Base de dados : LILACS
Pesquisa : F04.096.837 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 33 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 33 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1284345
Autor: Flores Colombino, Andrés(com); Vignali Beltrán, Solange(com).
Título: Anales VIII CLASES / Annals VIII CLASES.
Fonte: Montevideo; Sociedad Uruguaya de Sexología; 1996. xvii, 334 p. ilus., graf..
Idioma: es.
Conferência: Apresentado em: Congreso Latinoamericano de Sexología y Educación Sexual, 8, Montevideo, nov. 8-12, 1996.
Descritores: Educação Sexual
Sexualidade/psicologia
Sexologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Congresso
Responsável: UY1.1 - BINAME - Biblioteca Nacional de Medicina
UY1.1; 1R.36T, LAT


  2 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-698090
Autor: Irvine, Janice M.
Título: Paixões Reguladas: a invenção da inibição do desejo sexual e da adicção sexual / Pasiones reguladas: la invención de la inhibición del deseo sexual y de la adicción al sexo / Regulated Passions: the Invention of Inhibited Sexual Desire and Sex Addiction
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(15):148-177, dez. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: A partir de um olhar sociológico, o artigo trata da emergência das categorias de inibição do desejo sexual (IDS) e da adicção sexual no campo da sexologia norte-americana. O texto busca explicartal emergência a partir da triangulação de imperativos e saberes médicos articulados a demandas e experiências individuais e ansiedades culturais. Além disso, nele se explora a constituição histórico-sócio-política do campo sexológico e médico neste contexto, bem como suas diferenças, mudanças, mediadores culturais, ambivalências e contenciosos.

Desde una mirada sociológica, este artículo aborda la emergencia de las categorías inhibición del deseo sexual (IDS) y adicción al sexo, en el campo de la sexología norteamericana. El texto buscaexplicar tal emergencia a partir de la triangulación de imperativos y saberes médicos articulados a demandas y experiencias individuales, y a ansidades culturales.Se explora la constitución histórico-socio-política del campo sexológico y médico en ese contexto, así como sus diferencias, cambios, mediadores culturales, ambivalencias y conflictos.

In this article the emergence of the categories Inhibited Sexual Desire (IDS), and Sex Addiction within North American sexology is explained as the result of the combination of medical imperatives and knowledge, articulated to individual experiences and demands, as well as to cultural anxieties. In that process the historical, social, and political constitution of the medical and the sexological field is also explored, as well as their differences, changes, cultural mediators, ambivalences, and conflicts.
Descritores: Comportamento Sexual
Sexualidade
Sexologia
Assexualidade
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  3 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-686738
Autor: Russo, Jane A.
Título: A terceira onda sexológica: medicina sexual e farmacologização da sexualidade / La Tercera Ola sexológica: medicina sexual y tratamiento "farmacológico" de la sexualidad / The third sexological wave: sexual medicine and the pharmaceutical "treatment" of sexuality
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(14):172-194, agosto 2013.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo pretende discutir a passagem da "segunda onda sexológica", que surge em meados do século XX, para uma terceira fase representada pela Medicina Sexual, cujo surgimento data da última década do século. Analisa-se o surgimento da Medicina Sexual como parte de um processo mais amplo de "biologização" das concepções acerca do humano ao qual se concatena uma transformação importante do modo de atuação e produção da indústria farmacêutica. Dois pontos cruciais na passagem da segunda sexologia para a Medicina Sexual serão abordados: a reconfiguração médica da impotência através da construção e da difusão do diagnóstico de "disfunção erétil" e os efeitos disto para a sexualidade masculina; a mudança de foco da sexualidade feminina ou do casal para a sexualidade masculina e suas consequências. O objetivo mais amplo do artigo é apresentar e discutir a medicalização da sexualidade masculina e seu significado no que diz respeito às relações de gênero.

Este artículo se propone discutir el paso de la "segunda ola sexológica", que surge a mediados del siglo XX, a una tercera fase representada por la Medicina Sexual, cuyo surgimiento data de la última década del siglo. Se analiza el surgimiento de la Medicina Sexual como parte de un proceso más amplio de "biologización" de las concepciones acerca de lo humano, ligado a una transformación importante del modo de acción y producción de la industria farmacéutica. Se abordarán dos puntos cruciales del paso de la "segunda sexología" a la Medicina sexual: la reconfiguración médica de la impotencia, a través de la construcción y difusión del diagnóstico de "disfunción eréctil", con sus efectos en la sexualidad masculina; y el cambio de foco, de la sexualidad femenina o de la pareja a la sexualidad masculina y sus consecuencias. El objetivo más amplio del artículo es presentar y discutir la medicalización de la sexualidad masculina y su significado, en lo que respecta a las relaciones de género.

This article discusses the passage of the "second sexological wave", which emerged in the middle of the 20th century, to a third phase represented by Sexual Medicine, which came to light in the last decade of the 20th century. I analyze the emergence of Sexual Medicine as part of a broader process of "biologization" of the human, which was parallel to an important transformation in the mode of operation and production of the pharmaceutical industry. Two crucial points in the transition from the second sexology to Sexual Medicine will be addressed: the medical reconfiguration of impotence through the construction and dissemination of the diagnosis of "erectile dysfunction" and its effects on male sexuality; the changing of focus from female (or couple) sexuality to male sexuality and its consequences. The broader goal of the article is to present and discuss the medicalization of male sexuality and its significance regarding gender relations.
Descritores: Sexualidade
Sexologia
Indústria Farmacêutica
Medicalização
Disfunção Erétil
Limites: Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  4 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-782993
Autor: Simonetto, Patricio.
Título: Del consultorio a la cama. Discurso, cultura visual, erótica y sexología en la Argentina / Do consultório à cama. Discurso, cultura visual, erótica e sexologia na Argentina / From the doctor's practice to the bed. Discourse, visual culture, erotica and sexology in Argentina
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(22):103-128, enero-abr. 2016. graf.
Idioma: es.
Resumo: Resumen: La conformación de la sexología como un sub campo de saber en la Argentina se debió a la condensación de tradiciones previas entre los galenos. La circulación de saberes trasnacionales, manuales de clasificación y estudios extranjeros, resultó decisiva en sus prácticas de intervención y sus reflexiones. Este artículo propone un análisis de la obra de Rinaldi Pelleginni, "Sexuología", entendiendo que la misma fue sustancial para la comunidad científica. El texto asume, de este modo, el análisis de los nodos discursivos y de sus imágenes, desde la perspectiva de los estudios visuales, para aproximarse, de este modo, a la manera en que este campo imaginó a determinado actores y definió aquello considerado "normal": lo bello, lo erótico y lo moral.

Resumo: A constituição da sexologia como um subcampo de saber na Argentina se deve à condensação de tradições previas entre médicos. A circulação de saberes transnacionais, manuais de classificação e estudos estrangeiros foram decisivas ns práticas de intervenção e nas reflexões deste campo. Este artigo propõe uma análise da obra de Rinaldi Pelleginni, "Sexuología", entendendo que a mesma foi substancial para a comunidade científica. O texto assume, deste modo, a análise dos nodos discursivos e de suas imagens a partir da perspectiva dos estudos visuais, para aproximar-se da maneira como este campo imaginou determinados atores e definiu aquilo que é considerado "normal": o belo, o erótico e o moral.

Abstract: The constitution of sexology in Argentina as a subfield of knowledge resulted from the condensation of previous traditions among doctors. The transnational circulation of knowledge, classification manuals and foreign studies were decisive for the field's intervention practices and thought. This article analyzes the work of Rinaldi Pelleginni, "Sexuología", which occupies an important place in this scientific community. The text analyzes discursive nodes and its images from a visual studies perspective, as a mean of approaching how some actors were imagined by this field and what they considered "normal": the beautiful, the erotic, and the moral.
Descritores: Sexualidade
Sexologia
Identidade de Gênero
-Argentina
Trabalho Sexual
Comportamento Sexual
Travestilidade
Homossexualidade
Fatores Culturais
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  5 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135778
Autor: Malfrán, Yarlenis Ileinis Mestre; Oliveira, João Manuel de.
Título: Unidade e coesão nacionais: limites da cidadania para as pessoas trans* em cuba / Unidad y cohesión nacionales: los límites de la ciudadanía para personas trans* en cuba / National unity and cohesion: limitations of citizenship for trans* persons in cuba
Fonte: Psicol. Estud. (Online);25:e46605, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO A retórica da unidade nacional como base para a construção de uma nova sociedade é uma das inspirações na implementação de políticas no contexto cubano atual. A exemplo disso, a Estratégia Nacional de Atenção a pessoas transexuais, em Cuba, almeja a integração social das pessoas trans*, recorrendo a narrativas de unidade e coesão nacionais. Este trabalho reflete criticamente sobre os limites das políticas públicas e o modo como determinadas retóricas colocam em causa a sua universalidade. Para tal baseamo-nos em contribuições dos estudos culturais, estudos feministas e debates acerca da democracia radical e plural. Nas conclusões apontamos alternativas ao discurso da integração das pessoas trans*, em Cuba, pela via da unidade e coesão nacionais. Dentre as alternativas consideramos que um distanciamento face a concepções que pensem as diferenças apenas em termos de relações de subordinação e antagonismo, assim como uma aposta no caráter provisório das políticas, a sua possibilidade de criar alianças, de ser mobilizadas pelas paixões, poderiam contribuir significativamente para incrementar a cidadania de pessoas trans* no contexto cubano.

RESUMEN. La retórica de la unidad nacional como base para la construcción de una nueva sociedad es una de las inspiraciones para la implementación de políticas en el contexto cubano actual. Como ejemplo de eso, la Estrategia Nacional de Atención a personas transexuales en Cuba aspira a la integración social de las personas trans*, recurriendo a narrativas de unidad y cohesión nacionales. Este estudio reflexiona críticamente sobre los límites de las políticas públicas y el modo en que determinadas retóricas cuestionan su universalidad. Para ello nos basamos en contribuciones de los estudios culturales, estudios feministas y debates acerca de la democracia radical y plural. En las conclusiones apuntamos alternativas al discurso de la integración de las personas trans* en Cuba por la vía de la unidad y cohesión nacionales. Entre las alternativas consideramos que un distanciamiento frente a concepciones que piensan las diferencias solo en términos de relaciones de subordinación y antagonismo, así como una apuesta en el carácter provisional de las políticas, su posibilidad de crear alianzas, de ser movilizadas por las pasiones, podrían contribuir significativamente para incrementar la ciudadanía de personas trans * en el contexto cubano.

ABSTRACT. The rhetoric of national unity as the basis for building a new society is one of the inspirations in the implementation of policies in the current Cuban context. As an example, the National Strategy for the Care of Transgender People in Cuba aims at the social integration of trans* people, using narratives of national and unity cohesion. This work reflects critically on the limits of public policies and on how certain rhetoric calls into question their universality. To this end, we take into consideration some contributions from cultural and feminist studies and debates about radical and plural democracy. In the conclusions, we point out alternatives to the discourse on the integration of trans* people in Cuba through national unity and cohesion. Among the alternatives we take a distance from conceptions that think of differences only in terms of subordination and antagonism relations as well as based on the provisional nature of policies, their possibility of creating alliances, to be mobilized by the passions, seem more feasible to contribute significantly to improve the citizenship of trans * people in the Cuban context.
Descritores: Transexualidade/psicologia
Comportamento Cooperativo/políticas
Universalização da Saúde
-Política
Política Pública
Casamento/psicologia
Sexualidade/psicologia
Sexologia
Diversidade de Gênero
Identidade de Gênero
Integração Social
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  6 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-648275
Autor: Sutter, Matilde Josefina.
Título: Determinação e mudança de sexo: aspectos médico-legais / Determination and sex change: medical-legal aspects.
Fonte: São Paulo; Revista dos Tribunais; 1993. 173 p.
Idioma: pt.
Descritores: Medicina Legal
Sexo
Sexologia/legislação & jurisprudência
Responsável: BR2025 - AHM - Autarquia Hospitalar Municipal
BR2025; WM611, S967d. 0171


  7 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1028603
Autor: Morales, Brenda C. De.
Título: La educación sobre sexualidad y reproducción humana: un derecho fundamental en la adolescencia / Sex education and human reproduction: a fundamental right in adolescence
Fonte: Enfoque (Panama);13(8):27-38, Ene.-jun. 2013.
Idioma: es.
Resumo: La educación sexual es muy importante, pero quien interviene como educador no debe tenerrepresiones sexuales en su subconsciente. Se inicia desde el hogar y la familia, ya que son los padres losprimeros educadores de sus propios hijos. Se incluye también, su derecho a adoptar decisiones relacionadasa la sexualidad sin sufrir discriminación, violencia y abuso. Los datos de la Encuesta Nacional de Salud2009 revelan que 55,2% de los adolescentes entre 15 y 19 años ha tenido relaciones sexuales. Cerca de dosmillones de adolescentes sufren la enfermedad del sida en todo el mundo, El factor determinante críticopara reducir la morbilidad y la mortalidad para la adolescente y su hijo es la asistencia prenatal oportuna yconcienzuda. La educación, desde la infancia, contigua a la escolaridad, es la base principal que ayudarásatisfactoriamente a orientar y enseñar a la niñez, todo lo relacionado con la sexualidad.

Sex education is very important. However, the person acting as educator should not have anysexual repressions in his or her subconscious. Sex education starts from home and family since parents arethe first educators of their own children. They also have the right to make decisions related to sexualitywithout suffering from discrimination, violence, or abuse. The date from the 2009 National Health Surveyshows that 55.2% of adolescents between 15 and 19 have had sex. About two million adolescents sufferfrom Aids worldwide. The critical factor to reduce morbidity and mortality among adolescents and yourchild is timely and thorough prenatal care. Education, from childhood as well as schooling, is a main baseto help successfully guide and teach children about all issues related to sexuality.
Descritores: Defesa da Criança e do Adolescente/legislação & jurisprudência
Educação Sexual
Sexologia
-Controle de Doenças Transmissíveis
Gravidez na Adolescência/estatística & dados numéricos
Limites: Adolescente
Responsável: PA30.1 - BINASA - Biblioteca Nacional de Salud


  8 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-952301
Autor: Alarcão, Violeta; Machado, Fernando Luís; Giami, Alain.
Título: Emergência e institucionalização da sexologia em Portugal: processos, atores e especificidades / The emergence and institutionalization of sexology in Portugal: processes, actors, and specificities / Emergencia e institucionalización de la sexología en Portugal: procesos, actores y especificidades
Fonte: Cad. Saúde Pública (Online);32(8):e00036215, 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo: Com base na teoria dos campos de Bourdieu, este artigo analisa a emergência e a institucionalização da sexologia enquanto ciência e profissão em Portugal, identificando instituições, atores e práticas profissionais, e discutindo as suas relações e especificidades. Começa por contextualizar o surgimento da sexologia moderna ocidental para uma compreensão do caso português no contexto sexológico internacional. Numa segunda parte, descreve os fatores de natureza social, cultural e institucional que têm impulsionado a profissionalização da sexologia. Na terceira, descreve a emergência da sexologia portuguesa e os seus principais marcos históricos, instituições e atores em jogo. Por fim, discute algumas implicações desse processo para o papel da sexologia como ciência e profissão. Esta pesquisa revela as dinâmicas entre processos nacionais e internacionais no campo, na transição de uma perspectiva holística da sexologia para a hegemonia da medicina sexual, e clarifica os seus mecanismos de legitimação como ciência transdisciplinar da sexualidade, sugerindo perspectivas futuras.

Abstract: Based on Bourdieu's field theory, this article analyzes the emergence and institutionalization of sexology as a science and profession in Portugal, identifying relevant institutions, actors, and professional practices and discussing its relations and specificities. The analysis begins by contextualizing the emergence of modern Western sexology in order to comprehend the Portuguese case in the international sexology context. The second section describes the social, cultural, and institutional factors that have driven the professionalization of sexology. The third section describes the emergence of Portuguese sexology and its principal historical milestones, institutions, and actors. Finally, the article discusses some implications of this process for the role of sexology as a science and profession. The study reveals the dynamics of national and international processes in the field, in the transition from a holistic perspective of sexology to the hegemony of sexual medicine, and sheds light on its mechanisms of legitimation as a transdisciplinary science of sexuality, suggesting future perspectives.

Resumen: En base a la teoría de los campos de Bourdieu, este artículo analiza la emergencia y la institucionalización de la sexología como ciencia y profesión en Portugal, identificando instituciones, actores y prácticas profesionales, y discutiendo sus relaciones y especificidades. Comienza por contextualizar el surgimiento de la sexología moderna occidental para una comprensión del caso portugués en el contexto sexológico internacional. En una segunda parte, se describen los factores de naturaleza social, cultural e institucional que han impulsado la profesionalización de la sexología. En la tercera parte, se describe la emergencia de la sexología portuguesa y sus principales marcos históricos, instituciones, y actores en juego. Finalmente, discute algunas implicaciones de este proceso para el papel de la sexología como ciencia y profesión. Esta investigación revela las dinámicas entre procesos nacionales e internacionales en el campo, en la transición de una perspectiva holística de la sexología para la hegemonía de la medicina sexual, y clarifica sus mecanismos de legitimización como ciencia transdisciplinaria de la sexualidad, sugiriendo perspectivas futuras.
Descritores: Sexologia/organização & administração
-Portugal
Comportamento Sexual/história
Estados Unidos
Brasil
Política de Planejamento Familiar
Sexologia/classificação
Sexologia/história
Sexologia/tendências
Europa (Continente)
Medicalização
Ocupações em Saúde/tendências
Limites: Humanos
História do Século XIX
História do Século XX
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 33 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Abdo, Carmita Helena Najjar
Texto completo
Id: biblio-2510
Autor: Lucena, Brabara Braga; Abdo, Carmita Helena Najjar.
Título: Terapia sexual: breve histórico e perspectivas atuais / Sex Therapy: brief history and current perspectives
Fonte: Diagn. tratamento;21(4):186-189, Out.-Dez. 2016.
Idioma: pt.
Resumo: A intervenção de profissionais de diferentes áreas é necessária para a avaliação e o tratamento efetivos de indivíduos que sofrem por disfunção sexual. O paradigma atual preconiza o modelo biopsicossocial para a compreensão e o tratamento dessas queixas. Contando com mais de cinco décadas, desde o seu advento, a terapia sexual permanece viva e incorpora à sua prática importantes achados recentes da Psicologia e da Medicina. O planejamento terapêutico deve ser elaborado após elucidação de fatores predisponentes, precipitadores e mantenedores do problema. Apesar de apresentar e publicar resultados promissores, as intervenções psicoterápicas para as disfunções sexuais devem ser mais estudadas a fim de preencherem os requisitos de uma prática baseada em evidências. O sucesso da terapia sexual não se mensura a partir da frequência sexual ou das mudanças no tempo de latência ejaculatória e da rigidez peniana. Mais do que resgatar a função sexual, interessa conseguir a minimização/supressão do sofrimento, o prazer e a satisfação sexual do paciente.
Descritores: Psicoterapia
Terapêutica
Sexualidade
Disfunções Sexuais Psicogênicas
Sexologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  10 / 33 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Carrara, Sergio
Id: biblio-983467
Autor: Carrara, Sérgio(org).
Título: Meu encontro com os outros: memórias de José de Albuquerque, pioneiro da s políticos governança políticas urbana sexologia no Brasil.
Fonte: Rio de Janeiro; Editora Fiocruz; 2016. 234 p. ilus. (História e saúde; Clássicos e fontes).
Idioma: pt.
Resumo: A sexualidade como função fisiológica e o desejo sexual como necessidade orgânica primária. A educação sexual – para homens e mulheres – como estratégia para solucionar não só o problema das doenças venéreas, mas outros como a desarmonia conjugal e as perversões sexuais. A legitimação e institucionalização da andrologia, a ciência do homem. A crítica à abstinência sexual socialmente imposta às mulheres solteiras e viúvas. Essas eram algumas das ideias defendidas pelo autoproclamado sexólogo e andrologista brasileiro José de Albuquerque, médico que, embora tenha enfrentado tabus, levantado polêmicas e causado rebuliço na elite carioca nos anos 1930, ficou esquecido ao longo das décadas seguintes. Mas agora esse importante personagem da história da sexualidade no Brasil volta à cena com a publicação de sua autobiografia até então inédita. Enfim, para além das peripécias de uma vida bastante agitada e de uma singular trajetória profissional, a autobiografia desvela aspectos interessantíssimos do desenvolvimento das ciências médicas no Rio de Janeiro do entreguerras. Nela, aparecem seus principais personagens, a vida em suas escolas e o universo de sua prática, afirmam os organizadores. Sua leitura na segunda década dos anos 2000 permite colocar em uma nova perspectiva a própria história da sexualidade no Brasil, um campo que hoje, como nos anos 1930, continua tensionado por inúmeros dilemas, conflitos e impasses.
Descritores: Andrologia
Educação Médica/história
Educação Sexual/história
Sexologia/história
-Biografias como Assunto
Brasil
Pessoas Famosas
História da Medicina
Saúde do Homem/história
Médicos/história
Urologia/história
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Biografia
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 306.7098, C313m



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde