× Atenção: Esta versão do sistema de pesquisa será desativada em 01/12/2022. Recomendamos a utilização da nova versão disponível em pesquisa.bvsalud.org


Base de dados : LILACS
Pesquisa : F04.711.513.240 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 414 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 42 ir para página                         

  1 / 414 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Correa, Jane
Texto completo
Id: biblio-1383889
Autor: Varizo, Stella; Correa, Jane; Mousinho, Renata; Navas, Ana Luiza.
Título: A contribuição da nomeação automatizada rápida para a velocidade e compreensão de leitura textual em crianças brasileiras do ensino fundamental / The contribution of rapid automatized naming with reading rate and text comprehension in Brazilian elementary school children
Fonte: Audiol., Commun. res;27:e2641, 2022. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: CNPq.
Resumo: RESUMO Objetivo O objetivo principal do presente estudo foi examinar a contribuição da nomeação automatizada rápida (NAR) para velocidade e compreensão de leitura. Analisou-se, também, se o desempenho da tarefa de nomeação automatizada rápida em ano inicial da escolaridade poderia ser preditora da habilidade ulterior em velocidade e compreensão de leitura textual. Métodos Foram analisados 40 protocolos das avaliações das habilidades do processamento fonológico, sendo elas: nomeação automatizada rápida, consciência fonológica e memória de trabalho fonológica, assim como avaliação da velocidade e compreensão de leitura, realizadas em 2008 e 2011, quando as crianças cursavam, respectivamente, o 2º e o 5º ano do ensino fundamental I. Resultados No 2º ano, a NAR de objetos foi capaz de prever o desempenho em velocidade de leitura. Já no 5º ano, a NAR de letras assumiu tal papel. No 2º ano, a NAR contribuiu de forma indireta, por meio da velocidade de leitura, para o desempenho das crianças em compreensão leitora. Já no 5º ano, dentre as habilidades do processamento fonológico, a memória de trabalho se destacou por se correlacionar significativamente com a compreensão da leitura. A velocidade de leitura do 2º ano previu o desempenho da velocidade de leitura no 5º ano. Conclusão Os achados deste estudo se mostram importantes para a prática clínica e educacional, reforçando que a NAR apresenta importante contribuição para a velocidade de leitura e esta, por sua vez, é importante para a compreensão de leitura.

ABSTRACT Purpose The main objective of the present study was to examine the contribution of rapid automatized naming (RAN) to reading rate and text comprehension. We also analyzed whether the performance on a rapid automatized naming task in the first year of schooling could be a predictor of the future skill in reading speed and text comprehension. Methods Forty protocols with phonological processing skills assessments were analyzed, namely: rapid automatized naming, phonological awareness and phonological working memory, as well as assessment of reading rate and comprehension, carried out in 2008 and 2011, when children were respectively, in the 2nd and 5th grades of Elementary School I. Results For children in 2nd grade, the RAN of objects was able to predict their performance in reading speed, whereas for children in 5th grade, the performance of RAN of letters plays such a role. In the 2nd grade, RAN contributes indirectly, through reading speed, to the performance of children in reading comprehension. In the 5th grade, among the phonological processing skills, working memory stands out for correlating significantly with reading comprehension. The reading speed of the 2nd grade was able to predict the performance of the reading speed in the 5th. grade. Conclusion Such findings are important for clinical and educational practice, reinforcing that RAN is an important skill which contributes to reading rate which in turn, is important for reading comprehension
Descritores: Leitura
Compreensão
Testes de Linguagem
-Estudantes
Brasil
Ensino Fundamental e Médio
Limites: Humanos
Criança
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  2 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1374479
Autor: Martins-Reis, Vanessa de Oliveira; Melo, Juliana Dafne Pereira de; Mesquita, Kimberlinn Braga; Jesus, Luciana Cássia de; Alves, Luciana Mendonça.
Título: Há associação entre a consciência fonêmica e a leitura de adolescentes do ensino fundamental II? / Is there an association between phonemic awareness and the reading ability of adolescents at secondary elementary school?
Fonte: Audiol., Commun. res;27:e2591, 2022. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Objetivo caracterizar o desempenho de adolescentes em consciência fonêmica e verificar a associação entre essa habilidade e a leitura de palavras. Métodos participaram do estudo 83 adolescentes, sendo 58 do gênero feminino e 25 do gênero masculino, com idades entre 11 e 16 anos, matriculados do 6º ao 9º ano do ensino fundamental II de duas escolas públicas de Belo Horizonte. Foram aplicados testes de consciência fonêmica e a prova de leitura de palavras e pseudopalavras. Resultados os adolescentes apresentaram maior dificuldade em realizar a tarefa de segmentação fonêmica. Em contrapartida, na execução das tarefas de subtração de consoante/vogal/consoante e inversão, houve efeito teto. Observou-se correlação positiva entre as tarefas da consciência fonêmica e a leitura de palavras e pseudopalavras. Conclusão O desenvolvimento da consciência fonológica ainda é necessário na adolescência e, além disso, se pode dizer que o desenvolvimento dessa habilidade contribui de forma significativa para o bom desempenho da leitura no ensino fundamental II

ABSTRACT Purpose To ascertain the performance of adolescent's phonemic awareness and corroborate the association between this skill and reading. Methods Eighty-three adolescents participated in the study consisting of 58 girls and 25 boys aged between 11 and 16 years of age all being enrolled in the 6th to 9th grades of secondary elementary school in two public schools in Belo Horizonte. Phonemic awareness tests and word and pseudoword reading test were carried out. Results Adolescents had difficulty in performing the phonemic segmentation task, on the other hand when performing the CVC subtraction and inversion tasks there was a ceiling effect. A positive correlation was found between the phonemic awareness tasks and the reading of words and pseudowords. Conclusion This study concluded that the development of phonological awareness is still necessary in adolescence, i.e. the development of this skill contributes significantly to good reading performance at secondary elementary school level.
Descritores: Leitura
Conscientização/fisiologia
Fonética
Testes de Linguagem
-Estudantes
Ensino Fundamental e Médio
Escolaridade
Desenvolvimento da Linguagem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  3 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1039619
Autor: Ugarte, Lisette Fuentes; Mondaca, Carolina; Ortiz, Camila; Quiroz, Jorge; Vásquez, Krisly; Morales, Camilo.
Título: Uso del TEVI-R para describir el vocabulario pasivo en niños de la etnia Mapuche / Use of TEVI-R to describe passive vocabulary in children belonging to a Mapuche community
Fonte: CoDAS;31(5):e20180130, 2019. tab.
Idioma: es.
Resumo: RESUMEN Objetivo Describir el nivel de vocabulario pasivo en niños y niñas pertenecientes a la etnia mapuche, utilizando el Test de Vocabulario en Imágenes versión Revisada (TEVI-R). Método Se llevó a cabo un estudio de corte transversal. Participaron 26 niños, de ambos géneros cuyas edades fluctuaron entre 4 y 7 años de edad. Se midió el desempeño de vocabulario pasivo mediante la aplicación del TEVI-R, analizando las variables edad y género, además de realizar un análisis de los ítems con mayor cantidad de errores. Resultados El rendimiento de estos niños no se ve influenciado ni por género, ni por edad. Existen potenciales fuentes de error en los ítems de los instrumentos relacionados a la pertinencia cultural, geográfica y a la calidad gráfica de los mismos. Conclusión No se observó asociación por género ni diferencias por edad en la población estudiada. Se discute la posibilidad de elaborar nuevos instrumentos o revisar los disponibles, dadas las características de su lengua materna, con la finalidad de recabar resultados fiables y respetar los elementos que forman parte de los marcadores propios de su cultura.

ABSTRACT Purpose To describe the level of passive vocabulary in boys and girls belonging to the Mapuche ethnic group, using the Vocabulary Test in Images Revised version (TEVI-R). Methods A cross-sectional study was carried out. Twenty-six children, both gender, between 4 to 7 years old participated in the study. The performance of passive vocabulary was measured through the application of the TEVI-R, analyzing the variables age and gender, as well as performing an analysis of the items and the number of errors. Results The performance of these children is not influenced by gender or age. There are potential sources of error in the items of the instruments related to the cultural, geographical relevance and graphic quality of them. Conclusion No association was observed by gender or differences by age in the study population. The possibility of developing new instruments or revising the available ones is discussed, given the characteristics of their native language, obtaining reliable results and respecting the elements that are part of their culture.
Descritores: Vocabulário
Desenvolvimento da Linguagem
Testes de Linguagem
-Índios Sul-Americanos
Chile/etnologia
Estudos Transversais
Grupos Populacionais
Limites: Criança
Pré-Escolar
Feminino
Humanos
Masculino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1039606
Autor: Pedrett, Mariana dos Santos; Costa, Maria Beatriz Pedrett.
Título: Aplicação da Escala RDLS para caracterização do perfil da linguagem oral de crianças usuárias de implante coclear / Application of RDLS scale to characterize oral language profiles in children using cochlear implant
Fonte: CoDAS;31(5):e20180158, 2019. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Objetivo Analisar e caracterizar a linguagem oral de um grupo de crianças, participantes de um programa de reabilitação auditiva, usuárias de implante coclear (IC) há, no mínimo, cinco anos, com base nas habilidades de linguagem receptiva e expressiva, mensuradas por meio da Escala de Compreensão Verbal da RDLS. Método Estudo prospectivo transversal, no qual foram avaliadas seis crianças, com idade entre 8 e 11 anos, surdez profunda sensorioneural bilateral, cuja média de tempo de uso de IC foi de, no mínimo, cinco anos. Utilizou-se como instrumento a Escala RDLS, uma versão brasileira da escala americana conhecida como Reynell Developmental Language Scales (RDLS). É composto das Escalas de Compreensão e de Expressão, além das Subescalas Estrutura, Vocabulário e Conteúdo. Resultados As habilidades de nomeação apresentaram-se evidentemente melhores em comparação às habilidades que envolveram funções pragmáticas de linguagem, demonstradas nas Subescalas de Conteúdo e Estrutura, como a descrição de uma figura com elaboração de sentenças mais longas ou a organização sintática comparada à identificação de objetos, palavras e figuras. Conclusão Não houve discrepâncias significativas entre a Escala de Compreensão em relação à Escala de Expressão Verbal, no entanto nota-se que, em estruturas mais complexas, como reconhecimento de frases, os desempenhos foram mais baixos do que no reconhecimento de palavras. Tais resultados implicam possíveis implementações de programas educacionais e de reabilitação para crianças com IC.

ABSTRACT Purpose Analyze and characterize the oral language of a group of children participating in an auditory rehabilitation program, with at least five years of dispositive use, based on skills of receptive and expressive language measured trough the verbal comprehension RDLS scale. Methods Transversal and prospective study, evaluating 6 children with age between 8 and 11 years old, all with neurosensory bilateral severe deafness, average time of cochlear implant use of at least 5 years. The evaluation was performed using the RDLS scale, a Brazilian variant of the American scale known as Reynell Developmental Language Scales (RDLS). It consists of the comprehension scale, expression scale, in addition to sub-scales: structure, vocabulary and content. Results The naming skills were significantly better when compared to abilities involving pragmatic language functions, demonstrated by the sub-scales of content and structure, like the description of a figure and construction of longer sentences or syntactic organization compared to objects, words and figures identification. Conclusion There were no significant differences between the Comprehension and Expression scales; however, we noted that the performances in more complex structures, like sentences recognition, were inferior to their word recognition performances. These results imply possible implementation of educational and rehabilitation programs for children using cochlear implant.
Descritores: Implantes Cocleares
Perda Auditiva Neurossensorial/reabilitação
Desenvolvimento da Linguagem
Testes de Linguagem/normas
-Vocabulário
Brasil
Estudos Transversais
Estudos Prospectivos
Pessoas com Deficiência Auditiva
Idioma
Limites: Criança
Feminino
Humanos
Masculino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-778628
Autor: Cibian, Aline Priscila; Agessi, Larissa Mendonça; Palácios, Thiliê; Medeiros, Juliana Silveira Ferreira; Osborn, Ellen; Pereira, Liliane Desgualdo.
Título: Processamento auditivo e avaliação de linguagem em indivíduos com a Síndrome do Olho de Gato - estudo de caso / Auditory processing and language evaluation in patients with Cat Eye Syndrome - case study / Procesamiento auditivo y evaluación del lenguaje en indivíduos con Síndrome de Ojo de Gato - estudio de caso
Fonte: Distúrb. comun;27(4):690-695, dez. 2015. tab.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: 22º Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Joinville-SC, 8 Out 2014.
Resumo: A síndrome do Olho de Gato é uma síndrome rara, caracterizada por coloboma de íris e malformação pré-auricular. O objetivo deste estudo foi relatar a avaliação fonoaudiológica e de processamento auditivo de dois irmãos com diagnóstico da síndrome do olho de gato. As avaliações foram realizadas no ambulatório de neuroaudiologia e no ambulatório de triagem fonoaudiológica do Departamento de Fonoaudiologia da Universidade Federal de São Paulo. Os testes avaliados foram: audiometria tonal liminar, pesquisa do limiar de recepção de fala, imitanciometria e pesquisa do reflexo acústico, Índice percentual de reconhecimento de fala, fala no ruído com figuras, dicótico de dígitos, detecção de intervalos aleatórios, prova de vocabulário e fonologia do teste de linguagem infantil e item que avalia a compreensão oral da Avaliação Neuropsicológica Luria Nebrasca. Na avaliação as crianças apresentaram perda auditiva neurossensorial de grau mínimo bilateral, alteração nas habilidades auditivas de fechamento e figura-fundo na avaliação do processamento auditivo e nas habilidades de linguagem de compreensão oral e emissão oral nos testes de vocabulário e fonologia.

The Cat Eye Syndrome is a rare syndrome characterized by coloboma of iris and pre-auricular malformation. The objective of this study was to evaluate the speech, comprehension of speech and auditory processing of two brothers with a diagnosis of cat eye syndrome. The evaluations wereperformed in a neuroaudiologic clinic and speech screening clinic of the Speech Therapy Department, Federal University of São Paulo. The tests were: pure tone audiometry, research of the speech reception threshold, tympanometry and acoustic reflex, index of speech recognition percentage, speech in noise with figures, digit dichotic test Random Gap Detection Test, vocabulary test and phonology and an Item which assesses speech comprehension of Luria Nebraska Neuropsychological Assessment. In the evaluation the children showed bilateral sensorineural hearing loss of minimum level, changes in hearing closure and figure-ground in auditory processing, and in the skills of listening and spoken language issue in phonology and vocabulary tests.

Síndrome del Ojo de Gato es un síndrome poco frecuente, caracterizada por coloboma de iris y malformación pre-auricular. El objetivo de este trabajo es presentarla evaluación fonoaudiológica y de procesamiento auditivo de dos hermanos con un diagnóstico de síndrome de Ojo de Gato. Las evaluaciones se realizaron en el ambulatorio de neuroaudiologia y e nel ambulatorio de tamizaje fonoaudiológica del Departamento de Fonoaudiología de la Universidad Federal de São Paulo. Las pruebas fueron: audiometría de tono, investigación del umbral de recepción del habla, imitaciometria e investigación del reflejo acústico, índice promedio de reconocimiento de voz, habla en ruido con figuras, dicótica de dígitos, detección de intervalos aleatorios, prueba de vocabulario y fonología de la prueba de lenguaje infantil y una prueba que evalúa la comprensión oral de la Evaluación Neuropsicológica Luria Nebraska. En la evaluación, los niños presentaron una pérdida auditiva neurosensorial de grado mínimo bilateral, cambio en las habilidades auditivas de cierre y figura-fondo en el procesamiento auditivo y en las habilidades de lenguaje de comprensión oral y emisión oral en las pruebas de vocabulario y fonológicas.
Descritores: Percepção Auditiva
Fonoaudiologia
Audição
Doenças da Íris
Desenvolvimento da Linguagem
-Audiometria
Fonoterapia
Coloboma
Diagnóstico
Testes de Linguagem
Limites: Humanos
Responsável: BR195.3 - Biblioteca Nadir Gouvêa Kfouri


  6 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1374482
Autor: Cruzatti, Ana Letícia; Santos, Flávia Rodrigues dos; Fabron, Eliana Maria Gradim; Delgado-Pinheiro, Eliane Maria Carrit.
Título: Produção da fala de crianças e adolescentes de um programa de reabilitação auditiva / Speech production of children and adolescents from an auditory rehabilitation program
Fonte: Audiol., Commun. res;27:e2615, 2022. tab.
Idioma: pt.
Projeto: FAPESP.
Resumo: RESUMO Objetivo caracterizar a produção da fala de crianças e adolescentes usuários de aparelho de amplificação sonora individual (AASI) ou implante coclear (IC) de um programa de reabilitação auditiva. Métodos estudo observacional transversal. Foram analisadas amostras de fala de 15 participantes de um programa de reabilitação auditiva, que consistiam na prova de fonologia do ABFW (ABFW - Teste de Linguagem Infantil nas Áreas de Fonologia, Vocabulário, Fluência e Pragmática) e na fala espontânea, adaptada do Protocolo de Avaliação de Voz do Deficiente Auditivo. Foi aplicado o teste de Wilcoxon para comparar os índices de Porcentagem de Consoantes Corretas (PCC) e Porcentagem de Consoantes Corretas revisado (PCC-r) das provas de fonologia e o teste de Mann-Whitney para comparar os referidos índices, em relação aos graus de inteligibilidade da fala espontânea. Também foi analisada a variabilidade de produção dos fonemas das provas de fonologia. Resultados verificou-se desvio leve nos índices de PCC e PCC-r para as provas de fonologia, com escores superiores para o PCC-r. Os participantes com médias maiores que 85% alcançaram inteligibilidade "Boa" e participantes com médias entre 85% e 50% apresentaram inteligibilidade "Regular/Insuficiente". Os usuários de AASI não produziram adequadamente os fonemas /s/, /z/, /Ʒ/ /ɲ/, /l, /ʎ/, arquifonema /S/ e arquifonema /R/ e os usuários de IC, os fonemas /ʎ/ e arquifonema /R/. Conclusão o grupo estudado apresentou desvio leve nos índices de PCC e PCC-r, com médias superiores, quando considerada a distorção como acerto. Participantes com inteligibilidade "Boa" apresentaram maiores escores de PCC e PCC-r. Usuários de AASI não produziram fonemas fricativos adequadamente. Foram observadas produções com variação linguística social e regional.

ABSTRACT Purpose To characterize the speech production of children and adolescents from an auditory rehabilitation program who use hearing aids (HA) or cochlear implant (CI). Methods Cross-sectional observational study. Speech samples from 15 participants of a hearing rehabilitation program were analyzed through the phonology test of the ABFW Test and spontaneous conversation, which were adapted from the Protocol for the Evaluation of Voice in Subjects with Hearing Impairment. The Wilcoxon test was used to compare the Percentage of Consonants Correct (PCC) and the Percentage of Consonants Correct-revised (PCC-r) indexes of the phonology test, and the Mann-Whitney test was used to compare these indexes to the degrees of intelligibility of spontaneous conversation. The variability of production of the phonemes of the phonology tests was also analyzed. Results There was a mild deviation in the PCC and PCC-r indexes for the phonology tests, with higher scores for the PCC-r. Participants with averages greater than 85% achieved "Good" intelligibility, and participants with averages between 85% and 50% had "Regular/Insufficient" intelligibility. The HA users did not properly produce the phonemes /s/, /z/, /Ʒ/ /ɲ/, /l, /ʎ/, the archiphoneme /S/, and the archiphoneme /R/. The CI users did not properly produce the phonemes /ʎ/ and the archiphoneme /R/. Conclusion The group had a mild deviation in the PCC and PCC-r indexes, with higher means when the distortion was considered correct. Participants with "Good" intelligibility had higher PCC and PCC-r scores. HA users did not produce fricative phonemes properly. There were productions with a social and regional linguistic variation.
Descritores: Distúrbios da Fala
Inteligibilidade da Fala
Medida da Produção da Fala
Pessoas com Deficiência Auditiva
Perda Auditiva/reabilitação
-Testes de Linguagem
Limites: Humanos
Criança
Adolescente
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  7 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Bertolucci, Paulo Henrique Ferreira
Texto completo
Id: biblio-1278383
Autor: Ortiz, Karin Zazo; DE Lira, Juliana Onofre; Minett, Thais Soares Ciariancullo; Bertolucci, Paulo Henrique Ferreira.
Título: Language impairment in the moderate stage of dementia due to Alzheimer's disease / Alterações de linguagem na fase moderada da demência na doença de Alzheimer
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;79(4):283-289, Apr. 2021. tab.
Idioma: en.
Projeto: CNPq.
Resumo: ABSTRACT Background: During the moderate stage of dementia due to Alzheimer's disease (AD), language disorder is more evident and it impacts on communication. An overview of language impairment could be helpful to find compensatory communication strategies for these patients. Objective: To identify all language impairments among patients with moderate-stage of AD. Methods: 20 patients diagnosed with probable AD based on the criteria of the NINCDS-ARDRA, with a MMSE score of 13-23 points and CDR=2, who were undergoing treatment for AD with therapeutic doses of acetyl cholinesterase inhibitors, were assessed using the Boston Diagnostic Aphasia Examination (BDAE), a test that provides a broad assessment of language. The results were compared with the performance of a normal population. Results: The patients assessed in this study presented normal scores for oral and written word recognition, repetition, mechanics of writing, primer-level dictation and spelling to dictation but also had impairment at most levels of linguistic processing, in oral and written comprehension and production. In general, as expected, the tasks relying on access to the mental lexicon were most significantly affected. However, they performed well in the naming task, in which semantic cues were presented. Moreover, the patients assessed in this study had better performance in written comprehension tasks than in oral ones. Conclusion: The severity of the language impairments was not homogenous, with some linguistic abilities more impaired than others. The abilities that were found to be preserved can help to guide strategies for aiding in communication at this stage of AD.

RESUMO Introdução: Durante o estágio moderado da demência na doença de Alzheimer (DA), o distúrbio de linguagem se intensifica, afetando a comunicação. A identificação minuciosa das habilidades linguísticas mais comprometidas nessa fase da doença pode auxiliar no uso de estratégias facilitadoras para a comunicação. Este estudo visou identificar as alterações de linguagem em pacientes com DA na fase moderada. Métodos: 20 pacientes com o diagnóstico de DA provável com base nos critérios do NINCDS-ARDRA, MMSE entre 13 e 23 pontos, CDR=2 e em tratamento medicamentoso para DA foram submetidos à avaliação da global da linguagem por meio do teste de Boston para diagnóstico de Afasia. Os resultados obtidos foram comparados aos da população normal. Resultados: Os pacientes apresentaram escores normais nas tarefas de compreensão oral e escrita de palavras, repetição, mecânica da escrita, ditado do primeiro nível e soletração para o ditado, mas também apresentaram comprometimento em todos os níveis do processamento linguístico, tanto na compreensão quanto nas emissões oral e escrita. Em geral, como esperado, as tarefas envolvendo o acesso lexical foram mais afetadas, porém os pacientes obtiveram desempenho adequado para a nomeação responsiva em que a pista semântica é o eliciador para a resposta. Além disso, os pacientes tiveram melhor desempenho em tarefas de compreensão escrita do que oral. Conclusão: A gravidade da alteração linguística não foi homogênea com algumas habilidades linguísticas mais alteradas do que outras. As habilidades identificadas como preservadas podem contribuir para o uso de estratégias facilitadoras da comunicação nessa fase da DA.
Descritores: Doença de Alzheimer
Transtornos do Desenvolvimento da Linguagem
-Semântica
Testes de Linguagem
Testes Neuropsicológicos
Tipo de Publ: Research Support, U.S. Gov't, P.H.S.
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1364367
Autor: Medeiros, Natalia Malagueta de; Ortiz, Karin Zazo.
Título: Formal language assessment in low-educated persons with aphasia: can the lesion effect be distinguished from the education effect? / Avaliação da linguagem em pacientes afásicos com baixa escolaridade: o impacto da lesão neurológica pode ser discriminado da baixa escolaridade?
Fonte: Arq. neuropsiquiatr;80(2):125-128, Feb. 2022. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Background: Language tests are important in the assessment and follow up of people with aphasia (PWA). However, language assessment in the low literacy population is still a challenge. Objective: To investigate whether a formal evaluation of aphasia is able to distinguish the neurological effect from the effect of low educational level in people with post-stroke aphasia. Methods: The sample consisted of a group of 30 aphasic subjects (AG) and a control group (CG) of 36 individuals, both with an educational level of 1-4 years. The Brazilian Montreal-Toulouse Language Assessment battery was applied to all subjects. Results: There were statistically significant differences between the groups in 19 out of the 20 tasks analyzed. Conclusions: These results suggest that formal evaluation procedures are able to detect language disorders resulting from stroke, even in subjects with low educational level.

RESUMO Antecedentes: Os testes de linguagem são importantes para a avaliação e o acompanhamento de pacientes afásicos. Apesar disso, a avaliação de linguagem em indivíduos com baixa escolaridade ainda é um desafio. Objetivo: Investigar se a avaliação formal da afasia é capaz de diferenciar o efeito da lesão neurológica versus o efeito da baixa escolaridade em pacientes afásicos, acometidos por acidente vascular cerebral (AVC). Métodos: A amostra foi composta de um grupo de 30 sujeitos afásicos (AG) e um grupo controle (CG) de 36 indivíduos, todos com um a quatro anos de escolaridade. A Bateria Montreal-Toulouse de Avaliação da Linguagem foi administrada a todos os participantes. Resultados: Das 20 tarefas analisadas, 19 apresentaram diferenças significativas entre os grupos. Conclusões: Os resultados sugerem que procedimentos formais de avaliação são capazes de identificar as alterações linguísticas ocasionadas por um AVC, também em pacientes com baixa escolaridade.
Descritores: Acidente Vascular Cerebral/complicações
-Afasia/diagnóstico
Afasia/etiologia
Afasia/patologia
Brasil
Escolaridade
Testes de Linguagem
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 414 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1367001
Autor: García Guevara, W. C; Jara Saldaña, G. A; Cedillo Armijos, M. L; Villavicencio Caparó, Ebingen.
Título: Impacto de la dislalia y disglosia en la comprensión verbal en escolares con necesidades especiales; Cuenca, Ecuador / The impact of dyslalia and dysglossia on verbal comprehension in schoolchildren with special needs; Cuenca, Equator
Fonte: Rev. Fac. Odontol. (B.Aires);36(84):39-45, 2021. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Este estudio analiza la relación entre los trastornos del lenguaje y la comprensión verbal en estudiantes que fueron evaluados como parte del pilotaje desarrollado por el proyecto de investigación "Efectividad del programa integral escalonado en pacientes con necesidades educativas especiales por trastornos del lenguaje y articulación", en la Unidad de Diagnóstico, Investigación Psicopedagógica y Apoyo a la Inclusión (UDIPSAI), Centro de Práctica y Relación con la Sociedad de la Universidad Católica de Cuenca. Se trata de un estudio observacional de tipo descriptivo y analítico; la técnica utilizada fue la psicometría y los instrumentos fueron pruebas para evaluar los trastornos del lenguaje y la inteligencia. Se aplicó la Prueba de Funciones Prelinguísticas y órganos fonoarticuladores, la Prueba de Articulación y la Prueba de Evaluación Clínica de los Fundamentos del Lenguaje. Para calificar la comprensión verbal se utilizó Weschler para niños -V (WISC-V) que investiga la capacidad individual dividida en escalas primarias. Para la investigación se consideró el Indice de Comprensión Verbal con las subescalas de similitudes, vocabulario, comprensión, información y acertijos. Se concluyó que la comprensión verbal es un factor importante para la presencia de trastornos del lenguaje y articulación en niños (AU)
Descritores: Reabilitação dos Transtornos da Fala e da Linguagem
Aprendizagem Verbal
Distúrbios da Voz
Educação Especial
Desenvolvimento da Linguagem
Testes de Linguagem
-Faculdades de Odontologia
Escalas de Wechsler
Epidemiologia Descritiva
Dislexia
Equador
Estudo Observacional
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: AR29.1 - Biblioteca


  10 / 414 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-954489
Autor: Lamônica, Dionísia Aparecida Cusin; Becaro, Caroline Kauffman; Borba, Aline Cabral; Maximino, Luciana de Paula; Costa, Aline Roberta Aceituno da; Ribeiro, Camila da Costa.
Título: Communicative performance and vocabulary domain in preschool preterm infants
Fonte: J. appl. oral sci;26:e20170186, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: São Paulo Research Foundation.
Resumo: Abstract Objective The objective of this study was to evaluate and compare the performance of children in preschool age who were born premature and term, without neurological injury, regarding receptive and expressive language skills, and to reflect on the importance of these skills for performance in preschool. Materials and Methods Two groups named Preterm Group and Comparison Group, each composed by 40 children, as well as 80 legal representatives (mothers) and 80 teachers of the participants. To pair the groups, we considered chronological age (months), sex, educational level, type of school (public or private) and socioeconomic status. To assess the groups we used structured and semi-structured Observation of Communicative Behavior and applied the ABFW Child Language Test - Part B-Vocabulary and the Peabody Picture Vocabulary Test. To assess the legal representatives we applied an anamnesis questionnaire and the MacArthur Communicative Development Inventory. The assessment of the teachers consisted of the MacArthur Communicative Development Inventory and a Student Assessment Protocol developed by the authors. Results For the observation of communicative behavior, the categories with the highest losses were: narrative, maintaining dialogic activities and attention difficulties. In the ABFW Child Language Test and Peabody Picture Vocabulary Test there were statistically significant differences. In the MacArthur Communicative Development Inventory there were statistically significant differences in expressive vocabulary, but no differences in receptive vocabulary, for both the mothers and the teachers. Conclusion Children born prematurely with low risk of neurological sequelae in preschool age may have greater difficulties in linguistic performance than their peers born to term.
Descritores: Vocabulário
Recém-Nascido Prematuro/fisiologia
Desenvolvimento Infantil/fisiologia
Linguagem Infantil
-Valores de Referência
Fatores Socioeconômicos
Inquéritos e Questionários
Fatores de Risco
Nascimento Prematuro/fisiopatologia
Nascimento a Termo/fisiologia
Transtornos do Desenvolvimento da Linguagem/fisiopatologia
Testes de Linguagem
Mães
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Pré-Escolar
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 42 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde
WXIS|fatal error|unavoidable|recxref/read|