Base de dados : LILACS
Pesquisa : E04.520.252.968.500 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 3 [refinar]
Mostrando: 1 .. 3   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 3 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1155291
Autor: Pinto, Keli Regiane Tomeleri da Fonseca; Zani, Adriana Valongo; Bernardy, Cátia Campaner Ferrari; Rossaneis, Mariana Angela; Rodrigues, Renne; Parada, Cristina Maria Garcia de Lima.
Título: Factors associated with obstetric interventions in public maternity hospitals / Fatores associados a intervenções obstétricas em maternidades públicas
Fonte: Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online);20(4):1081-1090, Oct-Dec. 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Objectives: to identify the prevalence and factors associated with obstetric interventions in parturients assisted in public maternity hospitals. Methods: a cross-sectional study with 344 puerperal women, from two public maternity hospitals, referring to childbirth by Sistema Único de Saúde (SUS) (Public Health Service System) in Londrina City, Paraná, Brazil, between January and June 2017. The medical records were the data source. The following obstetric interventions were considered: oxytocin use, artificial rupture of the membranes, instrumental childbirth and episiotomy. Multivariate Poisson regression was used to analyze associated factors, with p<5% being significant. Results: the prevalence of obstetric intervention was 55.5%, the maximum number of interventions in the same parturient woman was three. The most frequent interventions were the use of oxytocin (50.0%) and artificial rupture of membranes (29.7%). The variables associated on maternal disease (p=0.005) and intrapartum meconium (p=0.022) independently increased, the risk of obstetric intervention, while dilation was equal to or greater than 5 cm at admission, there was a protective factor against this outcome (p=0.030). Conclusion: the prevalence of obstetric interventions was high. In the case of maternal disease and intrapartum meconium, special attention should be given to the parturient woman, in order to avoid unnecessary interventions. Thus, the maternity hospitals need to review their protocols, seeking good practices in childbirth care.

Resumo Objetivos: identificar a prevalência e os fatores associados a intervenções obstétricas em parturientes atendidas em maternidades públicas. Métodos: estudo transversal, com 344 puérperas, de duas maternidades públicas, referência ao parto pelo Sistema Único de Saúde no município de Londrina, Paraná, Brasil, entre janeiro e junho de 2017. Constituíram fonte de dados os prontuários hospitalares. As seguintes intervenções obstétricas foram consideradas: uso de ocitocina, rotura artificial das membranas, parto instrumental e realização de episiotomia. Para análise dos fatores associados utilizou-se a regressão multivariada de Poisson, sendo significativo p<5%. Resultados: a prevalência de intervenção obstétrica foi de 55,5%, o número máximo de intervenções em uma mesma parturiente foi três. As intervenções mais frequentes foram o uso de ocitocina (50,0%) e a rotura artificial das membranas (29,7%). As variáveis doença materna associada (p=0,005) e mecônio intraparto (p=0,022) aumentaram, de maneira independente, o risco de intervenção obstétrica, enquanto que a dilatação igual ou superior a 5 cm na internação constituiu fator de proteção a esse desfecho (p= 0,030). Conclusão: a prevalência de intervenções obstétricas foi elevada. Na vigência de doença materna e de mecônio intraparto, especial atenção deve ser dedicada à parturiente, para que sejam evitadas intervenções desnecessárias, assim as maternidades precisam rever seus protocolos, buscando as boas práticas de atenção ao parto.
Descritores: Trabalho de Parto
Fatores de Risco
Medicalização
Tocologia
Parto Normal/estatística & dados numéricos
-Cuidado Pré-Natal
Brasil
Ocitocina
Distribuição de Poisson
Estudos Transversais
Episiotomia
Amniotomia
Maternidades
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  2 / 3 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-974837
Autor: Borges, Angélica Pereira; Silva, Ana Luiza Rabello da; Correa, Áurea Christina de Paula; Nakagawa, Janete Tamami Tomiyoshi.
Título: Caracterização da assistência ao parto em adolescentes primigestas no município de cuiabá-mt / Caracterización de la atención al parto en adolescentes primigestas en el municipio de cuiabá-mt / Characterization of pregnancy labor assistance of primigravida adolescents in the city of cuiabá-mt
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;15(2):212-219, Abr.-Jun. 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO O objetivo foi analisar a assistência ao parto de adolescentes primigestas no contexto do Sistema Único de Saúde (SUS) no município de Cuiabá, Mato Grosso. Estudo transversal, descritivo e documental com amostragem aleatória simples composta por 164 prontuários de puérperas adolescentes coletados por meio de ficha estruturada durante os meses de dezembro de 2012 a maio de 2013. Foi realizada análise descritiva simples dos dados. Os resultados indicaram que o parto cesáreo apresentou taxa de 37,2%, a amniotomia foi adotada em 62,1%, a ocitocina em 53,4% e a episiotomia em 82,4%. A desproporção céfalo-pélvica representou 27,9% das indicações de cesariana e dentre as complicações maternas, a hemorragia destacou-se em ambos os tipos de parto. Conclui-se a existência de uma forte influência do modelo tecnicista sobre os resultados maternos na assistência obstétrica de adolescentes primigestas e que o fato do desconhecimento atrelado à vulnerabilidade deste grupo populacional evidencia a soberania do profissional em relação às decisões obstétricas.

RESUMEN El objetivo ha sido analizar la atención al parto de adolescentes primigestas en el contexto del Sistema Único de Salud (SUS) en el municipio de Cuiabá, Mato Grosso. Estudio transversal, descriptivo y documental con muestreo aleatorio simple compuesto de 164 registros médicos de puérperas adolescentes recogidos a través del formulario estructurado durante los meses de diciembre de 2012 hasta mayo de 2013. Fue realizado el análisis descriptivo simple de los datos. Los resultados indicaron que el parto por cesárea ha presentado tasa de 37,2%, la amniotomía fue adoptada en 62,1%, la oxitocina en 53,4% y la episiotomía en 82,4%. La desproporción cefalopélvica ha representado 27,9% de las indicaciones de la cesárea y entre las complicaciones maternas, la hemorragia se ha destacado en ambos tipos de parto. Se concluye que existe una fuerte influencia del modelo técnico sobre los resultados maternos en la atención obstétrica a las adolescentes primigestas y que el hecho del desconocimiento relacionado a la vulnerabilidad de este grupo poblacional evidencia la soberanía del profesional en relación a las decisiones obstétricas.

ABSTRACT It aimed to analyze labor assistance for primigravida adolescents in the context of the Unified Health System (SUS) in the city of Cuiabá, Mato Grosso. Cross-sectional, descriptive and documental study with a random sample composed of 164 medical records of postpartum adolescent collected through structured file during the months of December 2012 to May 2013. Data were analyzed through simple descriptive analysis. The results indicated that cesarean section showed rate of 37.2%, amniotomy was adopted in 62.1%, oxytocin 53.4% and 82.4% in the episiotomy. Cephalopelvic disproportion represented 27.9% of cesarean section indications and among maternal complications, hemorrhage stood out in both types of delivery. It is concluded that there is a strong influence of the technicist model on maternal outcomes in obstetric care to pregnant adolescents and that the lack of knowledge linked to the vulnerability of this group shows the professional sovereignty in relation to obstetric decisions.
Descritores: Gravidez na Adolescência/estatística & dados numéricos
Cuidado Pré-Natal/normas
Trabalho de Parto/psicologia
Parto Humanizado
Enfermagem Obstétrica/normas
-Procedimentos Cirúrgicos Operatórios/enfermagem
Sistema Único de Saúde/normas
Cesárea/estatística & dados numéricos
Parto Obstétrico/estatística & dados numéricos
Episiotomia/enfermagem
Desproporção Cefalopélvica/enfermagem
Período Periparto/psicologia
Amniotomia/métodos
Hemorragia Pós-Parto/cirurgia
Tocologia/métodos
Parto Normal/estatística & dados numéricos
Enfermeiras Obstétricas/educação
Limites: Humanos
Feminino
Adolescente
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  3 / 3 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1052582
Autor: Losardo, Milena; Mereles, Analía; Rizzo, Sabrina; Viberti, Gisela; Viiolano, Gabriela; Vuirli, Denise; Varela, Silvana; Casale, Roberto; Mónaco, Antonio.
Título: Vía de finalización en pacientes con segunda inducción al trabajo de parto en el Hospital Nacional prof. A. Posadas / Postterm pregnancy in patients with second labour induction - Author's experience
Fonte: Prensa méd. argent;104(4):210-214, Jun2018. graf, tab.
Idioma: es.
Resumo: The labour induction is an intervention to initiate artificially the uterine contractions to produce the effacement and dilatation of the uterine cervix until the child-birth is achieved. It is indicated when the benefit of the termination of the pregnancy for the mother and the child is greater than its continuation. It is perfored in more or less the 20 % of the women. In our institution the rate oscillates in around the 9 % of the cases. It is understand as an successful induction the termination of the labour through the vaginal delivery. The methods for labour induction more commonly used at present are mechanical and pharmacological. Between the first group we can find the Hamilton maneuver and the amniotomy. And between the pharmacologicals we find the oxytocine. These elements are considered in the article
Descritores: Contração Uterina
Primeira Fase do Trabalho de Parto
Ocitocina/farmacologia
Colo do Útero/embriologia
Cesárea
Maturidade Cervical
Parto
Amniotomia/métodos
Trabalho de Parto Induzido/métodos
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: AR392.1 - Biblioteca



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde