.n; 2018. 84 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Prática de Saúde Pública para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Introdução: A avaliação dos processos inflamatórios em pacientes com tumores de boca é assunto atual na literatura científica. Poucos estudos, entretanto avaliaram a expressão da Proteína Inibidora de Protease Secretada por Leucócito (SLPI), marcador específico de inflamação, em pacientes com câncer de boca Objetivos: 1.Descrever a frequência da concentração de SLPI salivar e sérica em pacientes com câncer bucal. 2. Avaliar a associação dessas concentrações com características clínicas, sociodemográficas e de estilo de vida. Metodologia: Realizou-se a quantificação de SLPI em soro por meio do teste ELISA em pacientes com carcinoma epidermoide da cavidade bucal atendidos no Hospital Heliópolis da Secretaria de Estado da Saúde do Estado de São Paulo no período entre 2011 e 2017. Dados relativos a estadiamento do tumor, características sócio demográficas dos pacientes, hábitos alimentares e estilo de vida foram coletados por meio de prontuários médicos e questionários aplicados aos pacientes. Foram realizados teste de correlação de Spearman e teste qui-quadrado para testar possíveis associações. Resultados: Foram encontradas: correlação positiva entre SLPI em saliva maços-ano de tabagismo (p=0,03) e correlação negativa entre SLPI bochecho para frequência no consumo de carne vermelha (p=0,01). A quantificação de SLPI em soro por quartis apresentou associação com significância estatística para escolaridade (maior proporção de pessoas com ensino médio completo no quartil mais baixo de SLPI), frequência de escovação dentária (maior proporção de pessoas que escovam os dentes mais do que uma vez por dia no quartil com maior SLPI) e estadiamento patológico (2º quartil com maior proporção de estadiamentos 3 e 4). Na avaliação de SLPI em saliva e bochecho, houve associação com o consumo de carne vermelha, havendo indivíduos com consumo mais baixo apenas nos quartis mais superiores de SLPI Conclusão: Este estudo concorda com a hipótese de que o SLPI em pacientes com câncer de boca se relaciona com estilo de vida e estadiamento da lesão

Introduction: The evaluation of inflammatory processes in patients with oral tumors is a current topic in the scientific literature. Few studies, however, have evaluated the expression of the Leukocyte Secreted Protein Inhibitor Protein (SLPI), a specific marker of inflammation in patients with oral cancer. Objectives: 1. To describe the frequency of salivary and serum SLPI in patients with oral cancer. 2. To evaluate the association of these concentrations with clinical, sociodemographic and lifestyle characteristics. Methodology: Serum SLPI was quantified by ELISA in patients with squamous cell carcinoma of the oral cavity treated at the Hospital Heliópolis of the State Health Department of the State of São Paulo in the period between 2011 and 2017. Data on staging of the tumor, socio-demographic characteristics of patients, eating habits and lifestyle were collected through medical records and questionnaires applied to patients. Spearman\'s correlation test and chi-square test were performed to test possible associations. Results: There was a positive correlation between SLPI in saliva and malnutrition SLPI (p = 0.03). The quantification of SLPI in serum by quartiles was associated with statistical significance for schooling (higher proportion of people with complete secondary education in the lowest quartile of SLPI), frequency of toothbrushing (a higher proportion of people brushing their teeth more than once per day in quartile with higher SLPI) and pathological staging (2nd quartile with a higher proportion of stages 3 and 4). In the evaluation of SLPI in saliva and mouthwash, there was an association with red meat consumption, with individuals with lower consumption only in the higher quartiles of SLPI. Conclusion: This study agrees with the hypothesis that SLPI in patients with oral cancer is related to lifestyle and staging of the lesion
Descritores: Carcinoma de Células Escamosas/enzimologia
Leucócitos/enzimologia
Neoplasias Bucais
Metástase Neoplásica
Inibidores de Proteases
Proteínas e Peptídeos Salivares
-Saúde Bucal
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1; Mtr. 309


  8 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-872583
Autor: Fernandes, Liana Bastos Freitas; Rundegren, Jan; Arnebrant, Thomas; Glantz, Per-Olaf.
Título: Characterization of the binding of delmopinol to salivary precipitates / Caracterização da associação de delmopinol com precipitados salivares
Fonte: Braz. dent. j;12(3):173-177, set.-dez. 2001. ilus.
Idioma: en.
Resumo: O objetivo do trabalho é determinar a quantidade de delmopinol associado com cada componente salivar de diferente peso molecular. Saliva não estimulada foi coletada com cinco indivíduos e misturada com delmopinol radioativo obtendo-se uma concentração final de 9,7 mM. As misturas de saliva e delmopinol foram analisadas com eletroforese tanto para o pelete como para o supernatante. Cada amostra foi analisada três vezes em eletroforese. A primeira foi corada com corante de prata. A segunda amostra foi preparada para fazer uma auto-radiografia. A terceira fileira foi cortada em pedaços iguais dissolvidos e analisados com cintilografia. O resultado de cintilografia demonstrou que um grande nível de radioatividade foi detectado em alto peso molecular (600-700 kDa). Em todas as amostras dos peletes foram encontradas grandes quantidades de delmopinol. O resultado da auto-radiografia confirmou que o delmopinol interagiu com proteínas de alto peso molecular (600-700 kDa)
Descritores: Depósitos Dentários/metabolismo
Morfolinas
Proteínas e Peptídeos Salivares/metabolismo
-Autorradiografia
Eletroforese em Gel de Poliacrilamida
Peso Molecular
Ligação Proteica
Saliva
Contagem de Cintilação
Limites: Humanos
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 67 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-867870
Autor: Tanaka, Marcia Hiromi.
Título: Análise microbiológica e imunologica do fluido gengival e proteoma salivar de individuos com Sindrome de Down com doença periodontal / Microbiological and immunological analysis in the gingival crevicular fluid and salivary proteome analysis in individuals with Down syndrome with periodontal disease.
Fonte: Araraquara; s.n; 2014. 108 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de Araraquara para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar a quantidade de periodontopatógenos e de citocinas inflamatórias no fluido gengival, bem como as proteínas salivares em indivíduos com Síndrome de Down (SD) com Doença Periodontal (DP), comparando-os com indivíduos cromossomicamente normais, antes e 45 dias após o tratamento periodontal não-cirúrgico. Para detectar e quantificar as bactérias (Porphyromonas gingivalis, Tannerella forsythia e Treponema denticola), o fluido gengival foi coletado de 35 indivíduos com DP, sendo 23 indivíduos com SD e 12 não-sindrômicos (controle). Para quantificar as citocinas inflamatórias e as proteínas salivares foram coletados fluido gengival e saliva de 30 indivíduos com DP, sendo 20 indivíduos com SD e 10 não-sindrômicos (controle). Os efeitos do tratamento nos parâmetros clínicos foram positivos para o índice de placa, sangramento à sondagem, profundidade de sondagem e nível de inserção, em ambos os grupos. Porém, a contagem dos periodontopatógenos foi maior nos indivíduos com SD comparados com o grupo controle, antes e 45 dias após o tratamento periodontal. As citocinas Th1, Th2 e Th17 também foram encontradas em maiores quantidades nos indivíduos com SD do que nos controle, mesmo depois do tratamento periodontal. Adicionalmente, maiores quantidades de proteínas salivares com propriedades antimicrobianas, lubrificação, metabolismo, organização celular, resposta imune e transporte foram encontradas em indivíduos com SD depois do tratamento periodontal. Conclui-se que os resultados desta pesquisa podem contribuir para uma compreensão mais aprofundada do comportamento microbiológico, imunológico e do proteoma salivar de indivíduos com SD, e, consequentemente, explicar a alta prevalência e severidade da doença periodontal nesses indivíduos.
Descritores: Síndrome de Down
Microbiologia
Periodontite
Proteínas e Peptídeos Salivares
Responsável: BR39.2 - Biblioteca Professora Maria Dilma de Oliveira Gonçalves
BR39.2, T161a. 2227


  10 / 67 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-858463
Autor: Mizobe Ono, Lia; Araújo, João Luiz Pereira de; Dos Santos, Maria Cristina.
Título: Componentes das imunidades inata e adaptativa presentes na saliva humana / Components of the innate and adaptative immunity present in human saliva
Fonte: Rev. odontol. UNESP;35(4):253-261, out.-dez. 2006.
Idioma: pt.
Resumo: A cavidade bucal é a porta principal de entrada de patógenos para o corpo humano. No entanto, devido a um complexo mecanismo de defesa, os inúmeros agentes infecciosos que colonizam ou penetram a cavidade bucal não ocasionam patologias. A saliva, além de desempenharas funções de hidratação e lubrificação dos tecidos da cavidade bucal, atua diretamente na regulação da microbiota e na proteção contra microrganismos. A função de proteção é desempenhada por componentes celulares e moleculares pertencentes às imunidades inata e adaptativa que atuam sobre bactérias, fungos e vírus. As proteínas da imunidade inata constituem a primeira linha dedefesa do organismo, e as imunoglobulinas, secretadas pelos linfócitos B1 da imunidade inata e pelos linfócitos B da imunidade adaptativa, potencializam esse mecanismo protetor. Nesta revisão foram destacados os principais componentes celulares e moleculares pertencentes aoSistema Imune Inato e ao Sistema Imune Adaptativo que atuam na proteção e na manutenção da homeostasia da cavidade bucal
Descritores: Imunidade Inata
Saliva
Proteínas e Peptídeos Salivares
Responsável: BR39.2 - Biblioteca Professora Maria Dilma de Oliveira Gonçalves



página 1 de 7 ir para página                  
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde