Base de dados : LILACS
Pesquisa : E07.858.442.660.430.500 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 99 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 10 ir para página                        

  1 / 99 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-963862
Autor: Pithon, Matheus Melo; Santos, Rogerio Lacerda; Araújo, Jean Thiago Silva; Coqueiro, Raildo da Silva.
Título: Applicability of moyers' probability table in the population of the northeast of Brazil / Aplicabilidade da tabela de probabilidade de moyers na população do nordeste do Brasil
Fonte: Biosci. j. (Online);31(1):311-318, jan./fev. 2015.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to evaluate the applicability and reliability of Moyers' probability tables in a sample population of youngsters in the Northeast of Brazil. A total of 200 plaster casts of the mandibular arch were evaluated, whom 99 were men and 101 females, aged 15-19 years. For this purpose a digital pachymeter was used to measure the mesiodistal widths of the tooth crowns. The values of the mesiodistal diameters obtained were submitted to statistical analysis by simple linear regression. Only the canine/premolar segment presented significant difference (p<.001) between the mesiodistal diameters of the individuals of the male and female genders, and the male gender presented broader teeth. The regression equations for the mandibular arch for men, Y= 13.42 + 0.37(X) and women, Y= 8.79 + 0.55(X), demonstrated that Moyers' tables with 75 percentage levels, tended to underestimate the real sum of the mandibular permanent canine and premolar of individuals of the male and female gender, however, without statistical difference (p>.05). It could be concluded that there was sexual dimorphism in the size of the teeth for the canine/premolar segment, with men presenting broader teeth. Moyers' probability tables were shown to be reliable for application in white individuals in the Northeast of Brazil.

Este estudo objetivou avaliar a aplicabilidade e a confiabilidade das tabelas de Moyers em uma amostra populacional de jovens do Nordeste brasileiro. Um total de 200 modelos de gesso da arcada inferior foram avaliados, sendo 99 indivíduos do gênero masculino e 101 do gênero feminino, na faixa etária de 15 a 19 anos. Para tal foi utilizado paquímetro digital para realizar a medição das larguras mésio-distais das coroas dos dentes. Os valores dos diâmetros mésio-distais obtidos foram submetidos à análise estatística de regressão linear simples. Apenas o segmento canino/pré-molares apresentou diferença significativa (p<0.001) entre os diâmetros mésio-distais dos indivíduos do gênero masculino e feminino, sendo que o gênero masculino apresentou dentes mais largos. As equações de regressão para o arco inferior para homens, Y= 13,42 + 0,37(X) e Mulheres, Y= 8,79 + 0,55(X), demonstraram que as Tabelas de Moyers com 75 níveis percentuais, tenderam a subestimar a soma real do canino inferior permanente e pré-molares para indivíduos do gênero masculino e feminino, no entanto, sem diferença estatística (p>0.05). Pôde-se concluir que há dimorfismo sexual, no tamanho dos dentes para o segmento canino/pré-molares, com os homens apresentando dentes mais largos. As tabelas de probabilidade de Moyers mostraram ser confiáveis para ser aplicadas em indivíduos brancos do nordeste brasileiro.
Descritores: Ortodontia
Dente
Moldes Cirúrgicos
Caracteres Sexuais
Coroa do Dente
Dentição Mista
-População
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  2 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-842505
Autor: Porta, Julieta; Masquijo, Javier.
Título: Tratamiento del pie bot idiopático luego de la edad de la marcha: revisión sistemática de la bibliografía / Treatment of the idiopathic clubfoot after the walking age: a systematic bibliographic review
Fonte: Rev. Asoc. Argent. Ortop. Traumatol;82(1):14-18, mar. 2017. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: La eficacia obtenida con el método de Ponseti en pacientes recién nacidos ha llevado a extender las indicaciones a pacientes de mayor edad. Llevamos a cabo una revisión sistemática de la bibliografía para: 1) definir el grado de comprobación científica con respecto al tratamiento del pie bot con el método de Ponseti en niños >1 año, 2) determinar el número de yesos y procedimientos asociados, 3) determinar el porcentaje de corrección y 4) identificar la tasa de complicaciones. Materiales y Métodos: Utilizando las bases de datos informáticas disponibles en Ovid, PubMed, LILACS y Cochrane Library, se recogieron todos los trabajos sobre pacientes >1 año, con tratamiento de pie bot idiopático mediante el método de Ponseti, publicados hasta el 1 de mayo de 2014. Se revisaron aquellos que cumplieran con criterios de inclusión y exclusión prestablecidos. Resultados: La muestra analizada incluyó 11 estudios con 492 pacientes. La edad promedio al iniciar el tratamiento fue de 3.8 años (rango 1-18). El seguimiento promedio fue de 31 meses. Se realizaron un número promedio de 8 yesos (rango 4-12). Se consiguió un pie plantígrado en el 75% de los casos. La tasa de complicaciones fue del 4,3%. Conclusiones: La evidencia actual en niños >1 año tratados con el método de Ponseti es de nivel IV. Si bien el uso de esta técnica requiere de un mayor número de yesos y procedimientos asociados que en el recién nacido, permite corregir la deformidad, de forma segura, en un alto porcentaje de los casos. Nivel de Evidencia: IV

Introduction: Ponseti´s method efficacy in newborns has led to widen the indications in older patients. A systematic review of the literature was performed to: 1) define the degree of scientific evidence on Ponseti´s method in children over one-year-old with clubfoot; 2) assess the number of casts and associated procedures required to accomplish full correction; 3) determine the percentage of full corrected patients; and 4) identify the rate of recurrence and complications related to this method. Methods: We retrieved from Ovid, PubMed, LILACS and Cochrane Library articles referred to Ponseti´s method in children over one-year-old published until May 1st 2014. Papers that met predetermined inclusion and exclusion criteria were reviewed. Results: Eleven papers met the inclusion criteria. The sample consisted in 492 patients. Average age at the beginning of treatment was 3.8 years (range 1-18). Average follow-up was 31 months. A mean of 8 (range 4-12) casts was required to accomplish full correction. Plantigrade feet were achieved in 75%. Complication rate was 4.3%. Conclusions: Current evidence regarding Ponseti’s method for patients over one-year-old is primarily Level IV. Even though this technique requires higher number of casts and associated procedures, deformity correction is safely achieved in most patients. Level of Evidence: IV
Descritores: Moldes Cirúrgicos
Procedimentos Ortopédicos
Pé Torto/diagnóstico
Pé Torto/terapia
Limites: Pré-Escolar
Criança
Tipo de Publ: Metanálise
Responsável: AR337.1 - Biblioteca A.A.O.T.


  3 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-873769
Autor: Matsui, Roberto Hiroshi; Ortolani, Cristina Lúcia Feijó; Castilho, Julio Cezar de Melo; Costa, Cláudio.
Título: Análise de modelos ortodônticos pelo método digitalizado* / Analiysis for orthodontics models through digitalized methods
Fonte: J. Health Sci. Inst = Rev. Inst. Ciênc. Saúde;25(3):285-290, jul.-set. 2007. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução - Neste trabalho foi feita uma adaptação para que a análise de método pelo método digitalizado se torne mais confiável, incluindo uma mudança na fórmula para o cálculo da discrepância total. Material e Métodos - Foram utilizados modelos de estudo inferiores com Curva de Spee acentuada, scanner, programa de computador, compasso de ponta seca, régua milimetrada e paquímetro digital para demonstrar diferenças entre as análises nos métodos direto e digitalizado projeta a imagem tridimensional (3D) em um único plano bidimensional (2D), com medidas discrepantes e estatisticamente diferentes (nível 5%) quando comparadas aos valores obtidos pelo método direto. No método digitalizado não são considerados os espaços de 2ª ordem (ex: Curva de Spee enquanto no método direto as medidas do espaço requerido são maiores do que as encontradas no método digitalizado, onde tais espaços são submetidos pela projeção bidimensional das imagens utilizadas. Conclusão - Os métodos de análises devem ser escolhidos individualmente a cada caso, e existem meios para compensar eventual deficiência técnica na captação de imagens, nesse caso a fórmula para análise de modelos (DT - DC + DM + DSp).
Descritores: Simulação por Computador
Modelos Dentários
Diagnóstico por Computador
-Sulfato de Cálcio
Moldes Cirúrgicos
Oclusão Dentária
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  4 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-865629
Autor: Araki, Janine Della Valle.
Título: Comparação da estabilidade do tratamento da má oclusão de Classe II subdivisão realizado com extração de três e quatro pré-molares / Stability of Class II Subdivision Malocclusion Treatment With 3- and 4- Extractions.
Fonte: Bauru; s.n; 2010. 182 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Diante da indicação do tratamento da Classe II subdivisão com extrações dentárias, existe a alternativa de extrair três ou quatro pré-molares. Estes protocolos atuam diferentemente na relação molar porque o tratamento com três extrações mantém a relação molar de Classe II em um dos lados e a de Classe I no outro e o tratamento com quatro extrações busca atingir uma relação molar de Classe I bilateral, corrigindo a relação molar de Classe II presente no início do tratamento. Considerando-se que o sucesso do tratamento ortodôntico está relacionado com a manutenção das alterações promovidas, em longo prazo, e que alguns autores questionam a estabilidade do término com relação molar de Classe II, julgou-se pertinente comparar a estabilidade dos resultados promovidos por estes dois protocolos. Para tanto, foram selecionados 162 pares de modelos de gesso de 52 pacientes Classe II subdivisão, correspondentes a três estágios distintos: pré-tratamento (T1), pós-tratamento (T2) e de observação pós-tratamento (T3), ou seja, confeccionados 6,9 anos, em média, após o término do tratamento. O grupo 1 foi composto pelos modelos de gesso de 24 pacientes tratados com três extrações e com idade média de 13,54 anos (9,50 a 21,06) no pré-tratamento, de 17,03 anos (14,42 a 25,11) no pós-tratamento e de 23,45 anos (18,33 a 29,87) no estágio de observação pós-tratamento e o grupo 2 compreendeu os modelos de gesso de 28 pacientes tratados com quatro extrações e com idade média de 13,33 anos (10,51 a 15,68) no pré-tratamento, de 16,31 anos (14,01 a 20,86) no pós-tratamento e de 23,70 anos (17,18 a 35,16) no estágio de observação pós-tratamento. Calculou-se os valores dos índices oclusais PAR e IPT para todos os pares de modelos de gesso e, a partir deles, calculou-se as alterações do tratamento e pós-tratamento. O teste t independente foi empregado para a comparação entre os grupos das idades e dos valores dos índices oclusais PAR e IPT nos três estágios de avaliação, dos...

If Class II subdivision treatment with extractions is the best treatment alternative, it can comprise 3- or 4- premolar extractions. The main difference between these two protocols is their accomplishment to the posttreatment molar relationship because the first achieve a Class II molar relationship in one side and a Class I in the other and the second attain a bilateral Class I molar relationship. Considering that long-term stability is an important item of treatment success evaluation and stability of Class II molar relationship that is kept unchanged in some protocols is considered to be suspicious by some authors, the purpose of this study was to compare the occlusal stability of Class II subdivision malocclusion treatment with 3- and 4- premolar extractions. The sample comprised 162 pairs of dental casts obtained at T1 (pretreatment), T2 (posttreatment) and T3 (long-term posttreatment), that match to a mean of 6.9 years after treatment conclusion of 52 Class II subdivision patients. Group 1 comprised the dental casts of 24 patients treated with 3 premolar extractions and with a mean age of 13.54 years (range, 9.50 to 21.06) at pretreatment, 17.03 years (range 14.42 to 25.11) at posttreatment and 23.45 years (range, 18.33 to 29.87) at long-term posttreatment and group 2 included 28 patients' dental casts treated with four premolar extractions and with a mean age of 13.33 years (range, 10.51 to 15.68) at pretreatment, 16.31 years (range, 14.01 to 20.86) at posttreatment and 23.70 years (range, 17.18 to 35.16) at long-term posttreatment. The PAR and TPI occlusal indexes were calculated for all the dental casts and they were used to calculate the treatment and long-term posttreatment changes. T tests were used to compare the groups´ ages and the indexes values at T1, T2 and T3, the treatment time, the long-term posttreatment time, the amount of treatment and long-term posttreatment changes and the percentages of reduction and relapse...
Descritores: Má Oclusão de Angle Classe II/terapia
Extração Dentária
-Estudos de Casos e Controles
Moldes Cirúrgicos
Distribuição de Qui-Quadrado
Assimetria Facial
Estatísticas não Paramétricas
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Adulto Jovem
Adulto
Responsável: BR28.1 - Serviço de Biblioteca e Documentação Professor Doutor Antônio Gabriel Atta


  5 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-855227
Autor: Mattos, Beatriz silva Câmara; Reis, Ricardo César; Marafon, Priscila Galzo; Alves, Ana Paula Pereira Pinheiro; Saboya, Antonio Carlos Lorenz.
Título: Avaliação comparativa de técnicas de escultura para prótese auricular / Comparative evaluation of sculpture techniques in auricular prostheses
Fonte: RPG, Rev. Pós-Grad;15(2):97-102, abr.-jun. 2008. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Embora fundamentatada em pontos anatômicos de referência, atécnica de escultura à mão livre se afeita às variações individuais, dependendo da habilidade do operador em transferir dados anatômicos em uma situação tridimensional. Com o objetivo de minimizar essa dependência e facilitar a trasferência de dados antropométricos para escultura de prótese auricular foi realizada uma avaliação comparativa de uma técnica de escultura à mão liver e guiada por imagem impressa em transparência. Pontos antropométricos foram demarcados em modelos em gesso da orelha externa direita de 15 indivíduos adultos voluntários, estabelecendo-se as medidas lineares a serem observadas. Os modelos foram escaneados e as imagens obtidas foram revertidas e impressas em transparências. O Grupo Controle foi constituído por 15 modelos de gesso e o Grupo de Estudo foi composto pelas 15 esculuras à mão livre e 15 eculturas guiadas pela transparência. Embora as medidas lineares 6-3 (ponto auricular superior ao ponto auricular inferior) e 7-5 (ponto auricular posterior ao ponto otobásio superior) tenham sido reproduzidas de modo semelhante por ambas as técnicas de escultura, em todas as outras medidas a escultura guiada apresentou coeficientes de variação bastante próximos àqueles dos modelos de gesso, sugerindo melhor reprodutibilidade por esta técnica de escultura. A análise estatística Postos Sinalizados de Wilcoxon (p<=0,05), utilizada para comparação das medidas obtidas nas técnicas de escultura e entre as duas técnicas de escultura, apontou que, no geral, não foram observadas diferenças significativas entre o modelo e as técnicas de escultura guiada por imagem revertida da orelha externa impressa em transparência mostrou melhores resultados, facilitando a transferência de medidas lineares a serem observadas durante a escultura de prótese auricular
Descritores: Antropometria
Implantes Cocleares
Prótese Maxilofacial
-Moldes Cirúrgicos
Orelha
Escultura
Análise Estatística
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Estudos de Avaliação
Responsável: BR501.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde / Sede Botânico


  6 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-849940
Autor: Ávila, Gisseli Bertozzi; Dias, Sérgio Cândido; Ribeiro, José Carlos Rabelo; Gomes, Priscila Nogueira; Moysés, Marcos Ribeiro.
Título: Análise da fragilidade do Core- quando reconstruído com diferentes resinas e pinos pré-fabricados não metálicos / Analysis of the Core frailty whenever reconstructed with different composites resins and prefabricated no-metallic
Fonte: Arq. odontol;43(02):04-08, 2007. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Para realização deste estudo vinte condutos artificiais foram construídos em blocos formados por esmaltee dentina, a partir de dentes bovinos. Dez pinos de fibra de vidro e dez de fibra de carbono foram cimentadosnos condutos com cimento resinoso C&B. Empregou-se matriz de policarbonato para confecção do coreem resina composta, perfazendo quatro grupos: Grupo (1) pino de fibra de vidro e core com resina compostaCharisma; Grupo (2) pino de fibra de carbono e core com resina composta Charisma; Grupo (3) pino defibra de vidro e core com resina composta reforçada Enforce-core; Grupo (4) pino de fibra de carbono ecore com resina composta reforçada Enforce-core. Os ensaios mecânicos de compressão foram realizadosna máquina universal de ensaios EMIC DL 2000, com célula de carga 2000kgf e velocidade 1mm/mim.Verificou-se diferença estatística (p<0,05) (ANOVA) somente do fator resina no que tange as medidas daresistência à fratura do core, além disso, não há uma influencia significativa do tipo de fibra e nem mesmoda interação entre os fatores (resina x fibra). A conclusão para um fator é a mesma independentemente donível do outro fator. Os resultados para os dentes com resina composta reforçada diferem significativamentedos dentes que utilizaram resina composta não reforçada, onde, os dentes com resina composta reforçadaapresentaram medidas de resistência significativamente superiores aos dentes que utilizaram resina compostanão reforçada, independentemente do tipo de fibra (Teste de DUNCAN). Portanto, a fibra não influencia noresultado de resistência.
Descritores: Pinos Dentários
Resinas Compostas/uso terapêutico
Resinas/análise
-Cimentos de Resina/uso terapêutico
Interpretação Estatística de Dados
Moldes Cirúrgicos
Limites: Bovinos
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca


  7 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-830999
Autor: Fernandes, Larissa Chaves Cardoso; Veloso, Carolina Vieira Lucena; Oliveira, Julyana de Araújo; Genus, Paloma Rodrigues; Santiago, Bianca Marques; Rabello, Patrícia Moreira.
Título: Odontometric analysis of molars for sex determination
Fonte: Braz. j. oral sci;15(1):35-38, Jan.-Mar. 2016. ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: Aim: To investigate the existence of sexual dimorphism between the first and second permanentmolars. Methods: A cross-sectional, observational, blind study using comparative and statisticaldescriptive procedures. The sample included 50 pairs of plaster casts from undergraduate dentalstudents (25 men/25 women) from the Federal University of Paraíba, João Pessoa/PB, Brazil,aged 20-26 years. Odontometric measurements of first and second maxillary/mandibular, right/left permanent molars were performed. Mesiodistal (MD) and buccolingual/palatal (BL/BP) widthsand the distance between the lingual cusps of corresponding molars in opposite quadrants, weremeasured. The data were analyzed by Student's t test and ANOVA with Bonferroni (p≤0.05).Results: The crowns of all first molars were statistically larger in men than in women (p<0.05).Maxillary and mandibular left second molars (#27 and #37) did not differ in their MD widths (p=0.66,p=0.75), whereas mandibular left and right second molars (#37 and #47) showed statisticallydifferent BL widths (p=0.007 and p=0.008). As to the distance between the lingual cusps, only thefirst left-to-right mandibular molars (#36-46) showed no sex dimorphism (p=0.107). Conclusions:Molars are larger in males than in females. Individually, first molars demonstrated higher evidenceof sex distinction than second molars.
Descritores: Moldes Cirúrgicos
Odontologia Legal
Mandíbula
Maxila
Dente Molar
Odontometria
Caracteres Sexuais
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto Jovem
Responsável: BR218.1 - Biblioteca Carlos Henrique Robertson Liberalli


  8 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-790322
Autor: Souza, Eduardo Lemos de.
Título: Comportamento dimensional de gessos dos tipos IV e V na confecção de modelos obtidos de moldes em duas diferentes temperaturas: 22 e 35ºC / Dimensional behavior of types IV and V gypsum when building models obtained form molds in two different temperatures: 22 and 35º C.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2007. 52 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O experimento foi idealizado com objetivo de comparar os procedimentos do reaquecimento de moldagens ao vazamento de moldes resfriados com gesso dos tipos IV e V. Os materiais utilizados foram Adsil Vigodent, Express e Impregum 3M Espe, Zeta Plus e Oranwash Zhermack. Os moldes passaram, sem exceção, por uma temperatura de 35ºC onde foram obtidos, para 22ºC onde foram armazenados. O delineamento dos experimentos seguiu a divisão dos seguintes grupos quanto ao tratamento térmico: Alguns grupos receberam vazamento dos gessos IV e V após o reaquecimento dos moldes para 35ºC, enquanto outros receberam os mesmos gessos à 22ºC. A técnica de moldagem selecionada para o primeiro experimento foi de dupla mistura...

The experiments It was conceived with the objective of to compare the procedures of reheating moldings with the leaking of cooled molds with types IV and V gypsum.The materials used were Adsil Vigodent, Express e Impregum 3M Espe, Zeta Plus and Oranwash Zhermack. The molds passed without exception, from a temperature of 35ºC where they were obtained, to 22ºC, where they were stored. The delimitation of all experiments followed the division of the following groups as of the thermic treating: Some groups received gypsum type IV and V leaking after the reheating of the molds to 35ºC, whilst others received the same gypsums at 22ºC temperature. The selected molding technique for the first experiment was of a double-mix. The used elastomers were Impregum 3M Espe, Express 3M Espe and Adsil Vigodent, and the impressions materials were the gypsum Vel-Mix Kerrande Exadur Polidental. The statistical analysis showed a significance in the cooled impressions and leaked with type V gypsum, and that the reheating of the impressions produced adequate models when these are leaked whth type IV gypsum. On the second experiment, the used molding technique was the double molding.The molding materials were Zeta Plus and Oranwash Zhermak, Adsil Vigodent and Express 3M Espe this technique is known as double molding. The...
Descritores: Sulfato de Cálcio
Elastômeros
Materiais para Moldagem Odontológica/análise
Polímeros
Silicones
-Moldes Cirúrgicos
Tratamento Térmico
Responsável: BR365.1 - BIB - Biblioteca
BR365.1; D047, S729c, 2007. T


  9 / 99 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-782248
Autor: Alvim, Jair Pimentel; Carvalho, Leandro Ururahy de; Oliveira, Claudio Russio de; Kossak, Carlos; Maior, Paolo Souto; Teles, Gustavo; Igor Saint, Clair.
Título: Protótipo para realização de cranioplastia de baixo custo / Prototype for cranioplasty low cost in postoperative decompressive craniotomy
Fonte: Arq. bras. neurocir;33(4):318-322, dez. 2014. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: O presente trabalho propõe uma técnica para realização de cranioplastia com metilmetacrilato em formas pré-moldadas e esterilizadas visando evitar cranioplastia com prototipagem pré-moldada.Método: Conforme rotina apresentada, o flap ósseo realizado para craniotomia descompressiva é armazenado em recipientes com formol e enviado para o serviço de patologia do hospital. Quando realizamos a cranioplastia, utilizamos o flap ósseo armazenado para realização dos moldes que serão utilizados na cranioplastia. Resultado: O resultado estético é muito bom e os índices de complicação e infecção são baixos. Conclusão: Apresenta resultados estéticos semelhantes aos casos de prototipagemcom baixo custo na confecção.

Objective: This paper proposes a technique for cranioplasty with methyl methacrylate and molded into shapes pre-sterilized to avoid aiming cranioplasty with pre molded prototyping. Method: As presented routine bone flap performed to decompressive craniectomy is stored in containers with formalin and sent to the pathology service of the hospital. When we performed the cranioplasty, we used the bone flap stored for realization of molds that will be used in cranioplasty. Result: The aesthetic result is very good and the rates of complication and infection are lo
Descritores: Moldes Cirúrgicos/economia
Custos de Cuidados de Saúde
Trepanação/métodos
-Metilmetacrilato/uso terapêutico
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 99 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-774863
Autor: Villalobos B., Francisco; Barraza V., Mauricio.
Título: Yesos seriados en niños con parálisis cerebral espástica con pie y marcha en equino previamente infiltrados con toxina botulínica tipo A: estudio de 8 casos / Serial casts in children with spastic cerebral palsy and equinus foot previously treated with botulinum toxin type A: study of 8 cases
Fonte: Rehabil. integral (Impr.);10(1):25-31, jul. 2015. tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: Los yesos seriados son una estrategia de tratamiento para prevenir, corregir o disminuir alteraciones del pie equino, sin embargo, los resultados no son concluyentes cuando se usan combinados con toxina botulínica para mejorar funcionalidad. Objetivo: Evaluar los efectos de yesos seriados en el rango de movimiento (ROM) de tobillo y en la función motora gruesa, de pacientes con parálisis cerebral (PC) espástica ingresados al programa de yesos seriados del Instituto Teletón (IT) Coquimbo, entre junio y septiembre de 2014. Método: Se evaluó el ROM de tobillo mediante test de Silfverskiold y el control motor selectivo (CMS) acorde al protocolo de yesos seriados del IT Coquimbo en 8 niños con PC espástica, Gross Motor Function Classification System (GMFCS) I, infiltrados con toxina botulínica tipo A, en dosis 3U por kg/peso. Anterior al primer yeso y una semana posterior a la última aplicación, fueron evaluados en la función motora gruesa con Gross Motor Function Measure-66 (GMFM-66) en sus dimensiones D y E. Se utilizó test de Wilcoxon para comparar las medianas de las diferencias de los puntajes de las pruebas aplicadas. Se consideró un valor p < 0,05 como estadísticamente significativo. Resultados: Los 8 niños presentaron mejoría significativa en el ROM de tobillo con rodilla en extensión (p = 0,011), con rodilla en flexión (p = 0,011), en la GMFM-66 (p = 0,034) y GMFM-66-D (p = 0,038) de la misma evaluación. La dimensión E no presentó una variación estadísticamente significativa. Conclusión: La terapia con yesos seriados en pacientes con PC espástica, GMFCS I previamente infiltrados con toxina botulínica tipo A, produce incremento en el ROM de tobillo y en GMFM-66-D.

Introduction: Serial casting is a treatment strategy to prevent, correct or reduce alterations of equinus foot; however, the results are not conclusive when used in combination with botulinum toxin to improve function. Objective: To evaluate the effects of serial casting on the range of motion (ROM) of the ankle, and the gross motor function of patients with spastic cerebral palsy (CP) admitted into the serial casting program at Coquimbo Telethon Institute between June and September 2014. Method: The ROM of the ankle was evaluated using the Silfverskiold Test and the selective motor control (CMS), according to the serial casting program at Coquimbo Telethon Institute in 8 children with spastic CP, Gross Motor Function Classification System (GMFCS) level I, and injected with botulinum toxin type A, at a dose of 3U per kg of body weight. Children were evaluated before the first cast and after the last one with the Gross Motor Function Measure, version 66 (GMFM-66), dimensions D and E. Wilcoxon test was used to compare the medians of the differences in all the tests applied. A p-value < 0.05 was considered statistically significant. Results: All children showed significant improvement in ROM of the ankle with extended knee (p = 0.011), and flexed knee (p = 0.011). Similarly, all children showed significant improvement in the GMFM-66 (p = 0.034) and GMFM-66-D (p = 0.038). The GMFM- E did not show significant changes. Conclusion: Serial casting in patients with spastic CP, GMFCS I and previously injected with botulinum toxin type A improved ROM of the ankle and the GMFM-D.
Descritores: Moldes Cirúrgicos
Paralisia Cerebral/fisiopatologia
Paralisia Cerebral/reabilitação
Toxinas Botulínicas Tipo A/administração & dosagem
-Paresia/fisiopatologia
Paresia/reabilitação
Amplitude de Movimento Articular
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central



página 1 de 10 ir para página                        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde