Base de dados : LILACS
Pesquisa : F01.829.263.500.660 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 195 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 20 ir para página                         

  1 / 195 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-981040
Autor: Concone, Maria Helena Villas Bôas; Oliveira, Bernadete de; Lodovici, Flamínia Manzano Moreira; Lúcio, Lívia Monteiro; Rodrigues, Thuam Silva.
Título: Viúvas idosas: O que muda após a morte do marido doente? / Elderly widows: What changes after the death of a sick husband?
Fonte: Rev. Kairós;18(3):265-293, set. 2015. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A temática deste trabalho incide sobre as estratégias que podem ser previstas, a fim de minimizar os efeitos negativos trazidos a um cuidador familiar principal, e ainda sem orientação, devido aos cuidados que um parente dependente demandará, durante um longo tempo de dedicação exclusiva a ele. Trata-se de um estudo do tipo longitudinal, descritivo, observando-se aspectos qualitativos sustentados pelos empíricos, com uma revisão bibliográfica a respeito da temática, cuja discussão buscou-se encaminhar em abordagem interdisciplinar. No presente caso, objetiva-se interpretar os dados obtidos de idosas viúvas que, após cuidados ao longo do tempo, intensivos e focados no marido acometido por um Acidente Vascular Encefálico (AVE), manifestam elas, além do sofrimento pela perda de alguém tão próximo, comprometimentos no domínio físico, das relações sociais, além daqueles com o meio ambiente. Contar com o Programa Saúde da Família (PSF), bem como de uma rede social (familiares, vizinhos, amigos) pode ser uma via eficiente para o desafio de esposas manterem sua resiliência nos cuidados específicos ao outro e, a um só tempo, de si mesmas. Enfatiza-se a necessidade de novas pesquisas, e que o cuidador em geral necessita, imprescindivelmente, ser bem-orientado quanto aos cuidados, primeiramente de si próprio, para estar potencialmente apto a bem-cuidar do outro.

The theme of this paper concerns the strategies that may be foreseeable in order to minimize the negative effects brought to a familial caretaker without any guidance as to the caring and having to dispend a lot of time to a dependent relative. It is a descriptive, longitudinal study, which observes qualitative aspects supported by empiric evidence, with an extensive review of the literature in this field, which led us to an interdisciplinary approach. In this present stance we intend to interpret the data obtained from elderly widows that, after taking care of their husbands ­ affected by a Cerebral Vascular Accident ­ for a long period of time, they display, beyond the suffering from the loss of a loved one, compromises in many levels, such as physical, social and environmental. Being able to count on not only the Family Health Program, but also on a social network composed of relatives, neighbors and friends, may prove to be an efficient way for the wives to keep up their resilience in taking care of another and, at the same time, of themselves. We emphasize the need for new researches on this field, and that the caretaker usually needs, without exception, to be well guided as far as caretaking goes, but always having the concern of caring of himself/herself first so that he/she will be potentially apt to help others.
Descritores: Qualidade de Vida
Cuidadores
Viuvez
Cônjuges
Acidente Vascular Cerebral
Morte
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR195.3 - Biblioteca Nadir Gouvêa Kfouri


  2 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-960988
Autor: Flores, Yesica Yolanda Rangel.
Título: Sexual violence as a limiting factor on the perception and management of the risk of HIV in women married to migrants / A violência sexual como fator limitante na percepção e gestão do risco de HIV em mulheres casadas com migrantes / La violencia sexual como limitante en la percepción y gestión de riesgo frente al VIH en mujeres parejas de migrantes
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);24:e2782, 2016. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to analyze the influence of sexual violence on the perception and management of the risk of HIV in women married to migrants. Methods: study with an ethnographic approach carried out in urban and rural communities. Data were obtained by methodological triangulation, with participant and non-participant observation, as well as interviews. The informants were 21 women married to international migrants. The interviews were transcribed and discourse analysis was applied to them. Results: three categories emerged from the speeches to problematize the influence of sexual violence in the perception and management of the risk of HIV: "Characterization of sexual practices in the context of migration", "Experiences of sexual violence" and "Construction of the risk of HIV-AIDS". Conclusion: women have difficulty to recognize the acts of sexual violence in their daily lives, and their perceptions of risk are not decisive in the management of the threat to which they are exposed. Therefore, it is becoming increasingly urgent that nursing problematizes the sexual violence within "steady couples", as a challenge to the promotion of healthy lifestyles.

RESUMO Objetivo: analisar a influência que a violência sexual tem na percepção e gestão do risco de HIV em mulheres casadas com migrantes. Métodos: estudo com enfoque etnográfico, em comunidades urbanas e rurais. Os dados foram obtidos por triangulação metodológica, observação participativa e não participativa, bem como entrevistas. As informantes foram 21 mulheres casadas com migrantes internacionais. As entrevistas foram transcritas e análise de discurso foi aplicada a elas. Resultados: três categorias emergiram dos discursos, para problematizar a influência da violência sexual na percepção e gestão do risco de HIV: "Caracterização das práticas sexuais no âmbito da migração", "Experiências de violência sexual" e "Construção do risco de HIV-AIDS". Conclusão: as mulheres têm dificuldade para reconhecer os atos de violência sexual em seus cotidianos e as suas percepções de risco não são decisivas na gestão da ameaça a qual estão expostas. Por isso, torna-se urgente que a enfermagem problematize a violência sexual nos "relacionamentos estáveis", como um desafio para a promoção de estilos de vida saudáveis.

RESUMEN Objetivo: analizar la influencia que la violencia sexual tiene en la percepción y gestión del riesgo frente al VIH en mujeres parejas de migrantes. Métodos: estudio con enfoque etnográfico, en comunidades urbanas y rurales. Los datos fueron obtenidos por triangulación de métodos, observación participante y no participante, así como entrevistas. Las informantes fueron 21 mujeres parejas de migrantes internacionales. Las entrevistas se transcribieron y se aplicó sobre ellas análisis de discurso. Resultados: de los discursos emergieron tres categorías para problematizar la influencia de la violencia sexual en la percepción y la gestión del riesgo frente al VIH: "Caracterización de las prácticas sexuales en el marco de la migración", "Experiencias de violencia sexual" y "Construcción del riesgo de VIH-sida". Conclusión: las mujeres tienen dificultad para reconocer los actos de violencia sexual en sus cotidianeidades y sus percepciones respecto al riesgo no son determinantes en la gestión que respecto a la amenaza asumen. Resulta urgente que enfermería problematice la violencia sexual al interior de las "parejas estables", como desafío en la promoción de estilos de vida saludables.
Descritores: Delitos Sexuais
Migrantes
Atitude Frente à Saúde
Infecções por HIV/prevenção & controle
Infecções por HIV/transmissão
Cônjuges
-Gestão de Riscos
Limites: Seres Humanos
Feminino
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  3 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-845296
Autor: Shimpuku, Yoko; Madeni, Frida Elikana; Horiuchi, Shigeko; Leshabari, Sebalda Charles.
Título: Perceptional gaps among women, husbands and family members about intentions for birthplace: a cross-sectional study / Lacunas de percepção entre as mulheres, maridos e membros da família sobre intenções para local de parto: um estudo transversal / Brechas de percepción entre mujeres, maridos y familiares acerca de las intenciones de lugar del parto: un estudio transversal
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);25:e2840, 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: women are more likely to give birth at a health facility when their families agree with the birthplace. However, in rural areas of Tanzania, women are often marginalized from decision-making. This study predicted birthplace intention and identified factors to reduce perceptional gaps among pregnant women, husbands and family members. Method: explanatory cross-sectional survey was conducted in three villages in North Eastern Tanzania. Participants were 138 pregnant women and their families who answered the Birth Intention Questionnaire (BIQ), measuring knowledge, attitude, perceived behavioral control, subjective norms and intention for birthplace. Descriptive analysis, ANOVA, Chi-square, and multiple linear regression was used to analyze the data. Results: the regression model showed that knowledge, perceived behavioral control, and subjective norms predicted intention for birthplace (R2 = .28). While 81% of pregnant women thought their husbands were decision-makers for their birth, only 38% of husbands and 37% of family members agreed. Pregnant women had significantly lower scores on the item “I will prepare for childbirth with my family” compared with husbands (p < .01) and other family members (p < .001). Conclusion: providing evidence-based birth preparation and reducing the identified perceptual gaps may enhance women’s intention to deliver at health facilities.

RESUME Objetivo: as mulheres são mais propensas a dar à luz em um centro de saúde quando suas famílias estão de acordo com o local de nascimento. No entanto, nas áreas rurais da Tanzânia, as mulheres são muitas vezes marginalizadas do processo de decisão. Este estudo fez previsoes de intenção para o local do parto e fatores para reduzir as lacunas de percepção entre as mulheres grávidas, seus maridos e familiares identificados. Método: estudo transversal explicativo realizado em três aldeias no nordeste da Tanzânia. Os participantes foram 138 mulheres grávidas e suas famílias que responderam ao Questionário de Intenção sobre Parto (BIQ), medindo o conhecimento, atitude, percepcão de controle comportamental, normas subjetivas e intenção para lugar de parto. Análise descritivas, ANOVA, Qui-quadrado e regressão linear múltipla foram utilizados para analisar os dados. Resultados: o modelo de regressão mostrou que o conhecimento, percepcão de controle comportamental e normas subjetivas previram intenção de lugar de parto (R2 = 0,28). Enquanto 81% das mulheres grávidas pensavam que seus maridos eram os decisores para seu parto, apenas 38% dos maridos e 37% dos membros da família concordaram. As mulheres grávidas tiveram escores significativamente mais baixos sobre o item “Vou me preparar para o parto com a minha família”, em comparação com os maridos (p < 0,01) e outros membros da família (p < 0,001). Conclusão: Proporcionar preparação para o parto baseada em evidencias e a redução das lacunas de percepção identificadas podem melhorar a intenção das mulheres para dar à luz em unidades de saúde.

RESUMEN Objetivo: las mujeres son más propensas a dar a luz en un centro de salud cuando sus familias están de acuerdo con el lugar de parto. Sin embargo, en las zonas rurales de Tanzania, las mujeres son a menudo marginadas de la toma de decisiones. Este estudio predijo la intención del lugar de parto y los factores identificados para reducir la brecha de percepción entre las mujeres embarazadas, esposos y miembros de la familia. Método: encuesta transversal explicativa llevada a cabo en tres aldeas en el noreste de Tanzania. Los participantes fueron 138 mujeres embarazadas y sus familias, que respondieron al Cuestionario sobre Intención del Parto (BIQ), que mide el conocimiento, la actitud, percepción de control del comportamiento, las normas subjetivas y la intención de lugar de parto. Se utilizaron análisis descriptivo, ANOVA, Chi-cuadrado y regresión lineal múltiple para analizar los datos. Resultados: el modelo de regresión mostró que el conocimiento, la percepción de control del comportamiento, y las normas subjetivas predijeron la intencion del lugar de parto (R2 = 0,28). Mientras que el 81% de las mujeres embarazadas pensaba que sus maridos estaban encargados de tomar decisiones para el nacimiento, sólo el 38% de los esposos y el 37% de los miembros de la familia estuvieron de acuerdo. Las mujeres embarazadas tenían puntuaciones significativamente más bajas en el tema “Me prepararé para el parto con mi familia”, en comparación con los maridos (p < 0,01) y otros miembros de la familia (p < 0,001). Conclusión: proporcionar la preparación al parto basada en la evidencia y reducir las brechas de percepción identificadas pueden mejorar intención de las mujeres a dar a luz en centros de salud.
Descritores: Mulheres/psicologia
Atitude
Família/psicologia
Parto Obstétrico
Intenção
Tocologia
-Tanzânia
Estudos Transversais
Cônjuges/psicologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Gravidez
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-953525
Autor: AGUIAR, Joyce Cristina dos Santos; MATIAS, Marisa; BARHAM, Elizabeth Joan; FONTAINE, Anne Marie Germaine Victorine; DEL PRETTE, Zilda Aparecida Pereira.
Título: An initial study of the Internal Validity of the Portuguese Adaptation of the Marital Social-Skills Inventory / Adaptação do Inventário de Habilidades Sociais Conjugais em Portugal: estudo preliminar de validação
Fonte: Estud. Psicol. (Campinas, Online);35(3):275-285, jul.-set. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: In this study, we evaluated the internal structure of the Portuguese version of the Marital Social-Skills Inventory. After adapting the language of the inventory from Brazilian to European Portuguese, it was tested with 540 Portuguese respondents (20 to 70 years of age), who had been in a stable relationship for at least one year. A principal components analysis (n = 310) suggested that the internal structure includes four dimensions: Expressiveness, Self-affirmation, Self-control and Assertive Conversation. This structure was tested using a confirmatory analysis (n = 230), yielding satisfactory indicators of overall adjustment. Cronbach's alpha values for the first three dimensions indicated good internal consistency. The internal structure of the Portuguese version of the Marital Social-Skills Inventory-Villa & Del-Prette is coherent with the original structure, and psychometrically sound for the evaluation of marital social-skills among Portuguese couples. Thus, this instrument can be a useful tool in assessment and intervention work with couples.

Este estudo teve como objetivo avaliar a estrutura fatorial de uma versão portuguesa do Inventário de Habilidades Sociais Conjugais. Após adaptação do idioma português do Brasil para o português europeu, o inventário foi aplicado em 540 portugueses (com idades entre 20 a 70 anos), que estavam a viver em conjugalidade há pelo menos um ano. A análise dos componentes principais (n = 310) sugeriu uma estrutura de quatro dimensões, denominadas Expressividade, Autoafirmação, Autocontrolo e Conversação Assertiva. A testagem do modelo na análise fatorial confirmatória (n = 230) indicou um ajustamento global aceitável. O alfa de Cronbach das três primeiras dimensões demonstrou boa consistência interna. Conclui-se que a estrutura interna da versão portuguesa do Inventário de Habilidades Sociais Conjugais-Villa & Del-Prette é coerente com a estrutura original e psicometricamente adequada à avaliação de habilidades sociais conjugais em portugueses. Assim, o instrumento poderá ser uma útil ferramenta na avaliação e intervenção com casais.
Descritores: Cônjuges
Habilidades Sociais
Responsável: BR27.1 - Biblioteca do Campus II


  5 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-991717
Autor: Cenci, Cláudia Mara Bosetto; Bona, Camila Scomazzon; Crestani, Pamela Letícia; Habigzang, Luisa Fernanda.
Título: Dinheiro e conjugalidade: uma revisão sistemática da literatura / Money and conjugality: a systematic literature review / Dinero y conyugalidad: una revisión sistemática de la literatura
Fonte: Temas psicol. (Online);25(1):385-399, mar. 2017. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo objetivou realizar uma revisão sistemática da literatura nacional e internacional da produção científica existente sobre a temática dinheiro e conjugalidade no período de 2004 a 2014. Foram consultadas as bases de dados PsycINFO, Scientific Electronic Library Online (SciELo), Periódicos Eletrônicos de Psicologia (PePSIC) e Periódicos Capes e a busca foi realizada por juizes independentes com a utilização dos descritores "money AND marital finances"; "money AND couples"; "money AND marital interaction"; "money AND marital relationship"; "money AND marital conflict"; "couples AND meaning of money"; "couples AND economic psychology"; "couples AND management of money"; "couples AND financial problems"; "couples AND use of money". A busca gerou o resultado de 1.116 artigos. Para a análise, foram excluídos artigos repetidos, teses, dissertações, resumos e trabalhos que não relacionavam dinheiro e conjugalidade, totalizando 41 artigos. Os resultados revelaram que os conflitos relacionados ao dinheiro ocorrem com mais intensidade no início do casamento e no que antecede a aposentadoria, que os desacordos financeiros são fortes preditores para o divórcio e que o manejo do dinheiro está relacionado com aspectos afetivos e satisfação conjugal.

This study is a systematic literature review on the existing Brazilian and international scientific production about money and conjugality published from 2004 to 2014. Data bases consulted were PsycINFO, Scientific Electronic Library Online (SciELo), Periódicos Eletrônicos de Psicologia (PePSIC) and Periódicos Capes. Two independent judges searched the bases using the descriptors: "money AND marital finances"; "money AND couples"; "money AND marital interaction"; "money AND marital relationship"; "money AND marital conflict"; "couples AND meaning of money"; "couples AND economic psychology"; "couples AND management of money"; "couples AND financial problems"; "couples AND use of money". The search resulted in 1,116 articles. For the analysis, we excluded repeated articles, theses and dissertations, abstracts, and studies that did not associate money with conjugality, resulting in 41 articles. Results showed that: money-based conflicts occur more intensively in early stages of marriage and before retirement; financial disagreements are strong predictors for divorce; and money management is associated to affect aspects and conjugal satisfaction.

El objetivo de este artículo fue realizar una revisión sistemática de la literatura nacional e internacional sobre la producción científica que existe acerca del tema del dinero y de la conyugalidad, entre el periodo de 2004 a 2014. Se consultaron las bases de datos PsycINFO, Scientific Electronic Library Online (SciELo), Periódicos Eletrônicos de Psicologia (PePSIC) y Periódicos Capes y se hizo una búsqueda a través de jueces independientes, utilizando los descriptores "money AND marital finances"; "money AND couples"; "money AND marital interaction"; "money AND marital relationship"; "money AND marital conflict"; "couples AND meaning of money"; "couples AND economic psychology"; "couples AND management of money"; "couples AND financial problems"; "couples AND use of money". Ésta búsqueda generó un resultado de 1.116 artículos. Para su análisis fueron excluidos aquellos artículos que aparecieron repetidos, tesis de doctorado, trabajos de magister, resúmenes de trabajo que no relacionaban el dinero con la conyugalidad, totalizando de este modo 41 artículos. Los resultados revelaron que los conflictos relacionados al dinero suceden con más intensidad al comienzo del matrimonio y en el periodo anterior a la jubilación; que los acuerdos financieros son fuertes predictores para el divorcio y que el manejo del dinero está relacionado con aspectos afectivos y satisfacción sexual.
Descritores: Cônjuges
Conflito Familiar
Relações Familiares
Administração Financeira
Responsável: BR1338.1 - Biblioteca Central Prof. Eurico Back


  6 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-980688
Autor: Tridapalli, Ana Laura; Rocha, Natália Lorenzetti da; Ruffier, Laura Cardoni; Martins-Borges, Lucienne.
Título: Variáveis e metodologias no estudo do homicídio conjugal / Variables and methodologies within spousal homicide's studies / Variables y metodologías en el estudio del homicidio conyugal
Fonte: Arq. bras. psicol. (Rio J. 2003);70(2):186-203, maio/ago. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: O homicídio conjugal é um tipo de homicídio que ocorre em uma relação de intimidade - casamento, união estável ou namoro - podendo ser atuado durante a relação ou em contexto de separação do casal. Este trabalho tem o objetivo de identificar as principais variáveis e metodologias utilizadas nas pesquisas sobre homicídio conjugal publicadas em periódicos científicos. Recorreu-se a uma revisão sistemática da literatura em sete bases de dados nacionais e internacionais. Foram investigados os artigos publicados entre os anos 2011 a 2015 que apresentavam resultados de estudos empíricos e identificou-se 43 artigos. Os resultados apontam que as variáveis mais abordadas foram as factuais e as sociodemográficas. Quanto ao delineamento metodológico, predominou a abordagem quantitativa. Os estudos contam com amostras pequenas decorrentes da escassez de informações oficiais, o que leva à dificuldade em se pensar em prevenção de novos casos de homicídio conjugal

Spousal homicide is a kind of homicide that occurs within an intimate relationship - marriage, stable union or dating - that may happen during the relationship or in the context of the couple's separation. This paper aims to identify the main variables and methodologies used in the research on spousal homicide published in scientific journals. A systematic review of the literature was performed in seven national and international databases. Articles published between 2011 and 2015 that presented results of empirical studies were investigated, and 43 articles were identified. The results indicate that factual and sociodemographic variables were the ones most approached. As for the methodological design, the quantitative approach was predominant. The studies rely on small samples resulting from the lack of official information, which leads to the difficulty of thinking about prevention of new cases of spousal homicide

El homicidio conyugal es un tipo de homicidio que ocurre en una relación de intimidad - matrimonio, unión estable o noviazgo - pudiendo ser actuado durante la relación o en contexto de separación de la pareja. Este trabajo tiene el objetivo de identificar las principales variables y metodologías utilizadas en las investigaciones sobre homicidio conyugal publicadas en revistas científicas. Se recurrió a una revisión sistemática de la literatura en siete bases de datos nacionales e internacionales. Se investigaron los artículos publicados entre los años 2011 a 2015 que presentaban resultados de estudios empíricos y se identificaron 43 artículos. Los resultados apuntan que las variables más abordadas fueron las factuales y las sociodemográficas. En cuanto al delineamiento metodológico, predominó el abordaje cuantitativo. Los estudios cuentan con muestras pequeñas resultantes de la escasez de informaciones oficiales, lo que lleva a la dificultad en pensar en la prevención de nuevos casos de homicidio conyugal
Descritores: Parceiros Sexuais
Revisão
Cônjuges
Homicídio
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1194.1 - BT - Biblioteca


  7 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Zago, Marcia Maria Fontao
Texto completo
Id: biblio-953472
Autor: Neris, Rhyquelle Rhibna; Zago, Márcia Maria Fontão; Ribeiro, Maria Ângela; Porto, Juliana Pena; Anjos, Anna Cláudia Yokoyama dos.
Título: Experiência do cônjuge diante da mulher com câncer de mama e em quimioterapia: estudo de caso qualitativo / Experience of the spouse of a woman with breast cancer undergoing chemotherapy: a qualitative case study
Fonte: Esc. Anna Nery Rev. Enferm;22(4):e20180025, 2018. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Objective: To identify the meaning attributed to the experience of a spouse of a woman with breast cancer undergoing chemotherapy. Methods: Descriptive study, with a theoretical-methodological orientation based on medical anthropology and utilizing an ethnographic case study strategy. Data were collected through semi-structured interviews and participant observation. Results: The meanings revealed that the diagnosis cause suffering. Chemotherapy was seen as giving hope of healing the wife's cancer. During this process, the spouse had to deal with the strong adverse effects of the treatment and subordinate to his wife to reduce the conflict experienced by the couple, which violated the rules of his masculinity. Religion and family were important support networks on this path. Final considerations and implications for practice: The results showed the importance of considering cultural aspects of spouses when they are faced with disease in their wives. The way spouses deal with breast cancer will depend on their cultural systems. Nursing care must be comprehensive and extend to spouses whose wives have breast cancer.

Objetivo: Identificar sentidos atribuidos a experiencia del cónyuge de mujer con cáncer de mama en quimioterapia. Método: Estudio descriptivo, orientación teórico-metodológica de antropología médica, estudio de caso etnográfico. Datos recolectados mediante entrevistas semiestructuradas y observación participante. Resultados: Se revela un diagnóstico sufrido. La quimioterapia fue recibida como esperanza de cura al cáncer de la esposa. Durante el tratamiento debió lidiar con los fuertes efectos adversos, e inclusive, subordinarse a la esposa para disminuir los conflictos de pareja, violando las normas de su masculinidad. Durante ese período, religión y familia constituyeron importantes redes de apoyo. Consideraciones finales e implicaciones para práctica: Los resultados evidenciaron la importancia de considerar aspectos culturales del compañero ante el padecimiento de la esposa, la forma en que enfrentará al cáncer de mama dependerá de su sistema cultural. Se requerirá atención de enfermería integral, extendiendo el cuidado al cónyuge de la mujer con cáncer de mama.

Objetivo: Identificar os sentidos atribuídos à experiência do cônjuge diante da mulher com câncer de mama e em quimioterapia. Método: Estudo descritivo, com orientação teórico-metodológica da antropologia médica e estratégia de estudo de caso etnográfico. Os dados foram coletados utilizando entrevistas semiestruturadas e observação participante. Resultados: Os sentidos revelaram um diagnóstico sofrido. A quimioterapia foi recebida como esperança de cura para o câncer da esposa. Na trajetória, precisou lidar com os fortes efeitos adversos do tratamento e ainda se subordinar à esposa para diminuir os conflitos do casal, violando então as regras da sua masculinidade. Nesse percurso, a religião e a família foram importantes redes de apoio. Considerações finais e implicações para prática: Os resultados evidenciaram a importância de se considerar os aspectos culturais do parceiro diante do adoecimento da esposa, a forma como lidará com o câncer de mama dependerá do seu sistema cultural. A assistência de enfermagem deve ser integral e estender o cuidado também ao cônjuge da mulher que tem câncer de mama.
Descritores: Neoplasias da Mama/enfermagem
Neoplasias da Mama/psicologia
Neoplasias da Mama/tratamento farmacológico
Relatos de Casos
Cônjuges
Limites: Seres Humanos
Feminino
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  8 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-957388
Autor: Luz, Susana König; Mosmann, Clarisse Pereira.
Título: Funcionalidade e comunicação conjugal em diferentes etapas do ciclo de vida / Functionality and marital communication in different stages of life cycle / Funcionalidad y comunicación marital en distintas etapas del ciclo vital
Fonte: Rev. SPAGESP;19(1):21-34, Jan.-Jun. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se avaliar e comparar a comunicação de cônjuges que tinham filhos em distintas etapas do ciclo vital familiar, com os diferentes níveis de funcionalidade definidos através da coesão, adaptabilidade e do ajustamento conjugal. A amostra foi constituída por 266 pessoas casadas ou em união estável, com filhos de 0 a 18 anos. Os participantes responderam individualmente ao protocolo online constituído por um questionário sociodemográfico, Escala Marital Inventory Communication, Escala Dutch Marital Satisfaction and Communication Questionnaire, Escala de Avaliação da Coesão e Adaptabilidade Familiar e a Escala de Ajustamento Diádico. Os resultados desta pesquisa podem subsidiar a prática clínica e estudos acerca da comunicação conjugal, visto que, a comunicação negativa mostrou permear todo o ciclo vital conjugal, principalmente nos primeiros anos de casamento.

The aim of this article was to evaluate and compare the communication between couples with children in different stages of vital family cycle and the different levels of functionality defined through cohesion, adaptability and marital adjustment. The sample consisted in 266 people, married or in a stable union with children from 0 to 18 years old. The participants answered individually to an online protocol consisting on the following: a socio demographic questionnaire, Marital Inventory Communication Scale, the Dutch Marital Satisfaction and Communication Questionnaire, the Family Adaptability and Cohesion Evaluation Scale (Faces III) and also the Dyadic Adjustment Scale. The results of this research may support clinical practice and studies on marital communication, since negative communication has been found to permeate the entire marital life cycle, especially in the first years of marriage.

Se buscó evaluar y comparar la comunicación de cónyuges que tenían hijos en distintas etapas del ciclo vital de la familia, con diferentes niveles de funcionalidad definidos por la cohesión, adaptabilidad y ajustamiento marital. La muestra se constituyó de 286 personas casadas o en unión marital, con hijos de 0 a 18 años. Los participantes respondieron individualmente a un protocolo online compuesto por un cuestionario sociodemográfico, Escala Marital Inventory Communication, Escala Dutch Marital Satisfaction and Communication Questionnaire, Escala de Evaluación de la Cohesión y Adaptabilidad Familiar y la Escala de Ajustamiento Diádico. Los resultados de esta investigación pueden subsidiar la práctica clínica y estudios acerca de la comunicación conyugal, ya que la comunicación negativa mostró permear todo el ciclo vital conyugal, principalmente en los primeros años de matrimonio.
Descritores: Comunicação
Cônjuges
Relações Familiares
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  9 / 195 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-916077
Autor: Lima, Claudia Feio da Maia.
Título: Significando a transicionalidade da sexualidade do cônjuge-cuidador da pessoa idosa em processo demencial para um cuidado terapêutico de enfermagem / Transitionality meaning of spouse-caregivers´ sexuality of elderly under dementia process for a therapeutic nursing care.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2016. 216 p. il. color..
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade do Estado do Rio de Janeiro para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A sexualidade compreende muitas dimensões da vida dos indivíduos. Ao longo da vida vai sendo revista, à medida que modificações biopsicossociais acontecem e, ao se pensar em relacionamentos conjugais de longa duração é preciso ponderar que estes casais já passaram por transformações na sua relação conjugal e familiar. Para as pessoas idosas o predomínio de doenças crônicas é maior, com risco para incapacidade e/ou dependência, dentre elas a demência. Cônjuges-cuidadores, vivenciando a transicionalidade da sexualidade podem ressignificar a vida, com o apoio do cuidado terapêutico de enfermagem. O estudo teve o objetivo de compreender a vivência da transicionalidade do cônjuge-cuidador da pessoa idosa em processo demencial, para elaboração de um modelo interpretativo de cuidado terapêutico de enfermagem na perspectiva da Teoria das Transições. A fundamentação teórica se baseia nos pressupostos da Teoria das Transições. Estudo de abordagem qualitativa, com base no referencial metodológico da Teoria Fundamentada nos Dados com 25 participantes distribuídos em quatro grupos amostrais (12 cônjuges-cuidadores, 5 filhos e 8 profissionais de saúde). O cenário investigado foi o Núcleo de Atenção ao Idoso, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, RJ, Brasil. A coleta dos dados ocorreu entre maio de 2014 e maio de 2015. A técnica utilizada foi à entrevista intensiva e a análise feita mediante codificação inicial, seletiva e focalizada. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética da UERJ (Processo nº 631.538). Os dados demonstraram que a construção da vida conjugal e a história prévia de sexualidade apreendida e vivenciada interferem na maneira de identificar as mudanças provocadas pelo processo demencial e de se adaptar às repercussões para a sexualidade pessoal e conjugal. O fenômeno evidenciado foi a ressignificação da vida do cônjuge-cuidador da pessoa idosa em processo demencial por meio da transicionalidade da sexualidade conjugal, apontando um cuidado terapêutico de enfermagem, sustentado por sete categorias e dezesseis subcategorias, que articuladas, mostram a ressignificação diretamente ligada à história de vida matrimonial, ao engajamento da família como suporte, além do serviço especializado e a disposição em redimensionar a vida sexual consigo e com o outro. Os resultados apontaram o cuidado como mais uma atribuição, com alterações para saúde e em outras dimensões. Por parte dos profissionais, ainda há um despreparo e abordagem muito superficial da sexualidade entre casais que envelhecem, sobremaneira no contexto da demência; para os cônjuges-cuidadores, as crenças e o imaginário social interferem não só no desenvolvimento da sexualidade possível no contexto de vida atual, como na relação de cuidado e na definição do seu papel social; os filhos descrevem o funcionamento familiar na busca da adaptação ao novo contexto de vida dos pais. A ressignificação existe, a partir de estratégias de enfrentamento e da transposição da sexualidade pelo cuidado à pessoa idosa que adoece. Assim, sustenta-se a tese: A compreensão da vivência da transicionalidade da sexualidade do cônjuge-cuidador da pessoa idosa em processo demencial permite a elaboração de um modelo interpretativo que aponta para um cuidado terapêutico de enfermagem próprio para esse momento de vida.

Sexuality includes many dimensions over subjects´ lives. In a lifetime it has been revised, as biopsychosocial changes take place and, when marital long-term relationships are taken into consideration it is important to consider that these couples have experienced changes in their marital and family relationships. For the elderly the prevalence of chronic diseases is higher, highlighting the risk for disability and dependency, among them dementia. Spouses-caregivers experiencing sexuality transitions can give a new meaning to life, with the support of the therapeutic nursing care. This study aimed to understanding the meanings of sexuality established by the spouses-caregivers of the elderly in dementia process in order to prepare an interpretive model of nursing care under the therapeutic perspective of the Theory of Transitions. It has a qualitative approach, of exploratory and descriptive nature, under the methodological reference of the Grounded Theory. The study was carried out with 25 subjects who were spouses-caregivers, children and health professionals, most of them, nurses, split into four sample groups. The setting of the investigation was the Care Center for the Elderly, Rio de Janeiro, RJ, Brazil. Data collection occurred from April 2014 to April 2015. The collection technique was the intensive interview and the analysis performed upon initial, selective and focused coding. The research project was approved by the Ethics Committee of UERJ (nº 631538). Interview data showed that the construction of marriage over people´s lives and the previous history of sexuality perceived as well as experienced can influence the way to identify the changes caused by dementia process and how to adapt to the consequences for personal and marital sexuality. It was evidenced spouses-caregivers´ new meaning to life concerning the elderly under dementia process by means of transitionality of couple´s sexuality, which leads to therapeutic nursing care, supported by seven categories and sixteen subcategories, as they, altogether, point to such a new meaning straightly linked to the marital history, family engagement as a support, besides specialized services and the will to play new dimensions for the sexual life from the part of the subject himself and the beloved one. The results scored that care comes as another assignment, performing health and other dimensions changes. From the professionals, there is still lack of knowledge and a very fair approach concerning sexuality among elderly couples, greatly in the context of dementia beliefs and the social imaginary interfere not only in the development of sexuality possible in the context of current life, but also in the care relationship and define what their social role is; sons and daughters describe family functioning in the pursuit of adaptation to the new life context of the parents. The reframing exists, from coping strategies and the implementation of sexuality for the care to demented spouse. Thus, the thesis is sustained: Understanding the spouse-caregivers sexuality transitions experience regarding the elderly under dementia process allows the construction of an interpretive model which highlights a particular therapeutic nursing care for that moment in their lives.
Descritores: Idoso/psicologia
Cuidadores
Relações Familiares
Saúde Mental
Cuidados de Enfermagem
Sexo
Cônjuges
-Enfermagem Geriátrica
Limites: Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)
BR1366.1; 614.253.5, L732, TE642


  10 / 195 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-906762
Autor: Cardoso, Vanessa Erika Pereira Silva; Silva Junior, Aristides José da; Bonatti, Angélica Fátima; Santos, Gefferson Wandelles Soares dos; Ribeiro, Thomaz Ademar Nascimento.
Título: A participação do parceiro na rotina pré-natal sob a perspectiva da mulher gestante / The partner's involvement in the prenatal routine through the pregnant women perspective / La participación del socio en la atención prenatal desde la perspectiva de la mujer embarazada
Fonte: Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online);10(3):856-862, jul.-set. 2018.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objective: The study's goal has been to analyze how the pregnant woman perceives the partner's involvement in the prenatal routine. Methods: It is a descriptive-exploratory study with a qualitative approach. Data collection was performed from March to June 2016, through a semi-structured interview. The research participants were 11 pregnant women, starting at the 28th week of gestation, who were submitted to content analysis in the thematic modality. Results: Data analysis shows that only one participant had complete follow-up by the partner, another five reported the partner's presence only during the obstetrical ultrasonography procedure. Regarding the women that reported partner's absence, the work was highlighted as the main factor; it was also observed that gender issues influence this absence, since the pregnancy is seen as a woman exclusive moment. Conclusion: It is essential that health services can become sensitive to the insertion of the partner in this routine. Furthermore, an intersectoral partnership between the health, the legal and the educational sectors must become a reality in order to stimulate this change

Objetivo: Analisar como a gestante percebe a participação do parceiro na rotina pré-natal. Método: Estudo descritivo exploratório de abordagem qualitativa. Coleta de dados entre março e junho de 2016, por meio de entrevista semiestruturada, com 11 gestantes, a partir da 28ª semana de gestação, sendo estes submetidos à análise de conteúdo na modalidade temática. Resultados: Das participantes do estudo, apenas uma teve acompanhamento integral do parceiro, outras cinco relataram a presença apenas na realização da ultrassonografia obstétrica. Daquelas que relataram ausência, o trabalho foi apontado como principal fator, também se observou que questões de gênero influenciam nesta ausência, pois a gestação é vista como momento exclusivo da mulher. Conclusão: É imprescindível que os serviços de saúde estejam sensíveis à inserção do parceiro nesta rotina, e que haja parcerias intersetoriais entre a saúde, o setor jurídico e a educação que possam estimular esta mudança

Objetivo: Analizar cómo la madre percibe la participación del socio en la rutina prenatal. Método: Estudio exploratorio descriptivo de enfoque cualitativo. Recolección se llevó a cabo entre marzo y junio el año 2016, através de entrevistas semiestructuradas con 11 mujeres embarazadas desde la semana 28 de embarazo, que están sometidas a análisis de contenido en la modalidad temática. Resultados: De las participantes en el estudio, sólo uno tenía pareja de supervisión, otras cinco personas informaron de la presencia sólo en la realización de ultrasonido obstétrico. De los que reportaron ausencia, el trabajo fue considerado como el principal factor, también observaron que las cuestiones de género influyen en esta ausencia porque el embarazo es visto como un momento único de la mujer. Conclusión: Es esencial que los servicios de salud son sensibles a la inclusión del socio en esta rutina, y que tienen alianzas intersectoriales entre la salud, el sector jurídico y la educación que pueden estimular este cambio
Descritores: Gestantes
Cuidado Pré-Natal
Cônjuges
-Paternidade
Saúde da Mulher
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Gravidez
Adulto
Responsável: BR1208.1 - BSEN - Biblioteca Setorial de Enfermagem e Nutrição



página 1 de 20 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde