Base de dados : LILACS
Pesquisa : D20.215.226 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 7 [refinar]
Mostrando: 1 .. 7   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 7 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: lil-721251
Autor: Ruiz Nápoles, Juan Bruno; Aguilera Lozada, Oscar.
Título: Factibilidad y pertinencia de una estrategia pedagógica para la preparación médica especial / Feasibility and pertinence of a pedagogical strategy for the special medical training
Fonte: Edumecentro;6(3):6-19, sep.-dic. 2014. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Fundamento: la preparación del profesional de la salud para enfrentar las consecuencias de las armas químicas y biológicas en humanos, es una misión de la universidad médica cubana. Objetivo: evaluar la factibilidad y pertinencia de una estrategia pedagógica de superación profesional médica para la enseñanza del diagnóstico y tratamiento de las consecuencias del empleo de las armas químicas y biológicas en humanos. Métodos: se realizó una investigación que culminó con la aplicación de un pre-experimento pedagógico en la sede universitaria Hospital Militar de Holguín, durante el curso 2010-2011. La muestra estuvo constituida por 20 especialistas en Medicina General Integral. Se utilizaron métodos teóricos: histórico-lógico, analítico-sintético y sistémico estructural y funcional; empíricos: la encuesta, criterio de especialistas por el método Delphi; del matemático: la estadística descriptiva con distribución de frecuencias absoluta y en porcientos y la prueba de signos. Resultados: se identificaron insuficiencias en los médicos para el diagnóstico y tratamiento de las consecuencias de las armas químicas y biológicas en humanos, por lo cual se diseñó y aplicó una estrategia pedagógica para la apropiación de los conocimientos y habilidades necesarios en estos casos. Conclusiones: la estrategia elaborada permitió resolver las dificultades para el desarrollo del proceso enseñanza aprendizaje de las enfermedades que resultan del empleo de las armas químicas y biológicas, y una mejor preparación en los médicos en cuanto al diagnóstico y tratamiento de ellas. Los especialistas consideran la estrategia de muy adecuada y bastante adecuada, lo que demuestra el grado de pertinencia y relevancia para su aplicación.

Background: the professional training in order to face the consequences in human beings of the chemical and biological weapons is a mission of the Cuban medical university. Objective: to devise a strategy for the teaching of the diagnosis and treatment of the effects in human beings of the chemical and biological weapons. Methods: a research project was done that culminated in the application of a pedagogical pre-experiment at the University Venue Military Hospital of Holguín during the 2010-2011 academic year. The sample was chosen through a non-probabilistic sampling, composed of 20 specialists in Integral General Medicine. Theoretical methods were used: historical-logical, analytical-synthetic, inductive-deductive, modeling and systemic, structural and functional; empirical: Delphi method and survey; mathematical: descriptive statistics with distribution of absolute frequency and in percentage. Results: insufficiencies were identified among the doctors for the diagnosis and treatment of the effects in human beings of chemical and biological weapons, being this reason why a pedagogical strategy was designed and applied for the acquisition of the knowledge and skills that are necessary in these cases. Conclusions: the designed strategy allows to solve the difficulties for the development of the learning-teaching process of the illnesses resulting from the use of chemical and biological weapons, as well as a better training in doctors regarding their diagnosis and treatment. The specialists assessed the strategy in general as very adequate, what shows the degree of relevance and pertinence for its application.
Descritores: Competência Profissional
Substâncias para a Guerra Química
Armas Biológicas
Clínicos Gerais/educação
Responsável: CU425.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas de Villa Clara


  2 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-784523
Autor: Tapajós, Ana Maria.
Título: Bioética e armas biológicas no contexto internacional / Bioethics and biological weapons in the international context.
Fonte: Brasília; s.n; 2011. 469 p p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de Brasília. Faculdade de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O estudo "Bioética e Armas Biológicas no Contexto Internacional" investiga a aplicação de análise sob a ótica da bioética de intervenção a diálogos internacionais no âmbito de um sistema de estados. O estudo de caso testa o método de investigação que consiste na identificação de valores e posicionamentos contratantes entre países desenvolvidos e em desenvolvimento e suas possibilidades de incorporação a regras, normas e regulações adotadas pela comunidade internacional. Nesse processo é verificado o equilíbrio de oportunidades entre países do Norte e do Sul para inserirem suas necessidades e interesses nas normas de convivência entre Estados como indicativo das condições de justiça e equidade no âmbito do diálogo internacional. As armas biológicas são tomadas como estudo de caso por sua relação intrínseca com a saúde e com a integridade de populações vulneráveis dos países periféricos

The study "Bioethics and biological weapons in an international context" investigates the application of an analysis from the perspective of intervention bioethics to international dialogues within a system of States. The case study tests the research method which consists in identifying and contrasting positions between developed and developing countries and their possibilities of their incorporation to rules, standards and regulations adopted by the international community. The analysis also considers the balance of opportunities between countries from the North and the South to insert their needs and interests in the rules of coexistence among States as indicative of the conditions of justice and equity in international dialogue. Biological weapons are taken as a case study for its intrinsic relationship with human health and the health of vulnerable populations of peripheral countries
Descritores: Armas Biológicas/ética
Armas Biológicas/história
Armas Biológicas
Equidade
-Comunismo
Nações Unidas/história
Sociologia/história
Responsável: BR2260 - NETHIS - Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde


  3 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-763782
Autor: Silva, Felipe Ricardo Baptista e.
Título: Governança de novas dimensões de segurança internacional: Doenças infecciosas emergentes / Governance of new dimensions of international security: Emerging infectious diseases.
Fonte: Brasília; s.n; dez. 2014. 141 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de Brasília. Instituto de Relações Internacionais para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Esse estudo objetiva compreender de que forma se estrutura a governança de uma nova dimensão de segurança internacional: as doenças infecciosas emergentes (DIEs). Inicialmente, discute-se como o tema das doenças infecciosas ­ em geral ­ tem sido apresentado pela literatura acadêmica especializada como novos riscos à segurança internacional. A partir desse escrutínio, foi possível organizar as contribuições de diversos autores sobre o tema, propondo cinco abordagens diferentes da relação entre doenças infecciosas e segurança internacional. A partir disso, averígua-se a maneira mais adequada para compreender a governança das DIEs com a análise das teorias de governança nos campos das Relações Internacionais e da "saúde global". Nesse contexto, e com essas ferramentas, mapeiam-se os atores e dispositivos internacionais que caracterizam a governança das doenças infecciosas, e, posteriormente a das DIEs. Do ponto de vista metodológico, essa dissertação adota o modelo analítico de Young (1999) e Fidler (2002) para analisar a principal peça jurídica desse regime, o Regulamento Sanitário Internacional, examinando sua evolução entre versões de 1969 e 2005 em seus componentes substantivos, processuais e de implementação. Essa análise inova ao apresentar, de um ângulo original, o desenvolvimento da governança internacional das DIEs nas últimas décadas.

This study aims to understand how is developed the governance of a new dimension of international security: emerging infectious diseases (EIDs). At first, we discuss how the topic of infectious disease - in general - have been presented by the academic literature as new risk to international security. From this analysis, it was possible to organize the contributions of various authors on the subject by proposing five different approaches to the relationship between infectious diseases and international security. After that, this study investigates the most appropriate way to understand the governance of EIDs analyzing theories of governance in the fields of International Relations and "global health." In this sense, and adopting these tools, it was possible to map actors and international devices that are involved in the governance of infectious diseases, and later in the EID. Methodologically, this dissertation adopts the analytical model of Young (1999) and Fidler (2002) to analyze the centerpiece of this regime, the International Health Regulations, tracing its development between its 1969 and 2005 versions. This analysis innovates for it presents, from an original point of view, the development of international governance of EIDs in recent decades.
Descritores: Doenças Transmissíveis Emergentes
Saúde Global
Internacionalidade
-Guerra Biológica
Armas Biológicas
Bioterrorismo
Gestão da Informação em Saúde
Regulamento Sanitário Internacional
Vacinação em Massa
Segurança
Limites: Humanos
Responsável: BR2260 - NETHIS - Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde


  4 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-736585
Autor: Pompeu, Eriton Lincoln Torres.
Título: Normativas internacionais de proteção contra bioterrorismo e biocrimes: lacunas e vulnerabilidades no Brasil / International standards for protection against bioterrorism and biocrimes: gaps and vulnerabilities in Brazil.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2014. xiii,122 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Saúde Global pode ser entendida como questões de saúde que transcendem fronteiras nacionais e demandam intervenções nos assuntos que determinam a saúde das populações. Atualmente, os Estados deparam-se seguidamente com problemas e crises relacionadas à área da saúde. Em relação à segurança nacional, essa preocupação se manifesta sob a forma de ameaças de proliferação de Armas Biológicas e de Bioterrorismo. A comunidade internacional tem se esforçado para propor normas que previnam tais atos. Os melhores exemplos são a Convenção para a Proibição de Armas Biológicas e suas Toxinas (CPAB), a Resolução 1540 do Conselho de Segurança das Nações Unidas (Res 1540/CSNU) e o Regulamento Sanitário Internacional (RSI). Contudo, existem várias lacunas e vulnerabilidades que podem ser exploradas nesses documentos. O escopo desse estudo é propor questionamentos a partir da Análise Documental desses tratados, ponderando a articulação entre os órgãos nacionais com a responsabilidade de prevenção, controle e resiliência contra ataques biológicos. O Brasil é signatário das principais normativas internacionais direcionadas à prevenção e controle de uso intencional de agentes biológicos e vem respondendo a contento à comunidade internacional. Ainda assim, é necessário mais que uma resposta formal a entidades supranacionais para prover, efetivamente, a devida proteção à população. O País possui capacidades técnicas estruturadas de forma isolada e fragmentada em diversos órgãos inexistindo um sistema formalmente instituído para a prevenção,resposta e controle de ataques bioterroristas...

Global Health can be understood as health issues that transcend national borders andrequire intervention in matters that determine the health of populations. Currently, States face crisis and problems related to health realm. Regarding national security, thisconcern is manifested in the form of threats of Biological Weapons proliferation and Bioterrorism. The international community has endeavored to propose regulations that prevent such acts. The best examples of it are the Convention for the Prohibition ofBiological Weapons and their Toxins (BWC), the United Nations Security Council Resolution 1540 (Res 1540/UNSC) and the International Health Regulations (IHR). However, there are several gaps and vulnerabilities that can be exploited in thesedocuments. The scope of this study is questioning these treaties using DocumentAnalysis, pondering the link between national entities responsible for prevention,control and resilience against biological attacks. Brazil is signatory of the major international instruments aimed at the prevention and control of biological agentsintentional use and has responded satisfactorily to the international community. Never theless, it takes more than a formal supranational response to provide effectivelyappropriate protection to population. The country owns technical capabilities not connected, distributed in several organs and lacks a system for the prevention, responseand control of bioterrorist attacks. Likewise, there is no national protocol established inorder to coordinate the activities of the bodies responsible for controlling the threat. Factors that determine individuals or groups to employ biological agents and toxins intheir violent attacks are not fully understood. Thus, more reckless than exacerbate therisk of intentional actions with biological agents is not being properly prepared toprevent and control such acts...
Descritores: Bioterrorismo
Desastres
Regulamento Sanitário Internacional
Saúde Global
Terrorismo
-Armas Biológicas/classificação
Brasil
Nações Unidas/legislação & jurisprudência
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  5 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-690195
Autor: Grisolia, Cesar Koppe.
Título: Bioterrorismo e a facilidade de acesso à biotecnologia e seus insumos / Bioterrorism and easy access to biotechnology and its inputs
Fonte: Rev. bioét. (Impr.);21(2):359-364, maio-ago. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: Os fundamentalismos surgiram no Ocidente a partir de questões religiosas e posteriormente difundiram-se para outras partes do mundo tomando outras conotações, principalmente políticas. As técnicas de manipulação genética difundiram-se pelas universidades, que formam mestres e doutores com os conhecimentos básicos sobre clonagem gênica, que se tornou de domínio público. Todos os insumos para clonagem gênica podem ser adquiridos por meio de catálogos via internet. Podem-se recrutar profissionais fanáticos e com a competência para a manipulação genética de organismos patogênicos, lado perverso da biotecnologia. Os conflitos étnicos, culturais e religiosos estão associados a um cenário de contrastes entre os países ricos e carentes de matéria-prima e aqueles pobres, mas detentores de insumos básicos e energia, e atingem a sua forma mais aguda nos fundamentalismos. Grupos de fanáticos têm pleno acesso a essa biotecnologia. Estariam assim as populações civis vulneráveis aos ataques do bioterrorismo com armas biológicas geneticamente modificadas?.

Fundamentalism arose in the West based in religious matters and afterward diffused to other parts of theworld with other connotations, especially political. Genetic manipulation techniques spread to universities,which has given masters and doctors the basic knowledge on gene cloning, which has become public domain.All inputs for gene cloning may be obtained through online catalogs. Fanatic professionals may be recruited,with qualification for genetic manipulation of pathogenic organisms, the negative side of biotechnology. Eth-nic, cultural and religious conflicts are linked to a series of contrasts between countries that are rich but witha lack of raw materials and the poor countries that possess basic input and energy sources, when it reachesthe highest fundamentalist form. Fanatic groups have complete access to this biotechnology. Are civilian po-pulations in vulnerable to bioterrorist attacks involving genetically modified biological weapons?
Descritores: Guerra Biológica
Armas Biológicas
Biotecnologia
Bioterrorismo
Clonagem Molecular
DNA Recombinante
Engenharia Genética
Genética
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  6 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-681268
Autor: Bennett, John E; Epstein, Paul E; Arbeit, Robert D; Currier, Judith S; Hooper, David C; Masur, Henry.
Título: Medicina em doenças infecciosas / Medicine in infectious diseases.
Fonte: Rio de Janeiro; EPUC; 2002. vi, 161 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Descritores: Armas Biológicas
Doenças Transmissíveis
Infecção Hospitalar
Infecções por HIV
Micoses
Limites: Humanos
Responsável: BR75.1 - Biblioteca
BR75.1; 616.9, M468. 2510


  7 / 7 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-474573
Autor: Almeida, Maria Eneida de.
Título: O desenvolvimento biológico em conexão com a guerra / The Biological development in connection with the war
Fonte: Physis (Rio J.);17(3):545-564, 2007. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O século XX foi cenário da construção de um sistema para a operacionalização da ciência estratégica das grandes potências, chamada Big Science. Este sistema é constituído por uma vasta rede institucional integrada, o "complexo militar-industrial-acadêmico", que desenvolve pesquisas estratégicas e direciona a ciência de ponta. O objetivo deste estudo foi investigar a lógica desta construção sob a ótica do poder, fazendo um contraponto entre os desenvolvimentos tecnológicos da Física e da Biologia. Os movimentos de poder identificam algumas características que, em tese, refletem o incentivo para indução do desenvolvimento científico da modernidade, potencializado na era atômica com a fabricação de armas de destruição em massa, as armas de alta tecnologia. Nesta perspectiva, buscamos a relevância do desenvolvimento biológico de interesse político-militar, tomando por base a fabricação de três gerações de armas ao longo do século XX, com crescente posicionamento na corrida armamentista. Esta análise envolve as décadas de 1940 até 1980, na busca de demonstrar uma convergência técnico-política nas trajetórias do desenvolvimento biológico e da guerra biológica, que culminou numa conexão científico-militar no início da era biotecnológica.

The XX Century was the scenario for the construction of a system devoted to operationalizing the strategic science of the great potentials named the Big Science. This system comprehends a vast institutional and integrated network, the "military-industrial-academic complex", which carries out strategic research and guides high quality science. The objective of this study was to investigate the logics of such construction under the perspective of power, highlighting a counterpoint between the technological development of Physics and Biology. The power movement points to some characteristics, that theoretically reflect the incentive to the induction of the scientific development of modern times, potentialized during the atomic age by the manufacturing of high technology weapons. In this perspective one can search the relevance of the biological development of political-military interest in the three-generation manufacturing of weapons throughout the XX Century, and the participation in the armaments race. This historiographic analysis encompasses the decades of 1940 through 1980, in an attempt to show the ethnical-political convergence in the paths taken by the biological development and the biological war which eventually led to a scientific and military connection at the beginning of the biotechnological era.
Descritores: Guerra Biológica
Biologia/economia
Biologia/legislação & jurisprudência
Biologia/tendências
Biotecnologia/economia
Biotecnologia/legislação & jurisprudência
Desenvolvimento Tecnológico/economia
Desenvolvimento Tecnológico/história
Desenvolvimento Tecnológico/políticas
Física/tendências
-Armas Biológicas/economia
Armas Biológicas/ética
Armas Biológicas/história
Cooperação Internacional/história
Genoma Humano/fisiologia
Genoma Humano/genética
Genoma Humano/imunologia
Poder Psicológico
Limites: Humanos
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde