Base de dados : LILACS
Pesquisa : E02.897 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 159 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 16 ir para página                         

  1 / 159 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1087832
Autor: Maldonado Rueda, Silvia Juliana; Marzal Guerra, Elsa Emilia; Delgado-Serrano, Josué; Cepeda-Bareño, Daniel Felipe; Oviedo Cáceres, María del Pilar.
Título: Percepciones sobre el conocimiento de la detección temprana de la ambliopía de médicos generales y pediatras de Bucaramanga / Perceptions on knowledge about the early detection of amblyopia among general practitioners and pediatricians in Bucaramanga / Percepções sobre o conhecimento da detecção precoce de ambliopia de médicos gerais e pediatras de Bucaramanga
Fonte: MedUNAB;23(1):62-71, 2020/03/30.
Idioma: es.
Resumo: Introducción. La ambliopía es un desorden visual originado durante el desarrollo cortical considerándose la causa de ceguera prevenible más frecuente. El diagnóstico y tratamiento temprano han demostrado ser efectivos; sin embargo, su detección es tardía debido, en parte, a falta de conocimiento. El objetivo del presente artículo es describir las percepciones sobre el conocimiento de médicos generales y pediatras en Bucaramanga acerca de la detección temprana de la ambliopía. Metodología. Se realizó un estudio cualitativo descriptivo de tipo exploratorio, utilizando como técnica entrevistas semi-estructuradas a 20 profesionales de la salud, para ello se usó el enfoque de Taylor y Bogdan. Resultados. Las entrevistas permitieron identificar dos categorías: falencias en el proceso de formación del pregrado y posgrado, y barreras de infraestructura para la realización de valoración visual; además de cuatro subcategorías entre las que se identifican conceptos erróneos sobre la ambliopía, falta de claridad sobre la edad oportuna para la realización de la valoración visual de primera vez, así como imaginarios errados relacionados con la valoración y remisión a servicios especializados de optometría y oftalmología. Discusión. El estudio permitió develar la falta de conocimientos de los profesionales de la salud y las distintas causas que contribuyen a esta problemática, así como la importancia del fortalecimiento de este tema en los currículos. Conclusión. Es necesario fortalecer el conocimiento de los médicos generales y pediatras con el fin de detectar precozmente los niños en riesgo de ambliopía y reducir la carga de la enfermedad. Cómo citar: Maldonado Rueda SJ, Marzal Guerra EE, Delgado-Serrano J, Cepeda-Bareño DF, Oviedo Cáceres MP. Percepciones sobre el conocimiento de la detección temprana de la ambliopía de médicos generales y pediatras de Bucaramanga. MedUNAB. 2020;23(1):62-71. doi:10.29375/01237047.3782

Introduction. Amblyopia is a visual disorder that arises during cortical development, and is considered the most frequent cause of preventable blindness. Early diagnosis and treatment have been demonstrated to be highly effective. However, it is often detected at a late stage, partly due to lack of knowledge. The purpose of this article is to describe the perceived knowledge of general practitioners and pediatricians in Bucaramanga on the early detection of amblyopia. Methodology. A descriptive, qualitative exploratory study was performed, by means of semistructured interviews of 20 healthcare professionals, using the approach suggested by Taylor and Bogdan. Results. The interview results found two types of issues: shortcomings in undergraduate and graduate training, lack of infrastructure to perform the visual assessment. It also detected four sub-categories, including incorrect concepts about amblyopia, lack of clarity about the right age to perform the first-time visual assessment, and erroneous beliefs about the assessment and referral to specialized optometry and ophthalmology services. Discussion. The study found gaps in knowledge by healthcare professionals as well as the different contributing factors to this problem, and indicates the importance of strengthening this subject in the curricula. Conclusion. It is necessary to strengthen knowledge among general practitioners and pediatricians to enable the early detection of children at risk of amblyopia and reduce the burden of this disease. Cómo citar: Maldonado Rueda SJ, Marzal Guerra EE, Delgado-Serrano J, Cepeda-Bareño DF, Oviedo Cáceres MP. Percepciones sobre el conocimiento de la detección temprana de la ambliopía de médicos generales y pediatras de Bucaramanga. MedUNAB. 2020;23(1):62-71. doi:10.29375/01237047.3782

Introdução. A ambliopia é um transtorno visual causado durante o desenvolvimento cortical, considerado a causa mais frequente de cegueira evitável. O diagnóstico e o tratamento precoce provaram ser eficazes; no entanto, sua detecção é tardia devido, em parte, à falta de conhecimento. O objetivo deste artigo é descrever as percepções sobre o conhecimento de médicos gerais e pediatras em Bucaramanga a respeito da detecção precoce da ambliopia. Métodos. Foi realizado um estudo descritivo, exploratório e qualitativo, utilizando entrevistas semiestruturadas com 20 profissionais de saúde, fazendo uso da abordagem de Taylor e Bogdan. Resultados. As entrevistas permitiram identificar duas categorias, falhas no processo de formação dos graduandos e pósgraduandos, barreiras de infraestrutura para realizar avaliação visual e quatro subcategorias, entre as quais estão: conceitos errôneos sobre a ambliopia, falta de clareza sobre a idade apropriada para realizar a primeira avaliação visual, bem como uma valoração errônea relacionada com a avaliação e encaminhamento para serviços especializados de optometria e oftalmologia. Discussão. O estudo revelou o desconhecimento dos profissionais da saúde e as diferentes causas que contribuem para esse problema, bem como a importância de fortalecer essa questão nos currículos. Conclusão. É necessário ampliar o conhecimento dos médicos gerais e pediatras na detecção precoce das crianças em risco de ambliopia e reduzir a carga da doença. Cómo citar: Maldonado Rueda SJ, Marzal Guerra EE, Delgado-Serrano J, Cepeda-Bareño DF, Oviedo Cáceres MP. Percepciones sobre el conocimiento de la detección temprana de la ambliopía de médicos generales y pediatras de Bucaramanga. MedUNAB. 2020;23(1):62-71. doi:10.29375/01237047.3782
Descritores: Ambliopia
-Optometria
Pediatria
Acuidade Visual
Conhecimento
Prevenção Secundária
Responsável: CO179.1 - Biblioteca


  2 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1055341
Autor: Savitz, Adam J; Xu, Haiyan; Gopal, Srihari; Nuamah, Isaac; Mathews, Maju; Soares, Bernardo.
Título: Efficacy and safety of paliperidone palmitate 3-month formulation in Latin American patients with schizophrenia: A subgroup analysis of data from two large phase 3 randomized, double-blind studies
Fonte: Braz. J. Psychiatry (São Paulo, 1999, Impr.);41(6):499-510, Nov.-Dec. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Objective: To analyze the efficacy and safety of paliperidone palmitate 3-monthly (PP3M) in Latin American patients with schizophrenia vs. rest-of-world (ROW). Methods: We analyzed data from two multinational, double-blind (DB), randomized, controlled phase 3 studies including patients with schizophrenia (DSM-IV-TR) previously stabilized on PP1M/PP3M (open-label [OL] phase). Patients were randomized to PP3M or PP1M (noninferiority study A) and PP3M or placebo (study B) in DB phase. The subgroup analysis included Latin American (Argentina, Brazil, Colombia, Mexico) patients. Primary efficacy endpoints were relapse-free rates (study A) and time-to-relapse (study B). Results: In study A, 63/71 (88.7%) and in study B 38/43 (88.4%) Latin American patients completed the DB phase. In study A, relapse-free percentage was similar in Latin America (PP3M: 97%, PP1M: 100%) and ROW (PP3M: 91%, PP1M: 89%). In study B, median time-to-relapse was not estimable in the Latin American subgroup for either placebo or PP3M groups, nor for the ROW PP3M group; the median time-to-relapse in the ROW placebo group was 395 days. Caregiver burden improved in patients switching from oral antipsychotics (OL baseline) to PP3M/PP1M in DB phase (Involvement Evaluation Questionnaire score mean ± SD change, -9.4±15.16; p < 0.001). Treatment emergent adverse events with PP3M during DB phase were similar in Latin America (study A: 24/34 [70.6%]; study B: 15/21 [71.4%]) and ROW (study A: 318/470 [67.7%]; study B: 84/139 [60.4%]) subgroups. Conclusion: PP3M was efficacious and showed no new safety concerns in patients with schizophrenia from Latin America, corroborating ROW findings. Clinical trial registration: NCT01515423, NCT01529515
Descritores: Esquizofrenia/tratamento farmacológico
Antipsicóticos/administração & dosagem
Palmitato de Paliperidona/administração & dosagem
-Recidiva
Fatores de Tempo
Efeito Placebo
Método Duplo-Cego
Inquéritos e Questionários
Reprodutibilidade dos Testes
Resultado do Tratamento
Estimativa de Kaplan-Meier
Prevenção Secundária
América Latina
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Idoso
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-952273
Autor: Tesser, Charles Dalcanale; d'Ávila, Thiago Luiz de Campos.
Título: Por que reconsiderar a indicação do rastreamento do câncer de mama? / Why reconsider the recommendation of breast cancer screening? / ¿Por qué reconsiderar la indicación del rastreo del cáncer de mama?
Fonte: Cad. Saúde Pública (Online);32(5):e00095914, 2016. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: CNPq.
Resumo: Resumo: O objetivo deste artigo foi discutir a recomendação do rastreamento mamográfico do câncer de mama e suas bases técnicas. A primeira parte tece considerações sobre critérios de decisão, que devem ser coerentes com evidências científicas de alta qualidade. A segunda discute o sobrediagnóstico, o maior dano do rastreamento, e seu significado questionador do modelo da história natural da doença. A terceira parte sintetiza estudos sobre eficácia, efetividade e danos do rastreamento, mostrando que os últimos (principalmente sobrediagnósticos e falsos positivos) são significativos e tornam a balança entre danos e benefícios duvidosa. Conclui-se que a recomendação de rastreamento mamográfico deve ser reconsiderada pelas autoridades sanitárias brasileiras em qualquer idade.

Abstract: The aim of this article was to discuss the recommendation of mammogram screening for breast cancer and its technical basis. The first part discusses criteria for the decision, which should be consistent with high-quality scientific evidence. The second part discusses over-diagnosis (the greatest harm of screening) and its meaning in questioning the natural history of disease model. The third part summarizes studies on the efficacy, effectiveness, and harms of screening, showing that the latter (especially over-diagnosis and false-positives) are significant, shedding doubt on the balance between harms and benefits. In conclusion, the recommendation of mammogram screening at any age should be reconsidered by Brazilian health authorities.

Resumen: El objetivo de este artículo fue discutir la recomendación del rastreo mamográfico del cáncer de mama y sus bases técnicas. La primera parte abarca consideraciones sobre criterios de decisión, que deben ser coherentes con evidencias científicas de alta calidad. La segunda parte discute sobre el diagnóstico, el mayor daño del rastreo, y su significado como cuestionador del modelo de la historia natural de la enfermedad. La tercera parte sintetiza estudios sobre eficacia, efectividad y daños del rastreo, mostrando que los últimos (principalmente sobre diagnósticos y falsos-positivos) son significativos y hacen que el equilibrio entre daños y beneficios sea dudoso. Se concluye que la recomendación de rastreo mamográfico debe ser reconsiderada por las autoridades sanitarias brasileñas en cualquier edad.
Descritores: Neoplasias da Mama/diagnóstico por imagem
Mamografia
Detecção Precoce de Câncer
-Brasil/epidemiologia
Neoplasias da Mama/mortalidade
Neoplasias da Mama/prevenção & controle
Programas de Rastreamento
Tomada de Decisões
Prevenção Secundária
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1088075
Autor: Berrocal, Daniel.
Título: [¿Por cuánto tiempo se indica la terapia con doble antiagregación plaquetaria luego de la implantación de un Stent coronatio? ¿La duración es fija o se puede individualizar según el contexto clínico?] / [How long is double platelet antiaggregation therapy indicated after coronary stent implantation? Is the duration fixed or can it be individualized according to the clinical context?]
Fonte: Rev. Hosp. Ital. B. Aires (2004);37(3), Sept. 2017. ilus..
Idioma: es.
Descritores: Inibidores da Agregação de Plaquetas/administração & dosagem
Inibidores da Agregação de Plaquetas/uso terapêutico
-Trombose/prevenção & controle
Heparina/uso terapêutico
Angioplastia/reabilitação
Prevenção Secundária
Stents Metálicos Autoexpansíveis/tendências
Hemorragia/complicações
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Carta
Responsável: AR2.1 - Biblioteca Central


  5 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-566897
Autor: Melo, Maria Carmen Simões Cardoso de.
Título: Mulheres em risco familiar para o câncer de mama: uma hermenêutica da prevenção secundária / The woman under familiar risk for the breast cancer: a hermeneutics of the secondary prevention.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; dez. 2009. 172f p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal do Rio de Janeiro. Escola de Enfermagem Anna Nery para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A magnitude do câncer de mama, primeira causa de morte por câncer entre mulheres brasileiras, impõe que sejam valorizados os significados quanto ao saber e ao agir frente à doença e sua detecção precoce. A relação entre a prevenção secundária e a constatação em fase inicial da doença favorecendo os resultados terapêuticos, tem sido mundialmente discutida pela ciência. A elaboração de diretrizes assistenciais, na perspectiva multidisciplinar, inclui ações que podem ser planejadas, orientadas e desenvolvidas pelo enfermeiro. O Consenso para o Controle do Câncer de Mama indica as medidas preventivas e estabelece, pelaocorrência prévia da doença em familiares de primeiro grau, condutas diferenciadas para um grupo de mulheres classificado como em risco familiar, que foram as participantes deste estudo. Com o olhar direcionado à dimensão existencial, buscousedar voz e expressão a este ser-mulher para, a partir do seu quem, de como vivecotidianamente e de seus significados, desvelar o sentido da prevenção secundária....
Descritores: Enfermagem Oncológica
Filosofia em Enfermagem
Neoplasias da Mama/prevenção & controle
Prevenção Secundária
Saúde da Mulher
Limites: Humanos
Feminino
Responsável: BR442.1 - Biblioteca Setorial de Pós-Graduação
BR442.1; D244 EEAN


  6 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1008692
Autor: Levandoski, Gustavo; Trombetta-Zannin, Paulo Henrique.
Título: Percepción del estilo de vida de estudiantes de ingeniería mecánica en la ciudad de Curitiba, Brasil / Perception of the lifestyle of mechanical engineering students in Curitiba, Brazil
Fonte: Mem. Inst. Invest. Cienc. Salud (Impr.);15(1):33-41, abr. 2017. ilus.
Idioma: es.
Resumo: El objetivo de este estudio fue verificar la manera en que los estudiantes universitarios comprenden la percepción de sus hábitos de vida. Esta investigación fue un estudio transversal, con delineamiento descriptivo no probabilístico, realizado en 99 estudiantes universitarios de la carrera de Ingeniería Mecánica de la ciudad de Curitiba, Brasil. Los resultados indicaron que 56,3% de los estudiantes autoevaluaron su de estilo de vida como próximo a hábitos de vida positivos mientras que 66% presentaron indicadores positivos de hábitos saludables que contribuyen al cuidado de la salud. La nutrición para el 57,1% de los estudiantes es el primer componente de elección, en caso de necesitar un cambio de estilo de vida. Desde el punto de vista de los participantes, los cuidados con el estilo de vida no eran una preocupación evidente en esta fase de su vida. Algunos estudiantes afirmaron que, en el futuro, una condición financiera estable posibilitará mejores hábitos de vida

The aim of this study was to investigate the perceptions of university students about their lifestyle habits. The present investigation was a cross-sectional, descriptive and nonprobabilistic study performed on 99 students of Mechanical Engineering from Curitiba, Brazil. The results indicated that 56.3% of students self-assessed their lifestyle habits as close to positive life habits while 66% showed positive indicators of healthy habits contributing to their health care. The nutrition variable was reported by 57.1% as the first component of choice in case they needed a change of lifestyle. Thus, to the study participants, the care with the lifestyle did not represent an evident preoccupation at the stage of their life. Some students declared that a stable future financial condition would allow better life habits.
Descritores: Qualidade de Vida
Estudantes
Estilo de Vida
-Estresse Psicológico/prevenção & controle
Brasil
Exercício Físico
Consumo de Alimentos
Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Engenharia
Prevenção Secundária/educação
Relações Interpessoais
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: PY3.1 - Biblioteca


  7 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-770117
Autor: BUCCHERI, Renata; KASSAB, Maria José; FREITAS, Vera Lucia Teixeira de; SILVA, Sheila Cristina Vicente da; BEZERRA, Rita C; KHOURY, Zarifa; SHIKANAI-YASUDA, Maria Aparecida; VIDAL, José E.
Título: CHAGASIC MENINGOENCEPHALITIS IN AN HIV INFECTED PATIENT WITH MODERATE IMMUNOSUPPRESSION: PROLONGED SURVIVAL AND CHALLENGES IN THE HAART ERA / Meningoencefalite chagásica em paciente infectada pelo HIV com imunodepressão moderada: desafios na era HAART e sobrevida prolongada
Fonte: Rev. Inst. Med. Trop. Säo Paulo;57(6):531-535, Nov.-Dec. 2015. graf.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: The reactivation of Chagas disease in HIV infected patients presents high mortality and morbidity. We present the case of a female patient with confirmed Chagasic meningoencephalitis as AIDS-defining illness. Interestingly, her TCD4+ lymphocyte cell count was 318 cells/mm3. After two months of induction therapy, one year of maintenance with benznidazol, and early introduction of highly active antiretroviral therapy (HAART), the patient had good clinical, parasitological and radiological evolution. We used a qualitative polymerase chain reaction for the monitoring of T. cruzi parasitemia during and after the treatment. We emphasize the potential value of molecular techniques along with clinical and radiological parameters in the follow-up of patients with Chagas disease and HIV infection. Early introduction of HAART, prolonged induction and maintenance of antiparasitic therapy, and its discontinuation are feasible, in the current management of reactivation of Chagas disease.

A reativação da doença de Chagas em pacientes com a infecção pelo HIV apresenta uma alta morbidade e mortalidade. Neste relato, apresentamos caso confirmado de meningoencefalite chagásica, como doença definidora de aids, em paciente com 318 linfócitos T-CD4+/mm3. Após 2 meses de tratamento seguido de um ano de profilaxia secundária com benzonidazol e início precoce de terapia antirretroviral (HAART), a paciente apresentou boa evolução clínica, parasitológica e radiológica. Utilizamos a reação em cadeia da polimerase qualitativa do T. cruzi, para monitorização da parasitemia por T. cruzi durante e após o tratamento. Ressaltamos o valor potencial das técnicas moleculares associadas aos parâmetros clínicos e radiológicos nos pacientes com doença de Chagas e infecção pelo HIV. A introdução precoce da terapia antirretroviral, a terapia antiparasitária prolongada, manutenção e descontinuação da mesma, são desafios atuais, embora possíveis, no manejo da reativação da doença de Chagas na era das terapias antirretrovirais de alta eficácia.
Descritores: Infecções Oportunistas Relacionadas com a AIDS
Doença de Chagas/complicações
Imunossupressores/uso terapêutico
Meningoencefalite
Nitroimidazóis/uso terapêutico
-Infecções Oportunistas Relacionadas com a AIDS/complicações
Infecções Oportunistas Relacionadas com a AIDS/tratamento farmacológico
Infecções Oportunistas Relacionadas com a AIDS/parasitologia
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/complicações
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/tratamento farmacológico
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/parasitologia
Terapia Antirretroviral de Alta Atividade
CDABBREVIATIONS AS TOPIC LYMPHOCYTE COUNT
Doença de Chagas/virologia
Meningoencefalite/tratamento farmacológico
Meningoencefalite/parasitologia
Meningoencefalite
Meningoencefalite/virologia
Prevenção Secundária/métodos
Taxa de Sobrevida
Fatores de Tempo
Tripanossomicidas/uso terapêutico
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-985655
Autor: Souza, Beatriz Tessorolo; Lopes, Maria Carolina Barbosa Teixeira; Okuno, Meiry Fernanda Pinto; Batista, Ruth Ester Assayag; Góis, Aécio Flávio Teixeira de; Campanharo, Cássia Regina Vancini.
Título: Identification of warning signs for prevention of in-hospital cardiorespiratory arrest / Identificação dos sinais de alerta para a prevenção da parada cardiorrespiratória intra-hospitalar / Identificación de las señales de alerta para la prevención de la parada cardiorrespiratoria intrahospitalaria
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);27:e3072, 2019. tab.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: ABSTRACT Objective: to identify the occurrence of warning signs and changes in vital signs in individuals who experienced in-hospital cardiorespiratory arrest and correlate them with the occurrence of this event. Method: this is a retrospective, analytical and quantitative study that included 218 medical records of patients who suffered in-hospital cardiorespiratory arrest and identified warning signs and alterations in vital signs. Mean, standard deviation, median, minimum and maximum values were calculated for the continuous variables, and frequency and percentage for the categorical variables. We compared the age and occurrence of cardiorespiratory arrest with the occurrence of warning signs using the Chi-Square Test and the Mann Whitney non-parametric test (p-value < 0.05). Results: 62.1% of the patients presented signs and symptoms of shock, 44.9% of neurological alteration, 40.4% of malaise, 15.2% presented signs suggestive of acute coronary syndrome, and 25.9% presented mental confusion. In the last measurement of vital signs before cardiorespiratory arrest, the majority of patients had altered abnormal (32.6%) and severely abnormal (23.9%) heart rate, and abnormal (37.1%) and severely abnormal (27.0%) respiratory rate. Conclusion: the warning signs identified were: shock, neurological signs, malaise and acute coronary syndrome. The prevalent changes in vital signs were: heart rate, respiratory rate and O2 saturation. Patients with severely abnormal systolic blood pressure were not discharged and those with abnormal respiratory rate did not survive 6 months after cardiorespiratory arrest.

RESUMO Objetivo: identificar ocorrência dos sinais de alerta e alterações nos sinais vitais em indivíduos com parada cardiorrespiratória intra-hospitalar e correlacioná-los à ocorrência desse evento. Método: estudo retrospectivo, analítico e quantitativo que incluiu 218 prontuários de pacientes que sofreram parada cardiorrespiratória intra-hospitalar e identificados sinais de alerta e alterações nos sinais vitais. Para variáveis contínuas, calculou-se média, desvio padrão, mediana, mínimo e máximo; para as categóricas, frequência e percentual. Comparou-se a idade e ocorrência de parada cardiorrespiratória com ocorrência de sinais de alerta pelo Teste Qui-Quadrado e Teste não paramétrico de MannWhitney (p-valor<0,05). Resultados: 62,1% dos pacientes apresentaram sinais e sintomas de choque, 44,9% neurológicos, 40,4% mal-estar, 15,2% sugestivos de síndrome coronariana aguda e 25,9% confusão mental. Na última mensuração dos sinais vitais antes da parada cardiorrespiratória, a maioria apresentou frequência cardíaca alterada, anormal (32,6%) e severamente anormal (23,9%), frequência respiratória anormal (37,1%) e severamente anormal (27,0%). Conclusão: identificou-se como sinais de alerta: sinais de choque, neurológicos, mal-estar e síndrome coronariana aguda. Alterações nos sinais vitais prevalentes foram: frequência cardíaca, respiratória e saturação de O2. Pacientes com pressão arterial sistólica severamente anormal não receberam alta e aqueles com frequência respiratória anormal não sobreviveram em 6 meses após a parada cardiorrespiratória.

RESUMEN Objetivo: identificar la presencia de señales de alerta y alteraciones en los signos vitales en individuos con parada cardiorrespiratoria intrahospitalaria y correlacionarlos a la ocurrencia de ese evento. Método: estudio retrospectivo, analítico y cuantitativo que incluyó 218 prontuarios de pacientes que sufrieron paro cardiorrespiratorio intrahospitalario e identificados signos de alerta y alteraciones en los signos vitales. Para variables continuas, se calculó la media, desviación estándar, mediana, mínima y máxima; para las categóricas, se calculó la frecuencia y el porcentaje. Se comparó la edad y ocurrencia de parada cardiorrespiratoria con ocurrencia de señales de alerta por el Test Chi-cuadrado y Test no paramétrico de MannWhitney (p-valor <0,05). Resultados: 62,1% de los pacientes presentaron signos y síntomas de shock, 44,9% neurológicos, 40,4% malestar, 15,2% sugestivos de síndrome coronario agudo y 25,9% confusión mental. En la última medición de los signos vitales antes de la parada cardiorrespiratoria, la mayoría presentó frecuencia cardiaca alterada, anormal (32,6%) y severamente anormal (23,9%), frecuencia respiratoria anormal (37,1%) y severamente anormal (27,0%). Conclusión: como signos de alerta se identificaron: signos de shock, neurológicos, malestar y síndrome coronario agudo. Los cambios en los signos vitales prevalentes fueron: frecuencia cardíaca, respiratoria y saturación de O2. Los pacientes con presión arterial sistólica severamente anormal no recibieron alta y aquellos con frecuencia respiratoria anormal no sobrevivieron en 6 meses después de la parada cardiorrespiratoria.
Descritores: Enfermagem em Emergência/organização & administração
Assistência Hospitalar/organização & administração
Prevenção Secundária/organização & administração
-Sinais Vitais
Parada Cardíaca
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 159 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-997474
Autor: Farsky, Pedro Silvio; Santos, Natasha Soares Simões; Rezende, Mariana Oliveira; Pavanello, Ricardo.
Título: Terapia de antiagregação plaquetária: prevenção primária e secundária / Platelet antiaggregation therapy: primary and secondary prevention, peculiarities in anticoagulation of the patient with DM
Fonte: Rev. Soc. Cardiol. Estado de Säo Paulo;28(2):181-186, abr./jun. 2018. tab..
Idioma: pt.
Resumo: O diabetes mellitus (DM) é um importante e crescente problema de saúde, sendo que a doença aterosclerótica é uma importante comorbidade. Além do uso de fármacos, a prevenção da aterosclerose envolve mudança do estilo de vida como exercícios, nutrição, controle do peso e interrupção do tabagismo. O uso da aspirina possui papel bem estabelecido na prevenção secundária da doença cardiovascular (DCV) em pacientes com DM2, porém, o seu uso na prevenção primária permanece controverso e ainda com estudos em andamento. O objetivo desse estudo consistia em realizar uma revisão na literatura sobre as principais indicações para o uso da terapia de antiagregação plaquetária nos pacientes diabéticos. Já na prevenção secundária, o uso da aspirina é um consenso e a dupla terapia é indicada após síndromes coronárias agudas. As diretrizes não trazem informações específicas aos pacientes diabéticos, assim como, suas indicações clássicas na anticoagulação.
Descritores: Prevenção Primária
Diabetes Mellitus
Prevenção Secundária
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR79.1 - CIC - Centro de Informação Cardiovascular Mendonça de Barros


  10 / 159 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1025093
Autor: Viana, Juliana Nascimento; Moysés, Rosana Pimentel Correia; Espir, Thais Tibery; Sousa, Gabriela Amaral de; Barcellos, José Fernando Marques; Alves, Maria da Graça Pereira.
Título: Determinantes sociais da saúde e prevenção secundária do câncer do colo do útero no Estado do Amazonas, Brasil / Social determinants of health and secondary prevention of cervical cancer in the State of Amazonas, Brazil
Fonte: Medicina (Ribeiräo Preto);52(2), abr.-jun., 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Modelo do estudo: este foi um estudo ecológico transversal e descritivo. Objetivo do estudo: conhecer os determinantes sociais de saúde associados com a prevenção secundária do câncer do colo do útero no período de 2010 a 2014. Metodologia: a unidade amostral foi os 62 municípios do estado do Amazonas. Os dados secundários utilizados foram do Sistema de Informação do Câncer do Colo do Útero (SISCOLO), do Sistema de Informação da Atenção Básica (SIAB), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Atlas de Desenvolvimento Humano do Brasil. Resultados: baixa cobertura do exame Preventivo do câncer do colo do útero para mulheres de 25 a 64 anos, sendo a faixa etária com menor adesão ao rastreio, a de 60 a 64 anos. A média de analfabetismo feminino na idade de 25 anos ou mais, no Estado, foi de 25,01%, e este indicador apresentou correlação com a baixa cobertura do exame Preventivo para o câncer do colo do útero em todos os anos. A pouca cobertura da Estratégia Saúde da Família também se associou a baixa adesão ao rastreio. Além disso, a Proporção de Municípios com Amostras Insatisfatórias dos exames citopatológicos apresentou-se acima da meta preconizada pelo Ministério da Saúde. Conclusão: estratégias de promoção da saúde voltadas a adesão ao rastreio devem considerar o nível de escolaridade das mulheres e o fortalecimento da Atenção Primária à Saúde pautada no rastreio não oportunístico; estas devem ser uma das prioridades das políticas públicas nos municípios do Estado.(AU)

Study design: This was a cross-sectional and ecological descriptive study. Study objective: Knowing the social determinants of health associated with the secondary prevention of cervical cancer from 2010 to 2014. Methods: The sample included the 62 counties of the state of Amazonas, and secondary data were used from the Cervical Cancer Information System, the Primary Care Information System, the Brazilian Institute of Geography and Statistics and the Atlas of Human Development of Brazil. Results: Low coverage of the preventive exam for cervical cancer for women aged 25 to 64 years was found. Also, the age group with the lowest adherence to screening was 60 to 64 years old. The average illiteracy rate among women aged 25 years and over, in the state, was 25.01%, and this indicator correlated with the low coverage of the preventive exam for cervical cancer every year. The low coverage of the Family Health Strategy was also as-sociated with low adherence to screening. The proportion of counties with unsatisfactory samples from the cytopathological examinations was above the goal recommended by the Ministry of Health. Conclusion: Health promotion strategies regarding adherence to screening should consider women's level of education, and the reinforcement of Primary Health Care based on non-opportunistic screening should be one of the priorities of public policies in the counties of the state. (AU)
Descritores: Neoplasias do Colo do Útero
Prevenção Secundária
Determinantes Sociais da Saúde
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central



página 1 de 16 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde