Base de dados : LILACS
Pesquisa : E07.700 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 267 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 27 ir para página                         

  1 / 267 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1096102
Autor: Perú. Ministerio de Salud; .Dirección General de Intervenciones Estratégicas en Salud Pública.
Título: Criterios de distribución de mascarillas faciales comunitarias de distribución gratuita / Distribution criteria for community facial masks for free distribution.
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud; 20200400. 20 p.
Idioma: es.
Resumo: El documento contiene los criterios de distribución de mascarillas faciales comunitarias y canales de distribución. Así mismo contiene modificatoria con R.M 976-2020.
Descritores: Equipamentos de Proteção
Infecções por Coronavirus
Máscaras
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central


  2 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Marziale, Maria Helena Palucci
Texto completo
Id: biblio-977588
Autor: Santos, Lívia Tech dos; Rocha, Fernanda Ludmilla Rossi; Marziale, Maria Helena Palucci.
Título: Needlesticks with safety devices and accident prevention: an integrative review / Agujas con dispositivos de seguridad y prevención de accidentes: revisión integrativa / Agulhas com dispositivos de segurança e a prevenção de acidentes: revisão integrativa
Fonte: Rev. bras. enferm;71(6):3084-3092, Nov.-Dec. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To identify in the literature the efficacy of needlesticks with safety devices to reduce the occurrence of occupational accidents with exposure to biological material among health workers. Method: Integrative literature review, structured in the stages: Guiding question, search, categorization of studies, evaluation, discussion and interpretation of results, and synthesis of knowledge. Search for original articles and systematic reviews on the main bases of the Health area, published from 2000 to 2016 in Portuguese, English and Spanish, with descriptors: needlesticks injuries, exposure to biological agents, needles, protective devices, occupational accidents, accident prevention and health personnel. Results: We selected eleven articles, most characterized the passive safety devices as more effective in reducing the occurrence of injuries by needlesticks. Conclusion: The use of needlesticks with safety devices reduces the occurrence of accidents, bringing greater solvency when combined with the training of workers.

RESUMEN Objetivo: Identificar en la literatura la eficacia del uso de agujas con dispositivos de seguridad para reducir la ocurrencia de accidentes del trabajo con exposición a material biológico entre trabajadores de la salud. Método: Revisión integrativa de la literatura, estructurada en las etapas: Cuestión orientadora, búsqueda, categorización de los estudios, evaluación, discusión e interpretación de los resultados, y síntesis del conocimiento. Busca artículos originales y revisiones sistemáticas en las principales bases del área de la salud, publicados desde 2000 hasta 2016 en Portugués, Inglés y Español, con descriptores: lesiones por pinchazo de agujas, exposición a agentes biológicos, agujas, equipos de seguridad, accidentes de trabajo, prevención de accidentes y personal de salud. Resultados: Se han seleccionado once artículos, la mayoría caracterizó los dispositivos de seguridad pasivos como más efectivos en la disminución de la ocurrencia de lesiones por agujas. Conclusión: La utilización de agujas con dispositivos de seguridad reduce la ocurrencia de los accidentes, trayendo mayor resolutividad cuando aliada a la capacitación de los trabajadores.

RESUMO Objetivo: Identificar na literatura a eficácia do uso de agulhas com dispositivos de segurança para reduzir ocorrência de acidentes de trabalho com exposição a material biológico entre trabalhadores de saúde. Método: Revisão integrativa da literatura, estruturada nas etapas: Questão norteadora, busca, categorização dos estudos, avaliação, discussão e interpretação dos resultados, e síntese do conhecimento. Busca a artigos originais e revisões sistemáticas nas principais bases da área da Saúde, publicados de 2000 a 2016 em português, inglês e espanhol, com descritores: ferimentos penetrantes produzidos por agulhas, exposição a agentes biológicos, agulhas, equipamentos de proteção, acidentes de trabalho, prevenção de acidentes e pessoal de saúde. Resultados: Foram selecionados onze artigos, a maioria caracterizou os dispositivos de segurança passivos como mais efetivos na diminuição da ocorrência de lesões por agulhas. Conclusão: A utilização de agulhas com dispositivos de segurança reduz a ocorrência dos acidentes, trazendo maior resolutividade quando aliada à capacitação dos trabalhadores.
Descritores: Equipamentos de Proteção/normas
Acidentes
Ferimentos Penetrantes Produzidos por Agulha/prevenção & controle
-Equipamentos de Proteção/economia
Ferimentos Penetrantes Produzidos por Agulha/economia
Ferimentos Penetrantes Produzidos por Agulha/epidemiologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-549728
Autor: Silva, Manoela Capla de Vasconcellos dos Santos da; Cartaxo, José Ulisses Queiroga; Arioli Filho, João Neudenir; Batista, André Ulisses Dantas.
Título: Avaliação das condutas de biossegurança em laboratórios de prótese dentária de João Pessoa, PB, Brasil / Evaluation of the biosecurity measures adopted in dental prosthesis laboratories of the city of João Pessoa, PB, Brazil
Fonte: Pesqui. bras. odontopediatria clín. integr;10(1):101-106, jan.-abr. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Avaliar as condutas de biossegurança aplicadas nos laboratórios de prótese dentária da cidade de João Pessoa/PB, tendo em vista os trabalhos enviados por cirurgiões-dentistas. Método: Foram avaliados 25 técnicos em prótese dentária (TPD) da cidade de João Pessoa/PB por meio de um questionário, contendo perguntas referentes ao conhecimento dos princípios de biossegurança pelos protéticos, desinfecção de moldes e outros itens protéticos e uso de equipamentos de proteção individual (EPI). Resultados: 92% dos entrevistados acreditavam na possibilidade de ocorrer infecção cruzada entre os laboratórios de prótese e os consultórios odontológicos, entretanto 64% declararam não realizar nenhum procedimento de desinfecção nos trabalhos recebidos. Para a realização da desinfecção de moldes e modelos, as substâncias não são utilizadas da maneira proposta pelo fabricante ou são inócuas aos microorganismos. Quanto à utilização de EPI, observou-se que 60% dos técnicos utilizam máscara, porém 4% utilizam o gorro. Quanto aos procedimentos tomados em relação aos moldes recebidos, observou-se que 56% dos entrevistados realizam apenas a lavagem em água corrente e, 56% dos modelos de gesso que chegam ao laboratório não recebem tratamento algum para desinfecção. Conclusão: Há a necessidade de maior motivação e instrução aos técnicos para a prevenção de contaminação cruzada durante o envio e o recebimento de trabalhos protéticos entre o laboratório de prótese e o consultório odontológico, pois parte dos TPD avaliados mostraram-se negligentes com relação aos procedimentos de desinfecção.

Objective: To evaluate the biosecurity measures adopted in dental prosthesis laboratories of the city of JoÆo Pessoa, PB, Brazil with respect to prosthetic works sent by dentists. Method: Twenty-five dental prosthesis technicians (DPT) of the city of JoÆo Pessoa, PB, filled out a questionnaire referring to their knowledge of the biosecurity principles, disinfection of impressions and other prosthetic items, and the use of individual protection equipment (IPE). Results: Although 92% of the interviewees believed in the possible occurrence of cross-infection between dental prosthesis laboratories and dental offices, 64% declared that the prosthetic works received in their laboratories do not undergo any disinfection procedure. It was also observed that, for disinfection of impressions and stone casts, the chemical substances are not used as recommended by the manufacturers or are innocuous to microorganisms. Regarding the use of IPE, 60% of the DPT used mask, but only 4% used gowns. With respect to the measures taken regarding the impressions received from dental offices, 56% of the interviewees only wash them in running tap water, and 56% of the stone casts that arrive at the laboratory are not disinfected in any way. Conclusion: There is a need for more motivation and instructions to DPT regarding the prevention of cross-contamination during sending and receiving of prosthetic works between dental prosthesis laboratories and dental offices because the DPT evaluated in this study were found negligent with respect to disinfection procedures.
Descritores: Controle de Infecções
Desinfecção
Equipamentos de Proteção
/prevenção & controle
EXPOSICAO A AGENTES BIOLOGICOS/prevenção & controle
Prótese Dentária
-Inquéritos e Questionários
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  4 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1127496
Autor: Nascimento, Jessica Cristhyanne Peixoto; Rocha, Rodrigo Rhuan Andrade; Dantas, Joyce Karolayne Dos Santos; Oliveira, Eloysa Dos Santos; Dantas, Daniele Vieira; Dantas, Rodrigo Assis Neves.
Título: Management of patients diagnosed or suspected with Covid-19 in cardiorespiratory arrest: a scoping review / Manejo de pacientes diagnósticos o sospechosos de Covid-19 en la parada cardiorrespiratoria: revisión de alcance / Manejo de pacientes diagnosticados ou com suspeita de Covid-19 em parada cardiorrespiratória: scoping review
Fonte: Texto & contexto enferm;29:e20200262, Jan.-Dec. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to map the production of knowledge about the recommendations that can be applied in managing patients diagnosed or suspected with COVID-19 in cardiorespiratory arrest. Method: a scoping review, according to the Joanna Briggs Institute (2020) guidelines. Search was performed in ten data sources, and two electronic search engines were used; from 2001 to 2020. Results: of the 547 studies found, 14 met the inclusion and exclusion criteria. Most studies were published in 2020 (35.7%), and most studies were conducted in Canada (21.4%). It is observed the use of a systematized care to identify the possible means of care that should be provided to patients who suffer a cardiorespiratory arrest in hospitals, such as the monitoring of suspected cases by assessing the victim's breathing and pulse and identifying arrhythmias and shockable rhythms quickly. Personal protective equipment must be used to protect against droplets and aerosols and respiratory etiquette. Conclusion: managing patients in cardiorespiratory arrest suspected or diagnosis with COVID-19 requiring cardiopulmonary resuscitation should be performed in isolation areas and with the use of adequate protective equipment. There are gaps in scientific productions so that they address more clearly and instructively management when performing cardiopulmonary resuscitation in patients suspected or diagnosed with COVID-19.

RESUMEN Objetivo: mapear la producción de conocimiento sobre las recomendaciones que se pueden aplicar en el manejo de un paciente diagnosticado o sospechoso de tener COVID-19 en paro cardíaco. Método: se trata de una revisión de alcance, de acuerdo con las directrices del Instituto Joanna Briggs (2020). La búsqueda se realizó en diez fuentes de datos y se utilizaron dos buscadores electrónicos; período de tiempo de 2001 a 2020. Resultados: de las 547 publicaciones encontradas, 14 cumplieron los criterios de inclusión y exclusión. La mayoría de los estudios se publicaron en el año 2020 (35,7%) y la mayoría de los estudios se realizaron en Canadá (21,4%). Se observa el uso de una atención sistemática para identificar las posibles vías de asistencia que se deben brindar a los pacientes que sufren una parada cardiorrespiratoria en el ámbito hospitalario, como monitorear los casos sospechosos de la enfermedad mediante la evaluación de la respiración y el pulso de la víctima e identificar rápidamente arritmias y ritmos desfibrilables. Cabe mencionar el uso de equipo de protección personal para protegerse de gotitas y aerosoles y conductas respiratorias específicas para estos casos. Conclusión: el manejo de pacientes en parada cardiorrespiratoria con COVID-19 sospechado o diagnosticado que requieran reanimación cardiopulmonar debe realizarse en áreas de aislamiento y con el uso de equipo de protección adecuado. Se observó que existen lagunas en las producciones científicas, por lo que se abordan de forma más clara e instructiva sobre el manejo al realizar reanimación cardiopulmonar en pacientes con sospecha o diagnóstico de COVID-19.

RESUMO Objetivo: mapear a produção de conhecimento sobre as recomendações que podem ser aplicadas no manejo de paciente diagnosticado ou com suspeita de COVID-19 em Parada Cardiorrespiratória. Método: trata-se de uma revisão de escopo, de acordo com as orientações do Instituto Joanna Briggs (2020). Realizada busca em dez fontes de dados, e utilizados dois buscadores eletrônicos; recorte temporal de 2001 a 2020. Resultados: das 547 publicações encontradas, 14 atenderam aos critérios de inclusão e exclusão. A maior parte dos estudos foi publicada no ano de 2020 (35,7%), e a maioria dos estudos foi realizada no Canadá (21,4%). Observa-se o uso de um cuidado sistematizado para identificação das possíveis vias de assistência que deverão ser prestadas a pacientes que sofrem uma parada cardiorrespiratória no ambiente hospitalar, como o monitoramento de casos suspeitos da doença através da avaliação da respiração e pulso da vítima e identificação das arritmias e de ritmos chocáveis de forma rápida. Vale salientar o uso de equipamentos de proteção individual para proteção contra gotículas e aerossóis e condutas respiratórias específicas para estes casos. Conclusão: o manejo do paciente em parada cardiorrespiratória com suspeita ou diagnóstico de COVID-19 que necessita de reanimação cardiopulmonar deve ser realizado em áreas de isolamento e com a utilização de equipamentos de proteção adequados. Foi visto que existem lacunas nas produções científicas, para que abordem de maneira mais clara e instrutiva sobre o manejo ao realizar ressuscitação cardiopulmonar em pacientes com suspeita ou diagnóstico de COVID-19.
Descritores: Assistência Individualizada de Saúde
Equipamentos de Proteção
Reanimação Cardiopulmonar
Coronavirus
Cuidados Críticos
-Infecções por Coronavirus
Pandemias
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR17.1 - Biblioteca Setorial Centro de Ciências da Saúde (BSCCSM)


  5 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1117509
Autor: Moraes, Evelize Maciel; Almeida, Larita Helena Albieri de; Giordani, Elizane.
Título: COVID-19: Cuidados de Enfermagem em Unidade de Terapia Intensiva / COVID-19: Nursing Care in an Intensive Care Unit
Fonte: Sci. med. (Porto Alegre, Online);30(1):38468, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: A doença causada pelo novo coronavírus (COVID-19), foi identificada em dezembro de 2019, na China. Por ter uma disseminação extremamente rápida, de pessoa por pessoa, em janeiro de 2020 foi declarada uma urgência em saúde pública internacional e, em março, a COVID-19 foi declarada como uma pandemia. Os profissionais de saúde têm grande probabilidade de contrair ou transmitir essa doença, decorrente de sua alta exposição ao vírus. Com essa preocupação, o presente estudo fez uma revisão bibliográfica para descrever as rotinas e protocolos relacionados às melhores práticas para assistência de enfermagem aos pacientes com a COVID-19. No momento crítico como esse, cabe ao enfermeiro montar estratégias para qualificar a assistência e, ao mesmo tempo, promover a segurança dos profissionais que atuam diretamente no cuidado aos pacientes com a COVID-19.

The disease caused by the new coronavirus (COVID-19) was identified in December 2019, in China. By an extremely rapid dissemination of one person per person, in January 2020, COVID-19 was declared an international public health emergency, and, in March, it was declared as a pandemic. Health professionals are very likely to contract or transmit this disease, due to their high exposure to the virus. With this concern, the present study makes a bibliographic review to describe the routines and protocols related to the best nursing care practices for patients with a COVID-19. In the critical moment like this, the nurse is the responsible to develop strategies to qualify assistance and, at the same time, promote the safety of professionals who work directly in the patients care with a COVID-19.
Descritores: Pneumonia Viral/prevenção & controle
Equipamentos de Proteção/normas
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Pandemias
Unidades de Terapia Intensiva/normas
Cuidados de Enfermagem/normas
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1323.1 - Biblioteca Central Irmão José Otão


  6 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1126960
Autor: Borges, Israel Baptista de Souza; Carvalho, Magali Rezende de; Quintana, Marcel de Souza; Oliveira, Alexandre Barbosa de.
Título: Systematic review and meta-analysis comparing ventilatory support in chemical, biological and radiological emergencies / Revisão sistemática e metanálise comparando técnicas de suporte ventilatório em emergências químicas, biológicas e radiológicas / Comparación de técnicas de soporte ventilatorio en situaciones de emergencia química, biológica y radiológica: revisión sistemática y meta-análisis
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);28:e3347, 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Objective: to compare the mean development time of the techniques of direct laryngoscopy and insertion of supraglottic devices; and to evaluate the success rate in the first attempt of these techniques, considering health professionals wearing specific personal protective equipment (waterproof overalls; gloves; boots; eye protection; mask). Method: meta-analysis with studies from LILACS, MEDLINE, CINAHL, Cochrane, Scopus and Web of Science. The keywords were the following: personal protective equipment; airway management; intubation; laryngeal masks. Results: in the "reduction of the time of the procedures" outcome, the general analysis of the supraglottic devices in comparison with the orotracheal tube initially presented high heterogeneity of the data (I2= 97%). Subgroup analysis had an impact on reducing heterogeneity among the data. The "laryngeal mask as a guide for orotracheal intubation" subgroup showed moderate heterogeneity (I2= 74%). The "2ndgeneration supraglottic devices" subgroup showed homogeneity (I2= 0%). All the meta-analyses favored supraglottic devices. In the "success in the first attempt" outcome, moderate homogeneity was found (I2= 52%), showing a higher proportion of correct answers for supraglottic devices. Conclusion: in the context of chemical, biological or radiological disaster, the insertion of the supraglottic device proved to be faster and more likely to be successful by health professionals. PROSPERO record (CRD42019136139).

Objetivo: comparar o tempo médio do desenvolvimento das técnicas de laringoscopia direta e de inserção de dispositivos supraglóticos e avaliar a taxa de sucesso na primeira tentativa dessas técnicas, considerando a utilização de equipamentos de proteção individual específicos (macacão impermeável; luvas; botas; proteção ocular; máscara) pelos profissionais de saúde. Método: metanálise com estudos das bases LILACS, MEDLINE, CINAHL, Cochrane, Scopus e Web of Science. As palavras-chave foram: personal protective equipment; airway management; intubation; laryngeal masks. Resultados: no desfecho redução "do tempo dos procedimentos" a análise geral dos dispositivos supraglóticos em comparação com o tubo orotraqueal apresentou inicialmente alta heterogeneidade dos dados (I2 = 97%). A análise por subgrupos impactou na redução da heterogeneidade entre os dados. O subgrupo "máscara laríngea como guia para intubação orotraqueal" demonstrou heterogeneidade moderada (I2 = 74%). O subgrupo "dispositivos supraglóticos de 2ª geração" evidenciou homogeneidade (I2 = 0%). Todas as metanálises foram favoráveis aos dispositivos supraglóticos. No desfecho "êxito na primeira tentativa" foi encontrada homogeneidade moderada (I2 = 52%), demonstrando maior proporção de acerto para dispositivos supraglóticos. Conclusão: no contexto do desastre químico, biológico ou radiológico, a inserção do dispositivo supraglótico revelou ser mais rápida e apresentar maior chance de acerto por profissionais de saúde. Registro PROSPERO (CRD42019136139).

Objetivo: comparar el tiempo medio de desarrollo de las técnicas de laringoscopia directa y de inserción de dispositivos supraglóticos y evaluar la tasa de éxito obtenida en el primer intento de dichas técnicas con profesionales sanitarios provistos de equipos de protección individual específicos (mono impermeable, guantes, botas, protección ocular, mascarilla). Método: meta-análisis con estudio de las bases de datos LILACS, MEDLINE, CINAHL, Cochrane, Scopus y Web of Science. Las palabras clave fueron las siguientes: personal protective equipment; airway management; intubation; laryngeal masks. Resultados: en el resultado "reducción del tiempo de los procedimientos", el análisis general de los dispositivos supraglóticos en comparación con el tubo orotraqueal presentó, inicialmente, una alta heterogeneidad de los datos (I2= 97%). El análisis por subgrupos dio como resultado una reducción de la heterogeneidad entre los datos. El subgrupo "mascarilla laríngea como guía para la intubación orotraqueal" mostró una heterogeneidad moderada (I2= 74%). El subgrupo "dispositivos supraglóticos de 2ª generación" mostró homogeneidad (I2= 0%). Todos los meta-análisis fueron favorables a los dispositivos supraglóticos. En el resultado "éxito en el primer intento" se halló una homogeneidad moderada (I2= 52%), obteniendo una mayor proporción de aciertos con el uso de dispositivos supraglóticos. Conclusión: en el contexto de un desastre químico, biológico o radiológico, se ha demostrado que la inserción del dispositivo supraglótico es más rápida y que los profesionales sanitarios obtienen una mayor probabilidad de acierto. Registro PROSPERO (CRD42019136139).
Descritores: Equipamentos de Proteção
Aparelho Sanitário
Incidência
Máscaras Laríngeas
Metanálise
Desastres
Manuseio das Vias Aéreas
Equipamento de Proteção Individual
Utilização de Equipamentos e Suprimentos
Intubação
Laringoscopia
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  7 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1123314
Autor: Piaui. Governo do estado. Secretaria de estado da saúde. Superintendência de atenção primária à saúde e municípios. Diretoria de unidade de vigilância sanitária estadual.
Título: Orientações para empregadores, trabalhadores e pacientes dos serviços odontológicos: medidas de prevenção e controle da disseminação do SARS-COV-2 (COVID-19) / Guidelines for employers, workers and patients of dental services: prevention and control measures dissemination of SARS-COV-2 (COVID-19).
Fonte: Teresina; s.n; 01 jul. 2020. 9 p. (Pacto pela retomada organizada no Piauí COVID-19: pro Piauí: protocolo específico, 007).
Idioma: pt.
Descritores: Pneumonia Viral/prevenção & controle
Equipamentos de Proteção/normas
Assistência Odontológica/normas
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Pandemias
Limites: Humanos
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR1897.1 - Biblioteca Professor Joaquim Borges Leal


  8 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-720376
Autor: Cohen, Juliana Vieira Frezza Bernardes; Leão, Mariella Vieira Pereira; Santos, Silvana Soléo Ferreira dos.
Título: Condutas de biossegurança relacionadas aos trabalhos protéticos utilizadas por cirurgiões-dentistas de Porto Velho (RO) / Conducts of biosafety related to prosthetic work used by dentists of Porto Velho (RO)
Fonte: Rev. bras. odontol;70(1):93-96, Jan.-Jun. 2013. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A veiculação de micro-organismos por moldes, modelos e próteses torna essencial adotar medidas de biossegurança. Avaliar as condutas de biossegurança, utilizadas por dentistas de Porto Velho (RO), no trabalho com moldes, modelos e próteses. Questionário relativo às condutas de biossegurança que envolvem trabalhos protéticos. Estavam corretamente vacinados 62,2% dos dentistas, todos utilizavam avental, luva e máscara, mas a adesão aos óculos e gorro foi menor. A desinfecção dos moldes, modelos e próteses era realizada, respectivamente, por 59, 43,66 e 66,38% dos participantes com glutaraldeído, hipoclorito ou álcool em imersão por 10 minutos. A aplicação das normas de biossegurança em Porto Velho está aquém do esperado para que haja redução no risco de infecção cruzada.

The carriage of microorganisms by molds, models and prosthesis makes it essential the adoption of biosecurity measures. To assess biosecurity actions conducted by dentists of Porto Velho (RO) at work with prosthetic devices. The voluntaries were requested to answer a questionnaire regarding their biosecurity actions. All dentists use apron, glove and mask, and with less frequency, glasses and hats; 62.2% were properly vaccinated. Disinfection of prosthetic devices was performed by 59, 43.7 and 66.4% of participants with immersion for ten minutes in glutaraldehyde, hypochlorite and alcohol, respectively. The implementation of biosecurity standards in the Porto Velho was minor than expected to reduce the risk of cross-infection.
Descritores: Equipamentos de Proteção
Desinfecção
Prótese Dentária
Contenção de Riscos Biológicos
Odontólogos
Equipamento de Proteção Individual
Responsável: BR485.1 - Biblioteca Mário Badan


  9 / 267 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-530889
Autor: Souza, Bruno Gonçalves Schrõder e; Souza, Felipe Gonçalves Schrõder e; Souza, Thiago Gonçalves Schrõder e; Souza, Angela Maria Schrõder e; Souza, Valter Gonçalves; Afonso, Vivianne Weil.
Título: Perfil da utilização de dispositivos de segurança em automóveis por pacientes de uma clínica pediátrica / Use profile of protective devices for children in vehicles among patients from a private pediatrics' clinic
Fonte: HU rev;32(4):97-102, out.-dez. 2006.
Idioma: pt.
Resumo: Acidentes de trânsito são grave problema de saúde pública. A elevada mortalidade entre crianças no trânsito e a proteção oferecida por equipamentos de segurança, justificam a necessidade de conhecer melhor seu uso para elaborar estratégias que objetivem diminuir a morbimortalidade. O presente trabalho avaliou a utilização de equipamentos de segurança para crianças nos automóveis e o conhecimento dos pais sobre o seu uso correto. Foram aplicados questionários aos responsáveis pelos clientes da clínica CORPEL, em Santos Dumont-MG, de maio a setembro de 2004, num estudo de corte seccional. Foram entrevistados 390 responsáveis, sendo 101 excluídos. Das crianças incluídas no estudo, 17,3% tinham menos de 1 ano; 24,2% 1 ano ou mais e menos de 4 anos; e 58,5%, 4 anos ou mais. Dos responsáveis entrevistados que não possuíam equipamento de segurança (74,1%), 57,4% declararam achar que a criança já podia usar cinto; 5,5% não achavam importante; 5,5% achavam caro; e 2% não conheciam. Entre os que utilizavam, 56% o faziam sempre, sendo a adequação do uso de 33,3%. Portanto, apenas 8,7% das crianças estavam sendo transportadas corretamente. Somente 20,7% dos pais conheciam o correto uso das bolsas de ar. Os resultados deste trabalho demonstram uma falha na informação dos pais, permitindo inferir que campanhas educativas e regulamentação específica poderiam ter impacto positivo na utilização dos dispositivos de segurança.

Traffic accidents are a serious public health problem. High mortality rates among children and the protection provided by child restraints, justify the need to study the use of preventive equipment, in order to develop strategies to reduce injuries and deaths. This study evaluated the use of children`s restraints and parental knowledge about their correct use. Questionnaires were administered to parents in CORPEL clinic, in Santos Dumont - MG, from May to September, 2004, in a cross-sectional study. 390 parents were interviewed and 101 were excluded. Among the included, 17.3% were less then one year of age; 24.2% were 1 year or over of age but less then four years; and 58.5% were four years old or over. Among those who did not have protective devices (74.1%), 57.4% had the impression the child was old enough to wear a seat belt; 5.5% regarded it as not important; 5.5% believed it was too expensive; and 2% did not know it existed. Among those who had such devices, 56% always used them, but just 33.3% knew the proper use. Therefore, only 8.7% of the children were safely transported. Just 20.7% of the parents knew the correct use of air-bags. The results of this study showed a great flaw in parental knowledge. Educational programs and stricter regulations might have a positive impact on the use of children`s restraints.
Descritores: Equipamentos de Proteção
Acidentes de Trânsito
-Pediatria
Cintos de Segurança
Automóveis
Proteção
Utilização de Equipamentos e Suprimentos
Prevenção de Acidentes
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  10 / 267 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-383429
Autor: Simões, Marise; Lemes-Marques, Eneida Gonçalves; Chiarini, Paulo Flávio Teixeira; Pires, Maria de Fátima Costa.
Título: O uso de equipamentos de proteção individual (EPIs) e coletiva (EPCs) nos acidentes ocorridos em um laboratório de saúde pública no período de maio de 1998 a maio de 2002 / Individual and collective protection equipments (IPE and CPE) wearing in a health public laboratory accidents from may 1998 to may 2002
Fonte: Rev. Inst. Adolfo Lutz;62(2):105-109, 2003. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: A saúde dos trabalhadores tem merecido atenção do Sistema Nacional de Saúde e de organizações internacionais. Este estudo teve como objetivo avaliar os 38 acidentes registrados no período de maio de 1998 a maio de 2002 num laboratório de saúde pública, a relação com o não uso ou o uso inadequado de EPIs e EPCs pelos funcionários e a quantidade de horas trabalhadas pelos profissionais quando da ocorrência dos acidentes. Os dados foram obtidos nas fichas de registro de acidentes de trabalho elaboradas pelo grupo de biossegurança local e preenchidas durante entrevista com os acidentados. Os acidentes foram agrupados segundo a sua natureza, em cinco categorias: queimaduras (calor, frio, ácido); pérfuro-cortantes; amostras biológicas; transporte de amostras; incêndios. Foram registrados 38 acidentes envolvendo 30 pessoas, sendo: 7 casos (18,42 por cento) em 1998 (maio a dezembro); 10 (26,32 por cento) em 1999; 7 (18,42 por cento) em 2000; 7 (18,42 por cento) em 2001 e 7 (18,42 por cento) em 2002 (janeiro a maio). O acidente mais frequente (37 por cento) ocorreu com amostras biológicas, seguido pelos pérfuro-cortantes (24 por cento). Os EPIs estavam sendo utilizados de maneira incorreta ou incompleta em 22 dos acidentes relatados. Conclui-se, portanto, que é de fundamental importância a prevenção de acidentes frente a situações de risco em laboratório, e que a conscientização e responsabilidade na observação das normas de biossegurança envolve os profissionais em todos os níves
Descritores: Acidentes de Trabalho
Laboratórios
Equipamentos de Proteção
Prevenção de Acidentes
-Saúde do Trabalhador
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação



página 1 de 27 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde