Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.829.263.500.660 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 200 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 20 ir para página                         

  1 / 200 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1048432
Autor: Lermen, Helena Salgueiro.
Título: "Puxar sacola": significados sociais das visitas em prisões femininas / Bringing care packages: social meanings of visits in female prisons.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2019. 211 f p. fig.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Instituto de Medicina Social para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Com o objetivo de compreender os significados sociais atribuídos à visita em estabelecimentos penais nos quais se encontram mulheres privadas de liberdade, conduzi uma etnografia com parentes das mesmas e comerciantes locais na região Sul do Brasil entre os anos de 2017 e 2018. A literatura científica nacional oferece alguns elementos teóricos e metodológicos para abordar o fenômeno do encarceramento feminino, como é o caso da análise regular segundo a qual se trata de um abandono das reclusas cumprindo sua pena privativa de liberdade em regime fechado. Ademais, os estudos nacionais priorizam investigações de visitas femininas em unidades prisionais masculinas. Na presente tese, eu procuro examinar o fenômeno a partir de interlocutores e cenários ainda pouco explorados ­ visitantes em cárcere que abrigam apenas mulheres. Ao longo de quase um semestre frequentei filas de espera e comércios nos entornos de duas prisões femininas, que possuem funcionamentos e organizações próprios e divergentes. Nesses locais, conversei com mais de centena de pessoas aguardando serem chamadas por agentes penitenciárias, principalmente mães, como também companheiros (as), irmãs (os), filhos (as), pais, tias e madrastas e cunhados (as) das mulheres presas. Não é um grupo homogêneo, nem em sua composição, tampouco em suas biografias. A observação participante nesses espaços me possibilitou presenciar cenas de conflito e colaboração, bem como ouvir razões pelas quais mulheres privadas de liberdade eram visitadas. Entrevistas semiestruturadas com visitantes se somaram a essas cenas, do mesmo modo como conversas informais com comerciantes, favorecendo a emergência de uma variedade de significados atribuídos à visita em prisões femininas, no interior dos quais trocas materiais e simbólicas se destacam. A íntima correspondência entre a visita e o transporte de insumo, chamado de "sacola", faz com que a grande maioria dos meus interlocutores entenda que levar bens para o interior da prisão é, antes de tudo, uma obrigação moral. A sacola gera custos, deve ser vigiada, pode levar contaminação e até mesmo ser ilegal, neste caso produzindo a pena privativa de liberdade de quem transporta materiais para a prisão. Ao mesmo tempo, esse insumo suscita apoio entre os visitantes e o viabiliza entre privadas de liberdade, deve tornar a vida destas mais suportável e assim, potencialmente, purificar o cotidiano prisional, articulando bens neste cenário precário. A sacola, portanto, materializa todas as contradições e tensões que observo em campo. Como os próprios visitantes resumem, "puxar sacola" é visitar

In order to understand the social meanings attributed to the visit to penal institutions in which women are deprived of their liberty, I have conducted an ethnography with their relatives and local merchants in the southern region of Brazil between 2017 and 2018. The national scientific literature offers some theoretical and methodological elements to address the phenomenon of female incarceration, as is the case of the regular analysis, according to which it consists of abandonment of prisoners serving their custodial sentence in a closed regime. In addition, national studies prioritize investigations of female visits in male prison units. In this thesis, I aim to examine such phenomenon from interlocutors and scenarios that are still poorly explored ­ visitors in facilities that shelter only women. Over the course of almost half a year, I assisted visitation queues and commercial stores close to two female prisons, each with their own and divergent workings and organizations. In these places, I talked to more than one hundred people waiting to be called by prison officers, especially mothers, as well as partners, siblings, children, fathers, aunts, mothers-in-law and siblings-in-law of the incarcerated women. It is not a homogeneous group, neither in its composition, nor in its biographies. The participant observation in these spaces allowed me to witness scenes of conflict and collaboration, as well as to hear the reasons why these women deprived of freedom were being visited. Semi-structured interviews with visitors added to these scenes, as well as informal conversations with merchants, favoring the emergence of a variety of meanings attributed to visits in female prisons, within which material and symbolic exchanges stand out. The intimate correspondence between the visit and the transport of goods (care packages), called "bag", makes the great majority of my interlocutors understand that carrying goods inside the prison is, above all, a moral obligation. The packages have costs, must be watched, can lead to contamination and even be illegal, in this case producing the custodial sentence of anyone who transports materials into prison. At the same time, this supply of goods creates support among visitors and makes it possible among prisoners, may make their lives more bearable and thus, potentially, purify prison daily life, articulating goods in this precarious environment. The bag, therefore, materializes all the contradictions and tensions that I observe in the field. As the visitors themselves sum up, "to pull bag" (to bring care packages) is to visit
Descritores: Prisões
Mulheres
Cônjuges
Pesquisa Qualitativa
Relações Familiares
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C
BR433.1; 343.261-055.2(816.5), L616, T1771


  2 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1039869
Autor: BARROS, Roberta de Souza Nogueira; SOARES, Adriana Benevides; HERNANDEZ, José Augusto Evangelho.
Título: Social skills, empathy, love, and satisfaction in the family life cycle / Habilidades sociais, empatia, amor e satisfação no ciclo vital familiar
Fonte: Estud. Psicol. (Campinas, Online);36:e180032, 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: This study verified the predictive relationships between social skills, beliefs about love and marital satisfaction in the family life cycle. The participants of this study were 446 married adults, of both sexes, living in the metropolitan area of the city of Rio de Janeiro, Brazil. The explanatory variables that contributed most to the marital satisfaction of men were passion, proactive self-control, decision/commitment, and for women they were commitment, affective sensitivity, decision/commitment, and passion. It was concluded that the dimensions related to love constructs were more explanatory of marital satisfaction, except at the stage of couples with small children whose social skills were more prominent. These results may contribute to preparatory programs and therapies related to marital life.

Este estudo verificou as relações preditivas entre habilidades sociais, empatia, amor e satisfação conjugal no ciclo vital familiar. Os participantes deste estudo foram 446 adultos casados, de ambos os sexos, residentes na região metropolitana do Rio de Janeiro/RJ. As variáveis explicativas que mais contribuíram para a Satisfação Conjugal de homens foram a Paixão, o Autocontrole Proativo e a Decisão/Compromisso; e, para as mulheres, o Compromisso, a Sensibilidade Afetiva, a Decisão/Compromisso e a Paixão. Concluiu-se que as dimensões do construto do amor foram mais explicativas da Satisfação Conjugal no ciclo familiar geral, exceto na etapa de casais com filhos pequenos, em que habilidades sociais foram mais proeminentes. Esses resultados podem contribuir para programas preparatórios e terapias relativas à vida conjugal.
Descritores: Família
Cônjuges
Habilidades Sociais
Amor
Responsável: BR27.1 - Biblioteca do Campus II


  3 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-194233
Autor: Takahashi, Edna Ikumi Umebayashi; Silva, Carmem de Almeida da; Guerra, Grazia Maria.
Título: Necessidades básicas das esposas de pacientes infartados na fase aguda do tratamento / The basic need of the spouses of patients with myocardial infarction
Fonte: Rev. bras. enferm;43(1/4):71-78, jan.-dez. 1990. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Trata-se de um estudo exploratório que teve por finalidade as necessidades básicas das esposas de pacientes infartados, na fase aguda do tratamento. Foi utilizado como referencial para análise os conceitos de Necessidades Básicas de MASLOW. Os resultados permitiram identificar como principais necessidades afetadas das esposas: segurança, amor e gregária, estima.
Descritores: Cônjuges/psicologia
Infarto do Miocárdio/psicologia
-Visitas a Pacientes/psicologia
Unidades de Cuidados Coronarianos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  4 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1048013
Autor: Pinto, Keli Regiane Tomeleri da Fonseca; Lima, Nara de Morais; Santos, Izabel Dayana de Lemos; Mattias, Silvia Regina; Bernardy, Cátia Campaner Ferrari; Sodré, Thelma Malagutti.
Título: Sentimentos vivenciados pelos companheiros de mulheres submetidas à mastectomia / Feelings experienced by the comrades of women undergoing mastectomy / Los sentimientos que experimentan los compañeros de mujeres sometidas a mastectomía
Fonte: Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online);12:62-66, jan.-dez. 2020.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: conhecer os sentimentos vivenciados pelos companheiros de mulheres submetidas à mastectomia. Método: estudo qualitativo e descritivo, realizado com cinco companheiros. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista em agosto de 2015. Os dados foram analisados mediante a análise de conteúdo de Bardin. Resultados: ao analisar as entrevistas, emergiram três categorias: "O momento do diagnóstico"; "A fé como suporte"; e "Nada mudou após a mastectomia". O diagnóstico de câncer de mama da mulher traz ao companheiro sentimentos de medo, insegurança e desespero, eles buscam força na religião e na fé em Deus. A imagem corporal não foi uma preocupação masculina, e a vida sexual permaneceu a mesma vivida antes da doença. Conclusão: é de extrema importância criar redes de apoio capacitadas para atender o companheiro de mulheres com diagnóstico de câncer, a fim de entender seus reais sentimentos e ajudar nesse processo difícil

Objective: to know the feelings experienced by the companions of women submitted to the mastectomy. Method: qualitative and descriptive study, carried out with five companions. Data collection was performed through an interview in August 2015. Data were analyzed through the Bardin content analysis. Results: when analyzing the interviews, three categories emerged: "The moment of diagnosis", "Faith as support" and "Nothing changed after mastectomy". The woman's breast cancer diagnosis brings feelings of fear, insecurity and despair to the partner, they seek strength in religion and faith in God. Body image was not a male concern and sexual life remained the same lived before the disease. Conclusion: it is extremely important to create support networks that are capable of meeting the needs of women diagnosed with cancer in order to understand their real feelings and help in this difficult process

Objetivo: Conocer los sentimientos vivenciados por los compañeros de mujeres sometidas a la mastectomía. Métodos: Estudio cualitativo y descriptivo, realizado con cinco compañeros. La recolección de datos fue realizada a través de una entrevista en agosto de 2015. Los datos fueron analizados a través del análisis de contenido de Bardin. Resultados: Al analizar las entrevistas surgieron tres categorías: "El momento del diagnóstico", "La fe como soporte" y "Nada cambió después de la mastectomía". El diagnóstico de cáncer de mama de la mujer trae al compañero sentimientos de miedo, inseguridad y desesperación, ellos buscan fuerza en la religión y la fe en Dios. La imagen corporal no fue una preocupación masculina y la vida sexual permaneció la misma vivida antes de la enfermedad. Conclusión: Es de extrema importancia crear redes de apoyo capacitadas para atender al compañero de mujeres con diagnóstico de cáncer, a fin de entender sus reales sentimientos y ayudar en ese proceso difícil
Descritores: Neoplasias da Mama
Cônjuges
Mastectomia
-Brasil
Saúde da Mulher
Limites: Seres Humanos
Masculino
Responsável: BR1208.1 - BSEN - Biblioteca Setorial de Enfermagem e Nutrição


  5 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-985059
Autor: Yoshimochi, Leonardo Toshiaki Borges; Santos, Manoel Antônio dos; Loyola, Edilaine Assunção Caetano de; Magalhães, Paola Alexandria Pinto de; Panobianco, Marislei Sanches.
Título: The experience of the partners of women with breast cancer / A experiência do companheiro da mulher com câncer de mama / La experiencia del compañero de la mujer con cáncer de mama
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;52:e03366, 2018.
Idioma: en; es; pt.
Resumo: ABSTRACT Objective: To understand the experience of partners of women with breast cancer. Method: This was a qualitative study, based on the theoretical-methodological framework of existential and phenomenological psychology, and carried out with the partners of women with breast cancer who attended a center for rehabilitation after mastectomy. The data were collected in interviews between June and November 2014, based on a guiding question. Results: Ten partners participated in the study. On discovering the disease, the partners experienced emotional distress caused by the fear of losing their partners. Before this suffering, they demonstrated the ability to react: willingness to provide care, to comfort and to support the women in search of treatment, and together, seek to reverse adverse situations. They also showed sensitivity and recognized the intense emotional suffering of the women caused by the challenges faced throughout the course of treatment. Conclusion: The present study showed the intense suffering of the partners of women with breast cancer and their difficulty to ask for help. Thus, health professionals must be alert, addressing their needs throughout the treatment process to mitigate suffering.

RESUMO Objetivo: Compreender a experiência de ser companheiro da mulher com câncer de mama. Método: Estudo qualitativo, com fundamentação teórico-metodológica na Psicologia Fenomenológico-Existencial realizado com companheiros de mulheres com câncer de mama que frequentavam um núcleo de reabilitação de mastectomizadas. Os dados foram coletados por meio de entrevistas, de junho a novembro de 2014, a partir de uma questão norteadora. Resultados: Participaram do estudo 10 companheiros. Com a descoberta da doença, houve uma desorganização emocional dos companheiros devido ao medo da perda das parceiras. Diante do sofrimento, demonstraram capacidade de reação: dispondo-se a cuidar, a consolar e a apoiar suas mulheres na busca do tratamento e procurando, junto com elas, reverter as situações adversas. Também se mostraram sensíveis e reconheceram o intenso sofrimento emocional de suas mulheres em razão das dificuldades enfrentadas no curso do tratamento. Conclusão: O estudo mostrou um sofrimento intenso dos companheiros das mulheres com câncer de mama e sua dificuldade em buscar ajuda, sendo necessário que o profissional de saúde esteja atento, acolhendo-os em todo o processo de tratamento, de modo a atenuar-lhes o sofrimento.

RESUMEN Objetivo: La experiencia del compañero de la mujer con cáncer de mama. Método: Estudio cualitativo, con fundamentación teórica metodológica en la Psicología Fenomenológica Existencial realizado con compañeros de mujeres con cáncer de mama que acudían a un núcleo de rehabilitación de mastectomizadas. Se recogieron los datos mediante entrevistas, de junio a noviembre de 2014, a partir de una cuestión orientadora. Resultados: Participaron en el estudio 10 compañeros. Con el descubrimiento de la enfermedad, hubo una desorganización emotiva de los compañeros en virtud del miedo de la pérdida de la pareja. Ante el sufrimiento, demostraron capacidad de reacción: disponiéndose a cuidar, consolar y apoyar a sus mujeres en la búsqueda del tratamiento y tratando de revertir, junto a ellas, las situaciones adversas. También se mostraron sensibles y reconocieron el intenso sufrimiento emotivo de sus mujeres en razón de las dificultades enfrentadas en el trascurso del tratamiento. Conclusión: El estudio mostró un sufrimiento intenso de los compañeros de las mujeres con cáncer de mama y su dificultad en buscar ayuda, siendo necesario que el profesional sanitario esté atento, acogiéndolos en todo el proceso de tratamiento, de modo a atenuarles el sufrimiento.
Descritores: Neoplasias da Mama/psicologia
Cuidadores
Cônjuges
-Enfermagem Oncológica
Estado Civil
Pesquisa Qualitativa
Existencialismo
Limites: Seres Humanos
Masculino
Adulto
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  6 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-483490
Autor: Quevedo Leon, Liliana.
Título: Sentimientos de la mujer ante la presencia de su pareja durante el trabajo de parto / Feelings of the woman relationship with the presence of her husband during obstetric labor
Fonte: Rev. colomb. enferm;2(2):77-80, 2007.
Idioma: es.
Resumo: El presente artículo es producto de una investigaciónrealizada en la ciudad de Bogotá en el año de 1.995,como producto de una maestría en enfermería en elárea de salud familiar. La investigación utiliza un diseño de tipo cualitativo y dentro de sus formas la fenomenológica. Se tiene un total de ocho mujeres incluidas en la investigación; quienes dieron su consentimiento y les fue informado en que consistía el estudio. Los datos se organizaron en dimensiones surgidas del propósito de la investigación a través de la observación y la entrevista, en las que se contienen frases descritas en términos exactos dados por la mujer y que directamente hicieron parte del fenómeno. En la fase final del análisis se tuvo en cuenta el contexto para comprender la información. Se identificaron las unidades de análisis y su significado, consideradascomo el enunciado general de hechos y desarrolladasmediante el estudio cuidadoso de los datos recolectados.
Descritores: Emoções
Cônjuges
Mulheres
Trabalho de Parto
-Colômbia
Responsável: CO120.1 - Biblioteca Juan Roa Vásquez


  7 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-841960
Autor: Almeida, Thiago de; Lima, Rafael Diniz de.
Título: O poder do ex em minha vida: sobre a influência das relações cíclicas no cotidiano das relações amorosas / The power of ex in my life: about the influence of cyclic loving relationships in everyday life
Fonte: Pensando fam;20(2):99-114, dez. 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Muitas pessoas ao se desligarem de seus parceiros podem apresentar dificuldades em prosseguir a vida delas sem os mesmos e deixar com que essa relação passada não permita novos relacionamentos. Diante disso, o presente estudo teve como objetivo entender como relacionamentos passados podem ter influências na vida e na constituição de novos relacionamentos para os indivíduos. Para tal foi realizada uma revisão sistemática da literatura nas bases de dados da BvsPsi, Medline, Lilacs e PsycINFO, sem limite de tempo, com os descritores: ex-parceiro, relações cíclicas e os seus correspondentes, em inglês: “ex partner” e “love cyclical relationships”. Buscas adicionais forneceram um total de 10 trabalhos. Pode-se constatar que permanecer fixada a histórias passadas podem fazer com que o nível de satisfação sofra um rebaixamento na vida do indivíduo, sendo que contatos com ex-parceiro quase sempre produzem mais ressentimentos e implicações negativas se comparadas às consequências positivas desse contato.(AU)

Many people when they leave their partners may have difficulties to continue their lives without them and leave with that past relationship does not allow new relationships. Therefore, this study aimed to understand how past relationships can have influences in life and establishing new relationships for individuals. To this end we carried out a systematic review of the literature in the BvsPsi databases Medline, Lilacs and PsycINFO, no time limit, with the descriptors: ex partner and love cyclical relationships in Portuguese and in English. Additional searches provided a total of 10 studies. It can be seen that remain attached to past history can cause the level of satisfaction suffers a downgrade in the individual's life, and contacts with former partners almost always produce more negative resentment and implications compared to the positive consequences of this contact.(AU)
Descritores: Divórcio/psicologia
Casamento/psicologia
-Cônjuges/psicologia
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-560112
Autor: Colombo, Sandra Fedullo.
Título: O uso dos filhos nas disputas conjugais / The use of children in marital disputes
Fonte: Pediatr. mod;46(4), jul.-ago. 2010.
Idioma: pt.
Descritores: Conflito Familiar/psicologia
Cônjuges/psicologia
Psicologia da Criança
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Gravidez
Criança
Adulto
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  9 / 200 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-981040
Autor: Concone, Maria Helena Villas Bôas; Oliveira, Bernadete de; Lodovici, Flamínia Manzano Moreira; Lúcio, Lívia Monteiro; Rodrigues, Thuam Silva.
Título: Viúvas idosas: O que muda após a morte do marido doente? / Elderly widows: What changes after the death of a sick husband?
Fonte: Rev. Kairós;18(3):265-293, set. 2015. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A temática deste trabalho incide sobre as estratégias que podem ser previstas, a fim de minimizar os efeitos negativos trazidos a um cuidador familiar principal, e ainda sem orientação, devido aos cuidados que um parente dependente demandará, durante um longo tempo de dedicação exclusiva a ele. Trata-se de um estudo do tipo longitudinal, descritivo, observando-se aspectos qualitativos sustentados pelos empíricos, com uma revisão bibliográfica a respeito da temática, cuja discussão buscou-se encaminhar em abordagem interdisciplinar. No presente caso, objetiva-se interpretar os dados obtidos de idosas viúvas que, após cuidados ao longo do tempo, intensivos e focados no marido acometido por um Acidente Vascular Encefálico (AVE), manifestam elas, além do sofrimento pela perda de alguém tão próximo, comprometimentos no domínio físico, das relações sociais, além daqueles com o meio ambiente. Contar com o Programa Saúde da Família (PSF), bem como de uma rede social (familiares, vizinhos, amigos) pode ser uma via eficiente para o desafio de esposas manterem sua resiliência nos cuidados específicos ao outro e, a um só tempo, de si mesmas. Enfatiza-se a necessidade de novas pesquisas, e que o cuidador em geral necessita, imprescindivelmente, ser bem-orientado quanto aos cuidados, primeiramente de si próprio, para estar potencialmente apto a bem-cuidar do outro.

The theme of this paper concerns the strategies that may be foreseeable in order to minimize the negative effects brought to a familial caretaker without any guidance as to the caring and having to dispend a lot of time to a dependent relative. It is a descriptive, longitudinal study, which observes qualitative aspects supported by empiric evidence, with an extensive review of the literature in this field, which led us to an interdisciplinary approach. In this present stance we intend to interpret the data obtained from elderly widows that, after taking care of their husbands ­ affected by a Cerebral Vascular Accident ­ for a long period of time, they display, beyond the suffering from the loss of a loved one, compromises in many levels, such as physical, social and environmental. Being able to count on not only the Family Health Program, but also on a social network composed of relatives, neighbors and friends, may prove to be an efficient way for the wives to keep up their resilience in taking care of another and, at the same time, of themselves. We emphasize the need for new researches on this field, and that the caretaker usually needs, without exception, to be well guided as far as caretaking goes, but always having the concern of caring of himself/herself first so that he/she will be potentially apt to help others.
Descritores: Qualidade de Vida
Cuidadores
Viuvez
Cônjuges
Acidente Vascular Cerebral
Morte
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR195.3 - Biblioteca Nadir Gouvêa Kfouri


  10 / 200 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-960988
Autor: Flores, Yesica Yolanda Rangel.
Título: Sexual violence as a limiting factor on the perception and management of the risk of HIV in women married to migrants / A violência sexual como fator limitante na percepção e gestão do risco de HIV em mulheres casadas com migrantes / La violencia sexual como limitante en la percepción y gestión de riesgo frente al VIH en mujeres parejas de migrantes
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);24:e2782, 2016. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to analyze the influence of sexual violence on the perception and management of the risk of HIV in women married to migrants. Methods: study with an ethnographic approach carried out in urban and rural communities. Data were obtained by methodological triangulation, with participant and non-participant observation, as well as interviews. The informants were 21 women married to international migrants. The interviews were transcribed and discourse analysis was applied to them. Results: three categories emerged from the speeches to problematize the influence of sexual violence in the perception and management of the risk of HIV: "Characterization of sexual practices in the context of migration", "Experiences of sexual violence" and "Construction of the risk of HIV-AIDS". Conclusion: women have difficulty to recognize the acts of sexual violence in their daily lives, and their perceptions of risk are not decisive in the management of the threat to which they are exposed. Therefore, it is becoming increasingly urgent that nursing problematizes the sexual violence within "steady couples", as a challenge to the promotion of healthy lifestyles.

RESUMO Objetivo: analisar a influência que a violência sexual tem na percepção e gestão do risco de HIV em mulheres casadas com migrantes. Métodos: estudo com enfoque etnográfico, em comunidades urbanas e rurais. Os dados foram obtidos por triangulação metodológica, observação participativa e não participativa, bem como entrevistas. As informantes foram 21 mulheres casadas com migrantes internacionais. As entrevistas foram transcritas e análise de discurso foi aplicada a elas. Resultados: três categorias emergiram dos discursos, para problematizar a influência da violência sexual na percepção e gestão do risco de HIV: "Caracterização das práticas sexuais no âmbito da migração", "Experiências de violência sexual" e "Construção do risco de HIV-AIDS". Conclusão: as mulheres têm dificuldade para reconhecer os atos de violência sexual em seus cotidianos e as suas percepções de risco não são decisivas na gestão da ameaça a qual estão expostas. Por isso, torna-se urgente que a enfermagem problematize a violência sexual nos "relacionamentos estáveis", como um desafio para a promoção de estilos de vida saudáveis.

RESUMEN Objetivo: analizar la influencia que la violencia sexual tiene en la percepción y gestión del riesgo frente al VIH en mujeres parejas de migrantes. Métodos: estudio con enfoque etnográfico, en comunidades urbanas y rurales. Los datos fueron obtenidos por triangulación de métodos, observación participante y no participante, así como entrevistas. Las informantes fueron 21 mujeres parejas de migrantes internacionales. Las entrevistas se transcribieron y se aplicó sobre ellas análisis de discurso. Resultados: de los discursos emergieron tres categorías para problematizar la influencia de la violencia sexual en la percepción y la gestión del riesgo frente al VIH: "Caracterización de las prácticas sexuales en el marco de la migración", "Experiencias de violencia sexual" y "Construcción del riesgo de VIH-sida". Conclusión: las mujeres tienen dificultad para reconocer los actos de violencia sexual en sus cotidianeidades y sus percepciones respecto al riesgo no son determinantes en la gestión que respecto a la amenaza asumen. Resulta urgente que enfermería problematice la violencia sexual al interior de las "parejas estables", como desafío en la promoción de estilos de vida saludables.
Descritores: Delitos Sexuais
Migrantes
Atitude Frente à Saúde
Infecções por HIV/prevenção & controle
Infecções por HIV/transmissão
Cônjuges
-Gestão de Riscos
Limites: Seres Humanos
Feminino
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG



página 1 de 20 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde