Base de dados : LILACS
Pesquisa : E05.318.389 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 110 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 11 ir para página                         

  1 / 110 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Burattini, Marcelo N
Massad, Eduardo
Texto completo
Id: lil-794632
Autor: Burattini, Marcelo N; Lopez, Luis F; Coutinho, Francisco AB; Siqueira-Jr, João B; Homsani, Sheila; Sarti, Elsa; Massad, Eduardo.
Título: Age and regional differences in clinical presentation and risk of hospitalization for dengue in Brazil, 2000-2014
Fonte: Clinics;71(8):455-463, Aug. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FNS; . Seven Framework Program of the European Community.
Resumo: OBJECTIVES: Dengue cases range from asymptomatic to severe, eventually leading to hospitalization and death. Timely and appropriate management is critical to reduce morbidity. Since 1980, dengue has spread throughout Brazil, affecting an increasing number of individuals. This paper describes age and regional differences in dengue’s clinical presentation and associated risk of hospitalization based on more than 5 million cases reported to the Brazilian Ministry of Health from 2000-2014. METHODS: We performed a retrospective analysis of ∼5,450,000 dengue cases, relating clinical manifestations and the risk of hospitalization to age, gender, previous infection by dengue, dengue virus serotype, years of formal education, delay to first attendance and the occurrence of dengue during outbreaks and in different Brazilian regions. RESULTS: Complicated forms of dengue occurred more frequently among those younger than 10 years (3.12% vs 1.92%) and those with dengue virus 2 infection (7.65% vs 2.42%), with a delay to first attendance >2 days (3.18% vs 0.82%) and with ≤4 years of formal education (2.02% vs 1.46%). The risk of hospitalization was higher among those aged 6-10 years old (OR 4.57; 95% CI 1.43-29.96) and those who were infected by dengue virus 2 (OR 6.36; 95% CI 2.52-16.06), who lived in the Northeast region (OR 1.38; 95% CI 1.11-2.10) and who delayed first attendance by >5 days (composite OR 3.15; 95% CI 1.33-8.9). CONCLUSIONS: In Brazil, the occurrence of severe dengue and related hospitalization is associated with being younger than 10 years old, being infected by dengue virus 2 or 3, living in the Northeast region (the poorest and the second most populated) and delaying first attendance for more than 2 days.
Descritores: Dengue/epidemiologia
Hospitalização/estatística & dados numéricos
-Fatores Socioeconômicos
Fatores de Tempo
Índice de Gravidade de Doença
Brasil/epidemiologia
Estudos Retrospectivos
Fatores de Risco
Fatores Etários
Distribuição por Sexo
Distribuição por Idade
Medição de Risco
Dengue/complicações
Vírus da Dengue
Epidemias
Mapeamento Geográfico
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-976656
Autor: Albuquerque, Alana Soares; Hennigen, Inês; Fonseca, Tania Mara Galli.
Título: Cartografias no ciberespaço: experimentações metodológicas em espaços híbridos / Cartografías en el ciberespacio: experimentaciones metodológicas en espacios híbridos / Cartographies in cyberspace: methodological experimentations in hybrid spaces
Fonte: Psicol. soc. (Online);30:e174086, 2018.
Idioma: pt.
Projeto: CAPES.
Resumo: Resumo O presente artigo tem como objetivo explorar as potencialidades do método da cartografia de Deleuze e Guattari no âmbito das redes digitais, levando em conta o advento das mídias locativas e das tecnologias de geolocalização que fazem surgir os espaços híbridos, nos quais a experiência de se movimentar no espaço geográfico coincide com o movimento pelo ciberespaço. O artigo discute as possibilidades de associação da cartografia com outras estratégias metodológicas, como a flânerie e os diários de bordo, com o intuito de fazer frente à complexidade dos processos de subjetivação que são atravessados hoje pelo acoplamento cada vez mais íntimo com as tecnologias digitais. Exploramos, enfim, estratégias que podem ser pensadas para fugir às estrias de um espaço digital cada vez mais dominado pelo controle e pela vigilância, evidenciando como a atitude cartográfica pode nos auxiliar a desfazer os mapas, em direção a processos de criação e singularização.

Resumen Este artículo tiene como objetivo explorar el potencial del método de la cartografía de Deleuze y Guattari en las redes digitales, teniendo en cuenta la expansión de los medios de comunicación locativos y de las tecnologias de geolocalización que dan lugar a espacios híbridos, en los cuales la experiencia de moverse en espacios geográficos coincide con el movimiento en el ciberespacio. El artículo discute las posibilidades de asociación de la cartografía con otras estrategias metodológicas, como la flânerie y los cuadernos de bitácora, con el fin de hacer frente a la complejidad de los procesos de subjetivación que hoy se acoplan cada vez más estrechamente con las tecnologías digitales. En fin, exploramos estrategias que pueden ser pensadas para huir a las estrías de um espacio digital cada vez más dominado por el control y la vigilancia, evidenciando cómo la actitud cartográfica puede ayudarnos a deshacer los mapas, hacia procesos de creación y singularización.

Abstract The aim of this article is to explore the potential of Deleuze and Guattari's cartography method in the context of digital networks, taking in account the advent of locative media and geolocation technologies that create hybrid spaces in which the experience of moving in the geographical space coincides with the movement through cyberspace. The article discusses the possibilities of associating the cartography method with other methodological strategies, such as the flânerie and the logbooks, to face the complexity of the processes of subjectivation that are currently intersected to intimate assemblages with digital technologies. Finally, we explore strategies that can be devised to escape the striations of a digital space increasingly dominated by control and surveillance, foregrounding how the cartographic attitude can help us to undo the maps, towards processes of creation and singularization.
Descritores: Tecnologia
Internet/tendências
Mapeamento Geográfico
Análise Espaço-Temporal
-Uso do Telefone Celular
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1896.1 - Biblioteca


  3 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-906768
Autor: Souza-Júnior, Marcílio; Alves, Allan Muniz; Accioli-Neto, Celyrio; Alves, Alex; Souza, Hugo.
Título: Geolocalização aplicada aos atendimentos do SAMU 192 a partir do rastreamento em tempo real das ambulâncias / Geolocation applied to mobile first-aid service using real-time tracking system from ambulances
Fonte: J. health inform;8(supl.I):1011-1018, 2016. ilus, mapas.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 15, Goiânia, 27-30 nov. 2016.
Resumo: A pesquisa objetivou a aplicação de técnicas de geolocalização a partir do rastreamento em tempo real das ambulâncias do SAMU 192 em Maceió - AL, permitindo a visualização de informações em um dashboard online para auxiliar na tomada de decisão e regulação dos atendimentos móveis de emergência pré-hospitalar. A pesquisa foi classificada como desenvolvimento tecnológico que gerou um produto funcional para implantação no SAMU. No proceder metodológico, as tecnologias adotadas para a consecução dos objetivos envolveram a instalação de smartphones Android nas ambulâncias com um cliente de rastreamento GPS e a sua integração com um mapa das ocorrências atendidas pelo SAMU pelo período de um mês. Como resultado, foi possível implantar um dashboard para visualização por parte dos gestores e técnicos do SAMU do mapeamento dos atendimentos a partir do posicionamento geográfico das ambulâncias, contribuindo para maximização da eficiência na logística dos atendimentos e racionalização dos custos de operação da central regional.

The research aimed to the geolocation techniques application from the real-time SAMU 192 ambulances trackingin Maceió-AL, allowing to view online information on dashboard to assist in decision making and regulation of medical care pre-emergence hospital. The research was classified as a technological development that generated a functional product for deployment in the SAMU. Methodological proceeding involved technologies for the achievement of the objectives such as installation of Android smartphones in ambulances with a GPS tracking client and its integration with na event map attended by the SAMU for a period of one month. As a result, it was possible to deploy a dashboard for viewingby managers and technicians of the SAMU mapping of calls from the geographical positioning of ambulances, helping tomaximize efficiency in the logistics of care and rationalization of regional central operating costs.
Descritores: Sistemas de Informação
Ambulâncias
Serviços Médicos de Emergência
Mapeamento Geográfico
-Congressos como Assunto
Telefone Celular
Aplicativos Móveis
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  4 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-890724
Autor: Bressan-Neto, Mario; da Silva Herrero, Carlos Fernando Pereira; Pacola, Lilian Maria; Nunes, Altacílio Aparecido; Defino, Helton Luiz Aparecido.
Título: Community Care Administration of Spinal Deformities in the Brazilian Public Health System
Fonte: Clinics;72(8):485-490, Aug. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FAPESP.
Resumo: OBJECTIVE: Underfunding of the surgical treatment of complex spinal deformities has been an important reason for the steadily growing waiting lists in publicly funded healthcare systems. The aim of this study is to characterize the management of the treatment of spinal deformities in the public healthcare system. METHODS: A cross-sectional study of 60 patients with complex pediatric spinal deformities waiting for treatment in December 2013 was performed. The evaluated parameters were place of origin, waiting time until first assessment at a specialized spine care center, waiting time for the surgical treatment, and need for implants not reimbursed by the healthcare system. RESULTS: Ninety-one percent of the patients lived in São Paulo State (33% from Ribeirão Preto - DRS XIII). Patients waited for 0.5 to 48.0 months for referral, and the waiting times for surgery ranged from 2 to 117 months. Forty-five percent of the patients required implants for the surgical procedure that were not available. CONCLUSION: The current management of patients with spinal deformities in the public healthcare system does not provide adequate treatment for these patients in our region. They experience long waiting periods for referral and prolonged waiting times to receive surgical treatment; additionally, many of the necessary procedures are not reimbursed by the public healthcare system.
Descritores: Doenças da Coluna Vertebral/cirurgia
Coluna Vertebral/anormalidades
Coluna Vertebral/cirurgia
Acesso aos Serviços de Saúde/estatística & dados numéricos
National Health Insurance, United States/estatística & dados numéricos
-Doenças da Coluna Vertebral/etiologia
Fatores de Tempo
Brasil
Estudos Transversais
Análise de Variância
Listas de Espera
Estatísticas não Paramétricas
Mapeamento Geográfico
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1047714
Autor: Hoss, Julia.
Título: A cartografia social como ferramenta de registro subjetivo do território e de afirmação do conhecimento popular de uma comunidade em processo de reassentamento urbano / Social cartography as a tool of subjective registration of the territory and affirmation of popular knowledge of a community in the process of urban resettlement.
Fonte: Porto Alegre; s.n; 2019. s.p.p p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Grupo Hospitalar Conceição - RIS para obtenção do grau de Especialista.
Resumo: O presente trabalho objetivou a construção coletiva de um mapa, a partir de uma cartografia da ação social. Com a construção coletiva deste mapa, pretendeu-se provocar a reflexão e discussão sobre a apropriação do território, buscando-se identificar ações e sentidos dados a este. Trata-se de um estudo de caráter participativo, com aporte na análise qualitativa, desenvolvido com um grupo de 9 moradores na Unidade de Saúde Santíssima Trindade, localizada no reassentamento Porto Novo, Zona Norte de Porto Alegre/RS. Neste sentido, foram realizados encontros com o grupo de participantes que tiveram como produto final um mapa. Através da cartografia, possibilitou-se a construção coletiva do olhar, da identidade e dos saberes da comunidade. Constata-se o progressivo processo de ligação das pessoas com o novo território, através da produção de subjetividades pelos moradores. Visualiza-se reivindicações sobre espaços públicos fortalecidos, em um ambiente com a carência destes. Observa-se também a valorização da progressiva arborização do espaço e demandas por maior estruturação do transporte público e limpeza urbana. (AU)
Descritores: Sistema Único de Saúde
Brasil
Saúde Pública
Mapeamento Geográfico
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1751.1 - Biblioteca
BR1751.1; 614(81):358.3, H829c


  6 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1025306
Autor: Morais, Natália Leite de.
Título: Capacidade adaptativa específica do município de São Paulo às mudanças climáticas: uma análise a partir do mapeamento das áreas de risco, sistema de alerta e planos de contingência de Defesa Civil / Specific adaptive capacity of the city of São Paulo to climate change an analysis based on the mapping of risk areas, warning system and Civil Defense contingency plans.
Fonte: São Paulo; s.n; 2019. 143 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Saúde Ambiental para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O processo de urbanização da cidade de São Paulo foi caracterizado pelo rápido adensamento populacional e desordenada expansão da área urbana, que destinou às populações mais vulneráveis socioeconomicamente áreas distantes dos núcleos centrais e sem infraestrutura urbana. Esse processo é refletido até os dias atuais, uma vez que parcela significativa da população paulistana reside em ocupações subnormais expostas aos riscos ambientais, o que a torna mais vulnerável aos impactos das mudanças climáticas se comparada às camadas sociais mais privilegiadas e melhor localizadas espacialmente. Apesar das projeções e pesquisas mais recentes relacionadas aos impactos das mudanças climáticas no Brasil, eventos recentes evidenciam que as cidades brasileiras ainda não estão devidamente adaptadas para lidar com esse fenômeno. Entendendo que a capacidade adaptativa de um sistema (uma cidade, por exemplo) refere-se à sua aptidão em mudar para um estado mais sustentável e em mobilizar os recursos necessários para antecipar ou responder aos riscos e impactos das mudanças climáticas, o objetivo desta dissertação é contribuir para uma compreensão sobre a capacidade adaptativa, particularmente quanto à capacidade específica, do município de São Paulo frente às mudanças climáticas. Para tanto, foram analisados três instrumentos vigentes: o mapeamento de áreas de risco, o sistema de alerta e os planos de contingência que possuem interface com o clima - Plano Preventivo para Chuvas de Verão (PPCV), Plano de Contingência para situações de Baixas Temperaturas (PCBT) e Plano de Contingência para situações de Baixa Umidade (PCBU), ferramentas gerenciadas atualmente pela Coordenação Municipal de Defesa Civil (COMDEC). Os resultados obtidos nesta pesquisa, a partir de revisão de literatura, pesquisa documental, realização de entrevistas e grupos focais, evidenciam que as discussões sobre mudanças climáticas e as projeções futuras ainda não estão internalizadas nas ferramentas analisadas e que não há uma integração fortemente estabelecida entre o Comitê Municipal de Mudanças do Clima e Ecoeconomia e os demais setores da Prefeitura. Ademais, revelam que há um distanciamento da população nas ações de planejamento e execução dessas ferramentas e que as descontinuidades político-partidárias interferem negativamente no andamento dessas e de outras políticas públicas, além do déficit de recursos humanos, tecnológicos e financeiros estar associado, principalmente, às práticas ineficazes de gestão (má administração) e distribuição. Um diagnóstico sobre esses instrumentos e recomendações para facilitar o processo de adaptação e aprimorar a capacidade de adaptação específica da cidade de São Paulo serão reunidos e disponibilizados também na forma de um relatório técnico.

The urbanization process of the city of São Paulo was characterized by a rapid population density increase and disorderly expansion of the urban area, which allocated remote areas without urban infrastructure to the most socioeconomically vulnerable population. This process is reflected to the present days, since a significant part of the population of São Paulo resides in subnormal occupations exposed to environmental risks, which makes it more vulnerable to the impacts of climate change when compared to the more privileged and better located social strata. Despite recent projections and researches related to the impacts of climate change in Brazil, recent events show that Brazilian cities are not yet adequately adapted to deal with this phenomenon. Assuming that the adaptive capacity of a system (a city, for example) refers to its ability to move to a more sustainable state and to mobilize necessary resources to anticipate or respond to the risks and impacts of climate change, the objective of this dissertation is to contribute to an understanding of the adaptive capacity, particularly regarding the specific capacity of the city of São Paulo in the face of climate change. For that, the mapping of risk areas, the alert system and contingency plans that have interface with the climate were analyzed - Preventive Plan for Summer Rain (PPCV), Contingency Plan for Low Temperature Situations (PCBT) and Contingency Plan for Low Humidity Situations (PCBU), tools currently managed by the Municipal Civil Defense Coordination (COMDEC). The results obtained in this research, based on literature review, documentary research, interviews and focus groups, show that the discussions about climate change and projections were not yet internalized by the analyzed tools and that there is no strongly established integration between the Municipal Committee on Climate Change and Ecoeconomics and other sectors of the City Hall. In addition, they reveal that there is a distancing between the population and the planning and execution of these tools and that party-political discontinuities impact negatively in the progress of these and other public policies, besides the fact that the lack of human, technological and financial resources is mainly associated with ineffective management (maladministration) and distribution. A diagnosis of these instruments and recommendations to facilitate the adapting process and to improve the specific adaptation capacity of the city of São Paulo will be gathered and made available in the form of a technical report.
Descritores: Mudança Climática
Zona de Risco
Adaptação
Planos de Contingência
Mapeamento Geográfico
-Chuvas
Alerta Hidrológico
Umidade
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  7 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-879501
Autor: Romano, Horacio; Satankevicius, Marcelo Germán; Martínez, Nicolas; Biaggioni, Martín Alejandro; Maturi, Horacio; Cuevas, María Andrea; Quiroga, Daniel Omar; Salum, Gustavo; Macchiavelli, Mario; Rivadulla, María Griselda; Sepúlveda, Marcello; Capobianco, Marcela.
Título: Generación y prueba de un sistema de georreferenciamiento de cáncer en la ciudad de bahía blanca / Development and testing of a cancer georeferencing system in the city of Bahía Blanca
Fonte: Rev. Asoc. Med. Bahía Blanca;27(1):9-18, enero-marzo de 2017.
Idioma: es.
Resumo: El cáncer es una enfermedad que se presenta de diferentes formas y con distintos orígenes, con evidencias de que su incidencia está en aumento. La relación entre cáncer y factores socio-ambientales es muy fuerte, siendo la información sobre esta patología de vital importancia para una comunidad. Aunque existe varias maneras de abordar la problemática, es difícil desarrollar una modalidad que permita de manera rápida y efectiva relacionar en lugar y tiempo la aparición de nuevos pacientes. De lograrlo, en un futuro no muy lejano se podría formular hipótesis de trabajo sobre factores sociales o ambientales relacionados con esta patología. En consecuencia, hemos trabajado en el desarrollo e implantación de un Sistema de Información Geográfico Integral en base a datos aportados por el Servicio de Anatomía Patológica y Oncología de pacientes con cáncer, contando con datos espaciales y temporales de vivienda y trabajo. El objetivo del presente trabajo fue que el sistema aporte datos útiles para realizar registro y detección de asociaciones de cáncer y posibles focos contaminantes.
Descritores: Epidemiologia
Neoplasias
-Mapeamento Geográfico
Sistemas de Informação em Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatório Técnico
Responsável: AR393.1 - Centro de Información y Documentación Dr H. Urquiola


  8 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-965125
Autor: Bitencourt, Dioni Glei Bonini; Timm, Luís Carlos; Guimarães, Ednaldo Carvalho; Pinto, Luiz Fernando Spinelli; Pauletto, Eloy Antonio; Penning, Letiane Helwig.
Título: Spatial variability structure of the surface layer attributes of gleysols from the coastal plain of Rio Grande do Sul / Estrutura de variabilidade espacial dos atributos da camada superficial de gleissolos da planície costeira do Rio Grande do Sul
Fonte: Biosci. j. (Online);31(6):1711-1721, nov./dec. 2015.
Idioma: en.
Resumo: The spatial variability structure of soil attributes in a certain area might influence the semivariogram fitting model and, consequently, the attribute behavior mapping in this area leading to different decisions regarding crop management. This study aimed to identify, characterize and quantify the spatial variability of chemical attributes and the clay content in the superficial layer of a Gleysoils mapping unit (MU) at reconnaissance scale in the coastal plain of Rio Grande do Sul, through descriptive statistics and geostatistics and compare the results taking into consideration the existence of three Gleysoils mapping units at semi-detailed scale through the scaled semivariogram technique. A 403 ha area located in the Rio Grande do Sul Coastal Plain, in the city of Jaguarão was sub-divided into three mapping units (GL- o, GL-mo.lv and GL-lv), a sampling grid with 403 points, 100 m far one from another was established. In a 5 m radius around each sampling point, 10 sub-samples of disturbed soil were collected from the 0-0.20 m layer, making up a soil compound sample, and the following attributes were determined for each sample: pH in water, organic carbon, phosphorus, potassium, sodium, calcium, magnesium, aluminum, potential acidity and clay content. The cation Exchange capacity (pH=7.0) and base saturation were also calculated. The identification, characterization and quantification of the spatial variability of attributes from the soil Ap horizons were carried out through descriptive statistics and geostatistics, considering the mapping unit at the reconnaissance scale and the three units at the semi-detailed scale. In the geostatistics analysis, the scaled semivariogram technique was employed aiming to compare the spatial variability structure for each soil attribute in the total area and in the three MUs at the semi-detailed scale. Regarding the descriptive statistics, the Ap horizon attributes behavior in GL-lv was similar to that in the total area of the soil layer under analysis; however, when considering the spatial coordinates, the spatial variability structure of the GL-mo.lv attributes was the one that best described the attributes variability in the total area. The scaled semivariogram technique revealed that the spatial behavior of the attributes pH and exchangeable sodium was similar, regardless of the evaluation scale adopted or the factor used for the scaled semivariogram.

A estrutura de variabilidade espacial dos atributos do solo em determinada área pode influenciar o modelo de ajuste do semivariograma e, consequentemente, o mapeamento do comportamento do atributo nesta área induzindo a decisões diferenciadas de manejo agrícola. O objetivo deste trabalho foi identificar, caracterizar e quantificar a variabilidade espacial de atributos químicos e do teor de argila da camada superficial de uma unidade de mapeamento de Gleissolos em escala de reconhecimento na Planície Costeira do Rio Grande do Sul, por meio da estatística descritiva e da geoestatística e comparar os resultados levando em consideração a existência de três unidades de mapeamento de Gleissolos em escala de semi-detalhe por meio da técnica de escalonamento de semivariogramas. Uma área de 403 ha localizada na Planície Costeira do Rio Grande do Sul, no município de Jaguarão, foi subdividida em três unidades de mapeamento (GMve1, GMve2 e GXve), sendo estabelecida uma malha total de amostragem de 403 pontos, distanciados entre si de 100 m. Em um raio de 5 m em torno de cada ponto amostral, foram coletadas 10 sub-amostras deformadas de solo na camada de 0-0,20 m, constituindo uma amostra composta de solo, sendo determinados os seguintes atributos das amostras: pH em água, carbono orgânico, fósforo, potássio, sódio, cálcio, magnésio, alumínio, acidez potencial e o conteúdo de argila. Calculou-se também a capacidade de troca de cátions (pH=7,0) e a saturação por bases. A identificação, caracterização e quantificação da variabilidade espacial dos atributos dos horizontes Ap dos solos foram realizadas por meio da estatística descritiva e da geoestatística, considerando a unidade de mapeamento em escala de reconhecimento e as três unidades em escala de semi-detalhe. Na análise geoestatística foi usada a técnica de escalonamento dos semivariogramas, com a finalidade de comparar as estruturas de variabilidade espacial de cada atributo do solo na área total e nas três UMs em escala de semi-detalhe. Em relação à estatística descritiva, o comportamento dos atributos do horizonte Ap na GXve é semelhante ao da área total na camada de solo avaliada; entretanto, ao considerar as coordenadas espaciais, a estrutura de variabilidade espacial dos atributos na GMve2 é a que melhor descreve a variabilidade dos atributos na área total. A técnica de escalonamento dos semivariogramas mostra que o comportamento espacial dos atributos pH e sódio trocável é semelhante, independente da escala de avaliação adotada e do fator usado para o escalonamento dos semivarigramas.
Descritores: Solo
Argila
Zonas Úmidas
Mapeamento Geográfico
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  9 / 110 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1016442
Autor: Santos, Larissa Ferreira Mendes dos.
Título: Derivas cartográficas: (sobre)vivências cotidianas e outros modos de (re)existência na contemporaneidade / Cartographic Derivations: daily (sur)vival and other ways of (re)existence on contemporaneity.
Fonte: São Paulo; s.n; 2019. 106 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Prática de Saúde Pública para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O exercício de olhar para as formas de vida e para as formatações que precarizam e capturam suas variações, contornos, movimentos, invenção, bem como a necessidade de trazer para o campo do cuidado em saúde um modo de trabalhar que considere as multiplicidades, olhando para as singularidades que portam os sujeitos e todas as possibilidades que compõem as existências, incitaram a produção desta pesquisa. Não pretendi traçar um inventário de variados modos de existência, mas encontrar e acompanhar o traçado das rotas de vidas cotidianamente inventadas. Micromovimentos que se passassem no entre, numa espécie de terceira margem, que não se ancorassem nas formas de resistência mais constituídas. Através de derivas por um bairro periférico localizado na região leste da cidade de São Paulo/SP, prestei atenção aos variados modos de produzir existência, ao arranjo vital dos pequenos fazeres cotidianos. Ensejei olhar o que não é visto e estabelecer uma zona de vizinhança com o que difere dos modos dominantes de habitar a vida. Uma cartografia das existências passando e pulsando no seu movimento mínimo, no emaranhado das linhas de um ordinário cotidiano que se encarrega da tramagem da vida. Com efeito, a presente pesquisa qualitativa com análise micropolítica do cotidiano por meio do método cartográfico, se propôs menos a coletar dados para formulação de análises que endossam estatísticas, confirmam hipóteses e formulam conclusões precisas, do que produzir encontros e narrativas a partir das histórias de vida, de luta e de resistência dos que habitam o território escolhido. Interessou-me saber do outro por ele mesmo

The exercise in looking to forms of life at its innumerous derivatives and deeper to the social arrangements that capture its variations, trajectories, movements, innovations, as so to bring into the field of health care approaches comprising the whole range of being multiplicities, noticing all subject\'s singularities thus evidencing all possibilities within the concept of existing, were the focus of the present research. I did not intend to solely gather data regarding ways of existence, but to find and trace the paths drawn continuously through daily challenges of existence. Micromovements taking effect in betweens, almost as a third border, that are not funded into most constituted strategies of social resistances. Throughout cartographic derivations in a peripheral neighborhood on the east of São Paulo/SP, I was concentrated to the many life producing possibilities, to the vital (re)actions on the simple daily tasks. I wished to apperceive the unnoticed aspects and set up a neighboring zone using the others rather than the dominant way of life appropriation. Cartography of existences pulsating at its lowest movements, stretching at its limited extent, comprehending one from the many routes that designs life narratives. In effect, this quantitative research with a micropolitical analysis of the daily life through the cartographic method, did not propose a collecting data to formulate intended analyses that confirm statistical, hypotheses, and conclusions, but producing meetings and narratives based on life stories, on singular struggles, and resistance of the people inhabiting that territory. I was interested to meeting the other by him
Descritores: Atividades Cotidianas
Mapeamento Geográfico
Traços de História de Vida
-Vida
Estilo de Vida
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1; MTR2402; BR67.1; MTR2402 revisada


  10 / 110 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Carvalho, Omar dos Santos
Caldeira, Roberta Lima
Carmo, Eduardo Hage
Texto completo
Id: biblio-975180
Autor: Carvalho, Omar dos Santos; Mendonça, Cristiane Lafetá Furtado de; Marcelino, Jeann Marie da Rocha; Passos, Liana Konovaloff Jannotti; Fernandez, Monica Ammon; Leal, Raquel de Souza; Caldeira, Roberta Lima; Scholte, Ronaldo Guilherme Carvalho; Carmo, Eduardo Hage; Mesquita, Silvia Gonçalves; Thiengo, Silvana Carvalho.
Título: Distribuição geográfica dos hospedeiros intermediários do Schistosoma mansoni nos estados do Paraná, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco e Rio Grande do Norte, 2012-2014 / Distribución geográfica de los huéspedes intermedios de Schistosoma mansoni en los estados de Paraná, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco y Rio Grande do Norte, Brasil, 2012-2014 / Geographical distribution of intermediate hosts of Schistosoma mansoni in the states of Paraná, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco and Rio Grande do Norte, Brazil, 2012-2014
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;27(3):e2017343, 2018. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: descrever a distribuição geográfica dos hospedeiros intermediários do Schistosoma mansoni em cinco estados brasileiros. Métodos: estudo transversal; foram selecionados municípios dos estados do Paraná (78), Minas Gerais (120), Bahia (82), Pernambuco (51) e Rio Grande do Norte (98), nos anos de 2012 a 2014; esses municípios foram escolhidos por não possuírem registros atualizados da presença de caramujos hospedeiros intermediários de S. mansoni; moluscos foram capturados, taxonomicamente identificados e examinados para verificação de cercárias de S. mansoni. Resultados: os trabalhos foram realizados em 427 municípios (99,5% dos 429 selecionados); foi registrada presença de moluscos em 300 (70,2%) municípios e a ocorrência de Biomphalaria glabrata em 62 (21%) municípios, B. straminea em 181 (60%), B. tenagophila em três (1%); associação de B. glabrata/B. straminea foi encontrada em 53 (18%), e de B. glabrata/B. tenagophila em um (0,3%). Conclusão: os registros de B. glabrata, B. straminea e B. tenagophila estão de acordo com a distribuição conhecida.

Objetivo: describir la distribución geográfica de los hospedadores intermediarios de Schistosoma mansoni en cinco estados brasileños. Métodos: estudio epidemiológico transversal; el estudio fue realizado en municipios de los estados de Paraná (78), Minas Gerais (120), Bahia (82), Pernambuco (51) y Rio Grande do Norte (98), entre 2012 y 2014; estos municipios fueron elegidos por no poseer registros actualizados de la presencia de caracoles vectores de S. mansoni; los moluscos fueron capturados, taxonómicamente identificados y examinados para la verificación de cercarias de S. mansoni. Resultados: los trabajos fueron realizados en 427 municipios (99,5% de 429 municipios seleccionados); fue registrada presencia de moluscos en 300 (70,2%) municípios; la presencia de Biomphalaria glabrata fue registrada en 62 (21%) municipios, B. straminea en 181 (60%) y B. tenagophila en três (1%); se observó asociación de B. glabrata con B. straminea en 53 (18%) y de B. glabrata con B. tenagophila en uno (0,3%). Conclusión: los registros de Biomphalaria están de acuerdo con la distribución conocida.

Objective: to describe the geographical distribution of intermediate hosts of Schistosoma mansoni in five Brazilian states. Methods: this was a descriptive cross-sectional study; municipalities were selected in the states of Paraná (78), Minas Gerais (120), Bahia (82), Pernambuco (51) , and Rio Grande do Norte (98), for the period 2012 to 2014; these municipalities were chosen because they did not have current records of the presence of snails vectores de S. mansoni. The molluscs were captured and taxonomically identified and examined for S. mansoni cercariae. Results: the work was carried out in 427 municipalities (99.5% of the 429 selected); the presence of mollusks was registered in 300 (70.2%) municipalities; Biomphalaria glabrata were found in 62 (21%) municipalities, B. straminea in 181 (60%), B. tenagophila in three (1%); B. glabrata/B. straminea association was found in 53 municipalities (18%) and B. glabrata/B. tenagophila association in one (0.3%) municipality. Conclusion: B. glabrata, B. straminea and B. tenagophila distribution records obtained in this study are consistent with previously known distribution.
Descritores: Schistosoma mansoni
Esquistossomose
Biomphalaria
Vetores de Doenças
-Estudos Transversais
Estudos Ecológicos
Mapeamento Geográfico
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR275.1 - Biblioteca



página 1 de 11 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde