Base de dados : LILACS
Pesquisa : E01.370.685 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 74 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 8 ir para página                    

  1 / 74 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Texto completo
Id: biblio-960986
Autor: Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros; Silva, Talita de Cássia Raminelli da; Siqueira, Hilze Benigno de Oliveira Moura; Saltareli, Simone; Gomez, Rodrigo Ramon Falconi; Hortense, Priscilla.
Título: Pain from the life cycle perspective: Evaluation and Measurement through psychophysical methods of category estimation and magnitude estimation / A dor desde a perspectiva do ciclo de vida: avaliação e medição através de métodos psicofísicos de estimação de categoria e magnitude / El dolor desde la perspectiva del ciclo de vida: evaluación y medición a través de métodos psicofísicos de estimación de categoría y de magnitud
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);24:e2769, 2016. tab.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: Abstract Objective: to describe acute and chronic pain from the perspective of the life cycle. Methods: participants: 861 people in pain. The Multidimensional Pain Evaluation Scale (MPES) was used. Results: in the category estimation method the highest descriptors of chronic pain for children/ adolescents were "Annoying" and for adults "Uncomfortable". The highest descriptors of acute pain for children/adolescents was "Complicated"; and for adults was "Unbearable". In magnitude estimation method, the highest descriptors of chronic pain was "Desperate" and for descriptors of acute pain was "Terrible". Conclusions: the MPES is a reliable scale it can be applied during different stages of development.

Resumo Objetivo: descrever a dor aguda e a crônica na perspectiva do ciclo vital. Métodos: participaram 861 pessoas com dor. Foi utilizada a Escala Multidimensional de Avaliação da Dor (EMADOR). Resultados: no método da estimação de categoria o descritor da dor crônica de maior atribuição para crianças e adolescentes foi "Chata" e para adultos foi "Desconfortável". Os descritores de maior atribuição para dor aguda em crianças e adolescentes foram "Complicada" e em adultos "Insuportável". No método de estimação de magnitude, o descritor de maior atribuição na dor crônica foi "Atormentadora" e na dor aguda foi "Terrível". Conclusões: a EMADOR é uma escala confiável e pode ser utilizada nas diferentes etapas do desenvolvimento humano.

Resumen Objetivo: la descripción del dolor agudo y crónico desde las perspectiva del ciclo de vida. Métodos: participaron 861 personas con dolor. Se utilizó la Escala Multidimensional de Evaluación del Dolor (EMEDOR). Resultados: en el método de estimación de categoría el descriptor de dolor crónico más alto para niños y adolescentes fue de Molesto y para adultos fue Incómodo. Los descriptores mayores de dolor agudo para niños y adolescentes fueron Complejo y para adultos Insoportable. En el método de estimación de magnitud, el mayor descriptor de dolor crónico fueron Atormentador y el mayor de dolor agudo fue Terrible. Conclusiones: la EMEDOR es una escala confiable y puede ser utilizada en diferentes etapas de desarrollo.
Descritores: Medição da Dor/métodos
Dor Aguda/diagnóstico
Dor Crônica/diagnóstico
-Psicofísica
Medição da Dor/psicologia
Estudos Transversais
Fatores Etários
Dor Aguda/psicologia
Dor Crônica/psicologia
Limites: Humanos
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  2 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Silva, José Aparecido da
Texto completo
Id: lil-385256
Autor: Kamizaki, Ricardo; Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros; Silva, José Aparecido da.
Título: Comparação entre os métodos psicofísicos escalares de estimação de magnitudes e de estimação de categoria da gravidade de quadros clínicos / Comparison between the psychophysical methods of magnitude and categories estimation of illness seriousness
Fonte: Rev. latinoam. enferm;8(4):95-102, ago. 2000. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Neste estudo, 15 diagnósticos foram selecionados e avaliados pelo método de estimação de magnitude e de categoria. Os instrumentos foram aplicados em 46 participantes (20 enfermeiros, 16 psicólogos e 10 médicos). Os resultados indicam que a escala psicofísica dos quadros clínicos é um contínuo protético, além da confirmação da validade da Lei de Ekman também para contínuos não métricos.
Descritores: Diagnóstico da Situação de Saúde
Índices de Gravidade do Trauma
Psicofísica/métodos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Texto completo
Id: lil-427538
Autor: Guirardello, Edinêis de Brito; Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros.
Título: Mensuração da atenção dirigida do enfermeiro: comparação entre três métodos psicofísicos / Measurement of nurses directed care: comparison among three psychophysics methods
Fonte: Rev. latinoam. enferm;8(3):108-114, jul. 2000. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O grau de atenção dirigida requerido pelo enfermeiro que atua em unidades de cuidados críticos foi avaliado e comparado com o uso de três métodos psicofísicos diferentes: estimativa de magnitudes, estimativa de categorias e estimativa de postos. A amostra constituiu-se de 29 participantes com idades entre 25 a 44 anos. Os dados permitiram concluir que: a) houve concordância significativa entre os participantes para as diferentes situações, com coeficiente de Kendall (W) igual a 0,83 (p < 0,0016); b) os resultados obtidos com o escalonamento de estimativa de magnitudes confirmam a superioridade desse tipo de escalonamento quando comparado aos demais; c) o contínuo de atenção dirigida (não métrico) possui características de contínuo protético.
Descritores: Avaliação de Desempenho Profissional
Enfermeiras e Enfermeiros
Enfermeiros
Prática Profissional
Psicofísica
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  4 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Texto completo
Id: lil-427498
Autor: Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros.
Título: Percepção social do enfermeiro / Category estimation of nurses' social perception
Fonte: Rev. latinoam. enferm;8(1):31-34, jan. 2000. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste experimento foi escalonar a percepção social do enfermeiro pelo método psicofísico de estimação de categorias. Para tal, foram convidados estudantes universitários das áreas de Psicologia, Enfermagem, Odontologia e Medicina. Os resultados mostraram: 1) em nosso meio o traço asseado exerce um papel de centralidade, o qual juntamente com o traço responsável servem como estereótipo do enfermeiro e 2) as altas correlações entre as estimativas de categorias dos subgrupos refletem uma grande concordância nos graus de atribuições dados pelas diferentes amostras de estudantes universitários aos traços que caracterizam o profissional enfermeiro, indicando que as estimativas são estáveis entre as amostras.
Descritores: Enfermeiras e Enfermeiros
Enfermeiros
Percepção Social
Psicofísica
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  5 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Silva, José Aparecido da
Texto completo
Id: lil-277550
Autor: Kamizaki, Ricardo; Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros; Sant'ana, Roberta P. M; Silva, José Aparecido da.
Título: Estimaçäo de magnitude da gravidade de quadros clínicos: um enfoque da psicofísica clínica / Magnitude estimation of the severity of clinical illness: a psychophysical approach
Fonte: Rev. latinoam. enferm;7(2):55-62, abr. 1999. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Neste experimento a gravidade de quadros clínicos foi avaliada através do método psicofísico de estimaçäo de magnitudes. Os objetivos deste experimento foram: 1) Comparar as escalas derivadas de julgamentos de razäo (estimativas de magnitudes) feitos por três diferentes amostras brasileiras; 2) Verificar a estabilidade e a concordância das estimativas da gravidade de quadros clínicos julgada no Brasil, E.U.A. e Inglaterra. Para tal foram convidados profissionais atuantes nas áreas de Psicologia, Enfermagem e Medicina. O coeficiente de correlaçäo de Pearson entre os grupos foram 0,92 a menor e 0,94 a maior. Os expoentes encontrados entre as amostras brasileira e americana foi de 1,22 e entre as amostras brasileira e inglesa foi de 1,15.
Descritores: Índice de Gravidade de Doença
-Psicofísica
Limites: Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  6 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Silva, José Aparecido da
Texto completo
Id: lil-277137
Autor: Sousa, Fátima Aparecida E. Faleiros; Silva, José Aparecido da.
Título: Validaçäo da escala de razäo de prestígio profissional do enfermeiro através do método de emparelhamento intermodal / Ratio scaling validation of nurse's professional prestige through cross-modality method
Fonte: Rev. latinoam. enferm;7(1):27-37, jan. 1999. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O prestigío social de profissöes de nível superior foi escalonado pelos métodos de estimaçäo de magnitude, emparelhamento intermodal com comprimentos de linhas e forças dinamométricas. Todos os 22 sujeitos julgaram o prestígio social através dos 3 métodos. Os resultados mostraram: 1) uma alta correlaçäo (w=0,94) entre os graus de prestígio social atribuídos às profissöes, (2) os expoentes da funçäo de potência obtidos pelos emparelhamentos intermodais aos prestígios atribuídos às profissöes foram de valores próximos daqueles preditos pelos emparelhamentos intermodais dos contínuos sensoriais de comprimento de linha e forças dinamométricas e próximos daqueles obtidos nos experimentos de calibraçäo envolvendo estes dois contínuos sensoriais. Em funçäo desses dados podemos concluir: 1) o contínuo de prestígio social é quantitativo ou protético, 2) o contínuo de prestígio produz escala de razäo e pode ser mensurado popr métodos psicofísicos diretos.
Descritores: Enfermagem
Psicofísica
Limites: Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  7 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Silva, José Aparecido da
Texto completo
Id: lil-241928
Autor: Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros; Silva, José Aparecido da.
Título: Uso e aplicaçäo da metodologia psicofísica na pesquisa em enfermagem / Use and application of psychophysical methodology in nursing research
Fonte: Rev. latinoam. enferm;4(2):147-78, jul. 1996. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Conceitos e fenômenos subjetivos, tais como atitudes sociais, opiniöes e processos de julgamentos têm sido difíceis de serem mensurados acuradamente. Muitos conceitos ou variáveis em Enfermagem säo de natureza subjetiva. Como nas ciências sociais, a profissäo de enfermagem enfrenta muitos problemas para obter medidas precisas de tais variáveis. A metodologia psicofísica, especialmente os procedimentos de estimaçäo de magnitude e de emparelhamento intermodal, desenvolvidos na psicofísica sensorial e sendo atualmente usados nas ciências sociais tem se mostrado promissora em enfermagem como um instrumento para escalonar fenômenos subjetivos...
Descritores: Pesquisa em Enfermagem
Psicofísica/métodos
Limites: Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  8 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Texto completo
Id: lil-545428
Autor: Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros; Pereira, Lilian Varanda; Cardoso, Roberta; Hortense, Priscilla.
Título: Multidimensional pain evaluation scale / Escala multidimensional de avaliação de dor (EMADOR) / Escala multidimensional de evaluación del dolor (EMEDOR)
Fonte: Rev. latinoam. enferm;18(1):03-10, Jan.-Feb. 2010. ilus, tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: This study developed a pain evaluation scale and validated it for the Portuguese language. Development of the inventory - 308 readily available pain descriptors - were searched in international literature and validated by six judges. One hundred descriptors of acute pain and 100 descriptors of chronic pain were found, which were used in the next stage. Statistical validation - 493 health professionals and 146 patients experiencing acute and chronic pain participated in the study. Instructions, pain descriptors and respective definitions, pen and measuring tape were provided to participants. Psychophysical methods were used to establish categories, magnitude and cross-modality matching using line-length. Results revealed the ranking of the most frequently used descriptors of acute and chronic pain, with power equal to 0.99, close to the predicted (one), using line-length estimations. The Multidimensional Pain Evaluation Scale is thus validated for the Portuguese language.

Os objetivos deste estudo foram elaborar escala de avaliação de dor e validá-la para a língua portuguesa. Elaboração de inventário - foram pesquisados 308 descritores de dor da literatura mundial e, a partir desses, seis juízes realizaram a validação aparente e de conteúdo. Como resultados foram encontrados 100 descritores de dor aguda e 100 de crônica, os quais foram utilizados na próxima etapa. Validação estatística - participaram 493 profissionais da saúde e 146 portadores de dor aguda e de crônica. Usou-se, como material, instruções aos participantes, descritores de dor e suas definições, caneta e trena. Foram utilizados métodos psicofísicos: estimação de categorias, estimação de magnitudes e emparelhamento intermodal com modalidade em comprimento de linhas. Os resultados mostram escalonamento dos descritores de maior caracterização para a dor aguda e para a dor crônica, tendo sido encontrado expoente igual a 0,99, próximo ao predito (um) ao utilizar comprimentos de linhas e estimativas numéricas. Foi validada para a língua portuguesa a Escala Multidimensional de Avaliação de Dor (EMADOR).

Los objetivos de este estudio fueron elaborar una escala de evaluación del dolor y validarla para la lengua portuguesa. Elaboración de inventario - fueron investigados 308 descriptores del dolor en la literatura mundial y, a partir de estos, seis jueces realizaron la validación aparente y de contenido. Como resultados fueron encontrados 100 descriptores del dolor agudo y 100 del crónico, los cuales fueron utilizados en la próxima etapa. Validación estadística - participaron 493 profesionales de la salud y 146 portadores de dolor agudo y de crónico. Se usó, como material, instrucciones a los participantes, descriptores de dolor y sus definiciones, lápiz y cinta de medir. Fueron utilizados métodos psicofísicos: estimación de categorías, estimación de magnitudes y emparejamiento intermodal con modalidad en largo de líneas. Los resultados muestran escalonamiento de los descriptores de mayor caracterización para el dolor agudo y para el dolor crónico, fue encontrado exponente igual a 0,99, próximo al predicho (uno) al utilizar el largo de líneas y estimativas numéricas. Fue validado para la lengua portuguesa la Escala Multidimensional de Evaluación del Dolor (EMEDOR).
Descritores: Medição da Dor/métodos
-Doença Aguda
Doença Crônica
Idioma
Portugal
Psicofísica
Descritores
Estudos de Validação como Assunto
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 74 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: lil-517220
Autor: Hortense, Priscilla; Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros.
Título: Developing a comparative scale of different nociceptive and neuropathic pain through two psychophysical methods / Escalonamiento comparativo de diferentes dolores nociceptivos y neuropáticos por medio de métodos psicofísicos variados / Escalonamento comparativo de diferentes dores nociceptivas e neuropáticas por meio de métodos psicofísicos variados
Fonte: Rev. latinoam. enferm;17(2):207-214, Mar.-Apr. 2009. tab.
Idioma: en; es; pt.
Resumo: The general aim of this study was to create a comparative scale of different types of pain through different psychophysical methods and different samples. The psychophysical methods used were magnitude estimation and category estimation. The participants were 30 patients from different outpatient clinics, 30 physicians and 30 nurses. The results were: 1) cancer pain, myocardial infarction pain, renal colic, burn-injury pain, and labor pain were considered more intense, regardless of the psychophysical method used or sample studied; 2) The ranking of different pain intensities, comparing the different psychophysical methods used, resulted in significant agreement levels with Kendal values close to 1.00; 3) There were divergences in the perception of the intensities of some types of pain. These divergences were especially observed between professionals and patients.

El objetivo general fue escalonar los diferentes tipos de dolor existentes, comparándolos entre ellos, siendo investigados por medio de diferentes métodos psicofísicos. Los métodos psicofísicos utilizados fueron el método de estimación de magnitudes y el de estimación de categorías. Participaron 30 pacientes de ambulatorio de diferentes clínicas, 30 médicos y 30 enfermeros. Los resultados mostraron que el dolor causado por: cáncer, infarto del miocardio, cólico renal, quemadura y parto, fueron considerados los tipos de dolor de mayor intensidad, independientemente del método psicofísico utilizado o de la muestra estudiada. El orden de posiciones de intensidad de los diferentes tipos de dolor, comparando los diferentes métodos psicofísicos utilizados, resultaron en niveles de concordancia significativa con valores de Kendal próximos de 1,00. Se encontraron divergencias en la percepción de las intensidades de algunos tipos de dolor, estas divergencias fueron observadas principalmente entre profesionales y pacientes.

O objetivo geral foi escalonar os diferentes tipos de dor existentes, comparativamente entre si, sendo investigados por meio de diferentes métodos psicofísicos. Os métodos psicofísicos utilizados foram o método de estimação de magnitudes e o de estimação de categorias. Participaram 30 pacientes ambulatoriais de diferentes clínicas, 30 médicos e 30 enfermeiros. Os resultados mostraram que a dor no câncer, dor por infarto do miocárdio, a dor por cólica renal, dor por queimadura e a dor no parto foram consideradas os tipos de dor de maior intensidade, independente do método psicofísico utilizado ou da amostra estudada. As ordenações de posições da intensidade dos diferentes tipos de dor, comparando os diferentes métodos psicofísicos utilizados, resultaram em níveis de concordância significativa com valores de Kendal próximos de 1,00. Houve divergências na percepção das intensidades de alguns tipos de dor, essas divergências foram observadas principalmente entre profissionais e pacientes.
Descritores: Medição da Dor/métodos
Dor/diagnóstico
Dor/etiologia
-Doenças do Sistema Nervoso/complicações
Nociceptores
Medição da Dor/psicologia
Psicofísica
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 74 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: lil-494200
Autor: Hortense, Priscilla; Zambrano, Érika; Sousa, Fátima Aparecida Emm Faleiros.
Título: Validation of the ratio scale of the differents types of pain / Validación de la escala de razón de los diferentes tipos de dolor / Validação da escala de razão dos diferentes tipos de dor
Fonte: Rev. latinoam. enferm;16(4):720-726, jul.-ago. 2008. graf, tab.
Idioma: en; es; pt.
Resumo: The main aim was to validate the ratio scale derived from the non-metric continuum of the intensity of the different types of pain using cross-modality matching. Magnitude estimation method and cross-modality matching were used with perceived line lengths. The study was formed by 30 outpatients from various specialty clinics, 30 physicians and 90 nurses. The results were: Cancer Pain, Myocardium Infarct Pain, Renal Colic, Burn Injury Pain, and Childbirth Labor Pain were regarded as the pains of greater intensity; the rank order of pain intensity for the different types of pain, comparing the different psychophysical methods used resulted in levels of significant agreement. The conclusion was that the relation between the magnitude estimates and cross modality matching estimates of the line-lengths is a power function, and the scale for the different types of pain is valid, stable and consistent.

El objetivo general fue validar la escala de razón derivada para el continuo no métrico de intensidad de los diferentes tipos de dolor por medio del método de emparejamiento intermodal. Fueron utilizados los métodos de estimación de magnitud y de emparejamiento intermodal con la modalidad de respuesta en largo de líneas. Participaron 30 pacientes de ambulatorio de diferentes clínicas, 30 médicos y 30 enfermeros. Los resultados mostraron: Dolor en el Cáncer, Dolor por Infarto del Miocardio, Dolor por Cólico Renal, Dolor por Quemadura y Dolor en el Parto; que fueron considerados los tipos de dolor de mayor intensidad; el orden de las posiciones de la intensidad de los diferentes tipos de dolor, cuando se compara los diferentes métodos psicofísicos utilizados, resultó en niveles de concordancia significativa. Concluimos que la relación entre las estimativas de magnitudes y las estimativas de largo de líneas es una función exponencial y la escala de los diferentes tipos de dolor es válida, estable y consistente.

O objetivo geral foi validar a escala de razão derivada para o contínuo não métrico de intensidade dos diferentes tipos de dor, por meio do método de emparelhamento intermodal. Foram utilizados os métodos de estimação de magnitude e de emparelhamento intermodal com a modalidade de resposta em comprimento de linhas. Participaram 30 pacientes ambulatoriais de diferentes clínicas, 30 médicos e 30 enfermeiros. Os resultados mostraram dor no câncer, dor por infarto do miocárdio, dor por cólica renal, dor por queimadura e dor no parto, considerados os tipos de dor de maior intensidade; as ordenações de posições da intensidade dos diferentes tipos de dor, comparando os diferentes métodos psicofísicos utilizados, resultaram em níveis de concordância significativos. Conclui-se que a relação entre as estimativas de magnitudes e as estimativas de comprimento de linhas é uma função de potência e a escala dos diferentes tipos de dor é válida, estável e consistente.
Descritores: Limiar da Dor
Medição da Dor
Psicofísica
Limites: Humanos
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central



página 1 de 8 ir para página                    
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde