Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.145.813.199 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 122 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 13 ir para página                         

  1 / 122 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-597835
Autor: Bianciotti, María Celeste.
Título: Sobre performances y efectos performativos: género, juventud y seducción femenina / Sobre performances e efeitos performativos: gênero, juventude e sedução feminina / On performance and performativity: gender, youth and female seduction
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(8):63-89, ago. 2011.
Idioma: es.
Resumo: El artículo analiza prácticas de seducción de mujeres jóvenes heterosexuales de entre 19 y 30 años, de sectores medios y medios-altos de la ciudad de Córdoba, Argentina, que al momento de ser entrevistadas (en 2009 y 2010) eran estudiantes universitarias o profesionales recién graduadas. Se abordan sus prácticas de seducción como "performances sociales" y "conducta convencionalizada". La seducción es tratada a la luz de su dimensión performática y performativa, centrando el análisis en los estilos estético-corporales y en los efectos ilocutorios del acto de decir/hacer de la seducción. Se delinean, por último, los devenires subjetivos que se estarían configurando en el marco de dichas experiencias particulares.

O artigo analisa práticas de sedução desenvolvidas por mulheres jovens heterossexuais entre 19 e 30 anos, de setores médios e médios-altos da cidade de Córdoba, Argentina, que no momento de serem entrevistadas (em 2009 e 2010) eram estudantes universitárias ou profissionais recém-graduadas. Abordam-se aqui suas práticas de sedução como "performances sociais" e "conduta convencionalizada". As performances de sedução são tratadas à luz de sua dimensão performática e performativa, centrando-se a análise nos estilos estético-corporais que apresentam e nos efeitos ilocucionários do ato de dizer/fazer da sedução. Delineiamse, por último, os vir a ser subjetivos que poderiam estar configurando-se no marco de tais experiências particulares.

This article analyzes seduction practices by young heterosexual middle and upper-middle class women from the city of Córdoba, Argentina. Interviewees were 19 to 30 years old university students or recent graduates at the time of the interviews in 2009 and 2010. Seduction practices are studied as 'social performances' and 'conventionalized behavior'. Seduction is analyzed in the light of its performatic and performative dimension, by analyzing the aesthetics of bodily manners, and the illocutionary effects of saying/doing in the context of seduction. In conclusion, subjective trajectories framed by these particular experiences are outlined.
Descritores: Sexualidade
Feminilidade
Performatividade de Gênero
-Argentina
Aparência Física
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  2 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1279341
Autor: Oliveira, Marianna Ramos e.
Título: "Coisa de menina": implicações e atribuições do feminino no atendimento de uma adolescente / "Girly things": implications and attributions of feminine aspects on an adolescent's psychological care / "Cosa de niña": implicaciones y atribuciones del femenino en el cuidado de una adolescente / « Chose de fille ¼: implications et attributions du féminin pendant une séance avec une adolescente
Fonte: J. psicanal;54(100):115-128, jan.-jun. 2021.
Idioma: pt.
Resumo: O presente artigo tem como objetivo discutir aspectos e atribuições do feminino na constituição da mente e expressão da sexualidade de uma adolescente de 13 anos de idade. Para tal, são utilizados excertos de sessões realizadas ao longo de um ano e meio de trabalho psicanalítico. O discurso apresentado pelos pais significa a feminilidade com uma compreensão apoiada na fantasia da falta originária, na qual as características da menina se afirmam pelo que ela não tem e não pode ser, limitando possibilidades mais genuínas de reconhecimento. Quanto à paciente, a recusa da feminilidade é discutida, não como uma expressão ontológica, mas defensiva, de modo a encontrar meios de existência própria em oposição às expectativas dos pais. O artigo discute aspectos de "vir a ser", próprios da adolescência, precedentes à definição da sexualidade propriamente dita, compreendendo o feminino como construção individual que virá a qualificar possibilidades de expressão do eu em continência e criatividade.

The present article's main objective was to discuss implications and attributions of feminine aspects in the constitution of the mind and the expression of sexuality of a thirteen-year-old girl. For such, fragments of sessions held over one and a half years of psychoanalytical care were used. Parent's discourse comprehends femininity based on the concept of original absence, in which girl's characteristics are affirmed by what she lacks and cannot be, limiting more genuine possibilities of recognition. As for the patient, the refusal of femininity is discussed not as an ontological expression, but as a defensive one, in a way to find means of self existence in opposition to the parent's expectations. The article approaches aspects of "coming to be", particular to adolescence, that precedes the final definition of sexuality, interpreting the feminine as an individual construction that will come to qualify possibilities of expression of the self in continence and creativity.

Este artículo tiene como objetivo discutir aspectos y atribuciones del femenino en la constitución de la mente y expresión de la sexualidad de una adolescente de trece años. Para eso, son utilizados fragmentos de sesiones realizadas durante un año y medio de trabajo psicoanalítico. El discurso presentado por los padres significa la feminidad por una comprensión basada en la fantasía de la carencia original, en la que las características de la niña son afirmadas por lo que no tiene y no puede ser, limitando posibilidades de reconocimiento más genuinas. En cuanto a la paciente, se discute el rechazo de la feminidad no como una expresión ontológica, sino como una expresión defensiva, para encontrar formas de existencia propia en oposición a las expectativas de los padres. El artículo discute aspectos del "venir a ser" propios de la adolescencia, precedidos a la definición de sexualidad, entendiendo lo femenino como una construcción individual que calificará las posibilidades de expresión del yo en la continencia y la creatividad.

Cet article, il a comme but de discuter les aspects et les attributions du féminin dans la constitution mentale et l'expression de la sexualité d'une jeune fille de treize ans. Pour cela, ce sont utilisés des extraits de séances de travaux psychanalytiques réalisées pendant un an et demi. Le discours présenté par les parents signifie la féminilité avec une compréhension appuyée sur la fantaisie du manque originaire, dans laquelle les caractéristiques de la fille se soutiennent par ce qu'elle n'en a pas et ne peut pas être, limitant ainsi les possibilités les plus originales de reconnaissance. Quant à le patient, le refus de la féminilité est discuté pas comme une expression ontologique mais défensive, donc de trouver des moyens d'existence propre en opposition aux expectatives des parents. L'article questionne des aspects de « devenir ¼ propres de l'adolescence qui précède à la définition de la sexualité, proprement dite, comprenant le féminin comme construction individuelle qui pourra qualifier des possibilités d'expression du moi en continence et en créativité.
Descritores: Psicanálise
Adolescente
Feminilidade
-Sexualidade
Identidade de Gênero
Responsável: BR641.1 - Biblioteca Virginia Leone Bicudo


  3 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1142995
Autor: Prietto, Nadia Ledesma; Scharagrodsky, Pablo Ariel.
Título: Cultura física, cuerpos y sexualidades en la revista cultura sexual y física, 1937-1941 / Physical culture, bodies and sexualities in the journal cultura sexual y física, 1937-1941
Fonte: Hist. ciênc. saúde-Manguinhos;27(4):1225-1243, Oct.-Dec. 2020.
Idioma: es.
Resumo: Resumen En este trabajo se analizan los distintos sentidos que produjo, transmitió y puso en circulación la revista Cultura Sexual y Física (1937-1941) respecto de las sexualidades, los cuerpos, los deseos y las otredades desde y a partir del campo de la cultura física. Editada en Buenos Aires, pero con una circulación a escala internacional, examinaremos aquellos tópicos desde una perspectiva de género y a través del análisis crítico del discurso para dar cuenta de los matices, continuidades e inflexiones discursivas respecto del discurso dominante. En este sentido, señalaremos las polémicas que suscitó la publicación y los ataques recibidos por parte de sectores conservadores que llevaron a la prohibición de la revista.

Abstract This study analyzes the different meanings produced, transmitted and circulated by the journal Cultura Sexual y Física (1937-1941) about sexualities, bodies, desires and forms of otherness from the standpoint of and based on physical culture. In the journal, which was published in Buenos Aires but had an international readership, we examine these issues from a gender perspective via critical discursive analysis in order to demonstrate the nuances, continuities and departure points with regard to the dominant discourse. Hence, we show the polemics triggered by this publication and the attacks on it by conservative sectors, which led to it being banned.
Descritores: Publicações Periódicas como Assunto/história
Sexualidade/história
Feminilidade/história
Condicionamento Físico Humano/história
-Comportamento Sexual/história
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-645511
Autor: Urrea Giraldo, Fernando; Moncayo Quevedo, Jorge Eduardo.
Título: La dinámica placer/afecto en la constitución de feminidades en mujeres negras y mestizas-blancas de diferentes sectores sociales en el suroccidente colombiano / A dinâmica prazer/afeto na constituição de feminilidades em mulheres negras e mestiças-brancas de diferentes setores sociais no sul ocidental colombiano / Pleasure/affection dynamics and femininities among black and white-mestizo women of different social sectors in the Colombian southwest
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(11):155-186, ago. 2012.
Idioma: es.
Resumo: Este articulo analiza la producción de determinadas feminidades en el suroeste colombiano actual, a través de las tensiones entre placer y afecto reveladas por las biografías sexuales de 18 mujeres negras y blancas-mestizas, de diferentes clases sociales, color de piel, orientación sexual, generación, edad, estado civil y prole. A través de la construcción de cuatro tipologías, se aborda el papel creciente del placer en la conformación social de las subjetividades contemporáneas. Parte de los resultados son debatidos a partir de la perspectiva foucaultiana, el feminismo radical, la teoría queer, y el psicoanálisis lacaniano, con aportes de la sociología y el feminismo afroamericano. El presente texto se inscribe en la teoría feminista de la interseccionalidad, y plantea especialmente el papel de la racialización en la vivencia de la sexualidad de las mujeres negras entrevistadas, mediante la articulación de las dimensiones sexual y racial.

Neste artigo analisa-se a produção de determinadas feminilidades no sul ocidental colombiano atraves das tensões entre prazer e afeto que revelam as biografias sexuais de 18 mulheres negras e brancas-mestiças de diferentes classes sociais, cor de pele, orientação sexual, geração, idade, estado civil e prole. Através de quatro tipologias construídas, aborda-se o papel crescente do prazer na conformação social das subjetividades em um contexto contemporâneo. Isto permite debater parte dos resultados a partir da perspectiva foucaultiana, o feminismo radical, a teoria queer e a psicanálise lacaniana, com contribuições da sociologia e do feminismo afro-americano. Por outro lado, este texto se inscreve na teoria feminista da interseccionalidade, colocando sobretudo o papel da racialização na vivência da sexualidade das mulheres negras entrevistadas, mediante a articulação das dimensões sexual e racial.

This article analyzes the production of certain femininities by looking at the tensions between pleasure and affection arising from the sexual biographies of 18 black and white-mestizo women, of different social classes, skin color, sexual orientation, generation, age, marital status, and offspring contemporary south-western Colombia. Four typologies constructed by this investigation reveal the rising role of pleasure in the conformation of contemporary subjectivities. Results are discussed in a Foucaultian perspective, with the tools of radical feminism, queer theory and Lacanian psychoanalysis. This sociological analysis also benefits from Afro-American feminism. Using feminist intersectionality theory, it pays particular attention to the role of racialization, by articulating the sexual and racial experience of black interviewees.
Descritores: Comportamento Sexual
Sexualidade
Grupo com Ancestrais do Continente Africano
Distribuição por Etnia
Feminilidade
Prazer
-Colômbia
Afeto
Narrativa Pessoal
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  5 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-998081
Autor: Vicente-Pedraz, Miguel; Brozas-Polo, María Paz.
Título: El "Discurso sobre la educación física y moral de las mujeres" (1790) de Josefa Amar y Borbón: feminidad y el arte de gobernar el cuerpo en la Ilustración española / The "Discurso sobre la educacion fisica y moral de las mujeres" by Josefa Amar y Borbón: femininity and the art of governing body in spanish llustration / O "Discurso sobre la educacion y fisica y moral de las mujeres" de Josefa Amar y Borbón: feminilidade e arte de governar o corpo na Ilustração espanhola
Fonte: Movimento (Porto Alegre);20(2):799-818, abr./jun 2014.
Idioma: es.
Resumo: Este artículo analiza el Discurso sobre la educación física y moral de las mujeres escrito por Josefa Amar y Borbón en 1790. Tras un estudio formal de esta obra, se ponen de relieve los claroscuros ideológicos de su propuesta de educación femenina. Utilizando el dictamen del censor, se examinan cuestiones como igualdad y diferencia, utilidad y docilidad, reformismo y conformismo doctrinal, etc. Se colige que se trata de una obra típicamente ilustrada, aun con rasgos propios de los manuales de urbanidad precedentes, donde los ideales reformistas van indisolublemente unidos a las expectativas de dominación cultural y política de la emergente burguesía

This article analyzes the Discurso sobre la educación física y moral de las mujeres by Josefa Amar y Borbón, published in 1790. After a formal study of the work, highlights the ideological chiaroscuro of her female education proposal. Using the opinion of the censor where praises and describes the work, we examine topics such as equality and difference, utility and docility, reformism and doctrinal conformity, etc. It follows that it is a typically illustrated work, even with traits of civility manuals precedents, where reformist ideals are inextricably linked to the expectations of cultural and political domination of the emerging bourgeoisie

Este artigo analisa o Discurso sobre la educación física y moral de las mujeres de Josefa Amar y Borbón, publicado em 1790. Depois de um estudo formal da obra, são destacados os claroescuros ideológicos da sua proposta de educação feminina. Usando a opinião de censura, que elogia e descreve o trabalho, são analisadas questões como a igualdade e diferença, utilidade e docilidade, o reformismo e a conformidade doutrinária, etc. Segue-se que é um trabalho tipicamente ilustrado, mesmo com traços de manuais de civilidade precedentes, onde os ideais reformistas estão inextricavelmente ligados às expectativas de dominação cultural e política da burguesia emergente
Descritores: Educação Física e Treinamento
Mulheres/psicologia
Feminilidade
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR553.1 - Biblioteca Edgar Sperb


  6 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1141593
Autor: Silva, Grasiela Oliveira Santana; Jaeger, Angelita Alice; Silva, Maria Paula Monteiro Pinheiro.
Título: Women athletes and mixed martial arts: a qualitative systematic review / Mulheres atletas e artes marciais mistas: uma revisão sistemática qualitativa / Mujeres atletas y mezcla martial arts: una revisión sistemática cualitativa
Fonte: Pensar Prát. (Online);23, 17/04/2020.
Idioma: pt.
Resumo: The inclusion of women athletes in combat sports breaks social stereotypes and shows new looks on femininity. This investigation aims to reflect on the state of the art of women athletes in Mixed Martial Arts. We searched databases with the specific descriptors MMA and Women, Qualitative / Essay / Interview / Discourse. After the readings and inclusion and exclusion criteria, the sample comprised eight studies, resulting in three categories: Masculinity and being a woman; The body in / out of the octagon; Physicality of female athletes. It is possible to verify that fighters subvert the speech of heteronormativity, fight and construct a social visibility beyond their body spectacularization.

A inserção das atletas nos esportes de combate rompe estereótipos sociais e revela novos olhares sobre a feminilidade. O estudo reflete o estado da arte da presença das mulheres atletas no Mixed Martial Arts. Realizamos uma busca de estudos em bases de dados com os descritores específicos MMA e Women, Qualitative/ Essay/ Interview/ Discourse. Após as leituras e seguindo critérios de inclusão e exclusão, oito estudos compuseram a amostra, resultando tais categorias: A masculinidade e o ser mulher; O corpo in/out no octógono; Fisicalidade das mulheres atletas. É possível verificar que que as lutadoras subvertem o discurso de heternonormatividade, lutam e constroem uma visibilidade social para além da espetacularização dos corpos.

La inserción de las atletas en los deportes de combate rompe estereotipos sociales y revela nuevas visiones sobre la feminidad. El estudio refleja el estado del arte de la presencia de las mujeres atletas en Mezcla Marcial Arts. Se realizó una busqueda, en bases de datos, con los descriptores específicos MMA y Women, Qualitative/ Essay/Interview/Discourse. Después de analizar, siguiendo criterios de inclusión y exclusión, ocho estudios compusieron la muestra, resultando en las categorías: La masculinidad y el ser mujer; El cuerpo in / out en el octógono; Anatomia de las mujeres atletas. Es posible verificar que las luchadoras subvierten el discurso de heternonormatividad, luchan y construyen una visibilidad social más allá de la espectacularización de los cuerpos.
Descritores: Mulheres
Artes Marciais
Atletas
-Esportes
Feminilidade
Normas de Gênero
Limites: Humanos
Responsável: BR512.1 - Biblioteca Setorial do Centro de Ciências da Saúde


  7 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-488842
Autor: Arán, Márcia.
Título: Feminilidade: alteridade e experiência / Femininity: alterity and experience
Fonte: Physis (Rio J.);12(1):121-140, jan.-jun. 2002.
Idioma: pt.
Resumo: Este ensaio tem como objetivo desenvolver a noção de alteridade na psicanálise a partir dos conceitos de feminilidade e de experiência. Parte de uma crítica à centralidade do modelo Édipo / castração na teoria psicanalítica ­ modelo este que fundamenta uma forma de subjetivação que se faz pelo recalque como defesa ou pela renúncia pulsional - para pensar novas formas de sociabilidade. Inicialmente, procura-se analisar o destino da experiência alteritária na modernidade: o outro como estranho-familiar. Em seguida, através da análise de algumas passagens da obra freudiana, procura-se desen­ volver a noção de alteridade no registro da imanência, ou seja, como uma abertura para a diferença.

The objective of this essay is to elaborate on the notion of alterity in psychoanalysis based on the concepts of femininity and experience. The point of departure is a critique of the centrality of the Oedipean/castration model in psychoanalytical theory (a model underlying a form of subjectivation resulting from repression or denial of drive) in order to conceive new forms of sociabilily. The article begins by analyzing lhe fate of the altetily experience in modernity: lhe other as slrange/familiar. Next, by analyzing key passages from Freud's work, lhe author seeks to develop the notion of alterily in lhe context of immanence, that is, as an openness to difference.
Descritores: Psicanálise
Cultura
Feminilidade
Relações Interpessoais
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  8 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-782999
Autor: Fabbri, Luciano.
Título: Colectivos de hombres y feminismos. Aportes, tensiones y desafíos desde (y para) la praxis / Coletivos de homens e feminismos. Aportes, tensões e desafios a partir da (e para) a práxis / Men's collectives and feminisms. Contributions, tensions and challenges from (and for) praxis
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(22):355-368, enero-abr. 2016.
Idioma: es.
Resumo: Resumen: Este artículo se propone sistematizar algunas reflexiones emergentes de la participación del autor en dos itinerarios militantes yuxtapuestos: la participación en los colectivos de varones antipatriarcales (2009/2014) y el activismo feminista hacia el interior de organizaciones de la izquierda popular argentina. El texto se nutre de ambas experiencias para problematizar los vínculos entre colectivos de varones -y activismo antipatriarcal/feminista de los varones, más allá de su organización o no en colectivos específicos- y feminismos, pensando esta compleja relación en términos de aportes, tensiones y desafíos. Estas reflexiones activistas responden a una concepción metodológico-dialéctica que puede sintetizarse en la triada práctica-teoría-práctica. De esta manera, los vínculos establecidos entre colectivos de varones y feminismos emergen desde la praxis, para ser problematizados, teorizados y conceptualizados con el objetivo de volver a la práctica misma, para transformarla.

Resumo: Este artigo propõe sistematizar algumas reflexões emergentes a partir da participação do autor em dois itinerários militantes justapostos: a participação em coletivos de homens antipatriarcais (2009/2014) e o ativismo feminista no interior de organizações da esquerda popular argentina. O texto nutre-se de ambas experiências para problematizar os vínculos entre coletivos e homens - e ativismo antipatriarcal/feminista dos homens, para além de sua organização ou não em coletivos específicos - e feminismos, pensando esta complexa relação em termos de aportes, tensões e desafios. Estas reflexões ativistas respondem a uma concepção metodológica-dialética que pode ser sintetizada na tríade prática-teoria-prática. Desta maneira, os vínculos estabelecidos entre coletivos de homens e feminismos emergem a partir da práxis, para serem problematizados, teorizados e conceituados com o objetivo de voltar à própria prática, para transformá-la.

Abstract: This article systematizes some emerging considerations based on two juxtaposed activist itineraries by the author: his participation in anti-patriarchy men's groups (2009/2014) and feminist activism within popular left organizations in Argentina. It draws from both experiences to question the links between groups of men - and anti-patriarchal / male feminist activism beyond this specific groups - and feminisms, addressing this complex relationship in terms of contributions, tensions and challenges. A dialectical methodological approach is used, which can be summed up by the practice-theory-practice triad. Thus, the links established between groups of men and feminisms emerge from praxis, in order to be problematized, theorized and conceptualized with the aim of transforming practice itself.
Descritores: Política
Mulheres
Feminismo
Masculinidade
Ativismo Político
Homens
-Argentina
Feminilidade
Iniquidade de Gênero
Equidade de Gênero
Identidade de Gênero
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  9 / 122 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Maia, Ana Cláudia Bortolozzi
Texto completo
Id: lil-795154
Autor: Costa-Júnior, Florêncio Mariano da; Couto, Márcia Thereza; Maia, Ana Cláudia Bortolozzi.
Título: Gênero e cuidados em saúde: Concepções de profissionais que atuam no contexto ambulatorial e hospitalar / Gender and health care: the point of view of professionals working in hospital and outpatient settings / Género y atención en la salud: puntos de vista de los profesionales que trabajan en el hospital y ambulatorio
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(23):97-117, mayo-ago. 2016. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Diversos estudos têm investigado as relações de gênero no campo de saúde quanto ao uso de serviços e aos cuidados sob o ponto de vista de usuários, principalmente na atenção básica. Esta pesquisa investigou, por meio da análise de conteúdo de entrevistas, as concepções sobre gênero e suas relações com a prática de seis profissionais da Enfermagem e cinco da Medicina que atuam na atenção ambulatorial e hospitalar. Discutem-se diferenças nos cuidados com a saúde em função do gênero e o atendimento prestado em relação ao gênero. Os profissionais relatam diferenças no atendimento e nas atitudes de pacientes homens e mulheres nos serviços de saúde; que eles atribuem a fatores biológicos e sociais. Conclui-se que questões de gênero estão presentes na atuação dos profissionais de saúde e devem ser consideradas na sua formação.

Abstract Studies have investigated gender relations in the field of health, in the use of services and health care from the point of view of users, especially in primary care. By means of content analysis of interviews, this study investigated conceptions of gender and their relationship to the practices of six nurses, and five physicians working in outpatient and hospital care. This paper discusses gender differences in healthcare, and health services for men and women. The professionals interviewed reported differences in the service provided, and in the attitudes of male and female patients in health services, attributed to biological and social differences. In conclusion, gender issues are present in the practice of health professionals, and they must be considered in their training.

Resumen: Los estudios han investigado las relaciones de género en el campo de la salud cuanto el uso de los servicios por los usuarios en la atención primaria. A través de entrevistas y análisis de contenido, se investigó las concepciones de género y su relación con la práctica de seis profesionales de la Enfermería y cinco de la Medicina que trabajan en la atención ambulatoria y hospitalaria, discutiendo las diferencias en atención de la salud debido al género y los servicios de salud para hombres y mujeres. Las características de género fueron determinadas por los factores biológicos y sociales. Informan las diferencias en la asistencia y en las actitudes de pacientes varones y mujeres en los servicios de salud. Las cuestiones de género están presentes en el trabajo de los profesionales de la salud y se deben existir en su capacitación.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Atitude do Pessoal de Saúde
Feminilidade
Masculinidade
Identidade de Gênero
Relações Interpessoais
-Relações Médico-Paciente
Saúde da Mulher
Pessoal de Saúde
Assistência Hospitalar
Gênero e Saúde
Saúde do Homem
Narrativa Pessoal
Assistência Ambulatorial
Relações Enfermeiro-Paciente
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  10 / 122 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1080381
Autor: Stasevskas, Kimy Otasevskas.
Título: Travessias do feminino potencialidades no mundo / Feminine routes: potentials in the world.
Fonte: São Paulo; s.n; 2004. 190 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saude Pública da USP para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Vivemos, como nunca antes havíamos experimentado, um período de transformações que levaram à configuração contemporânea do convívio entre homens e mulheres no espaço público. Mas isso não significa a eliminação de diferenças nas inserções e nas formas de inserções no mundo público, para os homens e para as mulheres, e sim uma transformação das relações entre todos, tanto no mundo público quanto no mundo privado. Em um panorama social, político e econômico contemporâneo, de descartabilidade do homem, de esvaziamento do espaço público, da criação e manipulação de imagens, foco das reflexões de Hannah Arendt (2000, 1981,1987) em sua crítica à democracia representativa, inscreve-se também a violência simbólica preconizada por Pierre Bourdieu (2003). Nestas reflexões sobre o ser humano e o mundo contemporâneo, coloca-se a questão de como se inserem as incontáveis experiências de mulheres comuns, seu pensamento, práticas e escolhas. As mulheres, sujeitos desta pesquisa, são flagradas em uma particular circunstância: estão expostas a vicissitudes quanto às exigências de sua história pessoal e a um interstício, situado entre influências historicamente mais conservadoras e mais progressistas. Portanto, na intersecção entre: as construções historicamente produzidas que pautam uma conduta feminina, transformações mais contemporâneas que afetam estas condições e, especialmente, as maneiras com que cada mulher investe-se de sua história pessoal, a proposição deste estudo é pensarmos as possibilidades de subversão de uma feminilidade hegemônica e, as potencialidades de se transformar em um sujeito político. Nos discursos trazidos é possível entrever maneiras com que cada mulher vai construindo um percurso e negociando, escolhendo e moldando dentre as enunciações sócio-culturais, uma marca pessoal, ou uma singularidade para o enfrentamento de questões cotidianas e de vida, encaminhamentos objetivos e subjetivos que se constituem potencialidades de transformação na lógica de poder que destroça os seres humanos quando não se tolera as distinções, singularidades e diferenças e quando o agir é substituído por um mero comportar. A compreensão destas alternativas potencialmente capazes de subverter condicionantes que submetem seres humanos a outros seres humanos, é alicerçada no pensamento de Hannah Arendt, sobre liberdade, pluralidade, natalidade, pensamento, milagre e ação.

We are experiencing a period of transformation, never experienced before, which is leading us to the contemporary way men and women relate in the public sphere. This does not mean that the differences in the insertions and in the form of insertions have been eliminated to men and women in the public world. It means however, that relationships among them are changing, both in the public and in the private world. In a social, political and economical contemporary scene, the disposability of men, the emptiness of the public space, the creation and manipulation of images, are the focus of Hannah Arendt's reflections (2000, 1991, 1981) in her critique of the representative democracy. The symbolic violence of Pierre Bourdieu (2003) is also included. Following these reflections of the human being and the contemporary world, there is a question of how the numerous experiences of the common women, their thoughts, practices and choices are embedded. The women participating in this research are in a special circumstance: they are exposed to vicissitudes regarding their own personal stories, and positioned in the interstice of both conservative and progressive historical influences. Hence, in the intersections between the historical constructions underlying the feminine conduct, contemporary transformations affecting these conditions, and specially, the way that each woman embraces her personal story, this study examines the possibilities of subverting a homogeneous femininity, and the potentialities of becoming a political being. In their interviews one can see the ways in which each woman builds her own personal route and negotiates, socio-cultural propositions, choosing and modeling her own singularity to confront everyday life questions. These objective and subjective endeavors would potentially transform the logic of power which destroys human beings whenever differences and singularities are not tolerated, as well as when acting is replaced by a common behavior. The understanding of these alternatives which can potentially subvert the conditionals that human beings submit to other human beings, is based on Hannah Arendt ideas of freedom, plurality, birth, thinking, miracle and action.
Descritores: Adolescente
Feminilidade
Identidade de Gênero
Relações Interpessoais
Sexualidade
-Condições Sociais
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Responsável: BR1764.1 - Núcleo de Informação e Documentação
BR1764.1; T, Ia, S798t



página 1 de 13 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde