Base de dados : LILACS
Pesquisa : E07.695.050 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 38 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 38 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-90006
Autor: Boccolini, Fernando.
Título: Reabilitaçäo: amputados, amputaçöes, próteses / Rehabilitation: amputated, amputations and prosthesis.
Fonte: s.l; Robe; 1990. 254 p. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Membros Artificiais
Prótese Articular/reabilitação
-Brasil
Amputação
Centros de Reabilitação
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/1655.00; BR2025; WB320, B665r. 1728; BR73.1; WB320, B665r. 1728


  2 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-350989
Autor: Diogo, Maria José D'Elboux.
Título: Avaliação funcional de idosos com amputação de membros inferiores atendidos em um hospital universitário / Functional evaluation of elderly with lower limb amputation followed at a university hospital
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);11(1):59-65, jan.-fev. 2003. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Foram entrevistados 40 idosos com amputação acima dos maléolos em acompanhamento no ambulatório de Orteses e Próteses do Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas, no período de junho de 1994 a junho de 1999, com objetivo de avaliar o nível de independência, segundo o índice de Barthel, e de identificar relações entre o índice de Barthel e o tipo e nível da amputação, e uso da prótese. Os sujeitos desta pesquisa apresentam elevado grau de independência para as atividades da vida diária, segundo o índice de Barthel. Houve associação significativa somente entre o índice de Barthel e o tipo de amputação, indicando que os idosos com amputação unilateral são mais independentes do que aqueles com amputação bilateral.
Descritores: Qualidade de Vida
Amputação
Saúde do Idoso
-Membros Artificiais
Idoso
Extremidade Inferior
Limites: Seres Humanos
Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1580.1 - Biblioteca Maria Rosa de Sousa Pinheiro


  3 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1015955
Autor: Flores S, Elizabeth; García P, Daniela.
Título: Dolor fantasma en niños y jóvenes amputados congénitos: prevalencia y características clínicas / Phantom pain in children and youth with congenital amputations: prevalence and clinical characteristics
Fonte: Rehabil. integral (Impr.);1(14):22-29, jul. 2019. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: El dolor es una patología discapacitante, que en niños está siendo abordada en los últimos tiempos, siendo el dolor fantasma en amputados congénitos una complicación impensada hace algunos años, considerando teorías que describían que carecían de la madurez biológica suficiente para experimentarlo. Actualmente, existe literatura que reconoce una prevalencia de dolor fantasma de 3,7 a 20% en la población de amputados congénitos. Objetivo general: Evaluar población de amputados congénitos del Instituto Teletón Santiago para determinar incidencia, prevalencia lápsica y características clínicas del dolor fantasma. Pacientes y Métodos: Estudio descriptivo de prevalencia, con revisión de ficha clínica para registro de variables demográficas y clínicas, y aplicación de encuesta telefónica al total de pacientes que asintieran y contaran con el consentimiento de sus padres. Se incluyó a todos los pacientes de 10 o más años; se excluyó a los con hipoacusia asociada o con imposibilidad administrativa para contactarlos. Resultados: 57 pacientes, edad promedio 18,6 años, 59,6% con deficiencia longitudinal. Ningún paciente presentó dolor fantasma en el último mes en la población estudiada. La prevalecia lápsica fue de 7,0%. Un 24,6% refirió además presentar sensación fantasma alguna vez en su vida y un 5,3% haber presentado dolor en el último año. Conclusión: Existe dolor fantasma en la población de pacientes amputados congénitos en los rangos de prevalencia encontrados en la literatura internacional contribuyendo a la evidencia existente. Este es el primer estudio en nuestro país que evalúa dolor en deficiencias congénitas y constituye una línea de base para estudios adicionales.

Introduction: Pain is a crippling pathology, which has been addressed in children only in recent times, and phantom pain in congenital amputees was a complication unthought to exist some years ago, considering theories that described that they lacked biological maturity enough to experience it. Currently, there is literature that recognizes a prevalence of phantom pain of 3.7 to 20% in congenital amputees. Overall objective: To evaluate the in vivo amputee population of Instituto Teletón Santiago, to determine incidence, lapses prevalence and clinical characteristics of phantom pain in these patients. Patients and Methods: A prevalence descriptive study was carried out, with a review of the clinical files to register demographic and clinical variables and application of a telephone survey to the total number of Instituto Teletón Santiago patients who agreed to participate and had the consent of their parents. We included all patients aged 10 years and over; excluding those with associated hearing loss, or inability to contact for administrative reasons. Results: 57 patients, mean age 18,6 years, 59,6% with longitudinal deficiency. No patient refered phantom pain during de last month in the study population. The lapsic prevalence was 7,0%. 24,6% of the population studied reported phantom feeling at som time in their lives and 5,3% had phantom pain during the last year. Conclusion: There is phantom pain in the population of congenital amputees in the prevalence ranges found in the international literature contributing to the existing evidence. This is the first study in our country that evaluates pain in congenital deficiencies and constitutes a baseline for additional studies.
Descritores: Membro Fantasma/etiologia
Membro Fantasma/epidemiologia
Deformidades Congênitas dos Membros/complicações
Deformidades Congênitas dos Membros/psicologia
Amputados/psicologia
-Membros Artificiais/psicologia
Estudos Transversais
Deformidades Congênitas dos Membros/diagnóstico
Deformidades Congênitas dos Membros/fisiopatologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Adulto
Responsável: CL61.1 - Biblioteca Central Campus Sur


  4 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-704960
Autor: Matsumura, Adriane Daolio; Resende, Juliana Mantovani; Chamlian, Therezinha Rosane.
Título: Avaliação pré e pós protética da circunmetria dos cotos de amputados transtibiais / Pre-and post prosthetic transtibial stump circumference
Fonte: Acta fisiátrica;20(4), dezembro.
Idioma: pt.
Resumo: O edema no coto é umas das complicações mais comuns após uma amputação e pode ser reduzido com o enfaixamento elástico, sendo controlado por medidas da circunmetria, utilizando-se fita métrica. A protetização precoce e a prevenção de contraturas são prioridades na reabilitação. Objetivo: Avaliar as medidas da circunmetria do coto de amputados transtibiais, após o período pré-protetização e pós-protetização. Método: Foram incluídos sete pacientes amputados transtibiais, com média de idade de 54 anos. Foram consideradas três medidas da circunmetria: medida 1 (durante a avaliação da Fisiatria), medida 2 (no 1º dia com prótese - período pré-protetização) e medida 3 (após 12 semanas de uso de prótese - período Pós-Protetização). Resultados: Os dados mostraram a variação das medidas da circunmetria dos cotos dos pacientes, tanto no período pré-protetização, como no pós-protetização. Conclusão: O período pré-protetização, com o uso de enfaixamento elástico e realização de exercícios, assim como o pós-protetização, com o treino de marcha com prótese, são capazes de alterar a circunmetria do coto. Sugere-se a confecção de uma prótese provisória até a estabilização das medidas do coto para posteriormente confeccionar a prótese definitiva.

Stump's edema is one of the most common complications after amputation and can be reduced wearing elastic bandages, being controlled by circumference measurements using a tape measure. Early prosthetic fitting and prevention of contractures are priorities in the rehabilitation. Objective: To evaluate the circumference measurements of the stump of transtibial amputees, before and after prosthetic periods. Method: Seven patients with transtibial amputation and an average of 54 years old were included in the study. We considered three measures of circumference: measure 1 (during the evaluation of the Physiatry), measured 2 (on the first day with prosthesis - Pre-fitting period), and measured 3 (after 12 weeks using prosthesis - Post-fitting period). Results: The data showed variation on circumference measurements of the stumps on both Pre-fitting and Post-fitting periods. Conclusion: The Pre-fitting period, with the use of elastic bandages and exercises, as well as the Post-fitting, with gait training with prosthesis, are able to change the stump circumference. We suggest creating a temporary prosthesis until the measurements of the stump are stabilized for further fabricate the definitive prosthesis.
Descritores: Membros Artificiais
Extremidade Inferior/patologia
Cotos de Amputação
Amputados
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-987891
Autor: Aguiar, Renan Nunes; Santos, Alana Borges da Silva; Gontijo, Raquel Amanda da Silva; Beraldo, Giovanna Oliveira; Martins, Sabrina Garcia; Borges, Ana Paula Oliveira.
Título: Avaliação fisioterapêutica em criança com malformação congênita de membro inferior: um relato de caso / Physiotherapy evaluation in children with congenital malformation of lower members: a case study
Fonte: Saude e pesqui. (Impr.);12(1):203-213, jan.-abr. 2019. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho teve como objetivo realizar uma avaliação fisioterapêutica em um voluntário com malformação congênita do membro inferior direito, a fim de conhecer seus aspectos motores e funcionais, devido ao fato de ser um caso peculiar com incidência de 1 a cada 100.000 nascidos vivos. Tratou-se de um relato de caso, realizado na clínica escola de fisioterapia de uma universidade do interior do Estado de São Paulo. Os procedimentos consistiram em: anamnese, exame físico, escalas e instrumentos de avaliação do controle, índice de Barthel modificado, plataforma de força e avaliação postural. Pode-se observar através da avaliação fisioterapêutica alterações posturais relevantes com assimetrias entre os hemicorpos, déficit de equilíbrio e diminuição de força muscular no membro inferior direito, o que acarreta uma alteração biomecânica importante no participante avaliado. Essas informações coletadas durante as avaliações são essenciais para conhecer as alterações físicas decorrentes da malformação congênita para promover um melhor direcionamento em seu tratamento.

A physiotherapy evaluation has been undertaken with a voluntary subject with congenital malformation of the right lower limber to understand motor and functional aspects of the issue. The fact has an occurrence of 1/100000 live births. The case study has been undertaken in a physiotherapy school at a university clinical in the interior of the state of São Paulo, Brazil. Procedures included anamnesis, physical examination, scales and instruments for control assessment, modified Barthel Index, force platform and posture evaluation. Physiotherapeutic evaluation revealed significant posture changes with asymmetry between the hemibodies, deficit in equilibrium and lessening of muscular force in the right lower member, with subsequent important biomechanical changes in the patient. Information collected during evaluations is essential to understand the physical alternations due to congenital malformation for better results through treatment.
Descritores: Membros Artificiais
Desenvolvimento Ósseo
Criança
Fisioterapia
-Anormalidades Musculoesqueléticas
Limites: Criança
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR313.1 - Biblioteca Ana Bove


  6 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-999695
Autor: Matos, Denise Regina; Naves, Juliana Fákir; Araujo, Tereza Cristina Cavalcanti Ferreira de.
Título: Adaptação transcultural da Trinity Amputation and Prosthesis Experience Scales: revised (TAPES-R): avaliação dos processos psicossociais envolvidos no ajuste à amputação e à prótese / Transcultural adaptation of the Trinity Amputation and Prosthesis Experience Scales: revised (TAPES-R): evaluation of psychosocial processes involved in adjustment to amputation and prosthesis
Fonte: Acta fisiátrica;25(3), set. 2018.
Idioma: en; pt.
Resumo: A literatura aponta ausência de instrumentos específicos para avaliação clínica e pesquisa direcionada a pessoas com amputação, sendo a escala TAPES-R relevante para análise dos aspectos psicossociais nessa população. Esta escala foi desenvolvida para avaliar os processos envolvidos na adaptação à amputação de membros inferiores e à prótese. Este instrumento abrange 33 itens organizados em três domínios - ajustamento psicossocial, restrição de atividade e satisfação com prótese, além de questões relacionadas com a dor do membro fantasma e do membro residual. Objetivo: Realizar adaptação transcultural da escala TAPES-R para aplicação na população brasileira. Método: A adaptação transcultural foi realizada em cinco etapas: tradução, tradução reversa, síntese das avaliações, avaliação por comitê de especialistas e teste final na população. Foi realizada a comparação entre as versões original e traduzida em relação às equivalências semântica, idiomática, cultural e conceitual. A versão final foi aplicada em 116 sujeitos amputados de membros inferiores. Resultados: Houve clareza quanto à compreensão do instrumento pelos participantes, indicando que o mesmo esteja apropriado à realidade do público-alvo na população brasileira. Amputação acima de joelho e tempo de uso da prótese abaixo de 10 horas/dia estão associados a pior ajustamento e menor satisfação com a prótese. Conclusão: O uso da escala TAPES-R permitiu avaliar a percepção dos indivíduos acerca da experiência com a amputação e prótese, possibilitando o uso clínico para avaliação de resultados voltados para a reabilitação de pacientes com amputação de membro inferiores. Serão desenvolvidos novos estudos para a continuidade de validação do instrumento.

The literature indicates the absence of specific instruments for clinical evaluation and research directed at people with amputation, with the TAPES-R scale being relevant for the analysis of psychosocial aspects in this population. This scale was developed to evaluate the processes involved in adapting to lower limb amputation and to the prosthesis. This instrument covers 33 items organized in three domains - psychosocial adjustment, activity restriction and prosthesis satisfaction, as well as issues related to phantom limb and residual limb pain. Objective: To perform transcultural adaptation of the TAPES-R scale for application in the Brazilian population. Method: Transcultural adaptation was carried out in five stages: translation, reverse translation, synthesis of the evaluations, evaluation by expert committee and final test in the population. The comparison between the original and translated versions was performed in relation to the semantic, idiomatic, cultural and conceptual equivalences. The final version was applied to 116 amputees of the lower limbs. Results: There was clarity regarding participants' understanding of the instrument, indicating that it is appropriate to the reality of the target audience in the Brazilian population. Amputation above the knee and time of use of the prosthesis below 10 hours / day are associated with worse fit and less satisfaction with the prosthesis. Conclusion: The use of the TAPES-R scale allowed the evaluation of the individuals' perception about the experience with the amputation and prosthesis, allowing the clinical use to evaluate the results for the rehabilitation of patients with lower limb amputation. Further studies will be developed for the continued validation of the instrument.
Descritores: Membros Artificiais
Qualidade de Vida
Ajustamento Emocional
Amputação/psicologia
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-999684
Autor: Luz, Soraia Cristina Tonon da; Silva, Amanda Reinert; Honório, Gesilani Júlia da Silva; Santos, Kadine Priscila Bender dos; Branco, Ruy Luiz Lorenzetti; Ruy, Tayla Siqueira.
Título: Avaliação termográfica e adaptação à prótese de amputados de membros inferiores: um olhar qualitativo / Thermographic evaluation and adaptation to the prosthesis of people with lower limb amputation: a qualitative approach
Fonte: Acta fisiátrica;25(3), set. 2018.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: Avaliar qualitativamente características do mapa termográfico do coto membro inferior íntegro e adaptação à prótese de pacientes amputados de membros inferiores. Método: Pesquisa qualitativa, do tipo descritiva e exploratória. Amostra foi composta por cinco indivíduos amputados de membros inferiores, de ambos os sexos, com os níveis transtibial e transfemural, idade entre 18 e 65 anos, alfabetizados e protetizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Foi realizada anamnese e avaliação termográfica analisando qualitativamente o membro íntegro e coto aplicado o questionário Prothesis Evaluation Questionnaire (PEQ). Resultados: As imagens termográficas dos indivíduos transfemurais apresentaram no membro residual aumento da temperatura em região inguinal, podendo ser devido à fricção do encaixe superior da prótese. Em toda amostra percebeu-se diminuição da temperatura na extremidade inferior do coto, apontando uma possível redução de vascularização desta região. No PEQ o domínio fortemente mais citado como desfavorável para os participantes foi o de mobilidade, principalmente nas questões de subida e descida de escadas, subida e descida de morros íngremes e andar sobre lugares escorregadios. A transpiração dentro do encaixe e o inchaço do membro residual também foram queixas bem citadas pelos participantes. Conclusão: As questões de maior impacto à adaptação da prótese foram a mobilidade, transferência caraterísticas relacionadas ao edema, sensação de peso e desconforto térmico do membro residual na região do encaixe protético. A termografia evidenciou maiores valores de temperatura do membro íntegro, assim como aumento de temperatura na região do encaixe da prótese e redução de temperatura na extremidade do coto.

Objective: To evaluate qualitatively the characteristics of the thermographic map of the lower limb intact limb and adaptation to the prosthesis of amputated patients of lower limbs. Method: Qualitative research, descriptive and exploratory. The sample consisted of five amputees of lower limbs of both sexes, with transtibial and transfemoral levels, aged between 18 and 65 years, literate and protected by the Unified Health System (SUS). Anamnesis and thermographic evaluation were performed qualitatively analyzing the intact limb and stump applied to the Prothesis Evaluation Questionnaire (PEQ) questionnaire. Results: Thermographic images of transfemoral individuals presented in the residual limb an increase in temperature in the inguinal region, and may be due to the friction of the superior fit of the prosthesis. In all samples, temperature was observed in the lower extremity of the stump, indicating a possible reduction of vascularization in this region. In the PEQ, the domain most strongly cited as unfavorable for the participants was mobility, mainly in the questions of going up and down stairs, climbing and descending steep hills and walking on slippery places. The transpiration within the socket and the swelling of the residual limb were also complaints well cited by the participants. Conclusion: The issues of greatest impact to the adaptation of the prosthesis were the mobility, transfer characteristics related to the edema, sensation of weight and thermal discomfort of the residual limb in the region of the prosthetic fitting. Thermography showed higher values of intact limb temperature, as well as temperature increase in the prosthesis fitting region and temperature reduction at the end of the stump.
Descritores: Membros Artificiais
Termografia/instrumentação
Amputação
-Análise Qualitativa
Epidemiologia Descritiva
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-999777
Autor: Missio, Marciane Montagner; Queiroz, Luise Ferreira de.
Título: Tecnologias assistivas: aspectos que influenciam na assiduidade e no abandono dos recursos / Assistive technologies: aspects influencing assurance and abandonment of resources
Fonte: Acta fisiátrica;25(4), dez. 2018.
Idioma: en; pt.
Resumo: As tecnologias assistivas são recursos utilizados para potencializar habilidades funcionais e proporcionar autonomia e independência. Pessoas com deficiência possuem a garantia de acesso a esses recursos, com prescrição de profissionais dos serviços de reabilitação do Sistema Único de Saúde (SUS). Objetivo: Verificar aspectos envolvidos com a adesão e abandono de órteses, próteses e cadeiras de rodas. Método: Trata-se de um estudo transversal, os dados foram coletados através de uma entrevista estruturada que questiona o processo de prescrição, benefícios e continuidade ou abandono de uso dos equipamentos. A população do estudo foi de indivíduos de 18 a 80 anos que receberam tecnologias assistivas dispensadas no período de janeiro a dezembro de 2017 através de um Centro Especializado em Reabilitação, município de Santa Maria - RS. Resultados: Em 2017 foram dispensadas 400 equipamentos, sendo entrevistadas 31 pessoas desse quantitativo, pois muitos dos beneficiados não residem no município, não consentindo em participar. As 31 pessoas receberam 38 equipamentos, sendo 6 cadeiras motorizadas, 13 manuais, 8 próteses de membro inferior, 1 de membro superior, 7 órteses de membro inferior e 3 de membro superior. Destes equipamentos, 20 continuam sendo utilizados e 18 foram abandonados. Os benefícios mais relatados foram a melhor estabilidade e a facilitação do deslocamento propiciada pelos recursos. Conclusão: A maioria dos beneficiários foram adultos e idosos, sendo que a cadeira manual e a prótese de membro inferior foram os equipamentos mais dispensados. Foi verificado que houve significativo número de abandono sugerindo que ocorreram inadequações no momento da prescrição, resultando no abandono.

Assistive Technologies are resources used to enhance functional abilities and provide autonomy and independence. Persons with disabilities are guaranteed access to these resources, with prescription from professionals in the rehabilitation services of the Unified Health System (SUS). Objective: Check aspects involved with adhesion and abandonment of orthoses, prostheses and wheelchairs. Method: This was a cross-sectional study, the data were collected through a structured interview that questions the prescription process, benefits and continuity or abandonment of use of the equipment's. The study population were individuals aged 18 to 80 years who received assistive technologies dispensed in the period from January to December of 2017 through a Specialized Center in Rehabilitation, of the municipality of Santa Maria - RS. Results: In 2017,400 equipment were dispensed, being interviewed 31 people of this amount, since many of the beneficiaries do not reside in the municipality, not consenting to participate. The 31 people received 38 equipment, 6 motorized chairs, 13 manuals, 8 lower limb prostheses, 1 upper limb, 7 lower limb orthoses and 3 upper limbs. Of these, 20 were still used and 18 were abandoned. The most reported benefits were improved stability and facilitation of resource displacement. Conclusion: The majority of the beneficiaries were adults and the elderly, and the manual chair and the lower limb prosthesis were the most dispensed equipment. It was verified that there was a significant number of abandonment suggesting that inadequacies occurred at the moment of prescription, resulting in the abandonment.
Descritores: Aparelhos Ortopédicos
Membros Artificiais
Cadeiras de Rodas
Terapia Ocupacional
Pessoas com Deficiência
Terapia por Exercício
-Estudos Transversais
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-797040
Autor: Prim, Gabriel de Souza; Santos, Francisco Assis Souza; Vieira, Milton; Nassar, Victor.
Título: Estudo comparativo prospectivo para a avaliação da reabilitação de usuários de próteses com amputações transtibiais / Prospective comparative study for the evaluation of prosthetic rehabilitation users with transtibial amputation
Fonte: Ciênc. saúde coletiva;21(10):3183-3192, Out. 2016. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Indivíduos com amputações transtibiais apresentam dificuldades em realizar marcha e manter-se em equilíbrio, afetando diretamente a sua qualidade de vida. A utilização de próteses pode possibilitar a reabilitação do indivíduo, mas questiona-se o quão eficiente são para determinadas tarefas e como ainda podem melhorar. Objetivando avaliar as próteses para amputações transtibiais, foi realizado um estudo comparativo com dois grupos: Amputados e NÃO Amputados. Com o auxílio da tecnologia de Captura de Movimentos, realizou-se mensuração dos ângulos de equilíbrio estático, velocidade de marcha e pontuações na execução de atividades diárias. Os resultados indicam que as maiores dispersões dos ângulos de equilíbrio estático pertencem ao grupo de amputados. Em relação às médias de Velocidade de Marcha e nas pontuações das Atividades Diárias, constatou-se melhor desempenho para o grupo dos NÃO amputados. A partir disso, foi identificado ainda que as características técnicas das próteses transtibiais podem impactar na reabilitação de seus usuários.

Abstract Individuals with transtibial amputations have difficulties in performing march and stay in balance, directly affecting their quality of life. The use of prostheses can enable the rehabilitation of the individual, but we question how effective are for certain tasks and how they can still improve. To evaluate the prosthesis for transtibial amputation, a comparative study was conducted with two groups: Amputee and NOT Amputees. With the help of Motion Capture technology was held measuring the angles of static balance, walking speed and scores in the execution of daily activities. The results indicate that dispersions of larger static equilibrium angles belonging to the group amputees. In terms of average speed march and in scores of Daily Activities, there was better performance for the group of NOT amputees. From this it was also identified that the technical characteristics of transtibial prosthetic could impact rehabilitation of its members.
Descritores: Amputação/reabilitação
Membros Artificiais
-Estudos Prospectivos
Tíbia/cirurgia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 38 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Masiero, Danilo
Texto completo
Id: lil-756473
Autor: Conrad, Carolina; Chamlian, Therezinha Rosane; Ogasowara, Monica Satomi; Pinto, Marco Antonio Guedes Souza; Masiero, Danilo.
Título: Translation into brazilian portuguese, cultural adaptation and validation of the prosthesis evaluation questionnaire / Tradução para o português, adaptação cultural e validação do questionário de avaliação de próteses
Fonte: J. vasc. bras;14(2):110-114, Apr.-June 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: BACKGROUND: Quality of life has been one of the main issues for patients with a chronic condition. OBJECTIVE: To translate, adapt and validate a Brazilian Portuguese version of the Prosthesis Evaluation Questionnaire (PEQ). METHODS: The questionnaire was translated into Portuguese, back translated into English, and cross-culturally adapted to the Brazilian Population. Sixty-five transtibial unilateral amputees were recruited. The sample comprised 45 men and 20 women with a mean age of 44 years, 47 with traumatic amputations, 14 with vascular dysfunction and 4 with other reasons for amputation, and all of them fitted with prostheses. Patients were interviewed twice, at baseline and again after 15 days. The Brazilian Portuguese version of the SF-36 (a generic Quality of Life outcome measure) and the FIM (a Functional Independence Measure) were also administered.RESULTS: The internal consistency of the nine PEQ scales was tested by computing Cronbach's Alpha coefficients (0.65 - 0.89: high values). Student's t test coefficients were used for interobserver evaluation (0.35 to 084: reliable values with one exception- the Residual Limb Health scale), and Intraclass Correlation Coefficients (ICC), which ranged from 0.65 to 0.92: reliable values. Student's t test coefficients and ICCs were also used for intraobserver evaluation (0.42 to 0.83, except the Residual Limb Health scale and 0.80 to 0.94, respectively: reliable values). Correlations between PEQ, SF-36 and FIM were tested using Pearson's correlation coefficients, which were not statistically significant (p > 0, 01).CONCLUSION: The Brazilian-Portuguese version of the PEQ has high internal consistency and is a reliable quality of life measure for use in amputee patients, but is not associated with the SF-36 or FIM.

CONTEXTO: Qualidade de vida tem sido a principal preocupação em pacientes com disfunção permanente.OBJETIVO: Traduzir, adaptar e validar uma versão Brasileira do Prosthesis Evaluation Questionnaire (PEQ). MÉTODOS: O questionário foi traduzido para o Português, retraduzido para inglês e adaptado culturalmente para a população brasileira. Sessenta e cinco amputados transtibiais unilaterais (45 homens, 20 mulheres, média de idade: 44 anos); 47 de etiologia traumática, 14 vascular e 4 de outras causas, todos protetizados, foram entrevistados duas vezes no mesmo dia e no intervalo de 15 dias. A versão brasileira do SF 36 (Medida de Qualidade de Vida genérica) e MIF (Medida de Independência Funcional) foram aplicadas. RESULTADOS: A consistência interna de 9 escalas da PEQ foi testada pelo coeficiente Alpha de Cronbach (0,65-0,89; valores altos). O teste T de Student foi usado para a avaliação interobservadores (0,35-0,84; valores de confiança, exceto para Escala de Saúde do Membro Residual) e para o Coeficiente de Correlação Intraclasses (ICC), que variou de 0,65 a 0,92, valores de confiança. O teste T de Student foi usado durante a avaliação intraobservadores (0,42-0,83; exceto para Escala de Saúde do Membro Residual) e o ICC também (0,80-0,94), ambos valores de confiança. A correlação entre PEQ, SF 36 e MIF foi testada pelo coeficiente de correlação de Pearson e foi estatisticamente insignificante (p>0,01).CONCLUSÃO: A versão brasileira da PEQ tem alta consistência interna e é uma medida de qualidade de vida confiável para pacientes amputados, mas não mostrou associação com SF 36 e MIF.
Descritores: Membros Artificiais
Amputação/reabilitação
Inquéritos e Questionários
-Extremidade Inferior/lesões
Próteses e Implantes
Qualidade de Vida
Tradução
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde