Base de dados : LILACS
Pesquisa : G01.590.540.199 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 448 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 45 ir para página                         

  1 / 448 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-975111
Autor: Hospital das ClínicasCosta, Ana Luiza Fontes de Azevedo; Martins, Thiago Gonçalves dos Santos; Martins, Ricardo Vieira; Schor, Paulo.
Título: Quando a cor ajuda / When color helps
Fonte: Einstein (Säo Paulo);17(1):eAO4410, 2019. graf.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Objetivo: Reduzir a identificação errônea de colírios, por meio do uso de substâncias com cores diferentes. Métodos: Um grupo de 34 voluntários saudáveis foi apresentado a dois grupos de quatro colírios cada. Todos os colírios foram colocados em frascos idênticos sem rótulo. Em um grupo de quatro colírios, todos tinham conteúdos transparentes. No outro grupo, cada um dos quatro possuía uma substância de cor diferente. A cada um foi atribuído um número, e o voluntário foi solicitado a identificá-lo por meio da cor. Medimos o índice de acerto na identificação dos colírios dos dois grupos. Resultados: Os voluntários possuíam nível de formação desde Fundamental incompleto até Pós-Graduação completa, sendo 16 do sexo masculino (48%) e 18 do sexo feminino (52%), com idades variando de 21 até 87 anos. O índice de acerto no grupo de colírios coloridos foi de 88% e, no grupo de colírios transparentes, de 24%. Conclusão: O uso de colorações em colírios pode auxiliar na diferenciação entre os frascos e prevenir a identificação errônea.

ABSTRACT Objective: To reduce the inappropriate identification of eye drops, through the use of different colors. Methods: A group of 34 healthy volunteers was presented to two groups of four eye drops each. All eye drops were placed in identical, unlabelled vials. In one group, all four eye drops were transparent. In the other group, each had a different color. A number was assigned to each eye drop, and the volunteer was asked to identify it by color. We measured the correct index in the identification of the eye drops of the two groups. Results: The volunteers had a level of education from incomplete junior school to complete graduate course, with 16 males (48%) and 18 females (52%), age range of 21 to 87 years. The success rate in the group of colored eye drops was 88% and, in the group of transparent, 24%. Conclusion: The use of colorings in eye drops can help distinguishing the vials and preventing misidentification.
Descritores: Soluções Oftálmicas
Cor
-Escolaridade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1155162
Autor: Silva, Fábio Henrique Alves da; Paula, Paula Ângela de Figueiredo e.
Título: Os impactos do racismo na subjetividade do jogador de futebol negro / The impacts of racism on the subjectivity of black soccer players / Los impactos del racismo en la subjetividad de los futbolistas negros
Fonte: Psicol. ciênc. prof;40(spe):e230122, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Temos visto sucessivos casos de racismo no esporte ao longo dos anos. Essa situação nos possibilita colocar em xeque a ideia de que há uma democracia racial no esporte, justificada pelo fato de que a projeção dos atletas independe de sua cor, pois aconteceria pelo mérito de seu esforço em treinar suas potencialidades. Escolhemos nos concentrar no futebol porque é o esporte que mais converge o sentimento nacionalista em nosso país. O objetivo principal desta pesquisa de conclusão do curso de Psicologia, foi o de investigar se há racismo no futebol brasileiro e se ele afeta a subjetividade dos negros brasileiros que trabalham no futebol. Visamos também investigar como a psicologia tem tratado o sofrimento causado pelo racismo na constituição das subjetividades dos negros. A metodologia escolhida foi a revisão bibliográfica que, percorre o que já foi publicado em livros, sites etc. Constatamos que os negros encontram espaços de trabalho quando são atletas, mas que sua participação é mínima como árbitros, treinadores ou gestores. A pesquisa revelou também que a própria psicologia demorou muito a se pronunciar sobre o sofrimento causado na constituição da subjetividade do negro. Utilizando as orientações técnicas do Centro de Referência em Psicologia e Politicas Publicas (Crepop) do Conselho Federal de Psicologia em 2017, pudemos concluir que, para tratar do sofrimento dos negros no esporte, é necessário ampliar a clínica, escutando o atleta em sua dimensão biopsicossocial.

Abstract We have seen over the years successive cases of racism in sport. This situation makes us question the idea that there is a racial democracy in sport, justified by the fact that the projection of athletes is independent of their color, given that this is due to the merit of their efforts to train their potentialities. We chose to focus on soccer because it is the sport that most converges the feeling of nationalism in our country. We investigated in this research to conclude psychology course, if there is racism in Brazilian soccer and if it affects the subjectivity of Brazilian black people working in soccer. We also aim to investigate how Psychology has treated the suffering caused by racism in the constitution of black subjectivity. The chosen methodology was the bibliographic review that goes through what has already been published in books, websites and etc, The results show that black people find workspaces when they are still athletes, but their participation is minimal as referees, coaches or managers. The research also revealed that Psychology itself took a long time to take a stance on the suffering caused in the constitution of black subjectivity. Using the technical guidelines of the Reference Center in Psychology and Public Policy of the Federal Council of Psychology in 2017, we conclude that to address the suffering of black people in sports it is necessary to expand the clinic, listening to athletes in their bio-psycho-social dimension.

Resumen Han ocurrido muchos casos de racismo en el deporte a lo largo de los años. Esta situación nos permite cuestionar la idea de que existe una democracia racial en el deporte, justificada por el hecho de que la proyección de los deportistas no depende de su color, sino del mérito de su esfuerzo en entrenar sus potenciales. Se eligió el fútbol porque es el deporte que más converge el sentimiento nacionalista en Brasil. El principal objetivo de esta investigatión para concluir el curso de Psicologia, fue investigar se hay racismo en el fútbol brasileño y si afecta la subjetividad de los brasileños negros que trabajan en lo fútbol. Además, se busca investigar cómo la psicología ha tratado el sufrimiento causado por el racismo en la constitución de subjetividades negras. Se optó por hacer una revisión bibliográfica en torno a lo que se ha publicado en libros, internet, etc. Se encontró que los negros encuentran espacios de trabajo cuando son deportistas, pero su participación se reduce a lo mínimo como árbitros, entrenadores o directivos. Además, se reveló que la propia psicología tardó mucho en pronunciarse sobre el sufrimiento causado en la constitución de la subjetividad negra. Con base en los lineamientos técnicos del Centro de Referencia en Psicología y Políticas Públicas del Consejo Federal de Psicología en 2017, se concluye que, para atender el sufrimiento de los negros en el deporte, es necesario ampliar la clínica, escuchando al deportista en su dimensión biopsicosocial.
Descritores: Psicologia
Futebol
Esportes
Cor
Grupo com Ancestrais do Continente Africano
Atletas
Racismo
-Personalidade
Pesquisa
Tempo
CYCLAMATESABDOMINAL INJURIES
Limites: Humanos
Masculino
Adulto
Tipo de Publ: Revisão Sistemática
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  3 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-990059
Autor: Maranhão, Kalena Melo; Reis, Ana Cassia; Esteves, Renata Antunes; Ghislain, Hervé Louis; Garcia, Viviane; Alencar, Eveline; Klautau, Eliza Burlamaqui.
Título: Color Stability of Acrylic Resin Teeth After Immersion in Staining Solutions / Análisis del Cambio de Color de Dientes Artificiales Tras Inmersión en Soluciones Colorantes
Fonte: Int. j. odontostomatol. (Print);13(1):19-22, mar. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT: The objective of this study was to evaluate the color alteration of four brands of artificial teeth (Art Plus, Trilux, Bionote and Biolux), after immersion in color solutions of coffee, red wine and urucum. We used 80 artificial teeth, which were standardized with 2 mm thickness. Then, they were subjected to finishing and polishing, and divided into 4 groups (n = 05), which were immersed in one of the 3 types of dye, plus distilled water (control). The samples were immersed daily for 4 hours, then they were removed, washed in tap water, dried with absorbent paper and immersed in distilled water for the subsequent hours in a biological glasshouse at 37 ºC, for 21 days. The evaluation of the color change was made in the periods of 0, 7, 14 and 21 days, by means of the tristimulus colorimeter. The data were subjected to the ANOVA and Tukey test with a 5 % significance. The results showed that the urucum was the substance that caused the greatest staining while the coffee and the wine did not show statistical difference. Regarding trademarks, Trilux presented a statistical difference compared to the other commercial brands, revealing colorimetric alteration only in the 14-day period. It was concluded that the composition of the artificial teeth, the type of pigmenting agent and the immersion time determine the color change.

RESUMEN: El objetivo de este estudio fue evaluar la alteración de color de cuatro marcas de dientes artificiales (Art Plus, Trilux, Bionote y Biolux), después de inmersión en soluciones colorantes de café, vino tinto y urucum. Se utilizaron 80 dientes artificiales, los cuales fueron estandarizados con 2 mm de espesor. En seguida, los mismos fueron sometidos al acabado y pulido, y divididos en 4 grupos (n = 5), los cuales fueron inmersos en uno de los 3 tipos de colorante, más agua destilada (control). Las muestras permanecieron inmersas diariamente durante 4 horas, luego fueron retiradas, lavadas en agua corriente, secas con papel absorbente e inmersas en agua destilada por las horas subsiguientes en invernadero biológico a 37 ºC, por 21 días. La evaluación del cambio de color se realizó en los períodos de 0, 7, 14 y 21 días, por medio del colorímetro tristimulo. Los datos fueron sometidos a la prueba ANOVA y Tukey con un 5 % de significancia. Los resultados demostraron que el urucum fue la sustancia que provocó mayor manchado mientras que el café y el vino no presentaron diferencia estadística. En cuanto a las marcas comerciales, el Trilux presentó una diferencia estadística en comparación con las otras marcas comerciales, revelando alteración colorimétrica sólo en el período de 14 días. Se concluyó que la composición de los dientes artificiales, el tipo de agente pigmentante y el tiempo de inmersión determinan el cambio de color.
Descritores: Dente Artificial
Pigmentação em Prótese
-Resinas Acrílicas
Água
Análise Estatística
Análise de Variância
Cor
Colorimetria
Análise do Estresse Dentário
Limites: Humanos
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  4 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1290545
Autor: Moura, Roudom Ferreira.
Título: Idosos brancos e negros da cidade de São Paulo: desigualdades das condições sociais e de saúde / White and black elderly in the city of São Paulo: inequalities in social and health conditions.
Fonte: São Paulo; s.n; 2021. 163 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Introdução: No mundo, Brasil e, em especial, na cidade de São Paulo pouco se sabe sobre os determinantes sociais e de saúde na população idosa (>= 60 anos) sob a perspectiva da cor da pele / raça. O presente estudo levantou a hipótese de que havia diferenças nas prevalências das condições sociais e de saúde entre os idosos de diferentes grupos raciais. Objetivo: Identificar os fatores determinantes das condições sociais, de saúde e autoavaliação negativa do estado de saúde em idosos não institucionalizados do município de São Paulo sob a perspectiva da autodeclaração da cor da pele / raça. Métodos: Trata-se de estudo transversal, de base populacional, com amostra probabilística por conglomerados, que utilizou dados do Inquérito de Saúde realizado no município de São Paulo/SP, Brasil (ISA-Capital 2015). Para os fatores associados aos desfechos (condições sociais, de saúde e autoavaliação negativa de saúde), a medida de associação foi Razão de Prevalência (RP), bruta e ajustada, e respectivos intervalos de confiança de 95% (IC95%). Realizou-se análise simples e múltipla de regressão de Poisson por meio da técnica stepwise forward, utilizando os comandos svy do software Stata 14.0 2015. Resultados: Participaram do estudo 1017 idosos com idade mediana de 68 anos, sendo que 63,2% (IC95%: 58,4 - 67,7) dos idosos se autodeclararam brancos, 21,4% (IC95%: 17,9 - 25,4) pardos e 7,3% (IC95%: 5,5 - 9,6) pretos. A cor da pele parda e preta (raça negra) permaneceu positivamente associada às prevalências de desigualdade social, de saúde e de autoavaliação negativa das condições de saúde dos idosos. Os idosos negros apresentaram maior prevalência de piores condições de escolaridade (pardo (RP = 1,49; IC95%: 1,32 - 1,69) e preto (RP = 1,31; IC95%: 1,10 - 1,56)) e renda (pardo (RP = 1,31; IC95%: 1,07 - 1,62)); autoavaliação de saúde regular, ruim ou muito ruim (pardo (RP = 1,26; IC95%: 1,01 - 1,58) e preto (RP = 1,33; IC95%: 1,03 - 1,75)) e hipertensão arterial (preto (RP = 1,32; IC95%: 1,11 - 1,56)); menos plano (pardo (RP = 1,36; IC95%: 1,16 - 1,59) e preto (RP = 1,63; IC95%: 1,34 - 1,98)) e acesso a serviços (pardo (RP = 1,28; IC95%: 1,13 - 1,46) e preto (RP = 1,54; IC95%: 1,32 - 1,81)) privados de saúde do que os brancos. Ao se ajustar a autoavaliação negativa das condições de saúde para além das variáveis demográficas e socioeconômicas, ou seja, incluir as comportamentais e de saúde, a cor da pele preta permaneceu associada ao desfecho (RP = 1,28; IC95%: 1,00 - 1,63). Conclusões: A determinação social, de saúde e de autoavaliação negativa das condições de saúde em idosos do município de São Paulo, apresentou caráter multidimensional de piores indicadores para a categoria racial negra. As desigualdades encontradas entre as categorias raciais apontaram para situações sistemáticas de desvantagens para os idosos negros. O racismo estrutural e institucional e iniquidade em saúde foram as condições explicativas para essas desigualdades.

Introduction: In the world, Brazil and, especially, in the city of São Paulo, little is known about the social and health determinants of the elderly population (>= 60 years) from the perspective of skin color / race. The present study raised the hypothesis that there were differences in the prevalence of social and health conditions among the elderly from different racial groups. Objective: To identify the determinants of social conditions, health and negative self-assessment of health status in non-institutionalized elderly people in the city of São Paulo from the perspective of self-declared skin color / race. Methods: This is a cross-sectional, population-based study, with a probabilistic sample by clusters, which used data from the Health Survey conducted in the city of São Paulo / SP, Brazil (ISA-Capital 2015). For factors associated with outcomes (social and health conditions and negative self-rated health), the measure of association was Gross and Adjusted Prevalence Ratio (PR), with respective 95% confidence intervals (95% CI). Simple and multiple Poisson regression analysis was performed using the stepwise forward technique, using the svy commands of the Stata 14.0 2015 software. Results: 1,017 elderly people with a median age of 68 years participated in the study, 63.2% (95% CI: 58.4 - 67.7) of the elderly self-declared to be white, 21.4% (95% CI: 17.9 - 25.4) brown and 7.3% (95% CI: 5.5 - 9.6) black. Brown and black skin color (black race) remained positively associated with the prevalence of social inequality, health and negative self-assessment of the health conditions of the elderly. Black elderly people had a higher prevalence of worse schooling conditions (brown (PR = 1.49; 95% CI: 1.32 - 1.69) and black (PR = 1.31; 95% CI: 1.10 - 1.56 )) and income (brown (PR = 1.31; 95% CI: 1.07 - 1.62)); regular, poor or very bad self-rated health, (brown (PR = 1.26; 95% CI: 1.01 - 1.58) and black (PR = 1.33; 95% CI: 1.03 - 1.75)) and arterial hypertension (black (PR = 1.32; 95% CI: 1.11 - 1.56)); less access to private health plans (brown (PR = 1.36; 95% CI: 1.16 - 1.59) and black (PR = 1.63; 95% CI: 1.34 - 1.98)) and less access to services (brown ( PR = 1.28; 95% CI: 1.13 - 1.46) and black (PR = 1.54; 95% CI: 1.32 - 1.81)) in comparison to white elderly. When adjusting to the negative self-assessment of health conditions and to demographic and socioeconomic variables, including behavioral and health variables, black skin color remained associated with the outcome (PR = 1.28; 95% CI: 1.00 - 1.63). Conclusions: Social determination, health and negative self-assessment of health conditions in elderly people in the city of São Paulo presented a multidimensional character of the worst indicators for the black racial category. The inequalities found between racial categories pointed to systematic situations of disadvantage for black elderly people. Structural and institutional racism and health inequity were the explanatory conditions for these inequalities.
Descritores: Fatores Socioeconômicos
Idoso
Saúde do Idoso
Cor
Disparidades nos Níveis de Saúde
Origem Étnica e Saúde
Racismo
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  5 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-725416
Autor: Machado, Andre Wilson.
Título: 10 commandments of smile esthetics
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);19(4):136-157, Jul-Aug/2014. graf.
Idioma: en.
Resumo: The search for esthetic treatment has persisted in the routine of dental professionals. Following this trend, dental patients have sought treatment with the primary aim of improving smile esthetics. The aim of this article is to present a protocol to assess patient's smile: The 10 Commandments of smile esthetics.

Pacientes em busca de tratamentos estéticos são uma constante na rotina de todos os profissionais que oferecem este tipo de serviço. Seguindo esta tendência, os pacientes odontológicos vêm buscando tratamentos com o objetivo primário de melhorias na estética do sorriso. O objetivo deste artigo é apresentar um protocolo de avaliação do sorriso, intitulado de "Os 10 mandamentos da estética do sorriso".
Descritores: Sorriso
Estética Dentária
-Fala/fisiologia
Clareamento Dental/métodos
Gravação em Vídeo
Beleza
Fotografação/métodos
Protocolos Clínicos
Cor
Dente Canino/anatomia & histologia
Face/anatomia & histologia
Gengiva/anatomia & histologia
Incisivo/anatomia & histologia
Lábio/anatomia & histologia
Maxila/anatomia & histologia
Odontometria/métodos
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-757425
Autor: Guignone, Bruna Coser; Silva, Ludimila Karsbergen; Soares, Rodrigo Villamarim; Akaki, Emilio; Goiato, Marcelo Coelho; Pithon, Matheus Melo; Oliveira, Dauro Douglas.
Título: Color stability of ceramic brackets immersed in potentially staining solutions
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);20(4):32-38, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: To assess the color stability of five types of ceramic brackets after immersion in potentially staining solutions.METHODS: Ninety brackets were divided into 5 groups (n = 18) according to brackets commercial brands and the solutions in which they were immersed (coffee, red wine, coke and artificial saliva). The brackets assessed were Transcend (3M/Unitek, Monrovia, CA, USA), Radiance (American Orthodontics, Sheboygan, WI, USA), Mystique (GAC International Inc., Bohemia, NY, USA) and Luxi II (Rocky Mountain Orthodontics, Denver, CO, USA). Chromatic changes were analyzed with the aid of a reflectance spectrophotometer and by visual inspection at five specific time intervals. Assessment periods were as received from the manufacturer (T0), 24 hours (T1), 72 hours (T2), as well as 7 days (T3) and 14 days (T4) of immersion in the aforementioned solutions. Results were submitted to statistical analysis with ANOVA and Bonferroni correction, as well as to a multivariate profile analysis for independent and paired samples with significance level set at 5%.RESULTS: The duration of the immersion period influenced color alteration of all tested brackets, even though these changes could not always be visually observed. Different behaviors were observed for each immersion solution; however, brackets immersed in one solution progressed similarly despite minor variations.CONCLUSIONS: Staining became more intense over time and all brackets underwent color alterations when immersed in the aforementioned solutions.

OBJETIVO: avaliar a estabilidade da cor de cinco tipos de braquetes cerâmicos após imersão em soluções potencialmente corantes.MÉTODOS: noventa braquetes foram divididos em 5 grupos (n = 18) de acordo com a marca comercial dos braquetes e as soluções em que foram imersos (café, vinho tinto, Coca-Cola e saliva artificial). Os baquetes avaliados foram Transcend (3M / Unitek, Monrovia, CA, EUA), Radiance (American Ortodontia, Sheboygan, WI, EUA), Mystique (GAC International Inc., Bohemia, NY, EUA) e Luxi II (Rocky Mountain Orthodontics, Denver, CO, EUA). Alterações cromáticas foram analisadas com o uso de um espectrofotômetro de reflectância e por inspecção visual, em cinco intervalos de tempo específicos. Os momentos de avaliação foram: 24 horas (T1), 72 horas (T2), 7 dias (T3) e 14 dias (T4) de imersão nas soluções. Os resultados foram submetidos à avaliação estatística com análise de variância e correção de Bonferroni, bem como a uma análise do perfil multivariada para amostras independentes e pareadas, com nível de significância de 5%.RESULTADOS: a duração do período de imersão influenciou na alteração de cor de todos os braquetes testados, mesmo admitindo-se que essas alterações nem sempre puderam ser observadas visualmente. Diferentes comportamentos foram observados em cada solução de imersão; no entanto, braquetes imersos em um mesmo tipo de solução progrediram de forma semelhante, apesar das pequenas variações.CONCLUSÕES: a coloração se tornou mais intensa com o tempo, e todos os braquetes sofreram alteração de cor nas soluções imersas.
Descritores: Cerâmica/química
Braquetes Ortodônticos
Materiais Dentários/química
-Saliva Artificial/química
Espectrofotometria/instrumentação
Propriedades de Superfície
Fatores de Tempo
Vinho
Teste de Materiais
Bebidas Gaseificadas
Café
Cor
Corantes/química
Óxido de Alumínio/química
Imersão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-782947
Autor: Lee, Yong-Keun; Bin, Yu.
Título: Translucency and color match with a shade guide of esthetic brackets with the aid of a spectroradiometer
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);21(2):81-87, Mar.-Apr. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: Since the color of esthetic brackets should match that of teeth, the aims of this study were to determine the color and translucency of esthetic brackets by means of the clinically relevant use of a spectroradiometer, and to compare the color of brackets with that of a commercial shade guide. Methods: The color of central and tie-wing regions of four plastic and four ceramic brackets was measured according to the CIE L*a*b* color scale over white and black backgrounds. Brackets were classified into five groups based on their composition. The color of Vitapan Classical Shade Guide tabs was also measured. Translucency parameter (TP) and contrast ratio (CR) were calculated to determine translucency. Results: Color differences between brackets and the shade guide tabs were 10.4 - 34.5 ∆E*ab units. TP and CR values for the central region were 16.4 - 27.7 and 0.38 - 0.58, whereas for the tie-wings they were 24.0 - 39.9 and 0.25 - 0.45, respectively. The color coordinates, TP and CR values were significantly influenced by bracket composition and brand (p < 0.05). Conclusions: Esthetic brackets investigated herein showed unacceptable color differences (∆E*ab > 5.5) compared with the shade guide tabs. Differences in the translucency of brackets by brand were within the visually perceptible range (∆CR > 0.07). Therefore, brackets showing the best matching performance for each case should be selected considering esthetic and functional demands.

RESUMO Objetivo: considerando-se que a cor dos braquetes estéticos deve corresponder à cor dos dentes, os objetivos do presente estudo foram determinar a cor e a translucidez de braquetes estéticos, por meio do uso clinicamente relevante de um espectroradiômetro, e comparar a cor desses braquetes com a cor de uma escala comercial de cores. Métodos: a cor das regiões central e da aleta de quatro braquetes plásticos e quatro braquetes cerâmicos foi medida segundo o sistema de cores CIE L*a*b*, sobre fundos branco e preto. Os braquetes foram classificados em cinco grupos, de acordo com a sua composição. A cor das peças da escala de cores Vitapan Classical(r) também foi medida. O parâmetro de translucidez (PT) e a razão de contraste (RC) foram calculados para se determinar a translucidez. Resultados: as diferenças de cor entre os braquetes e as peças da escala de cores variaram de 10,4 a 34,5 unidades ∆E*ab. Os valores de PT e RC, respectivamente, variaram de 16,4 a 27,7 e de 0,38 a 0,58 na região central; já para a região das aletas, esses valores variaram de 24,0 a 39,9 e de 0,25 a 0,45. As coordenadas de cor e os valores de PT e RC foram significativamente influenciados pela marca e composição dos braquetes (p < 0,05). Conclusões: os braquetes estéticos investigados nesse estudo demonstraram diferenças de cor inaceitáveis (∆E*ab > 5,5), quando comparados às peças da escala de cores. As diferenças de translucidez entre as marcas de braquetes estavam dentro do limite visualmente perceptível (∆RC > 0,07). Portanto, ao selecionar os braquetes com a melhor correspondência de cor, deve-se levar em consideração as exigências estéticas e funcionais de cada caso.
Descritores: Braquetes Ortodônticos
Estética Dentária
-Plásticos
Radiometria
Cerâmica
Cor
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-828659
Autor: Kawabata, Edilene; Dantas, Vera Lucia; Kato, Carlos Brito; Normando, David.
Título: Color changes of esthetic orthodontic ligatures evaluated by orthodontists and patients: a clinical study
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);21(5):53-57, Sept.-Dec. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To evaluate in vivo changes in the color of esthetic elastomeric ligatures from different manufacturers. Methods: Four widely used commercial brands of elastomeric ligatures were selected and used in 20 adult patients in a split-mouth design. The ligatures were evaluated by orthodontists and patients in a double-blind manner on the day the ligatures were placed (T0) and 30 days after intraoral exposure (T1) by means of a system of staining scores. Groups were compared by Friedman test with p < 0.05. Results: Orthodontists and patients reported similar staining scores (p > 0.05). Results showed that all brands underwent significant staining when exposed to the intraoral environment. Modular-crystal MorelliTM (Sorocaba, SP, Brazil) showed the highest degree of staining with the median reaching the maximum value (3); while the other brands (3M UnitekTM, American OrthodonticsTM and GAC DentsplyTM) showed the median equal to 1 (p < 0.001). A large individual variability in the degree of staining was also found for all brands. Conclusions: All four brands of esthetic ligatures showed significant staining, which appeared to be more pronounced for the MorelliTM brand. Changes in color of the elastomeric ligatures were perceived similarly by patients and orthodontists. The industry needs to improve the color stability of esthetic ligatures.

RESUMO Objetivo: avaliar, in vivo, as alterações na cor de elastômeros estéticos de diferentes fabricantes. Métodos: quatro marcas comerciais de elastômeros amplamente utilizados foram selecionadas e utilizadas em 20 pacientes adultos, por meio desse estudo com delineamento do tipo boca dividida. As ligaduras foram avaliadas por ortodontistas e pacientes, com método duplo-cego, no dia que as ligaduras foram instaladas (T0) e após 30 dias em exposição ao meio intrabucal (T1), atribuindo escores ao manchamento dessas. Os grupos foram comparados pelo teste de Friedman, com p < 0,05. Resultados: os ortodontistas e pacientes relataram escores semelhantes de manchamento (p > 0,05). Os resultados mostraram que todas as marcas analisadas apresentaram alterações significativas na coloração, quando foram expostas ao ambiente intrabucal. O modelo Modular-cristal (Morelli, Sorocaba/SP, Brasil) mostrou o maior grau de manchamento, com a mediana atingindo o valor máximo (3), enquanto nas outras marcas (3M Unitek, American Orthodontics e GAC Dentsply) a mediana foi igual a 1 (p < 0,001). Também se verificou uma grande variabilidade individual no grau de manchamento, para todas as marcas. Conclusões: Todas as quatro marcas de elastômeros estéticos mostraram manchamento significativo, que pareceu ser mais pronunciado para a marca Morelli. As alterações de cor nos elastômeros foram percebidas de forma semelhante pelos pacientes e pelos ortodontistas. Assim, a indústria precisa melhorar a estabilidade de cor dos elastômeros estéticos.
Descritores: Aparelhos Ortodônticos
Cor
Elastômeros
Estética Dentária
-Método Duplo-Cego
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo Clínico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 448 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-828662
Autor: Kuhlman, Deise Caldas; Lima, Tatiana Araújo de; Duplat, Candice Belchior; Capelli Junior, Jonas.
Título: Esthetic perception of orthodontic appliances by Brazilian children and adolescents
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);21(5):58-66, Sept.-Dec. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: The objective of this present study was to understand how children and adolescents perceive esthetic attractiveness of a variety of orthodontic appliances. It also analyzed preferences according to patients' age, sex and socioeconomic status. Methods: A photograph album consisting of eight photographs of different orthodontic appliances and clear tray aligners placed in a consenting adult with pleasing smile was used. A sample of children or adolescents aged between 8 and 17 years old (n = 276) was asked to rate each image for its attractiveness on a visual analog scale. Comparisons between the appliances attractiveness were performed by means of nonparametric statistics with Friedman's test followed by Dunn's multiple comparison post-hoc test. Correlation between appliances and individuals' socioeconomic status, age, sex, and esthetic perception was assessed by means of Spearman's correlation analysis. Results: Attractiveness ratings of orthodontic appliances varied nonsignificantly for children in the following hierarchy: traditional metallic brackets with green elastomeric ligatures > traditional metallic brackets with gray elastomeric ligatures > sapphire esthetic brackets; and for adolescents, as follows: sapphire esthetic brackets > clear aligner without attachments > traditional metallic brackets with green elastomeric ligatures. The correlation between individuals' socioeconomic status and esthetic perception of a given appliance was negative and statistically significant for appliances such as the golden orthodontic brackets and traditional metallic brackets with green elastomeric ligatures. Conclusion: Metal appliances were considered very attractive, whereas aligners were classified as less attractive by children and adolescents. The correlation between esthetic perception and socioeconomic status revealed that individuals with a higher socioeconomic level judged esthetics as the most attractive attribute. For those with higher economic status, golden orthodontic brackets and traditional metallic brackets with green elastomeric ligatures were assessed as the worst esthetic option.

RESUMO Objetivo: o objetivo do presente estudo foi compreender como crianças e adolescentes percebem a atratividade estética de uma variedade de aparelhos ortodônticos. Também foram analisadas as preferências segundo idade, sexo e nível socioeconômico. Métodos: foi utilizado um álbum de fotografias contendo oito imagens de um mesmo adulto sorrindo, utilizando diferentes aparelhos ortodônticos e alinhadores estéticos. Crianças e adolescentes, com idades entre 8 e 17 anos (n = 276), foram orientadas a classificar cada imagem em uma escala visual analógica, de acordo com a atratividade. Comparações entre a atratividade dos aparelhos foram realizadas por meio do teste estatístico não paramétrico de Friedman seguido pelo teste post-hoc de Dunn para comparações múltiplas. As correlações entre a atratividade de cada aparelho e o nível socioeconômico, idade e sexo foram avaliadas segundo o coeficiente de correlação de Spearman. Resultados: a atratividade dos aparelhos ortodônticos variou, de maneira não significativa, para as crianças na seguinte ordem: braquete metálico com ligadura verde > braquete metálico tradicional com ligadura cinza > braquete estético de safira. Para os adolescentes, variou na seguinte ordem: braquete estético de safira > alinhadores estéticos transparentes sem anexos > braquete metálico com ligadura verde. A correlação entre o nível socioeconômico e a percepção estética foi positiva e estatisticamente significativa para os alinhadores transparentes sem anexos, para os adolescentes do sexo feminino. Conclusões: os aparelhos metálicos foram considerados muito atrativos pelas crianças, enquanto o braquete estético e os alinhadores transparentes foram classificados como mais atrativos pelos adolescentes. A correlação entre a percepção estética e o nível socioeconômico revelou que o nível socioeconômico não influenciou na atratividade para crianças e adolescentes do sexo masculino. No entanto, adolescentes do sexo feminino com maior nível socioeconômico avaliaram os dispositivos estéticos como os mais atrativos.
Descritores: Braquetes Ortodônticos
Desenho de Aparelho Ortodôntico
Estética Dentária
-Classe Social
Brasil
Cor
Estética
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 448 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-840224
Autor: Nakhaei, Samaneh; Agahi, Raha Habib; Aminian, Amin; Rezaeizadeh, Masoud.
Título: Discoloration and force degradation of orthodontic elastomeric ligatures
Fonte: Dental press j. orthod. (Impr.);22(2):45-54, Mar.-Apr. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVE: The aim of the present study was to evaluate color changes and force degradation of orthodontic elastomeric ligatures in different stretching patterns during a 8-weeks period. METHODS: Two elastomers with the minimum and two with the maximum color changing, and gray elastomers of two brands (American Orthodontics and Ortho Technology) were selected according to an opinion poll with clinicians and color changes after 4 weeks of intraoral use were evaluated. These elastomers were mounted on special jigs fabricated using a CAD-CAM technique, underwent different stretching patterns and the force was measured in 0, 24 hours, 2, 4 and 8 weeks. During in vivo part of the study, force levels of elastomers were measured after 4 weeks on a material testing machine. Data were analyzed with four-way ANOVA and Tukey post hoc tests. RESULTS: All the elastomers showed color changing but the degree of color stability was significantly different. The mean force degradation was higher in 1-mm stretch groups. After 8 weeks, the average residual force of elastomers was 1.45 ± 0.18 N and the maximum force decay was seen in the elastomers that exhibited the maximum initial force. CONCLUSION: There is significant relationship between the stretching pattern and the amount of residual force of elastomers. Elastomers with higher initial forces exhibited higher percentages of force loss after 8 weeks. It seems that there is a relationship between initial color and color changing of elastomers.

RESUMO OBJETIVO: o objetivo do presente estudo foi avaliar as alterações de cor e a degradação da força de ligaduras elásticas em diferentes padrões de estiramento, durante um período de 8 semanas. MÉTODOS: duas ligaduras elásticas com alteração mínima de cor, duas com alteração máxima de cor e ligaduras elásticas na cor cinza de duas marcas comerciais (American Orthodontics e Ortho Technology) foram selecionadas de acordo com uma pesquisa de opinião com clínicos, e mediante a avaliação das alterações de cor após quatro semanas em uso intrabucal. Essas ligaduras elásticas foram montadas em jigs fabricados por meio da técnica CAD-CAM e foram expostas a diferentes padrões de estiramento, e a força foi medida nos tempos de 0h, 24h; 2, 4 e 8 semanas. Durante a parte in vivo do estudo, os níveis de força das ligaduras elásticas foram medidos após 4 semanas, em uma máquina de teste de materiais. Os dados foram analisados com os testes ANOVA de quatro vias e post-hoc de Turkey. RESULTADOS: todas as ligaduras elásticas mostraram alterações de cor, mas houve diferenças significativas quanto ao grau de estabilidade da cor. A média de degradação da força foi mais alta nos grupos com estiramento a 1 mm. Após 8 semanas, a média da força residual nas ligaduras elásticas foi de 1,45 ± 0,18 N e a maior degradação na força foi observada nas ligaduras elásticas que apresentaram a maior força inicial. CONCLUSÃO: há uma relação significativa entre o padrão de estiramento e a quantidade de força residual nas ligaduras elásticas. As ligaduras elásticas com as maiores forças iniciais exibiram as mais altas porcentagens de degradação da força após 8 semanas. É, também, possível que haja uma relação entre a cor inicial da ligadura elástica e sua alteração de cor.
Descritores: Aparelhos Ortodônticos
Estresse Mecânico
Cor
Elastômeros/química
-Polímeros
Resistência à Tração
Fatores de Tempo
Teste de Materiais
Desenho de Aparelho Ortodôntico
Desenho Assistido por Computador
Análise do Estresse Dentário
Elasticidade
Fenômenos Mecânicos
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 45 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde