Base de dados : LILACS
Pesquisa : E01.370.520.750 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 55 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 6 ir para página                

  1 / 55 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1019574
Autor: Tanamati, Liege Franzini; Goffi-Gomez, Maria Valéria Schmidt; Muniz, Lilian Ferreira; Samuel, Paola Angélica; Wiemes, Gislaine Richter Minhoto; Lima, Daniele Penna; Curi, Sílvia Badur; Onuki, Lucia Cristina; Queiroz, Carla Fortunato; Capistrano, Ana Karla Bigois; Moret, Adriane Lima Mortari; Kimura, Márcia Yuri Tsumura; Oyanguren, Valeria; Mauch, Herbert.
Título: Use of remote control in the intraoperative telemetry of cochlear implant: multicentric study / Uso do controle remoto na telemetria intraoperatória do implante coclear: estudo multicêntrico
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);85(4):502-509, July-Aug. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: The conventional evaluation of neural telemetry and impedance requires the use of the computer coupled to an interface, with software that provides visualization of the stimulus and response. Recently, a remote control (CR220®) was launched in the market, that allows the performance of intraoperative tests with minimal instrumentation. Objective: To evaluate the agreement of the impedance values and neural telemetry thresholds, and the time of performance in the conventional procedure and by the remote control. Methods: Multicentric prospective cross-sectional study. Intraoperative evaluations of cochlear implants compatible with the use of CR220® were included. The tests were carried out in the 22 electrodes to compare the time of performance in the two situations. The agreement of the neural telemetry threshold values obtained from five electrodes was analyzed, and the agreement of impedance was evaluated by the number of electrodes with altered values in each procedure. Results: There were no significant difference between the impedance values. There was a moderate to strong correlation between the electrically-evoked compound action potential thresholds. The mean time to perform the procedures using the CR220 was significantly lower than that with the conventional procedure. Conclusion: The use of the CR220 provided successful records for impedance telemetry and automatic neural response telemetry.

Resumo Introdução: A avaliação convencional da telemetria neural e de impedâncias implica o uso do computador acoplado a uma interface, o software fornece o estímulo e a visualização das respostas. Recentemente, foi lançado um controle remoto (CR220®), que possibilita testes intraoperatórios com instrumental mínimo. Objetivo: Avaliar a concordância dos valores das impedâncias e dos limiares da telemetria neural e o tempo de execução no procedimento convencional e pelo controle remoto. Método: Estudo prospectivo transversal multicêntrico. Foram incluídas as avaliações intraoperatórias de implante coclear compatível com o uso do CR220®. Os testes foram realizados nos 22 eletrodos para comparar os tempos de execução nas duas situações. Foi analisada a concordância dos valores do limiar da telemetria neural obtidos em cinco eletrodos e a concordância das impedâncias foi avaliada pelo número de eletrodos com valores alterados em cada procedimento. Resultados: Não houve diferença significante entre as impedâncias. Obteve-se moderada a forte correlação entre os limiares do potencial de ação composto eletricamente evocado. O tempo médio para os procedimentos com o CR220 foi significativamente menor do que com o procedimento convencional. Conclusão: O uso do CR220 proporcionou registros bem-sucedidos para a telemetria de impedância e a telemetria automática de respostas neurais.
Descritores: Telemetria/instrumentação
Implantes Cocleares
Implante Coclear/instrumentação
Surdez/cirurgia
-Limiar Auditivo
Testes de Impedância Acústica
Estudos Transversais
Estudos Prospectivos
Implante Coclear/métodos
Surdez/etiologia
Potenciais Evocados Auditivos
Limites: Humanos
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo Multicêntrico
Estudo Clínico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1141066
Autor: Simancas-Racines, Daniel; Félix, Camilo.
Título: Telemonitoreo y control glucémico en pacientes con diabetes mellitus tipo 2 / Telemonitoring and glycemic control in people with type 2 diabetes
Fonte: Evid. actual. práct. ambul;20(1):12-12, 2017. tab.
Idioma: es.
Descritores: Diabetes Mellitus Tipo 2/terapia
Telemonitoramento
-Telemetria/métodos
Hemoglobina A Glicada/análise
Automonitorização da Glicemia/métodos
Ensaios Clínicos Controlados Aleatórios como Assunto
Estudos Multicêntricos como Assunto
Telemedicina/métodos
Diabetes Mellitus Tipo 2/diagnóstico
Diabetes Mellitus Tipo 2/fisiopatologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: AR2.1 - Biblioteca Central


  3 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-888870
Autor: Barroco, L S A; Freitas, C E C; Lima, Á C.
Título: Estimation of peacock bass (Cichla spp) mortality rate during catch-release fishing employing different post-capture procedures / Estimativa da taxa de mortalidade do tucunaré (Cichla spp) durante a prática do pesque-solte
Fonte: Braz. j. biol;78(2):195-201, May-Aug. 2018. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The effect of catch-and-release fishing on the survival of peacock bass (Cichla spp.) was evaluated by comparing two types of artificial bait (jig and shallow-diver plugs) and two types of post-catch confinement. Two experiments were conducted during the periods January-February and October-November 2012 in the Unini River, a right-bank tributary of the Negro River. In total, 191 peacock bass were captured. Both groups of fish were subjected to experimental confinement (collective and individual) for three days. Additionally, 11 fish were tagged with radio transmitters for telemetry monitoring. Mortality rate was estimated as the percentage of dead individuals for each type of bait and confinement. For peacock bass caught with jig baits, mortality was zero. The corresponding figure for shallow-diver bait was 1.66% for fish in collective containment, 18.18% for fish monitored by telemetry and 0% for individuals confined individually. Our results show low post-release mortality rates for peacock bass. Furthermore, neither the type of confinement nor the type of bait had a statistically significant influence on mortality rates. While future studies could include other factors in the analysis, our results show that catch-and-release fishing results in low mortality rates.

Resumo O efeito do pesque-solte na sobrevivência do tucunaré (Cichla spp.) foi avaliado comparando dois tipos de iscas artificiais, jig e de meia-água, e dois tipos de confinamento pós-captura. Dois experimentos foram conduzidos durante os períodos de janeiro-fevereiro e outubro-novembro de 2012, no Rio Unini, afluente da margem direita do Rio Negro. No total, 191 tucunarés foram capturados. Os peixes foram submetidos a um confinamento experimental (coletivo e individual) com duração de três dias. Além disso, 11 peixes foram marcados com radiotransmissores e liberados imediatamente após a captura, sendo monitorados por telemetria. A taxa de mortalidade foi calculada como a porcentagem de indivíduos mortos para cada tipo de isca e tratamento (confinamento individual, coletivo e sem confinamento). Não houve mortalidade para o grupo de tucunarés capturados com isca jig. A isca de meia-água mostrou uma taxa de mortalidade de 1,66% para o confinamento coletivo e 18,18% para os peixes monitorados por telemetria. Nossos resultados mostraram baixas taxas de mortalidade pós-soltura para tucunaré. Além disso, nem o tipo de confinamento, nem o tipo de isca tiveram influência significativa nas taxas de mortalidade. Ainda que estudos futuros possam incluir novos fatores na análise, os nossos resultados mostram que a prática do pesque-solte resulta em baixas taxas de mortalidade.
Descritores: Ciclídeos/fisiologia
-Telemetria
Brasil
Monitoramento Ambiental
Rios
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Labruna, Marcelo Bahia
Texto completo
Id: biblio-1092691
Autor: Fournier, Gislene Fátima da Silva Rocha; Pinter, Adriano; Muñoz-Leal, Sebastian; Labruna, Marcelo Bahia; Lopes, Marcos Gomes; Martins, Thiago Fernandes; Colácio, Luciana; Môra, Cayo Rodrigo Santos; Moraes-Filho, Jonas; Dias, Ricardo Augusto.
Título: Implications of domestic dogs in the epidemiology of Rickettsia parkeri strain Atlantic rainforest and Rangelia vitalii in Southeastern Brazil / Implicações dos cães domésticos na epidemiologia da Rickettsia parkeri cepa Mata Atlântica e da Rangelia vitalii no Sudeste do Brasil
Fonte: Rev. bras. parasitol. vet;29(1):e022419, 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FAPESP.
Resumo: Abstract This study aimed to evaluate the occurrence of diseases transmitted by Amblyomma ovale in 61 dogs monitored for three years through collections of ticks and blood, interviews, telemetry and camera traps in three areas of Serra do Mar State Park, Brazil. Blood samples were used to investigate infection by Rangelia vitalii by real-time TaqMan PCR and Rickettsia parkeri by IIFA. The collected ticks were submitted to conventional PCR to investigate the presence of R. parkeri . These data were compared with the monitoring results and interviews with the owners. Dogs considered as companion presented a risk of infection by R. parkeri strain Mata Atlantica 5.4 times higher than those not considered as companion (p = 0.009). Dogs that had at least one A. ovale collected during the campaigns had a 10 times higher risk of infection by R. parkeri strain Mata Atlantica than those who did not (p = 0.009). One dog positive for R. vitalii by real-time TaqMan PCR was parasitized by A. ovale frequently during monitoring. Sequenced ompaA - positive DNA samples had 100% identity of R. parkeri strain Mata Atlantica clone As106. From the findings, it is urgent to control domestic dogs around rainforests to reduce zoonoses transmission.

Resumo A ocorrência de doenças transmitidas por Amblyomma ovale em 61 cães monitorados por três anos através de coletas de carrapatos, sangue, entrevistas, telemetria e armadilhas fotográficas foi avaliada em três áreas do Parque Estadual da Serra do Mar - SP. Amostras de sangue foram utilizadas para investigação de Rangelia vitalii através de PCR TaqMan em tempo real e Rickettsia parkeri através da RIFI. Carrapatos coletados foram submetidos à PCR convencional para investigação de R. parkeri . Estes dados foram comparados considerando os resultados do monitoramento e entrevistas. Cães de companhia apresentaram risco de infecção pela R. parkeri cepa Mata Atlântica 5,4 vezes maior que os não considerados como de companhia (p = 0,009). Cães que tiveram pelo menos um A. ovale coletado apresentaram risco de infecção por R. parkeri cepa Mata Atlântica 10 vezes maior do que aqueles que não tiveram (p = 0,009). Um cão positivo para R. vitalii através de PCR TaqMan em tempo real foi parasitado por A. ovale durante o monitoramento. Amostras positivas para o gene ompaA possuíam 100% de identidade do clone As106 de R. parkeri cepa de Mata Atlântica. Assim, é urgente o controle de cães na Mata Atlântica para redução dos riscos de zoonoses.
Descritores: Rickettsia/isolamento & purificação
Infecções por Rickettsia/veterinária
Ixodidae/microbiologia
Doenças do Cão/epidemiologia
-Rickettsia/classificação
Rickettsia/genética
Infecções por Rickettsia/diagnóstico
Infecções por Rickettsia/epidemiologia
Telemetria
Brasil/epidemiologia
DNA Bacteriano/análise
Reação em Cadeia da Polimerase
Análise de Sequência de DNA
Técnica Indireta de Fluorescência para Anticorpo
Doenças do Cão/diagnóstico
Doenças do Cão/microbiologia
Floresta Úmida
Limites: Animais
Cães
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Costa Rica
Texto completo
Texto completo
Id: lil-791461
Autor: Araya Gómez, Vivien; Trejos Montoya, Andrés.
Título: Rehabilitacion cardiaca / Cardiac Rehabilitation
Fonte: Rev. costarric. cardiol;16(2):3-4, jul.-dic. 2014.
Idioma: es.
Descritores: Centros de Reabilitação
Telemetria
Doenças Cardiovasculares
Costa Rica
Reabilitação Cardíaca
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: CR1.1 - BINASSS - Biblioteca Nacional de Salud y Seguridad Social


  6 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-233870
Autor: Abatti, Paulo J; Schneider Junior, Bertoldo; Maranhäo, Joël Mario.
Título: Biotelemetria com implante passivo utilizando técnica de sobre-acoplamento / Biotelemetry with passive implant using overcoupling thechnical
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.564-564, ilus, graf.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: A possibilidade de se utilizar uma única bobina externa para alimentar e receber os dados de uma unidade implantável, que possui três bobinas (uma para alimentação e duas para comunicação usando sobre-acoplamento indutivo) é discutida em detalhes. Resultados experimentais mostrando que o arranjo é pouco dependente de desalinhamentos são também apresentados.
Descritores: Telemetria
Fontes Geradoras de Energia
-Temperatura
Calibragem
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.62


  7 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-233869
Autor: Abatti, Paulo J; Schneider Junior, Bertoldo; Hara, Marcos Santos; Maranhäo, Joël Mario.
Título: Sistema biotelemétrico passivo implantável para termometria localizada / Implantable passive biotelemetric system to localized thermometry
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.562-562, ilus.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: Neste trabalho é descrito o princípio de funcionamento de um sistema de biotelemetria para medição de temperatura interna localizada. O sistema é composto por uma unidade implantável passiva, um dispositivo de processamento e transmissão externo localizado junto ao corpo e uma unidade remota conectada a um micro computador para registro e processamento dos dados.
Descritores: Telemetria
Processamento Eletrônico de Dados/estatística & dados numéricos
Termômetros
-Temperatura Corporal/fisiologia
Materiais Biocompatíveis
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.61


  8 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-999370
Autor: Baggio Junior, José Mário; Mosquera, Joubert Ariel Pereira; Moura, Ewandro Luiz Rey; Gomes, Luís Gustavo Ferreira; Gali, Wagner Luís; Sarabanda, Álvaro Valentim Lima.
Título: Desafio em Estimulação Cardíaca Artificial: qual o diagnóstico? / Challenge in Artificial Heart Pacing: What is the diagnosis?
Fonte: RELAMPA, Rev. Lat.-Am. Marcapasso Arritm;31(4):179-182, out.-dez. 2018. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Estimulação Cardíaca Artificial/métodos
Comorbidade
-Marca-Passo Artificial
Arritmias Cardíacas
Telemetria
Eletrocardiografia/métodos
Átrios do Coração
Limites: Humanos
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  9 / 55 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-741084
Autor: Paula, T A R; Araujo, G R; Deco-Souza, T; Csermak Jr, A C; Bergo, L C F; Mantovani, J E; Silva, L C; Magaldi, R C F; Trece, A S; Caliman, J P.
Título: Aspectos do uso territorial por onça parda (Puma concolor), através de monitoramento via satélite, na região do Parque Estadual da Serra do Brigadeiro, MG / Aspects of territorial use of the Cougar (Puma concolor), by satelite monitoring, in the Parque Estadual da Serra do Brigadeiro, MG
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec;67(1):80-88, 2/2015. graf, fig.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se com o presente estudo monitorar o comportamento do uso territorial de um macho de onça parda, capturado no Parque Estadual da Serra do Brigadeiro (PESB), por meio da telemetria, usando colar de GPS via Satélite Globalstar. O monitoramento de doze meses resultou na transmissão via satélite de 328 localizações, as quais sugerem que a área utilizada por esse felino seja de aproximadamente 610km2, sendo esta a maior área já descrita para a espécie. Foi possível observar que apenas 20% das localizações ocorreram dentro da área do PESB. O comportamento territorial observado neste trabalho mostra a vulnerabilidade do animal a ações antrópicas, como a caça, atropelamentos e o contato com patógenos entre animais silvestres e domésticos. Observou-se também que duas rodovias configuram barreiras artificiais para o deslocamento do animal, possivelmente impedindo o fluxo gênico entre o PESB e dois outros importantes parques. Com os dados levantados é possível a sugestão de ações de manejo, como a criação de uma conectividade efetiva entre o PESB, o Parque Estadual do Rio Doce e o Parque Nacional do Caparaó, o que poderia contribuir para o intercâmbio genético entre as populações e, dessa forma, favorecer a conservação não somente da onça parda.

We aimed to study the territorial behavior of a male cougar, captured in the Parque Estadual da Serra do Brigadeiro (PESB), using a GPS collar and the Globalstar Satellite. Monitoring the animal for nine months we obtained 328 locations. The data suggest that the area used by this feline is approximately 610km2, the largest area described for this specie. It was also possible to observe that only 20% of the locations of the animal occurred within the PESB area. The territorial behavior observed in this study shows the vulnerability of the animal to human activities such as hunting, road kill and contact with pathogens from domestic animals. It was also observed that two roads constitute artificial barriers for animal movement, possibly preventing gene flow between the PESB and two other parks. The creation of an effective connectivity between the PESB, the Parque Estadual do Rio Doce and the Parque Nacional do Caparaó is critical to ensure genetic exchange between the animal populations and thereby promote their conservation.
Descritores: Telemetria/estatística & dados numéricos
Telemetria/veterinária
Puma/crescimento & desenvolvimento
-Territorialidade
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 55 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-895127
Autor: Oyanedel, Alejandra; Habit, Evelyn; Belk, Mark C; Solis-Lufí, Katherin; Colin, Nicole; Gonzalez, Jorge; Jara, Alfonso; Muñoz-Ramírez, Carlos. P.
Título: Movement patterns and home range in Diplomystes camposensis (Siluriformes: Diplomystidae), an endemic and threatened species from Chile
Fonte: Neotrop. ichthyol;16(1):e170134, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: We document movement patterns and home range of Diplomystes camposensis, an endemic and threatened freshwater catfish from Chile. We tracked the movements of seven individuals of different body size (13.5 to 19 cm SL) using portable radio telemetry equipment to investigate movement patterns in relation to day/night activity and habitat use in the San Pedro River (Valdivia Basin). Tracked movements and model-based analyses revealed that D. camposensis has a large home range and high mobility. The average home range was 0.068163 ± 0.033313 km2, and the average area of higher activity was 0.005646 ± 0.011386 km2. The mean linear home range was 387.4 m. The results also showed that movements were longer during the night, supporting nocturnal habits. Movements tended to be in an upstream direction for some individuals, although these differences were not significant when data was pooled. Large home range and movements suggest that the species may require large river areas to meet ecological demands, an aspect that could be severely affected by fragmentation. These results, along with previously published genetic data, suggest that the conservation of D. camposensis would be seriously threatened by hydromorphological alterations (e.g. lack of connectivity), such as those resulting from dam building.(AU)

En este trabajo documentamos patrones de movimiento y estimación de ámbito de hogar de Diplomystes camposensis, un siluriforme endémico y amenazado del Sur de Chile. Por medio de radio telemetría, se monitorearon 7 individuos con un rango de tamaño entre 13.5 y 19 cm de longitud estándar, para evaluar patrones de movimiento con respecto al uso de hábitat y tiempo de actividad (dia/noche) en la zona del Río San Pedro, Cuenca del Río Valdivia. Los resultados muestran que D. camposensis tiene un ámbito de hogar grande y una alta movilidad. El ámbito de hogar fue de 0.068163 ± 0.033313 km2 con un área promedio de mayor actividad de 0.005646 ± 0.011386 km2. El ámbito de hogar lineal medio fue de 387.4 m. Los resultados también mostraron que la especie presenta una mayor actividad por la noche y una tendencia hacia un mayor flujo de movimiento en dirección aguas arriba, aunque esto último no fue significativo. Un ámbito de hogar grande y su alta movilidad sugieren que la especie podría requerir de amplias zonas del río para satisfacer sus demandas ecológicas. Al igual que estudos previos con datos genéticos, estos resultados sugieren que la especie D. camposensis se vería perjudicada por alteraciones en la hidromorfología del cauce (e.g. falta de conectividad) tales como aquellas que resulten de la construcción de represas.(AU)
Descritores: Peixes-Gato/crescimento & desenvolvimento
Espécies em Perigo de Extinção/tendências
Telemetria/veterinária
-Ecossistema
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice



página 1 de 6 ir para página                
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde