Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.145.802.975.750 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 135 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 14 ir para página                         

  1 / 135 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1040845
Autor: Henriques, Rogério Paes; Vidal, Paulo.
Título: Em defesa de Outra psicanálise: sobre o real em questão nas soluções transexuais / En défense d'Autre psychanalyse: sur le réel en question dans les solutions transsexuelles / En defensa de Otro psicoanálisis: sobre lo real en cuestión en las soluciones transexuales / In defense of Other psychoanalysis: on the real in at issue in transsexual solutions
Fonte: Psicol. USP;30:e180130, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Apresenta-se a lógica da sexuação, de Jacques Lacan, em contraposição à noção de gênero, construída como matriz de inteligibilidade da transexualidade. Desenvolve-se a abordagem lacaniana do sinthome como alternativa para se pensar soluções singulares aos impasses sexuais pelo viés da despatologização. Conclui-se que a transexualidade, em vez de inelutável forçamento psicótico, pode ser uma solução inventiva articulada à clínica do sinthome.

Résumé On présente la logique de la sexuation de Jacques Lacan en opposition à la notion de genre, érigée en matrice de l'intelligibilité de la transsexualité. L'approche lacanienne du sinthome est développée comme une alternative afin de penser à des solutions uniques aux impasses sexuelles, a travers le biais de la dépatologisation. On conclut que la transsexualité, au lieu du forçage psychotique inéluctable, peut être une solution inventive articulée à la clinique du sinthome.

Resumen Se presenta la lógica de la sexuación de Jacques Lacan en contraposición a la noción de género, construida como matriz de inteligibilidad de la transexualidad. Se desarrolla el abordaje lacaniano del sinthome como una alternativa para pensar soluciones singulares a los impasses sexuales, por el sesgo de la despatologización. Se concluye que la transexualidad, en vez de ineluctable forzamiento psicótico, puede ser una solución inventiva articulada a la clínica del sinthome.

Abstract The logic of sexuation, by Jacques Lacan, is presented in opposition to the notion of gender, constructed as the matrix for transsexuality intelligibility. The Lacanian approach of sinthome is developed as an alternative to think on singular solutions for sexual impasses, through the depathologization bias. It is concluded that transsexuality, instead of an inescapable psychotic forcing, may be an inventive solution coordinated to the clinic of the sinthome.
Descritores: Psicanálise
Transexualismo/psicologia
-Teoria Psicanalítica
Identidade de Gênero
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  2 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-979354
Autor: Facchini, Regina; Calazans, Gabriela Junqueira; França, Isadora Lins; Gambôa, Ricardo Fernandes; Puccinelli, Bruno; Redoschi, Bruna; Ribeiro, Manoel; Veras, Maria Amélia de Sousa Mascena.
Título: "A prevenção não sobe a Augusta": homossexualidade, HIV, "risco" e produção de fronteiras na região central da cidade de São Paulo / "Prevention does not target the upper Rua Augusta": homosexuality, HIV, "risk", and production of borders in the central region of the city of São Paulo / "La prevención no sube de la Augusta": homosexualidad, VIH, "riesgo" y producción de fronteras en la región central de la ciudad de Sao Paulo
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(29):340-372, mayo-ago. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo: Este artigo parte de pesquisa que articula etnografia, inquérito comportamental e estudo de prevalência do HIV entre gays, outros HSH, travestis e mulheres transexuais em dois distritos administrativos na região central da cidade de São Paulo. Focaliza a produção articulada da vulnerabilidade para o HIV, de ações de prevenção, das atribuições de "risco" e de espaços da cidade - seus territórios e fronteiras -, considerando que tal produção é perpassada por relações de poder que se constituem mutuamente. Tais fronteiras, que delimitam diferentes lugares, frequências e tipos de estabelecimentos, mas também podem dificultar ou impedir a oferta de ações de prevenção, são vistas como sendo ao mesmo tempo simbólicas e materiais. Interessa-nos pensar: 1) como os distritos estudados se diferenciam entre si e internamente em termos de perfil socioeconômico, identidades, práticas sexuais e protetivas de seus frequentadores; 2) como a identidade sociossexual é atribuída diferentemente aos dois distritos estudados; 3) como a atribuição da ideia de "risco" para a infecção pelo HIV é acionada de diferentes modos em relação aos dois distritos; 4) como a distribuição socioespacial das pessoas, dos estabelecimentos, das identidades e do "risco" produz fronteiras no espaço da cidade, intersectando variadas relações sociais de poder ou marcadores sociais da diferença.

Abstract: This article is part of a research that articulates ethnography, behavioral investigation and HIV prevalence study among gay men, other MSM, travestis and transsexual women in two administrative districts in the central region of the city of São Paulo. It focus on the articulated production of HIV vulnerability, prevention actions, "risk" assignments and city spaces - their territories and borders - considering that such production is permeated by mutually constitutive power relations. Such boundaries, which delimit different places, frequencies and types of establishments, but also hamper prevention actions from being offered, are seen as both symbolic and material. Analysis is centered on: 1) how the studied districts differ among themselves and internally in terms of socioeconomic profile, identities, sexual and protective practices of its people; 2) how the socio-sexual identity is attributed differently in the two studied districts; 3) how the idea of "risk" for HIV infection is attributed in different ways in relation to the two districts; 4) how the socio-spatial distribution of people, establishments, identities and "risk" produces boundaries in the city space, intersecting various social relations of power or social markers of difference.

Resumen: Este artículo parte de un estudio que articula etnografía, investigación comportamental y estudio de prevalencia de VIH entre gays, otros HSH, travestis y mujeres transexuales en dos distritos administrativos en la región central de la Ciudad de São Paulo. Se focaliza la producción articulada de la vulnerabilidad para el VIH, de acciones de prevención, de las atribuciones de "riesgo" y de espacios de la ciudad - sus territorios y fronteras -, considerando que tal producción es atravesada por relaciones de poder que se constituyen mutuamente. Tales fronteras, que delimitan diferentes lugares, frecuencias y tipos de establecimientos, pero también pueden dificultar o impedir la oferta de acciones de prevención, son vistas como siendo al mismo tiempo simbólicas y materiales. Nos interesa pensar: 1) como los distritos estudiados se diferencian entre si e internamente por perfil socioeconómico, identidades, prácticas sexuales y protección de sus frecuentadores; 2) como la identidad sociosexual es atribuida diferentemente a los dos distritos estudiados; 3) como la atribución de la idea de "riesgo" para la infección por VIH es accionada de diferentes modos en relación a los dos distritos; 4) como la distribución socioespacial de las personas, de los establecimientos, de las identidades y del "riesgo" producen fronteras en el espacio de la ciudad, intersectando variadas relaciones sociales de poder o marcadores sociales de la diferencia.
Descritores: Transexualismo
Brasil
Homossexualidade
Risco
HIV
Sexualidade
Vulnerabilidade Social
Pesquisa Qualitativa
Prevenção de Doenças
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  3 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Bruns, Maria Alves de Toledo
Texto completo
Id: biblio-1002740
Autor: Zerbinati, João Paulo; Bruns, Maria Alves de Toledo.
Título: A família de crianças transexuais: o que a literatura científica tem a dizer? / The transsexual children's family: what is the scientific literature has to say about it?
Fonte: Pensando fam;22(2):37-51, jul.-dez. 2018. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A transexualidade é uma temática contemporânea que instiga diálogos multidisciplinares a fim de compreender e promover cuidado em nível educacional e de saúde à população em trânsito de gênero e sexo. Os sujeitos transexuais são caracterizados como uma população de risco ao desenvolvimento de psicopatologias, não por sua condição de identidade de gênero, mas pela influência de fatores interpessoais e sociais como estresse, ambiente hostil e negligência familiar. A família merece atenção por ser considerada uma instituição que pode garantir importantes funções protetoras ao desenvolvimento físico e psicológico das crianças que não se identificam ou pouco se identificam com o gênero lhes atribuído no nascimento. Este artigo pretende apresentar, por meio de uma revisão integrativa da literatura internacional, o perfil das pesquisas acerca das famílias de crianças transexuais. A família, enquanto uma instituição de zelo e cuidado deve proteger e preparar a criança transexual para enfrentar os riscos e pré-conceitos de uma sociedade majoritariamente binária.(AU)

Transsexuality is a contemporary theme that instigates multidisciplinary dialogues in order to understand and promote care at the educational and health level to the population in transit of gender and sex. Transsexual people are characterized as a population at risk for the development of psychopathologies, not because of their gender identity status, but because of the influence of interpersonal and social factors such as stress, hostile environment and family neglect. The family deserves attention because it is considered an institution that can guarantee important protective functions for the physical and psychological development of the children who do not identify or poorly identify with the gender attributed to them at birth. This article aims to present, through an integrative review of the literature, the profile of international research on families with transsexual children. The family, while an institution of care and care, must protect and prepare the transsexual child to face the risks and preconceptions of a mostly binary society.(AU)
Descritores: Transexualismo/psicologia
Família/psicologia
-Relações Familiares/psicologia
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-981281
Autor: Grespan, Carla Lisboa; Goellner, Vilodre Silvana.
Título: Fallon Fox: um corpo queer no octógono / Fallon Fox: A queer body in the octagon / Un cuerpo queer en el octógono
Fonte: Movimento (Porto Alegre);20(4):1265-1282, out.-dez. 2014.
Idioma: en; pt.
Resumo: Based on gender studies and Queer Theory, this paper analyzes Fallon Fox's place as a professional athlete in Mixed Martial Arts, more specifically, Fox' fight against Allanna Jones at the semifinals of the Championship Fighting Alliance. It examines 510 comments posted on three specific cultural media related to fighting sports, seeking to understand their users' discourses about participation of a transgender athlete. By analyzing empirical data, we found that the arguments pointing out the improper nature of the dispute were based on two perspectives: the use of legal and medical discourses to prove Fallon Fox's advantage over the opponent and transphobia, understood as aversion or repulsion

Fundamentado nos estudos de gênero e na teorização queer, este texto analisa a inserção de Fallon Fox como atleta profissional do Mixed Martial Arts, mais especificamente, a luta contra Allanna Jones nas semifinais do Championship Fighting Alliance. Para tanto, analisa 510 comentários postados em três artefatos culturais específicos de lutas, buscando apreender os discursos que seus usuários produziram sobre a participação de uma atleta transgênero. Da análise dos dados empíricos, foi possível identificar que os argumentos utilizados para justificar o caráter impróprio da disputa estavam assentados em duas perspectivas: a utilização de discursos jurídicos e médicos para atestar a vantagem de Fallon Fox sobre sua oponente e a transfobia, entendida como a aversão ou repulsa a pessoas trans

Fundamentado en los estudios de género y en la teorización queer, este texto analiza la inserción de Fallon Fox como atleta profesional del Mixed Martial Arts, más específicamente la lucha contraAllanna Jones en las semifinales Championship Fighting Alliance. Por lo tanto, analiza 510 comentarios publicados en tres artefactos culturales específicos de luchas, buscando aprehender los discursos que sus usuarios produjeron sobre la participación de una atleta transgénero. Del análisis de los datos empíricos, fue posible identificar que los argumentos utilizados para justificar el carácter impropio de la disputa estaban establecidos en dos perspectivas: la utilización de discursos jurídicos y médicos para certificar la ventaja de Fallon Fox sobre su oponente y la transfobia, entendida como la aversión o repulsión a las personas trans
Descritores: Artes Marciais
Atletas
Pessoas Transgênero
-Preconceito
Transexualismo
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR553.1 - Biblioteca Edgar Sperb


  5 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1021535
Autor: Parker, Richard.
Título: Estigmas do HIV/aids: novas identidades e tratamentos em permanentes sistemas de exclusão / HIV/Aids stigmas: new identities and treatments in permanent exclusion systems / Estigmas del VIH/Sida: nuevas identidades y tratamientos en sistemas de exclusión permanente
Fonte: RECIIS (Online);13(3):618-633, jul.-set. 2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Nesta entrevista concedida à Reciis, Richard Parker discute sobre as configurações contemporâneas das identidades, dos movimentos LGBT e do combate ao HIV/aids a partir de um cenário histórico da década de 1980, quando por motivos pessoais e profissionais resolve se mudar para o Brasil e começa a desenvolver pesquisas sobre sexualidade. O pesquisador comenta que a globalização da sexualidade e a velocidade do mundo digital ampliaram as possiblidades e transformações das identidades LGBT, o que, contudo, não propiciou mudanças nos sistemas de exclusão, de desigualdades, de discriminação e de formação de estigmas desses sujeitos. No período de emergência da epidemia, Parker testemunhou e participou da construção de importantes organizações de apoio ao combate do HIV/aids no país e, hoje, propõe pensar em uma desconstrução do estigma desta infecção na interceccionalidade a partir dos estigmas das desigualdades sociais e de raça. Em relação à prevenção e tratamento, argumenta sobre a prevalência de uma abordagem biomédica de "testar e tratar" em detrimento de uma pedagogia da prevenção que reforça princípios de solidariedade e direitos humanos no compartilhamento e incorporação de saberes entre a ciência e a comunidade. Richard Parker é professor visitante sênior do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva (Iesc) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e professor titular emérito da Universidade de Columbia.
Descritores: Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
HIV
Vulnerabilidade Social
Estigma Social
Minorias Sexuais e de Gênero
Ativismo Político
Direitos Humanos
-Preconceito
Transexualismo
Brasil
Sexualidade
Cultura
Profilaxia Pré-Exposição
FRAUD0
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Entrevista
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  6 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1016683
Autor: Bragança, Lucas.
Título: Fragmentos da babadeira história drag brasileira / Fragments of the controversial Brazilian drag history / Fragmentos de la controvertida historia drag brasileña
Fonte: RECIIS (Online);13(3):525-539, jul.-set. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Protagonistas nas lutas LGBTs, as drag queens viveram constantemente um apagamento histórico, fruto do preconceito estrutural que envolve, inclusive, a própria comunidade LGBT. No entanto, contemporaneamente, a cultura drag vive um momento de forte presença midiática suscitada pela popularização do programa estadunidense RuPaul's Drag Race. Tendo isso em vista, o presente artigo visa elaborar um entendimento sobre o percurso histórico que possibilitou a construção da cultura drag, tal qual a compreendemos contemporaneamente. Além disso, busca situar esses sujeitos como importantes na história LGBT mundial, observando sua presença, também, na cultura e mídia brasileiras.

Protagonists in the LGBT struggles, drag queens have constantly lived a historical erasure, as a result of the structural prejudice that involves, even, the own LGBT community. However, at the same time, the drag culture lives a moment of strong media presence raised by the popularization of the American program RuPaul's Drag Race. Taking this into account, this article aims to elaborate an understanding of the historical path that allowed the construction of the drag culture as we understand it contemporaneously. In addition, it seeks to situate these subjects as important in LGBT world history, noting their presence, also, in Brazilian culture and media.

Protagonistas de las luchas LGBT, las drag queens experimentan un borrado histórico, como consecuencia del prejuicio estructural que implica, incluso, la propia comunidad LGBT. Sin embargo, al mismo tiempo, la cultura del arrastre vive un momento de fuerte presencia de los medios levantada por la popularización del programa norteamericano RuPaul's Drag Race. Teniendo esto en cuenta, este artículo tiene como objetivo elaborar una comprensión del recorrido histórico que permitió la construcción de la cultura drag como la entendemos contemporáneamente. Además, busca situar esos temas como importantes en la historia mundial LGBT, observando su presencia, también, en la cultura y los medios brasileños.
Descritores: Comportamento Social
Travestismo
Cultura
Mídia Audiovisual
Minorias Sexuais e de Gênero
Identidade de Gênero
-Política Pública
Transexualismo
Violência
FRAUDTEMEFOS
Estilo de Vida
Meios de Comunicação de Massa
Filmes Cinematográficos
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  7 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-994547
Autor: Manica, Matheus Zamignan.
Título: Refinamentos estéticos na aparência da vulva na cirurgia de adequação genital / Esthetic refinements to the appearance of the vulva in sex reassignment surgery
Fonte: Rev. bras. cir. plást;34(1):65-72, jan.-mar. 2019. ilus, tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Introdução: A cirurgia de adequação genital tem se mostrado uma opção segura e confiável, com redução drástica na disforia e melhora da qualidade de vida das pessoas transgênero. A técnica mais estudada e utilizada é a inversão peniana com suas modificações, com aparência estética e funcionalidade adequadas, porém sem padronização da técnica cirúrgica. Índices de até 38% de satisfação parcial e 15% de insatisfação podem levar até 66% dos casos a realizar procedimentos adicionais. O objetivo é sugerir refinamentos estéticos na aparência da vulva e comparar com algumas das técnicas descritas, buscando aumentar a satisfação estética e funcional pós-operatória. Métodos: Estudo retrospectivo com 7 pacientes submetidas à cirurgia de readequação sexual entre agosto de 2017 e fevereiro de 2018. O clitóris é feito com a glande em formato de tridente, utilizando a coroa para construir os corpos cavernosos do clitóris e aumentar a área de sensação erógena. Faixa de prepúcio é usada para aumentar a cobertura do clitóris e cobrir a face interna dos pequenos lábios, que são definidos com o uso de suturas. Resultados: Sensibilidade adequada e satisfação com o resultado e capacidade de orgasmo em todas as pacientes observadas. Não houve estenose, fístula ou necrose do clitóris com essa técnica. Somente 1 caso precisou de procedimento adicional para melhor definição estética. Conclusão: A técnica apresentada tem alta satisfação das pacientes e sensibilidade erógena, com algumas vantagens em relação a outras técnicas. Porém, estudos prospectivos com número maior de pacientes são necessários para definir a técnica cirúrgica mais efetiva.

Introduction: Sex reassignment surgery is a reliable and safe option, which has drastically reduced dysphoria and improved the quality of life of transgender individuals. The most studied and used technique is penile inversion with modifications, which results in appropriate esthetic appearance and functionality, but the surgical technique has not been standardized. Partial satisfaction rates up to 38% and dissatisfaction rates of 15% may cause up to 66% of cases to undergo additional procedures. The objective is to suggest esthetic refinements to the appearance of the vulva and compare some of the techniques described, seeking to increase the postoperative esthetic and functional satisfaction. Methods: A retrospective study with 7 patients undergoing sex reassignment surgery between August 2017 and February 2018 was conducted. The clitoris is constructed with the glans in the form of a trident, using the corona to build the corpus cavernosa of the clitoris and increase the area of erogenous sensation. A section of the prepuce is used to increase the coverage of the clitoris and cover the inner surface of the labia minora, which are defined with the use of sutures. Results: Adequate sensitivity and satisfaction with the result and capacity of orgasm in all patients were observed. There was no stenosis, fistula, or necrosis of the clitoris with this technique. Only 1 case needed an additional procedure for better esthetic definition. Conclusion: The technique presented leads to high patient satisfaction and erogenous sensitivity, with some advantages compared to other techniques. However, prospective studies with larger numbers of patients are needed to define a more effective surgical technique.
Descritores: Transexualismo/cirurgia
Vulva/cirurgia
Vulva/fisiopatologia
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Estética
Procedimentos de Readequação Sexual/efeitos adversos
Procedimentos de Readequação Sexual/métodos
Cirurgia de Readequação Sexual/efeitos adversos
Cirurgia de Readequação Sexual/métodos
Cirurgia de Readequação Sexual/reabilitação
Pessoas Transgênero
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Ensaio Clínico
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  8 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-984789
Autor: Dellacasa, Maria Alejandra.
Título: Carne única, nueva carne. Cuerpo y democratización de tecnologías biomédicas de transformación corporal para personas trans en el actual escenario argentino / Unique meat, new meat. Body and democratization of biomedical technologies of corporal transformation for trans people in the current Argentine scenario / Carne única, carne nova. Corpo e democratização das tecnologias biomédicas de transformação corporal para pessoas trans no atual cenário argentino
Fonte: Physis (Rio J.);28(4):e280409, 2018.
Idioma: es.
Resumo: Resumen Este artículo pretende reflexionar acerca del proceso que va desde la producción de conocimiento biomédico en torno a identidades sexo-genéricas diversas, a las transformaciones en los modos de representar a las personas trans como sujetos de derecho, frente al Estado argentino. La intervención en la escena política de colectivos organizados imprimió una serie de particularidades al dispositivo médico-legal de la transexualidad en Argentina. Así, sujetos-pa(de)cientes nacidos en "cuerpos equivocados" pasaron a organizarse colectivamente y a emponderarse desde ese cuerpo como vehículo, para exigir y negociar otras posibilidades de ser y estar en el mundo. La reciente sanción de la Ley de Identidad de Género introdujo cambios en torno a la democratización del acceso a tecnologías biomédicas de transformación corporal, así como en las dinámicas de atención hospitalaria y sus implicancias en la producción de subjetividades mediadas biotecnológicamente. Finalmente, se introduce un debate en torno a nuevas formas de biosociabilidad y producción de conocimiento que configuran particulares relaciones entre ciencia, tecnología, usuarios, profesionales de la salud e instituciones públicas.

Abstract This paper looks to reflect on the process ranging from the production of biomedical knowledge around diverse sex-generic identities, to the transformations in the ways of representing trans people, as subjects of law in the Argentine State. The organizations have broken into the political arena, imprinting some characteristics to the medical and legal transsexuality device in Argentine. Thus, subjects-patients/sufferers that have born in "wrong bodies" became collectively organized and empowered from this body as a vehicle to demand and negotiate other possibilities of being in the world. The recent approval of the Gender Indentity Law introduced changes in the democratization of access to biomedical technologies of body transformation, in the hospital care dynamics and its implications on the production of subjectivities biotechnologically mediated. Finally, we introduce the discussion about new ways of biosociabilty and knowledge production, which configure particular relationships between science, technology, users, health professionals and public institutions.

Resumo Este artigo tem como objetivo refletir sobre o processo que vai desde a produção de conhecimento biomédico sobre diversas identidades sexuais genéricas, até mudanças nos modos de representar as pessoas transexuais como sujeitos de direito frente ao governo argentino. A intervenção dos coletivos organizados no cenário político imprimiu uma série de particularidades ao dispositivo médico-legal da transexualidade na Argentina. Assim, sujeitos-pacientes / que padecem, nascidos em "corpos errados", passaram a se organizar coletivamente e empoderar-se a partir daquele corpo como um veículo para exigir e negociar outras possibilidades de ser e estar no mundo. A recente promulgação da Lei de Identidade de Gênero introduziu mudanças na democratização do acesso a tecnologias biomédicas de transformação corporal e dinâmicas de cuidados hospitalares e suas implicações na produção de subjetividades mediadas biotecnologicamente. Por fim, apresenta-se um debate em torno de novas formas de biossociabilidade e produção de conhecimento que formam relações particulares entre ciência, tecnologia, usuários, profissionais de saúde e instituições públicas.
Descritores: Argentina/etnologia
Desejabilidade Social
Transexualismo
Tecnologia Biomédica
Sociobiologia
Procedimentos de Readequação Sexual/tendências
Medicalização/tendências
Pessoas Transgênero/psicologia
Serviços de Saúde para Pessoas Transgênero
Identidade de Gênero
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  9 / 135 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-975382
Autor: Moreira, Maria Ignez Costa; Brito, Carolina Dantas; Oliveira, Carolina Mesquita; Alves, Cláudio Eduardo Resende.
Título: Mulheres, travestis e transexuais: interseções de gênero em documentos de políticas públicas / Women, transvestites and transsexuals: gender intersections in public policies documents
Fonte: Fractal rev. psicol;30(2):234-242, maio-ago. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo apresenta uma análise das concepções de gênero presentes no documento "Política nacional de enfrentamento à violência contra as mulheres (2011)", que propõe diretrizes para o enfrentamento da violência de gênero, e na "Resolução do Conselho Municipal de Educação de Belo Horizonte n. 002 (2008)", que propõe a inclusão de travestis e transexuais na escola a partir da prerrogativa do uso do nome social. A análise documental foi realizada a partir de seis categorias: contexto de produção do documento; filiação institucional dos autores; autenticidade e confiabilidade do documento; natureza do texto; conceitos chave; e lógica interna do texto. Os documentos refletem, não sem contradições, os processos recentes da história brasileira que buscam construir e afirmar uma sociedade democrática e respeitosa dos direitos de seus cidadãos. Apesar de muitos avanços políticos e conceituais, o binarismo de gênero ainda atravessa essas políticas públicas.

This paper analyzes gender conceptions present in the document "National Policy to Confront Violence against Women (2011)", which proposes action guidelines to the confrontation against gender violence and the "Resolution of the Municipal Board of Education of Belo Horizonte n. 002 (2008)", which proposes the insertion of transvestites and transsexuals in schools by means of the use of each person's social name. The documentation analysis was fulfilled based on six categories; context of document production, institutional author membership; authenticity and document confiability; text nature; key concepts and textual internal logical. The documents reflect, however not without contradiction, the recent Brazilian history processes which search to achieve and claim a democratic and respectful society to the citizens rights. Although much advances in politics and gender had been made, a lot of binarisms concepts still crosses these public politics.
Descritores: Transexualismo
Travestismo
Violência contra a Mulher
Violência de Gênero
Identidade de Gênero
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR13.2 - Biblioteca Central de Gragoatá


  10 / 135 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-525973
Autor: Arán, Márcia.
Título: Apresentação / Presentation
Fonte: Physis (Rio J.);19(1):11-13, 2009.
Idioma: pt.
Descritores: Transexualismo
Sistema Único de Saúde/tendências
Brasil
Políticas Públicas de Saúde
Procedimentos de Readequação Sexual/tendências
Identidade de Gênero
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C



página 1 de 14 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde