Base de dados : LILACS
Pesquisa : E05.570 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1723 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 173 ir para página                         

  1 / 1723 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1055411
Autor: Department of Veterinary Surgery and RadiologyVora, Shruti Dineshbhai; Department of Veterinary Surgery and RadiologyKumar, Vineet; Department of Veterinary Surgery and RadiologyAsodiya, Foram Arvindbhai; Department of Veterinary Physiology and BiochemistrySingh, Vivek Kumar; Department of Veterinary PathologyFefar, Dhaval Tribhovanbhai; Gajera, Harsukh Popatbhai.
Título: Bubaline Diaphragm Matrix: Development and Clinical Assessment into Cattle Abdominal Hernia Repair
Fonte: Braz. arch. biol. technol;62:e19180442, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The purpose of the study was to develop a xenogenic bubaline diaphragm matrix (BDM) for abdominal hernia repair. A fresh diaphragm was decellularized using aqueous sodium dodecyl sulfate (SDS) solutions (0.5-4% w/v) over a period. Acellularity was confirmed histologically and characterized by Masson's trichrome staining, scanning electron microscopy (SEM), DNA quantification, agarose gel electrophoresis, and Fourier-transform infrared spectroscopy. The BDM was used for clinical abdominal hernia repair in six cattle. Clinical, hemato-biochemical and antioxidant parameters were evaluated to assess biocompatibility of xenogenic BDM. Histologically, the diaphragm treated with 2% SDS for 48 h showed complete acellularity and orderly arranged collagen fibers. The SEM confirmed preservation of collagen structure and integrity. The DNA content was significantly (P < 0.05) reduced in BDM (33.12 ± 5.40 ng/mg) as compared to the native diaphragm (443.96 ± 162.60 ng/mg). DNA extracts from BDM show considerable removal of DNA material, with absence of DNA band in agarose gel. The FTIR spectrum of BDM has shown all characteristic transmittance peaks of bovine skin collagen indicating preserved collagen structure. Six cattle with BDM implant recovered uneventfully and remained sound at least upto 6 months. Hemato-biochemical and antioxidant findings were unremarkable. Bubaline diaphragm matrix shows excellent repair efficiency and biocompatibility for abdominal hernia repair in cattle without complications.
Descritores: Búfalos
Diafragma/anormalidades
Hérnia Abdominal/fisiopatologia
-Análise Espectral/instrumentação
Teste de Materiais/métodos
Microscopia Eletrônica de Varredura/instrumentação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Malafaia, Osvaldo
Texto completo
Id: biblio-885729
Autor: Utrabo, Carlos Alberto Lima; Czecko, Nicolau Gregori; Busato, Cesar Roberto; Montemór-Netto, Mário Rodrigues; Lipinski, Leandro; Malafaia, Osvaldo.
Título: Tensiometric analysis of meshes used in abdominal ventral wall defects in rats / Estudo tensiométrico de telas utilizadas na correção de defeito na parede abdominal ventral de ratos
Fonte: ABCD arq. bras. cir. dig;30(3):165-168, July-Sept. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Background: Among the various strategies to avoid exaggerated foreign body reaction in the treatment of hernias is the limitation of the amount of polypropylene or the use of absorbable material. Aim: To evaluate the healing of defects in the abdominal wall of rats, comparing microporous polypropylene, macroporous polypropylene and polypropylene/polyglecaprone at the 30º, 60º and 120º postoperative day. Methods: Wistar rats were submitted to defect production in the ventral abdominal wall, with integrity of the parietal peritoneum. Prolene®, Ultrapro® and Bard Soft® meshes were used in the correction of the defect. Nine subgroups of 10 animals were submitted to euthanasia at 30th, 60th and 120th postoperative day. Fragments of the abdominal wall of the animals were submitted to tensiometric analysis. Results: The tensiometry at the 30th postoperative day showed greater resistance of the tissues with Bard Soft® (macroporous mesh) in relation to the tissues with Prolene® (microporous mesh). On the 60th postoperative day Bard Soft® maintained the superior resistance to the tissues comparing to Prolene Mesh®. On the 120th postoperative day the tissues repaired with Ultrapro® (macroporous mesh) proved to be more resistant than the ones by Prolene® (microporous mesh) and Bard Soft® (macroporous mesh). Conclusion: The tissues repaired with macroporous meshes showed greater resistance than with microporous meshes at all stages, and at 120 days postoperative Ultrapro® performed better than the others.

RESUMO Racional: Dentre as várias estratégias para evitar exagerada reação de corpo estranho no tratamento das hérnias está a limitação da quantidade de polipropileno na tela ou utilização de material absorvível. Objetivo: Avaliar a cicatrização de defeito em parede abdominal de ratos, comparando-se as telas de polipropileno microporosa, polipropileno macroporosa e polipropileno/poliglecaprone. Métodos: Em 90 ratos Wistar foi produzido defeito na parede abdominal ventral, com integridade do peritônio parietal. Na correção foram utilizadas as telas Prolene®, Ultrapro® e Bard Soft®. Nove subgrupos de 10 animais foram submetidos à eutanásia no 30º, 60º e 120º dia do pós-operatório. Fragmentos da parede abdominal dos animais foram submetidos à análise tensiométrica. Resultados: A tensiometria aos 30dias mostrou maior resistência do tecido com tela Bard Soft® em relação à de Prolene®; no 60º dia a Bard Soft® manteve a resistência superior ao Prolene®; no 120º dia a reparação com tela macroporosa Ultrapro® mostrou-se mais resistentes que a de Prolene® e Bard Soft®. Conclusão: Os tecidos reparados com telas macroporosas demonstraram maior resistência do que as microporosas em todas as fases, sendo que aos 120 dias de pós-operatório a Ultrapro® teve melhor desempenho que as demais.
Descritores: Poliésteres
Polipropilenos
Telas Cirúrgicas
Teste de Materiais
Dioxanos
Técnicas de Fechamento de Ferimentos Abdominais
-Resistência à Tração
Fatores de Tempo
Ratos Wistar
Limites: Animais
Masculino
Ratos
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-990066
Autor: Ramos-López, M; Silva-Benítez, E. L; Aguilar-Medina, M; Ayala-Ham, A. R; Romero-Quintana, J. G; Soto-Sainz, J. E; Velázquez-Solano, A; Ramos-Payan, R; Castro-Salazar, G. Y.
Título: Evaluación in Vitro de la Biocompatibilidad de Cuatro Cementos Selladores con Osteoblastos Humanos / In vitro Evaluation of Four Sealer Cements Biocompatibility with Human Osteoblasts
Fonte: Int. j. odontostomatol. (Print);13(1):64-68, mar. 2019. tab.
Idioma: es.
Resumo: RESUMEN: El correcto sellado apical es un paso importante durante el tratamiento de conductos, para esto, se utilizan puntas de gutapercha y cemento sellador, de este último existen diversas formulaciones químicas en el mercado, por lo cual es importante tomar en cuenta los efectos que estas pueden tener en el proceso de cicatrización periapical. El propósito de este estudio fue evaluar la biocompatibilidad de cuatro cementos selladores con diferente composición química con osteoblastos humanos. Se prepararon extractos de cementos selladores a con dos concentraciones (10 mg/mL y 40 mg/mL) y dos tiempos de exposición (10 min y 8 h), estos fueron colocados en contacto con osteoblastos humanos para evaluar la proliferación y citotoxicidad a 24, 72 y 96 h con sus respectivos controles y blancos. Se realizó un análisis estadístico con ANOVA de un factor y la prueba de comparaciones múltiple de Bonferroni. Los resultados obtenidos, tanto en el ensayo de citotoxicidad como en el de proliferación, indicaron que el cemento a base de resina no es biocompatible con osteoblastos. El cemento a base de poli-dimetilxilosano fue el único que no mostró citotoxicidad a ningún de tiempo de exposición y concentración examinadas en este estudio.

ABSTRACT: Correct apical sealing is an important step during root canal treatment, hence, gutta-percha points and sealant are used. There are several chemical compositions on the market, so it is important to evaluate the effects of these in the periapical healing process. The aim of this study was to evaluate the biocompatibility of four sealer cements with different chemical composition placed in contact with human osteoblast. Different extracts were prepared at two concentrations (10 mg/mL and 40 mg/mL) and two exposure times (10 min and 8 h) these were placed in contact with human osteoblast to evaluate cytotoxicity and proliferation at 24, 48 and 72 h with their respective controls and blanks. A statistical analysis was performed with ANOVA of one factor and Bonferroni post hoc. Results obtained in cytotoxicity and proliferation assays, indicated that the resinbased cement is not biocompatible with osteoblast. The poly-dimethylxilosanbased cement was the only that did not show cytotoxicity at any time of exposure and concentration examined in this study.
Descritores: Osteoblastos/efeitos dos fármacos
Cimentos Dentários/toxicidade
-Cimento de Óxido de Zinco e Eugenol/toxicidade
Teste de Materiais/estatística & dados numéricos
Testes Imunológicos de Citotoxicidade/métodos
Análise Estatística
Análise de Variância
Limites: Humanos
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  4 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1119621
Autor: Risi, Lisandra Rodrigues; Oliveira, Alexandre Barbosa de; Bernardes, Margarida Maria Rocha; Ramos, Raquel de Souza; Moutinho, Elaine Cristina Valadares da Silva; Passos, Aderson Campos.
Título: Desenvolvimento de máscaras de tecido e celulose para resposta emergencial à pandemia provocada pelo SARS-CoV-2 / Development of tissue and cellulose masks for emergency response to the SARS-CoV-2 pandemic / Desarrollo de máscaras de tejido y celulosa para la respuesta de emergencia a la pandemia de SARS-CoV-2
Fonte: Rev. enferm. UERJ;28:e51476, jan.-dez. 2020.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: desenvolver um modelo de máscara de tecido, com aplicação do elemento filtrante em celulose, para fins de utilização como barreira física segura para aerossóis, como estratégia de resposta emergencial à pandemia provocada pelo SARS-CoV-2. Método: pesquisa laboratorial realizada por meio de protótipos, testagens empíricas e análises e discussões junto a expertises. Resultados: a condução da pesquisa demonstrou que os aerossóis são retidos pela barreira física de celulose introduzida à estrutura das máscaras, o que motivou a segunda fase do estudo em unidade da Rede Brasileira de Laboratórios Analíticos de Saúde sobre a eficácia desses materiais. Conclusão: a confecção de máscaras de tecido é um fenômeno mundial importante e urgente frente à pandemia da COVID-19. Em função da crise de abastecimento e dos parâmetros ressaltados neste estudo, acredita-se que o uso desse equipamento possa ser estendido a setores não críticos de unidades de saúde, além da população em geral.

Objective: to develop a model of fabric mask, with the application of a cellulose filter element, for use as a safe physical barrier for aerosols, as an emergency response strategy for the SARS-CoV-2 pandemic. Method: laboratory research carried out by means of prototypes, empirical tests and analyses, and discussions with experts. Results: the research demonstrated that aerosols are retained by the physical cellulose barrier introduced into the structure of the masks, which motivated the second phase of the study into the effectiveness of these materials at a unit of the Brazilian Analytical Health Laboratories Network. Conclusion: the making of fabric masks is an important and urgent worldwide phenomenon in tackling the COVID-19 pandemic. In view of the supply crisis and the parameters highlighted in this study, it is believed that the use of this equipment can be extended to non-critical sectors of health units, as well as to the general population.

Objetivo: desarrollar un modelo de mascarilla de tela, con la aplicación de un elemento filtrante de celulosa, para su uso como barrera física segura para aerosoles, como estrategia de respuesta de emergencia para la pandemia SARS-CoV-2. Método: investigación de laboratorio realizada mediante prototipos, pruebas y análisis empíricos y discusiones con expertos. Resultados: la investigación demostró que los aerosoles son retenidos por la barrera física de celulosa introducida en la estructura de las máscaras, lo que motivó la segunda fase del estudio sobre la efectividad de estos materiales en una unidad de la Red Brasileña de Laboratorios Analíticos de Salud. Conclusión: la fabricación de máscaras de tela es un fenómeno mundial importante y urgente para hacer frente a la pandemia de COVID-19. Ante la crisis de oferta y los parámetros resaltados en este estudio, se cree que el uso de este equipamiento puede extenderse a sectores no críticos de las unidades de salud, así como a la población en general.
Descritores: Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Equipamento de Proteção Individual/normas
Betacoronavirus
Máscaras/normas
-Teste de Materiais
Brasil
Celulose
Filtros
Capacidade de Resposta ante Emergências
Pandemias/prevenção & controle
Limites: Humanos
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  5 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1011554
Autor: Grazioli, Guillermo; Francia, Alejandro; Cuevas-Suárez, Carlos Enrique; Zanchi, Cesar Henrique; Moraes, Rafael Ratto De.
Título: Simple and Low-Cost Thermal Treatments on Direct Resin Composites for Indirect Use
Fonte: Braz. dent. j;30(3):279-284, May-June 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Resumo: Abstract The aim of this study was to evaluate the influence of three low-cost additional thermal treatments, available in the dental office, on the mechanical, chemical and optical properties of a light-cured resin composite indicated for direct restorations but used as indirect restorative. The direct resin composite TPH3 (Dentsply) was light-polymerized using a light-emitting diode curing unit and submitted to three experimental additional thermal treatments: dry heat at 170 °C for 5 min, autoclave at 121 °C for 6 min, or microwave oven at 450 W for 3 min. The resin composite without any thermal treatment was used as negative control group. An indirect resin composite (Vita CM LC, Vita Zahnfabrik) was tested as a reference. Flexural strength, elastic modulus, microhardness, degree of C=C conversion, roughness before and after simulated toothbrush abrasion, translucency parameter and color difference (ΔE00) were evaluated. Data were analyzed at α=0.05. The indirect resin composite presented lower C=C conversion and mechanical performance. The flexural strength was significantly higher in the dry oven group compared with the control. The roughness was not different among groups before or after brushing, but the thermal treatments caused an increase in C=C conversion, microhardness, and elastic modulus without affecting the translucency parameter or showing visible color alteration (ΔE00<1.8). These results suggest that the use of additional thermal methods of polymerization represents an economical and simple alternative to enhance the mechanical and chemical properties of direct resin composites when used as indirect restoratives.

Resumo O objetivo deste estudo foi avaliar a influência de três tratamentos térmicos adicionais de baixo custo, disponíveis no consultório dentário, nas propriedades mecânicas, químicas e ópticas de uma resina composta fotoativada indicada para restaurações diretas porém usada como restaurador indireto. A resina composta direta TPH3 (Dentsply) foi fotoativada usando um diodo emissor de luz e submetida a três tratamentos térmicos adicionais experimentais: forno seco a 170 °C por 5 min, autoclave a 121 °C por 6 min ou forno de micro-ondas a 450 W por 3 min. A resina composta sem qualquer tratamento térmico adicional foi usada como grupo controle negativo. Uma resina composta indireta (Vita CM LC, Vita Zahnfabrik) foi testada como referência comercial. Resistência à flexão, módulo de elasticidade, microdureza, grau de conversão de C=C, rugosidade antes e após abrasão por escovação simulada, parâmetro de translucidez e diferença de cor (ΔE00) foram avaliados. Os dados foram analisados considerando α=0.05. A resina composta indireta apresentou menor conversão de C=C e desempenho mecânico. A resistência à flexão foi significativamente mais alta no grupo forno seco comparado ao controle. A rugosidade não foi diferente entre os grupos antes ou após a escovação, porém os tratamentos térmicos adicionais causaram aumento na conversão de C=C, microdureza e módulo de elasticidade, sem afetar o parâmetro de translucidez ou mostrar alteração de cor visível (ΔE00<1,8). Estes resultados sugerem que o uso de métodos térmicos adicionais de polimerização representam alternativa econômica e simples para aprimorar as propriedades mecânicas e químicas de resinas compostas diretas quando utilizadas como restauradores indiretos.
Descritores: Resinas Compostas
-Teste de Materiais
Polimerização
Responsável: UY20.1 - Departamento de Documentación y Biblioteca


  6 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-751409
Autor: Pithon, Matheus Melo; Ferraz, Caio Souza; Rosa, Francine Cristina Silva; Rosa, Luciano Pereira.
Título: Sterilizing elastomeric chains without losing mechanical properties. Is it possible?
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);20(3):96-100, May-Jun/2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: To investigate the effects of different sterilization/disinfection methods on the mechanical properties of orthodontic elastomeric chains. METHODS: Segments of elastomeric chains with 5 links each were sent for sterilization by cobalt 60 (Co60) (20 KGy) gamma ray technology. After the procedure, the elastomeric chains were contaminated with clinical samples of Streptococcus mutans. Subsequently, the elastomeric chains were submitted to sterilization/disinfection tests carried out by means of different methods, forming six study groups, as follows: Group 1 (control - without contamination), Group 2 (70°GL alcohol), Group 3 (autoclave), Group 4 (ultraviolet), Group 5 (peracetic acid) and Group 6 (glutaraldehyde). After sterilization/disinfection, the effectiveness of these methods, by Colony forming units per mL (CFU/mL), and the mechanical properties of the material were assessed. Student's t-test was used to assess the number of CFUs while ANOVA and Tukey's test were used to assess elastic strength. RESULTS: Ultraviolet treatment was not completely effective for sterilization. No loss of mechanical properties occurred with the use of the different sterilization methods (p > 0.05). CONCLUSION: Biological control of elastomeric chains does not affect their mechanical properties. .

OBJETIVO: verificar os efeitos de diferentes métodos de esterilização/desinfecção nas propriedades mecânicas de elásticos ortodônticos em cadeia. MÉTODOS: segmentos de elástico em cadeia com 5 elos cada foram enviados para esterilização em radiação gama com cobalto 60 (20 KGy). Após esterilização, esses foram contaminados com amostras clínicas de Streptococcus mutans. Passado esse período, foram submetidos aos testes de esterilização/desinfecção por diferentes métodos, formando seis grupos de estudo, assim denominados: Grupo 1 (controle - sem ter sido contaminado), Grupo 2 (álcool 70°GL), Grupo 3 (autoclave), Grupo 4 (ultravioleta), Grupo 5 (ácido peracético) e Grupo 6 (glutaraldeído). Após esterilização/desinfecção, avaliou-se a efetividade desses métodos, por meio de contagem de unidades formadoras de colônias por mL (UFC/mL), e as propriedades mecânicas desses materiais. Utilizou-se o teste t de Student para avaliar o número de UFC, além do ANOVA e, posteriormente, do teste de Tukey para avaliação da força. RESULTADOS: verificou-se que o ultravioleta não obteve eficácia total quanto à esterilização. E não ocorreu perda das propriedades mecânicas dos elásticos, com os diferentes métodos de esterilização utilizados (p > 0,05). CONCLUSÃO: o controle biológico de elásticos em cadeia não interfere nas suas propriedades mecânicas. .
Descritores: Aparelhos Ortodônticos/microbiologia
Esterilização/métodos
Elastômeros/química
Materiais Dentários/química
-Ácido Peracético/uso terapêutico
Streptococcus mutans/efeitos dos fármacos
Streptococcus mutans/efeitos da radiação
Estresse Mecânico
Fatores de Tempo
Raios Ultravioleta
Teste de Materiais
Desinfecção/métodos
Glutaral/uso terapêutico
Radioisótopos de Cobalto/uso terapêutico
Desinfetantes de Equipamento Odontológico/uso terapêutico
Compostos Radiofarmacêuticos/uso terapêutico
Elastômeros/efeitos da radiação
Materiais Dentários/efeitos da radiação
Etanol/uso terapêutico
Elasticidade
Carga Bacteriana/efeitos dos fármacos
Carga Bacteriana/efeitos da radiação
Raios gama/uso terapêutico
Temperatura Alta
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-757423
Autor: Carneiro, Grace Kelly Martins; Roque, Juliano Alves; Segundo, Aguinaldo Silva Garcez; Suzuki, Hideo.
Título: Evaluation of stiffness and plastic deformation of active ceramic self-ligating bracket clips after repetitive opening and closure movements
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);20(4):45-50, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: The aim of this study was to assess whether repetitive opening and closure of self-ligating bracket clips can cause plastic deformation of the clip.METHODS: Three types of active/interactive ceramic self-ligating brackets (n = 20) were tested: In-Ovation C, Quicklear and WOW. A standardized controlled device performed 500 cycles of opening and closure movements of the bracket clip with proper instruments and techniques adapted as recommended by the manufacturer of each bracket type. Two tensile tests, one before and one after the repetitive cycles, were performed to assess the stiffness of the clips. To this end, a custom-made stainless steel 0.40 x 0.40 mm wire was inserted into the bracket slot and adapted to the universal testing machine (EMIC DL2000), after which measurements were recorded. On the loading portion of the loading-unloading curve of clips, the slope fitted a first-degree equation curve to determine the stiffness/deflection rate of the clip.RESULTS: The results of plastic deformation showed no significant difference among bracket types before and after the 500 cycles of opening and closure (p = 0.811). There were significant differences on stiffness among the three types of brackets (p = 0.005). The WOW bracket had higher mean values, whereas Quicklear bracket had lower values, regardless of the opening/closure cycle.CONCLUSION: Repetitive controlled opening and closure movements of the clip did not alter stiffness or cause plastic deformation.

OBJETIVO: o objetivo deste estudo foi avaliar se a abertura e o fechamento repetitivo do clipe de braquetes autoligáveis podem causar deformação plástica do clipe.MÉTODOS: três tipos de braquetes autoligáveis ativos/interativos estéticos (n = 20) foram testados: In-Ovation C, Quicklear e WOW. Um dispositivo realizou, de forma controlada e padronizada, 500 ciclos de abertura e de fechamento do clipe, com instrumentos e técnicas adequadas, tal como recomendado pelo fabricante de cada tipo de braquete. Dois ensaios de tração, um antes e um depois dos ciclos repetitivos, foram realizados para se avaliar a rigidez dos clipes. Para o ensaio de tração, um fio de 0,40 x 0,40mm de aço inoxidável foi inserido no slot do braquete e adaptado em uma máquina universal de ensaios (EMIC DL2000), sendo as medições registradas. Na porção retilínea da curva de carregamento dos clipes, a inclinação é definida por uma equação de primeiro grau, determinando o coeficiente de elasticidade (rigidez) do clipe.RESULTADOS: os resultados quanto à deformação plástica não mostraram nenhuma diferença significativa entre os tipos de braquetes, antes e depois dos 500 ciclos de abertura e de fechamento (p = 0,811). Foram encontradas diferenças significativas na rigidez entre os três tipos de braquetes (p = 0,005): o braquete WOW demonstrou valores médios mais elevados, e o braquete Quicklear demonstrou valores mais baixos, independentemente do ciclo de abertura e fechamento.CONCLUSÃO: movimentos repetitivos controlados de abertura e de fechamento do clipe não alteraram a rigidez ou causaram deformação plástica.
Descritores: Cerâmica/química
Braquetes Ortodônticos
Desenho de Aparelho Ortodôntico
Ligas Dentárias/química
Materiais Dentários/química
-Fios Ortodônticos
Aço Inoxidável/química
Estresse Mecânico
Resistência à Tração
Teste de Materiais
Maleabilidade
Análise do Estresse Dentário/instrumentação
Fenômenos Mecânicos
Módulo de Elasticidade
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-757425
Autor: Guignone, Bruna Coser; Silva, Ludimila Karsbergen; Soares, Rodrigo Villamarim; Akaki, Emilio; Goiato, Marcelo Coelho; Pithon, Matheus Melo; Oliveira, Dauro Douglas.
Título: Color stability of ceramic brackets immersed in potentially staining solutions
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);20(4):32-38, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: To assess the color stability of five types of ceramic brackets after immersion in potentially staining solutions.METHODS: Ninety brackets were divided into 5 groups (n = 18) according to brackets commercial brands and the solutions in which they were immersed (coffee, red wine, coke and artificial saliva). The brackets assessed were Transcend (3M/Unitek, Monrovia, CA, USA), Radiance (American Orthodontics, Sheboygan, WI, USA), Mystique (GAC International Inc., Bohemia, NY, USA) and Luxi II (Rocky Mountain Orthodontics, Denver, CO, USA). Chromatic changes were analyzed with the aid of a reflectance spectrophotometer and by visual inspection at five specific time intervals. Assessment periods were as received from the manufacturer (T0), 24 hours (T1), 72 hours (T2), as well as 7 days (T3) and 14 days (T4) of immersion in the aforementioned solutions. Results were submitted to statistical analysis with ANOVA and Bonferroni correction, as well as to a multivariate profile analysis for independent and paired samples with significance level set at 5%.RESULTS: The duration of the immersion period influenced color alteration of all tested brackets, even though these changes could not always be visually observed. Different behaviors were observed for each immersion solution; however, brackets immersed in one solution progressed similarly despite minor variations.CONCLUSIONS: Staining became more intense over time and all brackets underwent color alterations when immersed in the aforementioned solutions.

OBJETIVO: avaliar a estabilidade da cor de cinco tipos de braquetes cerâmicos após imersão em soluções potencialmente corantes.MÉTODOS: noventa braquetes foram divididos em 5 grupos (n = 18) de acordo com a marca comercial dos braquetes e as soluções em que foram imersos (café, vinho tinto, Coca-Cola e saliva artificial). Os baquetes avaliados foram Transcend (3M / Unitek, Monrovia, CA, EUA), Radiance (American Ortodontia, Sheboygan, WI, EUA), Mystique (GAC International Inc., Bohemia, NY, EUA) e Luxi II (Rocky Mountain Orthodontics, Denver, CO, EUA). Alterações cromáticas foram analisadas com o uso de um espectrofotômetro de reflectância e por inspecção visual, em cinco intervalos de tempo específicos. Os momentos de avaliação foram: 24 horas (T1), 72 horas (T2), 7 dias (T3) e 14 dias (T4) de imersão nas soluções. Os resultados foram submetidos à avaliação estatística com análise de variância e correção de Bonferroni, bem como a uma análise do perfil multivariada para amostras independentes e pareadas, com nível de significância de 5%.RESULTADOS: a duração do período de imersão influenciou na alteração de cor de todos os braquetes testados, mesmo admitindo-se que essas alterações nem sempre puderam ser observadas visualmente. Diferentes comportamentos foram observados em cada solução de imersão; no entanto, braquetes imersos em um mesmo tipo de solução progrediram de forma semelhante, apesar das pequenas variações.CONCLUSÕES: a coloração se tornou mais intensa com o tempo, e todos os braquetes sofreram alteração de cor nas soluções imersas.
Descritores: Cerâmica/química
Braquetes Ortodônticos
Materiais Dentários/química
-Saliva Artificial/química
Espectrofotometria/instrumentação
Propriedades de Superfície
Fatores de Tempo
Vinho
Teste de Materiais
Bebidas Gaseificadas
Café
Cor
Corantes/química
Óxido de Alumínio/química
Imersão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 1723 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-757427
Autor: Stella, João Paulo Fragomeni; Oliveira, Andrea Becker; Nojima, Lincoln Issamu; Marquezan, Mariana.
Título: Four chemical methods of porcelain conditioning and their influence over bond strength and surface integrity
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);20(4):51-56, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: To assess four different chemical surface conditioning methods for ceramic material before bracket bonding, and their impact on shear bond strength and surface integrity at debonding.METHODS: Four experimental groups (n = 13) were set up according to the ceramic conditioning method: G1 = 37% phosphoric acid etching followed by silane application; G2 = 37% liquid phosphoric acid etching, no rinsing, followed by silane application; G3 = 10% hydrofluoric acid etching alone; and G4 = 10% hydrofluoric acid etching followed by silane application. After surface conditioning, metal brackets were bonded to porcelain by means of the Transbond XP system (3M Unitek). Samples were submitted to shear bond strength tests in a universal testing machine and the surfaces were later assessed with a microscope under 8 X magnification. ANOVA/Tukey tests were performed to establish the difference between groups (α= 5%).RESULTS: The highest shear bond strength values were found in groups G3 and G4 (22.01 ± 2.15 MPa and 22.83 ± 3.32 Mpa, respectively), followed by G1 (16.42 ± 3.61 MPa) and G2 (9.29 ± 1.95 MPa). As regards surface evaluation after bracket debonding, the use of liquid phosphoric acid followed by silane application (G2) produced the least damage to porcelain. When hydrofluoric acid and silane were applied, the risk of ceramic fracture increased.CONCLUSIONS: Acceptable levels of bond strength for clinical use were reached by all methods tested; however, liquid phosphoric acid etching followed by silane application (G2) resulted in the least damage to the ceramic surface.

OBJETIVO: avaliar quatro métodos de condicionamento químico da superfície cerâmica, previamente à colagem de braquetes, e seu impacto sobre a resistência ao cisalhamento e a integridade da superfície ao descolamento.MÉTODOS: quatro grupos experimentais (n = 13) foram delineados de acordo com o método de condicionamento da superfície cerâmica empregado: G1 = ácido fosfórico a 37%, seguido da aplicação de silano; G2 = ácido fosfórico líquido a 37%, seguido da aplicação de silano sem lavagem prévia do ácido; G3 = ácido fluorídrico a 10%; e G4 = ácido fluorídrico a 10%, seguido da aplicação de silano. Após o condicionamento da superfície, braquetes metálicos foram colados à porcelana utilizando-se o sistema Transbond XP (3M Unitek). As amostras foram submetidas a ensaios de resistência ao cisalhamento, em máquina de ensaio universal, e as superfícies cerâmicas foram posteriormente avaliadas em microscópio, com magnitude de 8X. Testes ANOVA/Tukey foram realizados para verificar-se a diferença entre os grupos (α = 5%).RESULTADOS: os maiores valores de resistência ao cisalhamento foram encontrados nos grupos G3 e G4 (22,01 ± 2,15MPa e 22,83 ± 3,32Mpa, respectivamente), seguidos por G1 (16,42 ± 3,61MPa) e G2 (9,29 ± 1,95MPa). Quanto à avaliação da superfície após a descolagem do braquete, a utilização de ácido fosfórico líquido seguido da aplicação de silano, sem lavagem do ácido (G2), produziu menores danos à porcelana. Quando ácido fluorídrico e silano foram aplicados, o risco de fraturar a cerâmica aumentou.CONCLUSÕES: níveis aceitáveis de resistência de união para uso clínico foram alcançados por todos os métodos testados. No entanto, o condicionamento com ácido fosfórico líquido, seguido da aplicação de silano (G2), resultou em menor dano à superfície cerâmica.
Descritores: Condicionamento Ácido do Dente/métodos
Colagem Dentária
Braquetes Ortodônticos
Porcelana Dentária/química
-Ácidos Fosfóricos/química
Silanos/química
Estresse Mecânico
Propriedades de Superfície
Teste de Materiais
Desenho de Aparelho Ortodôntico
Descolagem Dentária/métodos
Compostos de Potássio/química
Resinas Compostas/química
Cimentos de Resina/química
Ligas Dentárias/química
Resistência ao Cisalhamento
Análise do Estresse Dentário/instrumentação
Silicatos de Alumínio/química
Ácido Fluorídrico/química
Microscopia
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 1723 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-770272
Autor: Martins, Renato Parsekian; Caldas, Sergei Godeiro Fernandes Rabelo; Ribeiro, Alexandre Antonio; Vaz, Luís Geraldo; Shimizu, Roberto Hideo; Martins, Lídia Parsekian.
Título: Differences in the force system delivered by different beta-titanium wires in elaborate designs
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);20(6):89-96, Nov.-Dec. 2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Objective: Evaluation of the force system produced by four brands of b-Ti wires bent into an elaborate design. Methods: A total of 40 T-loop springs (TLS) hand-bent from 0.017 x 0.025-in b-Ti were randomly divided into four groups according to wire brand: TMATM(G1), BETA FLEXYTM (G2), BETA III WIRETM (G3) and BETA CNATM (G4). Forces and moments were recorded by a moment transducer, coupled to a digital extensometer indicator adapted to a testing machine, every 0.5 mm of deactivation from 5 mm of the initial activation. The moment-to-force (MF) ratio, the overlapping of the vertical extensions of the TLSs and the load-deflection (LD) ratio were also calculated. To complement the results, the Young's module (YM) of each wire was determined by the slope of the load-deflection graph of a tensile test. The surface chemical composition was also evaluated by an energy dispersive X-ray fluorescence spectrometer. Results: All groups, except for G2, produced similar force levels initially. G3 produced the highest LD rates and G1 and G4 had similar amounts of overlap of the vertical extensions of the TLSs in "neutral position". G1 and G3 delivered the highest levels of moments, and G2 and G3 produced the highest MF ratios. b-Ti wires from G3 produced the highest YM and all groups showed similar composition, except for G2. Conclusion: The four beta-titanium wires analyzed produced different force systems when used in a more elaborate design due to the fact that each wire responds differently to bends.

Resumo Objetivo: avaliar os sistemas de força produzidos por quatro marcas de fios de -Ti, dobrados em formas complexas. Métodos: quarenta molas T-Loop (TLS) dobradas à mão, confeccionadas a partir de fios de -Ti, calibre 0,017" x 0,025", foram aleatoriamente divididas em quatro grupos, de acordo com a marca do fio: TMA (G1), BETA FLEXY (G2), BETA III Wire (G3) e BETA CNA (G4). Forças e momentos foram registrados por um transdutor de momento - acoplado a um extensômetro digital, adaptado a uma máquina de ensaios -, a cada 0,5mm de desativação, a partir de 5mm da ativação inicial. A proporção momento-força (M/F), a sobreposição das extensões verticais das TLSs e a relação carga-deflexão (C/D) também foram calculadas. Para completar os resultados, o módulo de Young (MY) de cada fio foi determinado pelo declive no gráfico de carga-deflexão em um ensaio de tração. Ademais, a composição química da superfície foi avaliada por um espectrômetro de fluorescência de raios X por energia dispersiva. Resultados: todos os grupos, exceto o G2, produziram níveis de força semelhantes, inicialmente. O G3 produziu as maiores taxas de C/D, enquanto G1 e G4 tiveram quantidades similares de sobreposição das extensões verticais das TLSs em posição neutra. G1 e G3 geraram os mais altos níveis de momentos, enquanto G2 e G3 produziram os mais altos índices de M/F. Os fios -Ti do G3 produziram o maior MY, e todos os grupos apresentaram composição semelhante, exceto G2. Conclusão: os quatro fios de beta-titânio analisados produziram diferentes sistemas de forças, quando utilizados para formas mais complexas, devido ao fato de que cada fio responde de forma diversa à confecção de dobras.
Descritores: Estresse Mecânico
-Fios Ortodônticos
Titânio
Teste de Materiais
Ligas Dentárias
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 173 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde