Base de dados : LILACS
Pesquisa : D12.776.580.216 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 95 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 10 ir para página                        

  1 / 95 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1101285 LILACS-Express
Autor: Nugraha, Alexander Patera; Narmada, Ida Bagus; Sitasari, Putri Intan; Inayati, Fidiyah; Wira, Rahendra; Triwardhani, Ari; Hamid, Thalca; Ardani, I Gusti Aju Wahju; Djaharu'ddin, Irwadi; Rahmawati, Dwi; Iskandar, Regina Purnama Dewi.
Título: High Mobility Group Box 1 and Heat Shock Protein-70 Expression Post (-)-Epigallocatechin-3-Gallate in East Java Green Tea Methanolic Extract Administration During Orthodontic Tooth Movement in Wistar Rats
Fonte: Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr;20:e5347, 2020. graf.
Idioma: en.
Projeto: Penelitian Dosen Pemula.
Resumo: Abstract Objective: To investigate the expression of High Mobility Group Box 1 (HMGB1) and Heat Shock Protein-70 (HSP-70) during orthodontic tooth movement (OTM) after (-)- Epigallocatechin-3-Gallate (EGCG) in East Java Green Tea (Camelia Sinensis) Methanolic Extract (GTME) administration in vivo. Material and Methods: 28 Wistar rats (Rattus Novergicus) was used and divided into 4 groups accordingly: K- without EGCG and OTM; K+ with OTM, without EGCG for 14 days; T1with OTM for 14 days and EGCG for 7 days; treatment group 2 (T2) with OTM and EGCG for 14 days. OTM animal model was achieved through the installation of the OTM device by means of NiTi close coil spring with 10g force placed between the first incisor and first maxillary molars. The samples were terminated on Day 14. The pre-maxillary was isolated for the immunohistochemical examination. Analysis of Variance (ANOVA) then continued with Tukey Honest Significant Difference (HSD) (p<0.05) was performed to analyze the data. Results: The highest HMGB1 and HSP-70 expression were found in the K+ group pressure side, meanwhile the lowest HMGB1 and HSP-70 expression were found in K- group tension side in the alveolar bone. There was a significant decrease of HMGB1 and HSP-70 expression in T2 compared to T1 and K+ with significant between groups (p<0.05; p=0.0001). Conclusion: The decreased expression of HMGB1 and HSP-70 in alveolar bone of OTM wistar rats due to post administration of GTME that consisted EGCG.
Descritores: Técnicas de Movimentação Dentária/instrumentação
Ratos Wistar
Proteína HMGB1
Proteínas de Choque Térmico
Antioxidantes/uso terapêutico
-Chá
Osso e Ossos
Imuno-Histoquímica
Análise de Variância
Modelos Animais
Incisivo
Indonésia
Dente Molar
Limites: Animais
Ratos
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  2 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-667385
Autor: Queiroz, Nicolle Gilda Teixeira de.
Título: Estudo funcional da expressão de STI1/HOP e proteínas da cascata de SUMOilação em gliomas: correlação com proliferação celular e características clínico-patológicas / Functional study of STI1/HOP and SUMOylation cascade proteins expression in gliomas: correlation to cell proliferation and clinico-pathological characteristics.
Fonte: São Paulo; s.n; 2011. 72 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação Antônio Prudente para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Os gliomas são tumores originados das células gliais e são classificados de acordo com sua agressividade em graus I a IV. Este último, também chamado de glioblastoma multiforme (GBM), é pouco responsivo a qualquer abordagem terapêutica conhecida. Sabe-se que o prognóstico destes tumores está diretamente relacionado com sua atividade proliferativa e invasiva. Portanto, a identificação de proteínas envolvidas na manutenção da proliferação destas células tumorais é bastante relevante. Resultados anteriores do grupo mostraram que a co-chaperona STI1/HOP é secretada por células de GBM e funciona como um fator autócrino, promovendo a proliferação por meio da ligação com a proteína príon celular (PrPC) ancorada no lado externo da membrana plasmática. No presente trabalho demonstramos que STI1/HOP é mais expressa em gliomas malignos quando comparados a tumores de baixo grau ou a tecido cerebral não tumoral. Nossos resultados mostraram ainda que o peptídeo STI1/HOP230-245, que representa o domínio de ligação de STI1/HOP à PrPC, compete pela ligação entre estas proteínas e inibe a proliferação de células de GBM U87MG in vitro. O silenciamento do gene de PrPC em células U87MG não afetou sua proliferação in vitro, entretanto quando estas células foram transplantadas em camundongos nude, o crescimento tumoral foi bastante comprometido. Além disso, a expressão protéica de PrPC em GBM é superior a sua expressão em todos os demais graus de gliomas e tecidos não tumorais. Estes resultados indicam um papel importante do complexo STI1/HOP-PrPC em gliomas de alto grau de malignidade. O conhecimento dos mecanismos que regulam a atividade e secreção de STI1/HOP é muito importante uma vez que esta pode modular a proliferação celular pela ligação a PrPC. ...
Descritores: Glioma
Proliferação de Células
Proteínas de Choque Térmico
Príons
Limites: Humanos
Responsável: BR30.1 - Biblioteca
BR30.1


  3 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1142603
Autor: Soares, Marcos; Santos, Analu B dos; Weich, Tainara M; Mânica, Gabriela Gomes; Homem de Bittencourt Junior, Paulo Ivo; Ludwig, Mirna Stela; Heck, Thiago Gomes.
Título: Heat shock response in noise-induced hearing loss: effects of alanyl-glutamine dipeptide supplementation on heat shock proteins status / Resposta de choque térmico em perda auditiva induzida por ruído: efeitos da suplementação com dipeptídeos de alanil-glutamina sobre o estado das proteínas de choque térmico
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);86(6):703-710, Nov.-Dec. 2020. graf.
Idioma: en.
Projeto: (PqG-2013-FAPERGS; . ARD/PPP/FAPERGS/CNPq-08/2014; . CNPq.
Resumo: Abstract Introduction: The 72 kDa heat shock protein, HSP72, located intracellularly provides cochlear cytoprotective and anti-inflammatory roles in the inner ear during stressful noise challenges. The expression of intracellular HSP72 (iHSP72) can be potentiated by alanyl-glutamine dipeptide supplementation. Conversely, these proteins act as pro-inflammatory signals in the extracellular milieu (eHSP72). Objective: We explore whether noise-induced hearing loss promotes both intracellular and extracellular HSP72 heat shock response alterations, and if alanyl-glutamine dipeptide supplementation could modify heat shock response and prevent hearing loss. Methods: Female 90 day-old Wistar rats (n = 32) were randomly divided into four groups: control, noise-induced hearing loss, treated with alanyl-glutamine dipeptide and noise-induced hearing loss plus alanyl-glutamine dipeptide. Auditory brainstem responses were evaluated before noise exposure (124 dB SPL for 2 h) and 14 days after. Cochlea, nuclear cochlear complex and plasma samples were collected for the measurement of intracellular HSP72 and extracellular HSP72 by a high-sensitivity ELISA kit. Results: We found an increase in both iHSP72 and eHSP72 levels in the noise-induced hearing loss group, which was alleviated by alanyl-glutamine dipeptide treatment. Furthermore, H-index of HSP72 (plasma/cochlea eHSP72/iHSP72 ratio) was increased in the noise-induced hearing loss group, but prevented by alanyl-glutamine dipeptide treatment, although alanyl-glutamine dipeptide had no effect on auditory threshold. Conclusions: Our data indicates that cochlear damage induced by noise exposure is accompanied by local and systemic heat shock response markers. Also, alanyl-glutamine reduced stress markers even though it had no effect on noise-induced hearing loss. Finally, plasma levels of 72 kDa heat shock proteins can be used as a biomarker of auditory stress after noise exposure.

Resumo Introdução: A proteína de choque térmico de 72 kDa, HSP72 localizada intracelularmente, tem papéis citoprotetores e anti-inflamatórios cocleares na orelha interna durante situações de ruído estressantes. A expressão dessa proteína pode ser potencializada pela suplementação com dipeptídeo de alanil-glutamina. Por outro lado, essas proteínas atuam como sinais pró-inflamatórios no meio extracelular. Objetivo: Investigar se a perda auditiva induzida por ruído promove alterações tanto das proteínas HSP72 intracelulares quanto extracelulares na resposta de choque térmico e se a suplementação com alanil-glutamina pode modificar a resposta de choque térmico e evitar a perda auditiva. Método: Ratos Wistar fêmeas, com 90 dias de idade (n = 32), foram divididos aleatoriamente em quatro grupos: controle, perda auditiva induzida por ruído, tratados com alanil-glutamina e perda auditiva induzida por ruído mais alanil-glutamina. Os potenciais evocados auditivos do tronco encefálico foram avaliados antes da exposição ao ruído (124 dB NPS por 2 h) e 14 dias após. A cóclea, o complexo nuclear coclear e amostras de plasma foram coletadas para mensuração de HSP72 intra e extracelular com um kit Elisa de alta sensibilidade. Resultados: Houve um aumento nos níveis de HSP72 intra e extracelular no grupo perda auditiva induzida por ruído, que foi minimizado pelo tratamento com alanil-glutamina. Além disso, o índice H das HSP72 (razão HSP72 extracelular/HSP72intracelular plasma/cóclea) aumentou no grupo perda auditiva induzida por ruído, mas foi limitado pelo tratamento com alanil-glutamina, embora o alanil-glutamina não tenha efeito no limiar auditivo. Conclusões: Nossos dados indicam que o dano coclear induzido pela exposição ao ruído é acompanhado por marcadores da resposta de choque térmico locais e sistêmicos. Além disso, alanil-glutamina reduziu os marcadores de estresse, mesmo não tendo efeito sobre a perda auditiva induzida por ruído. Finalmente, os níveis plasmáticos de proteínas de choque térmico de 72 kDa podem ser usados como biomarcador do estresse auditivo, após a exposição ao ruído.
Descritores: Perda Auditiva Provocada por Ruído/prevenção & controle
Perda Auditiva Provocada por Ruído/tratamento farmacológico
-Ratos Wistar
Resposta ao Choque Térmico
Suplementos Nutricionais
Dipeptídeos
Proteínas de Choque Térmico
Limites: Animais
Feminino
Ratos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-530636
Autor: Curvelo, José Alexandre da Rocha; Ferreira, Dennis de Carvalho; Carvalho, Flavia Cristina Rosas de; Janini, Maria Elisa Rangel.
Título: Úlceras Aftosas Recorrentes e sua possível associação ao estresse / Recurrent Aphthous Ulcers and a possible association with stress
Fonte: Rev. Ciênc. Méd. Biol. (Impr.) = J. med. biol. sci;7(1):67-75, jan.-abr. 2008.
Idioma: pt.
Resumo: A lesão de afta é considerada a alteração mais comum da mucosa oral em humanos e se caracteriza por uma lesão circular, claramente definida, dolorosa, com centro necrótico, bordas elevadas e halo eritematoso. Até hoje, não ocorreu a caracterização de um agente etiológico especifico para essa afecção. No entanto, várias são as referências, na literatura, que consideram o estresse um dos fatores predisponentes para sua patogenia. Visando a estabelecer uma correlação entre esses processos, este trabalho teve como objetivo realizar uma revisão da literatura sobre os efeitos do estresse no sistema imunológico e a possível atuação desse sistema na origem das lesões de afta.
Descritores: Estomatite Aftosa
Estresse Fisiológico
Proteínas de Choque Térmico
Sistema Imunitário
Limites: Humanos
Responsável: BR337.1 - Biblioteca


  5 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-602458
Autor: Carneiro-Júnior , Miguel Araujo; Melo, Stéphano Freitas Soares; Gomes, Gilton de Jesus; Lunz, Wellington; Chaves-Dias, Cristina Maria Ganns; Natali, Antonio Jose.
Título: Efeitos do treinamento em natação abaixo do limiar de lactato sobre a expressão de proteínas de estresse (Hsp72) no miocárdio de ratos / Effects of swimming training below lactate threshold on the expression of stress proteins (hsp72) in the myocardium of rats
Fonte: HU rev;37(1):23-29, jan.-mar. 2011.
Idioma: pt.
Resumo: Os objetivos deste estudo foram testar se programas de natação com intensidades abaixo do limiar de lactato induzem a expressão de proteínas de estresse (Hsp72) no miocárdio de ratos e se a indução da expressão de Hsp72 é distinta nos ventrículos direito e esquerdo. Ratos Wistar foram alocados randomicamente em três grupos: controle (C, n = 8); natação sem sobrecarga (NSS, n = 8); e natação com sobrecarga - 3% do peso corporal (NCS, n = 8). Animais NSS e NCS nadaram 30 minutos/dia, cinco dias/semana, durante sete semanas. Após eutanásia, o coração foi removido, pesado e foram coletados fragmentos dos ventrículos direito (VD) e esquerdo (VE) para análise dos níveis de Hsp72. O peso relativo do coração não foi diferente (p=0,68) entre os grupos (C=4,52 ± 0,87; NSS= 4,54 ± 0,79; NCS=4,72 ± 0,16 mg/g). Os níveis de Hsp72 foram maiores no VE do grupo NCS do que no C (396,29 ± 11,91 vs. 321,04 ± 9,65 unidade arbitrária, respectivamente; p = 0,0006). Hsp72 no VE do grupo NCS foram maiores que no NSS (396,29 ± 11,91 vs. 339,43 ± 10,21 unidade arbitrária, respectivamente; p = 0,004). Não houve diferença de Hsp72 no VD entre os grupos (C=320,02 ± 10,35; NSS=321,53 ± 24,8; NCS=353,08 ± 23,44 unidade arbitrária; p = 0,47). Não houve diferença na expressão de Hsp72 entre VD e VE nos grupos (C, p=0,94; NSS, p=0,52; NCS, p=0,11). Concluiu-se que o programa de natação com intensidade abaixo do limiar de lactato (3% do peso corporal) induz a expressão de HSP 72 no miocárdio de ratos, especialmente no ventrículo esquerdo.

We tested whether swimming training regimes of different intensities bellow the anaerobic threshold induce expression of stress protein (Hsp72) in rat's myocardium; and if the expression of Hsp72 differs between left and right ventricles. Wistar rats (6 weeks of age, body weight of ~ 261 g) were allocated into three groups: control (C, n = 8); unloaded swimming (NSS, n = 8); and loaded swimming - 3% body weight (NCS, n = 8). Animals from NSS and NCS swam 30 min/day, 5 days/week, during 7 days. At sacrifice the heart was removed and weighed. Fragments of right (RV) and left ventricles (LV) were harvested and the levels of Hsp72 determined. The heart weight to body weight ratio did not differ among C, NSS and NCS groups (4.52 ± 0.87; 4.54 ± 0.79; 4.72 ± 0.16 mg/g, respectively). The LV levels of Hsp72 were higher in NCS group than in C (396.29 ± 11.91 vs. 321.04 ± 9.65 arbitrary unit, respectively, p = 0.0006). The LV levels of Hsp72 were higher in NCS than in NSS (396.29 ± 11.91 vs. 339.43 ± 10.21 arbitrary unit, respectively; p = 0.004). There was no difference in RV levels of Hsp72 among groups (C=320.02 ± 10.35; NSS=321.53 ± 24.80; NCS=353.08 ± 23.44 arbitrary unit; p = 0.47). There was no difference in Hsp72 levels between RV and LV among groups (C, p=0.94; NSS, P=0.52; NCS, p=0.11). It was concluded that the swimming training program with intensity bellow the anaerobic threshold (3% body weight) induces expression of Hsp72 in the rat myocardium, especially in the left ventricle.
Descritores: Exercício Físico
Proteínas de Choque Térmico
-Natação
Proteínas de Choque Térmico HSP72
Atividade Motora
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  6 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1119569
Autor: Fernandes, Ligia Gonzaga.
Título: Análise da expressão gênica das proteínas de choque térmico 60 e 70 e dos receptores Toll-like 2 e 4 em diferentes graus de displasia em portadores de queilite actínica e carcinoma epidermóide de lábio / Analysis of the gene expression of heat shock proteins 60 and 70 and Toll-like receptors 2 and 4 in different degrees of dysplasia in patients with actinic cheilitis and lip squamous cell carcinoma.
Fonte: São Paulo; s.n; 20200000. 89 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A queilite actínica (QA) é a desordem potencialmente maligna oral mais frequente e precede a maioria dos casos de carcinoma epidermóide (CEC) de lábio em pacientes não fumantes. Acomete principalmente indivíduos do gênero masculino, leucodermas, acima dos 40 anos, com histórico de exposição crônica à radiação ultravioleta (UV). O objetivo deste estudo foi avaliar a expressão gênica das proteínas de choque térmico (HSP) 60 e 70 e dos receptores Toll-like 2 e 4 com lesões de QA e CEC de lábio por meio de RT-PCR em tempo real, a partir de amostras coletadas durante o procedimento cirúrgico de biópsia incisional. Conduziu-se um estudo caso-controle com 40 pacientes portadores de QA e 6 com CEC de lábio, submetendo o material de biópsia aos procedimentos laboratoriais de análise histopatológica e de extração de RNA para estudo da expressão dos TLR e das HSP por meio da técnica de RT-PCR em tempo real. Foram excluídas 7 amostras após o processo de extração de RNA e outras 15 amostras após a amplificação por PCR em tempo real, modificando a casuística para 18 amostras de QA e 6 de CEC de lábio. Os resultados foram analisados pelo método CT comparativo, pelo teste Shappiro-Wilk e pelo teste T-Student. Houve maior expressão da HSP60 e TLR4 na QA em relação ao CEC de lábio, porém não houve diferença estatisticamente significativa (p>0.05). Já a HSP70 foi mais expressa na QA do que no CEC de lábio com diferença estatisticamente significativa (p=0.034) e o TLR2 mostrou-se mais expresso no CEC de lábio do que na QA, também com diferença estatisticamente significativa (p=0.003). Houve correlação significativa entre o aumento da expressão da HSP70 e os hábitos de tabagismo e exposição solar crônica em pacientes com QA. Estudos mais aprofundados são necessários, visto que não se encontram outros publicados com esses genes em QA e CEC de lábio até a presente data.
Descritores: Proteínas de Choque Térmico
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica


  7 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1087247
Autor: Zhang, Qing; Jin, Yan-Ling; Fang, Yang; Zhao, Hai.
Título: Adaptive evolution and selection of stress-resistant Saccharomyces cerevisiae for very high-gravity bioethanol fermentation
Fonte: Electron. j. biotechnol;41:88-94, sept. 2019. tab, ilus, graf.
Idioma: en.
Projeto: Transformation of Scientific and Technological Achievements Programs of Sichuan Province; . Research Foundation of Health Management Development Center of Xihua University; . Foundation of Education Department of Sichuan Province; . Science and Technology Poverty Alleviation Programs of Sichuan Province.
Resumo: Background: In industrial yeasts, selection and breeding for resistance to multiple stresses is a focus of current research. The objective of this study was to investigate the tolerance to multiple stresses of Saccharomyces cerevisiae obtained through an adaptive laboratory evolution strategy involving a repeated liquid nitrogen freeze­thaw process coupled with multi-stress shock selection. We also assessed the related resistance mechanisms and very high-gravity (VHG) bioethanol production of this strain. Results: Elite S. cerevisiae strain YF10-5, exhibiting improved VHG fermentation capacity and stress resistance to osmotic pressure and ethanol, was isolated following ten consecutive rounds of liquid nitrogen freeze­thaw treatment followed by plate screening under osmotic and ethanol stress. The ethanol yield of YF10-5 was 16% higher than that of the parent strain during 35% (w/v) glucose fermentation. Furthermore, there was upregulation of three genes (HSP26, HSP30, and HSP104) encoding heat-shock proteins involved in the stress response, one gene (TPS1) involved in the synthesis of trehalose, and three genes (ADH1, HXK1, and PFK1) involved in ethanol metabolism and intracellular trehalose accumulation in YF10-5 yeast cells, indicating increased stress tolerance and fermentative capacity. YF10-5 also showed excellent fermentation performance during the simultaneous saccharification and fermentation of VHG sweet potato mash, producing 13.40% (w/ v) ethanol, which corresponded to 93.95% of the theoretical ethanol yield. Conclusions: A multiple-stress-tolerant yeast clone was obtained using adaptive evolution by a freeze­thaw method coupled with stress shock selection. The selected robust yeast strain exhibits potential for bioethanol production through VHG fermentation.
Descritores: Saccharomyces cerevisiae/fisiologia
Etanol/síntese química
-Saccharomyces cerevisiae/genética
Seleção Genética
Estresse Fisiológico
Trealose
Leveduras
Cruzamento
Adaptação Fisiológica
Hipergravidade
Fermentação
Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real
Congelamento
Proteínas de Choque Térmico
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  8 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Silva, Célio Lopes
Id: lil-222040
Autor: Silva, Célio Lopes.
Título: Estudo sobre a atividade protetora da proteina de choque térmico HSP65 nas infecçöes micobacterianas / Heat shock protein (HSP) in micobacteria disease activity study
Fonte: Hansen. int;(n.esp):121-8, 1998.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Congresso da Associaçäo Brasileira de Hansenologia, 9, Foz do Iguaçu, 4-8 jun. 1977.
Descritores: Hanseníase Tuberculoide
Proteínas de Choque Térmico/análise
-Tuberculose/epidemiologia
Infecções Bacterianas/diagnóstico
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação


  9 / 95 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-886254
Autor: Zhou, Yan; Zhou, Xinqiao; Zhou, Wenjuan; Pang, Qingfeng; Wang, Zhiping.
Título: The protective effect of dexmedetomidine in a rat ex vivo lung model of ischemia-reperfusion injury
Fonte: Acta cir. bras;33(1):1-13, Jan. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Wuxi City Science and Technology Development Project.
Resumo: Abstract Purpose: To investigate the effect of dexmedetomidine (Dex) in a rat ex vivo lung model of ischemia-reperfusion injury. Methods: An IL-2 ex vivo lung perfusion system was used to establish a rat ex vivo lung model of ischemia-reperfusion injury. Drugs were added to the perfusion solution for reperfusion. Lung injury was assessed by histopathological changes, airway pressure (Res), lung compliance (Compl), perfusion flow (Flow), pulmonary venous oxygen partial pressure (PaO2), and lung wet/dry (W/D) weight ratio. The levels of superoxide dismutase (SOD), malondialdehyde (MDA), 78 kDa glucose-regulated protein (GRP78) and CCAAT/enhancer-binding protein homologous protein (CHOP) were measured, respectively. Results: The introduction of Dex attenuated the post-ischemia-reperfusion lung damage and MDA level, improved lung histology, W/D ratio, lung injury scores and SOD activity. Decreased mRNA and protein levels of GRP78 and CHOP compared with the IR group were observed after Dex treatment. The effect of Dex was dosage-dependence and a high dose of Dex (10 nM) was shown to confer the strongest protective effect against lung damage (P<0.05). Yohimbine, an α2 receptor antagonist, significantly reversed the protective effect of Dex in lung tissues (P<0.05). Conclusion: Dex reduced ischemia-reperfusion injury in rat ex vivo lungs.
Descritores: Traumatismo por Reperfusão/prevenção & controle
Dexmedetomidina/farmacologia
Agonistas de Receptores Adrenérgicos alfa 2/farmacologia
Isquemia/prevenção & controle
Pulmão/irrigação sanguínea
-Valores de Referência
Superóxido Dismutase/análise
Fatores de Tempo
Traumatismo por Reperfusão/patologia
Western Blotting
Reprodutibilidade dos Testes
Resultado do Tratamento
Ratos Sprague-Dawley
Proteínas Estimuladoras de Ligação a CCAAT/análise
Modelos Animais de Doenças
Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real
Proteínas de Choque Térmico/análise
Pulmão/patologia
Malondialdeído/análise
Limites: Animais
Masculino
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 95 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-777091
Autor: Xie, Hong; Huang, Liu; Li, Yayun; Zhang, Han; Liu, Hao.
Título: Endoplasmic reticulum stress and renal lesion in mice with combination of high-fat diet and streptozotocin-induced diabetes
Fonte: Acta cir. bras;31(3):150-155, Mar. 2016. graf.
Idioma: en.
Projeto: National Natural Science Foundation of China; . Creative Scientific Research Project for Postgraduate of Bengbu Medical College.
Resumo: ABSTRACT PURPOSE : To investigate in the kidney the pathologic changes and expression of GRP78 and CHOP in the Kunming (KM) mice with combination of high-fat diet and streptozotocin-induced diabetes. METHODS : Sixty two male KM mice were randomly divided into a normal control (NC) group (n=20) and a high-fat diet (HFD) group (n=42). After a four-week dietary manipulation, the KM mice in the HFD group were injected intraperitoneally with streptozotocin to induce diabetes. After diabetic models were successfully established, the kidneys were excised and conserved for further test. RESULTS : No significant difference in the body weight was observed after the dietary manipulation (p=0.554). After the streptozotocin was injected, fasting blood glucose levels in the diabetes group (DM) were significantly higher than that in the NC group (p<0.0001). Glomerular atrophy observed under light microscope in the DM group was more serious compared with the NC group. The expression of GRP78 and CHOP in the kidneys of the mice in the DM group were higher compared with the NC group. CONCLUSION : Renal lesion occurs in the diabetic Kunming mice induced by combination of high-fat diet and low-dose streptozotocin, and endoplasmic reticulum stress and CHOP may contribute to the injury process.
Descritores: Diabetes Mellitus Experimental/metabolismo
Nefropatias Diabéticas/metabolismo
Nefropatias Diabéticas/patologia
Estresse do Retículo Endoplasmático/fisiologia
Dieta Hiperlipídica
-Glicemia/análise
Peso Corporal/fisiologia
Distribuição Aleatória
Diabetes Mellitus Experimental/induzido quimicamente
Diabetes Mellitus Experimental/patologia
Modelos Animais de Doenças
Fator de Transcrição CHOP/metabolismo
Resposta a Proteínas não Dobradas/fisiologia
Proteínas de Choque Térmico/metabolismo
Rim/metabolismo
Rim/patologia
Limites: Animais
Masculino
Camundongos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 10 ir para página                        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde