Base de dados : LILACS
Pesquisa : D26.776.498 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 113 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 12 ir para página                         

  1 / 113 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-755141
Autor: Ripollés, Javier; Espinosa, Ángel; Casans, Rubén; Tirado, Ana; Abad, Alfredo; Fernández, Cristina; Calvo, José.
Título: Colloids versus crystalloids in objective-guided fluid therapy, systematic review and meta-analysis. Too early or too late to draw conclusions / Coloides versus cristaloides em fluidoterapia guiada por objetivos, revisão sistemática e metanálise. Demasiadamente cedo ou demasiadamente tarde para obter conclusões / Coloides versus cristaloides en fluidoterapia guiada por objetivos, revisión sistemática y metaanálisis. Demasiado pronto o demasiado tarde para obtener conclusiones
Fonte: Rev. bras. anestesiol;65(4):281-291, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION:

Several clinical trials on Goal directed fluid therapy (GDFT) were carried out, many of those using colloids in order to optimize the preload. After the decision of European Medicines Agency, there is such controversy regarding its use, benefits, and possible contribution to renal failure. The objective of this systematic review and meta-analysis is to compare the use of last-generation colloids, derived from corn, with crystalloids in GDFT to determine associated complications and mortality.

METHODS:

A bibliographic research was carried out in MEDLINE PubMed, EMBASE and Cochrane Library, corroborating randomized clinical trials where crystalloids are compared to colloids in GDFT for major non-cardiac surgery in adults.

RESULTS:

One hundred thirty references were found and among those 38 were selected and 29 analyzed; of these, six were included for systematic review and meta-analysis, including 390 patients. It was observed that the use of colloids is not associated with the increase of complications, but rather with a tendency to a higher mortality (RR [95% CI] 3.87 [1.121-13.38]; I2 = 0.0%; p = 0.635).

CONCLUSIONS:

Because of the limitations of this meta-analysis due to the small number of randomized clinical trials and patients included, the results should be taken cautiously, and the performance of new randomized clinical trials is proposed, with enough statistical power, comparing balanced and unbalanced colloids to balanced and unbalanced crystalloids, following the protocols of GDFT, considering current guidelines and suggestions made by groups of experts.

.

INTRODUÇÃO:

Foram feitos múltiplos ensaios clínicos em fluidoterapia guiada por objetivos (FGO), muitos deles com o uso de coloides para aprimoramento da pré-carga. Após a decisão da Agência Europeia de Medicamentos, existe ainda controvérsia sobre seu uso, seus benefícios e sua possível contribuição para a falência renal. O objetivo desta revisão sistemática e metanálise é comparar o uso de coloides de última geração, derivados de milho, com cristaloides em FGO para determinar as complicações e a mortalidade associadas.

MÉTODOS:

Busca bibliográfica em Medline, Pubmed, Embase e Biblioteca Cochrane de ensaios clínicos aleatórios nos quais se comparam cristaloides com coloides dentro de FGO para cirurgia não cardíaca de grande porte em adultos.

RESULTADOS:

Foram obtidas 130 referências das quais se selecionaram 38 e 29 foram analisadas; dessas, seis foram incluídas para revisão sistemática e metanálise, incluindo 390 pacientes. Observou-se que o uso de coloides não está associado a um aumento de complicações, mas sim a uma tendência a maior mortalidade (RR [IC 95%] 3,87 [1,121-13,38]; I2 = 0,0%; p = 0,635).

CONCLUSÕES:

Devido às limitações desta metanálise em decorrência do número escasso de ensaios clínicos aleatórios e pacientes incluídos, os resultados devem ser usados com cautela e propõe-se a feitura de novos ensaios clínicos aleatórios, com potência estatística suficiente naqueles em que se comparam coloides balanceados e não balanceados com cristaloides balanceados e não balanceados, dentro de protocolos de FGO, que respeitem as indicações atuais e as sugestões emitidas pelos grupos de especialistas.

.

INTRODUCCIÓN:

Se han realizado múltiples ensayos clínicos en fluidoterapia guiada por objetivos (FGO), muchos de ellos con el uso de coloides para la optimización de la precarga. Tras la decisión de la Agencia Europea del Medicamento, existe cierta controversia en cuanto a su utilización, beneficios y su posible contribución al fallo renal. El objetivo de esta revisión sistemática y metaanálisis es comparar el uso de coloides de última generación, derivados del maíz, con cristaloides en FGO para determinar las complicaciones y la mortalidad asociadas.

MÉTODOS:

Se realiza una búsqueda bibliográfica en MEDLINE Pubmed, EMBASE y Cochrane Library comprobando ensayos clínicos aleatorizados en los que se comparan cristaloides con coloides dentro de FGO para cirugía mayor no cardíaca de adultos.

RESULTADOS:

Se obtuvieron 130 referencias de las que se seleccionaron 38 y 29 fueron analizadas; de ellas 6 fueron incluidas para revisión sistemática y metaanálisis, incluyendo a 390 pacientes. Se apreció que el uso de coloides no se asocia con un aumento de complicaciones pero sí con una tendencia a mayor mortalidad (RR [IC 95%] 3,87 [1,121-13,38]; I2 = 0,0%; p = 0,635).

CONCLUSIONES:

Debido a las limitaciones de este metaanálisis por el escaso número de ensayos clínicos aleatorizados y pacientes incluidos, los resultados deben tomarse con cautela, y se propone la realización de nuevos ensayos clínicos aleatorizados, con suficiente potencia estadística en los que se comparen coloides balanceados y no balanceados con cristaloides balanceados y no balanceados, dentro de protocolos de FGO, respetando las indicaciones actuales y las sugerencias emitidas por los grupos de expertos.

.
Descritores: Coloides/administração & dosagem
Hidratação/métodos
Soluções Isotônicas/administração & dosagem
-Procedimentos Cirúrgicos Operatórios/métodos
Ensaios Clínicos Controlados Aleatórios como Assunto
Coloides/efeitos adversos
Hidratação/efeitos adversos
Soluções Cristaloides
Soluções Isotônicas/efeitos adversos
Limites: Humanos
Adulto
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Revisão
Metanálise
Revisão Sistemática
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-897739
Autor: Bisinotto, Flora Margarida Barra; Naves, Aline de Araújo; Lima, Hellen Moreira de; Peixoto, Ana Cristina Abdu; Maia, Gisele Caetano; Resende Junior, Paulo Pacheco; Martins, Laura Bisinotto; Silveira, Luciano A. Matias da.
Título: Use of ultrasound for gastric volume evaluation after ingestion of different volumes of isotonic solution / Uso da ultrassonografia para avaliação do volume gástrico após ingestão de diferentes volumes de solução isotônica
Fonte: Rev. bras. anestesiol;67(4):376-382, July-aug. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background and objectives: The current preoperative fasting guidelines allow fluid intake up to 2 h before surgery. The aim of this study was to evaluate the gastric volume of volunteers after an overnight fast and compare it with the gastric volume 2 h after ingestion of 200 and 500 mL of isotonic solution, by means of ultrasound assessment. Method: Eighty volunteers underwent gastric ultrasound at three times: after 8 h of fasting; 2 h after ingestion of 200 mL isotonic saline, followed by the first scan; and on another day, 2 h after ingestion of 500 mL of the same solution after an overnight fast. The evaluation was quantitative (antrum area and gastric volume, and the ratio of participants' gastric volume/weight) and qualitative (absence or presence of gastric contents on right lateral decubitus and supine positions. A p-value < 0.05 was considered significant). Results: There was no difference in quantitative variables at measurement times (p > 0.05). Five volunteers (6.25%) had a volume/weight over 1.5 mL kg-1 at fasting and 2 h after ingestion of 200 mL and 6 (7.5%) after 500 mL. Qualitatively, the presence of gastric fluid occurred in more volunteers after fluid ingestion, especially 500 mL (18.7%), although not statistically significant. Conclusion: Ultrasound assessment of gastric volume showed no significant difference, both qualitative and quantitative, 2 h after ingestion of 200 mL or 500 mL of isotonic solution compared to fasting, although gastric fluid content has been identified in more volunteers, especially after ingestion of 500 mL isotonic solution.

Resumo Justificativa e objetivos: As diretrizes recentes de jejum pré-operatório permitem a ingestão de líquidos até 2 horas antes da cirurgia. O objetivo do presente estudo foi, por meio de ultrassonografia gástrica, avaliar o volume gástrico de voluntários após jejum noturno e comparar com o volume gástrico duas horas após a ingestão de 200 e 500 ml de solução isotônica. Método: Foram submetidos à ultrassonografia gástrica 80 voluntários em três momentos: após jejum de 8 horas; 2 horas após a ingestão de 200 ml de solução isotônica, seguida do primeiro exame; e, em outro dia, 2 horas após a ingestão de 500 ml da mesma solução, após jejum noturno. A avaliação foi quantitativa (área do antro e volume gástricos e relação volume gástrico/peso dos participantes) e qualitativa, pela ausência ou presença de conteúdo gástrico nas posições de decúbito lateral direito e supina. Foi considerado significante p < 0,05. Resultados: Não houve diferença nas variáveis quantitativas nos três momentos estudados (p > 0,05). Cinco voluntários (6,25%) apresentaram um volume/peso superior a 1,5 ml.kg-1 em jejum e 2 horas após a ingestão de 200 ml e seis (7,5%) após 500 ml. Qualitativamente, a presença de líquido gástrico ocorreu em mais voluntários após a ingestão de líquidos, principalmente de 500 ml (18,7%), embora sem significância estatística. Conclusão: O volume gástrico pela ultrassonografia não apresenta diferença significativa tanto qualitativa quanto quantitativa, 2 horas após a ingestão de 200 ml ou de 500 ml de solução isotônica em comparação com o jejum, embora conteúdo líquido gástrico tenha sido identificado em mais voluntários, principalmente após a ingestão de 500 ml de solução isotônica.
Descritores: Estômago/anatomia & histologia
Estômago/diagnóstico por imagem
Soluções Isotônicas/administração & dosagem
-Tamanho do Órgão
Estômago/fisiologia
Estudos Transversais
Estudos Prospectivos
Ultrassonografia
Ingestão de Alimentos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1003401
Autor: Bisinotto, Flora Margarida Barra; Silveira, Luciano Alves Matias da; Rossi, Tiago Caneu; Martins, Laura Bisinotto; Zago, Gustavo Palis; Mendonça, Mariana Andrade Lopes.
Título: Comparative ultrasound study of gastric emptying between an isotonic solution and a nutritional supplement / Estudo comparativo do esvaziamento gástrico entre uma solução isotônica e um suplemento nutricional por meio da ultrassonografia
Fonte: Rev. bras. anestesiol;69(2):115-121, Mar.-Apr. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background and objectives: Preoperative fasting may lead to undesirable effects in the surgical patient in whom there is a stimulus to ingesting clear liquids until 2 hours before anesthesia. The aim of this study was to evaluate the gastric emptying of two different solutions using ultrasound. Methods: In a prospective, randomized, blind study, 34 healthy volunteers ingested 200 mL of two solutions without residues in two steps: an isotonic solution with carbohydrates, electrolytes, osmolarity of 292 mOsm.L-1, and 36 kcal; and other nutritional supplementation with carbohydrates, proteins, electrolytes, osmolarity of 680 mO.L-1, and 300 kcal. After 2 hours, a gastric ultrasound was performed to assess the antrum area and gastric volume, and the relation of gastric volume to weight (vol.w-1), whose value above 1.5 mL.kg-1 was considered a risk for bronchoaspiration. A p-value <0.05 was considered statistically significant. Results: There was a significant difference between all parameters evaluated 2 hours after the ingestion of nutritional supplementation compared to fasting. The same occurred when the parameters between isotonic solution and nutritional supplementation were compared 2 hours after ingestion. Only one patient had vol.w-1 <1.5 mL.kg-1 2 hours after ingestion of nutritional supplementation; and only one had vol.w-1 >1.5 mL.kg-1 after ingestion of isotonic solution. Conclusion: This study demonstrated that gastric emptying of equal volumes of different solutions depends on their constitution. Those with high caloric and high osmolarity, and with proteins present, 2 hours after ingestion, increased the gastric volumes, which is compatible with the risk of gastric aspiration.

Resumo Justificativa e objetivos: O jejum pré-operatório pode levar a efeitos indesejáveis no paciente cirúrgico, em que há um estimulo à ingestão de líquidos sem resíduos até 2 horas antes da anestesia. O objetivo deste estudo foi avaliar o esvaziamento gástrico de duas soluções diferentes por meio da ultrassonografia. Métodos: Em um estudo prospectivo, randomizado, cego, 34 voluntários saudáveis ingeriram 200 mL de duas soluções sem resíduos, em duas etapas: uma solução isotônica com carboidratos, eletrólitos, osmolaridade de 292 mOsm.L-1 e 36 kcal; e outra suplementação nutricional, com carboidratos, proteínas, eletrólitos, osmolaridade de 680 mOs.L-1 e 300 kcal. Após 2 horas, fez-se ultrassonografia gástrica com avaliação da área do antro e volume gástrico e relação do volume gástrico sobre o peso (vol.p-1), cujo valor acima de 1,5 mL.kg-1 foi considerado risco para broncoaspiração. Considerou-se p< 0,05 como estatisticamente significativo. Resultados: Houve diferença significativa entre todos os parâmetros avaliados 2 horas após a ingestão de suplementação nutricional em relação ao jejum. O mesmo ocorreu quando foram comparados os parâmetros entre solução isotônica e suplementação nutricional 2 horas após a ingestão. Apenas um paciente apresentou vol.p-1< 1,5 mL.kg-1 2 horas após a ingestão de suplementação nutricional; e apenas um apresentou vol.p-1 > 1,5 mL.kg-1, após a ingestão de solução isotônica. Conclusão: Este estudo demonstrou que o esvaziamento gástrico de volumes iguais de diferentes soluções depende de sua constituição. Aqueles com alto valor calórico e alta osmolaridade, e com proteínas presentes, 2 horas após a ingestão, aumentaram os volumes gástricos, compatíveis com o risco de aspiração gástrica.
Descritores: Ultrassonografia/métodos
Suplementos Nutricionais
Esvaziamento Gástrico/fisiologia
Soluções Isotônicas/administração & dosagem
-Concentração Osmolar
Estômago/diagnóstico por imagem
Ingestão de Energia/fisiologia
Carboidratos/administração & dosagem
Proteínas/administração & dosagem
Estudos Prospectivos
Jejum/psicologia
Eletrólitos/administração & dosagem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-787333
Autor: Oltulu, Refik; Satirtav, Gunhal; Donbaloglu, Meryem; Gunduz, Mehmet Kemal; Kerimoglu, Hurkan; Okka, Mehmet; Ozkagnici, Ahmet; Karaibrahimoglu, Adnan.
Título: Six-month outcomes of corneal crosslinking with dextran-free isotonic riboflavin solution / Resultados após seis meses de crosslinking de córnea com solução isotônica de riboflavina sem dextrano
Fonte: Arq. bras. oftalmol;79(3):147-150graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Purpose: To analyze the short-term clinical and topographic outcomes in patients with keratoconus after corneal collagen cross-linking treatment (CXL) with dextran-free isotonic riboflavin solution. Methods: In this retrospective case series, 26 eyes from 26 patients with keratoconus were studied. The best corrected visual acuity (BCVA) and refractive and topographic findings were analyzed at a 6-month follow-up. Results: The mean BCVA (Snellen lines) values before and 1, 3, and 6 months after CXL were 0.51 ± 0.2, 0.48 ± 0.2, 0.57 ± 0.2, and 0.64 ± 0.2, respectively, and the difference between the preoperative and 6-month values was statistically significant (p=0.006). The mean spherical equivalent refraction decreased from -5.6 ± 2.4 diopters (D) preoperatively to -5.0 ± 2.1 D, and mean simulated keratometry decreased from 48.5 ± 2.5 D to 47.8 ± 2.6 D at 6 months. (p=0.145 and p=0.001, respectively). In addition, the maximum keratometry decreased progressively and significantly from the preoperative value during follow-up (p=0.003). The central and minimal corneal thicknesses, including those of the epithelium, also decreased from 442.8 ± 25.6 µm and 430.5 ± 23.9 µm preoperatively to 420.7 ± 31.8 µm and 409.3 ± 28.7 µm at the most recent follow-up (p<0.001), respectively. No intraoperative or postoperative complications were observed. Conclusions: CXL with dextran-free isotonic riboflavin solution appears to be a safe treatment alternative for keratoconus and yields sustained short-term improvements in visual acuity, keratometric readings, and corneal thickness. However, long-term results are needed to confirm these outcomes.

RESUMO Objetivo: Analisar os resultados clínicos e topográficos curto prazo após crosslinking (CXL) de córnea com solução isotônica de riboflavina sem dextrano, em pacientes com ceratocone. Método: Estudamos 26 olhos de 26 pacientes com ceratocone, nesta série retrospectiva de casos. Melhor acuidade visual corrigida (BCVA), refração e achados topográficos foram analisados aos 6 meses de acompanhamento. Resultados: BCVA pré-operatória (linhas de Snellen) foi de 0,51 ± 0,2. BCVA após CXL foram de 0,48 ± 0,2, 0,57 ± 0,2 e 0,64 ± 0,2 no 1º, 3º e 6º meses, respectivamente. A diferença entre a BCVA pré-operatória e mais recente foi estatisticamente significativa (p=0,006). O equivalente esférico médio diminuiu de -5,6 ± 2,4 dioptrias (D) no pré-operatório para -5.0 ± 2.1 D e a média da ceratometria simulada diminuiu de 48,5 ± 2,5 D para 47, 8± 2,6 D aos 6 meses. (p=0,145 e p=0,001, respectivamente). A ceratometria máxima diminuiu progressivamente durante o acompanhamento com as mudanças sendo significativamente diferentes do valor pré-operatório (p=0,003). As espessuras corneanas central e mínima, diminuiram de 442,8 ± 25,6 µm e 430,5 ± 23,9 µm para 420,7 ± 31,8 µm e 409,3 ± 28,7 µm, respectivamente, na visita mais recente (p<0,001). Não foram observadas complicações intraoperatórias e pós-operatórias. Conclusões: CXL com solução de riboflavina isotônica sem dextrano parece ser uma opção segura de tratamento para o ceratocone com melhora mantida na acuidade visual, ceratometria e espessura corneana, no curto prazo. Resultados a longo prazo são necessários para confirmar estes resultados.
Descritores: Riboflavina/uso terapêutico
Fármacos Fotossensibilizantes/uso terapêutico
Córnea/efeitos dos fármacos
Reagentes para Ligações Cruzadas/uso terapêutico
Ceratocone/tratamento farmacológico
-Acuidade Visual/efeitos dos fármacos
Reprodutibilidade dos Testes
Dextranos
Resultado do Tratamento
Fármacos Fotossensibilizantes/farmacologia
Estatísticas não Paramétricas
Córnea/patologia
Topografia da Córnea
Reagentes para Ligações Cruzadas/farmacologia
Soluções Isotônicas
Ceratocone/patologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-892010
Autor: Lima, Sabrina Costa; Ferreira, Ana Carolina Campos; Brant, Tereza Cristina da Silva.
Título: Isotonic saline nasal irrigation in clinical practice: a literature review / O uso da ducha nasal com solução salina na prática clínica: uma revisão da literatura
Fonte: Fisioter. Mov. (Online);30(3):639-649, July-Sept. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: Nasal instillation of saline solution has been used as part of the treatment of patients with upper respiratory tract diseases. Despite its use for a number of years, factors such as the amount of saline solution to be used, degree of salinity, method and frequency of application have yet to be fully explained. Objective: Review the reported outcomes of saline nasal irrigation in adults with allergic rhinitis, acute or chronic sinusitis and after functional endoscopic sinus surgery (FESS), and provide evidence to assist physiotherapists in decision making in clinical practice. Methods: A search was conducted of the Pubmed and Cochrane Library databases between 2007 and 2014. A combination of the following descriptors was used as a search strategy: nasal irrigation, nasal lavage, rhinitis, sinusitis, saline, saline solution. Results: Eight clinical trials were included, analyzed according to participant diagnosis. Conclusion: The evidence found was heterogeneous, but contributed to elucidating uncertainties regarding the use of nasal lavage in the clinical practice of physical therapy, such as the protocols used.

Resumo Introdução: A instilação nasal de solução salina tem sido utilizada como parte do tratamento de pacientes com doenças do trato respiratório superior. Apesar de ser utilizada há vários anos, fatores como: quantidade da solução a ser instilada, grau de salinidade, modo e frequência de aplicação ainda não foram totalmente elucidados. Objetivo: Revisar os desfechos evidenciados no uso da irrigação nasal salina em adultos com rinite alérgica, sinusite aguda ou crônica e em pós-operatório de cirurgia endoscópica dos seios da face (CES) além de fornecer evidências para a tomada de decisões do fisioterapeuta na sua prática clínica. Métodos: Realizou--se uma busca nas bases de dados Pubmed e Cochrane Library no período compreendido entre 2007 e 2014. Foi utilizada como estratégia a combinação dos seguintes descritores: nasal irrigation, nasal lavage, rhinits, sinusitis, saline, saline solution. Resultados: Foram incluídos oito ensaios clínicos, analisados de acordo com o diagnóstico dos participantes. Conclusão: As evidências encontradas mostraram-se heterogêneas, mas contribuíram para elucidar alguns pontos obscuros na prática clínica da fisioterapia com relação ao uso da ducha nasal, como por exemplo, os protocolos utilizados.
Descritores: Sinusite
Rinite
-Depuração Mucociliar
Soluções Isotônicas
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão Sistemática
Responsável: BR495.1 - Biblioteca Central


  6 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-223747
Autor: Piña Portuondo, Vilma; Martínez Rodríguez, Ruth; Piñol Jiménez, Felipe; Paniagua Estévez, Manuel.
Título: Prueba de Sobrecarga Salina en el Síndrome Pilórico. Papel de la Enfermera, enero 1993 - diciembre 1994 / Saline overload test in pyloric syndrome. Role of the nurse. January, 1993 - Diciembre 1994
Fonte: Rev. cuba. enferm;13(2):95-102, jul.-dic. 1997. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Se realizó un estudio retrospectivo observacional a un universo de 8 pacientes ingresados en el Instituto de Gastroenterología con el diagnóstico de síndrome pilórico, desde enero de 1993 a diciembre de 1994 a quienes se les realizó la prueba de sobrecarga salina. El método utilizado fue el porcentual. Los objetivos de este estudio fueron evaluar la utilidad e importancia diagnóstica terapéutica y pronóstica de la prueba de sobrecarga salina, además de destacar el papel de la enfermera en su realización e interpretación. Es de señalar que la prueba resultó positiva en el 100 por ciento de los pacientes el 62,5 por ciento durante los 3 días y el resto el 37,5 por ciento durante 5 días, lo que permitió el empleo de otros medios diagnósticos radiológicos y endoscópicos, confirmando el diagnóstico de ingreso y lo útil de la prueba
Descritores: Cloreto de Sódio
Estenose Pilórica/diagnóstico
EVALUACION
Intubação Gastrointestinal/enfermagem
Intubação Gastrointestinal/métodos
Soluções Isotônicas
Esvaziamento Gástrico
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: CU1 - INFOMED - Centro Nacional de Información de Ciencias Médicas


  7 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-956539
Autor: Matos Filho, Argos Soares de; Petroianu, Andy; Cardoso, Valbert Nascimento; Vidigal, Paula Vieira Teixeira.
Título: Splenic implant preservation after conservation in lactated Ringer´s solution / Preservação de implante esplênico autógeno após conservação em solução de Ringer-lactato
Fonte: Rev. Col. Bras. Cir;45(1):e1346, fev. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to evaluate the morphology and function of autogenous splenic tissue implanted in the greater omentum, 24 hours after storage in Ringer-lactate solution. Methods: we divided 35 male rats into seven groups (n=5): Group 1: no splenectomy; Group 2: total splenectomy without implant; Group 3: total splenectomy and immediate autogenous implant; Group 4: total splenectomy, preservation of the spleen in Ringer-lactate at room temperature, then sliced ​​and implanted; Group 5: total splenectomy, ​​spleen sliced and preserved in Ringer-lactate at room temperature before implantation; Group 6: total splenectomy with preservation of the spleen in Ringer-lactate at 4°C and then sliced ​​and implanted; Group 7: total splenectomy and the spleen sliced for preservation in Ringer-lactate at 4°C before implantation. After 90 days, we performed scintigraphic studies with Tc99m-colloidal tin (liver, lung, spleen or implant and clot), haematological exams (erythrogram, leucometry, platelets), biochemical dosages (protein electrophoresis) and anatomopathological studies. Results: regeneration of autogenous splenic implants occurred in the animals of the groups with preservation of the spleen at 4ºC. The uptake of colloidal tin was higher in groups 1, 3, 6 and 7 compared with the others. There was no difference in hematimetric values ​​in the seven groups. Protein electrophoresis showed a decrease in the gamma fraction in the group of splenectomized animals in relation to the operated groups. Conclusion: the splenic tissue preserved in Ringer-lactate solution at 4ºC maintains its morphological structure and allows functional recovery after being implanted on the greater omentum.

RESUMO Objetivo: avaliar morfologia e função de tecido esplênico autógeno, implantado no omento maior, 24 horas após conservação em solução de Ringer-lactato. Métodos: foram estudados 35 ratos machos, distribuídos em sete grupos (n=5): Grupo 1: sem esplenectomia; Grupo 2: esplenectomia total sem implante; Grupo 3: esplenectomia total e implante autógeno imediato; Grupo 4: esplenectomia total, preservação do baço em Ringer-lactato à temperatura ambiente, em seguida, fatiado e implantado; Grupo 5: esplenectomia total, baço fatiado e preservado em Ringer-lactato à temperatura ambiente antes de ser implantado; Grupo 6: esplenectomia total com preservação do baço em Ringer-lactato a 4°C e, em seguida, fatiado e implantado; Grupo 7: esplenectomia total e baço fatiado, para preservação em Ringer-lactato a 4°C antes de ser implantado. Após 90 dias, realizaram-se estudos cintilográficos com estanho coloidal-Tc99m (fígado, pulmão, baço ou implante e coágulo), hematológicos (eritrograma, leucometria, plaquetas), bioquímicos (eletroforese de proteínas) e anatomopatológicos. Resultados: ocorreu regeneração dos implantes esplênicos autógenos nos animais dos grupos com preservação do baço a 4ºC. A captação de estanho coloidal foi superior nos grupos 1, 3, 6 e 7 em relação aos demais. Não houve diferença nos valores hematimétricos nos sete grupos. A eletroforese de proteínas mostrou diminuição da fração gama no grupo de animais esplenectomizados em relação aos grupos operados. Conclusão: o tecido esplênico conservado em solução de Ringer-lactato à temperatura de 4ºC mantém sua estrutura morfológica e permite a recuperação funcional após ser implantado sobre o omento maior.
Descritores: Baço/transplante
Soluções para Preservação de Órgãos
Soluções Isotônicas
-Baço/anatomia & histologia
Baço/fisiologia
Distribuição Aleatória
Ratos Sprague-Dawley
Lactato de Ringer
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-332863
Autor: Roza, Márcia de Oliveira; Yanagui, Tieka.
Título: Soluçäo contaminada: o líquido da morte / Contaminated solution: death liquid
Fonte: In: Marques, Maria Cristina; Diniz, Elizeu; Carvalho, Marisa Lima; Pereira, Sheila Duarte. Casos e fatos da vigilância sanitária sobre a saúde da sociedade. Säo Paulo, SOBRAVIME, 2002. p.311-325.
Idioma: pt.
Descritores: Cloreto de Sódio
Contaminação de Medicamentos
Soluções
Soluções Isotônicas
-Vigilância Sanitária
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; WA672, M357c, 2002


  9 / 113 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-844273
Autor: Corrêa, Thiago Domingos; Cavalcanti, Alexandre Biasi; Assunção, Murillo Santucci Cesar de.
Título: Cristaloides balanceados para ressuscitação do choque séptico / Balanced crystalloids for septic shock resuscitation
Fonte: Rev. bras. ter. intensiva;28(4):463-471, oct.-dic. 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO A administração de fluidos em tempo adequado é crucial para a manutenção da perfusão tissular nos pacientes com choque séptico. Entretanto, a questão da escolha do fluido a ser utilizado para ressuscitação no choque séptico ainda é um assunto em debate. É crescente o corpo de evidência que sugere que o tipo, a quantidade e o momento da administração de fluidos durante a evolução da sepse podem afetar os desfechos do paciente. Os cristaloides têm sido recomendados como fluidos a serem administrados em primeira linha na ressuscitação do choque. No entanto, à luz da natureza inconclusiva da literatura disponível, não se podem fazer recomendações definitivas quanto à solução cristaloide mais apropriada. A ressuscitação de pacientes críticos sépticos e não sépticos com cristaloides não balanceados, principalmente a solução salina a 0,9%, tem sido associada a uma maior incidência de desordens do equilíbrio ácido-base e a distúrbios eletrolíticos, além de poder se associar à maior incidência de lesão renal aguda, à maior necessidade de terapia de substituição renal e à mortalidade. Foi proposto o uso de soluções cristaloides balanceadas como uma alternativa às soluções de cristaloides não balanceados, para mitigar seus efeitos deletérios. Entretanto, a segurança e a eficácia dos cristaloides balanceados para ressuscitação do choque séptico necessitam ser mais bem exploradas em estudos clínicos bem delineados, randomizados e controlados, multicêntricos e pragmáticos.

ABSTRACT Timely fluid administration is crucial to maintain tissue perfusion in septic shock patients. However, the question concerning which fluid should be used for septic shock resuscitation remains a matter of debate. A growing body of evidence suggests that the type, amount and timing of fluid administration during the course of sepsis may affect patient outcomes. Crystalloids have been recommended as the first-line fluids for septic shock resuscitation. Nevertheless, given the inconclusive nature of the available literature, no definitive recommendations about the most appropriate crystalloid solution can be made. Resuscitation of septic and non-septic critically ill patients with unbalanced crystalloids, mainly 0.9% saline, has been associated with a higher incidence of acid-base balance and electrolyte disorders and might be associated with a higher incidence of acute kidney injury. This can result in greater demand for renal replacement therapy and increased mortality. Balanced crystalloids have been proposed as an alternative to unbalanced solutions in order to mitigate their detrimental effects. Nevertheless, the safety and effectiveness of balanced crystalloids for septic shock resuscitation need to be further addressed in a well-designed, multicenter, pragmatic, randomized controlled trial.
Descritores: Ressuscitação/métodos
Choque Séptico/terapia
Soluções Isotônicas/administração & dosagem
-Ressuscitação/efeitos adversos
Equilíbrio Ácido-Base
Estado Terminal
Sepse/terapia
Hidratação/efeitos adversos
Hidratação/métodos
Soluções Cristaloides
Soluções Isotônicas/efeitos adversos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 113 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-734322
Autor: Botto, Hugo; Giglio, Norberto; Ferrero, Fernando; Dackiewicz, Nora; Ferreira, Juan Pablo.
Título: Trabajos seleccionados: resúmenes y comentarios / Selected papers from current literature
Fonte: Arch. argent. pediatr;112(6):579-582, dic. 2014.
Idioma: es.
Descritores: Readmissão do Paciente
Pneumonia
Asma
Infusões Intravenosas
Bronquiolite
Cetoacidose Diabética
Corticosteroides/administração & dosagem
Deglutição
Leite
Soluções Isotônicas
Erros de Medicação
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: AR94.1 - Centro de Información Pediatrica



página 1 de 12 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde