Base de dados : LILACS
Pesquisa : E07.700.250 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 40 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 40 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-989779
Autor: Miyake, Marcel Menon; Tateno, Daniela Akemi; Cançado, Natália Amaral; Miyake, Michelle Menon; Tincani, Stefano; Sousa Neto, Osmar Mesquita de.
Título: Water protection in patients with tympanostomy tubes in tympanic membrane: a randomized clinical trial / Proteção auricular da água em pacientes com tubo de ventilação em membrana timpânica: ensaio clínico randomizado
Fonte: Einstein (Säo Paulo);17(2):eAO4423, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective To analyze the incidence of otorrhea in the postoperative period of patients submitted to tympanotomy to place ventilation tube, and who did not protect the ear when exposed to water. Methods Open, randomized-controlled trial. Eighty patients submitted to unilateral or bilateral ear grommet tympanostomy were included and divided into two groups: Auricular Protection and Non-Protection to water during bathing and activities in water. Results In the first postoperative month, the Non-Protection Group presented a significant increase in the number of patients with otorrhea and in the incidence. Four patients of the Protection Group (11%) presented at least one episode of otorrhea in this period, representing an incidence of 0.11 (standard deviation ±0.32) episode/month, whereas in the Non-Protection Group there were 12 episodes (33%; p=0.045) and incidence of 0.33 (±0.48; p=0.02). Between the 2nd and the 13th postoperative months, there was no difference between groups. Seven patients in the Protection Group (20%) had at least one episode of otorrhea, representing an incidence of 0.04 (±0.09) episodes/month, while in the Non-Protection Group there were seven episodes (22%; p=0.8) and incidence of 0.05 (±0.1; p=0.8). Conclusion Patients who underwent ear protection when exposed to water had a lower incidence of otorrhea in the first postoperative month than those who did not undergo protection. From the second month, there was no difference between groups.

RESUMO Objetivo Avaliar a incidência de otorreia no período pós-operatório em pacientes submetidos à timpanotomia para colocação de tubo de ventilação e que não realizaram proteção auricular quando expostos à água. Métodos Ensaio clínico controlado, aberto e randomizado. Foram incluídos 80 pacientes submetidos à timpanotomia para colocação de tubo de ventilação unilateral ou bilateral, divididos em dois grupos: Grupo Proteção e Grupo Não Proteção auricular da água durante o banho e as atividades aquáticas. Resultados No primeiro mês pós-operatório, o Grupo Não Proteção apresentou aumento significativo tanto no número de pacientes com otorreia quanto na incidência. Quatro pacientes do Grupo Proteção (11%) apresentaram ao menos um episódio de otorreia neste período, representando incidência de 0,11 (desvio padrão ±0,32) episódio/mês, enquanto no Grupo Não Proteção ocorreram 12 episódios (33%; p=0,045) e incidência de 0,33 (±0,48; p=0,02). Entre o 2º e o 13º meses pós-operatórios, não houve diferença entre os grupos. Sete pacientes do Grupo Proteção (20%) apresentaram ao menos um episódio de otorreia, representando incidência de 0,04 (±0,09) episódios/mês, enquanto no Grupo Não Proteção foram registrados sete episódios (22%; p=0,8) e incidência de 0,05 (±0,1; p=0,8). Conclusão Pacientes que realizaram a proteção auricular quando expostos à água apresentaram menor incidência de otorreia no primeiro mês pós-operatório do que aqueles que não a realizaram. A partir do segundo mês, não houve diferença entre os grupos.
Descritores: Otite Média Supurativa/etiologia
Otite Média Supurativa/prevenção & controle
Complicações Pós-Operatórias/etiologia
Complicações Pós-Operatórias/prevenção & controle
Água/efeitos adversos
Ventilação da Orelha Média/efeitos adversos
-Otite Média Supurativa/epidemiologia
Complicações Pós-Operatórias/epidemiologia
Natação
Fatores de Tempo
Banhos/efeitos adversos
Brasil/epidemiologia
Modelos Logísticos
Incidência
Fatores de Risco
Resultado do Tratamento
Estatísticas não Paramétricas
Dispositivos de Proteção das Orelhas
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-962173
Autor: Meira, Tatiane Costa; Santana, Vilma Sousa; Ferrite, Silvia.
Título: Gender and other factors associated with the use of hearing protection devices at work / Gênero e fatores associados ao uso de equipamento de proteção auditiva no trabalho
Fonte: Rev. saúde pública (Online);49:76, 2015. tab.
Idioma: en.
Projeto: CNPq; . CNPq; . FAPESB.
Resumo: OBJECTIVE To analyze whether sociodemographic, occupational, and health-related data are associated with the use of hearing protection devices at work, according to gender. METHODS A cross-sectional study was conducted in 2006, using a random sample of 2,429 workers, aged between 18 and 65 years old, from residential sub-areas in Salvador, BA, Northeastern Brazil. Questionnaires were used to obtain sociodemographic, occupational, and health-related data. Workers who reported that they worked in places where they needed to shout in order to be heard were considered to be exposed to noise. Exposed workers were asked whether they used hearing protection devices, and if so, how frequently. Analyses were conducted according to gender, with estimates made about prevalence of the use of hearing protection devices, prevalence ratios, and their respective 95% confidence intervals. RESULTS Twelve percent (12.3%) of study subjects reported that they were exposed to noise while working. Prevalence of the use of hearing protection devices was 59.3% for men and 21.4% for women. Men from higher socioeconomic levels (PR = 1.47; 95%CI 1.14;1.90) and who had previous audiometric tests (PR = 1.47; 95%CI 1.15;1.88) were more likely to use hearing protection devices. For women, greater perceived safety was associated with the use of protection devices (PR = 2.92; 95%CI 1.34;6.34). This perception was specifically related to the presence of supervisors committed to safety (PR = 2.09; 95%CI 1.04;4.21), the existence of clear rules to prevent workplace injuries (PR = 2.81; 95%CI 1.41;5.59), and whether they were informed about workplace safety (PR = 2.42; 95%CI 1.23;4.76). CONCLUSIONS There is a gender bias regarding the use of hearing protection devices that is less favorable to women. The use of such devices among women is positively influenced by their perception of a safe workplace, suggesting that gender should be considered as a factor in hearing conservation programs.

OBJETIVO Analisar se dados sociodemográficos, ocupacionais e de saúde estão associados ao uso de equipamento de proteção auditiva no trabalho, segundo gênero. MÉTODOS Estudo transversal com amostra aleatória de 2.429 trabalhadores de 18 a 65 anos de subáreas de base domiciliar em Salvador, BA, no ano de 2006. Foram aplicados questionários para obtenção de dados sociodemográficos, ocupacionais e de saúde. Foram considerados expostos ao ruído aqueles que relataram trabalhar em local onde era necessário gritar para ser ouvido. Os trabalhadores expostos foram questionados sobre uso e regularidade do uso de equipamento de proteção auditiva. A análise foi conduzida por gênero, estimando-se a prevalência do uso do equipamento de proteção auditiva, razões de prevalência e os respectivos intervalos de 95% de confiança. RESULTADOS Entre os participantes do estudo, 12,3% referiram trabalhar expostos ao ruído. A prevalência do uso do equipamento de proteção auditiva foi 59,3% e 21,4%, para homens e mulheres, respectivamente. Entre os homens, maior nível socioeconômico (RP = 1,47; IC95% 1,14;1,90) e ter realizado audiometria (RP = 1,47; IC95% 1,15;1,88) foram fatores associados ao uso do equipamento. Entre as mulheres, a percepção de maior segurança associou-se ao uso do equipamento (RP = 2,92; IC95% 1,34;6,34). Essa percepção deveu-se, especialmente, à presença de supervisores comprometidos com a segurança (RP = 2,09; IC95% 1,04;4,21), à existência de regras claras para evitar acidentes de trabalho (RP = 2,81; IC95% 1,41;5,59) e ao recebimento de informações sobre segurança no trabalho (RP = 2,42; IC95% 1,23;4,76). CONCLUSÕES Há um viés de gênero em relação ao uso do equipamento de proteção auditiva menos favorável às mulheres em comparação com os homens. O uso do equipamento entre mulheres é influenciado positivamente pela percepção de um ambiente de trabalho seguro, sugerindo que o gênero precisa ser considerado nos programas de conservação auditiva.
Descritores: Dispositivos de Proteção das Orelhas/estatística & dados numéricos
Perda Auditiva Provocada por Ruído/prevenção & controle
Ruído Ocupacional/prevenção & controle
Doenças Profissionais/prevenção & controle
-Percepção
Fatores Socioeconômicos
Brasil
Fatores Sexuais
Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Local de Trabalho
Testes Auditivos
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Idoso
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-700415
Autor: Contreras Quevedo, Carlos Alberto.
Título: Actitudes acerca de la protección auditiva y pérdida de la audición en trabajadores de una planta compresora de gas costa-afuera / Attitudes about hearing protection and hearing loss in workers at a gas compression plant offshore
Fonte: Cienc. Trab;15(46):35-39, abr. 2013. graf.
Idioma: es.
Resumo: Objetivo: Determinar las actitudes y creencias de los trabajadores respecto de la protección auditiva y la pérdida de la audición por ruido como parte de una actividad del Programa de Protección Auditiva de un Centro de Trabajo. Método: Se realizó un estudio transversal observacional en un Centro Procesador de aceite crudo y gas natural, costa afuera del estado de Campeche, México. Resultados: La percepción de la susceptibilidad de la pérdida auditiva inducida por el ruido en el grupo de trabajadores fue del 100%. Respecto de percibir la severidad de las consecuencias de la pérdida auditiva inducida por ruido 15% estuvo de acuerdo y 85% totalmente de acuerdo. Del beneficio del uso de los dispositivos como medida preventiva a la pérdida de audición, 90% estuvo totalmente de acuerdo que es importante usar protectores auditivos cada vez que se está trabajando con ruido fuerte, el 10% consideró estar de acuerdo. Conclusión: El estudio de las creencias e intenciones de los trabajadores evidenció un elemento cognoscitivo establecido respecto del ruido como condicionante de la susceptibilidad para pérdida auditiva con el consecuente uso de los dispositivos de protección auditiva como medida preventiva. Sin embargo, se requiere mayor entrenamiento en el plano de la autosuficiencia ya que la mitad de los trabajadores no sabe cuándo los tapones necesitan ser reemplazados. Por otra parte, existen situaciones de tipo administrativo que requieren atención como son la nula posibilidad para los trabajadores de seleccionar dispositivos de protección de los oídos una vez que solo tienen disponibles tapones auditivos.

Objective: Determining the attitudes and beliefs of workers on hearing protection and hearing loss due to noise as part of an activity Hearing Protection Programme of Work Center. Method: An observational cross-sectional study on a crude oil and natural gas Processing Center off shore the state of Campeche, Mexico. Results: The perception of susceptibility hearing loss induced by noise in the group of workers was 100%. Regarding perceive the severity of the consequences of hearing loss induced by noise, 15% agreed and 85% strongly agree. About the benefit of using the devices as a preventive measure against hearing loss, 90% strongly agreed that it is important to wear hearing protection whenever you are working with loud noise, 10% considered agree. Conclusion: The study of the beliefs and intentions of the workers showed a cognitive element established in respect of noise as a condition of susceptibility of hearing loss and the consequent use of hearing protection devices as a precaution. However, more training is required at the level of self-sufficiency half since workers do not know when the plugs need to be replaced. On the other hand, there are situations of administrative nature that require attention such as the non-existent possibility for workers to select hearing protection devices once only earplugs are available.
Descritores: Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Dispositivos de Proteção das Orelhas
Perda Auditiva Provocada por Ruído/prevenção & controle
Categorias de Trabalhadores/psicologia
-Estudos Transversais
Exposição Ocupacional
Desenvolvimento de Pessoal
México
Ruído Ocupacional/prevenção & controle
Limites: Humanos
Masculino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  4 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1094390
Autor: Upegui-Rincon, Sildrey; Araque-Muñoz, Luis; Lizarazo-Salcedo, Cesar; Berrio-Garcia, Shyrle; Guarguati-Ariza, Juliana.
Título: Verificación de niveles de atenuación de protectores auditivos tipo copa en trabajadores del sector Hidrocarburos / Verifying the attenuation levels of earmuff hearing protectors in Oil & Gas workers / Verificando os níveis de atenuação dos protetores auditivos de abafador em trabalhadores de petróleo e gás
Fonte: Rev. salud pública;21(2):195-201, ene.-abr. 2019. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: RESUMEN Objetivo Verificar los niveles de atenuación de dos tipos de protectores auditivos de copa bajo condiciones reales de operación. Métodos Se realizó un diseño experimental de medidas repetidas de los niveles de presión sonora al interior y exterior de los protectores auditivos, realizando mediciones de ruido bajo circunstancias habituales de trabajo para operadores de una planta de hidrocarburos. Posteriormente, se determinaron las diferencias entre los niveles de atenuación establecidos por el fabricante, los niveles de atenuación ajustados bajo el método recomendado por NIOSH y los niveles de atenuación obtenidos experimentalmente. Resultados Los valores de atenuación ofrecidos por los fabricantes difieren de los obtenidos experimentalmente, siendo estos últimos, menores en todos los casos del estudio. Los valores de atenuación de los protectores auditivos ajustados bajo el método NIOSH alcanzaron valores más cercanos a los experimentales. Conclusiones La variabilidad entre los valores de atenuación teóricos y experimentales, permiten establecer que las estimaciones de los niveles de atenuación obtenidos en condiciones controladas no consideran aspectos que en condiciones reales de uso afectan la eficiencia del protector auditivo. Este estudio plantea la necesidad de implementar programas integrales de protección auditiva, que permitan considerar variables asociadas a la eficacia del dispositivo en condiciones de uso, a través de la aplicación de pruebas de ajuste o en su defecto a través de la aplicación de los factores de ajuste sugeridos por NIOSH, con el fin de realizar una adecuada selección que permita alcanzar un control efectivo para el ruido.

ABSTRACT Objective To verify the attenuation levels of two types of earmuffs under real operating conditions. Materials and Methods A study with experimental design was carried out to obtain repeated measurements of the sound pressure levels inside and outside hearing protectors in a sample of workers of an oil and gas company working under normal process and exposure conditions. The results allowed determining differences between the attenuation levels established by the manufacturer, the adjusted attenuation levels under the NIOSH method, and the attenuation levels obtained experimentally. Results The attenuation values established by the manufacturers are lower than those ones obtained under actual use conditions in all cases evaluated. Likewise, the attenuation values of the hearing protectors, once adjusted under the NIOSH method, reached values much closer to those obtained experimentally. Conclusions The variability between theoretical attenuation values and experimental values allows concluding that the attenuation levels obtained under controlled laboratory conditions do not take into account certain characteristics that, based on their use, affect the efficiency of the hearing protection device. This study encourages the implementation of comprehensive hearing protection programs that consider variables such as hearing protection effectiveness, under real use conditions, by applying fit tests or other adjustment factors like the one suggested by NIOSH. This would ensure an adequate selection that aims at achieving an effective control of this risk factor.

RESUMO Objetivo Verifique os níveis de atenuação de dois tipos de protetores auriculares em condições reais de operação. Métodos Foi realizado um projeto experimental de medições repetidas dos níveis de pressão sonora dentro e fora dos protetores auditivos, fazendo medições de ruído em condições normais de trabalho para operadores de uma usina de hidrocarbonetos. Posteriormente, foram determinadas as diferenças entre os níveis de atenuação estabelecidos pelo fabricante, os níveis de atenuação ajustados pelo método recomendado pelo NIOSH e os níveis de atenuação obtidos experimentalmente. Resultados Os valores de atenuação oferecidos pelos fabricantes diferem daqueles obtidos experimentalmente, sendo este último menor em todos os casos do estudo. Os valores de atenuação dos protetores auditivos ajustados pelo método NIOSH atingiram valores mais próximos aos experimentais. Conclusões A variabilidade entre os valores de atenuação teórica e experimental permite estabelecer que as estimativas dos níveis de atenuação obtidos em condições controladas não consideram aspectos que, em condições reais de uso, afetam a eficiência do protetor auditivo. Este estudo levanta a necessidade de implementar programas abrangentes de proteção auditiva que permitam considerar variáveis associadas à efetividade do dispositivo em condições de uso, através da aplicação de testes de adaptação ou, na sua falta, através da aplicação de ajuste sugerido pelo NIOSH, a fim de fazer uma seleção adequada para obter um controle eficaz do ruído.(AU)
Descritores: Exposição Ocupacional/normas
Dispositivos de Proteção das Orelhas/normas
Dosímetros de Radiação
Ruído Ocupacional/prevenção & controle
-Epidemiologia Experimental
Medição de Ruído/métodos
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1005096
Autor: Coello, Fausto; Males, Diego; Tello, Denisse; López Pulles, Ramiro.
Título: ¿Son los tapones auditivos eficaces para prevenir los efectos de la contaminación auditiva mediante la atenuación sonora? / Are ear plugs effective in preventing the effects of auditory contamination through sound attenuation?
Fonte: Rev. Fac. Cienc. Méd. (Quito);42(1):108-113, jun.2017. [].
Idioma: es.
Resumo: Contexto: los efectos de la exposición a la contaminación sonora incluyen síntomas auditivos como hipoacusia, elevación del umbral auditivo, trauma acústico y también no auditivos de tipo psicológico, físico y social. Material y métodos: estudio descriptivo analítico y transversal para determinar la eficacia de la atenuación sonora de los protectores auditivos personalizados en un grupo de 33 pacientes hombres sin alteraciones físicas del conducto auditivo externo, mediante la comparación de las respuestas obtenidas en el oído real libre y sin amplificación (Real-Ear Unaided Response) y con el oído herméticamente ocluido por medio de un tapón de silicona hecho a la medida (Real-Ear Occluded), ante la presencia de un ruido externo estable de banda ancha de 65 dB de intensidad, utilizando para ello un equipo de precisión certificado con normas ISO (Verifit de Audioscan). Resultados: se encontró que existe mayor protección a los decibeles altos con las frecuencias: 2000 Hz, 3000 Hz y 4000 Hz, bajando de 65 a 40 decibeles que traduce una reducción del 61%; no existe diferencia significativa entre ambos oídos, lo cual se explica por las particularidades en las formas anatómicas, profundidad de la inserción y la adecuada colocación de la sonda microfónica. Los valores promedio de atenuación bilateral en dB SPL que se logra en las diferentes frecuencias con tapones personalizados de protección auditiva varían dependiendo de la misma, con 250 Hz es de 9,97 en el oído derecho y 9,36 en el oído izquierdo y con 6000 Hz 15,28 en el oído derecho y 13,64 en el oído izquierdo. Una mayor atenuación se encontró con 3000 Hz (OD: 32,11 OI: 30,69), 2000 Hz (OD: 28,33 OI: 28,47) y 4000 Hz (OD: 27,28 OI: 26,67). Conclusión: el uso de protectores auditivo logra una evidente reducción de los niveles sonoros, sobre todo con frecuencias agudas (primeras) cuyos umbrales se afectan al someterse a elevados niveles de ruido por tiempos prolongados. (AU)

Context: the effects of exposure to noise pollution include auditory symptoms: hearing loss, elevation of the auditory threshold, acoustic trauma and also non-auditory psychological, physical and social. Material and methods: a descriptive, analytical, cross-sectional study, the efficacy of the sound attenuation of the personalized hearing protectors was determined in a group of 33 male patients without physical alterations in the external auditory canal, by means of the comparison of the responses obtained in the ear Real-Ear Unaided Response, and with the ear sealed by means of a custom-made silicone plug (Real-Ear Occluded), in the presence of stable external broadband noise of 65 dB Of intensity, using a precision equipment certified with ISO standards, the Verifit of Audioscan. Results: it was found that there is a greater protection to high decibels with frequencies 2000 Hz, 3000 Hz and 4000 Hz, falling from 65 to 40 decibels, which means a reduction of 61%, there is no significant difference between both ears, Which is explained by the particularities in the anatomical forms, depth of insertion and the proper placement of the microphone probe. The average bilateral attenuation values in dB SPL that is achieved in the different frequencies with personalized ear protection plugs vary depending on the same, with 250 Hz being 9.97 in the right ear and 9.36 in the left ear and with 6000 Hz 15.28 in the right ear and 13.64 in the left ear. Greater attenuation was found with 3000 Hz (OD: 32.11 OI: 30.69), 2000 Hz (OD: 28.33 OI: 28.47) and 4000 Hz (OD: 27.28 OI: 26.67). Conclusion: the use of hearing protectors; Achieves an evident reduction of the sound levels, especially with acute frequencies, which are the first ones whose thresholds are affected when undergoing high levels of noise for prolonged times. Keywords: sound attenuation, hearing protectors, noise induced hearing loss, auditory contamination
Descritores: Otorrinolaringopatias
Limiar Auditivo
Dispositivos de Proteção das Orelhas
-Orelha
Otopatias
Perda Auditiva
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Idoso
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: EC107 - Dirección Nacional de Inteligencia de la Salud


  6 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-770517
Autor: Samelli, Alessandra Giannella; Rocha, Clayton Henrique; Theodósio, Patrícia; Moreira, Renata Rodrigues; Neves-Lobo, Ivone Ferreira.
Título: Training on hearing protector insertion improves noise attenuation / Atenuação do protetor auditivo após treinamento para colocação
Fonte: CoDAS;27(6):514-519, nov.-dez. 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Purpose: To determine the efficacy of hearing protector insertion by comparing attenuation values measured by objective (MIRE) and subjective (REAT) methods in groups with and without training. Methods: The study included 80 male subjects assigned to experimental (with training) and control (without training) groups. The following procedures were performed: occupational history, objective and subjective assessment of hearing protectors. Only subjects in the experimental group received training and guidance on proper hearing protector insertion. Results: Attenuation values were significantly higher in the experimental group than in the control group at all frequencies (500, 1000, 2000, and 4000 Hz) investigated through the objective (MIRE) and subjective (REAT) methods. In addition, attenuation values in the control group were lower than those provided by the hearing protector manufacturer. Conclusion: Both objective and subjective attenuation tests demonstrated the efficacy of training on insertion of hearing protectors because the group that received training on proper hearing protection insertion exhibited higher attenuation values than the untrained group.

RESUMO Objetivo: Determinar a eficácia da colocação do protetor auditivo comparando os valores de atenuação obtidos pelos métodos objetivo (MIRE) e subjetivo (REAT) em grupos com e sem treinamento. Métodos: Participaram do estudo 80 indivíduos do sexo masculino, separados em grupo pesquisa (com treinamento) e controle (sem treinamento). Os procedimentos realizados foram: anamnese e avaliações objetiva e subjetiva do protetor auditivo. Apenas os indivíduos do grupo pesquisa receberam treinamento e orientações para colocar corretamente o protetor auditivo. Resultados: Os valores de atenuação no grupo pesquisa foram maiores com diferenças estatisticamente significantes em relação ao grupo controle em todas as frequências (500, 1000, 2000 e 4000 Hz) investigadas por meio dos métodos objetivo (MIRE) e subjetivo (REAT). Além disso, os valores de atenuação no grupo controle foram menores do que as previstas pelo fabricante do protetor auditivo. Conclusão: Ambos os métodos de avaliação da atenuação (objetivo e subjetivo) demonstraram a eficácia da colocação do protetor auditivo. Entretanto, o grupo que recebeu treinamento para colocação adequada do protetor auditivo apresentou valores de atenuação maiores do que o grupo sem treinamento.
Descritores: Dispositivos de Proteção das Orelhas
Capacitação em Serviço/métodos
Ruído Ocupacional/prevenção & controle
-Análise de Variância
Limiar Auditivo
Estudos Transversais
Testes Auditivos
Perda Auditiva Provocada por Ruído/prevenção & controle
Exposição Ocupacional/prevenção & controle
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Padrões de Referência
Reprodutibilidade dos Testes
Limites: Adolescente
Adulto
Humanos
Masculino
Pessoa de Meia-Idade
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-760418
Autor: Gonçalves, Cláudia Giglio de Oliveira; Lüders, Débora; Guirado, Débora Simões; Albizu, Evelyn Joice; Marques, Jair Mendes.
Título: Perception of hearing protectors by workers that participate in hearing preservation programs: a preliminary study / A percepção sobre protetores auriculares por trabalhadores participantes de programas de preservação auditiva: estudo preliminar
Fonte: CoDAS;27(4):309-318, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: PURPOSE: To evaluate and compare the workers' perception of comfort and use aspects regarding two types of hearing protectors (shell and earplug), in three units from a lumbering company, with different implantation times for Hearing Preservation Programs.METHODS: This is a cross-sectional study comparing 440 workers' perception of hearing protectors, from three companies in Paraná State (Brazil), with different times for Hearing Preservation Programs. Two closed questionnaires were applied (9 and 10 questions, respectively), with a scale of answers varying from 1 to 5 (Likert's scale) regarding the perception of the comfort of hearing protectors. Then, audiometry results were analyzed.RESULTS: About 17.5% presented audiogram examinations with alterations. With regard to the questionnaire about the comfort perception, the importance of noise attenuation (mean of 4.25) was the most relevant aspect, followed by communication possibility (mean of 4.15). In the protector assessment, Unit A with more Hearing Preservation Program time presented better scores for both the worker's perception of important aspects regarding hearing protector and for the assessment of the used hearing protector. There was a significant difference on communication difficulty with the use of a hearing protector among workers with normal and altered audiograms (p=0.0371). With regard to the global comfort in the comparison of workers using the shell-type hearing protector with those using insert-type hearing protectors, there was no difference (p=0.2264), irrespective of the type of the unit.CONCLUSION: In general, the unit workers presented a good perception of the important aspects about the hearing protection use of both types of hearing protectors.

OBJETIVO: avaliar e comparar a percepção de trabalhadores sobre aspectos de conforto e uso de dois tipos de protetores auriculares (tipo concha e inserção) em três unidades de uma empresa madeireira com tempos diferentes de implantação de Programas de Preservação Auditiva (PPA).MÉTODOS: trata-se de um estudo transversal, que comparou a percepção de 440 trabalhadores de três unidades de empresa do estado do Paraná, com tempos diferentes de Programa de Preservação Auditiva, sobre protetores auriculares. Foram aplicados dois questionários fechados (9 e 10 questões) com escala de respostas de 1 a 5 (escala Likert) sobre percepção de conforto de protetores auriculares e analisadas as audiometrias.RESULTADOS: 17,5% apresentaram audiogramas alterados. Em relação ao questionário de percepção de conforto, a importância da atenuação do ruído (média 4,25) foi o aspecto mais relevante, seguido da possibilidade de comunicação (média 4,15). Na avaliação do protetor utilizado, a Unidade A com mais tempo de PPA apresentou pontuações melhores tanto para a percepção dos aspectos importantes do protetor auricular pelos trabalhadores quanto na avaliação do protetor auricular utilizado. Houve diferença significativa sobre a dificuldade de comunicação com o uso de protetor auricular entre trabalhadores com audiogramas normais e alterados (p=0,0371). Quanto ao conforto global na comparação dos trabalhadores usuários do protetor auricular do tipo concha com os do tipo inserção, não houve diferença (p=0,2264) independente da Unidade.CONCLUSÃO: Em geral, os trabalhadores das unidades apresentaram uma boa percepção de aspectos importantes da proteção auditiva para a utilização de ambos os tipos de protetores auriculares.
Descritores: Dispositivos de Proteção das Orelhas
Perda Auditiva Provocada por Ruído/prevenção & controle
Ruído Ocupacional/prevenção & controle
Doenças Profissionais/prevenção & controle
-Brasil
Estudos Transversais
Testes Auditivos
Percepção
Inquéritos e Questionários
Limites: Adolescente
Adulto
Feminino
Humanos
Masculino
Pessoa de Meia-Idade
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-730450
Autor: Guida, Heraldo Lorena; Taxini, Carla Linhares; Gonçalves, Claudia Giglio de Oliveira; Valenti, Vitor Engrácia.
Título: Evaluation of hearing protection used by police officers in the shooting range / Avaliação da proteção auditiva utilizada por policiais em estande de tiros
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);80(6):515-521, Nov-Dec/2014. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Introduction: Impact noise is characterized by acoustic energy peaks that last less than a second, at intervals of more than 1 s. Objective: To quantify the levels of impact noise to which police officers are exposed during activities at the shooting range and to evaluate the attenuation of the hearing protector. Methods: Measurements were performed in the shooting range of a military police department. An SV 102 audiodosimeter (Svantek) was used to measure sound pressure levels. Two microphones were used simultaneously: one external and one insertion type; the firearm used was a 0.40 Taurus® rimless pistol. Results: The values obtained with the external microphone were 146 dBC (peak), and a maximum sound level of 129.4 dBC (fast). The results obtained with the insertion microphone were 138.7dBC (peak), and a maximum sound level of 121.6 dBC (fast). Conclusion: The findings showed high levels of sound pressure in the shooting range, which exceeded the maximum recommended noise (120 dBC), even when measured through the insertion microphone. Therefore, alternatives to improve the performance of hearing protection should be considered. .

Introdução: O ruído de impacto é caracterizado por apresentar picos de energia acústica de duração inferior a um segundo, em intervalos superiores a um segundo. Objetivo: Quantificar os níveis de ruído de impacto a que o policial militar fica exposto durante atividades de tiro com armas de fogo e analisar a atenuação do protetor auricular utilizado. Método: As medições foram realizadas no estande de tiros de um Batalhão da Polícia Militar. Para a medição dos níveis de pressão sonora foi utilizado um audiodosímetro modelo SV 102 (Svantek). Foram utilizados dois microfones simultaneamente: um externo e outro tipo inserção, e a arma utilizada foi a pistola calibre 40, da marca Taurus®. Resultados: Os valores obtidos no microfone externo foram de 146 dBC (pico) e ruído máximo de 129,4 dBC (fast). Os resultados obtidos no microfone de inserção foram de 138,7 dBC (pico) e ruído máximo de 121,6 dBC (fast). Conclusão: Nossos achados evidenciaram elevados níveis de pressão sonora no estande de tiros, que ultrapassaram os limites máximos recomendados (120 dBC), mesmo em medição com microfone de inserção. Portanto, alternativas para melhorar o desempenho da proteção auditiva devem ser consideradas pela equipe de segurança da corporação. .
Descritores: Dispositivos de Proteção das Orelhas/normas
Armas de Fogo
Ruído Ocupacional/prevenção & controle
Polícia
-Estudos Transversais
Perda Auditiva Provocada por Ruído/prevenção & controle
Estudos Prospectivos
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 40 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-608462
Autor: Heupa, Adriana Betes; Gonçalves, Claudia Giglio de Oliveira; Coifman, Herton.
Título: Efeitos do ruído de impacto na audição de militares / Effects of impact noise on the hearing of military personnel
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);77(6):747-753, nov.-dez. 2011. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A prática de tiro é uma atividade que expõe o policial militar ao ruído de impacto, o que pode causar efeitos irreversíveis na audição. OBJETIVO: Avaliar o conhecimento sobre o ruído e os efeitos do ruído de impacto entre policiais militares que fazem prática de tiro. FORMA DE ESTUDO: Caso controle retrospectivo. MATERIAL E MÉTODO: Participaram 115 militares, sendo 65 expostos ao ruído de impacto e 50 não expostos. Foi realizada a avaliação do nível de ruído das armas de fogo, aplicado um questionário, realizada audiometria tonal limiar e teste de emissões otoacústicas transiente e produto de distorção. RESULTADOS: O nível médio de ruído foi de 125Db (C), a maioria (78 por cento) acredita que o ruído pode causar perda auditiva, 92,3 por cento utilizam protetor auricular nas práticas de tiro, mas grande parte (32,3 por cento) nunca recebeu orientação quanto ao seu uso, o sintoma mais referido foi o zumbido (23 por cento) e 25 por cento dos expostos apresenta perda auditiva sugestiva de induzida por ruído. Houve diferença significativa entre os grupos em relação às alterações auditivas. CONCLUSÃO: Os militares expostos ao tiro são mais suscetíveis a desenvolver perdas auditivas. Há necessidade do desenvolvimento de Programas de Preservação Auditiva nesta população.

Shooting is an activity that exposes military personnel to noise impact, which may cause irreversible effects on hearing. OBJECTIVE: To evaluate impact noise on the hearing of military personnel that practice shooting. STUDY DESIGN: A case-control retrospective study. METHODS: 115 military personnel were enrolled; 65 had been exposed to impact noise and 50 were non-exposed. Firearm noise levels were evaluated, subjects answered a questionnaire and underwent threshold tonal audiometry and otoacoustic emissions testing. RESULTS: The average noise level was 125dB(C). Most subjects (78 percent) believe that noise may cause hearing loss; nearly all (92.3 percent) used ear noise protectors while shooting, but most (32.3 percent) had never received guidance for using this equipment. There were significant differences between the two groups in relation to changes suggesting impact noise-induced hearing loss. CONCLUSION: The differences between groups show that noise-exposed military personnel are more likely to develop hearing loss. The goal of a hearing conservation program for this population should be to preserve hearing and educate these individuals about the importance of using hearing protection correctly.
Descritores: Armas de Fogo
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Perda Auditiva Provocada por Ruído/diagnóstico
Militares/estatística & dados numéricos
Ruído Ocupacional/efeitos adversos
-Audiometria de Tons Puros
Estudos de Casos e Controles
Dispositivos de Proteção das Orelhas
Perda Auditiva Provocada por Ruído/etiologia
Estudos Retrospectivos
Inquéritos e Questionários
Limites: Adulto
Humanos
Pessoa de Meia-Idade
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 40 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-586641
Autor: Rocha, Clayton Henrique; Santos, Livia Haisa Damha; Moreira, Renata Rodrigues; Neves-Lobo, Ivone Ferreira; Samelli, Alessandra Giannella.
Título: Verificação da efetividade de uma ação educativa sobre proteção auditiva para trabalhadores expostos a ruído / Effectiveness verification of an educational program about hearing protection for noise-exposed workers
Fonte: J. Soc. Bras. Fonoaudiol;23(1):38-43, jan.-mar. 2011. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Verificar a efetividade de uma ação educativa de treinamento, com ênfase na importância da proteção auditiva, para trabalhadores expostos a ruído ocupacional. MÉTODOS: Participaram 78 funcionários do gênero masculino. Todos os indivíduos passaram por avaliação audiológica completa e responderam a um questionário no momento do início do atendimento. Para a segunda aplicação do questionário, os participantes foram randomicamente divididos em dois grupos: Grupo Pesquisa, constituído por 44 funcionários, que responderam ao questionário após passarem por treinamento educativo, e Grupo Controle, constituído por 34 funcionários, que responderem ao questionário antes de passar por treinamento educativo. O treinamento foi feito com base em material gráfico com figuras e textos, sob a forma de conversa. Os temas abordados foram: importância da audição, efeitos do ruído sobre a saúde, importância da prevenção da perda auditiva e da utilização do protetor auditivo, conservação e higienização dos protetores, níveis de ruído no ambiente de trabalho e atenuação do ruído fornecida pelos protetores auditivos. O questionário continha 14 perguntas de múltipla escolha que abordavam os mesmos temas explorados no treinamento educativo. RESULTADOS: Houve aumento significativo do número de acertos durante a 2ª aplicação do questionário, somente para o Grupo Pesquisa, em todas as comparações realizadas. CONCLUSÃO: Ações educativas realizadas com trabalhadores expostos a ruído ocupacional são efetivas. Além disso, o questionário é uma ferramenta estável e viável para a verificação da efetividade de programas educativos.

PURPOSE: To verify the effectiveness of an educational action in the form of training, emphasizing the importance of hearing protection for workers exposed to occupational noise. METHODS: The study included 78 male individuals. All participants answered a questionnaire before they were submitted to audiological evaluation. For the second application of the questionnaire, participants were randomly divided into two groups: Research Group, constituted by 44 subjects that received educational training before the second questionnaire application, and Control Group, comprising 34 individuals that answered the questionnaire before the educational training. Training was based on material with graphic images and text, in the form of conversation. The topics covered included: the importance of hearing, noise effects on health, importance of preventing hearing loss and using hearing protection, conservation and cleaning of hearing protectors, levels of noise in the workplace and noise attenuation provided by hearing protectors. The questionnaire contained 14 multiple choice questions that addressed the same themes explored in the educational training. RESULTS: There was a significant increase of correct responses in the second application of the questionnaire, only in the Research Group, in all comparisons. CONCLUSION: Educational action performed with workers exposed to occupational noise are effective, and the questionnaire is a stable and viable tool to evaluate the effectiveness of educational programs.
Descritores: Educação em Saúde
Perda Auditiva Provocada por Ruído/prevenção & controle
Ruído Ocupacional/prevenção & controle
Doenças Profissionais/prevenção & controle
Inquéritos e Questionários
-Pesquisa Comparativa da Efetividade
Dispositivos de Proteção das Orelhas
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Limites: Adulto
Humanos
Masculino
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde