Base de dados : LILACS
Pesquisa : E07.632.490 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1121 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 113 ir para página                         

  1 / 1121 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Minicucci, Eliana Maria
Popim, Regina Célia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1146994
Autor: Freitas, Karina Alexandra Batista da Silva; Lima, Talita Oliveira de; Minicucci, Eliana Maria; Silva, Karen Aline Batista da; Vigliassi, Alessandra Passarelli; Popim, Regina Célia.
Título: Associação da fotobiomodulação e da hialuronidase tópica no extravasamento e infiltração de antineoplásicos. Estudo retrospectivo / Association of photobiomodulation and topical hyaluronidase in extravasation and infiltration of antineoplastics. Retrospective study / Asociación de fotobiomodulación y hialuronidasa tópica en extravasación e infiltración de antineoplásticos. Estudio retrospectivo
Fonte: Nursing (Säo Paulo);23(271):4971-4978, dez.2020.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: avaliar a ação da fotobiomodulação associada a hialuronidase tópica nos extravasamentos e infiltrações de antineoplásicos, na prevenção de formação de lesões. Método: Estudo transversal, retrospectivo, descritivo que analisou os dados referentes a extravasamento e infiltração de antineoplásicos em um Ambulatório de Oncologia de um Hospital Público do interior do Estado de São Paulo no período de janeiro de 2018 a outubro de 2019. Resultados: A população do estudo constitui-se de 15 participantes, destes, 53% (n=8) apresentaram extravasamento e 47% (n=7) infiltração, gerando uma incidência de 0,6% e 0,5% respectivamente. Os antineoplásicos mais envolvidos foram paclitaxel e carboplatina. Não houve formação de lesões nos 15 pacientes estudados. Foram realizadas apenas 02 sessões de FBM em cada paciente com exceção de 01 paciente que foram realizadas 07 sessões, por ser extravasamento de antraciclina. Conclusão: O protocolo administrado foi efetivo na prevenção de formação de lesões durante extravasamento e infiltrações de antineoplásicos. (AU)

Objective: to evaluate the action of photobiomodulation associated with topical hyaluronidase on extravasations and infiltrations of antineoplastic agents, in preventing the formation of lesions. Method: Cross-sectional, retrospective, descriptive study that analyzed data referring to extravasation and infiltration of antineoplastic agents in an Oncology Outpatient Clinic of a Public Hospital in the interior of the State of São Paulo from January 2018 to October 2019. Results: The population the study consists of 15 participants, of which 53% (n = 8) had leakage and 47% (n = 7) infiltration, generating an incidence of 0.6% and 0.5% respectively. The most involved antineoplastic agents were paclitaxel and carboplatin. There was no lesion formation in the 15 studied patients. Only 02 sessions of FBM were performed in each patient with the exception of 01 patient who were performed 07 sessions, for being anthracycline leakage. Conclusion: The administered protocol was effective in preventing the formation of lesions during extravasation and infiltration of antineoplastic agents.(AU)

Objetivo: evaluar la acción de la fotobiomodulación asociada a la hialuronidasa tópica sobre extravasaciones e infiltraciones de agentes antineoplásicos, en la prevención de la formación de lesiones. Método: Estudio descriptivo, transversal, retrospectivo, que analizó datos referentes a extravasación e infiltración de agentes antineoplásicos en un Ambulatorio de Oncología de un Hospital Público del interior del Estado de São Paulo de enero de 2018 a octubre de 2019. Resultados: La población el estudio consta de 15 participantes, de los cuales el 53% (n = 8) presentaba fugas y el 47% (n = 7) infiltración, generando una incidencia de 0,6% y 0,5% respectivamente. Los agentes antineoplásicos más implicados fueron paclitaxel y carboplatino. No hubo formación de lesiones en los 15 pacientes estudiados. Solo se realizaron 02 sesiones de FBM en cada paciente con excepción de 01 paciente que se realizaron 07 sesiones, por ser fuga de antraciclinas. Conclusión: El protocolo administrado fue eficaz para prevenir la formación de lesiones durante la extravasación e infiltración de agentes antineoplásicos.(AU)
Descritores: Ferimentos e Lesões/prevenção & controle
Terapia com Luz de Baixa Intensidade
Antineoplásicos
-Estudos Retrospectivos
Extravasamento de Materiais Terapêuticos e Diagnósticos
Lasers
Limites: Humanos
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería


  2 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1129614
Autor: Silva, Ariany Malheiro e; Sales, Gilvania Batista de; Santos, Maria Vitória Calado Ramalho dos; Ribeiro, Rodrigo Alves; Sena, Luana Samara Balduino de; Sousa, João Nilton Lopes de.
Título: Control of pain in patients undergoing gingivectomy and gingivoplasty with low intensity laser / Controle da dor em pacientes submetidos a gengivectomia e gengivoplastia com laser de baixa intensidade
Fonte: Periodontia;30(3):17-25, 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: Objective: To evaluate the efficiency of Laser Low Intensity (LLI) in pain control and reduction of analgesic consumption after gingivectomy and gingivoplasty. Methods: Twenty patients with gingival hyperplasia were randomly divided into two groups with 10 subjects each. In the test group it was applied after gingivectomy / gingivaplasty, low intensity laser in the operative wound and prescription only in case of pain, while in the control group only analgesia was performed in case of pain. Results: The laser was applied at 3 points in the region of periodontal surgery. The irradiation was performed in a single session, using diode laser (808 nm, 100nW, 100J / cm², 30 s). Pain was assessed by Visual Analogue Scale, as well as the amount of analgesics ingested by the patient. In the test group, 80% of the individuals did not report postoperative pain, those who reported symptomatology, were identified only as mild discomfort. The analysis of the data showed a statistically significant difference when compared to the higher postoperative pain between the groups (p = 0.026). However, there was no difference in the evaluation of analgesic use. Conclusion: Based on our results, it is suggested that LLI therapy decreases the intensity of postoperative pain in periodontal surgeries (AU)
Descritores: Dor
Gengivectomia
Gengivoplastia
Lasers
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação


  3 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1050114
Autor: CUSMANICH, Carlos.
Título: Tratamento da Doença de Peyronie com hipertermia, vitamina D e testosterona ­ Estudo piloto randomizado controlado / TREATMENT OF PEYRONIE'S DISEASE WITH HYPERTERMIA, VITAMIND AND TESTOSTERONE ­ A PILOT RANDOMIZED CONTROLLED TRIAL
Fonte: Rev. méd. Paraná;77(1):39-43, jan.-jun. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: A doença de Peyronie caracteriza-se pela presença de placas de fibrose no pênis, com ou sem curvatura, estrangulamento e encurtamento do pênis e, em muitos casos, disfunção erétil. O objetivo deste trabalho foi verificar a eficácia da combinação de hipertermia usando laser infravermelho (aplicado pelo próprio paciente), testosterona intramuscular e gel 10% diretamente no pênis e vitamina D por via oral VS hipertermia isolada usando o mesmo regime de laser infravermelho. Vinte pacientes que preencheram os critérios de inclusão foram randomizados em dois grupos de dez pacientes. Os dois grupos apresentaram significativa diminuição da placa. Conclusão: este estudo piloto demonstrou que a hipertermia usando laser infravermelho isoladamente pode ser um método promissor para tratar a doença de Peyronie
Descritores: Induração Peniana
Lasers
-Pacientes
Pênis
Disfunção Erétil
Limites: Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR16.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde


  4 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-521974
Autor: Manzitti, Julio; López, Beatriz.
Título: Usos de los diferentes tipos de laser en oftalmología / Use of different types of laser in childhood ophthalmology
Fonte: Med. infant;8(4):335-338, dic. 2001.
Idioma: es.
Descritores: Oftalmologia
Lasers
Terapia a Laser
Limites: Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Responsável: AR94.1 - Centro de Información Pediatrica


  5 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1128800
Autor: Falcón Guerrero, Britto E; Falcón Pasapera, Guido S.
Título: Consideraciones para el manejo de un implante inmediato en alvéolos infectados: una actualización / Considerations for the management of an immediate implant in infected sockets: an update
Fonte: Rev. ADM = ADM;77(3):156-161, mayo-jun. 2020.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: La instalación inmediata del implante posterior a la extracción dental se está convirtiendo en un procedimiento de rutina debido a la reducción del tiempo de tratamiento y a la preservación de las estructuras anatómicas remanentes. Sin embargo, en muchos casos esta técnica involucra dientes afectados con procesos infecciosos. Hasta ahora, no se ha descrito a ciencia cierta el grado de éxito o fracaso del implante inmediato en alvéolos infectados, ni se ha establecido un protocolo para el manejo de este tipo de casos. Objetivo: Realizar una revisión bibliográfica actualizada, para determinar qué consideraciones se deben tener para instalar un implante inmediato en alvéolos con procesos infecciosos. Conclusión: Es posible obtener las ventajas de la instalación inmediata del implante en alvéolos infectados mediante la aplicación de un adecuado manejo clínico, donde se considere un adecuado tratamiento antibiótico, acompañado de un correcto curetaje alveolar, respetar la cadena de asepsia y antisepsia, posición subcrestal del implante y obtener siempre una buena estabilidad primaria del implante (AU)

Introduction: The immediate placement of the implant after dental extraction is a procedure that every time is becoming a routine procedure due to the reduction of the treatment time and the preservation of the remaining anatomical structures. However, in many cases, this technique involves affected teeth with infectious processes. Until now, the degree of success or failure of the immediate implant in infected alveoli has not been described for sure; nor has a protocol been established for the management of these types of cases. Objective: Carry out an updated bibliographic review, to determine what considerations must be taken to install an immediate implant in alveoli with infectious processes. Conclusion: Is possible obtain the advantages of the immediate installation of the implant in infected alveoli through the application of adequate clinical management, where appropriate antibiotic treatment is considered, accompanied by proper alveolar curettage, respect the aseptic and antiseptic chain, implant subcrestal position and always obtain a good primary stability of the implant (AU)
Descritores: Extração Dentária
Alvéolo Dental
Carga Imediata em Implante Dentário
Infecção Focal Dentária/terapia
-Clorexidina/uso terapêutico
Regeneração Tecidual Guiada
Lasers
Antibacterianos/uso terapêutico
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: AR29.1 - Biblioteca


  6 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-549727
Autor: Braga, Mariana Minatel; Jarroug, Karen Elias; Mendes, Fausto Medeiros.
Título: Avaliação da presença de defeitos de esmalte pelo índice visual DDE modificado e por aparelho de fluorescência a laser (DIAGNOdent) / Presence of developmental defects of enamel (DDE) by the modified DDE visual index and laser fluorescence (DIAGNOdent)
Fonte: Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr;10(1):95-100, jan.-abr. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Avaliar os defeitos de desenvolvimento de esmalte em dentes permanentes através da avaliação com o Índice Development Defects of Enamel (DDE) modificado e do aparelho DIAGNOdent, visando avaliar se as leituras do DIAGNOdent apresentavam interferência em dentes com defeitos de desenvolvimento de esmalte e correlacionar os resultados obtidos pelo Índice DDE modificado e pelo DIAGNOdent. Método: Vinte indivíduos (6-17 anos) tiveram alguns de seus dentes permanentes avaliados pelo DIAGNOdent, tanto na sua face vestibular quanto na face lingual. As medidas obtidas pelo DIAGNOdent em dentes com defeitos de desenvolvimento de esmalte foram comparados com dentes contra-laterais sem os defeitos pelo teste de Mann-Whitney. As medidas do aparelho também foram comparadas em dentes classificados como sem defeitos de desenvolvimento de esmalte, dentes com hipocalcificação e dentes com hipoplasia, classsificados pelo DDE, utilizando o teste de Kruskal-Wallis. Foi investigada também a correlação da presença desses defeitos com a classificação pelo DDE modificado e com experiência de cárie desses pacientes (teste de correlação de Spearman). Resultados: Observou-se que os valores do DIAGNOdent foram em média maiores para os dentes com defeitos de esmalte que para dentes normais (p<0,001). Entretanto, o coeficiente de correlação entre as medidas com o DIAGNOdent e a ocorrência de alterações de esmalte foi considerada baixa (rSp=0,31- p<0,001). Houve diferença estatisticamente significante entre os diferentes tipos de alterações de esmalte (p<0,001). Não foi encontrada correlação entre as alterações de esmalte e cárie dentária (p>0,05). Conclusão: As medidas com o DIAGNOdent podem ser alteradas pela presença de alterações no esmalte, podendo levar a diagnóstico equivocado, se considerado isoladamente.

Objective: To evaluate the presence of developmental defects of enamel (DDE) in permanent teeth by the analysis of the modified DDE index and the use of a laser fluorescence system (DIAGNOdent), aiming at determining whether the presence of DDE interfere in the DIAGNOdent readings, and correlating the results obtained by the modified DDE index and DIAGNOdent. Method: Twenty individuals (age range: 6-17 years) had the buccal and lingual faces of some of their permanent teeth evaluated using the DIAGNOdent system. The DIAGNOdent measurements obtained from teeth with DDE were compared to those of their contra-lateral teeth without defects by the Mann-Whitney test. The DIAGNOdent measurements were also compared in teeth classified as without DDE, teeth with hypocalcification and teeth with hypoplasia, classified by the DDE index, using the Kruskal-Wallis test. The correlation of the presence of these defects with the classification by the modified DDE index and the patients' caries experience (Spearman's correlation test) was also investigated. Results: In general, higher DIAGNOdent values were obtained for teeth with DDE compared to teeth without enamel alterations (p<0.001). However, the correlation coefficient between the DIAGNOdent readings and the occurrence of enamel alterations was considered low (rSp=0.31-p<0.001). There was statistically significant difference among the different types of enamel alterations (p<0.001). There was no correlation between the enamel alterations and dental caries (p>0.05). Conclusion: The DIAGNOdent readings may be altered by the presence of DDE, possibly leading to misdiagnosis if they are considered alone.
Descritores: Cárie Dentária/diagnóstico
Dentição Permanente
Desmineralização do Dente/diagnóstico
Diagnóstico
Esmalte Dentário
Esmalte Dentário/patologia
Fluorescência
Hipoplasia do Esmalte Dentário/diagnóstico
Lasers
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Responsável: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  7 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-989391
Autor: Ventura, Bruna Vieira; Rabello, Laura Portela; Silvestre, Fernanda; Ventura, Marcelo Carvalho.
Título: Efficacy of preoperative nonsteroidal anti-inflammatory drug and the re-dilation technique in minimizing miosis after femtosecond laser in cataract surgery / Eficácia do AINE pré-operatório e da técnica de re-dilatação em minimizar a miose na cirurgia de catarata com laser de femtosegundo
Fonte: Arq. bras. oftalmol;82(2):111-118, Mar.-Apr. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Purpose: To assess the efficacy of using a nonste­roidal anti-inflammatory drug preoperatively and of applying the re-dilation technique when necessary to minimize pupil size variation when comparing the degree of mydriasis before femtosecond laser pretreatment with that at the beginning of phacoemulsification. Methods: This retrospective study included patients who underwent cataract surgery using the LenSx (Alcon Laboratories, Inc., Fort Worth, TX). Our routine dilating regimen with flurbiprofen, tropicamide, and phenylephrine was used. The re-dilation technique was applied on eyes that manifested with a pupillary diameter that was smaller than the programmed capsulotomy diameter after laser pretreatment. The technique consists of overcoming pupillary contraction by instilling tropicamide and phenylephrine before phacoemulsification. Pupil size was assessed before femtosecond laser application and at the beginning of phacoemulsification. Results: Seventy-five eyes (70 patients) were included. Nine (12%) eyes underwent the re-dilation technique. There was no significant difference in mean pupillary diameter and mean pupillary area between the two studied surgical time points (p=0.412 and 0.437, respectively). The overall pupillary area constriction was 2.4 mm2. Immediately before opening the wounds for phacoemulsification, none of the eyes presented with a pupillary diameter <5 mm, and 61 (85.3%) eyes had a pupillary diameter >6 mm. Conclusion: Preoperative administration of nonsteroidal anti-inflammatory drug and the re-dilation technique resulted in no significant pupil size variation in eyes that were pretreated with the femtosecond laser, when comparing the measurements made before the laser application and at the beginning of phacoemulsification. This approach can avoid the need to proceed with cataract extraction with a constricted pupil.

RESUMO Objetivo: Avaliar a eficácia do uso de anti-inflamatório não-esteróide no pré-operatório e aplicação da técnica de re-dilatação quando necessária para minimizar a variação do tamanho pupilar ao comparar o grau de midríase antes do tra­tamento com laser de femtosegundo no início da facoemulsificação. Métodos: Esse estudo retrospectivo incluiu pacientes que foram submetidos à cirurgia de catarata usando o LenSx (Alcon Laboratories, Inc., Fort Worth, TX). Nosso regime de di­latação de rotina com flurbiprofeno, tropicamida e fenilefrina foi usado. A técnica de re-dilatação doi aplicada em olhos que se manifestaram com um diâmetro pupilar menor do que o diâmetro da capsulotomia programado após o pré-tratamento a laser. A técnica consiste em superar a contração pupilar pela instilação de tropicamida e fenilefrina antes da facoemulsificação. O tamanho pupilar foi avaliado antes da aplicação do laser de femtosegundo e no inicio da facoemulsificação. Resultados: Setenta e cinco olhos (70 pacientes) foram incluídos. Nove (12%) olhos foram submetidos à técnica de re-dilatação. Não houve diferença significativa no diâmetro pupilar médio e na área pupilar média entre os dois tempos cirúrgicos estudados (p=0,412 e 0,437, respectivamente). A constrição global da área pupilar foi de 2,4 mm2. Imediatamente antes de abrir as incisões para a facoemulsificação, nenhum dos olhos apresentava diâmetro pupilar <5 mm e 61 (85,3%) olhos apresentavam um diâmetro pupilar >6 mm. Conclusões: O administração pré-operatória de anti-inflamatório não-esteróide e da técnica de re-dilatação resultaram em uma variação significativa do tamanho pupilar em olhos que foram pré-tratados com laser de femtosegundo, comparando as medidas realizadas antes da aplicação do laser e no inicio da facoemulsificação. Essa abordagem pode evitar a necessidade de prosseguir com a extração da catarata com uma pupila contraída.
Descritores: Miose/prevenção & controle
Anti-Inflamatórios não Esteroides/uso terapêutico
Flurbiprofeno/uso terapêutico
Facoemulsificação/métodos
Lasers
Midriáticos/uso terapêutico
-Fenilefrina/uso terapêutico
Tropicamida/uso terapêutico
Miose/etiologia
Miose/patologia
Pupila/efeitos dos fármacos
Estudos Retrospectivos
Facoemulsificação/efeitos adversos
Terapia a Laser/métodos
Pressão Intraocular
Complicações Intraoperatórias/prevenção & controle
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-529660
Autor: Polli, Paula Choeire Nehme Simão; Terezan, Marilisa Lugon Ferreira.
Título: Laserterapia como técnica auxiliar no tratamento periodontal / Low-level laser therapy as technique auxiliary in treatment periodontal
Fonte: Rev. Ciênc. Méd. Biol. (Impr.) = J. med. biol. sci;6(1):91-99, jan.-abr. 2007.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho é apresentar uma revisão de literatura que foi realizada sobre a utilização do laser de baixa intensidade na periodontia, destacando o que de mais atual tem sido relatado pelas pesquisas feitas até agora. A intenção é contribuir para a sua utilização por periodontistas em suas clínicas. Os artigos revisados mostraram que a laserterapia de diodo contribui para que haja uma redução bacteriana e do sangramento nas bolsas periodontais. A ação biomoduladora gerada por esse laser acelera a reparação dos tecidos periodontais. Além disso, pesquisas mostraram que é possível obter uma ação antiinflamatória e analgésica provocada pela aplicação do laser de baixa potência, respectivamente, por aumentar a degranulação dos mastócitos e por inibir a ciclooxigenase, não convertendo, assim, o ácido araquidônico em prostaglandina. O laser se mostrou eficaz também na detecção de cálculo subgengival e na redução da hipersensibilidade dentinária desenvolvida após a raspagem. Foi também observado aumento na proliferação dos fibroblastos após a aplicação do laser de baixa potência, o que pode trazer benefícios à terapia periodontal regenerativa. É possível concluir, portanto, que o laser de baixa potência pode ser usado no dia-a-dia do consultório, associado à terapia básica convencional.
Descritores: Lasers
Periodontia
Responsável: BR337.1 - Biblioteca


  9 / 1121 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-529652
Autor: Campanha, Bruno Pereira; Pozza, Daniel Humberto; Weber, João Batista Blessmann; Oliveira, Marília Gerhardt de.
Título: Anchorage evaluation of dental implants irradiated with GaAIAs laser (830nm)
Fonte: Rev. Ciênc. Méd. Biol. (Impr.) = J. med. biol. sci;6(1):32-38, jan.-abr. 2007. graf.
Idioma: en.
Resumo: O objetivo desta pesquisa foi avaliar, através do uso de um torquímetro digital, se implantes de titânio, instalados com liberdade rotaciona em tíbias de coelhos e irradiados com laser de Arseneto de Gálio e Alumínio, na dose de 86 J/cm2, com comprimento de onda de 830 nm, potência de 12 mW e tempo de aplicação de 51 segundos, apresentam um valor de torque de remoção estatisticamente maior que os valores obtidos nos grupos não irradiados (grupo controle). Para tanto, trabalhou-se com trinta coelhos, da raça Nova Zelândia, machos, os quais foram divididos em dois grupos, Laser e Controle, e subdivididos de acordo com o dia de sua morte. Os grupos L1 e C1, L2 e C2, L3 e C3 foram mortos 15, 30 e 45 dias após a inserção do implante, respectivamente. Um torquímetro digital mensurou o torque necessário para o afrouxamento do implante, rompendo sua união com o osso. Os resultados foram, então, submetidos ao Teste “t” de Student e ao Teste ANOVA, a fim de validar esses achados. Observou-se, para um p=0,05, um aumento nos valores dos torques de remoção dos implantes irradiados com laser e controle (L1 e L2), tanto aos quinze quanto aos trinta dias após as cirurgias, em relação aos respectivos grupos controle (C1 e C2). Aos 45 dias, não mais foi observada diferença estatisticamente significante entre os valores encontrados nos grupos laser e controle (L1 e C1). Concluiu-se, nesse modelo animal e com o protocolo de irradiação utilizado neste estudo, que o laser, por ser a única variável entre os grupos, foi responsável pelo aumento do embricamento do implante ao osso, no mês inicial e mais critico da osseointegração.
Descritores: Implantação Dentária
Lasers
Osseointegração
Responsável: BR337.1 - Biblioteca


  10 / 1121 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1123701
Autor: Souza, Luana Gabriel de; Cardoso, Ramon Bauer; Kuriki, Heloyse Uliam; Marcolino, Alexandre Márcio; Fonseca, Marisa de Cássia Registro; Barbosa, Rafael Inácio.
Título: High energy photobiomodulation therapy in the early days of injury improves sciatic nerve regeneration in mice / Aplicação de alta energia da terapia de fotobiomodulação nos primeiros dias de lesão otimiza a regeneração de nervo ciático em camundongos
Fonte: ABCS health sci;45:e020016, 02 jun 2020. tab, ilus, graf.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Different studies have evaluated the effects of electrophysical agents on regeneration after peripheral nerve injury. Among them, the most used in clinical and experimental research is photobiomodulation therapy (PBMT). OBJECTIVE: To analyze the effect of standard energy (16.8 J) of PBMT on peripheral nerve regeneration, applied at different periods after sciatic nerve injury in mice. METHODS: Thirty male Swiss mice were divided into six groups: naive; sham; control; LLLT-01 (660 nm, 16.8 J of total energy emitted in 1 day); LLLT-04 (660 nm, 4.2 J per day, 16.8 J of total energy emitted in 4 days); LLLT-28, (660 nm, 0.6 J per day, 16.8 J of total energy emitted over 28 days). The animals were evaluated using thermal hyperalgesia, Sciatic Functional Index (SFI), and Static Sciatic Index (SSI). Data were obtained at baseline and after 7, 14, 21, and 28 days after surgery. RESULTS: For the SFI and SSI, all groups showed significant differences compared to the control group, and the LLLT-04 group presented the best results among those receiving PBMT. In the assessment of thermal hyperalgesia, there was a significant difference in the 14th day of evaluation in the LLLT-04 group. CONCLUSION: The application of 16.8 J was useful in sciatic nerve regeneration with an improvement of hyperalgesia, with higher efficacy when applied in four days (4.2 J/day).

INTRODUÇÃO: Estudos avaliaram os efeitos de diferentes terapias aplicadas após lesão nervosa periférica, com o intuito de promover a regeneração local. Dentre elas, a mais utilizada em pesquisa clínica e experimental é a terapia de fotobiomodulação (TFBM). OBJETIVO: Analisar o efeito da fotobiomodulação (16,8 J) na regeneração nervosa periférica, aplicada em diferentes regimes após a lesão do nervo ciático em camundongos. MÉTODOS: Foram utilizados trinta camundongos machos (Swiss) divididos em: naive; sham; controle; LBI-01 (660 nm, 16,8 J de energia total emitida em 1 dia); LBI-04 (660 nm, 4,2 J por dia, 16,8 J de energia total emitida em 4 dias); LBI-28, (660 nm, 0,6 J por dia, 16,8 J de energia total emitida durante 28 dias). Os animais foram avaliados utilizando a hiperalgesia térmica, Índice Funcional do Ciático (IFC) e Índice estático do ciático (IEC). Os dados foram obtidos na linha de base e após 7, 14, 21, e 28 dias após a cirurgia. RESULTADOS: Para o IFC e IEC, todos os grupos mostraram um aumento no valor e diferenças significativas em relação ao grupo de controle, e o grupo LBI-04 apresentou os melhores resultados, alcançando valor basal no 21° dia dentre os que foram submetidos a TFBM. Na avaliação da hiperalgesia térmica, houve aumento do tempo de resposta com diferença significativa no 14° dia de avaliação no grupo LBI-04. CONCLUSÃO: A aplicação de 16,8 J foi eficaz na regeneração do nervo ciático quando distribuída ao longo dos 4 primeiros dias pós-lesão, com dose diária de 4,2 J/ponto.
Descritores: Neuropatia Ciática/radioterapia
Terapia com Luz de Baixa Intensidade
Regeneração Nervosa
-Procedimentos Cirúrgicos Operatórios
Lesões por Esmagamento
Hiperalgesia
Lasers
Limites: Animais
Masculino
Camundongos
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca da Escola de Enfermagem BENF



página 1 de 113 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde