Base de dados : LILACS
Pesquisa : E01.370.400 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 563 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 57 ir para página                         

  1 / 563 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1019469
Autor: Rohrmoser, Ruy Gil; Brasil, Albert V; Gago, Guilherme; Ferreira, Marcelo P; Worm, Paulo Valdeci; Kraemer, Jorge L; Ferreira, Nelson P.
Título: Impact of surgery on pain, disability, and quality of life of patients with degenerative lumbar disease: Brazilian data / Impacto da cirurgia na dor, incapacidade e qualidade de vida de portadores de doença degenerativa lombar: dados brasileiros
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;77(8):536-541, Aug. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To study the impact of surgery on pain, disability, quality of life, and patient satisfaction in a sample of patients with Degenerative Lumbar Disease (DLD). Methods: Retrospective analysis of prospectively collected data. Comparison between pre and postoperative (6 - 12 months) ODI and SF-36, plus postoperative Patient Satisfaction Index. Results: From a total of 216 patients included, improvement was observed in average scores of pain (201.2%), disability (39.7%), physical quality of life (42%), and mental quality of life (37.8%). Among these patients, 57.7% reached or surpassed the minimal clinically important difference (MCID) for ODI, 57.7% for the SF-36 pain component, 59.7% for the SF-36 physical component summary, and 50.5% achieved or surpassed the MCID for the SF-36 mental component summary. Conclusions: Surgery produced a significantly positive impact on pain, disability, and quality of life of patients. Overall, 82.5% of the patients were satisfied.

RESUMO Objetivo: Descrever o impacto da cirurgia na dor, incapacidade, qualidade de vida e a satisfação global do paciente numa amostra unificada de pacientes portadores de DDL. Métodos: Análise retrospectiva de dados colhidos prospectivamente em pacientes operados no período de janeiro de 2014 a março de 2017, que tivessem avaliação pré-operatória e pelo menos uma avaliação pós-operatória entre 6 e 12 meses com os questionários de ODI, SF-36 e o ISP. Resultados: Um total 216 pacientes preenchia os critérios de inclusão. Houve melhora no escore médio de dor (201,2%), incapacidade (39,7%), qualidade de vida física (42%) e mental (37,8%). Da amostra, 57,7% alcançaram o MCID de dor, 59,7% de ODI, 59,7% 50,5% de PCS e 50,5% de MCS; 82,5% dos pacientes se consideraram "Satisfeitos". Conclusões: O efeito da cirurgia foi amplamente favorável na dor, incapacidade e qualidade de vida dos pacientes portadores de DDL. Estes dados podem servir de guia para aconselhamento pré-operatório quanto às perspectivas de sucesso.
Descritores: Qualidade de Vida
Avaliação da Deficiência
Degeneração do Disco Intervertebral/cirurgia
Degeneração do Disco Intervertebral/fisiopatologia
Vértebras Lombares/cirurgia
Vértebras Lombares/fisiopatologia
-Medição da Dor
Brasil
Inquéritos e Questionários
Estudos Retrospectivos
Resultado do Tratamento
Satisfação do Paciente
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1019472
Autor: Comini-Frota, Elizabeth R; Marques, Bruna C C; Torres, Caio; Cohen, Karoline M S; Miranda, Eduardo Carvalho.
Título: Nine-year follow up after hematopoietic stem cell transplantation in five multiple sclerosis patients / Nove anos de seguimento após transplante autólogo de células tronco hematopoiéticas em cinco pacientes com esclerose múltipla
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;77(8):531-535, Aug. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Multiple sclerosis (MS) is an immune-mediated disease of the central nervous system. Its treatment has focused on inflammation control as early as possible to avoid disability. Autologous hematopoietic stem cell transplantation (AHSCT) has been used for treating MS since 1996, with recent decisive results regarding benefits in long-term efficacy. Five patients followed up at an MS center in Belo Horizonte, Brazil, who had relapsing-remitting MS with high disease activity, underwent AHSCT between 2009 and 2011. They were evaluated clinically, with magnetic resonance imaging, and by the EDSS every six months after transplantation, up to July 2018. The patients were four women and one man, with ages ranging from 25-50 years, and time since disease onset ranging from 4-17 years at the time of the procedure. Four patients improved, one patient was stabilized, and all patients were free of disease activity after 5-9 years. Through improving patient selection and decreasing the time from disease onset, AHSCT could stop epitope spreading and disease progression. Despite multiple other therapeutic choices being approved for relapsing-remitting MS, AHSCT continues to be a treatment to consider for aggressive MS disease.

RESUMO A esclerose múltipla é uma doença imunomediada do sistema nervoso central. Seu tratamento tem sido focado no controle da inflamação o mais cedo possível para evitar incapacidade. O transplante autólogo de células tronco hematopoiéticas (TACTH) vem sendo usado para tratar esclerose múltipla desde 1996, e recentes resultados foram decisivos a respeito do benefício na eficácia a longo prazo. Cinco pacientes seguidos num centro de esclerose múltipla de Belo Horizonte, Brasil, que apresentavam forma clínica remitente recorrente com alta atividade de doença foram submetidos a esse tratamento de 2009 a 2011. Após o transplante foram avaliados clinicamente e com ressonância magnética, e escala de EDSS, a cada seis meses até julho de 2018. Os pacientes eram quatro mulheres e um homem, com idade entre 25 e 50 anos e tempo de doença variando de 4 a 17 anos na época do procedimento. Quatro pacientes melhoraram após a primeira avaliação e um manteve-se estável. Todos os pacientes permaneceram sem evidência de doença clínica ou radiológica de 5 a 9 anos após. Com uma seleção cada vez mais criteriosa de pacientes o TACTH pode interromper a disseminação do epítopo e controlar a progressão da doença. Apesar de várias outras opções terapêuticas aprovadas para esclerose múltipla o TACTH continua a ser uma forma de tratamento a ser considerada em casos de doença muito agressiva.
Descritores: Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas/métodos
Esclerose Múltipla Recidivante-Remitente/cirurgia
-Seguimentos
Resultado do Tratamento
Progressão da Doença
Avaliação da Deficiência
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1038741
Autor: Aramaki, Alberto Luiz; Sampaio, Rosana Ferreira; Cavalcanti, Alessandra; Dutra, Fabiana Caetano Martins Silva e.
Título: Use of client-centered virtual reality in rehabilitation after stroke: a feasibility study / Uso da realidade virtual centrada no cliente na reabilitação após acidente vascular encefálico: um estudo de viabilidade
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;77(9):622-631, Sept. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Patient-centered virtual reality (VR) programs could assist in the functional recovery of people after a stroke. Objectives: To analyze the feasibility of a rehabilitation protocol using client-centered VR and to evaluate changes in occupational performance and social participation. Methods: This was a mixed methods study. Ten subacute and chronic stroke patients participated in the rehabilitation program using games in non-immersive VR for 40 minutes/day, three days/week, for 12 weeks. Sociodemographic information was collected and the outcome variables included were the Canadian Occupational Performance Measure (COPM) and the Participation Scale. A field diary was used to record the frequency of attendance and adherence of participants and an interview was conducted at the end of program. Results: There were significant and clinically-relevant statistical improvements in the COPM performance score (p < 0.001; CI = 1.29 − 4.858) and in the COPM satisfaction score (p < 0.001; CI = 1.37 − 5.124), with a difference greater than 4.28 points for performance and 4.58 points for satisfaction. The change in the scores for participation was statistically significant (p = 0.046), but there was no clinical improvement (dcohen = −0.596, CI = −1.862 − 0.671). The majority of participants reported more than 75% consecutive attendance of sessions and there was 100% adherence to the program. In the interviews, the participants described their post-stroke difficulties; how the video game motivated their engagement in rehabilitation; and the improvement of occupational performance and social participation after participating in the program. Conclusions: VR is a viable tool for the rehabilitation of stroke patients with functional gains, mainly regarding occupational performance and performance satisfaction.

RESUMO Programas de realidade virtual (RV) centrados no paciente poderiam auxiliar na recuperação funcional de pessoas após acidente vascular cerebral (AVC). Objetivos: Analisar a viabilidade de um protocolo de reabilitação usando RV centrada no cliente e avaliar mudanças no desempenho ocupacional e na participação social. Métodos: Dez pacientes com AVC participaram do programa de reabilitação utilizando RV por 40 min/dia, 3 dias/semana, durante 12 semanas. Foram coletadas informações sociodemográficas e as medidas de desfecho incluíram a Medida Canadense de Desempenho Ocupacional (COPM) e a Escala de Participação. Empregou-se um diário para registro da frequência e adesão de cada participante e uma entrevista foi usada para analisar a percepção dos participantes sobre o programa. Resultados: Houve melhora estatisticamente significativa e clinicamente relevante no escore de desempenho da COPM (p < 0,001; IC = 1,219 − 4,858) e no escore de satisfação com o desempenho da COPM (p < 0,001; IC = 1,37 − 5,154); com diferença maior que 4,28 pontos para o desempenho; e 4,58 pontos para a satisfação. A mudança no escore de participação foi estatisticamente significativa (p = 0,046), mas não houve melhora clínica (dcohen = −0,596, IC = −1,862 − 0,671). A maioria dos participantes apresentou mais de 75% de frequência consecutiva e houve 100% de adesão ao programa. Nas entrevistas os participantes relataram as dificuldades pós-AVC; como o video game motivou seu engajamento na reabilitação; e a melhora do desempenho ocupacional e da participação social após participar do programa. Conclusões: Os resultados indicam a viabilidade da RV para reabilitação de pacientes com AVC, com ganhos funcionais, principalmente no desempenho ocupacional e satisfação com o desempenho.
Descritores: Jogos de Vídeo
Terapia de Exposição à Realidade Virtual/métodos
Reabilitação do Acidente Vascular Cerebral/métodos
-Fatores de Tempo
Atividades Cotidianas
Estudos de Viabilidade
Reprodutibilidade dos Testes
Resultado do Tratamento
Recuperação de Função Fisiológica
Avaliação da Deficiência
Autorrelato
Participação Social
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1038747
Autor: Fragoso, Yara Dadalti; Adoni, Tarso; Alves-Leon, Soniza V; Apostolos-Pereira, Samira L; Carneiro, Marcos A Diniz; Chikota, Edila M; Diniz, Denise Sisterolli; Eboni, Audred C B; Gomes, Sidney; Gonçalves, Marcus Vinicius M; Goncalves, Ricardo Pereira; Inojosa, José Luiz; Junqueira, Thiago F; Machado, Suzana Costa; Malfetano, Fabiola Rachid; Mansur, Letícia Fezer; Mendes, Maria Fernanda; Muniz, Andre; Nobrega Junior, Adaucto W; Olival, Guilherme Sciascia do; Parolin, Monica Fiuza; Pimentel, Maria Lucia V; Rocha, Cristiane Franklin; Ruocco, Heloisa Helena; Santos, Gutemberg C; Siquineli, Fabio; Soares, José Otavio D; Sousa, Nise Alessandra C; Tauil, Carlos Bernardo; Winckler, Thereza Cristina A.
Título: Migraine in 746 patients with multiple sclerosis / Enxaqueca em 746 pacientes com esclerose múltipla
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;77(9):617-621, Sept. 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Migraine adds to the burden of patients suffering from multiple sclerosis (MS). The ID-migraine is a useful tool for screening migraine, and the Migraine Disability Assessment questionnaire can evaluate disease burden. The aim of the present study was to assess the presence and burden of migraine in patients with MS. Methods: Patients diagnosed with MS attending specialized MS units were invited to answer an online survey if they also experienced headache. Results: The study included 746 complete responses from patients with MS and headache. There were 625 women and 121 men, and 69% of all the patients were aged between 20 and 40 years. Migraine was identified in 404 patients (54.1%) and a moderate-to-high burden of disease was observed in 68.3% of the patients. Conclusion: Migraine is a frequent and disabling type of primary headache reported by patients with MS.

RESUMO Enxaqueca piora o sofrimento do paciente que tem esclerose múltipla (EM). ID-migraine é uma ferramenta útil para seleção de pacientes com enxaqueca e Migraine Disability Assessment (MIDAS) é um questionário que avalia o impacto da doença. O objetivo do presente estudo foi avaliar a presença e impacto de enxaqueca em pacientes com EM. Métodos: Pacientes diagnosticados com EM e tratados em clínicas especializadas foram convidados a responder um questionário online se também apresentassem cefaleia. Resultados: O estudo incluiu 746 participantes com cefaleia e EM que preencheram completamente as respostas. Foram 625 mulheres e 121 homens, sendo 69% dos pacientes com idade entre 20 e 40 anos. Enxaqueca foi identificada em 404 pacientes (54,1%) e moderado a grave impacto da doença foi observado em 68,3% dos casos. Conclusão: Enxaqueca é uma cefaleia primária frequente e incapacitante relatada por pacientes com EM.
Descritores: Cefaleia/epidemiologia
Transtornos de Enxaqueca/epidemiologia
Esclerose Múltipla/epidemiologia
-Brasil/epidemiologia
Prevalência
Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Resultado do Tratamento
Distribuição por Sexo
Avaliação da Deficiência
Cefaleia/tratamento farmacológico
Transtornos de Enxaqueca/tratamento farmacológico
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890201
Autor: Duarte, Cristina Maria Rabelais; Marcelino, Miguel Abud; Boccolini, Cristiano Siqueira; Boccolini, Patrícia de Moraes Mello.
Título: Proteção social e política pública para populações vulneráveis: uma avaliação do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social - BPC no Brasil / Social protection and public policy for vulnerable populations: an assessment of the Continuous Cash Benefit Program of Welfare in Brazil
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(11):3515-3526, Nov. 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O artigo descreve a evolução histórica e o perfil dos requerentes do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC), destinado a idosos e pessoas pobres com deficiência, que utiliza, desde 2009, critérios de elegibilidade construídos com base na CIF/OMS e em consonância com a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com deficiência da ONU. O comportamento dos benefícios foi determinado a partir da análise dos coeficientes de concessões gerais e não judiciais, entre 1998 e 2014. O perfil, segundo situação de deferimento, idade, sexo e componentes da CIF, foi estabelecido para os anos de 2010 e 2014. O crescimento médio anual do coeficiente foi maior de 2000 a 2010, anterior à adoção do modelo de elegibilidade biopsicossocial, enquanto o de concessões não judiciais cresceu até 2010, decrescendo a seguir. A razão de deferimento foi maior entre as crianças e entre os que enfrentam barreiras ambientais, limitações e restrições e alterações corporais graves ou completas. A implantação do modelo de avaliação biopsicossocial não ocasionou aumento no ritmo de concessões e os resultados evidenciam a necessidade de flexibilização dos critérios de elegibilidade.

Abstract This paper describes the historical development and profile of Continuous Cash Benefit (BPC) applicants, intended for poor elderly and people with disabilities, which, since 2009, uses eligibility criteria based on the International Classification of Functioning, Disability and Health (ICF) of the WHO and is aligned with the UN Convention on the Rights of Persons with Disabilities. The behavior of benefits was determined from the analysis the coefficients of the general and non-judicial grants between 1998 and 2014. The profile was established for the years 2010 and 2014 according to situation of acceptance, age, gender and ICF components. The average annual growth of the coefficient was higher from 2000 to 2010, prior to the adoption of the biopsychosocial eligibility model, and the coefficient of non-judicial grants increased until 2010, falling thereafter. The deferrals acceptance /rejections ratio was higher among children and among those facing severe or total environmental barriers, limitations, constraints and bodily changes. The implementation of the biopsychosocial evaluation model did not cause an increased rate of grants and results evidence the need for flexibility in the eligibility criteria.
Descritores: Política Pública
Pessoas com Deficiência
Avaliação da Deficiência
Definição da Elegibilidade
-Pobreza
Seguridade Social
Brasil
Populações Vulneráveis
Programas Governamentais
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890202
Autor: Müller, Juliana dos Santos; Falcão, Ila Rocha; Couto, Maria Carolina Barreto Moreira; Viana, Wendel da Silva; Alves, Ivone Batista; Viola, Denise Nunes; Woods, Courtney Georgette; Rêgo, Rita de Cássia Franco.
Título: Artisanal fisherwomen/shellfish gatherers: analyzing the impact of upper limb functioning and disability on health-related quality of life / Pescadoras artesanais/marisqueiras: análise do impacto da funcionalidade e incapacidade de membros superiores sobre a qualidade de vida relacionada com a saúde
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(11):3635-3644, Nov. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The aim is to analyze upper limb functioning and disability, and its association with health-related quality of life among artisanal fisherwomen from Bahia, Brazil. Cross-sectional epidemiological study was conducted with a sample of 209 fisherwomen. Structured questionnaires were used for socio-demographic and comorbidity information, as well as the instruments Disabilities of the Arm, Shoulder and Hand (DASH) and Short-Form Healthy Survey (SF-36) respectively, to evaluate the upper limbs and health-related quality of life. The results demonstrated that the presence of musculoskeletal disorders in the upper limbs directly affects the values of the DASH instrument and the SF-36v01 questionnaire scores, while also generating a negative correlation between the DASH and SF-36v01. The varying functioning abilities, pain and social aspects negatively affect upper limb function, and the daily activities and work of fisherwomen. The presence of chronic disease and the absence of intervention and rehabilitation for these professionals, that could produces, in a long-term, cases of disability.

Resumo O objetivo foi analisar a incapacidade e a funcionalidade de membros superiores e verificar sua associação com a qualidade de vida relacionada com a saúde de pescadoras artesanais da Bahia, Brasil. Estudo epidemiológico, de corte transversal, envolvendo uma amostra de 209 pescadoras artesanais. Foram utilizados questionários estruturados para informações sociodemográficas e comorbidades e os instrumentos Disabilities of the Arm, Shoulder and Hand (DASH) e Medical Outcomes Study 36-Item Short-Form Healthy Survey (SF-36), para, respectivamente, avaliação dos membros superiores e qualidade de vida relacionada com a saúde. Os resultados encontrados demonstram que a presença de distúrbios musculoesqueléticos (DME) em membros superiores afeta diretamente os valores do instrumento DASH e os escores do SF-36v01, bem como a correlação negativa encontrada entre o DASH e os domínios do SF-36v01. As variáveis capacidade funcional, dor e aspectos sociais afetam negativamente a funcionalidade de membros superiores e as atividades do cotidiano e do trabalho de pescadoras artesanais. A presença de doença crônica e a ausência de intervenção e reabilitação desses profissionais geram, a longo prazo, casos de incapacidade.
Descritores: Qualidade de Vida
Doenças Musculoesqueléticas/epidemiologia
Doenças Profissionais/epidemiologia
-Frutos do Mar
Brasil/epidemiologia
Atividades Cotidianas
Doença Crônica
Estudos Transversais
Inquéritos Epidemiológicos
Pessoas com Deficiência
Extremidade Superior
Avaliação da Deficiência
Peixes
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Animais
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890205
Autor: Athayde, Filipe; Mancuzo, Eliane Viana; Corrêa, Ricardo de Amorim.
Título: Influência ambiental sobre a incapacidade física: uma revisão sistemática da literatura / Environmental influence on physical disability: a systematic review of the literature
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(11):3645-3652, Nov. 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Indivíduos com incapacidades físicas podem, em interação com facilitadores e barreiras, modificar a sua participação em sociedade. O ambiente, no panorama da Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde (CIF), apresenta-se com relevante papel na saúde e na expressão da funcionalidade. Dessa forma, o objetivo deste estudo foi investigar a influência de fatores ambientais sobre a incapacidade física, pautado no referencial teórico da CIF. Foi realizada uma revisão sistemática da literatura, norteada por recomendações dos documentos Preferred Reporting Items for Systematic Reviews and Meta-Analyses (PRISMA) e Strengthening the Reporting of Observational Studies in Epidemiology Statement (STROBE). Os estudos selecionados puderam reforçar os preceitos teóricos da CIF. O ambiente físico e social, de modo geral, pôde ter sua interferência atribuída a diferentes condições clínicas, especialmente em neurologia, tanto em estudos quantitativos quanto qualitativos. Limitações metodológicas foram observadas e podem ser entraves à consolidação de alguns direcionamentos, o que deve incentivar novas pesquisas sobre o tema com métodos criteriosos, instrumentos validados e amostras cuidadosamente selecionadas.

Abstract People with physical disabilities may, in interaction with facilitators and barriers, modify their participation in society. The environment, in the panorama of the International Classification of Functioning, Disability and Health (ICF), plays a relevant role in health and in the expression of functioning. Thus, the aim of this study was to investigate the influence of environmental factors on physical disability, based on the theoretical framework of the ICF. A systematic review of the literature was performed based on the recommendations of the following documents: Preferred Reporting Items for Systematic Reviews and Meta-Analyses (PRISMA) and Strengthening the Reporting of Observational Studies in Epidemiology Statement (STROBE). The studies selected confirmed the theoretical precepts of the ICF. The interference of the physical and social environment, in general, might be attributed to different clinical conditions, especially in neurology, both in quantitative and qualitative studies. Methodological limitations were observed that may be obstacles to consolidating some guidelines, which should encourage further research on the subject with judicious methods, validated instruments and carefully selected samples.
Descritores: Pessoas com Deficiência/classificação
Avaliação da Deficiência
Meio Ambiente
-Meio Social
Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Revisão Sistemática
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890245
Autor: Touso, Maíra Ferro de Sousa; Mainegra, Amado Batista; Martins, Carlos Henrique Gomes; Figueiredo, Glória Lúcia Alves.
Título: Photovoice como modo de escuta: subsídios para a promoção da equidade / Photovoice as a listening mode: subsidies for the promotion of equity
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(12):3883-3892, Dez. 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo A partir de observações no campo da Promoção da Saúde, junto a pacientes de um Centro de Reabilitação no interior de São Paulo, notou-se que eles apresentam dificuldades em lidar com as limitações físicas adquiridas quando estas os incapacitavam para o trabalho. Objetivou-se ampliar os modos de escuta para facilitar o diálogo com pessoas em situações de debilidade física e afastadas de suas atividades laborais, utilizando o Photovoice, método de pesquisa-ação participativa, como ferramenta e o referencial teórico da Promoção da Saúde. As imagens captadas e os relatos que as acompanharam consistiram no material deste estudo. Duas categorias temáticas se sobressaíram: a decisão pericial e a condição física (vaidade, poder e esperança). A atividade laboral é percebida como determinante da inserção do indivíduo em seu meio, além de definir seu papel na família e no campo social. Diante da incapacidade, percebem-se sem identidade, vulneráveis e sem perspectivas futuras de reinserção social. Observase um processo de desajuste individual, familiar, mas sem visibilidade social e com consequências negativas para a saúde global. O Photovoice se mostrou efetivo na apreensão das percepções e no estímulo para o debate, fornecendo subsídios essenciais para a Promoção da Equidade em grupos em desvantagem social.

Abstract Health Promotion observations of patients from a Rehabilitation Center in rural São Paulo evidenced that these people faced difficulties in dealing with their physical limitations when these prevented them from working. This study aimed to broaden listening methods to facilitate dialogue with people in situations of physical frailty and removal from their work activities, using Photovoice, a participatory research-action method, as a tool and Health Promotion's theoretical framework. Images captured and reports that accompanied them consisted of the material of this study. Two thematic categories stood out: the expert decision; and physical condition: vanity, power and hope. Labor activity is perceived as a determinant of individuals' introduction in their environment and defines their role in the family and in the social field. Faced with disability, they feel deprived of their identity, vulnerable and without future prospects of social reintegration, an individual and familiar misfit process, but without social visibility and with negative consequences for global health is observed. Photovoice proved to be effective in apprehending perceptions and stimulating debate, providing essential inputs to promote equity in socially disadvantaged groups.
Descritores: Fotografação
Pessoas com Deficiência/reabilitação
Equidade em Saúde
Promoção da Saúde/métodos
-População Rural
Brasil
Saúde Global
Populações Vulneráveis
Avaliação da Deficiência
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 563 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-991376
Autor: Villalobos Dintrans, Pablo.
Título: Panorama de la dependencia en Chile: avances y desafíos / Dependency in Chile: advances and challenges
Fonte: Rev. méd. Chile;147(1):83-90, 2019. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Chile is facing a process of rapid aging which poses several challenges. Among these challenges is the increase of dependency in the population. Despite its relevance, the topic has not been prioritized in the agenda. One explanation for this low-priority is the lack of information on the concept of dependency. This article shows that, in fact, no consensus exists in Chile on how to define and measure dependency. Additionally, it provides an updated estimation of dependency in the country, aiming to foster further debate on the topic.
Descritores: Pessoas com Deficiência/estatística & dados numéricos
Avaliação da Deficiência
-Fatores de Tempo
Chile/epidemiologia
Fatores Etários
Distribuição por Sexo
Distribuição por Idade
Limites: Humanos
Masculino
Gravidez
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  10 / 563 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1170961
Autor: Matos M A; Barreto R; Quadros V; Penha C E; Acosta A X.
Título: Gross motor function classification system in patients with mucopolysaccharidosis / Gross motor function classification system in patients with mucopolysaccharidosis.
Fonte: Rev. Fac. Cienc. Méd. (Córdoba);70(4):201-6, 2013.
Idioma: es.
Descritores: Avaliação da Deficiência
Destreza Motora/classificação
Mucopolissacaridoses/classificação
Índice de Gravidade de Doença
-Adolescente
Estudos Retrospectivos
Humanos
Mucopolissacaridoses/fisiopatologia
Mãos/fisiologia
Pré-Escolar
Variações Dependentes do Observador
Tipo de Publ: Artigo de Revista
Responsável: AR5.1 - Centro de Gestión del Conocimiento y las Comunicaciónes



página 1 de 57 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde