Base de dados : LILACS
Pesquisa : G01.358.500.249.277 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 73 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 8 ir para página                    

  1 / 73 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1048647
Autor: Dantas, Barbara França; Matias, Janete Rodrigues; Aragão, Carlos Alberto; Lopes, Armando Pereira.
Título: Physiological changes in seeds and seedlings of pumpkins submitted to salt stress / Alterações fisiológicas em sementes e mudas de abóboras submetidas a estresse salino
Fonte: Biosci. j. (Online);35(3):763-774, may./jun. 2019. graf.
Idioma: en.
Resumo: Salinity is one of the most limiting environmental factors for plant growth in semi-arid regions.Excessofsalts reduces water potential, causes physiological drought and can influence germination and initial growth of plants. The objective of this work was to study physiological and metabolic changes in seeds and seedlings of pumpkin (Cucurbita pepo cultivars Caserta and Redonda and C. maxima cv. Coroa)in a saline condition of salt stress. Thus, we it was quantified germination parameters; seedlings growth; seeds and seedlings respiration; degradation of total soluble sugars, reducing sugars and total proteins in cotyledons and the activity ascorbate peroxidase (APX), glutathione-S-transferase (GST) and catalase (CAT) during germination and initial growth of the pumpkin species studied in saline conditions. The experimental design was totally randomized in a factorial scheme 6x3, with six electrical conductivities (0; 2; 4; 6; 8 e 10 dS.m-1) and three cultivars (Redonda, Caserta and Coroa). Salinity did not influence the rate of seed respiration during the germination, although seedlings respiration decreased, as well as its vigour. Total sugars were degraded, while there was accumulation of reducing sugars and proteins in cotyledons of germinating seeds in salt solutions. Increased electrical conductivity reduced APX activity in the embryo and CAT in cotyledons, but did not influence GST. Pumpkin seedlings showed low tolerance to salt stress.

A salinidade é um dos fatores limitantes para o crescimento das culturas nas regiões áridas e semiáridas. O excesso de sais provoca uma redução no potencial hídrico e causa seca fisiológica e influencia na germinação e crescimento inicial de plântulas Objetivou-se estudar possíveis alterações fisiológicas e metabólicas em sementes e plântulas de abóboras (Cucurbita pepo cultivars Caserta and Redonda and C. maxima cv. Coroa), Sendo assim, avaliou-se em sementes e plântulas os parâmetros da germinação (porcentagem e velocidade); crescimento de plântulas; respiração de sementes e plântulas; degradação de açúcar solúveis totais, açúcar redutores e proteínas totais nos cotilédones e atividade das enzimas ascorbato peroxidase (APX), glutationa-S-transferase (GST) e catalase (CAT) durante a germinação e crescimento inicial das cultivares de abóbora em soluções salinas. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em esquema fatorial 6x3, com seis condutividades elétricas (0; 2; 4; 6; 8 e 10 dS.m-1) e três cultivares (Redonda, Caserta e Coroa). A salinidade não influenciou a taxa de respiração das sementes durante a germinação, no entanto, a respiração das plântulas diminuiu, assim como o vigor das plântulas. Houve degradação dos açúcares totais e acúmulo de açúcares redutores e proteínas em cotilédones de sementes submetidas a soluções salinas. O aumento da condutividade elétrica induziu redução da atividade de APX no embrião e de CAT nos cotilédones, mas não influenciou GST. Cultivares de aboboras apresentaram baixa tolerância ao estresse salino.
Descritores: Sementes
Cucurbita
Condutividade Elétrica
FRONTAL LOBE0
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  2 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Costa, Eduardo Tavares
Texto completo
Id: lil-233902
Autor: Button, Vera Lúcia S. Nantes; Costa, Eduardo Tavares.
Título: Simulaçäo pelo método de elementos finitos dos modos de vibraçäo de cerâmica piezoelétrica apodizada / Simulation by method of finite elements of the vibration modes of the apodized piezoeletric ceramic
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.628-628, tab, graf.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: Foram simulados pelo método dos elementos finitos, a apodização de um disco de cerâmica piezoelétrica e os modos de vibração em ressonância e anti-ressonância do disco. A comparação do modo de ressonância principal da cerâmica apodizada com o da cerâmica polarizada convencionalmente, mostrou uma diminuição da vibração da primeira na região próxima à borda, o que deverá contribuir para gerar um campo acústico com menor efeito de difração.
Descritores: Cerâmica
Condutividade Elétrica
Difração de Raios X/métodos
Estimulação Luminosa/instrumentação
Espectroscopia de Ressonância Magnética
Vibração
-Eletrodos/estatística & dados numéricos
Óleo Mineral
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.94


  3 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-840069
Autor: Tsai, Ming-Yen; Chen, Shih-Yu; Lin, Chung-Chun.
Título: Theoretical basis, application, reliability, and sample size estimates of a Meridian Energy Analysis Device for Traditional Chinese Medicine Research
Fonte: Clinics;72(4):254-257, Apr. 2017. graf.
Idioma: en.
Projeto: CMRPG.
Resumo: OBJECTIVES: The Meridian Energy Analysis Device is currently a popular tool in the scientific research of meridian electrophysiology. In this field, it is generally believed that measuring the electrical conductivity of meridians provides information about the balance of bioenergy or Qi-blood in the body. METHODS AND RESULTS: PubMed database based on some original articles from 1956 to 2014 and the authoŕs clinical experience. In this short communication, we provide clinical examples of Meridian Energy Analysis Device application, especially in the field of traditional Chinese medicine, discuss the reliability of the measurements, and put the values obtained into context by considering items of considerable variability and by estimating sample size. CONCLUSION: The Meridian Energy Analysis Device is making a valuable contribution to the diagnosis of Qi-blood dysfunction. It can be assessed from short-term and long-term meridian bioenergy recordings. It is one of the few methods that allow outpatient traditional Chinese medicine diagnosis, monitoring the progress, therapeutic effect and evaluation of patient prognosis. The holistic approaches underlying the practice of traditional Chinese medicine and new trends in modern medicine toward the use of objective instruments require in-depth knowledge of the mechanisms of meridian energy, and the Meridian Energy Analysis Device can feasibly be used for understanding and interpreting traditional Chinese medicine theory, especially in view of its expansion in Western countries.
Descritores: Meridianos
Qi
Medicina Tradicional Chinesa/instrumentação
-Sangue
Pontos de Acupuntura
Reprodutibilidade dos Testes
Tamanho da Amostra
Condutividade Elétrica/uso terapêutico
Medicina Tradicional Chinesa/métodos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-965268
Autor: Medeiros, Wilker Nunes; Queiroz, Daniel Marçal de; Valente, Domingos Sárvio Magalhães; Pinto, Francisco de Assis de Carvalho; Melo, Christiane Augusta Diniz.
Título: The temporal stability of the variability in apparent soil electrical conductivity / Estabilidade temporal do padrão de variabilidade espacial da condutividade elétrica aparente do solo
Fonte: Biosci. j. (Online);32(1):150-159, jan./fev. 2016.
Idioma: en.
Resumo: Apparent soil electrical conductivity (ECa) measurements can be used for crop management in precision agriculture. However, ECa is a soil attribute that presents spatial and temporal variability. It is affected by a group of factors that act simultaneously on the soil, such as the soil texture, moisture content, organic matter content and ionic concentrations in the soil solution, which complicates analysis. For soil and crop management, it is important to determine whether the pattern of the ECa spatial variability changes over time. Thus, ECa measurements have the potential for delimiting management zones that are stable over time. The objective of this work was to determine whether the spatial variability pattern of ECa is maintained over time and under different soil conditions. To this end, the ECa was measured at different soil depths using a portable sensor on two crop fields. The first step was to measure and generate an ECa map for each area. By defining a path with the maximum ECa variability, 50 sampling points were located on each field. The ECa values were measured on 20 different dates in the 0 ­ 20 cm, 0 ­ 40 cm and 0 ­ 60 cm soil layers. The soil water content was measured at the same points in the 0 ­ 20 cm layer on the same dates. The temporal stability of the ECa was analyzed using spatial and temporal variability maps, a correlation analysis and a coefficient of variation over time for each field. In both areas, the ECa exhibited temporal stability in the spatial pattern variability at the three evaluated depths, even though the soil water content values changed on each date. ECa determination presents an important alternative for mapping agricultural fields for crop management in precision agricultural systems.

A determinação da condutividade elétrica aparente do solo (CEa) pode auxiliar no gerenciamento da atividade agrícola quando adotada a agricultura de precisão. No entanto, ela é afetada por um conjunto de fatores que atuam simultaneamente no solo e que se alteram tanto no espaço quanto no tempo, como, por exemplo, a textura, o teor de água do solo, a concentração iônica da solução do solo, a matéria orgânica, dificultando a interpretação dos resultados. Buscando-se compreender se a estrutura espacial desse atributo é mantida com o decorrer do tempo e sob diferentes condições edáficas, esse trabalho foi realizado com o objetivo de analisar a estabilidade temporal do padrão espacial da CEa. Para isso, a condutividade elétrica aparente do solo foi determinada em diferentes profundidades do solo usando um sensor portátil de contato direto em duas áreas distintas. O primeiro passo foi determinar a condutividade elétrica aparente do solo e obter o mapa de CEa de cada área. Depois, demarcou-se 50 pontos amostrais buscando-se um caminho de máxima variabilidade da CEa. Então, a CEa foi determinada em 20 datas diferentes nas camadas de solo de 0 ­ 20 cm, 0 ­ 40 cm e 0 ­ 60 cm de profundidade. O teor de água do solo foi determinado na camada de 0 ­ 20 cm de profundidade, nas mesmas datas de determinação da CEa. A estabilidade temporal da CEa foi analisada por meio de mapas de variabilidade espaço-temporal, de análises de correlação e do coeficiente de variação ao longo do tempo para cada unidade amostral. Em ambas as áreas a CEa apresentou estabilidade temporal do padrão de distribuição espacial para as três profundidades avaliadas, ainda que observadas diferenças no teor de água do solo durante o período do estudo. Portanto, a determinação da CEa constitui alternativa interessante para mapeamento de campos agrícolas auxiliando no manejo em sistemas que empregam agricultura de precisão.
Descritores: Solo
Agricultura
Condutividade Elétrica
Tecnologia de Sensoriamento Remoto
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  5 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
ALVES, SUELI MARTINS DE FREITAS
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-914368
Autor: Alves, Sueli Martins de Freitas; Alcântara, Gracielly Ribeiro; Reis, Elton Fialho dos; Queiroz, Daniel Marçal de; Valente, Domingos Sárvio Magalhães.
Título: Definição de zonas de manejo a partir de mapas de condutividade elétrica e matéria orgânica / Definition of management zones from maps of electrical conductivity and organic matter
Fonte: Biosci. j. (Online);29(1):104-114, jan./feb. 2013. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho teve por objetivo definir zonas de manejo com base na variabilidade espacial da condutividade elétrica aparente do solo e da matéria orgânica, em áreas de plantio direto de milho e soja. Para caracterizar a variabilidade espacial foram utilizados métodos geoestatísticos. Comprovada a dependência espacial foram elaborados os mapas temáticos, por meio da krigagem. Para delimitação das zonas de manejo a partir dos mapas de variabilidade interpolados foi utilizado o algoritmo fuzzi K-means e para definição do número ótimo de classes foi determinado o índice de perfomance fuzzi e entropia da partição modificada. As variáveis utilizadas para a definição das zonas de manejo foram a altitude, a condutividade elétrica a 20 cm e 40 cm de profundidade e a matéria orgânica. A partir destas variáveis foram gerados sete mapas de zonas de manejo, e posteriormente pelo teste de Kappa foi analisada a concordância entre os mapas gerados pelas zonas de manejo e os mapas das propriedades físico-químicas do solo. Como resultado verificou-se o valor ótimo de número de classes igual a dois. Os melhores resultados na classificação das zonas de manejo, para os atributos referentes a textura do solo são observados a partir de mapas de matéria orgânica ou de condutividade elétrica e, para os atributos químicos, a partir de mapas de matéria orgânica ou de altitude e matéria orgânica. As zonas de manejo definidas a partir da condutividade elétrica a 20 cm permitiram detectar diferenças significativas entre as médias de produtividade de soja.

This study aimed to define management zones based on spatial variability of soil apparent electrical conductivity and organic matter in areas of tillage. To characterize the spatial geostatistical methods were used. Proven spatial dependence was prepared thematic maps through kriging. For delineation of management zones based on maps of variability was interpolated using the Fuzzy K-means algorithm and to define the optimal number of classes was determined Fuzzy performance index and entropy of the partition changed. The variables used for defining management zones were altitude, the electrical conductivity at 20 cm and 40 cm depth and organic matter. From these seven variables were generated maps of management zones, and later by the Kappa test was analyzed the correlation between the maps generated by the management zones and maps of the physical and chemical properties of soil. As a result there was an optimum number of classes equal to two, with the attributes related to soil texture management zone maps from organic matter or electrical conductivity and the chemical zone management from maps of organic matter or organic matter and altitude showed better results in their classification. The management zones defined from the electrical conductivity at 20 cm allowed us to detect significant differences between the average yield of soybean.
Descritores: Cultivos Agrícolas
Características do Solo
Condutividade Elétrica
Matéria Orgânica
Responsável: BR396.4


  6 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Zacharias, Carlos Renato
Texto completo
Id: lil-551007
Autor: Garcia, Sheila; Harduim, Rafael Cardoso; Homsani, Fortune; Zacharias, Carlos Renato; Kuster, Ricardo Machado; Holandino, Carla.
Título: Physical chemical and citotoxic evaluation of highly diluted solutions of Euphorbia tirucalli L. prepared through the fifty milesimal homeopathic method / Avaliação físico-química e citotóxica de soluções altamente diluídas de euphorbia tirucalli l. Preparada pelo método cinqüenta milesimal (lm) / Evaluación físico-química y citotóxica de soluciones altamente diluídas de Euphorbia tirucalli L. preparadas por el método homeopático cincuenta milesimal (LM)
Fonte: Int. j. high dilution res;9(31), 2010. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: Motivação: Embora Hahnemann tenha descrito o método LM na 6ª. Edição do Organon da Arte de Curar, poucas pesquisas tem sido feitas sobre as propriedades físico-químicas destas preparações. Além disso, ainda não existem evidências que apontem para a correlação entre propriedades físico-químicas e os efeitos biológicos das altas diluições. Objetivos: determinar características físico-químicas das preparações LM tais como condutividade elétrica, pH e índice de refração, bem como o efeito biológico em modelos experimentais. Materiais e Métodos: foi analisada uma série de diluições desde 1 lm até 10 lm de Euphorbia tirucalli L., preparada a partir do látex e do suco da planta. Para considerar as características sazonais desta planta, usamos 2 populações diferentes, colhidas uma em Junho de 2007 e outra em Maio de 2008. Além disso, o efeito citotóxico da Euphorbia tirucalli L. 5 lm foi testado em células humanas cancerosas (MCF7) através de ensaio MTT. Conclusões: Algumas diferenças entre as duas populações foram observadas. No entanto, nenhuma correlação clara pode ser observada entre as propriedades físico-químicas e a atividade biológica.

Background: although Hahnemann described the fifty-milesimal (LM) method in the 6th edition of the Organon of the Medical Art, very little research has been carried out on the physical chemical properties of these homeopathic preparations. Furthermore, there is still no evidence allowing for the correlation between the alleged physical chemical properties and the biological effects of high dilutions. Aims: to evaluate physical chemical characteristics of LM preparations including electrical conductivity, pH and refraction index, and their effect on biological experimental models. Materials and methods: preparations tested for physical chemical analysis were dilutions 1 lm to 10 lm of Euphorbia tirucalli L. prepared from the latex and the juice of the plant. To rule the seasonal characteristics of this plant, 2 different populations were used, one collected in June 2007 and the other in May 2008. Furthermore, the cytotoxic effect of Euphorbia tirucalli 5 lm was tested on human breast cancer cells (MCF7) through MTT assay. Conclusions: Some differences among the two collections were observed. However, any clear correlation could be observed between physical chemical properties and biological activity.

Motivación: Aunque Hahnemann describió el métodocincuenta milesimal (LM) en la 6 ª edición del Organon del Arte Médica, muy poca investigación se ha realizado sobre las propiedades físico-químicas de estos preparados homeopáticos. Por otra parte, todavía no hay pruebas que permitan la correlación entre las presuntas propiedades físico-químicas y los efectos biológicos, de las altas diluciones. Objetivos: evaluar las características físico-químicas de los preparados LM, incluyendo conductividad eléctrica, pH y el índice de refracción, y su efecto en modelos biológicos experimentales. Materiales y métodos: las muestras para el análisis físico-químico fueron diluciones 1 a 10 lm de Euphorbia tirucalli L. preparadas a partir del látex y el jugo de la planta. Para descartar las características sazonales de esta planta, dos poblaciones diferentes fueron utilizadas, una recogida en junio de 2007 y otro en mayo de 2008. Además, el efecto citotóxico de Euphorbia tirucalli 5 lm fue probado en células humanas de cáncer de mama (MCF7) a través del ensayo MTT. Conclusiones: Algunas diferencias entre las dos colecciones se observaron. Sin embargo, ninguna correlación clara se observó entre las propiedades físicas- químicas y actividad biológica.
Descritores: Cinquenta Milesimal
Citotoxicidade Imunológica
Concentração de Íons de Hidrogênio
Condutividade Elétrica
Dinamização
Euphorbia
Refratometria
Responsável: BR926.1 - Biblioteca Artur de Almeida Rezende Filho


  7 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Zacharias, Carlos Renato
Texto completo
Id: lil-529845
Autor: Holandino, Carla; Harduim, Rafael; Veiga, Venício Feo da; Garcia, Sheila; Zacharias, Carlos Renato.
Título: Modeling physical-chemical properties of high dilutions: an electrical conductivity study / Modelagem de propriedades físico-químicas das altas diluições: o estudo da condutividade elétrica
Fonte: Int. j. high dilution res;7(25):165-173, 2008. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: The most common way to perform succussions is to place a liquid preparation inside a glass vessel and beat it vigorously against a hard elastic surface, either manually or using a mechanical apparatus. This procedure has been assumed able to transfer mechanical energy to the molecular level, where it becomes available to perform chemical work. Such interpretation has been enforced by observed changes in the electrical conductivity (EC) of High Dilutions (HD) due to succussion. In order to address this question, we compared the electrical conductivity changes of HD prepared from Vincristine sulfate (VCR) samples with those of an inert solvent. Samples were produced through manual and mechanical succusions in order to observe the influence of bubbles production. The results confirmed the timing of EC changes but these were equivalent for VCR and solvent, except for VCR 1cH samples. Also, the production of bubbles does not affect the EC in an extent able to distinguish succussion procedures. We concluded that the physical-chemical properties of HD can be modeled by chemical and diffusive mechanisms typical of distilled water.

A maneira mais comum de realizar sucussões é manter uma preparação líquida dentro de um frasco de vidro, e agitá-la violentamente usando um dispositivo mecânico ou batendo-a, manualmente, contra um anteparo rígido, porém elástico. Este procedimento tem sido interpretado como um mecanismo capaz de transferir a energia mecânica da agitação, para níveis moleculares, onde ela se tornaria disponível para a realização de trabalho químico. Tal interpretação tem sido estimulada pela observação de alterações na condutividade elétrica (CE) de Altas Diluições (HD), devido à sucussão. Visando modelar esta questão, comparou-se a alteração da CE de amostras preparadas a partir de Sulfato de Vincristina (VCR) com amostras equivalentes (controle) preparadas apenas com o solvente água destilada. As amostras foram produzidas por sucussão mecânica e manual, a fimd e observar a influência da produção de bolhas. Os resultados confirma que a CE varia com o tempo, porém tais variações são equivalentes para VCR e controle, exceto para as amostras VCR 1cH. Também, a produção de bolhas não afeta a CE de forma a permitir usá-la para distinguir os diferentes procedimentos de sucussão. Concluimos que as propriedades físico-químicas da HDs podem ser modeladas por mecanismos químicos e difusivos, típicos para a água destilada.
Descritores: Altas Potências
Condutividade Elétrica
Desenho de Fármacos
Dinamização
Homeopatia
Medicamento Homeopático
Água Destilada
Responsável: BR926.1 - Biblioteca Artur de Almeida Rezende Filho


  8 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-911701
Autor: Gondim, Ancélio Ricardo de Oliveira; Flores, Milton Edgar Pereira; Martinez, Hermínia Emília Prieto; Fontes, Paulo César Rezende; Pereira, Paulo Roberto G.
Título: Condutividade elétrica na produção e nutrição de alface em sistema de cultivo hidropônico NFT / Electric conductivity in the production and nutrition lettuce in NFT system
Fonte: Biosci. j. (Online);26(6):894-904, Nov.- Dec. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: As soluções nutritivas utilizadas nos cultivos hidropônicos de alface, têm condutividades elétricas variando de 1,5 a 2,5 mS cm-1. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de diferentes condutividades elétricas na produtividade da variedade BR 303 de alface. O experimento foi realizado em casa de vegetação no Departamento de Fitotecnia da Universidade Federal de Viçosa (UFV), entre março e junho de 2005, com 4 tratamentos em delineamento inteiramente casualizado com seis repetições. Nos tratamentos foram alocados os tipos de soluções nutritivas, obtidos por diferentes concentrações (0,5; 1,0; 2,0 e 4,0 mS cm-1). Foram avaliados as características de crescimento, matéria seca e o teor de nutrientes. O acúmulo de macronutrientes e de micronutrientes pela alface cultivar Brasil 303 apresentou redução significativa nos diferentes órgãos da planta na condutividade elétrica de 4 mS cm-1, com exceção do ferro. A maior exigência nutricional da alface para os macronutrientes foi K, N, Ca, P, Mg e S e dos micronutrientes foram Fe, Mn, Zn, B e Cu. A condutividade elétrica de 2,6 mS cm-1 apresentou produção máxima de 1.277,35 g por planta, mesmo inibindo o crescimento radicular. A salinidade de 4 mS cm-1 afetou a relação raiz parte aérea reduzindo em 47%.

The nutrient solutions used in hydroponic crops of lettuce have electrical conductivities that vary from 1,5 to 2.5 ms cm-1. The objective of this study was to evaluate the influence of different electrical conductivities in Condutividade elétrica... the productivity of the variety of BR 303 lettuce. The experiment was conducted in a greenhouse at the Department of Plant Science of Federal University of Viçosa , between March and June 2005, with 4 treatments in a completely raffled design with six replicates. For the treatments were allocated the types of nutrient solutions obtained by different concentrations (0.5, 1.0, 2.0 and 4.0 mS cm-1). We evaluated the growth characteristics, dry matter and nutrient content. The accumulation of macronutrients and micronutrients by the cultivar Brazil lettuce 303 decreased significantly in different plant organs in the electrical conductivity of 4 mS cm-1, with the exception of iron. The biggest nutritional requirement of lettuce to the macronutrients was K, N, Ca, P, Mg and S and to the micronutrients it was Fe, Mn, Zn, B and Cu. The electrical conductivity of 2.6 mS cm-1 showed maximum production of 1277.35 g per plant, even inhibiting root growth. The salinity of 4 mS cm-1 affected the relation root air part reducing it in 47%.
Descritores: Cultivos Agrícolas
Condutividade Elétrica
Alimentos
Hidroponia
Alface
Responsável: BR396.4


  9 / 73 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-769800
Autor: Domingos, Mouseline Torquato; Magdalena, Neiva Isabel Rodrigues; Cat, Mônica Nunes Lima; Watanabe, Alexandra Mitiru; Rosário Filho, Nelson Augusto.
Título: Condutividade e teste quantitativo coulométrico na triagem neonatal para fibrose cística / Sweat conductivity and coulometric quantitative test in neonatal cystic fibrosis screening
Fonte: J. pediatr. (Rio J.);91(6):590-595, nov.-dez. 2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Resumo Objetivo Comparar os resultados obtidos no teste do suor pelo método da condutividade e a dosagem coulométrica de cloreto no suor em recém0nascidos (RN) suspeitos da triagem neonatal para fibrose cística (FC). Métodos O teste do suor foi feito simultaneamente pelos dois métodos em crianças com e sem FC. Os valores de corte para confirmar FC foram na condutividade > 50 mmol/L e no teste coulométrico > 60 mmol/L. Resultados Fizeram o teste do suor por condutividade e dosagem coulométrica simultaneamente 444 RN sem FC (185 do sexo masculino, 234 do feminino e 24 não informado) e obtiveram resultado mediano de 32 mmol/L e 12 mmol/L respectivamente. Para os noventa RN com FC os valores medianos de condutividade e dosagem coulométrica foram 108 mmol/L e 97 mmol/L respectivamente. O índice de falso positivo para condutividade foi de 16,7% e em todos os pacientes FC foi superior a 50 mmol/L, o que confere ao método 100% de sensibilidade (IC 95% = 93,8 a 97,8), especificidade de 96,2% (IC 95% = 93,8 a 97,8), valor preditivo positivo 83,3 (IC 95% = 74,4 a 91,1), valor preditivo negativo 100% (IC 95% = 90,5 a 109,4) e acurácia 9,8%. A correlação entre os métodos foi de r = 0,97 (p > 0,001).O melhor valor de corte sugerido foi de 69,0 mmol/L, coeficiente de kappa = 0,89. Conclusão O teste da condutividade apresentou excelente correlação com o quantitativo coulométrico, alta sensibilidade e especificidade e pode ser usado no diagnóstico da FC em crianças detectadas pela triagem neonatal.

Abstract Objective To compare the results obtained with the sweat test using the conductivity method and coulometric measurement of sweat chloride in newborns (NBs) with suspected cystic fibrosis (CF) in the neonatal screening program. Methods The sweat test was performed simultaneously by both methods in children with and without CF. The cutoff values to confirm CF were >50 mmol/L in the conductivity and >60 mmol/L in the coulometric test. Results There were 444 infants without CF (185 males, 234 females, and 24 unreported) submitted to the sweat test through conductivity and coulometric measurement simultaneously, obtaining median results of 32 mmol/L and 12 mmol/L, respectively. For 90 infants with CF, the median values of conductivity and coulometric measurement were 108 mmol/L and 97 mmol/L, respectively. The false positive rate for conductivity was 16.7%, and was higher than 50 mmol/L in all patients with CF, which gives this method a sensitivity of 100% (95% CI: 93.8-97.8), specificity of 96.2% (95% CI: 93.8-97.8), positive predictive value of 83.3% (95% CI: 74.4-91.1), negative predictive value of 100% (95% CI: 90.5-109.4), and 9.8% accuracy. The correlation between the methods was r = 0.97 (p > 0.001). The best suggested cutoff value was 69.0 mmol/L, with a kappa coefficient = 0.89. Conclusion The conductivity test showed excellent correlation with the quantitative coulometric test, high sensitivity and specificity, and can be used in the diagnosis of CF in children detected through newborn screening.
Descritores: Cloretos/análise
Fibrose Cística/diagnóstico
Suor/química
-Estudos Transversais
Condutividade Elétrica
Triagem Neonatal
Estudos Prospectivos
Sensibilidade e Especificidade
Limites: Feminino
Humanos
Recém-Nascido
Masculino
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 73 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-715590
Autor: César, II.
Título: Annelida (Oligochaeta and Aphanoneura) from the Natural Reserve of Isla Martín García (upper Río de la Plata estuary, Argentina): biodiversity and response to environmental variables / Annelida (Oligochaeta e Aphanoneura) da Reserva Natural de Usos Múltiplos Ilha Martín García, Río de La Plata: biodiversidade e reposta às variáveis ambientais
Fonte: Braz. j. biol;74(1):128-136, 2/2014. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: The Island of Martín García – located in the Upper Río de la Plata, to the south of the Uruguay River – is an outcropping of the crystalline basement. Fourteen sampling sites were selected, five along the littoral section of the island and nine in inland ponds. Four major environmental variables were measured: water temperature, dissolved oxygen, electrical conductivity, and pH. A total of 34 species of Oligochaeta and Aphanoneura were found, 30 belonging to Naididae plus one species each of the Narapidae, Lumbricidae, Enchytraeidae, and Aeolosomatidae. The thirteen most frequent species were: A. leydigi (30%), N. bonettoi (13%), L. hoffmeisteri (11%), N. variabilis (10%), S. trivandrana (6.5%), A. pigueti (5.6%), D. sawayai (4.5%), D. digitata (3.5%), C. diastrophus (2.7%), A. costatus (2.5%), P. longiseta (2.0%), Enchytraeidae (1.5%), and A. p. paraguayensis (1.4%). UPGMA clustering of species based on their occurrence in different ecological conditions revealed two main species groups. Canonic-correspondence analysis (CCA) was conducted with the 15 most frequent and abundant species in the 9 sampling sites and the 4 environmental variables. Results from the CCA revealed that the order of fluctuation of the environmental variables during the sampling period was, from the greatest to the least: dissolved oxygen, conductivity, pH, and water temperature. Approximately 97.6% of the correlations between species and environmental variables were expressed on axis 1 of the ordination diagram. Species richness correlated with the four environmental variables in the following order, from the weakest to the strongest: water temperature, pH, electrical conductivity, and dissolved oxygen.

A ilha de Martín García, que está localizada na parte alta do Rio de la Plata, ao sul da desembocadura do rio Uruguai, é um afloramento do embasamento cristalino. Quatorze pontos de coleta foram selecionados, cinco ao longo da seção litoral da ilha e nove de lagoas do interior. Quatro principais variáveis ambientais foram medidas: temperatura da água, oxigênio dissolvido, condutividade elétrica e pH. Um total de 34 espécies de Oligochaeta e Aphanoneura foram encontradas, 30 pertencentes a Naididae mais uma espécie cada de Narapidae, Lumbricidae, Enchytraeidae e Aelosomatidae. As treze espécies mais frequentes foram: A. leydigi (30%), N. bonettoi (13%), L. hoffmeisteri (11%), N. variabilis (10%), S. trivandrana (6,5%), A. pigueti (5,6%), D. sawayai (4,5%), D. digitata (3,5%), C. diastrophus (2,7%), A. costatus (2,5%), P. longiseta (2,0%), Enchytraeidae (1,5%) e A. p. paraguayensis (1,4%). A análise de agrupamento das espécies (UPGMA) com base na sua ocorrência em diferentes condições ecológicas revelou dois grupos de espécies principais. Análise canônica de correspondência análise (CCA) foi realizada com as 15 espécies mais frequentes e abundantes nos 9 pontos de amostragem e as quatro variáveis ambientais. Os resultados do CCA revelaram que a ordem de flutuação das variáveis ambientais durante o período de amostragem foi, desde o maior ao menor: oxigênio dissolvido, condutividade, pH e temperatura da água. Cerca de 97,6% das correlações entre as espécies e as variáveis ambientais foram expressos no eixo 1 do diagrama de ordenação. A riqueza de espécies foi correlacionada com as quatro variáveis ambientais na seguinte ordem, do mais fraco ao mais forte: oxigênio a temperatura da água, pH, condutividade elétrica, e oxigênio dissolvido.
Descritores: Biodiversidade
Oligoquetos/classificação
-Condutividade Elétrica
Estuários
Concentração de Íons de Hidrogênio
Densidade Demográfica
Dinâmica Populacional
Estações do Ano
Temperatura
Limites: Animais
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 8 ir para página                    
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde