Base de dados : LILACS
Pesquisa : F03.950.500 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 111 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 12 ir para página                         

  1 / 111 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-1015898
Autor: González Villarrubia, Pedro Ibrahím; Pérez Martínez, Lizette; Fuentes González, Homero Calixto.
Título: Una mirada crítica sobre la reacción situacional en la atención primaria de salud / A critical glance on the situational reaction in primary health care
Fonte: Medisan;21(2), feb. 2017.
Idioma: es.
Resumo: La enfermedad situacional es una categoría nosográfica poco analizada en la bibliografía médica. En este artículo se abordan aspectos importantes relacionados con su valor clasificatorio y práctico, así como la importancia que reviste en el plan de formación del médico general integral, debido a las potencialidades de desarrollo en la comunidad. Además, se enfatiza en las posibilidades prácticas de aplicar los procedimientos psicoterapéuticos de apoyo, que son oportunos y facilitadores para evitar la sobresaturación de la demanda asistencial secundaria, resultante del envío o remisión

The situational disease is a nosographic category little analyzed in the medical literature. In this work important aspects related to its classificatory and practical value are approached, as well as the importance that it has in the training plan of the comprehensive general doctor, due to the development potentialities in the community. It is also emphasized on the practical possibilities of implementing the support psychotherapeutic procedures that are opportune and facilitators to avoid the overflood of secondary assistance demand, resulting from referral.
Descritores: Estresse Fisiológico
Esgotamento Profissional
Transtornos de Adaptação
Médicos de Atenção Primária/psicologia
-Médicos de Família/psicologia
Clínicos Gerais
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: CU418.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas de Santiago de Cuba


  2 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-894646
Autor: Banegas Cardero, Alina; Sierra Calzado, Lillian.
Título: Variables bioquímicas e inmunológicas en pacientes con estrés agudo o crónico / Biochemical and immunologic variables in patients with chronic or acute stress
Fonte: Medisan;21(8), ago. 2017. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Se realizó una investigación descriptiva y transversal de 64 pacientes mayores de 18 años, de los cuales 31 presentaban neurosis (estrés crónico) y 33 reacción situacional (estrés agudo), quienes fueron diagnosticados y atendidos en la consulta de Psiquiatría del Hospital General Docente Dr Juan Bruno Zayas Alfonso de Santiago de Cuba, en el período de mayo a noviembre del 2013, con vistas a determinar las variables bioquímicas e inmunológicas del tejido sanguíneo. Luego de efectuados los exámenes de sangre en todos los integrantes de la serie y el procesamiento estadístico de la información mediante el cálculo porcentual, la media y la desviación estándar, se pudo concluir que desde los puntos de vista bioquímico e inmunológico, la inmunoglobulina G aumenta en pacientes con reacción situacional, mientras que el cortisol se incrementa en los que padecen neurosis

A descriptive and cross-sectional investigation of 64 patients older than 18 years, of which 31 presented neurosis (chronic stress) and 33 situational reaction (acute stress) who were diagnosed and assisted in the Psychiatry Department of Dr Juan Bruno Zayas Alfonso Teaching General Hospital in Santiago de Cuba was carried out in the period of May to November, 2013, with the objective of determining the biochemical and immunologic variables of the blood tissue. After obtaining blood tests in all the members of the series and of the statistical processing of the information by means of the percentage calculation, the mean and the standard deviation, it could be concluded that from the biochemical and immunologic points of view, immunoglobulinG increases in patients with situational reaction, while cortisol is increased in those that suffer from neurosis
Descritores: Fatores Epidemiológicos
Transtornos de Adaptação
Análise Multivariada
Fatores Imunológicos
Transtornos Neuróticos
-Transtornos de Ansiedade
Estresse Fisiológico
Atenção Secundária à Saúde
Biomarcadores/química
Estudos Transversais
Limites: Seres Humanos
Masculino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CU418.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas de Santiago de Cuba


  3 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-949835
Autor: Cruz, Queli Simone da; Mosmann, Clarisse Pereira.
Título: Da conjugalidade à parentalidade: vivências em contexto de gestação planejada / From conjugality to parenting: life experiences facing planned pregnancy
Fonte: Aletheia;(47/48):22-34, maio-dez. 2015. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O presente artigo teve como objetivo investigar as percepções de casais sobre sua relação conjugal diante da transição para a parentalidade em contextos de gestação planejada. Assumindo que o casal que opta por planejar a gestação também escolheu realizar outros desejos antes da maternidade/paternidade e apresentam uma condição tanto de vida profissional quanto conjugal distinta. Diante disso, realizou-se uma pesquisa qualitativa exploratória, através de entrevista semiestruturada com quatro casais que optaram por ter seu primeiro filho de forma planejada. As entrevistas foram gravadas, transcritas, e os dados coletados foram analisados a partir da análise de conteúdo. Os resultados apontam que existem particularidades na transição da conjugalidade para a parentalidade na gestação planejada, que se expressa nas estratégias usadas na resolução dos conflitos. Conclui-se que o tempo de relação conjugal pode ser um fator determinante para o amadurecimento do casal, refletindo na mudança das relações por eles vivenciadas.

This article aimed to investigate the perceptions of couples about their conjugal relationship facing the transition from conjugality to parenting when living planned pregnancy. Knowing that the couple that decides having a child later in life chose to fulfill other wishes before parenthood and show a distinct living and professional situation. An exploratory qualitative research was conduced, through a semi-structured interview with four couple that decided on having their first child late in life. The interviews were recorded, transcript and the data collected was analyzed trough content analysis. The results indicate that there are some singularities in the transition from conjugality to parenting facing planned pregnancies, which presentation is evident in the strategies used for solving problems. It is concluded that the time of a conjugal relationship may be a determinant factor for the couple maturation, what reflects on changes in the relationship.
Descritores: Gravidez
Casamento
Transtornos de Adaptação
Poder Familiar
Planejamento Familiar
-Relações Familiares
Relações Pai-Filho
Relações Mãe-Filho
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite


  4 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-908596
Autor: Rebelo, Alcione Morais dos Santos.
Título: Descanso noturno: influências da ergonomia na adaptação do trabalho de enfermagem / Nocturnal rest: influences of ergonomy in the adaptation of nursing work.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2017. 95 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade do Estado do Rio de Janeiro para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O propósito dessa pesquisa é estudar a influência do trabalho no turno noturno e sua relação com as variáveis sócio-demográficas e fisiológicas no contexto da saúde do trabalhador de enfermagem, considerando as necessidades biopsicossociais do ser humano. A pesquisa tem como objeto de estudo a adaptação do trabalhador de enfermagem ao trabalho noturno e suas repercussões na saúde destes profissionais, visando aprofundar a compreensão desta temática e subsidiar as discussões sobre a regulamentação do descanso noturno de modo adequado durante os plantões. O sono não é simplesmente um descanso, pois segundo Medeiros et al. (2009) dormir é um processo ativo em que algumas regiões do cérebro continuam com as mesmas atividades como durante o estado de alerta. Quando a privação do sono é excessiva e persistente, pode gerar fadiga, diminuição do nível de alerta, irritabilidade, dentre outros sintomas. Os objetivos dessa pesquisa são: Objetivo Geral Avaliar as influências do serviço noturno em relação aos problemas de saúde e bem-estar, dos trabalhadores de enfermagem no turno noturno auto-percebido por esses profissionais em um hospital de grande porte. Objetivos Específicos: Identificar os aspectos sócio-economico, fisiológico e legais dos profissionais de enfermagem que atuam no turno noturno por categoria profissional; Verificar as condições do descanso noturno dos trabalhadores de enfermagem; c) Discutir os sinais e sintomas percebidos pelos trabalhadores sobre os aspectos relacionados ao trabalho noturno. O Método utilizado para essa pesquisa, foi um estudo descritivo-exploratório com abordagem quantitativa composto de 89 profissionais de enfermagem do serviço noturno, distribuídos entre 36 enfermeiros, 19 técnicos de enfermagem e 34 auxiliares de enfermagem. Empregou-se um questionário semiestruturado, com a coleta de dados realizada entre agosto e setembro de 2016. Os Resultados revelam que os enfermeiros sentem-se exaustos após o plantão, pelo tempo dedicado ao serviço de enfermagem e a familiar e apresentaram maior ganho de peso durante o período de tempo de trabalho noturno. O local de repouso foi considerado adequado para a maioria dos participantes das três categorias, porque possibilitou um sono compensatório durante as horas permitidas de descanso pela Organização. Conclui-se que sendo o descanso noturno em local adequado, este é considerado uma das estratégias ergonomicamente eficaz, para adaptação cognitiva dos trabalhadores de enfermagem no turno noturno. Contudo, supõe-se ser insuficiente e inadaptado à outras estratégias de garantia de qualidade de vida essenciais ao trabalhador como a alimentação, lazer e convívio familiar saudável. Sugere-se que outras estratégias são impresisdíveis para enfrentar os efeitos do trabalho noturno, devendo envolver dois níveis básicos: individual e organizacional. Só assim o trabalho noturno será saudável para o trabalhador e proporcionar mais qualidade de assistência aos clientes, e evitar acidentes para o trabalhador e para os clientes, porque somente ceder tempo de descanso noturno não é suficiente.

The purpose of this research is to study the influence of night shift work and its relations with sociodemographic and physiological variables in the context of the health of a Nursing professional, considering a human being's biopsychosocial needs. The research has as a study object the adaptation of the nursing workers to nocturnal work and its repercussions in the health of said professionals, aiming to deepen the understanding of the theme and subsidize the discussions about regulamentation of nocturnal rest in an adequate fashion while on duty. Sleep is not simply rest, seeing as according to Medeiros et al. (2009) sleeping is an active process during which some parts of the brain display the same activities as when in an alert state. When sleep deprivation is excessive and persistent, it can cause fatigue, decrease in mental alertness, irritability, amongst other symptoms. The objectives of this research are: General Objetive: Assess the influences of night shit work in relation to health and well-being problems, of the night shift workers as noticed by said professionals in a large-scale hospital. Specific Objectives: Identify the socioeconomic, physiological and legal aspects of nursing professionals who are active in night shifts as professional categories; Verify the conditions of nocturnal rest of nursing workers; discuss the signals and symptoms perceived by said workers about the aspects of night shift work. The utilized method for this research was that of a descriptive exploratory study, with a quantitative approach made up of 89 night shift nursing professionals, distributed between 36 nurses, 19 nursing technicians and 34 nursing assistants. The results reveal that the nurses feel exhausted after the shift, because of the time dedicated to both nursing and family responsibilities, and they show a greater weight gain during periods of night shift work. The rest site was considered adequate by most of the participants of the three categories, for it made possible for them to compensate for the lost sleep during rest hours allowed by the Organization. In conclusion, being the nocturnal rest held in an adequate place, it is considered one of the most effective ergonomic strategies for cognitive adaptation of night shift nursing professionals. However, the nocturnal rest is assumed to be insufficient and inadaptive to other strategies of warranting essential quality of life for the professional such as nourishment, leisure (recreation) and healthy time with the family. It suggests that other strategies are essential to face the effects of nocturnal work, involving two basic levels: individual and organizational. Only then will nocturnal work be healthy for professionals, provide better quality assistance for clients and avoid accidents for both workers and patients, for the concession of nocturnal rest time during night shifts is not enough.
Descritores: Transtornos de Adaptação/enfermagem
Ergonomia
Saúde do Trabalhador
Enfermagem do Trabalho
Descanso
Jornada de Trabalho em Turnos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)
BR1366.1; 614.253.5, R291, TE691


  5 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-877434
Autor: Pompeo, Daniele Alcalá; Eid, Letícia Palota; Carvalho, Isabela Gonzales; Bertolli, Eduarda dos Santos; Oliveira, Natalia Serafim de.
Título: Autoestima de pacientes com doença arterial coronariana / Self-esteem of patients with coronary artery disease
Fonte: Rev Rene (Online);18(6):712-719, nov. - dez 2017.
Idioma: en.
Resumo: Objetivo: avaliar a autoestima de indivíduos com doença arterial coronariana. Métodos: estudo transversal, realizado com 77 participantes. Foram utilizados os instrumentos: Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão e Escala de Autoestima de Rosenberg. Resultados: a maioria dos participantes obteve autoestima moderada 48 (62,3%), seguida de baixa 29 (37,7%), sendo influenciada pelas variáveis: sexo (p=0,040), escolaridade (p=0,009), sintomas ansiosos (p=0,010) e depressivos (p=0,030). Conclusão: pacientes com doença arterial coronariana apresentaram médios e baixos escores de autoestima. Níveis mais elevados de autoestima foram associados ao sexo feminino, maior escolaridade e à presença de sintomas de ansiedade e depressão. (AU)
Descritores: Transtornos de Adaptação
Doença das Coronárias
Autoimagem
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  6 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-869466
Autor: Rojas G., Octavio; Krauskopf P., Vania; Umaña M., Juan Agustín; Erazo R., Rodrigo.
Título: Intervención psiquiátrica en programa de trasplantes / Psychiatric intervention in a transplantation program
Fonte: Rev. Méd. Clín. Condes;21(2):286-292, mar. 2010. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: En los últimos años la Psiquiatría de Enlace e Interconsulta ha experimentado un salto cualitativo, acercándose al espacio común del resto de las especialidades médicas: el hospital general. La participación de psiquiatras en programas clínicos específicos como las unidades de trasplantes de órganos sólidos tiene fundamentaciones técnicas precisas dada la correlación entre síntomas psíquicos y las características clínicas específicas de las enfermedades médicas que requieren de este procedimiento. Cada vez hay una mayor preocupación en los clínicos y cirujanos en relación a los factores psíquicos que obstaculizan la adherencia a los tratamientos e indicaciones médicas tanto antes como después de efectuado el trasplante. La población de pacientes pre y post-trasplantados exhiben elevadas tasas de cuadros psiquiátricos específicos que ameritan un tratamiento coordinado multidisciplinario. El objetivo de este trabajo es mostrar la experiencia inicial que estamos desarrollando en la Unidad de Trasplantes de Clínica Las Condes.

In recent years consultation-liaison psychiatry has experienced a quantum leap closer to the common space of the other medical specialties: the general hospital. The participation in clinical programs such as the units of solid organ transplants have required technical arguments given the correlation between psychiatric symptoms and the clinical features of specific medical illness that require this procedure. During the last time, there have been and increasingly concern among clinicians and surgeons in regard to the psychological factors that affect the adherence to treatment and medical advice before and after transplant. The population concerning pre and post transplantation issues, exhibits significant rates of specifics psychiatric disorders which require evaluation and drug treatment specialist coordination. The aim of this paper is to show the initial experience we have developed in the transplant unit of Clínica Las Condes, concerning psychiatric and psychosocial issues.
Descritores: Saúde Mental
Encaminhamento e Consulta
Transplante de Órgãos/psicologia
Transtornos de Adaptação/terapia
-Antidepressivos/administração & dosagem
Antipsicóticos/administração & dosagem
Terapia Familiar
Cuidados Pré-Operatórios
Psicofarmacologia
Limites: Seres Humanos
Responsável: CL37.1 - Biblioteca


  7 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-868088
Autor: Serrano, Alan Indio; Vieira, Guilherme Mello; Teixeira, Mário Aurélio Aguiar; Ferracioli, Jair Abdon.
Título: Quadros psicóticos agudos e transitórios: protocolo clínico / Acute and transient psychotic symptoms: clinical protocol.
Fonte: Florianópolis; Santa Catarina (Estado). Secretaria da Saúde; [2014].
Idioma: pt.
Descritores: Protocolos Clínicos
Transtornos Psicóticos/diagnóstico
-Transtornos de Adaptação
Clorpromazina/uso terapêutico
Haloperidol/uso terapêutico
Serviços de Saúde Mental
Transtornos Psicóticos/terapia
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Guia de Prática Clínica
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-867385
Autor: Lima, Emeline das Neves de Araújo.
Título: Análise de fatores clínico-demográficos, psicológicos, hormonais e genéticos na síndrome da ardência bucal e ardor bucal secundário / Analysis of clinical and demographic, psychological, hormonal and genetic factors in burning mouth syndrome and secondary burning mouth.
Fonte: Natal; s.n; 20140000. 161 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-Graduação em patologia oral para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: A síndrome da ardência bucal (SAB) é uma condição clínica pouco esclarecida caracterizada por sensação espontânea de ardência, dor ou prurido na mucosa oral, sem alterações locais ou sistêmicas identificáveis. Sua etiopatogenia é incerta, não havendo até o momento uma padronização dos critérios utilizados para o seu diagnóstico. O presente estudo objetivou verificar a associação de fatores psicológicos, hormonais e genéticos com a SAB no sentido de propor uma melhor caracterização de sua natureza. Além de uma análise descritiva da amostra estudada, os aspectos analisados foram especificamente os níveis de estresse e sua fase, depressão, e ansiedade, compondo os fatores psicológicos; mensuração dos níveis séricos de cortisol e desidroepiandrosterona (DHEA); bem como a verificação sobre a ocorrência de polimorfismos no gene da Interleucina-6 (IL6). Foram realizadas análises comparativas entre um grupo de pacientes com SAB e um grupo composto por indivíduos com ardor bucal secundário (AB). Os resultados revelaram diferenças estatisticamente significativas entre os dois grupos com relação aos seguintes aspectos: xerostomia (p=0,01) e hipossalivação em repouso (p<0,001), que foram mais prevalentes no grupo SAB; sintomas de depressão (p=0,033), também mais presentes no grupo SAB; e dosagem de DHEA, que apresentou níveis mais reduzidos no grupo SAB (p=0,003). A dosagem desse hormônio mostrou-se amplamente sensível e específica para o diagnóstico da síndrome em estudo, sendo verificado que níveis séricos de DHEA abaixo de 0,37µg/mL para mulheres, utilizando-se os procedimentos propostos na pesquisa, possuem um Odds Ratio de 4,0 95 por cento IC (0,37 a 2,71)]. Foi verificado ainda que o alelo C do polimorfismo rs2069849 da IL-6 pode representar um alelo de risco para a ocorrência de ardor bucal em ambos os grupos, no entanto, não se pode garantir sua real implicação nos processos inflamatórios da SAB

Os presentes resultados sugerem uma provável influência da depressão, bem como de níveis diminuídos do hormônio DHEA na SAB

The burning mouth syndrome (BMS) is a clinical condition characterized by spontaneous burning sensation, pain or itching in the oral mucosa without identifiable local or systemic changes. Its pathogenesis is uncertain, with no observable standardization in previous literature of the criteria used for its diagnosis. The present study aimed to determine demographic, psychological, hormonal and genetic factors in patients with BMS and secondary burning mouth to propose a better characterization of the nature and classification of this condition. Besides a descriptive analysis of the sample of 163 individuals, were analyzed the levels of stress and its phase, depression and anxiety; measurement of serum levels of cortisol and dehydroepiandrosterone (DHEA), as well as checking on the occurrence of polymorphisms in the gene of interleukin-6 (IL6). Comparative analysis between a group of patients with BMS and a group of individuals with secondary burning mouth (BM) were performed. The results revealed statistically significant differences between the two groups with respect to the following aspects: xerostomia (p=0.01) and hyposalivation at rest (p<0.001), which were more prevalent in the BMS group; symptoms of depression (p=0.033), more present in the BMS group, and dosage of DHEA, which showed lower levels in BMS patients (p=0.003). The dosage of this hormone was largely specific and sensitive for the diagnosis of the studied syndrome, and was verified that serum levels of DHEA below 0.37 pg/mL in women, using the procedures proposed in this research, have an Odds Ratio of 4.0 95 per cent Cl (0.37 to 2.71)]. These results suggest a possible influence of depression and decreased levels of the hormone DHEA in the pathogenesis of BMS
Descritores: Glossalgia/diagnóstico
Glossalgia/etiologia
Sialorreia/diagnóstico
Sialorreia/patologia
Síndrome da Ardência Bucal/etiologia
Síndrome da Ardência Bucal/patologia
Xerostomia/diagnóstico
Xerostomia/patologia
-Análise de Variância
Ansiedade/psicologia
Distribuição de Qui-Quadrado
Estudos Transversais/métodos
Hidrocortisona/uso terapêutico
Estatísticas não Paramétricas
Transtornos de Adaptação/psicologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos
BR1264.1; D61, L732a, TESE


  9 / 111 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-836485
Autor: Leivi, Miguel.
Título: Vulnerabilidade na adolescência / Vulnerability in adolescence
Fonte: Rev. psicanal;21(2):305-325, ago. 2014.
Idioma: pt.
Resumo: O trabalho se propõe analisar a possível utilidade que o uso do conceito de vulnerabilidade, junto com o de resiliência, relacionado com ele como sua contraparte, pode ter para uma abordagem psicanalítica do sofrimento humano e, em particular, dos problemas hoje relacionados com a adolescência. Para isso, explora o alcance dos conceitos de vulnerabilidade e resiliência e outros que estão associados, examina as problemáticas em jogo no processo adolescente, prestando especial atenção à estreita relação dessas problemáticas com as características da sociedade na qual transcorre a adolescência de seus jovens e como essas características incidem na produção de vulnerabilidades que podem dar origem, nos jovens, a diversos transtornos. Finalmente, o trabalho se ocupa das problemáticas adolescentes predominantes atuais e de sua relação com aspectos centrais das sociedades contemporâneas.

The paper analyzes the possible utility that the use of the concept of vulnerability along with the concept of resilience, related to it as its counterpart, may have for a psychoanalytic approach of human suffering, especially of the problems currently related to adolescence. It therefore explores the scope of the concepts of vulnerability and resilience, as well as others associated to them. It also examines the problematic that takes part in the adolescent process, with special focus on the tight correlation of such problematic to the characteristics of the society in which adolescence takes place, and to the way by which those characteristics incur in the production of vulnerabilities which may give raise, in youngsters, to many disorders. At the end, the paper dwells on the adolescent problematic in current times and its relation with core aspects of contemporary societies.

El trabajo se propone analizar la posible utilidad que la utilización del concepto de vulnerabilidad, junto con el de resiliencia, que está relacionado con él como su contraparte, puede tener para un abordaje psicoanalítico del sufrimiento humano y, en particular, de los problemas que se relacionan en la actualidad con la adolescencia. Para ello explora el alcance de los conceptos de vulnerabilidad y resiliencia y otros que les están asociados, examina las problemáticas en juego en el proceso adolescente, prestando especial atención a la estrecha relación de esas problemáticas con las características de la sociedad en que transcurre la adolescencia de sus jóvenes y a la manera en que esas características inciden en la producción de vulnerabilidades que pueden dar origen en los jóvenes a diversos trastornos. Finalmente, el trabajo se ocupa de las problemáticas adolescentes predominantes en la actualidad y de su relación con aspectos centrales de las sociedades contemporáneas.
Descritores: Transtornos de Adaptação
Psicologia do Adolescente
Resiliência Psicológica
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Responsável: BR18.1 - Biblioteca FAMED/HCPA


  10 / 111 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-779433
Autor: Vargas-Navarro, Pedro; Latorre-López, Diana; Parra-Cárdenas, Samariz.
Título: Estresores psicosociales y depresión mayor recurrente / Psychosocial stressors and major recurrent depression
Fonte: Rev. salud bosque;1(2):39-53, 2011.
Idioma: es.
Resumo: En este trabajo se examinan los estresores psicosociales y la depresión recurrente a través de la revisión de la literatura básica en la materia. Se define el estrés y se clasifica desde diferentes perspectivas. El estrés es una causa de tensión y exigencia o mecanismo de adaptación.El estrés y la presentación del primer episodio depresivo están directamente relacionados, sin embargo cuando se presentan recurrencias el estrés significativo pierde fuerza dentro de los factores que lo desencadenan. Los estresores, especialmente los psicosociales, están relacionados con la presentación de recurrencias. Entre estos se destacan estresores internos y externos, por sucesos vitales, estrés de rol y las contrariedades cotidianas, la alta exigencia y el perfeccionismo. El no cumplimiento de metas es otro factor provocador de crisis en la transición del ciclo vital. El neuroticismo y el perfeccionismo, como actitudes disfuncionales provocan aislamiento y falta de soporte social. Los esquemas cognitivos disfuncionales conducen a un procesamiento erróneo de la información. La depresión es una pauta de relación que no permite encontrar formas adaptativas de enfrentar la vida y conducir las relaciones interpersonales. Aunque hay nuevas visiones que la consideran como un esfuerzo adaptativo. La comorbilidad puede hacer recurrir la depresión. Se ha sugerido que patrones maladaptativos cognitivos, en particular en interacción con estresores, podrían llevar a pobres resultados en el tratamiento de sujetos con trastorno depresivo mayor en comorbilidad con trastornos de personalidad. Estos, independientemente del estado de la depresión, han sido asociados con elevadas actitudes disfuncionales.

This paper examines psychosocial stressors and recurrent depression through a review of the basic literature on the subject. Stress is defined and classified from different perspectives. Stress is a cause of tension and demand or an adaptive mechanism. Stress and the presentation of the first episode of depression are directly related, however when recurrences are present significant stress loses strength among the factors that trigger it. Stressors, especially the psychosocial, are related to recurrences. Chief among these are internal and external stressors, and life events, role stress and annoyances of daily living, high demands and perfectionism. Failure to accomplish goals is another factor provoking crisis in the life cycle transition. Neuroticism and perfectionism, and dysfunctional attitudes lead to isolation and lack of social support. Dysfunctional cognitive schemes lead to erroneous information processing. Depression is a pattern of relationship failing to find adaptive ways of coping with life and conduct relationships, although there are new visions that consider it as an adaptive effort. Comorbidity can lead the recurrence of depression. It has been suggested that maladaptive cognitive patterns, in particular in interaction with stressors, could lead to poor results in the treatment of patients with major depressive disorder comorbidity with personality disorder. These, regardless of the state of depression have been associated with high dysfunctional attitudes.
Descritores: Transtornos de Adaptação
Depressão
Transtorno Depressivo
Estresse Psicológico
Responsável: CO176.1 - Biblioteca Jorge Bejarano



página 1 de 12 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde