Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.145.802.790 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 438 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 44 ir para página                         

  1 / 438 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-597824
Autor: Cantalice, Tiago.
Título: O melhor do Brasil é o brasileiro! Corpo, identidade, desejo e poder / ¡Lo mejor de Brasil es el brasilero! Cuerpo, identidad, deseo y poder / The best of Brazil is the Brazilian! Body, Identity, Desire and Power
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(7):69-102, abr. 2011.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo tem como objetivo descrever quem são os parceiros das trocas afetivo-sexuais que se dão entre homens nativos/locais da Praia da Pipa - Rio Grande do Norte, Brasil (chamados emicamente de caça-gringas) e mulheres estrangeiras em contextos de viagem turística, analisando suas marcas corporais e os sistemas de diferenciação em que estão inseridos, dissertando sobre como eles/elas agenciam as estruturas de poder e os estereótipos culturais. Para isso, realizou-se uma análise da construção da brasilidade mestiça e sensual - desde os relatos de Caminha e a ideia de Éden terreal, desembocando nas interpretações de Gilberto Freyre (2006 [1933]) sobre a democracia racial e a ideologia da mestiçagem - que foi posta em diálogo com os dados obtidos em campo através da observação e de entrevistas, revelando como aqueles agentes se apropriam e ressignificam aquelas construções em seu próprio benefício.

Este artículo describe intercambios afecivo-sexuales entre hombres nativos/locales de la Praia da Pipa, en Rio Grande do Norte, Brasil (llamados caça-gringas) y mujeres extranjeras de viaje turístico. A partir de analizar las marcas corporales y los sistemas de diferenciación en que están insertos, se reflexiona sobre cómo ellos y ellas agencian estructuras de poder y estereotipos culturales. Se efectúa un análisis de la construcción de la brasilidad mestiza y sensual -desde los relatos de Caminha y la idea de un Paraíso terrenal, hasta las interpretaciones de Gilberto Freyre (2006 [1933)] sobre la democracia racial y la ideología del mestizaje- en diálogo con los datos construidos a través de la observación y de entrevistas que revelan cómo dichos agentes se apropian y resignifican aquellas construcciones en su propio beneficio.

This article describes romantic/sexual exchanges between local men known as 'gringa-hunters' and foreign female tourists in Praia da Pipa's (Kite Beach), Rio Grande do Norte, Brazil. Body markers and the systems of differentiation they are referenced upon are analyzed. An account is provided of how the men and women involved in these relationships manipulate power structures and cultural stereotypes. The discursive construction of a mixed-blood sensuous Brazilianness is tracked back in classical writings, from Caminha's narrative of an Eden-on-earth, to Gilberto Freyre's interpretations about racial democracy and the ideology of hybrid-making (mestiçagem). Those master narratives dialogue with field observation and interview data revealing how agents appropriate and provide their own meaning to those constructions.
Descritores: Trabalho Sexual
Imagem Corporal
Corpo Humano
Sexualidade
Estereotipagem de Gênero
Turismo
-Identificação Social
Brasil
Fatores Culturais
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  2 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-645509
Autor: Nieto Olivar, José Miguel.
Título: Prostituição feminina e direitos sexuais... diálogos possíveis? / Prostitución femenina y derechos sexuales: ¿diálogos posibles? / Female prostitution and sexual rights... Possible dialogues?
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(11):88-121, ago. 2012.
Idioma: pt.
Resumo: A partir de uma experiência de pesquisa e de militância, este artigo reflete sobre as mútuas implicações da relação possível entre prostituição feminina e direitos sexuais como campos políticos. A reflexão está baseada no contexto brasileiro da primeira década do século XXI. O texto está estruturado a partir de cenas que oferecem a sustentação empírica para três intrigas. A primeira trata das linhas de força que orientam a relação dos movimentos brasileiros de prostitutas com os direitos sexuais. A segunda nos levará ao campo do advocacy de direitos, e a terceira atenta para a experiência de mulheres prostitutas em contraste com os discursos hegemônicos sobre direitos sexuais. Sugiro uma análise de usos, de criações. Uma análise que não conclui com uma verdade estatal sobre a pergunta, mas com outras perguntas, desdobramentos e sugestões de continuidade para o trabalho.

A partir de una experiencia de investigación y militancia, este artículo reflexiona sobre las recíprocas implicancias de las posibles relaciones entre prostitución femenina y derechos sexuales como campos políticos. La reflexión se basa en el contexto brasilero de la primera década del siglo XXI. El texto se estructura a partir de escenas que ofrecen sustento empírico a tres intrigas. La primera aborda las líneas de fuerza que orientan la relación de los movimientos brasileros de prostitutas con los derechos sexuales. La segunda conduce al campo de advocacy de derechos, y la tercera presta atención a la experiencia de mujeres prostitutas en contraste con los discursos hegemónicos sobre derechos sexuales. Se sugiere un análisis de usos, de creaciones. Un análisis que no concluye con una verdad estatal sobre la pregunta, sino con nuevas preguntas, desdoblamientos y sugerencias de continuidad para el trabajo.

Based on a personal experience of research and activism, this article addresses the mutual implications of the possible relationship between female prostitution and sexual rights as political fields. This reflection located in Brazilian during the first decade of the 21st Century. The text is structured around scenes as empirical ground to three intrigues. The first one deals with the lines of force that guide the relationship of Brazilian women prostitute movements in Brazil with sexual rights. The second one takes us to the field of rights advocacy; and the third one points to the experience of women prostitutes in contrast with hegemonic discourses on sexual rights. An analysis of use -of creations- is suggested. Instead of a final truth about a question, from this analysis rise other questions, splits and suggestions for further work.
Descritores: Trabalho Sexual
Sexualidade
Direitos Sexuais e Reprodutivos
Ativismo Político
Direitos Humanos
-Brasil
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  3 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-645510
Autor: Pocahy, Fernando.
Título: "Vem meu menino, deixa eu causar inveja": ressignificações de si nas transas do sexo tarifado / "Ven aquí, muchachito, que quiero dar envidia": Resignificaciones de sí en las transas del sexo tarifado / "Come over here, boy! Let me amaze you!: Self reinterpretation in the frame of tariffed sex
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(11):122-154, ago. 2012.
Idioma: pt.
Resumo: Este texto refere-se a representações do corpo, gênero e sexualidade a partir de cenas de amor romântico explicitamente tarifadas, envolvendo homens idosos e jovens garotos de programa, frequentadores de um bar "gay" na cidade de Porto Alegre, Brasil. Essas experiências de sociabilidade permitem produzir uma análise sobre a interseccionalidade entre gênero e idade. As cenas que apresentamos aqui possibilitam compreender relações de poder em torno das formas de regulação da vida que se interseccionam com as "marcas" e as "habilidades" do corpo, a raça, a "orientação sexual", a classe social e a masculinidade, no contexto de relações sociais abertamente monetarizadas. Baseado numa aproximação etnográfica, este trabalho sinaliza que, mesmo que os sujeitos implicados nesses jogos de poder não tenham a intenção de produzir uma crítica à norma em questão, as cenas performatizadas nesses espaços de sociabilidade parecem produtivas para compreender a hetero e a homonormatividade como regimes discursivos.

Este texto refiere a representaciones de cuerpo, género y sexualidad, a partir de escenas de amor romático tarifadas explícitamente, que involucran a hombres ancianos y jóvenes taxy boys, frecuentadores de un bar gay en la ciudad de Porto Alegre, Brasil. Estas experiencias de sociabilidad permiten producir un análisis sobre la interseccionalidad entre género y edad. Las escenas que se presentan aquí posibilitan comprender relaciones de poder en torno de las formas de regulación de la vida, que se intersectan con las "marcas" y "habilidades" del cuerpo, la raza, la "orientación sexual", la clase social y la masculinidad, en el contexto de relaciones sociales abiertamente monetarizadas. Basado en una aproximación etnográfica, este trabajo señala que aunque los sujetos implicados en los juegos de poder mencionados no tengan intención de producir una crítica a la norma en cuestión, las escenas performativizadas en dichos espacios de sociabilidad parecen productivas para comprender la hétero y la homonormatividad como regímenes discursivos.

This article is about representations of body, gender and sexuality in explicitly "romantic paid love" scenes involving older men and young male prostitutes or sex workers in a gay bar in Porto Alegre, Brazil. These experiences of sociability allowed us to produce an analysis of the intersectionality between gender and age. The scenes presented here help us to understand some of the power relationships involved in forms of regulation which interweaves "marks and abilities" of the body, race, "sexual orientation", social class and masculinity, in a context of openly monetized social relations. Based on an ethnographic approach, this work indicates that, while the subjects involved in these power games have no intention of producing a critique of the rule in question, the scenes performed in these spaces of sociability help us to understand heteronormativity, as well as homonormativity as discursive regimes.
Descritores: Envelhecimento
Homossexualidade Masculina
Sexualidade
Minorias Sexuais e de Gênero
Performatividade de Gênero
Identidade de Gênero
-Trabalho Sexual
Brasil
Relação entre Gerações
Normas de Gênero
Limites: Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  4 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-661110
Autor: Ramalho, Nélson.
Título: O trabalho sexual: discursos e práticas dos assistentes sociais em debate / El trabajo sexual: discursos y prácticas de los asistentes sociales en debate / Sex Work: Debating the discourses and practices of Social Workers
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(12):64-91, dez. 2012.
Idioma: pt.
Resumo: O presente artigo aborda a forma como o trabalho sexual tem sido discutido em diferentes posições dos movimentos feministas. Se, por um lado, as feministas radicais, por considerarem o trabalho sexual assente nas desigualdades de género, acreditam não ser possível olhar para a atividade como uma forma de trabalho; por outro, as feministas liberais e os movimentos de profissionais do sexo lutam pela defesa de seus direitos, e a normalização da atividade. Os assistentes sociais, devido à construção histórica da sua profissão, tendem a posicionar-se, maioritariamente, na linha de intervenção das feministas radicais, trazendo para a prática profissional com os trabalhadores do sexo intervenções que hoje em dia podem estar desajustadas em relação às necessidades que estes atores reclamam.

Este artículo aborda los modos en que el trabajo sexual ha sido discutido por diversas posiciones feministas. Desde un feminismo radical, no se cree posible considerar esta actividad como una forma de trabajo ya que se concibe a la prostitución enraizada en profundas desigualdades de género. Sin embargo, desde el feminismo liberal y los movimientos de profesionales del sexo se propugna la defensa de los derechos de las trabajadoras sexuales y la normatización de su actividad. Los asistentes sociales -debido a las especificidades de la construcción histórica de su profesión- tienden a posicionarse en una línea de intervención próxima a la de las feministas radicales, y por tanto a acccionar, en su práctica profesional con trabajadores sexuales, sin actualizarse respecto de las demandas que estos actores sociales vienen reivindicando.

This article addresses feminist approaches to sex work. Radical feminists, who see prostitution as firmly grounded on gender inequalities, refuse to conceptualize it as work. Conversely, liberal feminists and sex workers’ movements mobilize for sex workers’ rights, their self-determination, and the normalization of sex services as a legal activity. Due to how their profession has been constructed along its history, social workers tend to adopt a radical feminist perspective. For that reason, their professional intervention with sex workers may not meet sex workers’ demands.
Descritores: Trabalho Sexual
Serviço Social
Condições de Trabalho
Atitude do Pessoal de Saúde
Feminismo
Assistentes Sociais
-Direitos Civis
Estigma Social
Direitos Humanos
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  5 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1012166
Autor: Melo-Barbosa, Olga Patricia; Castañeda-Sánchez, Karina; Peña-Ortiz, Estephania; Preciado-Méndez, Karol Estéfani.
Título: Prácticas promotoras del autocuidado de la salud de mujeres en ejercicio de prostitución bogotá colombia / Promoting health self-care practices in women in the prostitution practice in bogotá, colombia / Práticas promotoras do autocuidado da saúde de mulheres em exercicio de prostitução bogotá colômbia
Fonte: Hacia promoc. salud;24(2):60-74, jul.-dic. 2019.
Idioma: es.
Resumo: Resumen Objetivo: identificar las prácticas promotoras de autocuidado de salud, de mujeres en ejercicio de prostitución con base en factores que influyen en su bienestar físico, social y mental. Metodología: investigación cualitativa, realizada por medio de la aplicación de una entrevista semiestructurada que consta de preguntas abiertas a diez mujeres mayores de edad, que ejercen prostitución en la ciudad Bogotá D.C, en el año 2017. La información fue recolectada, analizada y clasificada, de forma manual en cuatro categorías: detalles personales, salud general, percepción de los servicios de salud y programas de salud. Resultados: las participantes del estudio están entre la edad de 18 y 64 años. Sus redes sociales son escasas, todas con la responsabilidad de mantener la economía en sus casas, la falta de oportunidad laboral es el factor más importante para ejercer la prostitución. Manifestaron no tener conciencia de la importancia de realizarse chequeos médicos con regularidad, tienden a asociar sus problemáticas en salud, con el no uso de preservativo centrando su bienestar físico, social y mental, netamente a ámbitos que comprenden su sexualidad y aparato reproductor. Conclusiones: de la información obtenida se concluye que las prácticas de autocuidado de las mujeres en ejercicio de prostitución se centran en el cuidado del aparato sexual y reproductivo, dejando de lado acciones promotoras y de autocuidado en salud lo que repercute de manera negativa en su estado de salud aumentando el riesgo de padecer enfermedades crónicas no transmisibles.

Abstract Objective: to identify practices promoting health self-care in women exercising prostitution based on factors that influence their physical, social and mental welfare. Methodology: qualitative research, carried out through the application of a semi structured interview consisting in open questions to ten elderly women who practiced prostitution in the city of Bogota D.C. in the year 2017. The information was collected, analyzed and classified manually in four categories: personal details, general health, perception from health services, and health programs. Results: the study participants were between 18 and 64 years old. Their social networks were scarce and they all were responsible for the economy in their homes. The lack of jobs opportunities is the most importat factor to exercise prostitution. They expressed not being aware of the importance to have medical check-ups regularly and were inclined to associate their health problems with the non-use of condoms, focusing their physical, social and mental well-being clearly on areas that include their sexuality and reproductive system. Conclusions: from the information obtained, it is concluded that self-care practices of women exercising the practice of prostitution are focused on the care of the sexual and reproductive system leaving aside promoting and health self-care actions which negatively affect their health condition, increasing the risks to suffer from chronic non-transmissible diseases.

Resumo Objetivo: identificar as práticas promotoras de autocuidado de saúde, de mulheres em exercício de prostituição com base em fatores que influem em seu bem-estar físico, social e mental. Metodologia: pesquisa qualitativa, realizada por meio da aplicação de uma entrevista semiestruturada que consta de perguntas abertas a dez mulheres maiores de idade, que exercem prostituição na cidade Bogotá D.C, no ano 2017. A informação foi coletada, analisada e classificada, de forma manual em quatro categorias: detalhes pessoais, saúde geral, percepção dos serviços de saúde e programas de saúde. Resultados: as participantes do estudo estão entre a idade de 18 e 64 anos. Suas redes sociais são escassas, todas com a responsabilidade de manter a economia em suas casas, a falta de oportunidade laboral é o fator mais importante para exercer a prostituição. Manifestaram não ter consciência da importância de realizar-se examenes médicos com regularidade, tendem a associar suas problemáticas em saúde, com o não uso de preservativo centrando seu bem-estar físico, social e mental, claramente a âmbitos que compreendem sua sexualidade e aparato reprodutor. Conclusões: da informação obtida se conclui que as práticas de autocuidado das mulheres em exercício de prostituição se centram no cuidado do aparato sexual e reprodutivo, deixando de lado ações promotoras e de autocuidado em saúde o que repercute de maneira negativa em seu estado de saúde aumentando o risco de padecer doenças crónicas no transmissíveis.
Descritores: Autocuidado
-Trabalho Sexual
Comportamento Social
Mulheres
Limites: Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO54.4


  6 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1223276
Autor: Trettel, Ana Cláudia Pereira Terças; Graça, Bianca Carvalho da; Nascimento, Vagner Ferreira do; Hattori, Thalise Yuri; Santos, Rogerio Alexandre Nunes dos; Menezes, Andreza Lucia de; Melo Via, Alba Valéria Gomes de; Silva, Juliana Herrero da.
Título: Hantavirus and criminality: disease and family / Hantavírus e criminalidade: doença e família / Hantavirus y criminalidad: enfermedad y la familia
Fonte: Rev. epidemiol. controle infecç;10(2):113-119, abr.-jun. 2020. ilus.
Idioma: en.
Resumo: Background and objectives: Hantavirus is a pathogen that causes a viral disease with an acute and severe presentation, and a high mortality rate. In face of a sudden loss, some families may not conceive the complete absence of the deceased relative. Thus, we sought to understand the changes that took place in a family after the death of the provider by Hantavirus Pulmonary Syndrome (HPS). Methods: A descriptive exploratory study with a qualitative approach of the type case report. Data collection took place between October and December 2016 through recorded individual interviews and using questions about family dynamics after family provider's death of HPS, which were assessed by content analysis in the light of Roy's theory. Results: It was observed that the illness and death of the family patriarch weakened the family's strengths and resources, leading to a period of mourning and despair. In addition, unemployment among other family members worsened socioeconomic conditions, seeing drugs as an alternative for support as it became a commercial activity, and the rise of a command in the region that culminated in the arrest of the wife, two daughters and a son of the deceased. Conclusions: In this case, it was evidenced that the family was weakened due to the illness and death of their loved one by HPS, and because of the lack of support and welcome from the reference social services, they chose to act in criminality and it ended up with the arrest of four members.(AU)

Justificativa e objetivos: O hantavírus é um patógeno que causa uma doença viral com caráter agudo e grave e alta taxa de mortalidade. Em face da perda súbita, algumas famílias podem não conceber a completa ausência do parente falecido. Assim, procuramos entender as mudanças que ocorrem em uma família após a morte do provedor pela Síndrome Pulmonar por Hantavírus (SPH). Métodos: Estudo descritivo-exploratório com abordagem qualitativa do tipo estudo de caso. A coleta de dados ocorreu entre outubro e dezembro de 2016 por meio de entrevistas individuais gravadas e com o uso de perguntas sobre a dinâmica familiar após a morte por SPH, sendo analisadas por análise de conteúdo sob a luz da teoria de Roy. Resultados: Observou-se que a doença e a morte do patriarca fragilizaram as forças e recursos da família, levando a um período de luto e desespero. Além disso, o desemprego entre os demais membros da família agravou as condições socioeconômicas, vendo as drogas como uma alternativa para o apoio, o que assumiu o caráter de comércio e a ascensão de um comando na região que culminou com a prisão da esposa, duas filhas e um filho do falecido. Conclusão: Neste caso descrito foi evidenciado que a família ficou fragilizada diante da enfermidade e óbito do seu ente querido por SPH e, em decorrência da falta de apoio e acolhimento dos serviços de referência sociais, optou por atuar na criminalidade e findar com a prisão de quatro membros.(AU)

Justificación y objetivos: El hantavirus es un patógeno que causa una enfermedad viral con un carácter agudo y grave y alta tasa de mortalidad. Ante la pérdida repentina, algunas familias pueden no concebir la ausencia completa del familiar fallecido. Por lo tanto, tratamos de comprender los cambios que se produjeron en una familia después de la muerte del proveedor por Sindrome Pulmonar por Hantavirus (SPH). Métodos: Estudio descriptivo-exploratorio con enfoque cualitativo del tipo estudio de caso. La recopilación de datos ocurrió entre octubre y diciembre de 2016, a través de entrevistas individuales grabadas y con el uso de preguntas sobre la dinámica familiar después de la muerte por SPH, que se analizaron a través del análisis de contenido a la luz de la teoría de Roy. Resultados: Se observó que la enfermedad y la muerte del patriarca familiar debilitaron las fortalezas y los recursos de la familia, lo que llevó a un período de duelo y desesperación. Además, el desempleo entre otros miembros de la familia empeoró las condiciones socioeconómicas, haciéndolos ver a las drogas como una alternativa de renta, lo que asumió el carácter de un comercio y el surgimiento de un comando en la región que culminó con el arresto de la esposa, dos hijas y un hijo del difunto. Conclusiones: En este caso, se evidenció que la familia se debilitó debido a la enfermedad y la muerte de su ser querido por SPH y debido a la falta de apoyo y recepción de los servicios de referencia social, eligieron actuar con criminalidad y por fin terminaron com cuatro miembros detenidos.(AU)
Descritores: Luto
Família/psicologia
Síndrome Pulmonar por Hantavirus/psicologia
Crime/psicologia
Morte
Pai
-Trabalho Sexual/psicologia
Assistência Pública
Fatores Socioeconômicos
Violência/psicologia
Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias/psicologia
Tráfico de Drogas/psicologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1314.1 - Biblioteca Central


  7 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-686730
Autor: Anon.
Título: Editorial / Editorial
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(14):1-4, agosto 2013.
Idioma: es.
Descritores: Trabalho Sexual
Travestilidade
Sexualidade
Medicalização
Pessoas Transgênero
Identidade de Gênero
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  8 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-686735
Autor: Pérez Archundia, Eduardo.
Título: Contribución para un estado de la cuestión sobre el uso de condón en relaciones sexuales comerciales por parte de trabajadores(as) del sexo / Contribuição para um estado da questão sobre o uso de camisinha em relações sexuais comerciais por parte de trabalhadores(as) do sexo / Research review on condom use by male and fenale sex workers
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(14):114-137, agosto 2013. tab.
Idioma: es.
Resumo: El presente artículo busca ofrecer una compilación de investigaciones realizadas - principalmente en México- sobre el uso del condón en el marco de relaciones sexuales comerciales. Se procura contribuir, con este estado de la cuestión acerca del conocimiento que ha logrado acumularse en torno a los factores que determinarían el uso o no uso de condón por parte de trabajadores(as) del sexo, a las reflexiones en torno de la prevención del VIH/SIDA.

O presente artigo busca oferecer uma compilação de investigações realizadas - principalmente no México - sobre o uso da camisinha no marco de relações sexuais comerciais. Procura-se contribuir, tendo em vista este estado da questão sobre o conhecimento que se conseguiu acumular a respeito dos fatores que determinariam o uso ou o não uso de camisinha por parte de trabalhadores(as) do sexo, com reflexões em torno da prevenção do HIV/AIDS.

This review essay is a survey of research conducted, mainly in Mexico, on condom use in paid sexual intercourse. Determining factors of condom use by male and female sex workers are addressed, as well as issues of HIV/AIDS prevention.
Descritores: Trabalho Sexual
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/prevenção & controle
HIV
Preservativos
Profissionais do Sexo
-México
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  9 / 438 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-686736
Autor: Jayme, Juliana Gonzaga; Chacham, Alessandra Sampaio; Morais, Mariana Ramos de.
Título: Mulheres da "Zona Grande": negociando identidade, trabalho e território / Mujeres de la "Zona Grande": negociando identidad, trabajo y territorio / The women from "Zona Grande": negotiating identities, work and territory
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(14):138-163, agosto 2013.
Idioma: pt.
Resumo: Em Belo Horizonte, desde o começo do século XX, um quadrilátero localizado no centro da cidade, entre a estação de trem e a rodoviária, tem abrigado uma zona de baixo meretrício, a chamada zona grande. Atualmente, funcionam na região em torno de vinte hotéis, onde cerca de 2 mil mulheres atendem a seus clientes. Este artigo discute a relação entre identidade, trabalho sexual e território entre as mulheres dessa zona grande. Busca-se refletir também em que medida a construção de uma identidade profissional, de trabalhadoras do sexo, poderia contribuir para o empoderamento dessas mulheres, favorecendo uma organização que as habilite a reivindicar, entre outras questões, a sua permanência nesse local. Essa é uma região visada por políticas de intervenção urbana que buscam "higienizar" a área, retirando dali os hotéis e as pensões onde trabalham essas mulheres. A ideia, então, é incorporar à discussão de identidade a relação com o território.

En el centro de la ciudad de Belo Horizonte, Brasil, desde comienzos del siglo XX, un cuadrilátero localizado entre la estación de trenes y la terminal de ómnibus alberga un área de prostitución, conocida como la "Zona Grande". Actualmente, funcionan allí cerca de veinte hoteles, en los que alrededor de dos mil mujeres atienden a sus clientes. Este artículo discute la relación entre identidad, trabajo sexual y territorio entre las mujeres de la Zona Grande. Se trata de pensar en qué medida la construcción de una identidad profesional -trabajadoras del sexo- podría contribuir al empoderamiento de estas mujeres, favoreciendo una organización que las habilite a reivindicar, entre otras cuestiones, su permanencia en un espacio que es objeto de políticas de intervención urbana que pretenden "higienizarlo", retirando tales hoteles-alojamientos. La idea de este artículo, entonces, es incorporar la relación con el territorio a una discusión referida a dicha identidad .

In Belo Horizonte, since the beginning of the 20th Century, the four-block area between the bus and train stations has been known as the city's major red-light district, called "Zona Grande". Today almost two-thousand women provide sex services to clients within some twenty hotels located in the area. We discuss the relationship between gender, identity, work, and territory among the women. The establishment of a professional identity as sex worker can contribute to their empowerment by facilitating a social and political organization that allows them to demand, among other issues, their permanence in this area, traditionally a target of hygienist urban policies that sought "to clean" the area by removing the hotels. We also contribute to a discussion of gender and identity in relation to territory.
Descritores: Trabalho Sexual
Zonas Metropolitanas
Cidades
Estigma Social
Profissionais do Sexo
-Identificação Social
Brasil
Local de Trabalho
Narrativa Pessoal
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  10 / 438 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-772046
Autor: Boy, Martín.
Título: Travestis y vecinos de la 'zona roja' de Palermo: distancias y cercanías en conflicto. Ciudad de Buenos Aires, 1998-2012 / Travestis e vizinhos da 'zona vermelha' de Palermo: distâncias e proximidades em conflito. Cidade de Buenos Aires, 1998-2012 / Travestis and neighbors of the Palermo "red light district": distance and proximity in conflict. Buenos Aires City, 1998-2012
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(21):175-196, sept.-dic. 2015. graf.
Idioma: es.
Resumo: Resumen En este artículo se analizará la 'zona roja' del barrio porteño de Palermo, como un conflicto urbano que devino un problema político. Vecinos, travestis, funcionarios públicos, autoridades religiosas y empresarios se manifestaron acerca de la oferta de sexo de travestis en las calles del barrio. Las diferentes argumentaciones pusieron en debate cuál era el proyecto de ciudad que debía promoverse desde las políticas públicas y quién merecía vivir en la ciudad y quién no. En este trabajo se analiza lo que sucede cuando la desigualdad social se encuentra en el espacio público. Los repertorios morales de los diferentes actores involucrados pusieron en tensión cuán tolerable podía ser la presencia de prácticas e identidades ilegítimas y cómo, desde la gestión pública, la administración de las distancias y las cercanías espaciales entre los diferentes se convirtió en un elemento vital para solucionar un conflicto urbano y moral.

Resumo Neste artigo se analisará a 'zona vermelha' do bairro de Palermo como um conflito urbano que se transformou em um problema político. Vizinhos, travestis, funcionários públicos, autoridades religiosas e empresários se manifestaram a respeito da oferta de sexo de travestis nas ruas do bairro. As diferentes argumentações puseram em debate qual era o projeto de cidade que se devia promover a partir das políticas públicas e quem merecia viver na cidade e quem não. Neste trabalho se analisa o que acontece quando a desigualdade social se encontra no espaço público. Os repertórios morais dos diferentes atores envolvidos puseram em tensão quão tolerável podia ser a presença de práticas e identidades ilegítimas e como, a partir da gestão pública, a administração das distâncias e das proximidades espaciais entre os diferentes se converteu em um elemento vital para solucionar um conflito urbano e moral.

Abstract This paper analyzes the "red light district" of Palermo, understood as an urban conflict that has become a political issue. Neighbors,travestis, government officials, religious leaders and business owners mobilized about travesti's offer of sex services on the streets of the neighborhood. These events generated a political debate about the city project promoted by urban public policy, and the subject deserving to live in the city. This paper analyzes social inequality within the public space. The different and conflicting moral repertories of individuals and policy stakeholders questioned how tolerable could be the presence of illegitimate practices and identities; and how public policies, management and spatial distance and proximity between different surroundings became a vital element to solve an urban and moral conflict.
Descritores: Política
Travestilidade
Planejamento de Cidades
Área Urbana
Fatores Socioeconômicos
Estigma Social
-Argentina
Trabalho Sexual
Características de Residência
Negociação
Sexismo
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C



página 1 de 44 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde