Base de dados : LILACS
Pesquisa : D26.939 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 25 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 25 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-893796
Autor: Ronsoni, Marcelo Fernando; Santos, Heloisa de Cassia dos; Colombo, Bruno da Silveira; Correa, Carina Gabriela; Moritz, Ana Paula Gomes; Coral, Marisa Helena Cesar; Sande-Lee, Simone Van de; Hohl, Alexandre.
Título: Hypercalcemia and acute renal insufficiency following use of a veterinary supplement / Hipercalcemia e insuficiência renal aguda após uso de suplemento veterinário
Fonte: J. bras. nefrol;39(4):467-469, Oct.-Dec. 2017.
Idioma: en.
Resumo: Abstract A previously healthy 24 yo male presented with a two-month history of epigastric pain, nausea, vomiting, fatigue and malaise. He reported abuse of different substances, including an injectable veterinary vitamin compound, which contains high doses of vitamin A, D and E, and an oily vehicle that induces local edema and enhances muscle volume. Serum creatinine was 3.1 mg/dL, alanine transaminase 160 mg/dL, aspartate transaminase 11 mg/dL, total testosterone 23 ng/dL, 25-OH-vitamin D >150 ng/mL (toxicity >100), 1,25-OH-vitamin D 80 pg/mL, vitamin A 0.7 mg/dL, parathormone <3 pg/mL, total calcium 13.6 mg/dL, 24-hour urinary calcium 635 mg/24h (RV 42-353). A urinary tract ultrasound demonstrated signs of parenchymal nephropathy. The diagnosis was hypercalcemia and acute renal failure secondary to vitamin D intoxication. He was initially treated with intravenous hydration, furosemide and prednisone. On the fifth day of hospitalization a dose of pamidronate disodium was added. The patient evolved with serum calcium and renal function normalization. Thirty days later he presented normal clinical and laboratory tests, except 25-OH-vitamin D that was persistently increased (107 ng/mL), as it may take several months to normalize. This case report is a warning of the risks related to the use of veterinary substances for aesthetics purposes.

Resumo Um paciente de 24 anos do sexo masculino, previamente hígido, apresentou-se com uma história de dois meses de dor epigástrica, náuseas, vômitos, fadiga e mal-estar. Ele relatava abuso de diferentes substâncias, incluindo um composto vitamínico veterinário injetável contendo altas doses de vitamina A, D e E, e um veículo oleoso que induz edema local com aumento de volume muscular. A creatinina sérica estava 3,1 mg/dL, alanina transaminase 160 mg/dL, aspartato transaminase 11 mg/dL, testosterona total 23 ng/dL, 25-OH-vitamina D > 150 ng/mL (toxicidade > 100), 1,25-OH-vitamina D 80 pg/mL, vitamina A 0,7 mg/dL, paratormônio < 3 pg/mL, cálcio total 13,6 mg/dL, cálcio urinário de 24h 635 mg/24h (VR 42-353). Uma ultrassonografia do trato urinário demonstrou sinais de nefropatia parenquimatosa. O diagnóstico foi hipercalcemia e insuficiência renal aguda secundária a intoxicação por vitamina D. Ele foi tratado inicialmente com hidratação intravenosa, furosemida e prednisona. No quinto dia de hospitalização uma dose de pamidronato dissódico foi adicionada. O paciente evoluiu com normalização do cálcio sérico e da função renal. Trinta dias depois ele apresentou testes clínicos e laboratoriais normais, exceto a 25-OH-vitamina D que estava persistentemente elevada (107 ng/mL), já que ela pode demorar vários meses para normalizar. Este relato de caso é um alerta aos riscos relacionados ao uso de substâncias veterinárias para fins estéticos.
Descritores: Vitamina A/efeitos adversos
Vitamina D/efeitos adversos
Vitamina E/efeitos adversos
Drogas Veterinárias/efeitos adversos
Lesão Renal Aguda/induzido quimicamente
Hipercalcemia/induzido quimicamente
-Vitaminas/efeitos adversos
Lesão Renal Aguda/complicações
Hipercalcemia/complicações
Limites: Humanos
Masculino
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Venezuela
Texto completo
Texto completo
Id: lil-631806
Autor: Tejero, Félix; Rodón de Vivo, Carlos; Roschman González, Antonio; M Aso, Pedro; J Finol, Héctor.
Título: Morfometría ultraestructural de la glándula adrenal de ratones infectados experimentalmente con dos aislados venezolanos de trypanosoma evansi / Ultrastructural morphometry of the adrenal gland of mice experimentally infected with two Venezuelan isolates of trypanosoma evansi
Fonte: Rev. Inst. Nac. Hig;42(2):60-74, jul. 2011. ilus, graf, tab.
Idioma: es.
Resumo: Este trabajo describe cualitativamente y analiza cuantitativamente las variaciones ultraestructurales de la glándula adrenal de ratones durante el desarrollo de infecciones murinas experimentales por dos aislados venezolanos de Trypanosoma evansi, uno proveniente de asno y otro de caballo. Las modificaciones submicroscópicas observadas incluyeron alteraciones en el retículo endoplasmático liso, mitocondrias, gotas lipídicas, aparato de Golgi y núcleo. También se apreciaron alteraciones en el número de vesículas de epinefrina, norepinefrina, gránulos de lipofucsina y presencia singular de figuras mielínicas. Estos cambios ultraestructurales estarían asociados a problemas metabólicos que inducirían la muerte de los animales infectados. El estudio cuantitativo demostró diferencias significativas en las características y las magnitudes del daño causado por ambos aislados, siendo el tripanosoma proveniente de caballo más patogénico. El análisis multivariante de los cambios submicroscópicos discriminó la acción patogénica en la glándula adrenal de tripanosomas de la misma especie que provienen de hábitats diferentes (Equus asinus y E. caballus) y de zonas geográficas distintas (estado Apure y estado Guárico).

This work describes qualitatively and analyzes quantitatively the ultrastructural variations of the mice adrenal gland during the development of murine experimental infections by two Venezuelan isolates of Trypanosoma evansi, one de rived from a donkey and another from a horse. The submicroscopic modifications included modifications in the smooth endoplasmic reticulum, mitochondria, lipid droplets, Golgi apparatus, and nucleus. Alterations in the number of epinephrine, norepinephrine vesicles, and lipofuscin granules and singular myelin-like figures were also observed. Such ultrastructural changes would be associated to metabolic problems including the infected animal's death. The quantitative study demonstrated significant differences in the characteristics and magnitude of the damage caused by both isolates, being more pathogenic the horse derived trypanosome. The multivariate analysis of the submicroscopic changes discriminated the pathogenic action of trypanosomes of the same species coming from different habitats (Equus asinus and E. caballus) and different geographic zones (Apure state and Guarico state) in the adrenal gland.
Descritores: Trypanosoma/fisiologia
Glândulas Suprarrenais/metabolismo
Drogas Veterinárias
Noxas/análise
-Saúde Pública
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Camundongos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: VE9.1 - Biblioteca


  3 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-913598
Autor: ABFH.
Título: Congresso brasileiro de farmácia homeopática, VII / Mesa redonda: manipulação de medicamentos de uso veterinário na farmácia / Brazilian congress of homeopathic pharmacy, VII.
Fonte: São Paulo; TV MED;ABFH; 2009. ? p.
Idioma: pt.
Descritores: Composição de Medicamentos
Farmácia Homeopática
Drogas Veterinárias
-Congressos como Assunto
Responsável: BR926.1 - Biblioteca Artur de Almeida Rezende Filho
BR926.1, 2009, VII, PT 4


  4 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-876377
Autor: Monteiro, Lis Marie.
Título: Buparvaquone nanostructured lipid carrier development: physicochemical and in vitro leishmanicidal performances / Desenvolvimento de carreadores lipídicos nanoestruturados contendo buparvaquona: caracterização físico-química e avaliação da atividade leishmanicida in vitro.
Fonte: São Paulo; s.n; 2017. 109p p. tab, graf.
Idioma: en.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Leishmaniases is a group of diseases caused by parasites of the genus Leishmania. The estimated number of deaths from visceral leishmaniases ranges from 20,000 to 50,000 annually. The most common treatment over the past 60 years has been pentavalent antimonials. Besides the doubtful effectiveness, they present several disadvantages such as the need for parenteral administration, large doses, long treatment, severe toxicity and parasite resistance. Buparvaquone (BPQ), a drug used for veterinary treatment of theileriosis, showed promising activity against Leishmania spp. However, due to its low aqueous solubility and bioavailability, it has failed in in vivo tests. The use of nanotechnologies has the potential to overcome these drawbacks due to the following advantages: increase in drug water-solubility, increase in therapeutic efficacy and treatment toxicity reduction. Therefore, the present work aimed the development, optimization, physical-chemical evaluation and in vitro performances of nanostructured lipid carriers (NLC) for BPQ encapsulation. The NLC preparation was performed by high pressure homogenization, and surface response and factorial design were applied to formulation optimization. In vitro dissolution profiles were evaluated in phosphate buffer pH 7.4 with tween 80 0.07% w/v or sodium dodecyl sulfate 1% w/v and simulated body fluid pH 7.4. Cytotoxicity was evaluated in mouse peritoneal macrophages and leishmanicidal activity in L. infantum amastigotes. Six optimized NCL were prepared and they showed solubility improvement from 1.5- fold to 611-fold when compared with free BPQ, depending on the formulation and medium. Dissolution profiles showed the NLC formulation suitability for BPQ regarding oral administration, the release could reach 83.29% of a 4mg dose in 30 minutes for formulation of 175.1 nm, while the free drug could be dissolved only 2.89% of the same dose after 4 hours. Moreover, formulation of 230.7 nm showed 81.42% of drug release in in phosphate buffer pH 7.4 with dodecyl sulfate 1.0% w/v after 30 minutes, while BPQ did not dissolved. Cytotoxicity assay showed the safety of all formulations. The iv CC50 values were close to 500 µM, while the IC50 against amastigotes was only 456.5 nM for free BPQ. Developed NLCs showed an increase in IC50 from 2.0 to 3.1-fold when compared to free drug in the in vitro leishmanicidal evaluation. Therefore, the NLC containing BPQ are a promising alternative for the treatment of leishmaniases as oral and parenteral drug dosage forms. Additionally, they have a potential use for lymphatic targeted drug delivery, which can be an innovative approach for this neglected disease.

Leishmanioses são um grupo de doenças causadas por parasitas do gênero Leishmania. O número estimado de óbitos por leishmaniose visceral varia entre 20.000 e 50.000 por ano. O tratamento mais comum nos últimos 60 anos tem sido os antimônios pentavalentes. Além da eficácia duvidosa, eles apresentam várias desvantagens, como a necessidade de administração parenteral, altas doses, tratamento prolongado, toxicidade severa e resistência parasitária. Buparvaquona (BPQ), um fármaco usado para tratamento veterinário da teileriose, mostrou atividade promissora contra Leishmania donovani. No entanto, devido à sua baixa solubilidade e biodisponibilidade aquosa, falhou em testes in vivo. O uso das nanotecnologias tem o potencial de superar esses obstáculos devido às seguintes vantagens: aumento da solubilidade em água, aumento da eficácia terapêutica e redução da toxicidade do tratamento. Portanto, o presente trabalho objetivou o desenvolvimento, otimização, avaliação físico-química e avaliação do desempenho in vitro de carreadores lipídicos nanoestruturados (NLC) para o encapsulação da BPQ. A preparação do NLC foi realizada por homogeneização de alta pressão e superfície de resposta e planejamento fatorial foram aplicados à otimização das formulações. Os perfis de dissolução in vitro foram avaliados em tampão fosfato pH 7.4 com tween 80 a 0.07% p/v ou dodecilsulfato de sódio 1.0% p/v e fluido corporal simulado pH 7.4. A citotoxicidade foi avaliada em macrófagos peritoneais de camundongos e atividade leishmanicida em amastigotas de L. infantum. Foram preparados quatro NCL otimizados e mostraram melhora da solubilidade de 1,5 a 611 vezes quando comparado com a BPQ livre, dependendo da formulação e do meio. Os perfis de dissolução mostraram a adequação da formulação NLC para BPQ em relação à administração oral. A dissolução pode atingir 83,29% de uma dose de 4.0 mg em 30 minutos para a formulação de 175,1 nm, enquanto o fármaco livre dissolveu apenas vi 2,89% da mesma dose após 4 horas. Além disso, a formulação de 230,7 nm mostrou 81,42% de liberação do fármaco em tampão fosfato pH 7.4 com dodecil sulfato de sódio 1.0% p/v após 30 minutos, enquanto o BPQ não se dissolveu. O teste de citotoxicidade mostrou a segurança de todas as formulações. Os valores CC50 foram próximos de 500 µM, enquanto o IC50 em amastigotas foi de apenas 456,5 nM para BPQ livre. Os NLC desenvolvidos mostraram um aumento no IC50 de 2,0 a 3,1 vezes quando comparado ao;fármaco livre na avaliação leishmanicida in vitro. Logo, as NLC contendo BPQ são uma alternativa promissora para o tratamento de leishmanioses como formas farmacêuticas oral e parenteral. Além disso, eles têm um uso potencial para a sítio-específico ao sistema linfático, o que pode ser uma abordagem inovadora para esta doença negligenciada.
Descritores: Leishmaniose Visceral/tratamento farmacológico
Drogas Veterinárias/análise
-Leishmania donovani/classificação
Nanoestruturas/estatística & dados numéricos
Nanotecnologia
Doenças Negligenciadas/classificação
Limites: Animais
Masculino
Feminino
Camundongos
Tipo de Publ: Técnicas In Vitro
Responsável: BR40.1 - DBD - Divisão de Biblioteca e Documentacão do Conjunto das Químicas
BR40.1; T615.4, M775b. 30100022353-F


  5 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Cerqueira, Mônica M. O. P
Texto completo
Id: biblio-833981
Autor: Picinin, Lidia C. A; Toaldo, Isabela M; Hoff, Rodrigo B; Souza, Fernando N; Leite, Mônica O; Fonseca, Leorges M; Diniz, Soraia A; Silva, Marcos X; Cerqueira, Mônica M. O. P; Bordignon-Luiz, Marilde T.
Título: Survey of pyrethroid, macrocyclic lactone and antibacterial residues in bulk milk tank from Minas Gerais State, Brazil / Resíduos de piretróides, lactonas macrocíclicas e antimicrobianos em amostras de leite de tanque no estado de Minas Gerais
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;37(2):97-104, fev. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: A survey of veterinary drug residues in bulk milk tank from Minas Gerais State, Brazil, was carried out through a broad scope analysis. Here, 132 raw milk samples were collected at 45 dairy farms in Minas Gerais from August 2009 to February 2010, and analyzed for 42 analytes, comprising pyrethroids, macrocyclic lactones and antibacterials, using liquid chromatography coupled with mass spectrometry in tandem mode and gas chromatography with electron capture detection. Within all milk samples, at least one veterinary drug residue was identified in 40 milk samples (30.30%) by confirmatory tests, whereas 16 samples (12.12%) showed the presence of at least two residues. With regard to the Brazilian maximum residue levels, 11 milk samples (8.33%) were non-compliant according to Brazilian Legislation. The veterinary drugs detected in the non-compliant milk samples include penicillin V (one sample), abamectin (one sample) and cypermethrin (nine samples). Furthermore, the antibacterial screening methods failed to identify most of the positive samples that were detected by confirmatory tests, leading to a large discrepancy between the screening and confirmatory antimicrobial tests. Thus, the present study indicated that the veterinary drugs residues still represents a great concern for the milk production chain.(AU)

Avaliou-se a presença de 42 analitos, incluindo piretróides, lactonas macrocíclicas e antimicrobianos em 132 amostras de leite de tanque proveniente de 45 propriedades leiteiras localizadas no Estado de Minas Gerais. Para tal, utilizou-se a cromatografia líquida acoplada a espectrofotometria de massas tandem e cromatografia gasosa com detector com captura de elétrons. Dentre todas as amostras de leite, 40 (30,30%) amostras de leite de tanque apresentaram a presença de pelo menos um analito, enquanto 16 amostras (12,12%) de leite demonstraram a presença de pelo menos dois analitos. Considerando os limites estabelecidos pela legislação brasileira, 11 amostras de leite (8,33%) seriam consideradas como não conforme. Ademais, os testes de triagem para detecção de antimicrobianos no leite não conseguiram identificar a maioria das amostras positivas nos testes confirmatórios, levando a grande discrepância entre estes testes. Desta forma, os resultados do presente estudo indicam que os períodos de descarte do leite, especialmente para piretróides, não foram plenamente respeitados por todos os produtores de leite. Além disto, uma discrepância entre os resultados dos testes confirmatórios e os testes de triagem foi observada.(AU)
Descritores: Anti-Infecciosos/análise
Resíduos de Drogas/análise
Lactonas/análise
Leite/química
Piretrinas/análise
-Anti-Helmínticos
Bovinos
Praguicidas
Drogas Veterinárias/análise
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  6 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Leite, M. O
Cerqueira, M. M. O. P
Texto completo
Id: biblio-833963
Autor: Picinin, L. C. A; Toaldo, I. M; Hoff, R. B; Souza, F. N; Leite, M. O; Fonseca, L. M; Diniz, S. A; Silva, M. X; Haddad, J. P. A; Cerqueira, M. M. O. P; Bordignon-Luiz, M. T.
Título: Climate conditions associated with the occurrence of antimicrobial and macrocyclic lactone residues in bulk tank milk / Condições climáticas associadas à ocorrência de resíduos de antimicrobianos e lactonas macrocíclicas em amostras de leite de tanque
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;69(2):474-482, mar.-abr. 2017. ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: The present study aimed to identify the climate condition parameters that are associated with the occurrence of antimicrobial and macrocyclic lactone residues in bulk tank milk using a multivariate principal components analysis (PCA). A total of 132 raw milk samples were collected at dairy farms in Minas Gerais State in Brazil and analyzed for 35 analytes, comprising macrocyclic lactones and antibacterials, using liquid chromatography coupled with mass spectrometry in tandem mode spectrometry. Of the 132 samples, 34 (25.76%) bulk tank milk samples were positive for at least one analyte. PCA showed that antimicrobial residues in bulk tank milk occurred less frequently on days with a higher average temperature, maximum temperature and temperature-humidity index. In contrast, relative humidity was inversely associated with antimicrobial residues in raw milk. The PCA showed that daily milk production was also related to macrocyclic lactone residues, while rainfall showed an inverse association. Thus, some climate conditions, such as average temperature, maximum temperature and temperature-humidity index, can predict the moments with lower risk of occurrence of antimicrobial residues in bulk tank milk, in contrast to relative humidity. Furthermore, the risk of macrocyclic lactone residues in bulk tank milk was higher in months with less rainfall.(AU)

O presente trabalho objetivou identificar fatores climáticos associados à ocorrência de resíduos de antimicrobianos e lactonas macrocíclicas em amostras de leite de tanque por análise multivariada de componentes principais (ACP). Para o presente trabalho, 132 amostras de leite cru foram coletadas em fazendas leiteiras localizadas no estado de Minas Gerais (Brasil) e analisadas por cromatografia líquida de alta eficiência e espectrometria de massas in tandem para detecção de 35 analitos, incluindo antimicrobianos e lactonas macrocíclicas. Das 132 amostras de leite analisadas, detectou-se pelo menos um analito em 34 (25,76%) amostras. A ACP demonstrou que a presença de resíduos de antimicrobianos no leite de tanque ocorreu menos frequentemente nos dias com maior temperatura média, temperatura máxima e índice de temperatura e umidade. Por outro lado, a umidade relativa foi inversamente associada à presença de resíduos antimicrobianos no leite. A ACP demonstrou associação entre a presença de resíduos de lactonas macrocíclicas no leite e a produção diária de leite, e a presença de resíduos de lactonas macrocíclicas ocorreu menos frequentemente nos meses com maiores índices pluviométricos. Dessa forma, conclui-se que alguns índices climáticos, como temperatura média, temperatura máxima e índice de temperatura e umidade, podem predizer períodos com maior risco de ocorrência de resíduos de antimicrobianos, em contraste com a umidade relativa. Além disso, o risco de resíduos de lactonas macrocíclicas no leite de tanque foi maior nos meses com menores índices pluviométricos.(AU)
Descritores: Anti-Helmínticos/análise
Anti-Infecciosos
Mudança Climática
Resíduos de Drogas/análise
Lactonas/análise
Leite/química
-Bovinos
Análise Multivariada
Fatores de Tempo
Drogas Veterinárias/análise
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  7 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-832651
Autor: Nogueira, Léa Lemos; Marquetti, Cesar; Ribeiro, Leandro; Panetta, José Cezar.
Título: Resíduos de antimicrobianos em salmão do atlântico (Salmo salar L. 1758): aspectos econômicos, ambientais e sanitários / Antimicrobial residues in Atlantic salmon (Salmo salar L. 1758): economic, environmental and sanitary aspects
Fonte: Hig. aliment;31(264/265):18-23, 27/02/2017.
Idioma: pt.
Resumo: A aquicultura é um setor da produção animal que apresenta crescimento em grande escala e, como em todo sistema intensivo, nele também é necessário o uso de medicamentos veterinários, como os antimicrobianos. O uso indiscriminado ou em excesso, porém, pode levar à ocorrência de inúmeras questões de caráter sanitário, entre as quais a possibilidade de seleção de estirpes bacterianas resistentes ao agente originariamente utilizado, o qual tem sua eficácia seriamente reduzida ou anulada e favorecendo, por essa razão, uma série de bacterioses que podem afetar decisivamente a produção e a produtividade da exploração aquícola. O uso incorreto dos antimicrobianos, portanto, põe em risco tanto a saúde animal quanto a humana, já que o homem pode se contaminar por meio de resíduos das substâncias aplicadas, afetando tanto sua saúde quanto a do meio ambiente. Ademais, a economia da produção estará ameaçada, porquanto toda a cadeia produtiva estará depreciada em seu rendimento. O cultivo do salmão do Atlântico (Salmo salar L, 1758) foi tomado como paradigma da situação descrita, sendo o Chile o país produtor referenciado, já que ocupa o segundo lugar no ranking mundial dos produtores de salmonídeos, tendo sua produção exportada para muitos países e sendo o Brasil um de seus importadores. Buscou-se neste trabalho, portanto, balizar os riscos representados pela utilização incorreta dessas substâncias na produção desse salmonídeo, que podem afetar a produtividade da exploração e, ao mesmo tempo, tornar o alimento não tão seguro para o consumidor. Conclui-se que, embora indispensáveis para a produção animal, uma vez que evitam perdas pelo controle das bacterioses, os antimicrobianos devem ser administrados de forma responsável e seguindo um manual de boas práticas, sob risco de, não o fazendo, tornar a exploração economicamente inviável e, sobretudo, comprometendo a saúde do consumidor e do meio ambiente. Compete às autoridades sanitárias, especificamente ao Serviço de Inspeção Federal, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, zelar para a correta aplicação de tais agentes e, acima de tudo, controlar os seus resíduos nos alimentos de origem animal produzidos.
Descritores: Antibacterianos/efeitos adversos
Salmo salar
Drogas Veterinárias
-Aquicultura
Amostras de Alimentos
Limites: Animais
Responsável: BR908


  8 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-720433
Autor: Santiago-Neto, Waldemir; Machado, Gustavo; Paim, Daniel S; Campos, Thais de; Brito, Maria A. V. P; Cardoso, Marisa R. I; Corbellini, Luís G.
Título: Relação da idade na presença de bactérias resistentes a antimicrobianos em rebanhos leiteiros no Rio Grande do Sul / Age related to the presence of antimicrobial resistant bacteria in twenty one dairy herds in Rio Grande do Sul, Brazil
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;34(7):613-620, jul. 2014. tab.
Idioma: pt.
Resumo: [...] As bactérias foram isoladas de amostras de leite compostas de todos os quartos mamários de cada vaca após descartar os primeiros três ou quatro jatos de leite. Para acessar os potenciais fatores de risco, características dos animais foram obtidas através de uma entrevista com os produtores. Os exames laboratoriais foram realizados de acordo com as recomendações do National Mastitis Council. Um total de 242 isolados foi obtido de 195 vacas a partir da amostra do rebanho total (251 vacas). A prevalência de infecções foi descrita em grupos de acordo com o perfil epidemiológico: bactérias ambientais, contagiosas e outras. Estas perfizeram 57,3 por cento, 26,3 por cento e 11,2 por cento, respectivamente, dos animais amostrados. Testes de suscetibilidade antimicrobiana contra 12 diferentes antimicrobianos foram realizados em 159 isolados. No total, 30 por cento dos isolados testados mostraram resistência a pelo menos três grupos diferentes de antimicrobianos e foram classificados como multirresistentes. Foram observadas as freqüências mais elevadas de resistência contra a ampicilina para os estafilococos coagulase-negativo, seguida de eritromicina para estafilococos coagulase-positivo e tetraciclina para estreptococos. A análise de regressão logística mostrou uma relação significativa entre a idade das vacas e a presença de estafilococos coagulase-positivo multirresistentes e distribuição de classes diferentes de bactérias nos diferentes estratos etários, o que sugere uma concorrência dinâmica ao longo do tempo (p < 0,05). Animais com três a quatro anos tiveram 13,7 vezes mais chances (IC95 por cento 1,4 - 130,2, p = 0,02) de ter estafilococos coagulase-positivo multirresistentes em comparação com aqueles com dois ou três anos. O tempo de exposição a agentes infecciosos e consequentes terapias sugere uma maior chance de colonização do úbere por patógenos resistentes devido à pressão de seleção repetida durante a vida.

[...] Bacteria were isolated from composite milk samples obtained from all quarters of each cow after discarding the initial three or four streams of milk. To access potential risk factors, animal characteristics were obtained through an interview with the producers. Laboratory tests were done according to National Mastitis Council recommendations. A total of 242 isolates was obtained from 195 cows out of 251 cows sampled. The prevalence of animal infections was described in groups according to the epidemiological profile: environmental, contagious and other bacteria. These were 57.3 percent, 26.3 percent and 11.2 percent, respectively of the sampled animals. Antimicrobial susceptibility tests against 12 different antimicrobials were performed in 159 isolates. Altogether, 30 percent of the isolates tested showed resistance to at least three different antimicrobial groups and were classified as multidrug-resistant. Higher frequencies of resistance were observed against ampicillin to coagulase-negative staphylococci, followed by erythromycin to coagulase-positive staphylococci and tetracycline to streptococci. The logistic regression analysis showed a significant relationship between age of the cows and presence of multidrug-resistant coagulase-positive staphylococci and distribution of different class of bacteria, suggesting a competition dynamic throughout the ages (p < 0.05). Animals with three to four years old had 13.7 times more chances (IC95 percent 1.4 - 130.2; p = 0,02) to have multidrug-resistant coagulase-positive staphylococci compared to those with two to three years. Time of exposure to infectious agents and consequent therapies suggests a greater chance of udder's colonization by resistant pathogens due to repeatedly selection pressure during lifetime.
Descritores: Efeito Idade
Coagulase
Revisão de Uso de Medicamentos
Medicamentos de Uso Contínuo
Mastite Bovina/tratamento farmacológico
Staphylococcus aureus Resistente à Meticilina/isolamento & purificação
Aplicações da Epidemiologia
-Efeito de Coortes
Resistência Microbiana a Medicamentos
Uso de Medicamentos
Efeitos Colaterais e Reações Adversas Relacionados a Medicamentos
Efeito Período
Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias
Drogas Veterinárias
Limites: Animais
Gravidez
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  9 / 25 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: lil-681285
Autor: Brasil. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.
Título: Produtos veterinários: orientações para o uso responsável / Veterinary products: guidelines for the responsible use.
Fonte: Brasília; Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; 2008. 24 p. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Doenças dos Animais
Bem-Estar do Animal
Drogas Veterinárias
Medicina Veterinária
Limites: Humanos
Animais
Responsável: BR58.1 - Biblioteca
BR58.1; 614.9, B823p. 1566; BR58.1; 614.9, B823p, ex.2. 1567; BR58.1; 614.9, B823p, ex.3. 1793


  10 / 25 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Id: lil-681164
Autor: Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal.
Título: Manual de produtos veterinários / Manual of veterinary products.
Fonte: São Paulo; Livraria Varela; 1999. 710 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Descritores: Drogas Veterinárias/classificação
Drogas Veterinárias
Legislação Veterinária
Medicina Veterinária
Limites: Animais
Tipo de Publ: Manual de Referência
Responsável: BR58.1 - Biblioteca
BR58.1; 636, S615m. 1707



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde