Base de dados : LILACS
Pesquisa : F03.657 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 61 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 7 ir para página                  

  1 / 61 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-597828
Autor: Zavala, Eva Alcántara.
Título: El sexo como LOcura / The sex like Crazy
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(7):166-169, abr. 2011.
Idioma: es.
Descritores: Transtornos Parafílicos
Comportamento Sexual
Saúde Mental
Sexualidade
Identidade de Gênero
Transtornos Mentais
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  2 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1045704
Autor: Gupta, G; Singa, R; Gupta, S; Gupta, S.
Título: Penile incarceration caused by an axe ring: an unusual case of sexual perversion
Fonte: West Indian med. j;62(6):571-571, July 2013. ilus.
Idioma: en.
Descritores: Transtornos Parafílicos/complicações
Doenças do Pênis/etiologia
Pênis/patologia
Edema/etiologia
-Comportamento Sexual
Constrição
Limites: Humanos
Masculino
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1176914
Autor: Conti Norberto A.
Título: Richard von Krafft-Ebing: las perversiones sexuales como problema médico y legal / [Richard von Krafft-Ebing: sexual perversions as legal and medical problems].
Fonte: Vertex rev. argent. psiquiatr;24(110):304-6, 2013 Jul-Aug.
Idioma: es.
Descritores: Psiquiatria/história
Transtornos Parafílicos
-História do Século XIX
História do Século XXI
Psiquiatria/legislação & jurisprudência
Suíça
Tipo de Publ: Biografia
Artigo Histórico
Artigo de Revista
Retrato
Responsável: AR5.1 - Centro de Gestión del Conocimiento y las Comunicaciónes


  4 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1176913
Autor: von Krafft-Ebing Richard.
Título: Psychopathia sexualis: estudio clínico y forense / [Psychopathia sexualis: a clinical and forensic study].
Fonte: Vertex rev. argent. psiquiatr;24(110):307-18, 2013 Jul-Aug.
Idioma: es.
Descritores: Livros de Texto como Assunto
Psiquiatria
Transtornos Parafílicos
-Humanos
Psiquiatria Legal
Tipo de Publ: Artigo de Revista
Responsável: AR5.1 - Centro de Gestión del Conocimiento y las Comunicaciónes


  5 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-974700
Autor: Silva, Vera Lucia Marques da.
Título: Sexualidades dissidentes: um olhar sobre narrativas identitárias e estilo de vida no ciberespaço / Dissident sexualities: an outlook on identity narratives and lifestyle in cyberspace
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;23(10):3309-3318, Out. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo A subcultura BDSM (Bondage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo, Masoquismo) organiza-se em torno de práticas eróticas dissidentes, pautadas no consentimento. A partir de uma netnografia, este estudo visa apreender como os adeptos de BDSM se apresentam do ponto de vista identitário no ciberespaço. Neste sentido, blogs e sites relacionados ao BDSM foram acompanhados, bem como redes sociais. Somam-se a este material, entrevistas de adeptos em outras mídias. Técnicas de amostragem por saturação e Análise de Discurso foram aplicadas. Ao erotizarem o poder, constroem jogos eróticos pautados em hierarquias, onde um indivíduo ocupa o papel de dominação e o outro, de submissão. Todavia, para além de um mero papel sexual, os adeptos defendem que tanto a dominação quanto a submissão fazem parte de sua própria natureza, revelando um discurso essencializador ou instaurando o que afirmam ser uma orientação sexual. A partir de cenários, vestimentas e apetrechos sexuais específicos, seus praticantes ressignificam traumas sociais, particularmente os que envolvem a opressão de gênero. A despeito do estigma que marca os sujeitos envolvidos, suas narrativas bebem de alguns dos pilares da subjetividade contemporânea, dos quais se destaca, a valorização da experiência, do desenvolvimento de si e da maximização do prazer.

Abstract The subculture of BDSM (Bondage, Discipline, Domination, Submission, Sadism, Masochism) is organized around dissident erotic practices based on consent. Starting with a netnography survey, this study seeks to understand how adepts of BDSM present themselves from the standpoint of identity in cyberspace. In this sense, blogs and sites related to BDSM, as well as social networks, have been observed. Added to this material are interviews of adepts in other media. Techniques of Saturation Sampling and Discourse Analysis were applied. By eroticizing power, they construct erotic games based on hierarchies, where one individual occupies the role of domination and the other of submission. However, beyond a mere sexual role, the adepts argue that both domination and submission are part of their own nature, revealing an essentializing and instituting discourse, which they claim to be a sexual orientation. From specific scenarios, dress and sexual paraphernalia, their practitioners relive their social traumas, particularly those involving gender oppression. In spite of the stigma that is attributed to the subjects involved, their narratives echo from some of the pillars of contemporary subjectivity, such as valuation of experience, of self-development, and of the maximization of pleasure.
Descritores: Transtornos Parafílicos/psicologia
Comportamento Sexual/psicologia
Internet
Minorias Sexuais e de Gênero/psicologia
-Sadismo/psicologia
Inquéritos e Questionários
Estigma Social
Rede Social
Estilo de Vida
Masoquismo/psicologia
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-515232
Autor: Campos Hernández, Guisela María.
Título: Alteraciones sexuales en el niño y el adolescente / Sexual disorders in child and adolescent
Fonte: Rev. peru. pediatr;61(4):245-249, oct..-dic. 2008.
Idioma: es.
Resumo: Para entender sobre los trastornos del desarrollo sexual en niños y adolescentes es necesario conocer la sexualidad normal. Revisaremos sobre la identidad sexual, la diferenciación sexual y los juegos sexuales. Uno de los trastornos más importantes en la niñez es el trastorno de identidad de género. En la adolescencia aparecen diversos trastornos que podrían aparecer en la adultez o perpetuarse desde la adolescencia.

To understand about disorders of sexual development in children and adolescents is necessary to know the normal sexuality. Review on sexual identity, sexual differentiation and sexual games. One of the most important disorders in childhood is a disorder of gender identity. Several disorders may emerge in adulthood or perpetuated since adolescence.
Descritores: Caracteres Sexuais
Comportamento Sexual
Diferenciação Sexual
Masturbação
Transtornos Parafílicos
Sexualidade
Transtornos Sexuais e da Identidade de Gênero
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  7 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-91290
Autor: Flores Agreda, Rene; García Trovato, Maita.
Título: Una nota sobre la clasificación de la patología sexual / A consideration about sexual pathology clasification
Fonte: Rev. neuropsiquiatr;45(2):107-17, jun. 1982. tab.
Idioma: es.
Resumo: Previamente a la consideración de la clasificación de los desórdenes sexuales, se hace referencia a las bases de la sexualidad en el ser humano y a algunas propuestas de definición, así como a la evolución del conocimiento, actitud y conductas sexuales a través del tiempo. A continuación se mencionan los primeros intentos de ordenar el complejo campo de la patología sexual, para luego examinar en detalle la DSM III y la ICD
Descritores: Sexo
Disfunções Sexuais Fisiológicas/classificação
Disfunções Sexuais Fisiológicas/patologia
Disfunções Sexuais Psicogênicas/classificação
-Transtornos Parafílicos
Sadismo
Comportamento Sexual
Transexualidade
Disfunções Sexuais Psicogênicas
Disfunção Erétil
Masoquismo
Limites: Humanos
História Antiga
História Medieval
História do Século XIX
História do Século XVII
História do Século XVIII
História do Século XX
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  8 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Abdo, Carmita Helena Najjar
Texto completo
Id: biblio-1026698
Autor: Filho, Arnaldo Barbieri; Abdo, Carmita Helena Najjar.
Título: Transtornos parafílicos: comorbidades e abordagem ética / Paraphilic disorders: comorbidities and ethical approach
Fonte: Diagn. tratamento;24(3):[106-110], jul - set. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: As parafilias, antes conhecidas como perversões sexuais, foram, ao longo da história, ora consideradas patologias ora não. Em 2013, o Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-5) estabeleceu a distinção entre parafilias e transtornos parafílicos (TP), a partir da qual somente os últimos passaram a ser considerados doenças e, portanto, passíveis de tratamento. A presença de comorbidades e a farmacologia das medicações utilizadas são de fundamental importância na escolha da abordagem dos TP. Drogas que inibem a atividade sexual (como antidopaminérgicos, serotoninérgicos, antiandrógenos e outras) podem ser prescritas conforme comorbidades sexuais, psiquiátricas ou sistêmicas. Tratar um transtorno exibicionista associado à doença de Wilson e a uma psicose orgânica é diferente de tratar este mesmo TP associado a hipotireoidismo e depressão, por exemplo. É recomendado que o comportamento parafílico seja inibido sem impedir que o sujeito mantenha a função sexual. No entanto, quando o risco de agressão sexual é maior, muitos autores indicam inibição mais intensa, por meio de antiandrógenos potentes, a chamada "castração química", a qual não está autorizada no Brasil.
Descritores: Transtornos Parafílicos
Comorbidade
Sexualidade
Tratamento Farmacológico
Ética
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  9 / 61 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Moura, Cynthia Borges de
Id: lil-520097
Autor: Marinho-Casanova, Maria Luiza; Moura, Cynthia Borges de.
Título: Orientações para prevenir o abuso sexual infantil / Directions to prevent sexual abuse in children
Fonte: Pediatr. mod;45(3):114-118, maio-jun. 2009. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Abuso Sexual na Infância/diagnóstico
Abuso Sexual na Infância/estatística & dados numéricos
Abuso Sexual na Infância/psicologia
Transtornos Parafílicos/patologia
Transtornos Parafílicos/psicologia
-Maus-Tratos Infantis/psicologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  10 / 61 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-904049
Autor: Archimio, Emilio.
Título: Para una genealogía del violador. Prácticas penales, discursos médicos, psiquiátricos y criminológicos en la configuracion del agresor sexual en Argentina en la primera mitad del siglo XX / Para uma genealogia do estuprador. Práticas penais, discursos médicos, psiquiátricos e criminológicos na configuração do agressor sexual na Argentina na primeira metade do século XX / For a genealogy of the rapist. Penal practices, medical, psychiatric, and criminological discourses in the configuration of the sexual attacker in Argentina during the first half of the twentieth century
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(28):30-50, jan.-abr. 2018.
Idioma: es.
Resumo: Resumen El presente trabajo pretende reflexionar en torno a la definición y caracterización de la violencia sexual en Argentina durante la primera mitad del siglo XX. Procurando superar los enfoques tradicionales, proponemos extender el análisis más allá de los aspectos estrictamente jurídicos, inscribiendo el problema al interior del ejercicio de una determinada tecnología política, que articula una multiplicidad de saberes y relaciones de poder, los cuales se cristalizan por medio diversos tipos de discursos y prácticas, insertos en una red institucional público-privada de intervenciones, regulaciones y control. Desde esta perspectiva, investigamos el proceso de implantación de la figura del agresor sexual como un perfil individual definido, buscando hacer eje en las condiciones de emergencia, la integración estratégica y la productividad táctica de un conjunto heterogéneo de clasificaciones cognitivas que buscaban proporcionar una respuesta o solución a los comportamientos sexuales abusivos.

Resumo O presente trabalho tentar refletir acerca da definição e caracterização da violência sexual na Argentina na primeira metade do século XX. Tentando superar as abordagens mais tradicionais, propomos ampliar a análise para além dos aspectos estritamente legais, registrando o problema dentro do exercício de uma certa tecnologia política que articula uma multiplicidade de conhecimentos e relações de poder que cristalizam regulamentos e controles, através de vários tipos de discursos e práticas incorporados em uma rede institucional público-privada de intervenções. Nesta perspectiva, investigamos o processo de implementação da figura do agressor sexual como um perfil específico definido, procurando um eixo em condições de emergência, integração estratégica e produtividade tática de um conjunto heterogêneo de classificações cognitivas que procurou fornecer uma resposta ou solução para comportamentos sexuais abusivos.

Abstract The present research analyzes the definition and characterization of sexual violence in Argentina during the first half of the twentieth century. We propose to extend the analysis beyond the legal aspects, inscribing the problem on the exercise of a complex political technology assembling different kinds of knowledge and power relations crystalized through varied discourses and practices, which are inserted in a public-private institutional network of intervention, regulation, and control. With this perspective, we study the process of implementation of the sexual criminal as a clearly defined individual profile focusing on the emergence conditions, strategic integration and tactic productivity of a heterogeneous group of cognitive classifications which tried to provide an answer or a solution to sexual abusive behaviors.
Descritores: Transtornos Parafílicos
Argentina
Estupro
Delitos Sexuais
Conhecimento
Pesquisa Qualitativa
Criminosos/história
Medicina Legal
Limites: Humanos
História do Século XX
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C



página 1 de 7 ir para página                  
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde