Base de dados : LILACS
Pesquisa : D20.693.101 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 3 [refinar]
Mostrando: 1 .. 3   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 3 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-889678
Autor: Barbosa-Lorenzo, Raquel; Ruano-Ravina, Alberto; Cerdeira-Caramés, Sara; Raíces-Aldrey, Mónica; Barros-Dios, Juan M.
Título: Residential radon and lung cancer: a cohort study in Galicia, Spain / Radón residencial y cáncer de pulmón: un estudio de cohorte en Galicia, España / Radônio residencial e câncer de pulmão: um estudo de coorte na Galícia, Espanha
Fonte: Cad. Saúde Pública (Online);33(6):e00189415, 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Case-control studies show an association between residential radon and lung cancer. The aim of this paper is to investigate this association through a cohort study. We designed an ambispective cohort study using the Galician radon map, Spain, with controls drawn from a previous case-control study. Subjects were recruited between 2002 and 2009. The data were cross-checked to ascertain lung cancer incidence and then analysed using a Cox regression model. A total of 2,127 subjects participated; 24 lung cancer cases were identified; 76.6% of subjects were drawn from the radon map. The adjusted hazard ratio was 1.2 (95%CI: 0.5-2.8) for the category of subjects exposed to 50Bq/m3 or more. This risk rose when subjects from the case-control study were analyzed separately. In conclusion, we did not observe any statistically significant association between residential radon exposure and lung cancer; however, it appears that with a sample of greater median age (such as participants from the case-control study), the risk of lung cancer would have been higher.

Los estudios de casos y controles muestran una asociación entre el radón residencial y el cáncer de pulmón. El objetivo del artículo fue investigar esa asociación a través de un estudio de cohorte. Proyectamos un estudio de cohorte ambispectivo, utilizando el mapa de radón de Galicia, España, con los controles obtenidos de un estudio anterior de casos y controles. Los individuos fueron reclutados entre 2002 y 2009. Los datos fueron verificados para confirmar la incidencia de cáncer de pulmón y después analizados con un modelo de regresión de Cox. Participaron un total de 2.127 individuos; se identificaron 24 casos de cáncer de pulmón; un 76,6% de los individuos fueron obtenidos a través del mapa de radón. El hazard ratio ajustado era 1,2 (IC95%: 0,5-2,8) para la categoría de individuos expuestos a 50Bq/m3 o más. El riesgo aumentó cuando los individuos del estudio de casos y controles fueron analizados separadamente. En conclusión, no se observó una asociación estadísticamente significativa entre exposición al radón residencial y cáncer de pulmón; sin embargo, parece que con una muestra con una media de edad más elevada (tales como los participantes del estudio de casos y controles), el riesgo de cáncer de pulmón habría sido más alto.

Estudos de casos e controles mostram uma associação entre radônio residencial e câncer de pulmão. O artigo teve como objetivo investigar essa associação através de um estudo de coorte. Projetamos um estudo ambispectivo coorte, utilizando o mapa de radônio da Galícia, Espanha, com os controles obtidos de um estudo anterior de casos e controles. Os indivíduos foram recrutados entre 2002 e 2009. Os dados foram verificados para confirmar a incidência de câncer de pulmão e depois analisados com um modelo de regressão de Cox. Participaram um total de 2.127 indivíduos; foram identificados 24 casos de câncer de pulmão; 76,6% dos indivíduos foram obtidos através do mapa de radônio. O hazard ratio ajustado era 1,2 (IC95%: 0,5-2,8) para a categoria de indivíduos expostos a 50Bq/m3 ou mais. O risco aumentou quando os indivíduos do estudo de casos e controles foram analisados separadamente. Em conclusão, não foi observada associação estatisticamente significativa entre exposição ao radônio residencial e câncer de pulmão; entretanto, parece que com uma amostra com mediana de idade mais elevada (tais como os participantes do estudo de casos e controles), o risco de câncer de pulmão teria sido mais alto.
Descritores: Radônio
Poluentes Radioativos do Ar/toxicidade
Exposição Ambiental/efeitos adversos
Neoplasias Pulmonares/etiologia
Neoplasias Induzidas por Radiação/etiologia
-Espanha
Fatores de Tempo
Incidência
Estudos de Coortes
Neoplasias Pulmonares/epidemiologia
Pessoa de Meia-Idade
Neoplasias Induzidas por Radiação/epidemiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 3 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-455885
Autor: Marques, Adilson Lima; Geraldo, Luiz Paulo; Santos, Wlademir dos.
Título: Níveis de radioatividade natural decorrente do radônio no complexo rochoso da Serra de São Vicente, SP / Levels of natural radon-radioactivity in the São Vicente, SP, rock massif
Fonte: Radiol. bras;39(3):215-218, maio-jun. 2006. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Realizar monitoração passiva e integrada do radônio em várias amostras de águas, solos e locais fechados do complexo rochoso da Serra de São Vicente, SP, com o intuito de avaliar a distribuição de ocorrência deste gás radioativo naquele local. MATERIAIS E MÉTODOS: A técnica utilizada consistiu em expor detectores plásticos policarbonatos (SSNTD) do tipo Makrofol E, na geometria de copo fechado, ao radônio emanado das amostras de águas coletadas dos solos e ao acumulado em ambientes internos (residências e cavidades nas rochas) existentes no complexo rochoso de São Vicente. RESULTADOS: Os valores obtidos para os teores de radônio variaram entre 8,1 e 36 Bq/l para as fontes de água natural, entre 68 e 610 Bq/m³ nas residências, entre 0,41 e 3,46 kBq/m³nos solos e entre 0,72 e 5,85 kBq/m³ nas cavidades do Maciço de São Vicente. CONCLUSÃO: Para algumas residências e na maioria das fontes de água estudadas, os teores de radônio encontrados neste trabalho estiveram acima dos limites máximos propostos por organismos internacionais. Recomenda-se, portanto, que ações de intervenção sejam implementadas para a dissipação do radônio, tanto nessas residências como durante a coleta das águas para fins de consumo.

OBJECTIVE: The objective of this study was to perform a passive and time-integrated radon monitoring in several soil and water samples and indoor environments of the São Vicente, SP, rock massif with the purpose of evaluating the presence and distribution of that radioactive gas in this region. MATERIALS AND METHODS: The technique employed consisted of exposing Makrofol E-type polycarbonate plastic detectors (SSNTD), using the closed cup method, to radon emanated from ground water samples and to the gas accumulated inside indoor environments (dwellings) and inside rock cavities existing in the São Vicente rock massif. RESULTS: The radon concentration values obtained ranged from 8.1 to 36 Bq/l in natural ground waters; between 68 and 610 Bq/m³ in dwellings; from 0.41 to 3.46 kBq/m³ in soils and from 0.72 to 5.85 kBq/m³ inside rock cavities of the São Vicente rock massif. CONCLUSION: In some dwellings and in most of ground water samples, the radon concentration values found in this study have exceeded the maximum levels proposed by international agencies. Thus, intervention actions are recommended for radon dissipation in dwellings and during consumption water collection.
Descritores: Água/análise
Meio Ambiente
Radônio
Urânio
-Poluentes Radioativos do Ar
Radioatividade
Poluentes Radioativos do Solo
Poluição da Água
Responsável: BR734.1 - Biblioteca Central Cesar Lattes - BCCL


  3 / 3 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-415887
Autor: Geraldo, Luiz Paulo; Santos, Wlademir dos; Marques, Adilson Lima; Botari, Alexandre.
Título: Medidas dos níveis de radônio em diferentes tipos de ambientes internos na região da Baixada Santista, SP / Measurements of radon levels in different indoor environments in Baixada Santista, São Paulo, Brazil
Fonte: Radiol. bras;38(4):283-286, jul.-ago. 2005. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Exposições a altos níveis do gás radioativo radônio podem causar câncer de pulmão e, conseqüentemente, o conhecimento da concentração deste gás em ambientes internos é importante, do ponto de vista de proteção radiológica, para a população de um modo geral. Neste trabalho realizaram-se monitorações passiva e integrada de radônio em alguns tipos de ambientes fechados na região da Baixada Santista, SP, tais como túneis, galpão de fertilizantes, "shopping center", lojas de cerâmica e residências, com o objetivo de se avaliar os níveis de concentração existentes nestes locais. MATERIAIS E MÉTODOS: As medidas de concentração de radônio foram realizadas utilizando a técnica do registro de traços de partículas alfa em folhas plásticas de Makrofol E, na geometria de copo fechado ("cup method"). RESULTADOS: Os teores de radônio encontrados nos ambientes internos estudados neste trabalho variaram entre 17 e 263 Bq/m³, em razoável acordo com os valores divulgados na literatura por outros autores para ambientes similares. CONCLUSÃO: De modo geral, os resultados obtidos estão abaixo dos limites máximos recomendados pela Comissão Internacional de Proteção Radiológica (ICRP), não necessitando, portanto, que sejam implementadas ações de intervenção nos locais estudados.
Descritores: Poluentes Radioativos do Ar
Meio Ambiente
Radônio/toxicidade
Urânio
-Poluição do Ar
Urânio/toxicidade
Responsável: BR734.1 - Biblioteca Central Cesar Lattes - BCCL



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde