Base de dados : LILACS
Pesquisa : E05.318 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 2298 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 230 ir para página                         

  1 / 2298 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Caramori, Paulo Ricardo Avancini
Tarasoutchi, Flávio
Texto completo
Id: lil-761513
Autor: Silva, Leonardo Sinnott; Caramori, Paulo Ricardo Avancini; Nunes Filho, Antonio Carlos Bacelar; Katz, Marcelo; Guaragna, João Carlos Vieira da Costa; Lemos, Pedro; Lima, Valter; Abizaid, Alexandre; Tarasoutchi, Flavio; Brito Jr, Fabio S. de.
Título: Performance of Surgical Risk Scores to Predict Mortality after Transcatheter Aortic Valve Implantation / Desempenho de Escores de Risco Cirúrgico para Prever Mortalidade após Implante Transcateter de Valva Aórtica
Fonte: Arq. bras. cardiol;105(3):241-247, Sept. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: AbstractBackground:Predicting mortality in patients undergoing transcatheter aortic valve implantation (TAVI) remains a challenge.Objectives:To evaluate the performance of 5 risk scores for cardiac surgery in predicting the 30-day mortality among patients of the Brazilian Registry of TAVI.Methods:The Brazilian Multicenter Registry prospectively enrolled 418 patients undergoing TAVI in 18 centers between 2008 and 2013. The 30-day mortality risk was calculated using the following surgical scores: the logistic EuroSCORE I (ESI), EuroSCORE II (ESII), Society of Thoracic Surgeons (STS) score, Ambler score (AS) and Guaragna score (GS). The performance of the risk scores was evaluated in terms of their calibration (Hosmer–Lemeshow test) and discrimination [area under the receiver–operating characteristic curve (AUC)].Results:The mean age was 81.5 ± 7.7 years. The CoreValve (Medtronic) was used in 86.1% of the cohort, and the transfemoral approach was used in 96.2%. The observed 30-day mortality was 9.1%. The 30-day mortality predicted by the scores was as follows: ESI, 20.2 ± 13.8%; ESII, 6.5 ± 13.8%; STS score, 14.7 ± 4.4%; AS, 7.0 ± 3.8%; GS, 17.3 ± 10.8%. Using AUC, none of the tested scores could accurately predict the 30-day mortality. AUC for the scores was as follows: 0.58 [95% confidence interval (CI): 0.49 to 0.68, p = 0.09] for ESI; 0.54 (95% CI: 0.44 to 0.64, p = 0.42) for ESII; 0.57 (95% CI: 0.47 to 0.67, p = 0.16) for AS; 0.48 (95% IC: 0.38 to 0.57, p = 0.68) for STS score; and 0.52 (95% CI: 0.42 to 0.62, p = 0.64) for GS. The Hosmer–Lemeshow test indicated acceptable calibration for all scores (p > 0.05).Conclusions:In this real world Brazilian registry, the surgical risk scores were inaccurate in predicting mortality after TAVI. Risk models specifically developed for TAVI are required.

ResumoFundamento:Ainda é desafiador prever a mortalidade de pacientes que se submetem ao TAVI (sigla do inglês Transcatheter Aortic Valve Implantation).Objetivos:Avaliar o desempenho de cinco escores de risco para cirurgia cardíaca em prever mortalidade em 30 dias de pacientes inscritos no Registro Brasileiro de TAVI.Métodos:O Registro Multicêntrico Brasileiro inscreveu prospectivamente 418 pacientes submetidos ao TAVI em 18 centros entre 2008 e 2013. Os seguintes escores cirúrgicos foram usados para calcular o risco de mortalidade no período de 30 dias: EuroSCORE I (ESI) logístico, EuroSCORE II (ESII), STS Score (STS), Ambler Score (AS) e Guaragna Score (GS). O desempenho dos escores de risco foram avaliados através de sua calibração (teste Hosmer-Lemeshow) e discriminação [área sob a curva (AUC) do inglês receiver-operating characteristic curve)].Resultados:A idade média foi de 81,5 ± 7,7 anos. A prótese aórtica CoreValve (Medtronic) foi usada em 86,1% da coorte e a abordagem transfemural usada em 96,2%. A mortalidade observada no período de 30 dias foi de 9,1%. A mortalidade no período de 30 dias prevista pelos escores foi: ESI, 20,2 ± 13,8%; ESII, 6,5 ± 13,8%; STS, 14,7 ± 4,4%; AS, 7,0 ± 3,8%; GS, 17,3 ± 10,8%. Nenhum dos escores testados com a AUC foi capaz de prever a mortalidade no período de 30 dias de forma precisa. As AUC para os escores foram: 0,58 [95% de intervalo de confiança (IC): 0,49 a 0,68, p = 0,09] para ESI; 0,54 (IC de 95%: 0,44 a 0,64, p = 0,42) para ESII; 0,57 (IC de 95%: 0,47 a 0,67, p = 0,16) para AS; 0,48 (IC de 95%: 0,38 a 0,57, p = 0,68) para STS e 0,52 (IC de 95%: 0,42 a 0,62, p = 0,64) para GS. O teste Hosmer-Lemeshow indicou uma calibração aceitável para todos os escores (p > 0,05).Conclusões:Neste registro brasileiro de mundo real, os escores de risco cirúrgico foram imprecisos para prever a mortalidade após o TAVI. São necessários modelos de risco desenvolvidos especificamente para o TAVI.
Descritores: Medição de Risco/métodos
Substituição da Valva Aórtica Transcateter/mortalidade
-Estenose da Valva Aórtica/mortalidade
Estenose da Valva Aórtica/cirurgia
Brasil
Calibragem
Métodos Epidemiológicos
Valores de Referência
Reprodutibilidade dos Testes
Fatores de Tempo
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Estudo Multicêntrico
Estudos de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-2038
Autor: Reynaga O, Jesús.
Título: Epidemiología III: la medición en el trabajo epidemiológico / Epidemiology III: measurement in epidemiological work.
Fonte: s.l; Centro Panamericano de Ecología Humana y Salud; 1985. 21 p. tab.
Idioma: es.
Descritores: Métodos Epidemiológicos
Poluição Ambiental
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/1407.40


  3 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-2035
Autor: Reynaga O, Jesús.
Título: Epidemiologia V: diseños de investigación para la comprobación de hipótesis epidemiológicas, estudios prospectivos y tabla de vida / Epidemiology V: research designs for the verification of epidemiological hypotheses, prospective studies and life table.
Fonte: s.l; Centro Panamericano de Ecología Humana y Salud; 1985. 37 p. tab.
Idioma: es.
Descritores: Métodos Epidemiológicos
Poluição Ambiental
-Risco
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/1407.60


  4 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-2034
Autor: Reynaga O, Jesús.
Título: Epidemiología IV: diseños de investigación para la comprobación de hipótesis epidemiológicas, estudios transversales y estudios retrospectivos / Epidemiology IV: research designs for the verification of epidemiological hypotheses, cross-sectional studies and retrospective studies.
Fonte: s.l; Centro Panamericano de Ecología Humana y Salud; 1985. 28 p. tab.
Idioma: es.
Descritores: Métodos Epidemiológicos
Poluição Ambiental
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/1407.50


  5 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-233983
Autor: Infantosi, Antonio Fernando C; Almeida, Renan M. V. R. de; Gismondi, Ronaldo C.
Título: A análise fatorial na identificaçäo de determinantes da mortalidade infantil / Factor analysis in determinant detection of infant mortality
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.790-790, tab.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: A técnica da Análise Fatorial (AF) é destacada como opção aplicável à redução da dimensionalidade de grandes conjuntos de variáveis, com a vantagem da manutenção do significado de cada variável. Isso é ilustrado na seleção de variáveis independentes a serem tomadas como possíveis determinantes da mortalidade infantil. Esse tipo de metodologia pode ser de grande utilidade em modelagem na área de epidemiologia.
Descritores: Mortalidade Infantil
Análise Fatorial
Métodos Epidemiológicos
Sistemas de Saúde
-Economia
Meio Ambiente
Análise de Variância
Avaliação Educacional
Habitação
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.175


  6 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-764999
Autor: Costa Filho, Francisco Flávio; Chaves, Áurea Jacob; Ligabó, Lourenço Teixeira; Santos, Eduardo Moreira dos; Silva, Danillo Taiguara da; Puzzi, Marcelo Aguiar; Braga, Sérgio Luiz; Abizaid, Alexandre; Sousa, Amanda GMR.
Título: Efficacy of Patient Selection for Diagnostic Coronary Angiography in Suspected Coronary Artery Disease / Eficácia da Seleção de Pacientes para Cateterismo Coronário por Suspeita de Doença Arterial Coronariana
Fonte: Arq. bras. cardiol;105(5):466-471, Nov. 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: AbstractBackground:Guidelines recommend that in suspected stable coronary artery disease (CAD), a clinical (non-invasive) evaluation should be performed before coronary angiography.Objective:We assessed the efficacy of patient selection for coronary angiography in suspected stable CAD.Methods:We prospectively selected consecutive patients without known CAD, referred to a high-volume tertiary center. Demographic characteristics, risk factors, symptoms and non-invasive test results were correlated to the presence of obstructive CAD. We estimated the CAD probability based on available clinical data and the incremental diagnostic value of previous non-invasive tests.Results:A total of 830 patients were included; median age was 61 years, 49.3% were males, 81% had hypertension and 35.5% were diabetics. Non-invasive tests were performed in 64.8% of the patients. At coronary angiography, 23.8% of the patients had obstructive CAD. The independent predictors for obstructive CAD were: male gender (odds ratio [OR], 3.95; confidence interval [CI] 95%, 2.70 - 5.77), age (OR for 5 years increment, 1.15; CI 95%, 1.06 - 1.26), diabetes (OR, 2.01; CI 95%, 1.40 - 2.90), dyslipidemia (OR, 2.02; CI 95%, 1.32 - 3.07), typical angina (OR, 2.92; CI 95%, 1.77 - 4.83) and previous non-invasive test (OR 1.54; CI 95% 1.05 - 2.27).Conclusions:In this study, less than a quarter of the patients referred for coronary angiography with suspected CAD had the diagnosis confirmed. A better clinical and non-invasive assessment is necessary, to improve the efficacy of patient selection for coronary angiography.

ResumoFundamento:Diretrizes recomendam que na suspeita de doença arterial coronariana (DAC) estável, uma avaliação clínica (não-invasiva) deve ser realizada antes da realização da coronariografia.Objetivo:Avaliar a eficácia da seleção de pacientes à coronariografia invasiva na suspeita de DAC estável.Métodos:Prospectivamente, selecionamos pacientes sem diagnóstico prévio de DAC referenciados a um centro terciário de grande volume. Características demográficas, fatores de risco, sintomatologia e resultados de exames não-invasivos foram correlacionados com a presença de DAC obstrutiva. Estimamos a probabilidade de DAC com base nos dados clínicos disponíveis e no valor incremental diagnóstico dos exames não-invasivos.Resultados:Um total de 830 pacientes foi incluído, mediana de idade de 61 anos, 49,3% homens, 81% hipertensos e 35,5% de diabéticos. Exames não-invasivos foram realizados em 64,8% dos pacientes. Na coronariografia, 23,8% dos pacientes tinham DAC obstrutiva. Os preditores independentes para DAC obstrutiva foram: sexo masculino (odds ratio [OR], 3,95; intervalo de confiança [IC] de 95%, 2,70 – 5,77), idade (OR por incremento de 5 anos, 1,15; IC 95%, 1,06 – 1,26), diabetes (OR, 2,01; IC 95%, 1,40 – 2,90), dislipidemia (OR, 2,02; IC 95%, 1,32 – 3,07), angina típica (OR, 2,92; IC 95%, 1,77 – 4,83) e teste não-invasivo prévio (OR 1,54; IC 95% 1,05 – 2,27).Conclusão:Nesse estudo, menos de um quarto dos pacientes referenciados a um centro terciário para a realização de coronariografia por suspeita de DAC estável teve o diagnóstico confirmado. Uma melhor avaliação clínica e maior acesso a exames não-invasivos são necessários para aumentar a eficácia da seleção de pacientes para coronariografia invasiva.
Descritores: Angiografia Coronária/métodos
Doença da Artéria Coronariana
Seleção de Pacientes
-Eletrocardiografia
Métodos Epidemiológicos
Valores de Referência
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Idoso
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-757994
Autor: Smanio, Paola Emanuela Poggio; Silva, Juliana Horie; Holtz, João Vitor; Ueda, Leandro; Abreu, Marilia; Marques, Carlindo; Machado, Leonardo.
Título: Myocardial Scintigraphy in the Evaluation of Cardiac Events in Patients without Typical Symptoms / Cintilografia Miocárdica na Avaliação de Eventos Cardíacos em Pacientes sem Sintomas Cardíacos Típicos
Fonte: Arq. bras. cardiol;105(2):112-122, Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: AbstractBackground:Cardiovascular disease is a leading cause of death in the world and in Brazil. Myocardial scintigraphy is an important noninvasive method for detecting ischemia in symptomatic patients, but its use in asymptomatic ones or those with atypical symptoms is yet to be defined.Objective:To verify the presence of major cardiac events in asymptomatic patients or those with atypical symptoms (atypical chest pain or dyspnea) that underwent myocardial scintigraphy (MS), over a period of 8 years. Secondary objectives were to identify cardiac risk factors associated with myocardial scintigraphy abnormalities and possible predictors for major cardiac events in this group.Methods:This was a retrospective, observational study using the medical records of 892 patients that underwent myocardial scintigraphy between 2005 and 2011 and who were followed until 2013 for assessment of major cardiac events and risk factors associated with myocardial scintigraphy abnormalities. Statistical analysis was performed by Fisher’s exact test, logistic regression and Kaplan-Meyer survival curves, with statistical significance being set at p ≤ 0.05.Results:Of the total sample, 52.1% were men, 86.9% were hypertensive, 72.4% had hyperlipidemia, 33.6% were diabetic, and 12.2% were smokers; 44.5% had known coronary artery disease; and 70% had high Framingham score, 21.8% had moderate and 8% had low risk. Of the myocardial scintigraphies, 58.6% were normal, 26.1% suggestive of fibrosis and 15.3% suggestive of ischemia. At evolution, 13 patients (1.5%) had non-fatal myocardial infarction and six individuals (0.7%) died. The group with normal myocardial scintigraphy showed longer period of time free of major cardiac events, non-fatal myocardial infarction (p = 0.036) and death. Fibrosis in the myocardial scintigraphy determined a 2.4-fold increased risk of non-fatal myocardial infarction and five-fold higher risk of death (odds ratio: 2.4 and 5.7, respectively; p = 0.043).Conclusion:The occurrence of major cardiac events in 8 years was small. Patients with fibrosis at MS had more major events, whereas patients with normal MS result had fewer major cardiac events, with higher survival.

ResumoFundamento:A doença cardiovascular é uma das principais causas de óbito no Brasil e no mundo. A cintilografia miocárdica tem papel estabelecido na detecção de isquemia de pacientes sintomáticos, mas sua indicação em assintomáticos ou naqueles com sintomas atípicos ainda não está definida.Objetivo:Identificar eventos maiores em pacientes assintomáticos ou com sintomas atípicos (dor torácica atípica ou dispneia) que realizaram cintilografia miocárdica, em até 8 anos. Como objetivos secundários, citamos identificar os fatores de risco associados às alterações na cintilografia miocárdica e os possíveis preditores para eventos maiores nesse grupo.Métodos:Estudo retrospectivo, observacional, por revisão de prontuário, de 892 pacientes que realizaram cintilografia miocárdica entre 2005 e 2011, com seguimento até 2013, para avaliação de eventos maiores e análise dos fatores de risco associados à cintilografia miocárdica alterada. A análise estatística foi realizada por testes de Fisher, regressão logística e curva de sobrevida de Kaplan-Meier, com p significativo se ≤ 0,05.Resultados:Do total dos pacientes da amostra, 52,1% eram homens, 86,9% hipertensos, 72,4% dislipidêmicos, 33,6% diabéticos, e 12,2% tabagistas; 44,5% tinham doença arterial coronária conhecida; e 70% apresentavam escore de Framingham alto, 21,8% moderado e 8% baixo risco. Das cintilografias miocárdicas, 58,6% foram normais; 26,1%, sugestivas de fibrose; e 15,3%, de isquemia. Na evolução, 13 pacientes (1,5%) apresentaram infarto do miocárdio não fatal e 6 pacientes (0,7%) foram a óbito. O grupo com cintilografia miocárdica normal apresentou maior tempo livre de eventos maiores, infarto do miocárdio não fatal (p = 0,036) e morte (p = 0,019). A fibrose determinou risco 2,4 vezes maior de infarto do miocárdio não fatal e cinco vezes maior de morte (odds ratio: 2,4 e 5,7, respectivamente; p = 0,043).Conclusão:A ocorrência de eventos maiores em até 8 anos no grupo estudado foi pequena. Pacientes com fibrose na cintilografia miocárdica apresentaram mais eventos maiores. Pacientes com cintilografia miocárdica normal apresentaram menos eventos maiores, com sobrevida maior.
Descritores: Doenças Assintomáticas
Doenças Cardiovasculares
Imagem de Perfusão do Miocárdio/métodos
-Doenças Assintomáticas/mortalidade
Brasil/epidemiologia
Doenças Cardiovasculares/etiologia
Doenças Cardiovasculares/mortalidade
Complicações do Diabetes
Dislipidemias/complicações
Métodos Epidemiológicos
Hipertensão/complicações
Valores de Referência
Fumar/efeitos adversos
Fatores de Tempo
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1015276
Autor: Ciapponi, Agustín.
Título: Una pequeña proporción de las recomendaciones de las principales guías cardiovasculares es apoyada por ensayos aleatorizados / A small proportion of the recommendations of the main cardiovascular guidelines is supported by randomized trials
Fonte: Evid. actual. práct. ambul;22(1):e001992, abr. 2019.
Idioma: es.
Descritores: Doenças Cardiovasculares/prevenção & controle
Guias de Prática Clínica como Assunto/normas
Medicina Baseada em Evidências/normas
Tomada de Decisões
-Doenças Cardiovasculares/diagnóstico
Métodos Epidemiológicos
Epidemiologia Experimental
Mecanismos de Avaliação da Assistência à Saúde/tendências
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: AR2.1 - Biblioteca Central


  9 / 2298 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Moimaz, Suzely Adas Saliba
Texto completo
Texto completo
Id: lil-698369
Autor: Zina, Lívia Guimarães; Moimaz, Suzely Adas Saliba.
Título: Odontologia baseada em evidência: etapas e métodos de uma revisão sistemática / Evidence-based dentistry: steps and methods of a systematic review
Fonte: Arq. odontol;48(3):188-199, Jul.-Sep. 2012. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: ciência baseada em evidência utiliza modelos de estudos epidemiológicos com a finalidade de aplicar o conhecimento científico nas decisões em saúde. O objetivo deste artigo foi descrever e discutir a OdontologiaBaseada em Evidência (OBE) e metodologia das revisões sistemáticas, destacando as etapas para a suarealização, como a formulação de estratégias de busca, definição de critérios de inclusão e exclusão, extração, análise e síntese dos dados, incluindo a meta-análise. A OBE é compreendida como uma abordagem para o serviço de saúde odontológico que requer integração da evidência científica com a experiência do profissional e as necessidades da população. Como contribuição, a OBE introduziu métodos que geram evidência de qualidade, ferramentas estatísticas utilizadas para sintetizar e analisar a evidência (revisões sistemáticas emeta-análise) e modos de acessar (bancos de dados eletrônicos) e aplicar a evidência (decisões em saúdebaseadas em evidências). Por fim, a abordagem baseada em evidência permite avaliar o conhecimento científicopor sua validade, impacto e aplicabilidade, eliminando a lacuna entre pesquisa e realidade dos serviços desaúde. É necessário que esforços continuem sendo empregados no sentido de estimular avanços qualitativosna pesquisa epidemiológica, fazendo com que a OBE alcance cada vez mais seu espaço concreto nos processosde planejamento e execução das ações em saúde.
Descritores: Odontologia Baseada em Evidências/métodos
Pesquisa em Odontologia/métodos
-Métodos Epidemiológicos
Prática Clínica Baseada em Evidências/métodos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca


  10 / 2298 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1007405
Autor: Comes, Yamila; Angeleri, Patricia; Chaui, Jorge; Forlenza, Raul.
Título: Desigualdades sociales en la mortalidad por causas externas en la ciudad de Buenos Aires. Año 2005 / Social inequalities in mortality in Buenos Aires city due to external causes. Year 2005
Fonte: Rev. Asoc. Med. Bahía Blanca;16(4):103-109, oct-dic, 2006.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: Este estudio se inscribe dentro de las actividades de análisis de situación de salud que realiza el Departamento de Epidemiología (DGAAPS) del Ministerio de Salud de la Ciudad de Buenos Aires. Objetivo: Describir las desigualdades sociales existentes en la mortalidad por causas externas en residentes ocurridas durante el año 2005. Materiales y Métodos: Estudio descriptivo de corte transversal. Se trabajó con datos de Mortalidad de la DGEyC ­GCBA- 2005. Resultados: Se aplicaron índices de efecto e impacto y se observó una brecha de desigualdad (riesgo atribuible poblacional (IRD): 2,2) (IDP: 28) (RAP: 6), (RAP% 16,6%). La asociación entre NBI y la mortalidad por causas externas resultó estadísticamente significativa (R2=0,67). La concentración de la mortalidad fue mayor entre la población más pobre. (IC: -1,24). Conclusiones: La mortalidad por causas externas en la ciudad evidencia brechas de desigualdad El componente del incendio de Cromañon no es ajeno a esta circunstancia. Las tasas brutas y ajustadas muestran estas diferencias. Existen desigualdades sociales en esta dimensión de la mortalidad de modo que a mayor pobreza, mayores tasas ajustadas. Las mayores diferencias se ubican entre los diagnósticos de «otros accidentes ¼ y «agresiones¼ y estas diferencias son estadísticamente significativas.

Introduction: This study falls within the health situation analysis practice performed by the Epidemiology Department (DGAAPS) of Buenos Aires City Ministry of Health. Objective: To describe the existing social inequalities in the mortality of residents due to external causes that took place in the year 2005. Materials and Methods: This is a descriptive, cross-sectional study. Mortality data from DGEyC ­GCBA- 2005 were used. Results: By comparing effect and impact indices, an increase in inequality is observed (IRD: 1.8 in the year 2004 to 2.2 in the year 2005, IDP: 19 in the year 2004 to 28 in the year 2005, RAP: 4 in the year 2004 to 6 in the year 2005, RAP: 12% in the year 2004 to 16.6% in the year 2005). The association between NBI and mortality due to external causes is statistically significant (R2 = 0,67). Mortality concentration was higher in 2005 among the poorest population. (IC: -0.097 in the year 2004 to ­ 1.24 in the year 2005). Conclusions: Mortality due to external causes in Buenos Aires City has slightly increased in the last year. The component of the fire at the disco Cromañon is not alien to this circumstance. Gross and adjusted rates show these differences. There are social inequalities in this dimension of mortality, thus the greater the poverty the higher the adjusted rates are. The greatest differences are within the diagnosis of «other accidents¼ and « aggressions¼ and such differences are statistically significant.
Descritores: Iniquidade Social
-Métodos Epidemiológicos
Mortalidade
Técnicas de Pesquisa
Estudos Populacionais em Saúde Pública
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: AR393.1 - Centro de Información y Documentación Dr H. Urquiola



página 1 de 230 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde