Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.145.236 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 460 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 46 ir para página                         

  1 / 460 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890579
Autor: Sanlier, Nevin; Sezgin, Aybuke Ceyhun; Sahin, Gulsah; Yassibas, Emine.
Título: A study about the young consumers' consumption behaviors of street foods / Um estudo sobre o comportamento de consumo dos jovens consumidores de alimentos de rua
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;23(5):1647-1656, Mai. 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract As in almost every country in the world, street foods are frequently used in Turkey. To determine the preferences for these foods, a questionnaire was given to 847 individuals constituted by randomly selected high school and university students. Of the participants, 43.4% were male and 56.6% were female; the majority of them were between 19 and 22 years of age. It was found that 40.1% of the young people ate street food 2-3 times per week, whereas 23.3% were found to eat it every day. Turkish bagels, döner, boiled corn in a cup and toast are most preferred street foods. A statistically significant negative correlations were found between consumption preference scores and education, gender, and age. Although consumers know that street foods can cause contamination with microorganisms, that sellers do not pay attention to hygiene, and that these foods are raw or not cooked well, they prefer because of their cheapness, deliciousness, variety and fast service. Street foods are widely consumed in Turkish young students and because of preventing food poisoning, they should be educated about food hygiene and safety. Also, educating vendors in personal hygiene and good manufacture practice can minimize contamination risk.

Resumo Alimentos de rua são frequentemente consumidos na Turquia como em quase todos os países do mundo. Foi aplicado um questionário para 847 indivíduos constituídos por estudantes de nível médio e superior que foram aleatoriamente selecionados. Dos participantes, 43,4% eram do sexo masculino e 56,6% do feminino; a maioria deles tinha entre 19 e 22 anos de idade. Foi constatado que 40,1% dos jovens comem alimentos de rua 2-3 vezes por semana, enquanto 23,3% todos os dias. Bagel turco döner, milho cozido em um copo e pão torrado são os alimentos de rua mais preferidos. A correlação negativa estatisticamente significativa foi encontrada entre as pontuações de preferências de consumo e educação, gênero e idade. Embora os consumidores saibam que os alimentos de rua podem causar contaminação com microrganismos, pois os vendedores não prestam atenção à higiene, e que estes alimentos são crus ou mal cozidos, eles preferem por causa de seus custos baratos, o seu gosto, a variedade e o serviço rápido. Alimentos de rua são amplamente consumidos por jovens e estudantes turcos e para prevenir a intoxicação alimentar, eles devem ser educados sobre higiene e segurança alimentar. Além disso, educar fornecedores sobre higiene pessoal e boas práticas de fabricação podem minimizar o risco de contaminação.
Descritores: Contaminação de Alimentos/prevenção & controle
Comportamento do Consumidor/estatística & dados numéricos
Comportamento Alimentar
Fast Foods/estatística & dados numéricos
-Estudantes/estatística & dados numéricos
Turquia
Inquéritos e Questionários
Culinária/normas
Fast Foods/normas
Inocuidade dos Alimentos
Manipulação de Alimentos/normas
Microbiologia de Alimentos
Doenças Transmitidas por Alimentos/prevenção & controle
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1150920
Autor: Silva Junior, Danyllo do Nascimento; Noro, Luiz Roberto Augusto.
Título: Satisfação de usuários e acompanhantes com o atendimento hospitalar público brasileiro / Satisfaction of users and companions with the brazilian public hospital care / Satisfacción de usuários y acompañantes con la atención hospitalaria pública brasileña
Fonte: Rev. baiana saúde pública;43(2):390-409, 20191212.
Idioma: pt.
Resumo: A avaliação da satisfação de usuários sobre a qualidade dos serviços de saúde tornou-se prática essencial. Nesse sentido, este trabalho busca avaliar a satisfação de usuários e acompanhantes com a qualidade do atendimento de hospitais públicos do Rio Grande do Norte, Brasil. Para isso, realizou-se um estudo de caso, de caráter exploratório e descritivo, com abordagem qualitativa, fundamentado na utilização do software IRaMuTeQ e na análise de conteúdo de Bardin, em quatro hospitais públicos do estado do Rio Grande do Norte. A partir das entrevistas de 46 usuários e acompanhantes, emergiram seis categorias: Aspectos negativos; Ineficiências; O ônus da internação; Direitos, deveres e normas; Recomendação do serviço público; e Aspectos positivos. Os resultados deste estudo revelaram que usuários e acompanhantes demonstram-se, em geral, satisfeitos com o atendimento prestado por hospitais públicos no âmbito do Sistema Único de Saúde, especialmente quanto à humanização das equipes de saúde e à efetividade do processo assistencial. Os entrevistados também levantaram aspectos considerados negativos que afetam a qualidade do atendimento, tais como as condições das instalações físicas, a falta ou insuficiência de recursos materiais e as burocracias que delongam o percurso terapêutico. Espera-se que os achados deste estudo contribuam para o debate sobre a qualidade do atendimento dos hospitais públicos brasileiros, salientando-se, também, a necessidade de mais estudos com essa perspectiva.

The evaluation of user satisfaction with the quality of health services has become an essential practice. In this sense, our work sought to evaluate the satisfaction of users and accompanying persons with the quality of care in public hospitals in the state of Rio Grande do Norte, Brazil. An exploratory and descriptive case study with a qualitative approach, based on the use of the IRaMuTeQ software and the Bardin content analysis, was conducted in four public hospitals of the state. The interviews of 46 users and accompanying persons originated six categories: Negative Aspects; Inefficiencies; The burden of hospitalization; Rights, duties and standards; Public service recommendation; and Positive Aspects. The results of our study showed that users and accompanying persons were generally satisfied with the care provided by public hospitals within the Unified Health System, especially regarding aspects related to the humanization of health teams and the effectiveness of the process care. Respondents also raised negative aspects that affect the quality of care, such as the conditions of the facilities, the lack or insufficiency of material resources and bureaucracies that delay the therapeutic path. We hope that the findings of our study contribute to the debate about the quality of care of Brazilian public hospitals. We also stress the need for further studies with this perspective.

La evaluación de la satisfacción de los usuarios sobre la calidad de los servicios de salud se ha convertido en práctica esencial. El objetivo de este estudio fue evaluar la satisfacción de usuarios y acompañantes con la calidad de la atención de hospitales públicos de Rio Grande do Norte, Brasil. Para ello, se realizó un estudio de caso, de carácter exploratorio y descriptivo, con abordaje cualitativo, fundamentado en la utilización del software IRaMuTeQ y en el análisis de contenido de Bardin, en cuatro hospitales públicos en el estado de Rio Grande do Norte. De las 46 entrevistas de usuarios y acompañantes, emergieron seis categorías: aspectos negativos; ineficiencias; carga de la internación; derechos, deberes y normas; recomendación del servicio público; y aspectos positivos. Los resultados de este estudio revelaron que los usuarios y acompañantes se mostraron, en general, satisfechos con la atención prestada por hospitales públicos en el ámbito del Sistema Único de Salud, especialmente en cuanto a la humanización de los equipos de salud y a la efectividad del proceso asistencial. Los entrevistados también plantearon aspectos considerados negativos que afectan la calidad de la atención, tales como las condiciones de las instalaciones físicas, la falta o insuficiencia de recursos materiales y burocracias que retrasan el recorrido terapéutico. Se espera que los hallazgos de este estudio contribuyan al debate sobre la calidad de la atención de los hospitales públicos brasileños, destacándose también la necesidad de más estudios en esa perspectiva.
Descritores: Qualidade da Assistência à Saúde
Avaliação em Saúde
Sistema Único de Saúde
Comportamento do Consumidor
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  3 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1151257
Autor: Dantas, Natalie Marinho.
Título: Avaliação sensorial de alimentos com redução de sódio: perspectivas de consumidores universitários / Sensory evaluation of sodium-reduced foods: university consumers' perspectives.
Fonte: São Paulo; s.n; 2020. 133 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução - A redução da ingestão excessiva de sódio pelas populações é uma preocupação que integra a agenda de saúde pública em todo o mundo. Países como Brasil e Portugal possuem dados que revelam o consumo elevado de sódio em suas populações, e estudos para entender as percepções e conhecimentos de consumidores frente a redução de sódio/sal tornam-se relevantes nesse contexto. Objetivos - Avaliar a percepção sensorial da redução de sal em preparações culinárias de dois países de língua portuguesa e investigar os conhecimentos, atitudes e comportamentos sobre sal em universitários. Métodos - Foi realizado um estudo transversal com consumidores de dois restaurantes universitários em São Paulo (SP), Brasil e Porto (PO), Portugal. Os participantes responderam a um questionário eletrônico, por meio do qual foram obtidos dados sociodemográficos, informações sobre rotina, percepções e preocupações alimentares, conhecimentos, atitudes e comportamentos quanto à ingestão de sal. Análises descritiva, teste Qui-quadrado de Pearson, análise bivariada e multivariada de Poisson e análise de correspondência foram realizados utilizando as ferramentas SPSS, STATA e XLSTAT. Realizou-se a caracterização sensorial de preparações de entrada (sopas vegetais, PO) e de refeição principal (carne moída e batata assada, SP) provenientes de cardápios dos restaurantes das instituições. Determinou-se o teor de sódio das preparações de sopas de nabiças, couve lombarda e cenoura (PO), carne moída e batata assada (SP), com a quantidade usual de sal e reduções de até 35%, pelos métodos de fotometria de chama (PO) e espectrometria de emissão óptica com plasma indutivamente acoplado (SP). Aos participantes, foram aplicados testes Check-All-Apply (CATA); testes afetivos de aceitação, por meio de escala hedônica de 9 pontos, e de intensidade do gosto salgado, por meio de escala não estruturada de 10 cm contendo "muito" e "pouco" salgado nos extremos. Análises estatísticas descritivas, testes de Shapiro-Wilk, Kruskal Wallis, Q de Cochran, penalidade e análise de correspondência foram analisadas pelo software XLSTAT. Resultados - 151 universitários em Porto e 309 em São Paulo aceitaram participar do estudo e responderam ao questionário eletrônico; 107 de PO e 177 de SP responderam aos testes sensoriais. Verificou-se nos públicos de universitários a presença de comportamentos/atitudes de risco para a ingestão excessiva de sódio/sal tais como o pouco interesse em reduzir sal da alimentação, o uso de sal de mesa, além do baixo conhecimento quanto às recomendações. Em ambos os grupos, a maior preocupação com o sódio/sal associou-se a menor prevalência de comportamentos de risco para ingestão excessiva; o hábito de cozinhar e a prática de atividade física reduziram as prevalências desses comportamentos em São Paulo e Porto, respectivamente. Os teores de sódio (mg/100g) das amostras reduziram de 234,70±4,64 para 119,28±1,69 (sopa de nabiças); de 180,81±3,97 para 95,41±4,17 (sopa de couve lombarda); de 260,26±5,41 para 106,62±11,82 (sopa de cenoura); de 369,30±28,89 para 334,73±11,91 (carne) e de 229,54±23,28 para 137,98±7,89 (batata), considerado as preparações habituais e com reduções de 35%, respectivamente. As preparações de sopas de entrada não apresentaram alteração da aceitação e percepção o gosto salgado com a redução gradual de sal, sendo consideradas "mais cremosas" pelos universitários do Porto. Já para o público de SP, as preparações de carne apresentaram redução da aceitação global, das notas de intensidade de sal e aroma; e, para o acompanhamento, batata, redução da percepção da intensidade de sal e aroma, embora sem diferenças significativas (p > 0,05) para a aceitação ao longo da redução de sal, ou seja, pode ser reduzida a quantidade de sal habitualmente usada. Conclusões - A redução de sal afetou a aceitação da preparação proteica (carne bovina), sem prejuízos nas preparações de origem vegetal (batata e sopas), sendo essencial aliar estratégias nutricionais a fim de corrigir perdas associadas a sabor e aroma das preparações. Destaca-se, ainda, a necessidade de maiores estudos com indivíduos para avaliar suas percepções sensoriais quanto à redução de sal dietético, em apoio e monitoramento às políticas de redução de sal existentes nos países. Por fim, sugere-se a realização de ações de educação alimentar e nutricional dentro dos ambientes universitários para maior conscientização dos consumidores sobre o sal (ex.: conhecimento das recomendações de ingestão, das fontes de sal na alimentação; o estímulo ao uso de ervas e especiarias, consultar o rótulo dos alimentos, dentre outras), além do incentivo às práticas promotoras da saúde como cozinhar e realizar atividade física, conforme sugeridos nos modelos estimados pelo presente estudo.

Introduction - The reduction of excessive sodium intake by populations is a concern that is part of the public health agenda worldwide. Countries like Brazil and Portugal have data that reveal the high sodium consumption in their populations, and studies to understand how consumers' perceptions and knowledge of sodium / salt reduction become relevant in this context. Objectives - Assess the sensory perception of salt reduction in culinary preparations from two Portuguese-speaking countries and investigate the salt-knowledge, attitudes and behaviors in university students. Methods - A cross-sectional study was conducted with consumers from two university restaurants in São Paulo (SP), Brazil and Oporto (PO), Portugal. Participants regarding an electronic questionnaire, through which sociodemographic data, information on routine, dietary perceptions and concerns, knowledge, attitudes and behavior (KAB) regarding salt intake were obtained. Descriptive analyzes, Pearson's chi-square test, bivariate and multivariate Poisson analysis and correspondence analysis were performed using the SPSS, STATA and XLSTAT tools. Sensory characterization of starter preparations (vegetable soups, OP) and main meals (ground meat and roasted potatoes, SP) from menus of the institutions' restaurants was carried out. The sodium content of the soup preparations of turnip greens, savoy cabbage and carrots (OP), ground beef and roasted potatoes (SP) was determined with the usual amount of salt and reductions of up to 35% by flame photometry methods (OP) and optical emission spectrometry with inductively coupled plasma (SP). Participants were Check-All-Apply testicles (CATA); affective testicles of acceptance, by means of a hedonic scale of 9 points, and intensity of salty taste, by means of a 10 cm unstructured scale containing "much" and "little" salty at the ends. Descriptive statistical analyzes, Shapiro-Wilk tests, Kruskal Wallis, Cochran's Q, penalty and correspondence analysis were advanced by the XLSTAT software. Results - 151 university students from OP and 309 from SP agreed to participate in the study and answer the electronic questionnaire; 107 of OP and 177 of SP responded to sensory tests. It was verified in the public of university students the presence of risk behavior / attitudes towards excessive sodium / salt intake, such as the lack of interest in reducing dietary salt, the use of table salt, in addition to low knowledge regarding recommendations. In both groups, the greater concern with sodium / salt was associated with a lower prevalence of risk for excessive intake; the habit of cooking and the practice of physical activity reduced the behavioral prevalence in São Paulo and Oporto, respectively. The sodium content (mg/100g) decreased from 234.70 ± 4.64 to 119.28 ± 1.69 (turnip soup); from 180.81 ± 3.97 to 95.41 ± 4.17 (savoy cabbage soup); from 260.26 ± 5.41 to 106.62 ± 11.82 (carrot soup); from 369.30 ± 28.89 to 334.73 ± 11.91 (meat) and from 229.54 ± 23, 28 to 137.98 ± 7.89 (potato) with usual salt contents and reductions of 35%, respectively. The preparations of starter soups do not dissipate the acceptance and intensity of the salt intensity over the gradual reduction, considered "creamy" by the university students of Oporto. For the public in São Paulo, as meat preparations, reduced acceptance, salt and aroma intensity notes; for the accompaniment, potato, reduced perception of salt intensity and aroma, although there are no significant differences for acceptance along the reduction of salt, that is, the amount of salt usually used can be reduced. Conclusions - The reduction of salt affected the acceptance of the protein preparation (beef), without prejudice to preparations of vegetable origin (potatoes and soups), which makes essential to combine nutritional strategies in order to correct losses associated with the flavor and aroma of the preparations. It is also highlighted the need for further studies with individuals to assess their sensory perceptions regarding the reduction of dietary salt, in support and monitoring of salt reduction policies existing in countries. Finally, it is suggested to carry out actions of food and nutrition education within university environments to increase consumer awareness of salt (eg, knowledge of recommendations for intake, sources of salt in the diet; encouragement of the use of herbs and spices, consult the food label, among others), in addition to encouraging health-promoting practices such as cooking and physical activity, as suggested in the models estimated by the present study.
Descritores: Cloreto de Sódio
Comportamento do Consumidor
Ciências da Nutrição
Percepção Gustatória
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  4 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-989603
Autor: Vale, Diôgo; Morais, Célia Márcia Medeiros de; Pedrosa, Lucia de Fátima Campos; Ferreira, Maria Ângela Fernandes; Oliveira, Ângelo Giuseppe Roncalli da Costa; Lyra, Clélia de Oliveira.
Título: Correlação espacial entre o excesso de peso, aquisição de alimentos ultraprocessados e o desenvolvimento humano no Brasil / Spatial correlation between excess weight, purchase of ultra-processed foods, and human development in Brazil
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;24(3):983-996, mar. 2019. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: Resumo O objetivo foi analisar a distribuição espacial da prevalência de excesso de peso e sua correlação com insegurança alimentar, aquisição de alimentos por tipo de processamento e Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), no Brasil. Estudo ecológico, com dados de três inquéritos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Utilizou-se técnicas de estatística espacial para análise univariada e bivariada. A prevalência de excesso de peso encontrada para o Brasil foi de 34,2% (IC95% 33,8-34,6%). O excesso de peso apresentou autocorrelação espacial moderada (0,581; p = 0,01) e maiores prevalências nos estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. As prevalências de excesso de peso apresentaram correlação espacial positiva e moderada com o IDH (0,605; p< 0,05), proporção de aquisição domiciliar de produtos alimentícios ultraprocessados (0,559; p< 0,05); e correlação negativa e moderada com a prevalência de domicílios em insegurança alimentar (-0,561; p< 0,05). Conclui-se que a ocorrência de excesso de peso encontrava-se desigualmente distribuída no território brasileiro. As prevalências mais elevadas foram encontradas nos estados do Sudeste, Sul e Centro-Oeste, associadas a maiores valores de IDH e proporções de aquisição de produtos alimentícios ultraprocessados.

Abstract The aim of this study was to analyze the spatial distribution of excess weight in Brazil and its correlation with household food insecurity, purchase of foods by type of processing, and Human Development Index (HDI). An ecological study was undertaken using data from three surveys conducted by the Brazilian Institute of Geography and Statistics. Spatial analysis techniques were used to perform univariate and bivariate analysis. The prevalence of excess weight was 34.2% (CI 95% 33.8-34.6%). Excess weight showed a moderate and significant spatial autocorrelation (0.581; p = 0.01), with higher prevalence in states in the South, Southeast and Center-West regions. A positive moderate spatial correlation was shown between the prevalence of excess weight and HDI (0.605; p < 0.05) and purchase of ultra-processed foods (0.559; p < 0.05), while a negative moderate spatial correlation was observed between prevalence of excess weight and household food insecurity (-0.561; p < 0.05). It can be concluded that there is an unequal distribution of excess weight across Brazil. The highest prevalence rates were found in states in the Southeast, South, and Center-West regions, associated with higher HDI values and higher ultra-processed food purchases as a proportion of overall household food purchases.
Descritores: Comportamento do Consumidor/estatística & dados numéricos
Sobrepeso/epidemiologia
Fast Foods/estatística & dados numéricos
Abastecimento de Alimentos/estatística & dados numéricos
-Peso Corporal
Brasil/epidemiologia
Prevalência
Análise Espacial
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135709
Autor: Aquino, Sibele Dias de; Natividade, Jean C; Lins, Samuel Lincoln Bezerra.
Título: Validity evidences of the Buying Impulsiveness Scale in the Brazilian context / Evidências de validade da Escala de Compra por Impulso para o contexto brasileiro / Evidencias de validez de Escala de Compras por Impulso en el contexto brasileño
Fonte: Psico USF;25(1):15-25, jan.-mar. 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: The objective of this study was to obtain evidence of validity of an instrument to measure the tendency to buy impulsively. A version adapted to Brazil of a Buying Impulsiveness Scale was applied to 1296 Brazilians from all states of the federation, with a mean age of 35.8 years (SD = 12.8). The results indicated a scale with one-factor structure, just like the original instrument, with an adequate index of internal consistency. Positive correlations were found between impulse buying tendency, normative social influence, and traits of impulsiveness of the consumer. The instrument was also able to differentiate people who make shopping lists from those who do not do them, and people who prefer to go shopping alone from those who prefer to buy accompanied by someone else. The evidences found in the study provide support to the use of the instrument for the Brazilian context. (AU)

O objetivo deste estudo foi buscar evidências de validade de um instrumento para aferir a tendência de comprar impulsivamente. Aplicou-se uma versão adaptada para o Brasil de uma escala de compra por impulso em 1.296 brasileiros de todos os estados da federação, média de idade de 35,8 anos (DP = 12,8). Os resultados indicaram uma escala com estrutura unifatorial, tal como o instrumento original, com adequado índice de consistência interna. Foram encontradas correlações positivas entre a tendência de comprar por impulso, a influência social normativa e traços de impulsividade do consumidor. O instrumento também foi capaz de diferenciar pessoas que fazem lista de compras das que não fazem e pessoas que preferem ir às compras sozinhas das que preferem comprar acompanhadas. As evidências encontradas suportam o uso do instrumento para o contexto brasileiro. (AU)

El objetivo de este estudio fue buscar evidencias de validez de un instrumento para medir la tendencia de comprar impulsivamente. Se aplicó una versión adaptada para Brasil de una escala de compra por impulso en 1296 brasileños de todos los estados del país, con promedio de edad de 35,8 años (DP = 12,8). Los resultados indicaron una escala con estructura unifactorial, tal como el instrumento original, con adecuado índice de consistencia interna. Se encontraron correlaciones positiva entre tendencia de comprar por impulso, influencia social normativa y rasgos de impulsividad del consumidor. El instrumento también fue capaz de diferenciar personas que hacen lista de compras de las que no hacen, y personas que prefieren ir de compras solas de las que prefieren ir acompañadas. Las evidencias encontradas apoyan el uso del instrumento en el contexto brasileño. (AU)
Descritores: Autoavaliação
Comportamento Compulsivo/psicologia
Comportamento do Consumidor
-Inquéritos e Questionários
Reprodutibilidade dos Testes
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Estudo de Validação
Responsável: BR1249.1 - Coordenadoria do Sistema de Bibliotecas


  6 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1145291
Autor: Silva, Ana Gracinda Ignacio da; Alfaia, Edelson Castilho de; Ramalho, Adriana do Socorro Rosário; Dias, Graciane Dias; Sardinha, Daniele Melo; Garcez, Juliana Conceição Dias.
Título: Satisfação do usuário como indicador de qualidade em uma estratégia saúde da família / User satisfaction as an indicator of quality in a family health strategy / La satisfacción del usuario como indicador de calidad en una estrategia de salud familiar
Fonte: Nursing (Säo Paulo);23(268):4546-4561, set.2020.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Descrever a satisfação dos usuários dos serviços de saúde de uma Estratégia Saúde da Família, de um município do estado do Pará. Método: Pesquisa de campo descritiva, com abordagem qualitativa. A coleta de dados se deu por meio de entrevista semiestruturada com 20 usuários homens e mulheres adultos, no mês de setembro de 2019. A análise de conteúdo seguiu orientação de Bardin. Resultados: Emergiram do estudo três categorias temáticas: Tema 1- A satisfação dos usuários com o acesso ao atendimento na unidade. Tema 2 - A Satisfação dos usuários com o atendimento terapêutico na unidade e o Tema 3 ­ A satisfação dos usuários com as relações interpessoais na unidade. Conclusão: Os usuários estão satisfeitos quanto acessibilidade e atendimento na unidade; que compreendem sobre seu problema de saúde e o que deve ser feito para seu controle; que as relações interpessoais são importantes para que se sintam bem acolhidos.(AU)

Objective: To describe the satisfaction of the users of the health services of a Family Health Strategy, of a municipality in the state of Pará. Method: Descriptive field research, with qualitative approach. Data were collected through a semi-structured interview with 20 adult male and female users in September 2019. The content analysis followed Bardin's guidance. Results: Three thematic categories emerged from the study: Theme 1- User satisfaction with access to care in the unit. Theme 2 - The satisfaction of users with the therapeutic care in the unit and Theme 3 - The satisfaction of users with interpersonal relations in the unit. Conclusion: Users are satisfied with accessibility and care in the unit; that they understand about their health problem and what should be done to control it; that interpersonal relationships are important for them to feel welcome.(AU)

Objetivo: Describir la satisfacción de los usuarios de los servicios de salud de una Estrategia de Salud Familiar, de un municipio del estado de Pará. Método: Investigación de campo descriptiva, con enfoque cualitativo. Los datos se reunieron mediante una entrevista semiestructurada con 20 usuarios adultos de ambos sexos en septiembre de 2019. El análisis del contenido siguió la orientación de Bardin. Resultados: Del estudio surgieron tres categorías temáticas: Tema 1- Satisfacción del usuario con el acceso a la atención en la unidad. Tema 2 - La satisfacción de los usuarios con la atención terapéutica en la unidad y Tema 3 - La satisfacción de los usuarios con las relaciones interpersonales en la unidad. Conclusión: Los usuarios están satisfechos con la accesibilidad y la atención en la unidad; que comprenden su problema de salud y lo que se debe hacer para controlarlo; que las relaciones interpersonales son importantes para que se sientan bienvenidos.(AU)
Descritores: Qualidade da Assistência à Saúde
Comportamento do Consumidor
Estratégia Saúde da Família
Enfermeiras de Saúde da Família
Acesso aos Serviços de Saúde
-Satisfação Pessoal
Limites: Humanos
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería


  7 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Meirelles, Betina Horner Schlindwein
Texto completo
Id: lil-733055
Autor: Oliveira, Luciane Paula Batista Araújo de; Medeiros, Liz Monique da Fonseca; Meirelles, Betina Hörner Schlindwein; Santos, Sílvia Maria Azevedo dos.
Título: Satisfaction of the elderly population attended in the family health strategy in Santa Cruz, Rio Grande do Norte, Brazil / Satisfacción de la población de edad avanzada asistida en la estrategia de salud familiar de Santa Cruz, Rio Grande do Norte, Brazil / Satisfação da população idosa atendida na estratégia de saúde da família de Santa Cruz, Rio Grande do Norte
Fonte: Texto & contexto enferm;23(4):871-879, Oct-Dec/2014. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to identify the satisfaction of the elderly population in relation to the health care received in the Family Health Strategy, in Santa Cruz, in the State of Rio Grande do Norte, Brazil. It is a descriptive quantitative study, with a sample of 101 older adults registered in the municipality's family health system. The data were collected between May and September 2011, using a structured questionnaire, and were analyzed using descriptive statistics. It was observed that 67.3% of the interviewees were satisfied with the assistance received, and 72.3% were satisfied with the advice received. In relation to scheduling, waiting times and time spent in the consultations, many were dissatisfied (62.4%, 54.5% and 70.3% dissatisfaction, respectively). We conclude that, in spite of the majority of older adults being satisfied with this care, it is necessary to improve the attendance, particularly in the flow of requests for consultations in the units studied.

Este estudio tuvo como objetivo identificar la satisfacción de las personas mayores acerca de la atención sanitaria recibida en la Estrategia Salud de la Familia de Santa Cruz-RN, Brasil. Estudio descriptivo, cuantitativo, cuya muestra correspondió a 101 adultos mayores inscritos en el Estrategia Salud de la Familia Cruz Santa-RN. Los datos fueron recogidos entre mayo y septiembre de 2011, a través de entrevistas estructuradas y analizados a partir de la estadística descriptiva. Se observó que el 67,3% de los encuestados estaban satisfechos con la atención recibida, y el 72,3% estaba satisfecho con la orientación recibida. En cuanto a la programación, tiempo de espera y el tiempo invertido en las consultas, muchos no estaban satisfechos (62,4%, 54,5% y 70,3% de insatisfacción, respectivamente). Llegamos a la conclusión que, si bien la mayoría de las personas mayores están satisfechos con la ayuda, existe la necesidad de mejora de la atención, sobre todo en la corriente de la demanda de consultas en las unidades.

Este estudo teve como objetivo identificar a satisfação da população idosa acerca da assistência de saúde recebida na Estratégia de Saúde da Família, em Santa Cruz-RN. Estudo descritivo, de natureza quantitativa, cuja amostra correspondeu a 101 idosos cadastrados na saúde da família do município. Os dados foram coletados entre maio e setembro de 2011, por meio de entrevista estruturada, e analisados através da estatística descritiva. Observou-se que 67,3% dos entrevistados estavam satisfeitos com a assistência recebida, e 72,3% estavam satisfeitos com as orientações recebidas. Quanto ao agendamento, tempo de espera e tempo dedicado às consultas, muitos estavam insatisfeitos (62,4%, 54,5% e 70,3% de insatisfação, respectivamente). Concluímos que, apesar da maioria dos idosos estar satisfeita com essa assistência, há necessidade de melhoria de atendimento, especialmente no fluxo das demandas de consultas nas unidades estudadas.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Idoso
Envelhecimento
Enfermagem
Comportamento do Consumidor
Limites: Humanos
Idoso
Responsável: BR17.1 - Biblioteca Setorial Centro de Ciências da Saúde (BSCCSM)


  8 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-608594
Autor: Brüggemann, Odaléa Maria; Monticelli, Marisa; Furtado, Camilla; Fernandes, Camila Mariano; Lemos, Fabiane Nunes; Gayeski, Michele Edianez.
Título: Filosofia assistencial de uma maternidade-escola: fatores associados à satisfação das mulheres usuárias / Philosophy of care in a teaching maternity hospital: factors associated to female users satisfaction / La filosofía de atención de una maternidad escuela: fatores asociados con la satisfacción de las mujeres usuarias
Fonte: Texto & contexto enferm;20(4):658-668, out.-dez. 2011. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Estudo transversal que avaliou a filosofia de uma maternidade, a partir da satisfação das mulheres com o atendimento recebido na admissão obstétrica, no trabalho de parto/parto e no puerpério. Os dados foram coletados com 310 mulheres e analisados pelo teste qui-quadrado, exato de Fisher, Odds Ratio (IC 95 por cento) e regressão logística. A satisfação na admissão esteve estatisticamente associada ao fato dos profissionais e acadêmicos se apresentarem, darem as orientações solicitadas e fornecerem apoio emocional; no trabalho de parto/parto esteve associada com privacidade, apoio emocional e recebimento de informações; e no puerpério, com apoio emocional e recebimento de informações. Chance de insatisfação ocorreu quando a mulher não recebeu apoio emocional na admissão (5,70; IC 95 por cento: 1,88; 17,31) e não obteve informações no trabalho de parto/parto (6,53; IC 95 por cento: 1,97; 21,64). A concretização de uma filosofia assistencial que atenda as necessidades das usuárias contribui para a satisfação com o atendimento, desde a internação até a alta.

This cross-sectional study assessed the philosophy of a maternity based on women users satisfaction factors concerning the services received during their admission, labor/delivery, and puerperium. Data was collected from 310 women and analyzed by chi-square test, Fisher exact test, Odds Ratio (95 percent), and logistic regression. Satisfaction at admission was statistically associated with the fact that professionals and academics introduced themselves, gave the orientation requested, and provided emotional support. In labor/delivery satisfaction was associated with privacy, emotional support, and receiving information. In the postpartum period, satisfaction was associated with emotional support and receiving information. The chance of dissatisfaction occurred when the woman was not emotionally supported at admission (5.70; 95 percent CI: 1.88; 17.31) and didn't obtain information during labor/delivery (6.53; CI 95 percent: 1.97; 21.64). The implementation of a care philosophy that meets user needs contribute to satisfaction with the service provided from admission to discharge.

Es un estudio transversal que evaluó la filosofía de una maternidad, a partir de la satisfación con la atención ricibieda em la admisión, el trabajo de parto y el posparto. La recolección de los datos se hizo con 310 mujeres y se analizaron mediante la prueba de chi-cuadrado, prueba exacta de Fisher, Odds Ratio (IC 95 por ciento) y regresión logística. La satisfacción por la admisión se asoció estatisticamente con el hecho de que los profesionales y académicos estuvieron presentes, dieron las orientaciones solicitadas y el apoyo emocional. En el trabajo de parto y el parto se asoció con la intimidad, apoyo emocional y la información que recibieron, y en el puerperio, con el apoyo emocional y recibir informaciones. La insatisfacción se produjo cuando la mujer no recibió el apoyo emocional al ingreso (5,70, IC 95 por ciento: 1.88; 17.31) y no recibió información sobre el trabajo de parto y el parto (6,53, IC 95 por ciento: 1,97; 21,64). La aplicación de una filosofía de atención que responda a las necesidades de las usuarias contribuye a la satisfacción con los servicios, desde la hospitalización hasta el alta.
Descritores: Comportamento do Consumidor
Parto Humanizado
Pesquisa sobre Serviços de Saúde
Serviços de Saúde Materna
Limites: Humanos
Feminino
Responsável: BR17.1 - Biblioteca Setorial Centro de Ciências da Saúde (BSCCSM)


  9 / 460 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-761754
Autor: Brüggemann, Odaléa Maria; Koettker, Joyce Green; Velho, Manuela Beatriz; Monguilhott, Juliana Jacques da Costa; Monticelli, Marisa.
Título: Satisfaction of companions with the experience of supporting the parturient at a university hospital / Satisfacción de acompañantes con la experiencia de apoyar a la parturiente en un hospital universitario / Satisfação dos acompanhantes com a experiência de apoiar a parturiente em um hospital universitário
Fonte: Texto & contexto enferm;24(3):686-696, July-Sept. 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: A cross-sectional study that aimed to assess the satisfaction of companions with the experience of supporting the parturient, and to identify the related factors. Data were collected at a university hospital in Southern Brazil, by means of semi-structured interviews with 314 caregivers, between October of 2009 and January of 2010. The satisfaction scores were determined by the Cronbach's alpha coefficient. The Kruskal-Wallis and the Mann-Whitney tests estimated the related factors. The mean satisfaction of the companions was high in three domains: 1) How the woman and the newborn were cared for (92,6; SD=11.5), 2) Welcoming in each place (89,9; SD=12.9), and 3) Explanation about what was happening (88,9; SD=14.1). The educational level was statistically related to the satisfaction in domain 3, not being present in the delivery room was statistically related to domain 1, and not receiving instructions from the physician regarding his role was statistically related to domain 2. The companions manifested high satisfaction with the experience of providing support to the women.

Estudio transversal dirigido a evaluar la satisfacción de acompañantes con la experiencia de apoyar a la parturiente e identificar factores asociados. Los datos fueron obtenidos en un hospital universitario del Sur de Brasil, mediante entrevistas semi estructuradas con 341 acompañantes, entre Octubre 2009 y Enero 2010. Fueron construidos indicadores de satisfacción utilizando el coeficiente alpha de Cronbach. Los tests Kruskal-Wallis y Mann-Whitney estimaron factores asociados. El promedio de satisfacción de los acompañantes fue alto en los 3 dominios: 1) Cuidados a la mujer y al recién nacido (92,6; ds=11.5), 2)Recepción en cada lugar (89,9; ds=12.9) y 3) Explicaciones sobre lo que estaba sucediendo (88,9; ds=14.1). La escolaridad estuvo estadísticamente asociada a la satisfacción en dominio 3, así como no estar presente en la sala de parto con dominio 1 y no recibir instrucciones del médico con dominio 2. Los acompañantes demuestran una alta satisfacción con la experiencia de apoyar a la mujer.

Estudo transversal que objetivou avaliar a satisfação dos acompanhantes com a experiência de apoiar a parturiente e identificar fatores associados. Os dados foram coletados em um hospital universitário do Sul do Brasil, através de entrevistas semiestrututradas com 314 acompanhantes, entre outubro de 2009 e janeiro de 2010. Foram construídos escores de satisfação com o coeficiente alpha de Cronbach. Os testes Kruskal-Wallis e Mann-Whitney estimaram fatores associados. A média de satisfação dos acompanhantes foi elevada nos três domínios: 1) Como cuidaram da mulher e do recém-nascido (92,6;dp=11.5); 2) Recepção em cada local (89,9;dp=12.9); e 3) Explicações sobre o que estava acontecendo (88,9;dp=14.1). A escolaridade esteve estatisticamente associada à satisfação no domínio 3, bem como não estar presente na sala de parto com o domínio 1 e não receber orientação do médico sobre seu papel com o domínio 2.Os acompanhantes demonstram elevada satisfação com a experiência de prover apoio à mulher.
Descritores: Satisfação do Paciente
Comportamento do Consumidor
Parto
Pesquisa sobre Serviços de Saúde
Serviços de Saúde Materna
Limites: Humanos
Feminino
Responsável: BR17.1 - Biblioteca Setorial Centro de Ciências da Saúde (BSCCSM)


  10 / 460 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-881065
Autor: Zils, Aline do Amaral; Castro, Rodrigo Caprio Leite de; Oliveira, Mônica Maria Celestina de; Harzheim, Erno; Duncan, Bruce Bartholow.
Título: Satisfação dos usuários da rede de Atenção Primária de Porto Alegre / Users' satisfaction with Porto Alegre's Primary Care Network
Fonte: Rev. bras. med. fam. comunidade;4(16):270-276, nov. 2009. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A satisfação dos usuários é um importante desfecho para avaliar serviços de saúde. Este estudo trata-se de uma avaliação do grau de satisfação dos usuários em relação à última consulta realizada na rede de atenção primária A saúde de Porto Alegre-RS, tendo como objetivo comparar a satisfação de usuários que avaliam a qualidade do processo de atenção recebida corno sendo de alto escore de APS com a de usuários que a avaliam corno baixo escore de APS. Estudo transversal de base populacional, utilizando o Instrumento de Avaliação da Atenção Primária, Primary Care Assesment Tool- PCATool, que possibilita a classificação dos serviços de saúde no seu grau de orientação à APS por meio do escore geral de atenção primária, definindo-o como alto ou baixo, de acordo com a experiência dos usuários. A satisfação do usuário foi medida por um questionário composto de doze questões referentes à última consulta, sendo medida por uma escala Likert de 5 itens: "muito bom", "bom", "regular", "ruim" e "muito ruim". Para a análise, os resultados foram agrupados em duas classificações, sendo "satisfeito", quando referido "muito bom" ou "bom", e "insatisfeito" quando referido algum dos demais itens. Observou-se diferença significativa nas 12 variáveis que refletem a satisfação em vários aspectos da consulta, demonstrando maior satisfação em usuários que classificaram o seu serviço como de alto escore. A avaliação geral da consulta apresentou 95,6% e 73,5% de "satisfeitos" nos serviços com alto e baixo escore de APS, respectivamente (p<0,001). Usuários de serviços com alto grau de orientação à atenção primária obtêm maior satisfação em suas consultas. Essa maior satisfação pode beneficiar o processo decisório do paciente frente às recomendações médicas realizadas.

Users' satisfaction is an important end-point to evaluate health services. This study has to do with an assessment of the level of user's satisfaction with relation to the last visit held in the primary health care network of Porto Alegre ­ RS, whose objective is to compare satisfaction of the users that assess the quality of the care process received as being of high APS score with that of the users who evaluate it as low APS score. A cross-sectional study based on the population, using the Primary Care Assessment Tool - PCATool, which enables the classification of the health services at the level of guidance to APS by means of the general score of primary care, defining it as high or low, in accordance with the users' experience. The satisfaction of the user was measured by a questionnaire consisting of twelve questions relative to the last visit, being measured by a 5-item Likert scale: "very good", "good", "regular", "bad" and "very bad". For the analysis, the results were grouped into two classifications, i.e. "satisfied", when referred as "veg good" or "good", and "dissatisfied" when referred to any of the other items. A significant difference was noticed in the 12 variables reflecting satisfaction in several aspects of the visit, showing higher satisfaction in users that classified the service as being of high score. The .general evaluation of the service presented 95.6% and 73.5% of "satisfied" in the services with high and low APS score, respectively (p<0.001). Users of services with high level of guidance to primary care obtain higher satisfaction in their visits. This higher satisfaction can benefit the decision-making process of the patient in face of the medical recommendations made.
Descritores: Satisfação Pessoal
-Atenção Primária à Saúde
Estudos Transversais
Comportamento do Consumidor
Gestão da Qualidade
Serviços de Saúde
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM



página 1 de 46 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde