Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.145.813.650 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 29 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 29 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-708945
Autor: Rottenbacher de Rojas, Jan Marc.
Título: Conservadurismo político, homofobia y prejuicio hacia grupos transgénero en una muestra de estudiantes y egresados universitarios de Lima / Political conservatism, homophobia and prejudice towards transgender groups in a sample of students and university graduates from Lima
Fonte: Pensam. psicol;10(1):23-37, ene.-jun. 2012. tab.
Idioma: es.
Resumo: Objetivo. Este estudio describe y analiza la relación entre la ideología política, la intolerancia a la ambigüedad, la homofobia y el prejuicio hacia los grupos transgénero en una muestra de estudiantes y egresados universitarios de la ciudad de Lima (N = 144). Método. Se realizó un estudio cuantitativo de tipo descriptivo-correlacional en el cual se utilizaron versiones adaptadas al español de las escalas RWA, SDO, Mstat-II (Escala de Tolerancia a la Ambigüedad), y una versión de la escala de Homofobia Moderna (MHS) validada en población universitaria de Lima. Resultados. Se encontró una relación directa entre el RWA, la SDO, la intolerancia a la ambigüedad, la homofobia y el prejuicio hacia determinados grupos transgénero (travestis y transexuales). Un modelo de regresión lineal múltiple propone que determinados niveles en RWA y en intolerancia a la ambigüedad pueden ser buenos predictores de actitudes homofóbicas. Conclusión. Se ha podido constatar que existe una relación entre las variables psicológicas que expresan una ideología política conservadora y el prejuicio hacia los homosexuales y hacia los grupos transgénero, en la medida en que son considerados por las personas más conservadoras como estímulos sociales muy ambiguos.

Objective. This study describes and analyzes the relationship between political ideology, the intolerance of ambiguity, homophobia and prejudice against transgender groups in a sample of university students and graduates from the city of Lima (N = 144). Method. A quantitative descriptive-correlational study was carried out. Spanish translated versions of RWA and SDO scales were used. Also were used an adapted version of MSTAT-II (Tolerance of Ambiguity Scale) and a version of the Modern Homophobia Scale (MHS) validated for university students in the city of Lima. Results. A direct relationship was found between RWA, SDO, intolerance of ambiguity, homophobia and prejudice against certain transgender groups (transvestites and transsexuals). A multiple linear regression model suggests that RWA and intolerance of ambiguity, combined, could be applicable predictors of homophobic attitudes. Conclusion. Based on the results, it is possible to verify that there is a relationship between psychological variables that express a conservative political ideology and prejudice towards homosexuals and transgender groups, to the extent they could be considered by the most conservative individuals as very ambiguous social stimuli.

Escopo. Este estudo descreve e analisa a relação entre ideologia política, intolerância à ambiguidade, homofobia e prejuízo para os grupos transgender numa amostra de estudantes e graduados universitários da cidade de Lima (N=144). Metodologia. Foi realizado um estudo quantitativo de tipo descritivo-corelacional no qual foram utilizados versões adaptadas ao espanhol das escalas RWA, SDO, MSTAT-II (Escala de Tolerância à ambiguidade) e uma versão da escala de Homofobia Moderna (MHS) validada em população universitária de Lima. Resultados. Foi achada uma relação direta entre o RWA, a SDO, a intolerância à ambiguidade, a homofobia e o prejuízo para determinados grupos transgender (travestis e transexuais). Um modelo de regressão lineal múltipla propõe que determinados níveis em RWA e em intolerância à ambiguidade podem ser bons preditores de atitudes de homofobia. Conclusão. Foi constatada uma relação entre as variáveis psicológicas que expressam uma ideologia política conservadora e o prejuízo para os homossexuais e para os grupos transgender, na medida em que são considerados pelas pessoas mais conservadoras como estímulos sociais muito ambíguos.
Descritores: Preconceito
Homossexualidade
-Autoritarismo
Predomínio Social
Identidade de Gênero
Limites: Humanos
Responsável: CO334.1 - Biblioteca General


  2 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-680923
Autor: Busanello, Josefine; Lunardi Filho, Wilson Danilo; Kerber, Nalú Pereira da Costa.
Título: Produção da subjetividade do enfermeiro e a tomada de decisão no processo de cuidar / Nurses' production of subjectivity and the decision-making in the process of care / Producción de la subjetividad del Enfermero y la toma de decisiones en el proceso de atención
Fonte: Rev. gaúch. enferm;34(2):140-147, jun. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: O estudo teve como objetivo compreender a relação entre a produção da subjetividade do Enfermeiro e a tomada de decisão no processo de cuidar, em Enfermagem. Foi adotado o delineamento qualitativo de pesquisa. O cenário investigativo foi um hospital filantrópico do estado do Rio Grande do Sul. Os participantes do estudo foram doze Enfermeiros atuantes nessa instituição. Para a coleta de dados, foi utilizada a técnica do grupo focal, com três encontros focais, realizados em dezembro de 2011. Os resultados foram apresentados em categorias temáticas: Sistema Capitalista: a manutenção do vínculo empregatício; Sistema de submissão: cultura institucional e visão da sociedade; Sistema de hierarquias na Enfermagem; e Sistema de valores: sentimento de culpa e falta de valorização profissional. O sistema capitalista é o principal mediador do comportamento que prevalece na tomada de decisão na prática de cuidados de Enfermagem.

This study aimed to understand the relation ship between Nurse's productionof subjectivity and the decision-makingin the process of Nursing care. A qualitative design of research was conducted. The investigation was carried out with twelve nurses who work at the Associação de Caridade Santa Casa do Rio Grande, a hospital located in Rio Grande, RS, Brazil. For data collection, focus group technique was used, three meetings were conducted in december 2011. The results were presented in semantic categories: Capitalist System :maintenance of employment bond; Submission System: institutionalized culture and vision of society;Nursing Hierarchical System; and Values System: feeling of guilt andlack of professional recognition. The capitalist system mediates, mainly, the behavior that prevails in the decision-making process in Nursing care.

Este estudio tuvo como objetivo comprender la relación de la producción de la subjetividad del Enfermero y la toma de decisiones en el proceso de atención en Enfermería. El diseño de investigación fue cualitativo.Se llevó a cabo en un hospital de caridad en el Estado de Rio Grande do Sul. Los participantes del estudio fueron doce Enfermeros que trabajan en esta institución. Para la recolección de datos, se utilizó la técnica de grupos focales, con tres reuniones realizados en diciembre de 2011. Los resultados fueron presentados en categorías temáticas: Sistema capitalista: manutención del vinculo del trabajo; Sistema sumisión: cultura institucional y visión de la sociedad; Sistema jerárquico en la Enfermería; y Sistema de valores: sensación de culpa y falta de valorización profesional. El sistema capitalista es el principal mediador de lo comportamiento que prevalece en la práctica de la atención de la Enfermería.
Descritores: Atitude do Pessoal de Saúde
Tomada de Decisões
Enfermeiras e Enfermeiros/psicologia
-Brasil
Capitalismo
Coleta de Dados
Avaliação de Desempenho Profissional
Grupos Focais
Culpa
Hierarquia Social
Relações Interprofissionais
Modelos Teóricos
Cuidados de Enfermagem
Processo de Enfermagem
Pesquisa em Enfermagem
Cultura Organizacional
Pesquisa Qualitativa
Predomínio Social
Valores Sociais
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Andrade Junior, Hermes de
Id: lil-411781
Autor: Andrade Júnior, Hermes de; Silveira, Gláucia R. Motta da.
Título: Relações interpessoais no Hospital Militar: percepções de acompanhantes de pacientes e de profissionais de Enfermagem / Relationships in the military hospital: perceptions of companions of patients and of professionals of nursing
Fonte: Rev. enferm. UERJ;10(3):215-221, set.-dez. 2002.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo é investigar questões relativas à relação interpessoal entre profissionais de Enfermagem, acompanhadas e pacientes de um hospital militar, visando o aprimoramento assistencial. Baseando-se em Goffman (1992), foi realizada pesquisa qualitativa através de estudo de caso. Foram analisados os depoimentos de três acompanhantes de pacientes, de um técnico e de um auxiliar de Enfermagem, os quais vivenciaram a prática assistencial e a problemática de um setor de Enfermagem de hospital militar do Rio de Janeiro, em 2001. Foram identificadas as categorias capacitação profissional, precariedade das condições de trabalho, cultura militar, poder médico, relação interpessoal e papel do acompanhante que sugerem especificidades organizacionais e estruturais interferindo na assistência de Enfermagem. As relações interpessoais ocorridas em ambiente de internação, quando submetidas à hierarquia formal da instituição militar, parecem compor um eixo funcional/profissional, um eixo social e um de aquartelamento, lastrados sob causas infra-estruturais, estruturais, sociais e emocionais
Descritores: Predomínio Social
Acompanhantes Formais em Exames Físicos
Hospitais Militares
Enfermagem Militar
Relações Interpessoais
-Controle Social Formal
Valores Sociais
Características Culturais
Limites: Humanos
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  4 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-880044
Autor: Chan-Vianna, Alexandre Jackson; Moura, Diego Luz.
Título: Futebol, mulheres e interação social / Football, Women and social Interactions
Fonte: Licere (Online);20(4):1-21, dez.2017.
Idioma: pt.
Resumo: O presente trabalho descreve interações sociais que constroem novas expressões de feminilidades. É um estudo etnográfico sobre praticantes de futebol no lazer de subúrbio do Rio de Janeiro. Analisamos as tensões provocadas pelas identidades sociais e representações das jogadoras. Concluimos demonstrando como essas distinções se constituem em ação coletiva de mulheres desviantes da norma de feminilidade por meio do futebol.

This present essay describes social interactions which establish new expressions of femininities. This is an ethnographic study of women´s soccer practitioners in leisure outskirts at Rio de Janeiro. We analyze the tensions caused by social identities and player's representations. We concluded presenting how these distinctions are built in a collective action through football practice.
Descritores: Futebol
Predomínio Social
Socialização
Mulheres
Individualidade
Relações Interpessoais
Antropologia Cultural
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  5 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-885985
Autor: DEMARCHI, Layon Oreste; SCUDELLER, Veridiana Vizoni; MOURA, Livia Carvalho; DIAS-TERCEIRO, Randolpho Gonçalves; LOPES, Aline; WITTMANN, Florian Karl; PIEDADE, Maria Teresa Fernandez.
Título: Floristic composition, structure and soil-vegetation relations in three white-sand soil patches in central Amazonia / Composição florística, estrutura e relação solo-vegetação em três áreas de campinarana na Amazônia central
Fonte: Acta amaz;48(1):46-56, Jan.-Mar. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas - FAPEAM; . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq/PELD-MAUA.
Resumo: ABSTRACT The Amazonian white-sand vegetation presents a set of unique features, such as the dominance of a few species, high endemism and low species richness, which differentiate it from other Amazonian forests. Soil parameters have long been recognized as the main drivers of white-sand vegetation (WSV) characteristics. However, how they influence the composition, richness and structure of this vegetation type is still poorly understood. In this study we investigated the variation in floristic composition between patches and the soil-vegetation relations in three central Amazonian WSV patches. We tested whether slight differences in soil properties are linked with differences in floristic composition, species richness and forest structure in adjacent patches. In each patch three plots of 50 x 50 m were sampled (a total of 2.25 ha). Soil samples were collected for each plot. The sampling cutoff for arboreal individuals was DBH ≥ 5 cm. We sampled a total of 3956 individuals belonging to 40 families and 140 species. In each patch only a few species were dominant, but the dominant species varied among patches. Differences among patches were significant, but plots in the same patch tended to have similar species composition. The variable sum of bases (SB) was directly related to species composition, however, species richness and forest structure were not related to soil parameters. Even small variations in soil parameters can change species composition in WSV, although these variations do not necessarily influence the richness and other structural parameters.

RESUMO As campinaranas amazônicas apresentam uma série de características únicas, como a dominância de poucas espécies, alto grau de endemismos e baixa riqueza de espécies, que as diferenciam de outras formações florestais amazônicas. Parâmetros edáficos têm sido apontados como os principais responsáveis pelas características das campinaranas. Contudo, como estes parâmetros influenciam a composição, riqueza e estrutura deste tipo de vegetação ainda é pouco entendido. Neste estudo investigamos a variação estrutural, a composição florística e a relação solo-vegetação em três áreas de campinarana na Amazônia central, com intuito de testar se pequenas diferenças nos parâmetros edáficos do solo estão relacionados com diferenças na composição, riqueza e estrutura do componente arbóreo em áreas de campinarana adjacentes. Em cada área foram amostradas três parcelas de 50 x 50 m (totalizando 2.25 ha), com o critério de inclusão para os indivíduos de DAP ≥ 5 cm. Amostras de solo foram coletadas em cada parcela. O número total de indivíduos amostrados foi 3956, pertencendo a 40 famílias e 140 espécies. Em cada área poucas espécies foram dominantes, mas estas variaram entre as áreas. Diferenças entre as áreas foram significativas, porém parcelas da mesma área tenderam a ter composição florística similar. A variável soma de bases (SB) foi diretamente relacionada à composição de espécies; contudo, riqueza de espécies e estrutura florestal não foram relacionadas a nenhum dos parâmetros do solo amostrados. Concluimos que mesmo pequenas variações nos parâmetros edáficos do solo podem mudar a composição de espécies em campinaranas, embora esta variação não necessariamente influencie a riqueza e outros parâmetros estruturais da vegetação.
Descritores: Predomínio Social
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  6 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-976668
Autor: Frazão, Deimersom Pereira; Franco, Neil; Coelho Filho, Carlos Alberto de Andrade.
Título: Frequentadoras de academias de ginástica para mulheres e tradição familiar: subordinação ou emancipação? / Frequentadoras de academias de gimnasia para mujeres y tradición familiar: subordinación o emancipación? / Women who use women-only gyms and family traditions: subordination or emancipation?
Fonte: Psicol. soc. (Online);30:e173003, 2018. tab.
Idioma: pt.
Projeto: CAPES.
Resumo: Resumo Esta pesquisa, de natureza qualitativa, objetiva desvelar algumas das complexas estruturas de tensão presentes na trajetória de mulheres nos espaços sociais em que processos de subordinação e de emancipação podem emergir. Vinte e três frequentadoras de três academias de ginástica exclusivas para mulheres foram entrevistadas. Para tratamento dos dados coletados foi utilizada a análise de conteúdo. Concluímos que: (a) na correlação de forças que levaram algumas das entrevistadas a optarem pela academia destinada à mulher, os ciúmes de maridos e namorados tornaram-se representativos; (b) as mulheres que compõem nossa amostra demonstram investir na vida profissional e na construção de uma identidade social associada ao trabalho. Decerto, as identidades profissional, domiciliar e materna reivindicam espaço no corpo das mulheres entrevistadas e nos levam a perguntar: lidamos com um movimento que mostra uma mulher não assujeitada à moral patriarcal que flerta, em certo sentido, com valores da tradição familiar?

Resumen Esta investigación, de naturaleza cualitativa, objetiva desvelar algunas de las complejas estructuras de tensión presentes en la trayectoria de mujeres en los espacios sociales en que procesos de subordinación y de emancipación pueden emerger. Veintitrés frequentadoras de tres academias de gimnasia exclusivas para mujeres fueron entrevistadas. Para el tratamiento de los datos recogidos se utilizó el análisis de contenido. Llegamos a la conclusión de que: (a) en la correlación de fuerzas que llevaron algunas de las entrevistadas a optar por la academia destinada a la mujer, los celos de maridos y novios se hicieron representativos; (b) las mujeres que componen nuestra muestra demuestran invertir en la vida profesional y en la construcción de una identidad social asociada al trabajo. En definitiva, las identidades profesionales, domiciliar y materna reivindican espacio en el cuerpo de las mujeres entrevistadas y nos llevan a preguntar: ¿lidiamos con un movimiento que muestra una mujer no sumisa a la moral patriarcal que coquetea, en cierto sentido, con valores de la tradición familiar?

Abstract This qualitative research aims to unveil some of the complex tension structures seen in the trajectories of women in social spaces where subordination and emancipation processes may emerge. We have interviewed twenty-three women who use three women-only gyms. Content analysis was used for the treatment of the collected data. We have reached the following conclusions: (a) in the correlation of forces that led some of the interviewees to choose women-only gyms, the jealousy of husbands and boyfriends has become a representative factor; (b) the women in the sample demonstrated to invest in their professional lives and in the construction of a social identity associated to work. Undoubtedly, the professional, household and maternal identities claim for a space in the bodies of the women interviewed, which makes us question: do we deal with a movement that shows women who are not subject to the patriarchal moral values but who, to a certain extent, flirt with family traditional values?
Descritores: Mulheres/psicologia
Autonomia Pessoal
-Predomínio Social
Família
Academias de Ginástica
Limites: Humanos
Feminino
Responsável: BR1896.1 - Biblioteca


  7 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1024406
Autor: Pfister, Gertrud; Radtke, Sabine.
Título: Mulheres Tomando a Liderança ou mulheres tomando a liderança nas organizações esportivas alemãs / Women Taking the Lead / Mujeres Tomando el Liderazgo
Fonte: Movimento (Porto Alegre);13(2):91-129, maio/ago. 2007.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo apresenta os resultados de três estudos empíricos, levados a cabo no projeto Mulheres Tomando a Liderança, na Universidade Livre de Berlim, na Alemanha. A pesquisa, que compreende todos os executivos, homens e mulheres, nas federações esportivas alemãs, incluiu questões relacionadas à sócio-demografia dos atores, suas carreiras como executivos nas organizações esportivas, bem como em suas próprias carreiras, tanto no esporte como nas profissões específicas. A pesquisa revela diferenças marcantes de gênero, idade, situação familiar, responsabilidades nos comitês executivos, duração do emprego e barreiras na carreira. Realizamos 23 entrevistas de profundidade, semi-estruturadas, com mulheres em cargo de liderança, a fim de explorar suas perspectivas individuais. Entrevistamos também nove homens e sete mulheres que não atuam mais no esporte, com vistas a identificar barreiras que levaram essas pessoas a interromperem, prematuramente, suas atividades em cargo de liderança. Este grupo representa informantes de elite, com excelente insight sobre suas organizações e que experimentaram barreiras, que resultaram na interrupção do trabalho. Os discursos mostram diferenças consideráveis, em relação a experiências, atitudes e avaliações de homens e mulheres

This paper presents the results of three empirical studies that have been undertaken within the project "Women Taking the Lead" at the Freie Universität Berlin, Germany. The representative survey of all male and female executives in German sports federations included questions concerning their socio-demography, their careers as executive members in the sports organisations as well as their careers in both sport and their profession. The survey reveals significant gender differences in terms of age, family situation, responsibilities in the executive committees, duration of office and career barriers. Further, we conducted 23 in-depth, semi-structured interviews with women in leadership positions in order to explore the women's individual perspectives. The aim of a second interview study ("drop-out" study), with 9 women and 7 men, was to identify barriers in the voluntary careers of male and female leaders who have left their position earlier than they had originally planned. These informants can be seen as experts with an excellent insight into their organisations and who have experienced barriers which caused them to "drop out". The respondents' statements showed considerable differences with respect to the experiences, attitudes and evaluations of women and men

Este artículo presenta los resultados de tres estudios empíricos llevados a cabo en el proyecto Mujeres tomando el liderazgo, en la Universidad Libre de Berlín, Alemania. La investigación, que comprende todos los ejecutivos, hombres y mujeres, en las federaciones deportivas alemanas, incluyó cuestiones relacionadas a la sociodemografía de los actores, sus carreras como ejecutivos en las organizaciones deportivas, así también como en sus propias carreras, tanto en el deporte como en las profesiones específicas. La investigación revela diferencias significativas de género, edad, situación familiar, responsabilidades en los comités ejecutivos, duración de empleo y barreras en la carrera. Se realizaron 23 entrevistas en profundidad, semi-estructuradas, a mujeres con cargos de conducción o liderazgo, a fin de explorar sus perspectivas individuales. Se entrevistó también a 9 hombres y 7 mujeres que no actúan más en el deporte, buscando identificar barreras que llevaron a esas personas a interrumpir, prematuramente, sus actividades en cargos de conducción o liderazgo. Este grupo se conformó por informantes de elite, con excelente insight sobre sus organizaciones; el grupo experimentó barreras que lo llevaran a interrumpir sus trabajos. Los discursos muestran diferencias considerables en relación a las experiencias, actitudes y evaluaciones de hombres y mujeres
Descritores: Predomínio Social
Mulheres
Mulheres Trabalhadoras
Liderança
-Esportes
Identidade de Gênero
Relações Interpessoais
Limites: Humanos
Feminino
Responsável: BR553.1 - Biblioteca Edgar Sperb


  8 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-848765
Autor: Lima, Laís Batista; Correia, Viviane Duarte; Salimene, Arlete Camargo de Melo.
Título: Perfil social do paciente amputado em processo de reabilitação / The social profile of the amputee patient in rehabilitation
Fonte: Acta fisiátrica;23(2):57-60, jun. 2016.
Idioma: en; pt.
Resumo: Pensar no paciente amputado perpassa por necessidades que vão para além de sua reabilitação física. Enquanto processo integral, a reabilitação conta com a presença do (a) Assistente Social que se faz indispensável ao longo do tratamento, como forma de oferecer ferramentas que favoreçam a viabilização do gradativo processo de inclusão social frente à nova situação adquirida. Objetivo: Buscou-se através do presente estudo traçar o perfil social do paciente amputado atendido na internação do Instituto de Medicina Física e Reabilitação/IMREA, da cidade de São Paulo/SP. Métodos: Trata-se de pesquisa retrospectiva; quantitativa no que se refere à compilação de dados e, qualitativa, enquanto uma análise com base na perspectiva materialista dialética. Para o desenvolvimento do presente estudo foi realizado um recorte do período de novembro de 2014 a julho de 2015 para análise dos prontuários. Resultados: Foram levantados dados oriundos do protocolo institucional de Avaliação Social, instrumento técnico-operativo do profissional, tais quais: idade; sexo; estado civil; renda per capita; região de procedência; grau de escolaridade; benefício previdenciário e se já teve acesso a tratamento de reabilitação em outro local. Conclusão: Esse trabalho traz a importância do profissional de Serviço Social enquanto parte integrante da equipe interdisciplinar para o processo de reabilitação do paciente amputado, contribuindo assim para um conhecimento do indivíduo em sua totalidade

Considerations about amputee patients need to go beyond their physical rehabilitation. As an integral process, rehabilitation includes the presence of a social worker, which is indispensable during the treatment; this is a professional that provides a way to gradually provide social inclusion considering their new situation. Objective: This study made a social profile of the amputee inpatients who were treated in the Institute of Physical Medicine and Rehabilitation/IMREA, in the city of São Paulo/SP. Methods: This was a retrospective study: quantitative regarding the collection of data, and qualitative as an analysis of the basis of the dialectical materialist perspective. For the development of this study, a sampling of medical records between November 2014 and July 2015 was surveyed. Results: Information was collected coming from Social Assessment institutional protocol, a professional operating and technical tool, such as age; sex; marital status; per capita income; region of origin; level of education; social security benefits, and whether they had access to rehabilitation treatment elsewhere. Conclusion: This work highlights the importance of professional social work as part of the interdisciplinary team in the process of rehabilitation of the amputee, thus enabling one to know the individual in his entirety
Descritores: Predomínio Social
Perfil de Saúde
Pessoas com Deficiência/reabilitação
Amputados/reabilitação
-Estudos Retrospectivos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 29 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1004419
Autor: Rodrigues, Isabela Tellis; Moreira, Janine.
Título: A relação profissionais de saúde - usuários do sus: problematizando o termo "ajuda" / The relation between health professionals and sus users: problematizing the term "help" / La relación profesionales de salud - usuarios del sus: problematizando el término "ayuda"
Fonte: Rev. polis psique;7(3):43-60, set.-dez. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: As relações de poder na Estratégia de Saúde da Família (ESF) são reflexos das relações de poder na sociedade, variando de acordo com a formação de cada profissional e com o status social e acadêmico de cada profissão. Na equipe mínima da ESF, a medicina está no topo da hierarquia, em uma lógica biologicista e hospitalocêntrica. "Dizer a palavra" ou silenciar está diretamente relacionado com o status profissional. Esta lógica presente na relação entre profissionais é reproduzida na relação com usuários do serviço. Para superar essa condição, se faz necessário assumir uma posição de dialogicidade, problematizando a "lógica de ajuda", a qual advém da lógica da compaixão, que esconde uma noção de superioridade da equipe profissional, e instalar a lógica da solidariedade, a qual só é possível a partir da corresponsabilização da saúde. Problematizar esta noção de "ajuda" é o objetivo deste artigo, fruto de um projeto de extensão universitária. (AU)

Power relations inside the Family Health Strategy (ESF) are reflections of power relations in society and vary according to the training of each and every professional as well as their social and academic status. Even in the most reduced team of the Family Health Strategy, medicine is at the top of the hierarchy in accordance with a biological logic and a hospital-centric logic. "To have the last word" or the power to silence is directly related to professional status. This logic inherent to relations between professionals is reproduced with service users. To overcome this condition, it becomes necessary to adopt a position of dialogicity to problematise the "logic of help" which ensues from a logic of compassion. This dissolves the notion of superiority within the professional team and installs in its place a logic of solidarity which is only possible from co-responsibilisation within healthcare. The aim of this article is to problematise the notion of "help", the outcome of a university extension project. (AU)

Las relaciones de poder en la Estrategia de Salud de la Familia (ESF) son reflejos de las relaciones de poder en la sociedad, y se diferencian de acuerdo con la formación de cada profesional y, como consecuencia, con el status social y académico de cada profesión. En el equipo mínimo de la ESF, la medicina está en lo cume de la jerarquía, en la lógica biologicista y hospitalocéntrica. "Decir la palabra" o silenciar está directamente relacionado con el status profesional. Esa lógica presente en la relación entre los profesionales es reproducida en la relación con usuarios del servicio. Para superar esa condición, se hace necesario asumir una posición de dialogicidad, problematizando la "lógica de la ayuda", la cual adviene de la lógica de la compasión, y que esconde una noción de superioridad del equipo profesional, e instalándose, en su lugar, la lógica de la solidaridad, la cual solo es posible a partir de la corresponsabilidad por la salud. Problematizar esa noción de "ayuda" es lo objetivo de ese artículo, fruto de un proyecto de extensión universitaria. (AU)
Descritores: Poder Psicológico
Educação em Saúde
Participação da Comunidade/psicologia
Estratégia Saúde da Família
Comportamento de Ajuda
-Equipe de Assistência ao Paciente
Predomínio Social
Saúde Pública/educação
Limites: Humanos
Responsável: BR574.2 - Biblioteca


  10 / 29 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-785090
Autor: Palacios, Diego; Berger, Christian.
Título: What is popular? Distinguishing bullying and aggression as status correlates within specific peer normative contexts
Fonte: Psicol. reflex. crit;29:10, 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract This study tested social status correlates of aggression and bullying and how these are influenced by peer groups' normative beliefs about aggression and prosocial behavior among 1165 fourth, fifth and sixth graders in Chile. Associations between aggression and popularity (positive) and social preference (negative) were confirmed, whereas bullying was negatively associated with both dimensions. Normative beliefs about aggression and prosocial behavior were assessed at the group level, while social status was assessed at the classroom level through peer nominations. Hierarchical Linear Analyses showed that in groups with a higher value associated with aggression, classmates rated aggressive peers as less popular but also less disliked. The status correlates of bullying remained unaffected by peer normative beliefs. The discussion focuses on the social function of aggression as compared to the social sanction associated with bullying, and on the specificity of these associations at different layers of the social ecology. (AU)
Descritores: Agressão/psicologia
Bullying
Grupo Associado
Predomínio Social
Estudantes/psicologia
-Chile
Relações Interpessoais
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde