Base de dados : LILACS
Pesquisa : G01.311.988 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 18 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 2 ir para página        

  1 / 18 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1047483
Autor: Amado, Luiz Henrique Eloy.
Título: Autoritarismo e resistência indígena no Brasil / Authoritarianism and the indigenous resistance in Brazil / Autoritarismo y resistencia indígena en Brasil
Fonte: RECIIS (Online);13(4):702-706, out.-dez. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Esta nota resulta de reflexões iniciais sobre a atual conjuntura brasileira no que tange aos desafios postos aos povos indígenas, diante de um governo declaradamente anti-indígena. Considerando a perspectiva histórica da política indigenista brasileira, observam-se elementos que nos instigam a analisar a relação do Estado com os povos originários e a capacidade que o movimento indígena brasileiro tem de articulação visando à resistência. São necessários saberes e práticas que exigem, cada vez mais, o rompimento com o pensamento autoritário e colonialista tão presente no contexto brasileiro.

This text is product of the initial attempts to think about the current Brazilian conjuncture regarding the challenges posed to indigenous peoples since they are confronted with a government who have declared to be anti-indigenous. From the historical perspective of Brazilian governmental policy towards indigenous, we observe elements that push us to analyze the relationship of the State with the indigenous peoples and the Brazilian indigenous movement' capacity for interacting to resist. Knowledge and practices that demand more and more a break with the authoritarian and colonialist thinking so present in the Brazilian context are indispensable.

Esta nota resulta de reflexiones iniciales a cerca de la coyuntura brasileña actual por lo que se refiere a los desafíos que los pueblos indígenas tienen que enfrentar frente a un Gobierno que expresa clara y determinadamente ser antiindígena. Observando la perspectiva histórica de la política indigenista brasileña, hay elementos que instigan el análisis de la relación del Estado con los pueblos indígenas y la capacidad que el movimiento indígena brasileño tiene de articularse para resistir. Son necesarios saberes y prácticas que exigen cada vez más el rompimiento con el pensamiento autoritario y colonialista tan presente en el contexto brasileño.
Descritores: Autoritarismo
Brasil
Ecossistema Amazônico
Grupos Populacionais
Violência Étnica
-Incêndios Florestais/estatística & dados numéricos
Violações dos Direitos Humanos
Política Ambiental
Cultura Indígena
Mercúrio
Mineração
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  2 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1023466
Autor: Barría P, R. Mauricio.
Título: Wildfires as a Public Health Problem: a Setting for Nursing in Disasters
Fonte: Invest. educ. enferm;37(3):[E01], 15 Octubre 2019.
Idioma: en.
Resumo: Climate change and global warming are phenomena that are progressively affecting the planet. Temperature changes bring about various threats in distinct sectors and environments of human society, among them, threats to health secondary to extreme temperatures and natural disasters. Thus, it is constituted as a global threat to biodiversity and the human population, given that it affects habitat conditions, as well as causes an increase in forest fires as consequence of increased temperatures and diminished precipitations. Forest fires have attracted attention not only because of their ecological and environmental consequences, but also in production and economic aspects and in relation with the health of people potentially exposed, given that these place populations at environmental risks, like fire, smoke, and others derived from the combustion of wood and chemical products that can be released.
Descritores: Saúde Pública
Pessoal de Saúde
Incêndios Florestais
Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica
Papel Profissional
Poluentes Atmosféricos
Desastres
Aquecimento Global
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO103.1 - Biblioteca


  3 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-1003646
Autor: Sandoval D, Bárbara; Reyes R, Tatiana; Oyarzún G, Manuel.
Título: Mecanismos de los efectos nocivos para la salud de la contaminación atmosférica proveniente de incendios forestales / Mechanisms of noxious effects of wildfire air pollution over human health
Fonte: Rev. chil. enferm. respir;35(1):49-57, mar. 2019. graf.
Idioma: es.
Resumo: Los incendios forestales representan un problema creciente de la salud pública a nivel mundial, especialmente para la población más vulnerable (niños, ancianos, embarazadas y portadores de enfermedades cardiovasculares o respiratorias crónicas) expuesta al humo y a otros contaminantes aéreos. A diferencia de la contaminación atmosférica habitual de grandes urbes, aquella derivada de los incendios forestales tiene una composición diferente y su ocurrencia es esporádica y difícil de prever. La exposición a contaminantes atmosféricos derivados de incendios forestales se asocia a aumento de la morbilidad respiratoria y cardiovascular, mediada por una respuesta inflamatoria pulmonar y sistémica, estrés oxidativo y disfunción endotelial. En sujetos expuestos a humo de incendios forestales se ha observado un aumento en la producción de citoquinas pro-inflamatorias, activación endotelial y disfunción del sistema nervioso autónomo, que produce daño tisular, aumento de los mecanismos protrombóticos, aumento de la presión arterial y cambios en el ritmo cardiaco. Esta revisión analiza los mecanismos que han sido involucrados en generar efectos nocivos para la salud de seres humanos expuestos a material particulado y gases emanados de incendios forestales.

Wildfires represent a growing global public health issue, especially to the most vulnerable segment of the population (children, old people, pregnant women, patients with cardiovascular or respiratory diseases) exposed to smoke and other air borne contaminants generated from these events. In contrast to great cities ' usual atmospheric pollution, that derives from forest fires differ in composition and its occurrence is sporadic and usually unpredictable. Exposure to atmospheric pollutants derived from forest fires has been associated to increased respiratory and cardiovascular morbidity, mediated by an inflammatory systemic response, oxidative stress and endothelial dysfunction. In people exposed to forest fire smoke an increased production of pro-inflammatory cytokines, endothelial activation and autonomic nervous system dysfunction has been observed, that leads to tissue injury, increased prothrombotic response, increased blood pressure and changes in heart rhythm. This review analyzes the mechanisms that have been involved in generating harmful health effects in humans exposed to inhaled particulate matter and gases steaming from wildfires.
Descritores: Doenças Cardiovasculares/induzido quimicamente
Incêndios Florestais
Poluição do Ar/efeitos adversos
Pneumopatias/induzido quimicamente
-Doenças Cardiovasculares/fisiopatologia
Transtornos Cerebrovasculares/induzido quimicamente
Citocinas/metabolismo
Espécies Reativas de Oxigênio/metabolismo
Estresse Oxidativo
Exposição por Inalação
Poluentes Atmosféricos/efeitos adversos
Material Particulado/efeitos adversos
Pneumopatias/fisiopatologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  4 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-847272
Autor: Dantas, Tulio Vinicius Paes; Ribeiro, Adauto de Souza; Sampaio, Everardo Valadares de Sá Barretto; Araújo, Elcida de Lima.
Título: Post-fire regeneration of vegetation on sandy oligotrophic soil, in Itabaiana, Sergipe, Brazil / Regeneração vegetacional pós-queimada em solos arenosos oligotróficos, Itabaiana, Sergipe, Brasil
Fonte: Acta sci., Biol. sci;37(3):353-360, jul.-set. 2015. ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: Two models of post-disturbance regeneration of vegetation in areas of oligotrophic soils have been proposed for temperate regions. The first model is characterized by rapid recovery of the floristic composition, due to the fire resistance of plants; while in the second model, the fire causes extensive mortality and the recovery occurs by recruitment from the seed bank. Since these models have been rarely tested in tropical oligotrophic environments, we applied them in the analysis of floristic compositions in three areas with different post-fire regeneration times in Sergipe State, Brazil. The regeneration followed the seed bank recruitment model in places of bare ground, with a progressive increase in plant density and changes in the relative abundance and dominance of the populations along the successional process. The parameters that best allowed the succession evaluation were the floral similarity, plant height and density, which increased as regeneration progressed. The stem diameter and tillering were inconclusive as parameters for assessing the regeneration progress.

Dois modelos de regeneração pós-distúrbio em vegetação sobre solos oligotróficos têm sido propostos para as regiões temperadas. O primeiro modelo caracteriza-se pela rápida recuperação da composição florística, devido à resistência das plantas ao fogo; enquanto no segundo modelo, o fogo provoca grande mortalidade e a recuperação ocorre por meio do recrutamento do banco de sementes. Uma vez que estes modelos têm sido raramente testados em ambientes oligotróficos tropicais, nós os aplicamos a análises de composição florística em três áreas com diferentes tempos de regeneração pós-fogo em Sergipe, Brasil. Como resultados, identificou-se que a regeneração seguiu o modelo de recrutamento do banco de sementes em locais de solo desnudo, com um aumento progressivo na densidade de plantas e mudanças na abundância relativa e dominância das populações ao longo do processo sucessional. Os parâmetros que melhor permitiram uma avaliação da sucessão foram a similaridade florística, altura e densidade, que aumentou com o progresso da sucessão. Diâmetro do caule e o número de perfilhamentos foram inconclusivos como parâmetros para avaliar o progresso de regeneração.
Descritores: Zona Árida
Incêndios Florestais
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  5 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-756810
Autor: Penha, Rodrigo Chávez.
Título: Morbimortalidade de doenças respiratórias e cardiovasculares atribuível à fumaça na Amazônia Legal / Morbidity and mortality from respiratory and cardiovascular diseases attributable to smoke from in Brazilian Amazon.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2014. 110 p. ilus, mapas, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Os efeitos da poluição atmosférica sobre a saúde humana são historicamente conhecidos (...). O material particulado fino (PM2,5) é reconhecido como um dos mais tóxicos componentes desta poluição com efeitos sobre a mortalidade por todas as causas e por doenças cardiovasculares (Pope et al, 2002, 2004, 2006). A morbidade por causas respiratórias é outro efeito conhecido extensamente estudado nos centros urbanos, incluindo algumas cidades da Amazônia Legal (...). Este trabalho teve por objetivo calcular a fração atribuível a esta exposição na mortalidade por todas as causas e, especificamente, por causas cardiovasculares na população maior de 30 anos. Analogamente, foi calculado seu efeito nas internações de crianças menores de 5 e idosos com 65 ou mais anos de idade residentes em 7 capitais da Amazônia Legal (Belém –PA, Cuiabá –MT, Manaus –AM, Palmas –TO, Porto Velho –RO, Rio Branco –AC, e São Luís –MA). Para isso foram utilizadas as equações aplicadas nos estudos de avaliação do impacto de exposições ambientais (...) e os coeficientes encontrados por Pope (2002, 2004) e Ignotti (2010). Os dados da exposição foram obtidos por avaliação remota do sistema CCATT-BRAMS (Coupled Chemistry Aerosol and Tracer Transport model to the Brazilian developments on the Regional Atmospheric Modeling System) por meio do SISAM (Sistema de Informações Ambientais Integrado à Saúde Ambiental). Os dados sobre os desfechos foram obtidos da base de dados do DATASUS...

The health effects of the exposition to outdoor air pollution are acknowledged historically (...) is recognized to be one of the most toxic components of this kind of pollution and its effects are known on all-cause and cardiovascular mortality (...). Hospital admissions due to respiratory causes are another well-known effect of this exposure and largely studied in urban areas, some Brazilian Amazon cities included (...). This dissertation aimed to calculate the attributable fraction of all-cause and, more specifically, of cardiovascular mortality on adults of 30 or more years old related to this exposure. Likewise, the population attributable fraction of hospital admissions due to respiratory causes was calculated for children younger than 5 years old and elderly people of 65 or more years old. The area of this study included the resident population of 7 capital cities of the states that compose the Brazilian Amazon (Belém –PA, Cuiabá –MT, Manaus –AM, Palmas –TO, Porto Velho –RO, Rio Branco –AC, e São Luís –MA). In order to calculate the attributable fractions, the equations presented on previous studies were used (...) and so were the coefficients published by Pope (2002, 2004) and Ignotti (2010). Remote evaluation of exposure data for PM2,5 were obtained from CCATT-BRAMS (Coupled Chemistry Aerosol and Tracer Transport model to the Brazilian developments on the Regional Atmospheric Modeling System) available through SISAM (from the Portuguese for Environmental Information System Integrated to Environmental Health) website. Health outcome data were acquired from DATASUS (Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde) database available on the internet...
Descritores: Poluição do Ar
Ecossistema Amazônico
Biomassa
Doenças Cardiovasculares
Ecossistema
Impactos na Saúde
Indicadores de Morbimortalidade
Doenças Respiratórias
Incêndios Florestais
-Atestado de Óbito
Conservação dos Recursos Naturais/estatística & dados numéricos
Hospitalização/estatística & dados numéricos
Morbidade
Material Particulado/toxicidade
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  6 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-690445
Autor: Rodrigues, Poliany Cristiny de Oliveira; Ignotti, Eliane; Hacon, Sandra de Souza.
Título: Distribuição espaço-temporal das queimadas e internações por doenças respiratórias em menores de cinco anos de idade em Rondônia, 2001 a 2010* / Spatial and temporal distribution of burning and hospitalizations for respiratory diseases in children in the state of Rondônia, 2001-2010
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;22(3):455-464, set. 2013. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: descrever a distribuição espaço-temporal dos focos de queimada e das internações por doenças respiratórias em crianças menores de cinco anos de idade no Estado de Rondônia, Brasil. Métodos: estudo ecológico da distribuição temporal e espacial das taxas de internação bruta e padronizada por doenças respiratórias na idade até cinco anos e do número de focos de queimada nas microrregiões de Rondônia, no período de 2001 a 2010; foram obtidas estimativas de Kernel. Resultados: as microrregiões apresentaram redução nas variações percentuais das taxas de internação por doenças respiratórias em crianças (-39,3 por cento) e no número de focos de queimada (-15,0 por cento), ao longo dos anos estudados; as taxas de internação foram mais elevadas no centro e no sudeste do Estado; os focos de queimada concentraram-se a noroeste do Estado. Conclusão: houve redução das taxas de internação e do número de focos de queimada; as áreas com mais focos diferiram daquelas com taxas mais elevadas de internações.

Objective: to describe the spatial and temporal distribution of agricultural burning and respiratory disease hospitalizations in children aged under five in the State of Rondônia, Brazil. Methods: ecological study of the temporal and spatial distribution of crude and standardized hospitalization rates for respiratory diseases in children aged under five and agricultural burning in the regions of the state of Rondônia, 2001-2010, using Kernel estimates. Results: all the regions showed a reduction in the percentage of hospitalization rates for respiratory diseases in children (-39.0 per cent) as well as in the number of agricultural burnings (-15.0 per cent) over the years studied. Hospitalization rates were highest in the central and southeast regions of the state. Burning was concentrated in the northwest of the state. Conclusion: hospitalization rates and the number of burnings reduced. The areas with the highest number of burnings differed from those with higher rates of hospitalization.
Descritores: Doenças Respiratórias/epidemiologia
Saúde Ambiental
Distribuição Temporal
Incêndios Florestais
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Responsável: BR275.1 - Biblioteca


  7 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-685571
Autor: Revista de Saude Publica; Andrade Filho, Valdir Soares de; Artaxo, Paulo; Hacon, Sandra; Carmo, Cleber Nascimento do; Cirino, Glauber.
Título: Aerossois de queimadas e doencas respiratorias em criancas, Manaus, Brasil / Aerosols from biomass burning and respiratory diseases in children, Manaus, Northern Brazil
Fonte: Rev. saúde pública = J. public health;47(2):239-247, jun. 2013. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Analisar a relação entre a exposição ao material particulado fino emitido em queimadas e as internações hospitalares por doenças respiratórias em crianças. MÉTODOS: Estudo descritivo com delineamento ecológico de séries temporais realizado em Manaus de 2002 a 2009. Os dados de internações hospitalares foram obtidos a partir do banco de dados do Sistema Único de Saúde. Os níveis de PM2.5 foram estimados por sensoriamento remoto a partir da espessura ótica de aerossóis no comprimento de onda de 550 nm. Foram utilizadas a correlação de Pearson e a regressão linear múltipla entre as variáveis com intervalo de 95% de confiança. RESULTADOS: A região de Manaus apresentou baixas concentrações de PM2.5, quando comparada com a porção sul da região Amazônica. Os meses de agosto a novembro (período seco) apresentaram os maiores níveis médios de PM2.5 (de 18 a 23 µg/m³) e os maiores números de focos de queimadas detectados. A média do PM2.5 para a estação chuvosa foi de 12 µg/m³, 66% menor que a média da estação seca, 20,6 µg/m³. As maiores taxas de internações ocorreram durante a estação chuvosa, e o mês de abril teve a maior taxa, com 2,51/1.000 crianças. Foi observada associação positiva significativa entre as internações e a umidade relativa (R = 0,126; p = 0,005), enquanto a associação entre internações com PM2.5 mostrou-se negativa e estatisticamente significativa (R = - 0,168; p = 0,003). O R² do modelo final (Internações = 2,19*Umidade - 1,60*PM2.5 - 0,23*Precipitação) explicou em 84% as internações por doenças respiratórias em ...

OBJECTIVE To investigate the effects of fine particulate matter emitted through biomass burning on hospitalizations for respiratory diseases in children living in Manaus, Northern Brazil. METHODS Descriptive study with ecologic time series design carried out in Manaus from 2002 to 2009. Hospital admission data were obtained from the Unified Health System database. PM2.5 levels were estimated using aerosol remote sensing through the measurement of aerosol optical depth at a wavelength of 550 nm. Statistical methods were used in the data analysis, with Pearson correlation and multiple linear regression between variables, with a 95% confidence interval. RESULTS The region of Manaus showed low PM2.5 concentrations when compared to the Southern Amazonian region. Between August and November (dry period in the region), was when the highest mean levels of PM2.5, estimated between 18 to 23 µg/m3, and the largest number of fires were observed. For the rainy season, an average of 12 µg/m3, 66% lower than the dry season measurements (20.6 µg/m3) was observed. The highest rates of hospitalization were observed during the rainy season and April was the month with the highest levels at 2.51/1,000 children. A positive association between hospital admissions and relative humidity (R = 0.126; p-value = 0.005) was observed, while the association between admissions and PM2.5 was negative and statistically significant (R = -0.168; p-value = 0.003). The R 2 of the final model (Hospitalizations = 2.19*Humidity - 1.60*PM2.5 - 0.23*Precipitation) explained 84% of hospitalizations due to respiratory disease in children living in Manaus, considering the independent variables statistically significant (humidity, PM2.5, and precipitation). CONCLUSIONS Hospital admissions for respiratory diseases in children in Manaus, were more related to weather conditions and in ...
Descritores: Aerossóis/efeitos adversos
Aerossóis/toxicidade
Fogo
Hospitalização/estatística & dados numéricos
Material Particulado/efeitos adversos
Material Particulado/toxicidade
Doenças Respiratórias/etiologia
-Ecossistema Amazônico
Aerossóis/análise
Biomassa
Brasil/epidemiologia
Monitoramento Ambiental
Sistemas de Informação em Saúde
Modelos Lineares
Conceitos Meteorológicos
Programas Nacionais de Saúde
Material Particulado/análise
Doenças Respiratórias/epidemiologia
Incêndios Florestais
Limites: Criança
Pré-Escolar
Feminino
Humanos
Lactente
Masculino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-685569
Autor: Revista de Saude Publica; Silva, Ageo Mario Candido da; Mattos, Ines Echenique; Ignotti, Eliane; Hacon, Sandra de Souza.
Título: Material particulado originario de queimadas e doencas respiratorias / Particulate matter originating from biomass burning and respiratory
Fonte: Rev. saúde pública = J. public health;47(2):345-352, jun. 2013. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Analisar os efeitos da exposição de partículas finas de queimadas sobre as internações por doenças respiratórias em crianças e idosos. MÉTODOS: Estudo ecológico de série temporal em Cuiabá, estado de Mato Grosso, região da Amazônia brasileira, durante 2005. Níveis diários de material particulado fino PM2.5 foram estimados e disponibilizados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Variáveis relacionadas a temperatura, umidade relativa e ajustes por tendência temporal, sazonalidade e efeitos de calendário foram incluídos no modelo. Utilizou-se a Regressão de Poisson por modelos aditivos generalizados. RESULTADOS: Crescimento de 10 mg/m3 nos níveis de exposição ao PM2.5 foi associado a aumentos de 9,1%, 9,2% e 12,1% das internações hospitalares de crianças, relacionados às médias móveis de 1, 2 e 5 dias, respectivamente. O nível de exposição ao material particulado foi associado a aumentos de 11,4%, 21,6% e 22,0% em crianças, referentes às médias móveis de 1, 5 e 6 dias, respectivamente, para a estação seca. Não foram observadas associações significativas para os idosos. CONCLUSÕES: Foi evidenciada a influência de PM2.5 sobre a ocorrência de internações por doenças respiratórias em crianças < 5 anos, na região estudada. .

OBJECTIVE: To analyze the effects of exposure to fine particulate matter from burning on hospital admissions due to respiratory diseases in children and the elderly. METHODS: This is an ecological time series study that took place in the city of Cuiaba, Mato Grosso, in Brazil's Amazon Region, in 2005. Information on the daily levels of fine particulate matter PM2.5 was made available by the Brazilian National Institute for Spatial Research. The model included variables related to temperature, relative humidity and adjusts for seasonality and calendar effects. Poisson regression with generalized additive models was used. RESULTS: A 10 µg/m3 increase in the level of exposure to PM2.5 was associated with increases of 9.1%, 9.2% and 12.1% in hospital admissions due to respiratory diseases in children for moving averages of 1, 2 and 5 days, respectively. For the dry season, the level of exposure to particulate matter was associated with increases of 11.4%, 21.6% and 22.0% in hospital admissions in children for moving averages of 1, 5 and 6 days, respectively. No significant link was noticed in the elderly. CONCLUSIONS: The results show the influence of PM2.5 on hospitalizations for respiratory disease in children under 5 in the region studied. .
Descritores: Poluentes Atmosféricos/toxicidade
Poluição do Ar/efeitos adversos
Fogo
Hospitalização/estatística & dados numéricos
Material Particulado/toxicidade
Doenças Respiratórias/epidemiologia
-Poluição do Ar/estatística & dados numéricos
Brasil/epidemiologia
Estudos Ecológicos
Métodos Epidemiológicos
Fatores de Risco
Fatores de Tempo
Incêndios Florestais
Limites: Idoso
Pré-Escolar
Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 18 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-668906
Autor: Nunes, Karine Vila Real; Ignotti, Eliane; Hacon, Sandra de Souza.
Título: Circulatory disease mortality rates in the elderly and exposure to PM2.5 generated by biomass burning in the Brazilian Amazon in 2005 / Mortalidade por doenças circulatórias na população idosa e exposição a PM2,5 em decorrência das queimadas na Amazônia brasileira em 2005 / Mortalidad por enfermedades cardiovasculares en los ancianos y la exposición a PM2,5 como resultado de la quema en la Amazonia brasileña en 2005
Fonte: Cad. saúde pública = Rep. public health;29(3):589-598, Mar. 2013. tab.
Idioma: en.
Resumo: The aim of this study was to analyze the association between the exposure to fine particulate matter and circulatory disease mortality rates in the elderly living in the Brazilian Amazon. An ecological study of circulatory disease, acute myocardial infarction and cerebrovascular disease mortality rates in micro areas of the Brazilian Amazon was carried out. The environmental exposure indicator used was percentage hours of PM2.5 concentrations > 25µg/m³ divided by the total number of estimated hours of PM2.5 in 2005. The association between exposure and circulatory disease mortality rates was strongest in the oldest age group. No significant statistical association was found between cerebrovascular disease mortality rates and exposure. Circulatory disease mortality rates in the elderly living in the Amazon have been influenced by atmospheric pollution from emissions caused by forest fires.

O objetivo deste estudo foi analisar a associação da exposição ao material particulado fino com as taxas de mortalidade por doenças circulatórias em idosos na Amazônia brasileira. Trata-se de um estudo ecológico das taxas de mortalidade por doenças circulatórias, infarto agudo do miocárdio e doença cerebrovascular em microrregiões da Amazônia brasileira. O indicador de exposição ambiental foi estimado em porcentagem de horas de PM2,5 > 25µg/m³ dividido pelo número total de horas estimadas de PM2,5 em 2005. A associação do indicador de exposição com as taxas de mortalidade por doenças do aparelho circulatório foi maior para o grupo mais idoso. A taxa de mortalidade por doença cerebrovascular não mostrou associação com indicador de exposição. As doenças do aparelho circulatório em idosos residentes na Amazônia têm sido influenciadas pela poluição atmosférica resultante das emissões causadas por incêndios.

El objetivo de este estudio fue analizar la asociación entre la exposición a las partículas finas, con tasas de mortalidad por enfermedades cardiovasculares en los ancianos en la Amazonia brasileña. Se trata de un estudio ecológico de las tasas de mortalidad por enfermedades cardiovasculares, el infarto agudo de miocardio y enfermedades cerebrovasculares en las microrregiones brasileñas de la Amazonia. El indicador de la exposición ambiental fue estimado como un porcentaje de horas de PM2,5 > 25µg/m³, dividido por el número total de horas estimado de PM2,5 en 2005. La asociación del indicador de exposición con las tasas de mortalidad para las enfermedades circulatorias fue mayor en el grupo de mayor edad. La tasa de mortalidad por enfermedad cerebrovascular no se asoció con el indicador de exposición. Las enfermedades cardiovasculares en los ancianos que viven en la Amazonia han sido influenciadas por la contaminación atmosférica, causada por las emisiones de los incendios.
Descritores: Poluição do Ar/efeitos adversos
Doenças Cardiovasculares/mortalidade
Exposição Ambiental/efeitos adversos
Material Particulado/toxicidade
-Ecossistema Amazônico
Poluentes Atmosféricos/análise
Poluentes Atmosféricos/toxicidade
Poluição do Ar/análise
Biomassa
Brasil/epidemiologia
Estudos Ecológicos
Exposição Ambiental/análise
HEALTH OF ELDERLY
Material Particulado/análise
Árvores
Incêndios Florestais
Limites: Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 18 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Id: lil-620614
Autor: Gore, Al.
Título: Uma verdade inconveniente: o que devemos saber (e fazer) sobre o aquecimento global / An inconvenient truth: what we know (and do) about global warming.
Fonte: Manole; Barueri; 2006. 325 p. ilus, mapas, graf.
Idioma: pt.
Descritores: Mudança Climática
Política Ambiental
Conservação dos Recursos Naturais
Efeito Estufa
Problemas Sociais
-Ozônio Estratosférico/prevenção & controle
Conservação dos Recursos Naturais
Conservação dos Recursos Naturais
Poluição Ambiental
Tempestades Ciclônicas
Energia não Convencional
Crescimento Demográfico
Saúde Global
Incêndios Florestais
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 363.73874, G666v



página 1 de 2 ir para página        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde