Base de dados : LILACS
Pesquisa : D23.946.123.329 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 187 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 19 ir para página                         

  1 / 187 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1022813
Autor: Carvalho, Gabriela Corrêa.
Título: Aplicabilidade de métodos alternativos no monitoramento da qualidade microbiológica da água tratada para diálise / Applicability of alternative methods for the monitoring microbiological quality of treated water for dialysis.
Fonte: São Paulo; s.n; 2019. 109 p. graf, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: A fim de garantir a qualidade final de produtos os laboratórios de análise microbiológica fornecem dados sobre a qualidade dos mesmos em todas as suas etapas de produção. A crescente preocupação com a saúde dos pacientes conduz à busca de métodos que forneçam resultados precisos e rápidos, pois possibilitam que ações corretivas sejam tomadas em tempo real. O presente trabalho teve por objetivo avaliar o potencial de tecnologia alternativa no monitoramento de endotoxina bacteriana na água tratada para diálise e dialisato e avaliar o potencial da citometria de fluxo na análise de água. Para isso utilizou-se Portable Test System (PTS®) como método alternativo para detecção de endotoxina bacteriana no monitoramento da água tratada para diálise e dialisato, o qual foi validado frente ao método convencional farmacopeico. Paralelamente realizou-se revisão narrativa da literatura a fim de avaliar a aplicabilidade da citometria de fluxo em análises de água. A análise dos diferentes parâmetros de validação para endotoxina bacteriana no método alternativo mostrou que, exceto para a menor diluição analisada, houve linearidade e precisão nos resultados. Por outro lado a concentração de 0,25 UE/mL foi a menor que apresentou exatidão e especificidade. Observou-se ainda, que o limite de detecção foi de 0,125UE/mL e o de quantificação de 0,25 UE/mL, portanto o intervalo foi de 0,25-1,0 UE/mL. Adicionalmente pela análise de resistência pode-se perceber que ao variar analistas não houve diferença significativa. Em relação ao tempo de análise em uma condição de rotina laboratorial com muitas amostras, o PTS® mostrou-se demorado. Ressalta ainda, que seria importante que a legislação vigente determinasse a análise mensal de endotoxinas no dialisato. A revisão da literatura evidencia o potencial da tecnologia de citometria de fluxo, pois a mesma mostrou-se satisfatória quando comparada a metodologias convencionais para análise de água. O trabalho desenvolvido permitiu concluir que o PTS®) mostrou-se adequado para analisar amostras in loco, permitindo análises em tempo real, que para as quais haja a expectativa de ausência de endotoxinas ou de concentração respeitando o intervalo de 0,25 UE/mL a 1,0 UE/mL. Quanto a citometria de fluxo, esta mostrou-se uma tecnologia promissora em analisar amostras de água, sendo portanto recomendável proceder a estudos de validação e aplicabilidade

In order to guarantee the final quality of products, the microbiological analysis laboratories provide data about their quality at all production stages. The growing concern for patients' health leads to the search for methods that provide accurate and fast results, as they enable corrective actions to be taken in real time. The present work aimed to evaluate the alternative technology potential in the monitoring of bacterial endotoxin in treated water for dialysis and dialysate and to evaluate the potential of flow cytometry in water analysis. The different validation parameters analysis for bacterial endotoxin in alternative method showed that, except for the lowest dilution analyzed, there was linearity and precision in the results. On the other hand, the concentration of 0.25 EU / mL was the lowest that presented accuracy and specificity. It was further observed that the detection limit was 0.125UE / mL and the quantification limit was 0.25 EU / mL, so the range was 0.25-1.0 EU / mL. Additionally by the ruggedness analysis it was possible to perceived that when varying analysts there was no significant difference. Regarding the analysis time in a laboratory routine condition with many samples, the PTS® was was time consuming. It was also observed that it would be important to determine monthly analysis of endotoxins in dialysate. The literature review evidence the flow cytometry technology potential of the because it was satisfactory when compared to conventional methodologies for water analysis. The research showed that the PTS® was suitable for analyzing samples in loco, allowing real-time analyzes, for which there is expectation of endotoxins absence or concentration respecting the range of 0.25 EU / mL to 1.0 EU / mL. For the flow cytometry, it was shown to be a promising technology for analyzing water samples, and it is therefore advisable to carry out validation and applicability studies
Descritores: Análise da Água
Análise Microbiológica/classificação
Diálise Renal
Monitoramento
-Diálise
Endotoxinas/análise
Citometria de Fluxo/instrumentação
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas
BR40.1; T628.161, C331a. 30100022626-F


  2 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1005300
Autor: Montaño E, Dolly E; Alvarado R, Moisés G; Burgos Q, Maritza J.
Título: Validación del método de formación de coágulo para la determinación de endotoxinas bacterianas en inmunoglobulinas (IgG) nacionales / Method validation clot formation for determining bacterial endotoxins national immunoglobulin (IgG)
Fonte: Rev. Inst. Nac. Hig;47(1-2):41-48, 2016. graf, tab.
Idioma: es.
Resumo: Las endotoxinas bacterianas son lipopolisacáridos (LPS) localizados exclusivamente en la membrana externa de las bacterias gramnegativas, su ingreso al organismo a través de productos parenterales puede causar fiebre, taquicardia, aumento de presión sanguínea y en algunos casos ocasiona la muerte. Existen normativas internacionales acerca del límite de endotoxina para productos farmacéuticos inyectables, tal como las inmunoglobulinas (IgG), que pueden estar expuestas a contaminación durante el proceso de producción y por lo tanto es necesario realizar pruebas para la determinación de endotoxinas bacterianas. El método del lisado de amebocitos de Limulus (LAL) es una de ellas.Este método se fundamenta en la reacción del LAL, el cual es un extracto de células sanguíneas que interaccionan con endotoxinas, activando la cascada del proceso de coagulación y originando la formación de la coagulina. En diversas ocasiones algunas proteínas intervienen en la activación o desactivación de esta cascada, bien sea potenciando o inhibiendo la formación del coágulo. En el caso de la potenciación, el calentamiento es uno de los métodos recomendados por la farmacopea estadounidense (USP) para eliminar interferencias, puesto que desnaturaliza las proteínas que causan la potenciación sin pérdida de endotoxinas. En este trabajo se validó la determinación de endotoxinas bacterianas en IgG mediante el método LAL, el cual es un método rápido y de fácilejecución, por lo que puede implementarse como ensayo de rutina en control de calidad y por ende nos permite agilizar las Liberaciones de Lotes de estos productos.

Bacterial endotoxins are lipopolysaccharides (LPS) located exclusively in the outer membrane of gram-negative bacteria, their entry into the body through parenteral products can cause fever, tachycardia, increased blood pressure and in some cases cause death. There are international standards for endotoxin limit for injectable pharmaceuticals, such as immunoglobulins (IgG), which may be exposed to contamination during the production process and therefore it is necessary to test for determination of bacterial endotoxins. The method of the Limulus amebocyte lysate (LAL) is one of them. This method is based on the LAL reaction, which is an extract of blood cells which interact with endotoxin, triggering the cascade of the coagulation process and causing the formation of coagulin. On several occasions some proteins involved in the activation or deactivation of this waterfall, either by enhancing or inhibiting clot formation. In the case of empowerment, the warming is one of those recommended by the US Pharmacopoeia (USP) to eliminate interference, since denatures proteins that cause endotoxin enhancement lossless methods. In this paper the determination of bacterial endotoxins in IgG was standardized by the LAL method, which is quick and easy to implement method, which can be implemented as a routine test in quality control and thus allows us to streamline releases Lots of these products.
Descritores: Imunoglobulinas
Endotoxinas
Bactérias Gram-Negativas
-Lipopolissacarídeos
Células Produtoras de Anticorpos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Estudos de Validação
Responsável: VE9.1 - Biblioteca


  3 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-997363
Autor: Nascimento, Laís Cunha Prado do.
Título: Avaliação da quantidade de bactérias e endotoxinas após o tratamento endodôntico de dentes com periodontite apical primária e a correlação com a indução de citocinas pró-inflamatórias em cultura de fibroblastos humanos / Evaluation of bacterial and endotoxin levels after root canal treatment with primary apical periodontitis teeth and its correlation with pro-inflammatory cytokines induction by human fibroblasts culture.
Fonte: São Paulo; s.n; 20180000. 117 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Descritores: Irrigantes do Canal Radicular
Tratamento do Canal Radicular
Citocinas
Endotoxinas
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica


  4 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-983468
Autor: Alves, Paula Daniela Souza.
Título: Estudo do papel das células de kupffer na modulação dos citocromos P450 hepáticos por estímulos inflamatórios.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2016. 68 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: É conhecido que processos inflamatórios podem modular a expressão e atividade deenzimas CYPs. Não é claro, entretanto, o modo pelo qual estímulos inflamatórios regulam aexpressão dessas enzimas. Neste trabalho investigamos a hipótese de que as células deKupffer do fígado exerceriam um papel na modulação dos CYPs hepáticos em resposta àinflamação exacerbada ou sepse. O cloreto de gadolínio, é um inibidor seletivo das células deKupffer, conhecido por atenuar o quadro de inflamação exacerbada, quandoadministradopreviamente ao estímulo inflamatório, em diferentes modelos animais. Algunsautores sugeriram que as células de Kupffer atuariam como intermediários na modulação daatividade de CYPs hepáticos desencadeada por estímulos inflamatórios. Há estudos quesugerem que a diminuição da população das células de Kupfferatenua ou elimina a regulaçãodas CYPs hepáticas por estímulos inflamatórios.Além disso, estudos em culturas dehepatócitos in vitro, na ausência de células de Kupffer, tem constatado a regulação negativa daexpressão de CYPs hepáticas após estimulação com LPS. Nessa linha, o objetivo destepresente trabalho é investigar o papel das células de Kupffer na regulação da atividade deenzimas hepáticas de biotransformação de xenobióticos (CYPs) após estimulação inflamatóriacom LPS. Para isso, os níveis séricos de transaminases, e a histopatologia foram empregadospara avaliar o efeito do tratamento com diferentes doses de GdCl3sobre o tecido hepático.Noexperimento principal para investigar o papel das células de Kupffer, os ratos foram alocadosao acaso em quatro grupos. Foram quantificadosmarcadores bioquímicos no soro dos animaispara evidenciar danos ao tecido hepático causados pelos tratamentos e realizado o examehistopatológico...

It is known that inflammatory processes may modulate the expression and activity ofCYP enzymes. The mode by which inflammatory stimuli regulate CYP expression andactivity, however, remains unclear. Kupffer cells are resident macrophages in the liver andthus play an important role in a systemic inflammatory process or in sepsis. Gadoliniumchloride (GdCl3) has been reported to selectively kill an/or inhibit the activity of Kupffercells. Along this line, it has also been described that Gd decreases exacerbated inflammatoryresponses when it is administered prior to inflammatory stimuli in various animal models.Therole of Kupffer cells in the modulation of CYPs activity triggered by inflammatory stimuli,however, is not entirely clear in the literature. There are studies suggesting that a reduction inthe population of Kupffer cells attenuates the down-regulation of hepatic CYPs induced byinflammatory stimuli. However, GdCl3 was also described to decrease liver CYP activityirrespective of whether it depletes or not Kupffer cells. Moreover, in vitro studies showed thatLPS down-regulates the expression of CYP forms in hepatocyte cell lines in culture (in theabsence of Kupffer cells). To investigate whether Kupffer cells play a role in the regulation ofthe activity of liver xenobiotic biotransformation enzymes (CYPs) by inflammatorystimulation with LPS. The activity of transaminases in the blood serum (a marker for liverinjury) was determined and liver histopathology was evaluated in female Wistar rats. In a setof preliminary tests, rats were treated with different doses of GdCl3 or with LPS for selectingdoses and euthanasia time in the main experiment. In the main study experimental groups.Treatment associated liver injury was evaluated by levels of transaminases and alkalinephosphatase in the blood serum and by liver histopathology examination...
Descritores: CYTOCHROME P-ALDEHYDES ENZYME SYSTEM
Macrófagos do Fígado/enzimologia
Fígado/enzimologia
Xenobióticos/metabolismo
-Endotoxinas
Eutanásia
Gadolínio
Limites: Animais
Camundongos
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; T571.9685, A474e


  5 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Bugno, Adriana
Texto completo
Id: biblio-982808
Autor: Hilinski, Ellen Gameiro; Almodovar, Adriana Aparecida Buzzo; Silva e Lima, Fernando Pontes; Pinto, Terezinha de Jesus Andreoli; Bugno, Adriana.
Título: Validação de metodologia analítica para determinação de endotoxina bacteriana em água para diálise por meio de método cromogênico cinético / Analytical methodology validation for determining the bacterialendotoxin in the dialysis water by means of kinetic chromogenic technique
Fonte: Rev. Inst. Adolfo Lutz;(77):1-4, 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O nível de endotoxina presente na água tratada para hemodiálise é um importante indicador dequalidade, uma vez que altas concentrações de endotoxina atuam como a principal fonte de inflamaçãocrônica em pacientes submetidos à diálise. Este estudo visa validar o método analítico para determinarquantitativamente a endotoxina bacteriana em amostras de água de hemodiálise pelo métodocromogênico cinético e de comparar com o método de coagulação em gel. Os ensaios pelo métodode coagulação em gel foram realizados de acordo com a Farmacopeia Brasileira em três amostrasde água de hemodiálise. A validação do método cromogênico cinético foi realizada utilizando-se asmesmas amostras por meio de sistema de teste portátil. As médias geométricas das concentrações dospontos finais obtidos nos testes de confirmação de sensibilidade LAL e de interferência por métodode coagulação em gel apresentaram resultado de 0,125 UE/mL. Os resultados obtidos pelo métodocromogênico para a recuperação do controle positivo do produto variaram de 89 a 186% e o coeficientede variação de 2,5 a 18,2%, demonstrando que as amostras não apresentaram interferência. Foramobtidos resultados equivalentes em ambos os métodos, o que permite a implementação do método emlaboratórios de saúde pública.

The occurrence of endotoxin in the treated water for hemodialysis is an important indicator of quality,since high concentrations of endotoxin constitute the main source for causing chronic inflammationin patients undergoing dialysis. This study aims at validating the analytical method for determiningquantitatively the bacterial endotoxin in hemodialysis water samples. The data from the kineticchromogenic method were compared with the results obtained from the gel coagulation technique.The gel coagulation assays were performed in three samples of hemodialysis water, according to theBrazilian Pharmacopoeia. The validation of the kinetic chromogenic method was performed usingthe same samples through the portable test system. The geometric means of the concentrations ofthe endpoints obtained from the tests for confirming the LAL sensitivity and the interference by gelcoagulation method showed a result of 0.125 EU/mL. The results obtained by the chromogenic methodfor recovering the product positive control varied from 89 to 186% and the coefficient of variationfrom 2.5 to 18.2%, demonstrating that the samples did not show interference. Equivalent results wereobtained in both methods, therefore being viable the implementation of this methodology in the publichealth laboratories.
Descritores: Endotoxinas
Diálise Renal
Água
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação


  6 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-969346
Autor: Riquelme, José Belarmino; Cazanga, Victoria Matilde; Palma, Cristina Judith; Pérez, Rubén.
Título: Clinical and hematological changes in sheep induced by Escherichia coli lipopolysaccharide / alterações clínicas e hematológicas induzidas pela administração de lipopolisscarídeo de Escherichia coli em ovelhas / Alteraciones clínicas y hematológicas inducidas por la administración de lipopoliscárido de Escherichia coli en ovejas
Fonte: Arq. Ciênc. Vet. Zool. UNIPAR (Online);21(2):47-53, abr.-jun. -2018. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: Organic response to infection is characterized by a systemic reaction known as acute phase response (APR). In order to know the effect of the administration of Escherichia coli lipopolysaccharide (LPS) on physiological, hematological and biochemical variables, 10 sheep weighing 45 ± 5 kg were divided in two groups: Experimental group treated with 3 doses of 1 µg.kg-1 LPS and control group treated with saline solution (SS) at the same frequency as experimental group. Body temperature (BT°), heart rate (HR) and respiratory rate (RR) were monitored. Blood samples for hemogram and enzyme activity for aspartate amino transferase (AST) and gamma glutamyl transferase (GGT) were collected between 1 and 24 h post-LPS. LPS-treated sheep presented mean values of BT (41.2 ± 0.4°C), HR (132 ± 12.3 beats/min) and RR (107.2 ± 25 cycles/min) higher than those observed in control sheep (39.8 ± 0.2°C, 88.8 ± 8.7 beats/min and 53.6 ± 17.1 cycles/min respectively). Between 4 and 8 hours post-injection (hpi) of LPS the leukocyte count was associated with lymphopenia, followed by leukocytosis at 24 hours. No changes were observed in the activity of AST and GGT enzymes. The results characterize APR induced by LPS in sheep, representing a useful model to study cardiovascular, hematological and biochemical responses to infection. (AU)

A resposta orgânica à infecção é caracterizada por uma reação sistêmica conhecida como resposta de fase aguda (RFA). Para conhecer o efeito da administração de lipopolissacárideo (LPS) de Escherichia coli sobre as variáveis fisiológicas, hematológicas e bioquímicas, 10 carneiros pesando 45 ± 5 kg foram divididos em dois grupos: o grupo experimental tratado com três doses de 1 µg.kg -1 de LPS e grupo controle tratado com solução salina (SS) na mesma frequência que o grupo experimental. Temperatura corporal (T°C), frequência cardíaca (FC) e frequência respiratória (FR) foram monitoradas. As amostras de sangue foram tomadas para hemograma e atividade da enzima aspartato aminotransferase (AST) e gama- -glutamiltransferase (GGT) entre uma e 24 h pós-LPS. Ovelhas tratadas com LPS apresentaram valores médios de T°C (41,2 ± 0,4°C), FC (132 ± 12,3 batimentos/min) e FR (107,2 ± 25 ciclos/min) acima dos observados em ovelhas do tratamento controle (39,8 ± 0,2°C, 88,8 ± 8,7 batimentos/min e 53,6 ± 17,1 ciclos/min, respectivamente). Entre 4 e 8 horas após a injeção de LPS, a contagem de leucocitos foi asociado com linfopenia, seguida de leucocitose as 24 horas. Nenhuma mudança na atividade das enzimas AST e GGT foi observada. Os resultados caracterizam uma resposta de fase aguda induzida por LPS em ovelhas, o que representa um modelo útil para estudar os sistemas cardiovascular, hematológico e bioquímico em resposta à infecção.(AU)

La respuesta orgánica a la infección se caracteriza por una reacción sistémica conocida como respuesta de fase aguda (RFA). Para conocer el efecto de la administración de lipopolisacárido (LPS) de Escherichia coli sobre las variables fisiológicas, hematológicas y bioquímicas, 10 ovejas con un peso de 45 ± 5 kg se dividieron en dos grupos: grupo experimental tratado con 3 dosis de 1 µg.kg-1de LPS y grupo control tratado con solución salina (SS) en la misma frecuencia que el grupo experimental. Temperatura corporal (T°C), frecuencia cardíaca (FC) y frecuencia respiratoria (FR) fueron monitoreadas. Se tomaron muestras de sangre para hemograma y actividad enzimática para el aspartato amino transferasa (AST) y gamma glutamil transferasa (GGT) entre 1 y 24 h post-LPS. Las ovejas tratadas con LPS presentaron valores medios de T°C (41.2 ± 0.4°C), FC (132 ± 12.3 latidos / min) y FR (107.2 ± 25 ciclos/min) por encima de los observados en ovinos controles (39.8 ± 0.2°C, 88.8 ± 8.7 latidos/min y 53.6 ± 17.1 ciclos/min respectivamente). Entre las 4 y 8 horas después de la inyección de LPS, el recuento de leucocitos se asoció a linfopenia, seguida de leucocitosis a las 24 horas. No se observaron cambios en la actividad de las enzimas AST y GGT. Los resultados caracterizan una respuesta de fase aguda inducida por LPS en ovinos, representando un modelo útil para estudiar los sistemas cardiovascular, hematológico y bioquímico en respuesta a la infección.(AU)
Descritores: Ovinos/microbiologia
Ovinos/sangue
Receptores de Lipopolissacarídeos/administração & dosagem
Endotoxinas
Escherichia coli/patogenicidade
-Testes Hematológicos/veterinária
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  7 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870188
Autor: Cardoso, Flávia Goulart da Rosa.
Título: Quantificação de endotoxinas e sua relação com sinais /sintomas e volumetria da lesão periapical e do canal radicular em dentes com infecção endodôntica primária / Quantification of endotoxins and its relation with signals/symptoms and volume of periapical lesion and volume of the lumen of the canal in teeth with primary endodontic infection.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2014. 130 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista. Instituto de Ciência e Tecnologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Os objetivos do presente estudo foram: a) quantificar endotoxinas e cargamicrobiana nas infecções endodônticas primárias, antes e após o preparobiomecânico (PBM) e uso de diferentes medicações intracanais (MIC); b)relacionar níveis de endotoxinas e microrganismos cultiváveis com avolumetria da lesão periapical (VLP), através do uso de tomografiascomputadorizadas de feixe cônico (TCFC), verificando possíveis relaçõescom sinais e sintomas clínicos; c) relacionar os mesmos níveis com avolumetria dos canais radiculares (VCR); d) Comparar medidas das lesões utilizando radiografias periapicais (RP) e tomografias computadorizadas de feixe cônico (TCFC). Foram selecionados para o estudo trinta dentes com necrose pulpar e lesão periapical que foramsubmetidos a TCFC. Após abertura coronária, foi realizada coleta inicialpara verificação da presença de infecção nos canais radiculares. Após, procedeu-se o tratamento endodôntico utilizando solução de NaOCl 2,5% e divididos em 3 grupos de acordo com a MIC: Ca(OH)2 - hidróxido de cálcio P.A. + solução salina fisiológica; Ca(OH)2 + GEN - hidróxido de cálcio P.A. + extrato glicólico de gengibre 20% e Ca(OH)2 + CLX -hidróxido de cálcio P.A. + clorexidina gel 2%. Foram realizadas coletas docanal radicular após o PBM e após 14 dias de ação da MIC. Para todasas coletas foram realizados testes de atividade antimicrobiana por culturamicrobiológica e análise da quantificação de endotoxinas pelo lisado deamebócitos de Limulus. Foi realizada a VLP e a VCR através da TCFC; ecomparadas medidas de segmentação 2D das lesões periapicais das RP e das TCFC. Todos os dados foram analisados estatisticamente. Os resultados mostraram: a) presença de microrganismos na coleta inicialvariando de 0 – 8,16 x 106 UFC/mL e níveis de endotoxinas de 1,75 – 149EU/mL; havendo redução significante de seus níveis após PBM e uso de MIC; b) Houve correlação positiva entre a VLP com os níveis de endotoxinas e presença de dor prévia, além de forte...

The aims of the present study were: a) quantify endotoxins and bacterial CFU counts in primary endodontic infections before and after biomechanical preparation (BP) and after root canal medication (RCM); b) to correlate the levels of endotoxins and bacterial CFU counts with the volume of periapical bone destruction (VPBD) determined by Cone Beam Computed Tomography (CBCT) analysis as well as with the development of clinical signs and symptoms; c) to correlate the levels of endotoxins and bacterial CFU counts with the volume of the lumen of the canal (VLC); d) to correlate the size of periapical lesions determined by periapical radiographs images with the CBCT images. Thirty teeth with pulp necrosis and apical periodontitis were selected and submitted to CBCT analysis.After access to pulp cavity, a first root canal sampling was performed inorder to determine the presence of root canal infection. Afterwards, BP was performed using 2.5% NaOCl followed by the placement of RCM according to the selection group: Calcium Hydroxide [Ca(OH)2] – Ca(OH)2 + Saline Solution (SSL); Ca(OH)2 + Ginger – Ca(OH)2 + 20% glycolic Ginger extract ; Ca(OH)2 + Chlorhexidine (CHX). A second collect were made after the BP and then the third after 14-days of RCM. Cultureanalysis was performed in order to determine antimicrobial activity. Thelevels of endotoxins were determined by the Limulus Ameboyte Lysate assay. The VPBD and the VLC were determined by CBCT-analysis and compared to periapical radiographs. Data were typed on a spreadsheet and statistical analyzed. At the baseline samples, CFU counts and endotoxins levels ranged from 0 - 8.16 CFU/mL and 1.75 -149 EU/mL, respectively. Both contents were reduced after BP and after RCM. Positive correlations were found between the levels of endotoxins and VPBD as well as with previous episode of pain. Thereby, a positive correlation was found between the bacterial CFU counts with the endotoxins contents...
Descritores: Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico
Endotoxinas
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; D24, C179q


  8 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-867588
Autor: Cardoso, Flávia Goulart da Rosa.
Título: Quantificação de endotoxinas e sua relação com sinais /sintomas e volumetria da lesão periapical e do canal radicular em dentes com infecção endodôntica primária / Quantification of endotoxins and its relation with signals/symptoms and volume of periapical lesion and volume of the lumen of the canal in teeth with primary endodontic infection.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2014. 130 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a UNESP-Univ Estadual Paulista-Instituto de Ciência e Tecnologia-CSJC para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Os objetivos do presente estudo foram: a) quantificar endotoxinas e cargamicrobiana nas infecções endodônticas primárias, antes e após o preparobiomecânico (PBM) e uso de diferentes medicações intracanais (MIC); b)relacionar níveis de endotoxinas e microrganismos cultiváveis com avolumetria da lesão periapical (VLP), através do uso de tomografiascomputadorizadas de feixe cônico (TCFC), verificando possíveis relaçõescom sinais e sintomas clínicos; c) relacionar os mesmos níveis com avolumetria dos canais radiculares (VCR); d) Comparar medidas das lesões utilizando radiografias periapicais (RP) e tomografias computadorizadas de feixe cônico (TCFC). Foram selecionados para o estudo trinta dentes com necrose pulpar e lesão periapical que foramsubmetidos a TCFC. Após abertura coronária, foi realizada coleta inicialpara verificação da presença de infecção nos canais radiculares. Após, procedeu-se o tratamento endodôntico utilizando solução de NaOCl 2,5% e divididos em 3 grupos de acordo com a MIC: Ca(OH)2 - hidróxido de cálcio P.A. + solução salina fisiológica; Ca(OH)2 + GEN - hidróxido de cálcio P.A. + extrato glicólico de gengibre 20% e Ca(OH)2 + CLX -hidróxido de cálcio P.A. + clorexidina gel 2%. Foram realizadas coletas docanal radicular após o PBM e após 14 dias de ação da MIC. Para todasas coletas foram realizados testes de atividade antimicrobiana por culturamicrobiológica e análise da quantificação de endotoxinas pelo lisado deamebócitos de Limulus. Foi realizada a VLP e a VCR através da TCFC; ecomparadas medidas de segmentação 2D das lesões periapicais das RP e das TCFC. Todos os dados foram analisados estatisticamente. Os resultados mostraram: a) presença de microrganismos na coleta inicialvariando de 0 – 8,16 x 106 UFC/mL e níveis de endotoxinas de 1,75 – 149EU/mL; havendo redução significante de seus níveis após PBM e uso de MIC; b) Houve correlação positiva entre a VLP com os níveis de endotoxinas e presença de dor prévia, além de forte...

The aims of the present study were: a) quantify endotoxins and bacterial CFU counts in primary endodontic infections before and after biomechanical preparation (BP) and after root canal medication (RCM); b) to correlate the levels of endotoxins and bacterial CFU counts with the volume of periapical bone destruction (VPBD) determined by Cone Beam Computed Tomography (CBCT) analysis as well as with the development of clinical signs and symptoms; c) to correlate the levels of endotoxins and bacterial CFU counts with the volume of the lumen of the canal (VLC); d) to correlate the size of periapical lesions determined by periapical radiographs images with the CBCT images. Thirty teeth with pulp necrosis and apical periodontitis were selected and submitted to CBCT analysis.After access to pulp cavity, a first root canal sampling was performed inorder to determine the presence of root canal infection. Afterwards, BP was performed using 2.5% NaOCl followed by the placement of RCM according to the selection group: Calcium Hydroxide [Ca(OH)2] – Ca(OH)2 + Saline Solution (SSL); Ca(OH)2 + Ginger – Ca(OH)2 + 20% glycolic Ginger extract ; Ca(OH)2 + Chlorhexidine (CHX). A second collect were made after the BP and then the third after 14-days of RCM. Cultureanalysis was performed in order to determine antimicrobial activity. Thelevels of endotoxins were determined by the Limulus Ameboyte Lysate assay. The VPBD and the VLC were determined by CBCT-analysis and compared to periapical radiographs. Data were typed on a spreadsheet and statistical analyzed. At the baseline samples, CFU counts and endotoxins levels ranged from 0 - 8.16 CFU/mL and 1.75 -149 EU/mL, respectively. Both contents were reduced after BP and after RCM. Positive correlations were found between the levels of endotoxins and VPBD as well as with previous episode of pain. Thereby, a positive correlation was found between the bacterial CFU counts with the endotoxins contents. ...
Descritores: Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico
Endotoxinas
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; D24, C179q


  9 / 187 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-864279
Autor: Oliveira, Luciane Dias de.
Título: Efetividade in vitro de agentes irrigantes na neutralização de endotoxinas em canais radiculares / In vitro effects of irrigants on endotoxins in root canais.
Fonte: São José dos Campos; s.n; 2005. 100 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de São José dos Campos para obtenção do grau de Doutor.
Descritores: Hidróxido de Cálcio
Endotoxinas
Polimixina B
Irrigantes do Canal Radicular
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; tD24, O4e


  10 / 187 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-864058
Autor: Maekawa, Lilian Eiko(aut).
Título: Avaliação in vitro da ação de substâncias químicas auxiliares e medicações intracanais sobre Escherichia coli e sua endotoxina em canais radiculares / In vitro evaluation of the action of auxiliary chemical substances and intracanal medications on Escherichia coli and its endotoxin in root canals.
Fonte: s.l; s.n; s.d. 106 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia de São José dos Campos para obtenção do grau de Mestre.
Descritores: Hidróxido de Cálcio
Endotoxinas
Escherichia coli
Polimixina B
Irrigantes do Canal Radicular
Hipoclorito de Sódio
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação
BR243.1; tD24, M268a



página 1 de 19 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde