Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.145.813.840 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 168 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 17 ir para página                         

  1 / 168 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-960843
Autor: Alves, Poliana Farias; Kantorski, Luciane Prado; Andrade, Ana Paula Müller de; Coimbra, Valéria Cristina Christello; Oliveira, Michele Mandagará de; Silveira, Karine Langmantel.
Título: Ser autônomo: o que os serviços de saúde mental indicam? / Ser autónomo: ¿qué indican los servicios de salud mental? / Being autonomous: what do mental health services indicate?
Fonte: Rev. gaúch. enferm;39:e63993, 2018. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo OBJETIVO Construir indicadores qualitativos de resultado na Atenção Psicossocial relacionados à autonomia na perspectiva dos usuários e familiares. MÉTODO Estudo de caso avaliativo, com referencial teórico hermenêutico-dialético em um Centro de Atenção Psicossocial no Rio Grande do Sul, Brasil. A primeira etapa da coleta de dados, fevereiro-julho/2014, consistiu na construção de indicadores a partir da análise dos dados qualitativos de duas pesquisas avaliativas neste mesmo serviço. A segunda etapa, agosto-setembro/2014, validou os indicadores construídos por meio de grupos focais com nove usuários e nove familiares. RESULTADO Os participantes apontaram três indicadores qualitativos relacionados à sua autonomia como resultado da inserção no serviço, sendo eles, melhora na autogestão da renda, melhor desenvolvimento das atividades do cotidiano e maior poder de negociação. CONCLUSÃO A metodologia utilizada mostrou-se adequada para criação de indicadores qualitativos na perspectiva de usuários e familiares, bem como apontou que o serviço auxilia no processo de conquista da autonomia.

Resumen OBJETIVO Construir indicador cualitativo de resultado en la Atención Psicosocial relacionado con la autonomía desde la perspectiva de los usuarios y familias. METODOLOGÍA Estudio de caso evaluativo, realizado en un Centro de Atención Psicosocial del Rio Grande do Sul, Brasil. La primera etapa de recopilación de datos, febrero-julio/2014, consistió en la construcción de indicadores a partir del análisis de los datos cualitativos a partir de dos investigaciones de evaluación en este mismo servicio. La segunda etapa, agosto-septiembre/2014, validó los indicadores construidos a través de grupos focales con nueve miembros y nueve familiares. RESULTADOS Los usuarios y familias mostraron tres indicadores cualitativos relacionados con su autonomía como consecuencia de la entrada en lo servicio: mejora de la auto-gestión de los ingresos, mejor desarrollo de las actividades diarias y aumento de la capacidad de negociación. CONCLUSIÓN Lo servicio ayuda en el proceso de desarrollo de la autonomía.

Abstract OBJECTIVE To build qualitative outcome indicators in psychosocial care regarding autonomy from the perspective of users and their families. METHODOLOGY This is an evaluative case study based on the dialectical hermeneutics theoretical framework, conducted at a mental health community service, in the state of Rio Grande do Sul, Brazil. The first stage of data collection occurred between February and July 2014, and consisted of constructing indicators based on qualitative data analysis of the two evaluative studies conducted at this same service. The second stage, between August and September 2014, consisted of validating the indicators constructed through the focus groups with nine users and nine family members. RESULTS The users and relatives stated three qualitative indicators related to their autonomy resulting from their insertion in the service. The indicators were better self-management of income, improved everyday activities, and greater bargaining power. CONCLUSION The methodology proved appropriate to create qualitative indicators, from the perspective of the participants, and revealed that the service helps users achieve autonomy.
Descritores: Serviços Comunitários de Saúde Mental
Autonomia Pessoal
Desinstitucionalização
Transtornos Mentais/psicologia
-Pacientes Ambulatoriais/psicologia
Satisfação Pessoal
População Urbana
Brasil
Atividades Cotidianas
Família
Negociação
Grupos Focais
Pesquisa Qualitativa
Estigma Social
Administração Financeira
Autogestão
Transtornos Mentais/reabilitação
Meia-Idade
Modelos Teóricos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1004085
Autor: Tisott, Zaira Letícia; Terra, Marlene Gomes; Hildebrandt, Leila Mariza; Soccol, Keity Laís Siepmann; Souto, Valquíria Toledo.
Título: Motivos da ação do redutor de danos junto ao usuário de drogas: um estudo fenomenológico / Motivos de la acción del reductor de daños junto al usuario de drogas: un estudio fenomenológico / Motives behind the work of harm reducers with drug users: a phenomenological study
Fonte: Rev. gaúch. enferm;40:e20180062, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo OBJETIVO Apreender os motivos da ação do redutor de danos ao desempenhar suas atividades junto ao usuário de drogas. MÉTODO Pesquisa qualitativa, realizada em um município do estado do Rio Grande do Sul (RS), Brasil, em maio de 2017, por meio da entrevista fenomenológica com 17 Redutores de Danos. Utilizamos a análise e interpretação da Fenomenologia Social de Alfred Schütz. RESULTADOSDa análise, constatamos três categorias: expectativa por mudanças no mundo da vida do usuário, motivação no trabalho mediado pelo reconhecimento de suas ações, e, relação com o outro como aprendizado para a vida. CONCLUSÃO O motivo da ação do redutor de danos está relacionado à família, busca por uma casa, emprego, acesso à saúde, direitos e estigma, bem como, através do retorno de suas ações, satisfação pessoal e aprendizado junto aos usuários de drogas.

Resumen OBJETIVO Comprender el motivo de la acción del Reductor de Daños al desempeñar sus actividades junto al usuario de drogas. MÉTODO investigación cualitativa, realizada en un municipio del estado de Rio Grande do Sul (RS), Brasil, en mayo de 2017, a través de la entrevista fenomenológica realizada a 17 Reductores de Daños. Se utilizó el análisis e interpretación de la Fenomenología Social de Alfred Schütz. RESULTADOS Del análisis, constatamos tres categorías tres categorías: expectativa de cambios en el ámbito de vida del usuario, motivación en el trabajo mediante el reconocimiento de sus acciones y relación con el otro como aprendizaje para la vida. CONCLUSIÓN El motivo de la acción del reductor de daños está relacionado con la familia, búsqueda de una casa, empleo, acceso a la salud, derechos y estigma, así como, a través del retorno de sus acciones, satisfacción personal y aprendizaje junto a los usuarios de drogas.

Abstract OBJECTIVE To understand the motives behind the actions of harm reducers when working with drug users. METHOD Qualitative research conducted in the municipality in Rio Grande do Sul (RS), Brazil, in May 2017, by means of phenomenological interviews with 17 harm reducers. We analyzed and interpreted the data using the social phenomenology of Alfred Schütz. RESULTS Data analysis led to the following three categories: expectation of changes in the user's sphere of life, motivation at work from the recognition of their actions, and relationship with others as a life-learning experience. CONCLUSION The reasons harm reducers work with drug users are related to the family, search for a home, employment, access to health care, rights, and stigma, as well as the positive results of their work, personal satisfaction, and learning with drug users.
Descritores: Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias/reabilitação
Redução do Dano
Usuários de Drogas
Entrevista Psicológica
Motivação
-Satisfação Pessoal
Brasil
Família
Pesquisa Qualitativa
Emprego/psicologia
Estigma Social
Assistentes Sociais/psicologia
Acesso aos Serviços de Saúde
Habitação
Meia-Idade
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1007636
Autor: Camargo, Allana; Sales, Roberta; Melo, Marcelo de Paula; Gawryszewski, Bruno.
Título: Análise sobre os espaços de esporte e lazer no Morro da Formiga/RJ / Analysis of sports and leisure spaces in Morro da Formiga/RJ
Fonte: Licere (Online);22(2):i:18-f:47, junho.2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi mapear e analisar os espaços públicos de esporte e lazer disponíveis no Morro da Formiga, favela localizada no bairro da Tijuca, na cidade do Rio de Janeiro. Trata-se de uma pesquisa de campo, em que foram realizadas observações in loco dos espaços de lazer sobre as condições de conservação e acessibilidade para a população. O Morro da Formiga tem espaços de lazer muito frequentados pelos moradores, como a escola de samba Império da Tijuca, o baile funk e os bares. No entanto, as praças públicas e programas de prática de atividades físicas têm graves problemas para sua efetivação, o que restringe fortemente a utilização desses espaços. Concluímos que, a despeito das iniciativas de lazer que se fomentam pelo próprio interesse dos moradores, a insuficiente promoção e conservação dos espaços públicos de esporte e lazer refletem a produção e distribuição desigual das políticas públicas na cidade.

The aim of this text was to map and analyze the public sports and leisure spaces available in Morro da Formiga, a favela located in the Tijuca neighborhood, in the city of Rio de Janeiro. This is a field research, in which observations were made in loco of the leisure spaces about of the conditions of conservation and accessibility for the population as a whole. The Morro da Formiga has leisure spaces very frequented by residents, such as the samba school Império da Tijuca, funk dancing and bars. However, public squares and programs of physical activities practice have serious problems for their effectiveness, which strongly restricts the use of these spaces. We conclude that, in spite of the leisure initiatives that are fostered by the residents' own interest, the insufficient promotion and conservation of the public spaces of sports and leisure reflects the unequal production and distribution of public policies in the city.
Descritores: Política Pública
Segurança
Condições Sociais
Violência
Áreas de Pobreza
Área Urbana
Características Culturais
Iniquidade Social
Estigma Social
Marginalização Social
Direitos Socioeconômicos
Atividades de Lazer
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  4 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1051066
Autor: Bequis-Lacera, Maria; Muñoz-Hernández, Yolanda; Pardo-Camacho, Diana; Angulo-Cervantes, Pamela; Blanco-Alvarado, Ana; Castro-Romero, Angie; Conde-Villamizar, Daniela; Corzo-Quintero, Juan.
Título: Estigma familiar percibido por los cuidadores primarios de personas con enfermedad mental / Family stigma perceived by primary caregivers of people with mental illness
Fonte: Duazary;16(2,n.esp):103-123, 2019. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Se planteó como objetivo describir el estigma familiar percibido por los cuidadores primarios de personas con enfermedad mental, para lo que empleamos como metodología un estudio de tipo exploratorio descriptivo, basado en la fenomenología eidética, en donde se describió de forma detallada la experiencia de vida frente al estigma de la enfermedad mental percibida por el cuidador primario, buscamos revelar, describir e interpretar el fenómeno. Fueron entrevistados en profundidad 14 cuidadores primarios de pacientes con la técnica de punto donde se presentó la saturación de datos cualitativos, fueron analizados estableciendo categorías y subcategorías que permitieron identificar claros patrones de estigma el estigma experimentado y el estigma por asociación, el estudio se desarrolló en una Institución Prestadora de Servicios de Salud mental. Podemos concluir que se logran identificar claros patrones de estigma asociados a una condición mental, estos patrones son percibidos por el cuidador principal del paciente con dicha alteración; esto abre la puerta a nuevas preguntas relacionadas con los alcances que tiene el rechazo social que sufren las familias y pacientes que adolecen alteraciones mentales; por lo tanto esta problemática deberá ser objeto para continuar con investigaciones de este fenómeno.

The objective was to describe the family stigma perceived by the primary caregivers of people with mental illness, for which we used as a methodology a descriptive exploratory study, based on the eidetic phenomenology, where the life experience was described in detail. To the stigma of mental illness perceived by the primary caregiver, we seek to reveal, describe and interpret the phenomenon. Fourteen primary caregivers of patients were interviewed in depth with the point technique where the saturation of qualitative data was presented, they were analyzed establishing categories and subcategories that allowed to identify clear patterns of stigma, stigma experienced and stigma by association, the study was developed in a Institution that provides mental health services. We can conclude that it is possible to identify clear stigma patterns associated with a mental condition, these patterns are perceived by the main caregiver of the patient with said alteration; this opens the door to new questions related to the scope of the social rejection suffered by families and patients who suffer from mental disorders; therefore, this problem should be the object to continue with investigations of this phenomenon.
Descritores: Estigma Social
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO644.1 - Biblioteca Germán Bula Meyer


  5 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-784269
Autor: Diniz, Beatriz Ferraz.
Título: O discurso sobre a vadiagem na Praça da Sé (SP) / El discurso sobre la vagancia en la Plaza de La Sé (SP) / The discourse on vagrancy in Praça da Sé (SP)
Fonte: Psicol. soc. (Online);28(2):341-349, mai.-ago. 2016. graf.
Idioma: pt.
Projeto: CNPq.
Resumo: Resumo Este artigo apresenta uma pesquisa de mestrado que buscou investigar se o discurso acerca da vadiagem está presente entre os frequentadores da Praça da Sé (SP), em relação àqueles que se "deixam ficar" nas imediações do logradouro em período comercial dos dias úteis. A realização de um trabalho de campo, de cunho etnográfico, na praça entre 2012 e 2013, aliado a uma análise documental de jornais sobre a temática, permitiu verificar a estigmatização de certa plêiade de pedestres que têm em comum o fato de sentar-se/deitar-se nas muretas ou no chão da praça. Neste cenário, a rua torna-se um espaço onde é preciso seguir certas regras de apresentação pública a fim de se discriminar daqueles que são vistos como "acomodados" que "não querem saber de trabalhar". Conclui-se ainda a presença da norma salarial identificada na figura do trabalhador, em oposição à "viração" das classes pobres associada às representações de vadiagem.

Resumen En este articulo se presenta una pesquisa de maestría que se propone a investigar el discurso sobre la vagancia presente entre los frecuentadores de la Plaza de la Sé (SP), en comparación con aquellos que se "dejan quedar" en las inmediaciones de la calles en los periodos comerciales, de lunes a viernes. La realización de un trabajo de campo en la Plaza, etnográfico, entre 2012 y 2013, combinado con una análise documental acerca de la temática, se he demonstrado con la estigmatización de cierta cantidad de de peatones que tienen en común el hecho de estar sentado o tumbado en paredes bajas o en el piso de la plaza. En este escenario, la calle se convierte en un lugar donde es necessário seguir con ciertas reglas de presentación pública con el fin de discriminar a aquellos que son vistos como "acomodados" o a que "no les importa trabajar". La conclusión es todavia la presencia de la norma salario identificada en la figura del trabajador, en contraposición a la informalidad de las clases pobres asociadas con las representaciones de vagabundeo.

Abstract This study introduces a master's degree inquiry that investigated whether or not the current idea of vagrancy is present among the frequenters of Praça da Sé (SP) when compared with those who "just stay" in the vicinity during commercial time on weekdays. The accomplishment of an ethnographical fieldwork at the place between 2012 and 2013, together with documental analysis of journals about this theme, empowered an examination about the stigmatization of a certain group of pedestrians who share the habit of sitting/lying on low walls or the ground of the square. In this scenario, the street becomes a place where it is necessary to follow certain rules of public presentation in order to become differentiated from those that seem "settled people who do not want to work". We also concluded that the presence of the wage norm is related to the worker's appearance, as opposed to the poor people's occasional work associated with the representations of vagrancy.
Descritores: Trabalho
Pessoas em Situação de Rua/história
Estigma Social
-Psicologia Social
Desemprego/psicologia
Discursos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-770183
Autor: Martins, Bruno Sena.
Título: A reinvenção da deficiência: novas metáforas na natureza dos corpos / The reinvention of disability: new metaphors in the nature of bodies
Fonte: Fractal rev. psicol;27(3):264-271, sept.-dic. 2015.
Idioma: pt.
Projeto: ERC/FP7.
Resumo: O conceito de deficiência tem sido profundamente contestado nas últimas décadas, tanto política como epistemologicamente. Por um lado, está em causa o reconhecimento de que a filiação de determinadas diferenças sob a noção de deficiência constitui uma recente "invenção" da modernidade ocidental. Por outro, trata-se de pulsar as consequências dessa construção para as pessoas marcadas pelo estigma da deficiência. Estabelecendo um diálogo com importantes contribuições da teoria crítica, recrutando noções como "páticas de separação" (Michel Foucault), "materialização" (Judith Butler), "corpo múltiplo" (Annemarie Mol) e "sociologia das ausências" (Boaventura de Santos), o presente artigo procura entender como a noção de deficiência pode ser desmobilizada por leituras insurgentes das hierarquias da modernidade

The concept of disability has been profoundly challenged in the last decades, both politically and epistemologically. On the one hand, there is the recognition that affiliation of certain differences under the concept of disability is nothing but a recent "invention" of Western modernity. On the other hand, is the assumption of the consequences of that construction for the people labeled as disabled? We establish dialogue with important contributions of critical theory, addressing concepts as "dividing practices" (Michel Foucault), "materialization" (Judith Butler), "the body multiple " (Annemarie Mol) and "sociology of absences" (Boaventura de Sousa Santos), this article attempts understand how the notion of disability can be demobilized by insurgents readings of modernity and its hierarchies
Descritores: Pessoas com Deficiência
Corpo Humano
Estigma Social
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR13.2 - Biblioteca Central de Gragoatá


  7 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-762991
Autor: Villela, Wilza Vieira; Monteiro, Simone.
Título: Gênero, estigma e saúde: reflexões a partir da prostituição, do aborto e do HIV/aids entre mulheres / Gender, stigma and health: reflections on prostitution, abortion and HIV/AIDS among women / Género, estigma y salud: reflexiones a partir de la prostitución, del aborto y del VIH/Sida entre mujeres
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;24(3):531-540, jul.-set. 2015.
Idioma: pt.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); . Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ); . Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ).
Resumo: OBJETIVO: discutir os aspectos do acesso à saúde decorrentes dos estereótipos de gênero e de estigmas específicos, entre prostitutas, mulheres que abortam e mulheres vivendo com o vírus da imunodeficiência humana (HIV) no contexto brasileiro. MÉTODOS: trata-se de revisão narrativa da literatura, referente a pesquisas recentes realizadas no Brasil. RESULTADOS: as barreiras no acesso à saúde de mulheres que se prostituem, abortam ou estão infectadas pelo HIV decorrem das conexões entre agravos à saúde, estereótipos de gênero, estigma da aids e desigualdades sociais, e aumentam a vulnerabilidade social dessas mulheres. CONCLUSÃO: ações no âmbito da gestão, na esfera legislativa e em outros setores que interferem na saúde, ao lado de práticas cotidianas dos serviços de saúde, podem contribuir para ampliar esse acesso mediante intervenções centradas no reconhecimento da autonomia das mulheres e na garantia de seus direitos sexuais e reprodutivos.

OBJECTIVE: to discuss access to health as affected by aspects arising from gender stereotypes and gender-specific stigmas among women prostitutes, women who have abortions and women with HIV in Brazil. METHODS: a narrative literature review of recent Brazilian studies. RESULTS: barriers to access to health services by prostitutes, women having abortions and women living with HIV are a consequence of the connections between health problems, gender stereotypes, AIDS-related stigma and social inequalities and increase these women's social vulnerability. CONCLUSION: actions in the health management, in legislative spheres and other sectors that affect health, together with daily health service practices, may contribute to expanding access through interventions focused on recognition of women's autonomy and guarantee of their sexual and reproductive rights.

OBJETIVO: discutir los aspectos del acceso a la salud resultantes de los estereotipos de género y de estigmas específicos, entre prostitutas, mujeres que abortan y mujeres viviendo con el virus de la inmunodeficiencia humana (VIH) en el contexto brasileño. MÉTODOS: se trata de revisión narrativa de la literatura, referente a investigaciones recientes realizadas en Brasil. RESULTADOS: las barreras en el acceso a la salud de mujeres que se prostituyen, abortan o están infectadas por el VIH resultan de las conexiones entre agravamientos de la salud, estereotipos de género, estigma del Sida y desigualdades sociales, y aumentan la vulnerabilidad social de esas mujeres. CONCLUSIÓN: acciones en el ámbito de la gestión, en la esfera legislativa y en otros sectores que interfieren en la salud, al lado de prácticas cotidianas de los servicios de salud, pueden contribuir a ampliar ese acceso mediante intervenciones centradas en el reconocimiento de la autonomía de las mujeres y la garantía de sus derechos sexuales y reproductivos.
Descritores: Trabalho Sexual
Brasil
Literatura de Revisão como Assunto
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Disparidades nos Níveis de Saúde
Aborto
Estigma Social
Limites: Seres Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-984796
Autor: Silva, Lidiane Mara de Ávila e; Barsaglini, Reni Aparecida.
Título: "A reação é o mais difícil, é pior que hanseníase": contradições e ambiguidades na experiência de mulheres com reações hansênicas / "The reaction is the most difficult, it is worse than leprosy": contradictions and ambiguities in the experience of women with leprosy reactions
Fonte: Physis (Rio J.);28(4):e280422, 2018.
Idioma: pt.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: Resumo Estudo de abordagem socioantropológica, analisa a experiência de mulheres com reações hansênicas, quadro agudo de evolução crônica que acomete cerca da metade das pessoas que têm hanseníase. Foram entrevistadas sete mulheres com reações, acompanhadas por um serviço de referência em Cuiabá-MT, região com maior número de casos no Brasil. A análise foi realizada na modalidade temática e os resultados abrangem o contexto em que vivem, o aparecimento e interpretação das reações, as repercussões e dilemas de um "tratamento que adoece". As reações imbricam-se na trajetória da hanseníase e são marcadores do adoecimento por intensificarem a dor ou por causarem marcas e eritemas pelo corpo. Ao explicarem sua origem, as reações são inseridas em contextos abrangentes e situações de estresse ou tristeza. O tratamento torna-se um problema na medida em que afeta como elas se veem, processo que é acrescido e incorporado à situação estigmatizante causada pela hanseníase. Ter reações pode ser considerado "pior" do que ter hanseníase, pois nem sempre é possível prevê-las ou controlá-las; por isso, assume-se que a noção de cura requer outros sentidos, baseados na reconstrução cotidiana. Reitera-se a importância de abordar o problema em perspectiva que favoreça uma atenção integral aos adoecidos.

Abstract Study of socio-anthropological approach on the experience of women with leprosy reactions, an acute chronic evolution that affects half of those who have leprosy. Seven women with reactions were interviewed, accompanied by a reference service in Cuiabá-MT, the region with the highest number of cases in Brazil. The analysis was carried out in the thematic modality and the results cover the context in which they live, the appearance and interpretation of the reactions, the repercussions and dilemmas of a "treatment that gets sick". Reactions are embedded in the trajectory of leprosy and are markers of illness by intensifying pain or causing bruising and erythema throughout the body. In explaining their origin, reactions are inserted into broad contexts and situations of stress or sadness. Treatment becomes a problem as it affects how they look, a process that is added and incorporated into the stigmatizing situation caused by leprosy. Having reactions can be considered "worse" than having leprosy, since it is not always possible to predict or control them and therefore, it is assumed that the notion of cure requires other senses, based on daily reconstruction. It reiterates the importance of approaching the problem in a perspective that favors a comprehensive care for the patients.
Descritores: Dor
Vergonha
Controles Informais da Sociedade
Fatores Socioeconômicos
Mulheres
Brasil
Comportamentos Relacionados com a Saúde
Doenças Negligenciadas/complicações
Estigma Social
Hanseníase/complicações
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  9 / 168 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-955852
Autor: Lara Junior, Nadir; Lara, Andrea Paula Santos.
Título: Identidade: colonização do mundo da vida e os desafios para a emancipação / Identidad: colonizazión del mundo de la vida y los desafíos a la emancipación / Identity: colonization of the lifeworld and the challenges for the emancipation
Fonte: Psicol. soc. (Online);29:e171283, 2017.
Idioma: pt.
Projeto: FAPESP.
Resumo: Resumo O objetivo deste artigo é fazer uma apresentação teórica do conceito de identidade na obra de Antonio da Costa Ciampa e, em seguida, demonstrar como a colonização do mundo da vida causa entraves para que ocorra o sintagma (identidade-metamorfose-emancipação). Para tanto, partiremos de uma breve contextualização de como essa obra se inicia no Brasil, depois uma apresentação da conceituação de identidade e, por fim, um debate contemporâneo sobre o mundo da vida e sua colonização, processo no qual as dificuldades criadas podem constituir identidades fetichizadas.

Resumen El objetivo de este artículo es hacer una presentación teórica del concepto de Identidad en la obra de Antonio da Costa Ciampa y demonstrar como la colonización del mundo de la vida causa obstáculos en el sintagma "Identidad-metamorfosis-emancipación" Para ello, partiremos de un breve contexto de cómo la obra se inició en Brasil, después de una presentación de la concepción de la Identidad y por último, un debate contemporáneo sobre el Mundo de la Vida y su colonización y por su vez, las dificultades creadas que en ese proceso pueden constituir identidades fetichizadas.

Abstract The aim of this article is to make a theoretical presentation of the concept of identity in the work by Antonio da Costa Ciampa and then to demonstrate as the colonization of the worldlife cause hamper so that there takes place the sintagma (identity metamorphosis-emancipation). For so much, we will leave from a brief contextualization of as this work begins in Brazil, then a presentation of the conceptualization of the identity and for end a contemporary discussion on the worldlife, and its colonization, in which the dificulties create in this process can constitute identities fetishised.
Descritores: Psicologia Social
Desejabilidade Social
Identificação Social
-Mudança Social
Estigma Social
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 168 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-909266
Autor: Beltrame, André Luís Normanton; Mendes, Marilda Teixeira; Oliveira, Edvaldo Cesar da Silva; Silva, João Batista Lopes da; Assumpção, Luís Otávio Teles.
Título: A Cidade, o lazer e a pessoa com deficiência: entre a invisibilidade e emergência da participação social / The city, the leisure and the disabled person: between invisibility and emergency of social participation
Fonte: Licere (Online);21(2):i:50-f:73, junho2018. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Como ocorre o lazer para as pessoas com deficiência? Esta é a pergunta central desta pesquisa, que ganha forma ao se reconhecer duas questões: a primeira, dos processos de exclusão desta parcela do gênero humano; e a segunda, relativa ao espaço urbano e o dialogo com seus territórios. Para respondê-la investigamos o acesso e participação social frente ao fenômeno do lazer. Com uma proposta metodológica de abordagem qualitativa em base exploratória e descritiva o estudo opera metodologicamente por meio de pesquisa documental, revisão bibliográfica e de campo em entrevistas a seis participantes. Resultados apontam ao acesso precário, poucas opções de atividades, barreiras financeiras, arquitetônicas, de respeito das pessoas e de transporte. A participação se mostra prejudicada pelo acesso e pelo reconhecimento das pessoas.

How does leisure for people with disabilities? This is the central question of this research, which gains form by recognizing two questions: the first, the processes of exclusion of this part of the human genre; and the second on urban space and dialogue with their territories. To answer it, we intend to investigate access and social participation in the face of the phenomenon of leisure. With a methodological proposal of qualitative approach on an exploratory and descriptive basis the study operates methodologically through documentary research, bibliographical and field review in interviews with six participants. Results point to precarious access, few options for activities, financial, architectural barriers, respect for people and transportation. Participation is hampered by access and recognition of people.
Descritores: Estruturas de Acesso
Estereotipagem
Cidades
Pessoas com Deficiência
Área Urbana
Estigma Social
Participação Social
Marginalização Social
Atividades de Lazer
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG



página 1 de 17 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde