Base de dados : LILACS
Pesquisa : G01.750.897 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 19 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 2 ir para página        

  1 / 19 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-694140
Autor: Santos, Juliane Barbosa dos; Jabbour, Charbel José Chiappetta.
Título: Adoção da energia solar fotovoltaica em hospitais: revisando a literatura e algumas experiências internacionais / Photovoltaic solar energy in hospitals: review of literature and some international experiences
Fonte: Saúde Soc;22(3):972-977, jul.-set. 2013. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O Sol possui um papel de extrema importância para a existência dos seres humanos e o Brasil possui uma posição geográfica privilegiada para explorar a luz solar. A união desses dois fatores favorece o uso de células solares para conversão de energia solar em energia elétrica por meio da tecnologia fotovoltaica, tornando-se ótima alternativa de energia, principalmente por ser uma fonte limpa, gerando menores danos ao meio ambiente. Este trabalho tem por objetivo abordar a tecnologia fotovoltaica tendo como foco analítico os hospitais, por meio de casos de sucesso encontrados na literatura internacional. Os hospitais, mesmo executando serviços de total importância à sociedade, apresentam potencial poluidor capaz de causar danos à saúde das pessoas e ao meio ambiente que se localiza ao seu redor. Há estimativas de que as reservas brasileiras de petróleo sejam suficientes para 22 anos, tornando-se necessária a busca por novas fontes alternativas para a geração de energia.
Descritores: Desenvolvimento Ecológico
Energia Solar
Fontes Geradoras de Energia
Hospitais
Tecnologia Culturalmente Apropriada
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  2 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1054868
Autor: Araújo, Fernanda Mendes; Carmo, Julliana Andrade do; Cunha, Letícia Diniz; Martins, Igor Monteiro Lima; Gon, Airton dos Santos; Caldeira, Antônio Prates.
Título: Development and validation of an instrument to assess the knowledge of general practitioners and pediatricians about photoprotection and solar radiation
Fonte: An. bras. dermatol;94(5):532-541, Sept.-Oct. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background The knowledge of general practitioners about photoprotection is unknown. Objectives To develop and validate an instrument to evaluate the knowledge of general practitioners and pediatricians about photoprotection, gauging the knowledge of these professionals. Methods The study followed the steps: (1) Literature identification and item elaboration related to the theme; (2) Content validation; (3) Apparent validation; (4) Construct validation: internal consistency analysis and discriminatory analysis; (5) Reliability analysis. In Step 4, the instrument was applied to 217 general practitioners and pediatricians who worked in the host city of the study; the scores were compared with dermatologists scores. Results The final instrument had 41 items and showed satisfactory internal consistency (Cronbach's alpha = 0.780), satisfactory reproducibility and good test-retest reliability (good-to-excellent kappa statistic in more than 60% of items). The discriminatory analysis registered a mean score of 54.1 points for dermatologists and 31.1 points for generalists and pediatricians, from a total of 82 possible points, representing a statistically significant difference (p < 0.001). Generalists and pediatricians demonstrated an understanding of the relationship between excessive sun exposure and skin cancer, but they revealed lack of technical information necessary for their professional practice. Study limitations The instrument evaluates only knowledge, without evaluating the conduct of the participants. Conclusion The results show that the instrument has good internal consistency and good reproducibility. It could be useful in the identification of general practitioners and pediatricians knowledge gaps on the subject, for the subsequent development of training and educational strategies.
Descritores: Proteção Radiológica/métodos
Energia Solar
Raios Ultravioleta/efeitos adversos
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Inquéritos e Questionários/normas
Clínicos Gerais/estatística & dados numéricos
Pediatras/estatística & dados numéricos
-Neoplasias Cutâneas/prevenção & controle
Protetores Solares/uso terapêutico
Brasil
Reprodutibilidade dos Testes
Estatísticas não Paramétricas
Exposição à Radiação/prevenção & controle
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo de Validação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-741059
Autor: Schalka, Sérgio; Steiner, Denise; Ravelli, Flávia Naranjo; Steiner, Tatiana; Terena, Aripuanã Cobério; Marçon, Carolina Reato; Ayres, Eloisa Leis; Addor, Flávia Alvim Sant'anna; Miot, Helio Amante; Ponzio, Humberto; Duarte, Ida; Neffá, Jane; Cunha, José Antônio Jabur da; Boza, Juliana Catucci; Samorano, Luciana de Paula; Corrêa, Marcelo de Paula; Maia, Marcus; Nasser, Nilton; Leite, Olga Maria Rodrigues Ribeiro; Lopes, Otávio Sergio; Oliveira, Pedro Dantas; Meyer, Renata Leal Bregunci; Cestari, Tânia; Reis, Vitor Manoel Silva dos; Rego, Vitória Regina Pedreira de Almeida.
Título: Brazilian Consensus on Photoprotection
Fonte: An. bras. dermatol;89(6,supl.1):1-74, Nov-Dec/2014. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Brazil is a country of continental dimensions with a large heterogeneity of climates and massive mixing of the population. Almost the entire national territory is located between the Equator and the Tropic of Capricorn, and the Earth axial tilt to the south certainly makes Brazil one of the countries of the world with greater extent of land in proximity to the sun. The Brazilian coastline, where most of its population lives, is more than 8,500 km long. Due to geographic characteristics and cultural trends, Brazilians are among the peoples with the highest annual exposure to the sun. Epidemiological data show a continuing increase in the incidence of non-melanoma and melanoma skin cancers. Photoprotection can be understood as a set of measures aimed at reducing sun exposure and at preventing the development of acute and chronic actinic damage. Due to the peculiarities of Brazilian territory and culture, it would not be advisable to replicate the concepts of photoprotection from other developed countries, places with completely different climates and populations. Thus the Brazilian Society of Dermatology has developed the Brazilian Consensus on Photoprotection, the first official document on photoprotection developed in Brazil for Brazilians, with recommendations on matters involving photoprotection.
Descritores: Proteção Radiológica/métodos
Queimadura Solar/prevenção & controle
Protetores Solares/administração & dosagem
-Dermatopatias/prevenção & controle
Neoplasias Cutâneas/prevenção & controle
Neoplasias Cutâneas/epidemiologia
Energia Solar/estatística & dados numéricos
Queimadura Solar/epidemiologia
Protetores Solares/química
Raios Ultravioleta/efeitos adversos
Vitamina D/metabolismo
Brasil/epidemiologia
Vestuário
Exposição Ambiental
Radiação Eletromagnética
Promoção da Saúde/métodos
Conceitos Meteorológicos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Conferência de Consenso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-678786
Autor: Velloso, João Paulo dos Reis(coord).
Título: Opção pela energia hidroelétrica (e outras energias renováveis) / Option by hydropower (and other renewables).
Fonte: Rio de Janeiro; Instituto Nacional de Altos Estudos; 2012. 166 p. ilus, mapas, tab, graf.
Idioma: pt.
Descritores: Desenvolvimento Sustentável/economia
Energia Hidrelétrica/economia
Energia Hidrelétrica/políticas
Energia não Convencional/economia
Energia não Convencional/políticas
-Energia Solar
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 333.794, V441o


  5 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-527827
Autor: Moura, Edila Arnaud Ferreira.
Título: Água de beber, água de cozinhar, água de tomar banho: diversidade socioambiental no consumo da água pelos moradores da várzea de Mamirauá, Estado do Amazonas / Water to drink, water to cook, water to bath: socioambiental diversities regarding consumptiom of water among the inhabitants of the fertile valley of Mamirauá, Amazon state
Fonte: Cad. saúde colet., (Rio J.);15(4):501-516, out.-dez. 2007. ilus, mapas, graf.
Idioma: pt.
Resumo: A água é abundante na várzea amazônica, mas mesmo assim as populações ribeirinhas ainda resentem-se da escassez de água para o adequado consumo humano. Os moradores que habitam a Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (RDSM), Estado do Amazonas, receberam um conjunto de orientações para mudanças de comportamento em relação ao uso e cuidado com a água para o consumo doméstico, e também tiveram acesso a tecnologias apropriadas para sistemas de bombeamento e abastecimento de água no ambiente da várzea. Este estudo, realizado em 2004, em 23 comunidades ribeirinhas da RDSM, mostra as diversas respostas sociais ao uso da água para consumo doméstico. O estudo identifica a diversidade social no uso da água a partir das condições ecológicas e sociais dessas populações e assim contribui para as análises sobre os usos sociais da ciência e da tecnologia para as populações da várzea na Amazônia. A análise ressalta a importância da formulação de políticas públicas que atendam as peculiaridades dos moradores da várzea e destaca as inovações tecnológicas que tornaram possível o acesso à água de melhor qualidade para essas populações.
Descritores: Abastecimento de Água/normas
Planejamento Social
Água Potável
Captação de Águas de Chuva
Energia Solar
Limites: Humanos
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  6 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-417111
Autor: Rodríguez Ferradá, Carlos Alberto; Carballo Guerra, Caridad; Hechevarría Sosa, Isabel; Acosta de la Luz, Lérida.
Título: Ahorro de energía en el secado de plantas medicinales / Energy saving in the medicinal plants drying
Fonte: Rev. cuba. plantas med;10(1), ene.-mar. 2005. tab.
Idioma: es.
Resumo: Se realizó un estudio de secado de plantas medicinales con el empleo de un secador solar multipropósito ubicado en la Estación Experimental de Plantas Medicinales "Dr. Juan Tomás Roig" entre cuyas ventajas, según el fabricante, está el gasto energético mínimo, el 30 por ciento de la energía total que se utiliza. Para los experimentos se seleccionaron aquellas especies que por su gran demanda se cultivan en mayores cantidades: flores de Calendula officinalis L. y de Matricaria recutita L., hojas de Plantago lanceolata L. y follaje de Parthenium hysterophorus L. Todo el material se recogió en areales silvestres de la citada estación. La investigación se desarrolló entre el 10 febrero y el 13 marzo de 2003, período obligado para realizarla pues por sus requerimientos estas especies se cultivan en la época invernal en Cuba. Paralelamente a la desecación en el equipo, se secaron muestras al aire y a la sombra, al sol directamente y en estufa de aire recirculado. Se determinó el tiempo de secado y el gasto energético, las características organolépticas, color y aroma, para evaluar la calidad de la droga seca y los índices farmacognósticos humedad, cenizas totales y principios activos que se compararon con los de las Normas Ramales establecidas en cada una de las especies estudiadas excepto en P. hysterophorus en que se utilizaron datos experimentales. Los resultados demostraron que con el empleo del secador solar multipropósito se obtiene una droga de alta calidad y se produce un ahorro energético considerable
Descritores: Calendula
Tinturas Vegetais Secas
Matricaria
Parthenium hysterophorus
Plantago
Plantas Medicinais
Energia Solar
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  7 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-406832
Autor: Paterniani, José Euclides Stipp; Silva, Marcelo Jacomini Moreira da.
Título: Desinfecção de efluentes com tratamento terciário utilizando energia solar (SODIS): avaliação do uso do dispositivo para concentração dos raios solares / Disinfection of effluent of wastewater treated using solar energy (SODIS): evaluation of a solar concentrator device
Fonte: Eng. sanit. ambient;10(1):9-13, jan.-mar. 2005. ilus, graf.
Idioma: pt.
Resumo: A energia solar, além de ser uma fonte natural disponível, é perfeitamente aplicável para desinfecção de águas em regiões menos favorecidas em infra-estrutura e recursos financeiros, uma vez que não há necessidade da dosagem de produtos químicos e não há custo já que materiais comerciais descartados podem ser reutilizados. O presente trabalho utilizou garrafas PET transparentes com a metade pintada de preto, sendo consideradas como variáveis do processo de desinfecção por ação da luz solar: tempos de exposição 1, 2, 4 e 6 horas e o uso de um concentrador de raios solares. Os parâmetros de controle do processo de desinfecção foram turbidez, cor aparente, temperatura, coliformes totais e E. coli, sendo os três últimos parâmetros avaliados antes e após o processo. Para a avaliação de reativação bacteriana a água foi armazenada em moringas de mesa por 24 horas, simulando uma situação comum nas residências rurais brasileiras. Os resultados mostraram que o uso do concentrador solar permite reduzir o tempo de exposição ao sol de 6 para 4 horas, sem prejuízo da eficiência do SODIS. Sendo utilizado o concentrador solar com tempo de exposição de 6 horas tem-se, além do processo de desinfecção, o processo de pasteurização solar (SOPAS), permitindo assim a utilização deste para potabilização da água. Também foi observado que a presença de nuvens reduz a incidência de radiação solar e, portanto, a eficiência do SODIS. Esta última ocorre mesmo com a água atingindo temperatura mais elevada durante a desinfecção.
Descritores: APPROPRIATE TECHNOLOGY
Saneamento Rural
Energia Solar
Efluentes Terciários
Desinfecção da Água
Controle da Qualidade da Água
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR559.1 - Centro de Informação e Documentação em Saúde


  8 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-368412
Autor: Quintero M., Vladimir.
Título: Programa de administracion de recursos energeticos PARE: Manual general de implementacion / Managing energy resources: Manual for its implementation.
Fonte: San José; Organización Panamericana de la Salud; 1990. 278 p. ilus.
Idioma: es.
Descritores: Conservação de Recursos Energéticos
Eletricidade
Indústrias
Administração Pública
-Costa Rica
Coleta de Dados
Energia Solar
Seguimentos
Sistemas de Informação
Serviço Hospitalar de Engenharia e Manutenção
Organização e Administração
Inquéritos e Questionários
Responsável: US1.1 - HQ Library
BR1.1/1990.00; US1.1, PAHO COLL/COR/NSP/90-01; CR 3.1, COR/CD


  9 / 19 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-307219
Autor: Ordoñez, J. Hernando.
Título: Estado vital de la materia: su origen, su evolución y su futuro / Vital status of the substance: its origin, evolution and future
Fonte: Medicina (Bogotá);23(55):14-20, abr. 2001.
Idioma: es.
Resumo: Hace algunas observaciones sobre un estado de la materia (estado vital) propuesto para reemplazar el de materia viva, que se usa habitualmente. La materia en estado vital se organiza por una fuerza interna, calificada como inteligente, que hace que los átomos se orienten y se organicen con determinada finalidad para fabricar células, para moelar órganos y, éstos, para culminar su obra integrándose con la armonía más admirable, para constituírse en organismos ya sea vegetales o animales. Los planetas no tienen materia en estado vital; son masas que giran y giran, aprentemente sin finalidad conocida. En cambio, en nuestro planeta una buena parte de su masa adquirió vida, lo que llamanos biomasa, que abarca todos los organismos vivos, tanto vegetales como animales, en una proporción tal que si se pudiera calcular su peso nos daría cifras astronómicas.
Descritores: Evolução Biológica
Biomassa
Morfogênese
Mutagênese
Biogênese de Organelas
Energia Solar
Responsável: CO5.1 - Centro de Información y Conocimiento


  10 / 19 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-279161
Autor: Bueno, Rui Cesar Rodrigues.
Título: Biossólido: processo de reduçäo adicional de patógenos com a utilizaçäo de energia solar / Solid wastes: adictional reduction process of pathogens using solar energy.
Fonte: Säo Paulo; s.n; 2000. 156 p. tab, ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de Säo Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Saúde ambiental para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Apresenta levantamento bibliográfico das fases envolvidas no tratamento de esgotos sanitários, caracterizando o biossólido produzido, seus principais compostos, processos de desidrataçäo, formas de disposiçäo e o uso agrícola. Experimentalmente, apresenta os resultados de dois processos de desinfecçäo ou desinfestaçäo a partir do uso de Energia Solar. As técnicas consistem em reduzir o número de organismos patogênicos presentes no biossólido, coliformes totais, E. colli, helmintos, protozoários, com a utilizaçäo de energia solar. Para tanto, o biossólido foi exposto aos raios solares, através da técnica Solarizaçäo (Katan, 1991), empregando-se cobertura de filme plástico transparente, e técnica de Coletor Solar (Ghini, 1991, 93 e 97), o qual é composto de tubos de ferro galvanizado ou alumínio que permitem a elevaçäo da temperatura, a partir de sua exposiçäo à energia solar. O Coletor Solar é indicado para pequenas unidades. Foram obtidos valores de temperatura acima de 50§C, favorecendo a desinfecçäo do biossólido, mas apresenta certas dificuldades operacionais. Com a técnica de Solarizaçäo, foram obtidos resultados de reduçäo para coliformes e E. colli de até 99,99 por cento, caracterizando-o como de classe A, para profundidades menores ou iguais a 0,10 m e tempo de exposiçäo de 15 dias. Para ovos de helmintos e cistos de protozoários foram verificadas reduçöes maiores que 80 por cento
Descritores: Águas Residuárias
Desidratação de Lodos
Tratamento de Lodos
Energia Solar
Resíduos Sólidos
-Uso de Resíduos Sólidos
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência
BR67.1/ 628.16*87; BR67.1/Mtr 939



página 1 de 2 ir para página        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde