Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.145.813 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 950 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 95 ir para página                         

  1 / 950 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1006222
Autor: Baltar, Juliana Gomes da Cunha; Garcia, Agnaldo.
Título: Pessoas em situação de rua e seus cães: fragmentos de união em histórias de fragmentação / Homeless people and their dogs: relationship fragments in fragmented lives
Fonte: Gerais (Univ. Fed. Juiz Fora);12(2):191-209, jul.2019.
Idioma: pt.
Resumo: Buscou-se, neste trabalho, investigar e compreender particularidades dos relacionamentos humano-canino em pessoas em situação de rua. Doze pessoas em situação de rua da região da Grande Vitória participaram de entrevistas individuais com roteiro semiestruturado. O material coletado foi analisado qualitativamente e dividido em três temas centrais. Dos resultados obtidos, destacam-se a visão da segurança pública sobre a população de rua, complicações para o acolhimento institucional e aspectos peculiares do laço afetivo homem-cão para a população estudada. Propõese atenção especial às políticas públicas que regulamentam acompanhamento de animais em instituições de abrigo ou serviços semelhantes. Ainda que o arcabouço conceitual para lidar com comportamentos sociais de animais seja distinto do utilizado para a compreensão de relações humanas, a lacuna pode ser parcialmente resolvida mediante aproximação dos conhecimentos do comportamento animal e de estudos de Psicologia Social. Assim, um dos referenciais são os estudos de Hinde, autor de destaque na área do Relacionamento Interpessoal

In this paper, we aim to investigate and understand the particularities of human-canine relationships in homeless people. Twelve homeless people from the metropolitan area of Vitória took part in individual semi-structured interviews. The collected data was analyzed qualitatively and divided into three central themes. From the results obtained, we highlight the public safety´s perception on homeless population, the complications for the permanency in institutions and the peculiar aspects of the human-canine affective bond for the studied population. Special attention is given to the public policies that regulate the monitoring of animals in shelter institutions or similar services. Although the conceptual framework for dealing with animal social behavior is distinct from that used for understanding human relationships, the gap can be partially solved through the approximation of the knowledge about animal behavior and Social Psychology studies. Thus, one of the basic references is the study of Hinde, author of prominence in Interpersonal Relationship
Descritores: Pessoas em Situação de Rua
Relações Interpessoais
-Psicologia Social
Comportamento Social
Animais
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  2 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Merighi, Miriam Aparecida Barbosa
Texto completo
Id: biblio-1004095
Autor: Silva, Marcelo Henrique da; Jesus, Maria Cristina Pinto de; Tavares, Renata Evangelista; Caldeira, Eliana Amaro de Carvalho; Oliveira, Deíse Moura de; Merighi, Miriam Aparecida Barbosa.
Título: Experiência de pessoas adultas e idosas frente à adesão aos cuidados com a úlcera varicosa / Experiencia de adultos y ancianos a la adhesión para el cuidado de las úlceras varicosas / Experience of adults and older people with adherence to venous ulcer care
Fonte: Rev. gaúch. enferm;40:e20180024, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo OBJETIVO Compreender a experiência de pessoas adultas e idosas frente à adesão aos cuidados com a úlcera varicosa. MÉTODO Pesquisa qualitativa fundamentada em pressupostos da Fenomenologia Social de Alfred Schütz, com 12 pessoas adultas e idosas, em tratamento de úlcera varicosa em Serviço Especializado, em Minas Gerais. Os depoimentos foram obtidos de outubro a novembro de 2015 e analisados, categorizados e discutidos a partir do referencial teórico-filosófico adotado e literatura temática. RESULTADOS Dos depoimentos emergiram as categorias temáticas: "Crenças, atividades pessoais e sociais dificultando a adesão ao cuidado"; "Ser protagonista na relação de cuidado com a úlcera varicosa" e "Motivação para aderir ao cuidado". CONCLUSÕES A relação intersubjetiva estabelecida entre as pessoas com úlcera varicosa e os profissionais de saúde emergiu como força potencializadora da adesão ao cuidado. Valorizar a relação de reciprocidade de perspectivas entre estes atores sociais pode promover maior adesão ao cuidado com a úlcera varicosa.

Resumen OBJETIVO Comprender la experiencia de adultos y ancianos en el cuidado de la úlcera varicosa. MÉTODO Investigación cualitativa fundamentada en supuestos de la Fenomenología Social de Alfred Schütz, con 12 personas adultas / ancianas, en tratamiento de la úlcera varicosa en Servicio Especializado, en Minas Gerais. Los testimonios fueron obtenidos de octubre a noviembre de 2015, siendo analizados, categorizados y discutidos a partir del referencial teórico-filosófico y literatura temática. RESULTADOS De los testimonios surgieron las categorías: "Creencias, actividades personales y sociales dificultando la adhesión al cuidado"; "Ser protagonista en la relación de cuidado con la úlcera varicosa" y "Motivación para adherirse al cuidado". CONCLUSIONES La relación intersubjetiva establecida entre las personas con úlcera varicosa y los profesionales de salud emergió como fuerza potencializadora de la adhesión al cuidado. Valorar la relación de reciprocidad de perspectivas entre estos actores sociales puede promover mayor adhesión al cuidado con la úlcera varicosa.

Abstract OBJECTIVE To understand the experience of adults and older people with adherence to venous ulcer care. METHOD A qualitative study based on the concepts of Alfred Schütz's social phenomenology was carried out with 12 adults and older people undergoing venous ulcer treatment in a specialized service in the state of Minas Gerais. The interviews were carried out from October to November 2015, analyzed, categorized, and discussed based on the theoretical-philosophical framework adopted and on thematic literature. RESULTS The following thematic categories emerged from the interviews: "beliefs and personal and social activities hindering adherence to care"; "being protagonists in the care relationship with venous ulcers", and "motivation for adherence to care". CONCLUSIONS The intersubjective relationship established between patients with venous ulcers and healthcare professionals emerged as a driving force for adherence to care. Promoting the reciprocity relationship of perspectives between these social actors may promote greater adherence to venous ulcer care.
Descritores: Úlcera Varicosa/terapia
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Motivação
-Participação do Paciente
Qualidade de Vida
Comportamento Social
Úlcera Varicosa/psicologia
Brasil
Cooperação do Paciente/psicologia
Satisfação do Paciente
Pesquisa Qualitativa
Meia-Idade
Relações Enfermeiro-Paciente
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1052110
Autor: Moraes Filho, Iel Marciano de; Alves, Cassio Murilo Rodrigues; Gonçalves, Maria Tereza Aparecida Moi; Carvalho Filha, Francidalma Soares Sousa; Viana, Lívia Maria Mello; Alves, Patricia.
Título: O papel da enfermagem no rompimento dos preconceitos LGBT nos serviços de saúde / The role of nursing in the breaking of LGBT preconceptions in health services
Fonte: REVISA (Online);8(3):242-245, 2019.
Idioma: en; pt.
Resumo: Os movimentos sociais se caracterizam como ações coletivas de caráter sociopolítico, construídas por atores sociais pertencentes a diferentes classes e camadas sociais. Eles politizam suas demandas e criam um campo político de força social na sociedade civil. Suas ações estruturam-se a partir de repertórios criados sobre tema e problemas em situações de: conflitos, litígios e disputas.

Social movements are characterized as collective actions of a socio-political character, built by social actors from different social classes and strata. They politicize their demands and create a political field of social force in civil society. Its actions are structured from repertoires created on the theme and problems in situations of: conflicts, disputes and disputes
Descritores: Comportamento Social
Homossexualidade
Minorias Sexuais e de Gênero
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR2040.1 - Biblioteca Central


  4 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1050744
Autor: Galeano, Giovana Barbieri; Guareschi, Neuza Maria de Fátima; Scisleski, Andrea Cristina Coelho.
Título: Políticas de Pesquisa e Resistências em Tempos de Acirramento dos Processos de Violência / Research Policies and Resistance Policies in Times of Incitement of Violence Processes / Políticas de Investigación y Resistencia en Tiempos de Intensificación de los Procesos de Violencia
Fonte: Psicol. ciênc. prof;39(2,n.esp):19-32, ago.-nov. 2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Neste artigo, tomamos os estudos de Hannah Arendt, Walter Benjamin e Giorgio Agamben para problematizar a Psicologia e as demandas que lhe são dirigidas em termos de empreender a produção de estratégias contra práticas violentas que tem crescido no contexto brasileiro contemporâneo. Para a presente discussão, designamos três analisadores principais: o primeiro é uma cena vivenciada em um parque da cidade de Porto Alegre - RS, cuja função como cenário é discutir como a Psicologia aborda questões relacionadas ao cotidiano no que tange a produção de conhecimento; o segundo considera os movimentos realizados por diversos grupos em todo o Brasil sob a hashtag "#elenão"; finalmente, o terceiro focaliza o período após o primeiro turno das eleições presidenciais de 2018, quando o espaço público foi usado para dialogar sobre as propostas presidenciais dos candidatos para o segundo turno. A aposta ético-epistemológica e política de nossa pesquisa está ligada às lutas que constituem um espaço de resistência em relação às práticas violentas incitadas cotidianamente. Argumentamos que as lutas não dizem respeito apenas à afirmação da possibilidade de existência/vida, mas, principalmente, sobre a impossibilidade de não lutar...(AU)

In this article, we take Hannah Arendt, Walter Benjamin and Giorgio Agamben's studies to problematize psychology and the direct demands to produce strategies against violent practices that have been escalating in the contemporary Brazilian context. We designate three main analyzers to the present discussion: the first is a scene experienced in a park in the city of Porto Alegre - Rio Grande do Sul, which serves as an example to discuss how psychology approaches these daily-life issues of vulnerability related to knowledge production; the second regards to movements performed by several groups throughout Brazil, during the election period, under the hashtag "#elenão"; finally, the third analyzer focuses on the campaign period for the second term of the 2018's presidential election when the public space was used to discuss candidates' presidential proposals. The ethical-epistemological and political bet of our research is linked to daily struggles that constitute a space of resistance to violent practices incited on a daily basis. We argue that struggles are not only related to the affirmation of the possibility to exist in society, but also to the impossibility of not struggling...(AU)

En este artículo, tomamos los estudios de Hannah Arendt, Walter Benjamin y Giorgio Agamben para problematizar la psicología y las demandas que se le dirigen en términos de emprender la producción de estrategias contra prácticas violentas que han crecido en el contexto brasileño contemporáneo. Para la presente discusión, designamos tres analizadores principales: el primero es una escena vivida en un parque de la ciudad de Porto Alegre ­ Rio Grande do Sul, cuya función como escenario es discutir cómo la psicología aborda temas relacionados con la vida cotidiana en términos de producción de conocimiento; el segundo analizador considera los movimientos realizados por diversos grupos en todo Brasil bajo el hashtag "#elenão"; Por último, el tercer analizador se centra en el período posterior a la primera votación de las elecciones presidenciales de 2018, cuando se utilizó el espacio público para dialogar sobre las propuestas presidenciales de los candidatos para la segunda votación. La apuesta ético-epistemológica y política de nuestra investigación está vinculada a las luchas que constituyen un espacio de resistencia en relación a las prácticas violentas incitadas cotidianamente. Argumentamos que las luchas no se refieren sólo a la afirmación de la posibilidad de existencia/vida, sino principalmente a la imposibilidad de no luchar...(AU)
Descritores: Psicologia
Psicologia Social
Comportamento Social
Violência
Poder (Psicologia)
Estado
Populações Vulneráveis
Marginalização Social
Relações Interpessoais
-Política
Relações Raciais
Violência Étnica
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: 57788
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  5 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1049054
Autor: Wachelke, João; Matos, Fabíola Rodrigues.
Título: Hierárquicos, igualitários e contraditórios: posição social de adolescentes e orientação para a dominância social / Hierarchical, equal and contradictive: social position of adolescents and guidance for social dominance / Hierárquicos, igualitarios y contraditorios: posición social de los adolescentes y orientación para la dominancia social
Fonte: Psico (Porto Alegre);50(4):33939, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: O estudo avalia correlações entre concepções hierárquicas das relações entre grupos e as posições sociais de estudantes. O conceito de orientação à dominância social (SDO) aborda a aceitação de dominação e hierarquia entre grupos. A pesquisa teve 663 estudantes de Uberlândia-MG, com média de 16 anos de idade, que responderam um questionário com uma adaptação da Escala de Orientação à Dominância Social e questões referentes à escolaridade materna, sexo e renda familiar. Os resultados de análise de clusters apontam três padrões: adolescentes que defendem relações igualitárias entre os grupos; o padrão oposto, que aprova uma sociedade em que há dominantes e dominados; e um posicionamento contraditório, que aprova aspectos igualitários, mas nega que os grupos sejam equivalentes. A discussão centra-se nos fatores sexo e escolaridade e a sua associação com a SDO, e na interpretação do perfil contraditório que defende igualdade, mas restringe o seu escopo.

The study assesses correlations among hierarchical conceptions of group relationships and students' social position. The concept of social dominance orientation (SDO) deals with the acceptance of domination and hierarchy between groups. The research had 663 students from Uberlandia-MG, with a mean of 16 years of age who completed a questionnaire with an adaptation of the Social Dominance Orientation Scale and questions relative to mothers' schooling, sex and family income. Results from cluster analysis suggest three patterns: adolescents who support egalitarian relationships between groups; the opposite pattern, which approves of a society with dominant and dominated groups; and a contradictory position, which favors egalitarian aspects but denies that groups are equal. Discussion is centered on the sex and schooling factors and their association with SDO, and on the interpretation of the contradictory profile that defends restricted equality.

El estudio evalúa correlaciones entre concepciones jerárquicas de las relaciones entre grupos y las posiciones sociales de estudiantes. El concepto de orientación a la dominancia social (SDO) aborda la aceptación de dominación y jerarquía entre grupos. La encuesta tuvo 663 estudiantes de Uberlandia-MG, con media de 16 años de edad que respondieron un cuestionario con una adaptación de la Escala de SDO y cuestiones referentes a la escolaridad materna, el sexo y la renta familiar. Un análisis de cluster apunta tres patrones: adolescentes que defienden relaciones igualitarias entre los grupos; el patrón opuesto, que aprueba una sociedad con dominantes y dominados; y un posicionamiento contradictorio, que aprueba aspectos igualitarios pero niega que los grupos sean equivalentes. La discusión se centra en los factores sexo y escolaridad y su asociación con la SDO, y en la interpretación del perfil contradictorio que defiende igualdad restringida.
Descritores: Psicologia do Adolescente
Grupo Social
-Comportamento Social
Classe Social
Responsável: BR1323.1 - Biblioteca Central Irmão José Otão


  6 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-564409
Autor: Vasconcelos, Eymard Mourão; Algebaile, Eveline Bertino; Valla, Victor Vicent.
Título: Victor Vincent Valla: pioneiro da pesquisa e formação acadêmica no campo da educação popular em saúde / Victor Vincent Valla: pioneer of research and academic formation in the of popular health education
Fonte: Rev. APS;11(3), jul.-set. 2008.
Idioma: pt.
Resumo: Victor Vincent Valla foi o primeiro pesquisador de renomeacadêmico a se dedicar ao estudo das peculiaridadese desafios próprios da aplicação da educação popularno campo específico da saúde comunitária. Participouativamente da formação acadêmica de muitas das atuaislideranças e pesquisadores da educação popular em saúde.Seu modo de ser marcou fortemente as características domovimento da educação popular em saúde. Este estudobusca, a partir da análise de alguns pesquisadores que conviveramde perto com seu trabalho acadêmico, entender asua contribuição teórica para a educação popular.

Victor Vincent Valla was the first researcher of academicrenown to dedicate himself to the study of the peculiaritiesand inherent challenges of the application of populareducation in the specific of community health. Heactively participated in the academic training of many ofthe current leadership and researchers of Popular Educationin Health. His presence strongly influenced thecharacteristics of the movement of health education forthe disadvantaged. This study tries, through an analysisby some researchers who closely accompanied his academicwork, to understand his theoretical contributionto Popular Education.
Descritores: Saúde Pública
Educação em Saúde
-Comportamento Social
Pessoal de Saúde
Medicina Comunitária/educação
Educação da População
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  7 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-564408
Autor: Pedrosa, José Ivo dos Santos.
Título: Educação popular em saúde e gestão participativa no sistema uníco de saúde / Popular education for health and participative managements in the unified health system (SUS)
Fonte: Rev. APS;11(3), jul.-set. 2008.
Idioma: pt.
Resumo: O artigo apresenta reflexões sobre a contribuição da educaçãopopular e saúde para a gestão participativa no SUS,tendo como base os discursos e as proposições apresentadasnos Anais do III Encontro Nacional de EducaçãoPopular e Saúde, no Relatório do II Encontro Nacionalda Articulação Nacional de Movimentos e Práticas deEducação Popular e Saúde e as competências e diretrizesda Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa do Ministérioda Saúde. Comparando proposições e diretrizes, oartigo assinala similitudes entre alguns pontos emergentesdos coletivos da sociedade civil e as ações desenvolvidaspelo Ministério, ressaltando os desafios da educação populare saúde em apresentar características de projeto políticode ampliação dos espaços de interlocução entre a gestãodo SUS e os movimentos sociais, dispositivo com capacidadede mobilizar a população pelo direito à saúde e pelaeqüidade, e estratégia pedagógica constituinte de sujeitoscríticos e propositivos com potencialidade para formulaçãoe deliberação de projetos políticos, no sentido de fortalecera gestão participativa.

This article presents considerations of the contribution ofpopular education and health for participatory managementwithin SUS, based on speeches and proposals presented inthe Annals of the III National Meeting of Popular Educationand Health, in the Report of the II National Meetingof National Articulation of Movements and Popular Educationand Health Practices and the skills and directives ofthe Secretary of Strategic and Participatory Management ofthe Ministry of Health. Comparing proposals and guidelines,it marks similarities between some emerging pointsfrom collective groups within civil society and the actionsundertaken by the Ministry, underscoring the challenges ofpopular education and health in presenting characteristicsof political projects of enlargement of the spaced for dialoguebetween the management of SUS and social movementsto increase the capacity of mobilizing the populationregarding the right to health and fairness and a pedagogicstrategy composed of critical topics and proposals with thepotential to formulate and discuss political projects aimedat strengthening participatory management.
Descritores: Educação em Saúde
-Comportamento Social
Participação da Comunidade
Gestão em Saúde
Participação Social
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  8 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1049567
Autor: Tay, María de los Ángeles; Medrano, Leonardo Adrián.
Título: El taller compartiendo del CIIJ como dispositivo promotor de conductas prosociales en los niños / The CIIJ sharing workshop as a device for promoting prosocial behaviors in children.
Fonte: Córdoba; s.n; 2016. 118 p.
Idioma: es.
Descritores: Comportamento Social
Psicologia da Criança
Habilidades Sociais
Limites: Seres Humanos
Criança
Responsável: AR304.2 - Biblioteca
AR304.2; aTF PSC 110


  9 / 950 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-969189
Autor: Perú. Ministerio de Salud; .Dirección General de Promoción de la Salud; .Dirección Ejecutiva de Educación para la Salud; .Instituto Especializado de Salud Mental Honorio Delgado Hideyo Noguchi.
Título: Manual de habilidades sociales en adolescentes escolares / Social skills manual for school teenagers.
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud; 20050000. 107 p p. ilus..
Idioma: es.
Resumo: El documento contiene 5 módulos: comunicación, autoestima, control de la ira, valores, toma de decisiones, documento que se constituye como un instrumento de abordaje transdisciplinario en el área psicoeducativa que activará en los profesionales involucrados y con el compromiso de generar una corriente de participación, tanto de las familias como de los componentes educativos.
Descritores: Comportamento Social
Educação Baseada em Competências
-Valores Sociais
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central


  10 / 950 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1048484
Autor: Santos, Leonardo Carmo; Silva, Carlos Alberto Figueiredo da.
Título: O se-movimentar de alunos na aula de educação física em uma favela conflagrada pelo tráfico / The sich-bewegen of students in physical education classes in a drug traffic-ridden slum / El moverse de alumnos en la clase de educación física en una favela conflagrada por el tráfico de drogas
Fonte: Movimento (Porto Alegre);25(1):e25045, jan.- dez. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo é interpretar o se-movimentar dos alunos de uma escola pública do Rio de Janeiro, localizada em uma área conflagrada pelo tráfico, de forma a compreender as influências da violência daquela área da cidade no cotidiano das aulas de Educação Física. Foram conduzidas uma observação participante e entrevistas semiestruturadas com professoras de Educação Física. Evidências encontradas durante as observações e ratificadas pelas entrevistas apontam que os alunos usam códigos corporais como um processo de reestabelecimento dos sistemas de autoconfiança social. A repetição dos fenômenos de identificação com o agressor, que se manifestavam no grupo masculino, era ressignificada mantendo-se elementos da cultura de violência, mas introduzindo características das atividades de que participavam

This study interprets the way of moving of students of a public school located in a drug-traffic-ridden area of Rio de Janeiro to understand the influence of violence in that area of the city in the daily life of Physical Education classes. Participant observation and semi-structured interviews were conducted with Physical Education teachers. Findings indicate that students use bodily codes as a process for reestablishing selfconfidence systems. Repeated identification with their aggressors, which manifested itself in the masculine group, was re-signified while elements of the culture of violence were maintained but introducing characteristics of the activities in which they participated

El objetivo de este estudio es interpretar el Sich-Bewegen de los estudiantes de una escuela pública en Rio de Janeiro, ubicada en un área conflagrada por el tráfico de drogas, para comprender las influencias de la violencia de esa región de la ciudad en el cotidiano de las clases de Educación Física. Se realizaron observación participante y entrevistas semiestructuradas con profesores de Educación Física. Evidencias encontradas durante las observaciones y ratificadas por las entrevistas indican que los estudiantes usan códigos corporales como un proceso de restablecimiento de los sistemas de autoconfianza social. La repetición de los fenómenos de identificación con el agresor, que se manifestaron en el grupo masculino, eran resignificados manteniendo elementos de la cultura de la violencia, pero introduciendo características de las actividades en las que participaban
Descritores: Educação Física e Treinamento
Violência
Áreas de Pobreza
Ensino Fundamental e Médio
-Comportamento Social
Cultura
Limites: Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Responsável: BR553.1 - Biblioteca Edgar Sperb



página 1 de 95 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde